Trecho EF

NOVO CENTRO A proposta para o Novo Centro pretende reverter a tendência de privatização, que esse espaço público vem sofrendo desde o início da década de 1990, após o engavetamento do “Projeto Ágora” de Oscar Niemeyer, e o loteamento imobiliário de parte do antigo pátio de manobras da ferrovia. Atualmente ocupada por um árido estacionamento para veículos individuais, retomamos esse espaço para uso das pessoas, prevendo extensas áreas verdes e um desenho de piso, que prolonga a estampa geométrica proposta para todo o Eixo. A linha central, que abraça o Obelisco Novo Centro se estende até chegar à Vila Olímpica. Integrando-se ao terminal intermodal, por meio de circulações verticais, e ligando-se à porção sul do Eixo Monumental, o Novo Centro contemplará atividades culturais e recreativas. A nova praça é um local para o lazer das pessoas, com foco especial nas crianças. Com jatos de água acoplados ao chão, as pessoas poderão passar um tempo agradável se refrescando, tirando fotos e resgatando suas raízes de criança. Os esguichos possuem acionamento automático e lâmpadas de LED coloridas que a noite iluminam e enriquecem a paisagem. Há um sistema de drenagem, um conjunto de motores bombas com filtros e um reservatório ligado à captação de água. A água coletada passa por processo de tratamento e filtragem para ser reutilizada. A área do Novo Centro também servirá a eventos itinerantes, com pontos de apoio de água e luz.

Uma das sugestões para a viabilização da área pública no Novo Centro é a modificação do zoneamento dos terrenos que abrigarão o equipamento cultural de "Zona Especial 1 C" para "Zona Especial 1 C não comercial", de forma a garantir a implantação de atividades culturais nesse espaço, atendendo ao interesse público. Recomendamos também que no novo equipamento cultural seja previsto um espaço para abrigar a "Gerência do Patrimônio Histórico de Maringá", com exposições de documentos, fotos e demais informações sobre a história da cidade, sobretudo da memória ferroviária e os diversos projetos para a área. Esse espaço poderá ser inovador, com novas tecnologias museográficas, com um Arquivo e um Centro de documentação e pesquisa, que ainda são inexistentes na cidade, segundo dados do IPARDES (2018). Um espaço do futuro, que tem um olhar para seus antepassados. É urgente que a população de Maringá se conscientize sobre a preservação de seu patrimônio, e isso pode ser incentivado com o fácil acesso à sua história.

ESPAÇO RECREATIVO Um equipamento lúdico e interativo foi proposto para estimular o exercício físico e as relações sociais, tendo como público alvo as crianças. Nichos coloridos, construídos na estrutura de concreto armado, podem ser usados para sentar, descansar ou ler um livro. Espaços para pequenas escaladas, cordas e escorregadores também fazem parte da brincadeira. Esse espaço poderá futuramente fazer uma conexão com o equipamento cultural que será construído no mesmo terreno, sendo sua extensão na praça. TRAVESSA JORGE AMADO A Travessa Jorge Amado será um local de conexão das diferentes histórias da cidade (o Novo Centro e a Vila Olímpica), contando com projeto de paisagismo e desenho de piso. Isso estabelecerá uma continuidade com as linhas norteadoras da paginação e o fluxo de pessoas provindas do terminal intermodal, criando ainda espaços agradáveis que prolongarão o expediente noturno no Mercadão Municipal, um edifício de interesse histórico onde a partir da década de 1960 funcionava a Cerealista Tamandaré. Os usuários da travessa poderão também apreciar apresentações musicais e artísticas, que lá acontecem. Há a previsão de bicicletários, bebedouros e bancos de descanso.

mobiliário infantil equipamentos recreativos criados para complementar os espaços verdes, incentivando o uso e permanência das crianças. Contará com parede de escalada, nichos e escorregador.

1

elevação lateral

2

3

planta baixa LEGENDA

IMPLANTAÇÃO TRECHO EF esc. 1:750

0

10

50

N 100

eventos itinerantes

ciclovia

1 2

área permeável

3

reserva equipamento cultural

previsão VLT

recreação infantil

04 05

Trecho EF

NOVO CENTRO A proposta para o Novo Centro pretende reverter a tendência de privatização, que esse espaço público vem sofrendo desde o início da década...

6MB Sizes 0 Downloads 0 Views

Recommend Documents

trecho ef infraestrutura ativa
av. joão paulino vieira filho av. tamandaré av. tamandaré terminal intermodal centro cultural mercadão de maringá pontif

trecho c trecho c av. getúlio vargas trecho c praça
... PARTITURA MUSICAL. COMO INSPIRÇÃO PARA ESSE. DESENHO. IMAGEM DE REFERÊNCIA - COBERTURA VERDE. HIGH LINE PARK - NEW Y

trecho e trecho e trecho f trecho f novo centro trecho e
01. 06. 02. 07. 03. 08. 09. 10. 04. 05. PERGOLADOS “TEMÁTICOS”. PRAÇA DAS ARTES. -FEIRAS DE ARTESANATOS. -PERFORMANCE. C

EF
XT2-XT4 III. Ue>440 V. Ue>440 V. XT2-XT4. I. SACE Tmax | ABB. Ue

trecho d praça raposo tavares trecho g trecho g
ÉPOCA DE FLORAÇÃO. ESPÉCIE. JANEIRO. FEVEREIRO. MARÇO. ABRIL. MAIO. JUNHO. JULHO. AGOSTO. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO ...N

planta geral 1:2000 trecho B trecho A trecho C trecho
planta geral 1:2000 trecho B trecho A trecho C trecho D trecho F. 0. 15. 30. 60m. MARINGÁ/PR. Com um traçado urbanístico

Planta Trecho G Planta Trecho G ALTERNATIVA
Estacionamento Redesenhado. Borda redesenhada abrigando extensão da Ciclovia ... de metal e madeira de arquibancadas efê

Trecho CD
encontrarão conforto nos prédios históricos e nos módulos de alimentos e de ... o histórico dos constantes movimentos do

no trecho
Na Boleia. Publicação bimestral com aval de exclusividade e o apoio do Grupo CCR, produzida pela ..... nárias CCR Ponte,

corte longitudinal - trecho ab
PERSPECTIVA PRAÇA DEPUTADO RENATO CELIDÔNIO. PERSPECTIVA AVENIDA ... ENTRE A ÁREA DE ESTACIONAMENTO E O CENTRO CÍVICO. O