SC

Edição N° 2238

Segunda-feira - 24 de Abril de 2017

Florianópolis/SC

Sumário Municípios Abdon Batista.................................................3 Agronômica....................................................4 Água Doce......................................................8 Alto Bela Vista.................................................9 Anchieta....................................................... 10 Anita Garibaldi.............................................. 12 Antônio Carlos.............................................. 13 Apiuna.......................................................... 14 Arroio Trinta.................................................. 21 Ascurra......................................................... 23 Balneário Piçarras.......................................... 24 Balneário Rincão........................................... 26 Barra Bonita.................................................. 30 Barra Velha................................................... 31

Formosa do Sul........................................... 194 Forquilhinha................................................ 195 Fraiburgo.................................................... 198 Frei Rogério................................................ 209 Galvão........................................................ 210 Garopaba................................................... 211 Garuva....................................................... 218 Gaspar....................................................... 223 Governador Celso Ramos............................. 232 Grão Pará................................................... 234 Guaraciaba................................................. 235 Guaramirim................................................. 237 Herval d'Oeste............................................ 238 Ibiam......................................................... 256

Nova Itaberaba........................................... 420 Nova Trento................................................ 421 Novo Horizonte........................................... 435 Otacílio Costa.............................................. 437 Ouro.......................................................... 438 Ouro Verde................................................. 439 Paial........................................................... 440 Palhoça...................................................... 441 Palma Sola.................................................. 442 Palmitos..................................................... 443 Passo de Torres........................................... 445 Passos Maia................................................ 446 Paulo Lopes................................................ 447 Penha......................................................... 449

Bela Vista do Toldo........................................ 40 Benedito Novo.............................................. 42 Biguaçu........................................................ 44 Blumenau..................................................... 50 Bom Jesus do Oeste...................................... 66 Bom Retiro................................................... 67 Botuvera....................................................... 69 Braço do Trombudo....................................... 70 Brusque........................................................ 72 Caçador........................................................ 79 Camboriú...................................................... 83 Campo Alegre............................................... 85 Campo Erê.................................................... 86 Campos Novos.............................................. 88 Canelinha..................................................... 94 Canoinhas.................................................... 95 Capinzal..................................................... 114 Catanduvas................................................. 121 Caxambu do Sul.......................................... 124 Celso Ramos............................................... 125 Chapadão do Lageado................................. 129 Cocal do Sul................................................ 131 Concórdia................................................... 133 Cordilheira Alta........................................... 137 Coronel Freitas............................................ 140 Coronel Martins........................................... 141 Correia Pinto............................................... 142 Corupá....................................................... 145 Cunha Porã................................................. 147 Curitibanos................................................. 151 Descanso.................................................... 154 Dionisio Cerqueira....................................... 164 Doutor Pedrinho.......................................... 170 Erval Velho................................................. 171 Flor do Sertão............................................. 180

Ilhota......................................................... 257 Imarui........................................................ 258 Imbituba.................................................... 259 Indaial........................................................ 261 Iomerê....................................................... 266 Ipuaçú........................................................ 271 Ipumirim.................................................... 276 Iratí............................................................ 277 Irineópolis.................................................. 278 Itá............................................................. 280 Itaiópolis.................................................... 281 Itapema..................................................... 282 Itapiranga................................................... 284 Itapoá........................................................ 287 Jaborá........................................................ 291 Jacinto Machado......................................... 292 Jaraguá do Sul............................................ 293 Joaçaba...................................................... 362 Lages......................................................... 370 Laguna....................................................... 371 Lajeado Grande........................................... 372 Lauro Muller............................................... 373 Lebon Regis................................................ 390 Lindóia do Sul............................................. 392 Lontras....................................................... 393 Luzerna...................................................... 394 Mafra......................................................... 395 Maracajá.................................................... 396 Maravilha.................................................... 398 Massaranduba............................................. 399 Meleiro....................................................... 405 Modelo....................................................... 407 Mondaí....................................................... 408 Morro da Fumaça........................................ 409 Navegantes................................................. 410

Peritiba....................................................... 463 Pinheiro Preto............................................. 466 Piratuba...................................................... 468 Planalto Alegre............................................ 470 Pomerode................................................... 472 Ponte Serrada............................................. 484 Porto Belo................................................... 488 Porto União................................................. 489 Pouso Redondo........................................... 492 Presidente Nereu......................................... 494 Princesa..................................................... 498 Rio das Antas.............................................. 502 Rio dos Cedros............................................ 535 Rio do Sul................................................... 503 Rio Fortuna................................................. 536 Salto Veloso................................................ 537 Santa Cecilia............................................... 539 Santa Rosa do Sul....................................... 540 Santa Terezinha do Progresso...................... 541 Santiago do Sul........................................... 542 São Bento do Sul......................................... 544 São Bonifácio.............................................. 552 São Carlos.................................................. 559 São Cristóvão do Sul.................................... 560 São Domingos............................................. 561 São João Batista.......................................... 563 São João do Oeste...................................... 564 São Joaquim............................................... 565 São José..................................................... 569 São José do Cedro....................................... 575 São Lourenço do Oeste................................ 579 São Miguel da Boa Vista.............................. 586 São Miguel do Oeste.................................... 587 São Pedro de Alcântara................................ 589 Schroeder................................................... 593

CIGA - Consórcio de Informática na Gestão Pública Municipal Rua Gen. Liberato Bittencourt, n.º 1885 - Sala 1307, Canto - CEP 88070-800 - Florianópolis / SC http://diariomunicipal.sc.gov.br Atendimento: Fone/Fax (48) 3321 5300 [email protected]

/ Assinatura Digital

Digitally signed by CONSORCIO DE INFORMATICA NA GESTAO PUBLICA MUNICI:09427503000112 DN: c=BR, st=SC, l=FLORIANOPOLIS, o=ICPBrasil, ou=Secretaria da Receita Federal do Brasil - RFB, ou=ARCORREIOS, ou=RFB e-CNPJ A3, cn=CONSORCIO DE INFORMATICA NA GESTAO PUBLICA MUNICI:09427503000112 Date: 2017.04.24 14:08:58 -03'00'

Edição N° 2238

Segunda-feira - 24 de Abril de 2017

Florianópolis/SC

Sumário Serra Alta................................................... 610 Sombrio...................................................... 615 Sul Brasil.................................................... 617 Tangará...................................................... 618 Tigrinhos.................................................... 619 Tijucas....................................................... 620 Timbé do Sul.............................................. 623

Timbó........................................................ 624 Treze Tílias................................................. 640 Tunápolis.................................................... 641 Urussanga.................................................. 644 Vargeão...................................................... 645 Vargem Bonita............................................ 646 Vidal Ramos................................................ 647

Consórcios AGIR.......................................................... 682 CIGA.......................................................... 682 CIMVI......................................................... 683 CIS Nordeste.............................................. 683 CIS/AMFRI.................................................. 684 CIS/AMOSC................................................ 685 CIS/AMURES............................................... 686 Consórcio Quiriri.......................................... 686 CVC............................................................ 687 CIAPS......................................................... 722

CIGA - Consórcio de Informática na Gestão Pública Municipal Rua Gen. Liberato Bittencourt, n.º 1885 - Sala 1307, Canto - CEP 88070-800 - Florianópolis / SC http://diariomunicipal.sc.gov.br Atendimento: Fone/Fax (48) 3321 5300 [email protected]

Videira........................................................ 648 Vitor Meireles.............................................. 654 Xanxerê...................................................... 658 Xavantina................................................... 667 Xaxim......................................................... 677 Zortéa........................................................ 679

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 3

Abdon Batista Prefeitura PREGÃO PRESENCIAL 72/2017

MUNICIPIO DE ABDON BATISTA – SC RESUMO EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO ADMINISTRATIVO 92/2017 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 72/2017 Objeto: AQUISIÇÃO DE PEÇAS PARA MANUTENÇÃO DO CAMINHÃO ATRON 2729, PLACA 2729, DA FROTA DA SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS. TIPO :Menor preço por ITEM. Abertura da Sessão: 14:00hs. do dia 05 de maio de 2017 Informações complementares e Edital obedecendo as normas e artigos da Lei 8.666/93, Lei 10.520/02 e suas alterações, estarão a disposição dos interessados no Setor de Compras e Licitações na Prefeitura Municipal sito à Rua João Santin n°30, Centro ou fone fax 49 3545 11 33, das 08:00 as 12:00 e das 13:00 as 17:00 hs. e site do município www. abdonbatista.sc.gov.br Abdon Batista, SC, 19 de abril de 2017 Lucimar Antonio Salmoria Prefeito Municipal

PREGÃO PRESENCIAL 73/2017

MUNICIPIO DE ABDON BATISTA – SC RESUMO EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO ADMINISTRATIVO 93/2017 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 73/2017 Objeto: Registro de preços para contratação de empresa especializada para serviços de perfuração e detonação com o emprego de materiais explosivos e acessórios, para desmontar 2.000 m³ de rocha, para terraplenagem do terreno e canchas e estradas. TIPO :Menor preço por ITEM. Abertura da Sessão: 14:00hs. do dia 08 de maio de 2017 Informações complementares e Edital obedecendo as normas e artigos da Lei 8.666/93, Lei 10.520/02 e suas alterações, estarão a disposição dos interessados no Setor de Compras e Licitações na Prefeitura Municipal sito à Rua João Santin n°30, Centro ou fone fax 49 3545 11 33, das 08:00 as 12:00 e das 13:00 as 17:00 hs. e site do município www. abdonbatista.sc.gov.br Abdon Batista, SC, 19 de abril de 2017 Lucimar Antonio Salmoria Prefeito Municipal

RESULTADO DE PROCESSO DISPENSA DE LICITAÇÃO N. 10/2017 RESULTADO DE PROCESSO DISPENSA DE LICITAÇÃO N. 10/2017

A prefeitura Municipal de Abdon Batista/SC, torna público o resultado do processo cujo objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA ORGANIZAÇÃO DO ENCONTRO REGIONAL DE VIOLEIROS CONFORME A PROGRAMAÇÃO DO MUNICIPIO DE ABDON BATISTA NOS 28 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLITICO ADMINISTRATIVO DO MUNICIPIO. EMPRESA : L.C.L EVENTOS LTDA - ME VALOR TOTAL: 5.000,00 (CINCO MIL E REAIS) Abdon Batista, SC, 19 de abril de 2017 Lucimar Antonio Salmoria Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 4

Agronômica Prefeitura AVISO DE EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 1/2017 PREFEITURA MUNICIPAL DE AGRONÔMICA – SC CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 1/2017 - CONCESSÃO DE USO

Objeto: CONCESSÃO PARA A EXPLORAÇÃO COMERCIAL DE BAR E LANCHONETE DO GINÁSIO DE ESPORTES GERARD HUGO FERNANDO TSCHUMI, PERTENCENTE AO MUNICIPIO E BENFEITORIAS NELE EXISTENTES. Abertura dos envelopes: 25/05/2017 as 09:00h. Local: Rua Sete de Setembro, 215, Setor de Licitações. Local para a obtenção do edital: na Prefeitura Municipal, pelo e-mail: [email protected], ou no site www.agronomica.sc.gov.br. Maiores informações: (47) 3542 0166 Agronômica, em 20 de abril de 2017. CESAR LUIZ CUNHA - Prefeito Municipal

PORTARIA Nº 196/2017

PORTARIA Nº 196/2017 DE 24 DE ABRIL DE 2017 CESAR LUIZ CUNHA, Prefeito Municipal, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e amparado no que determina a Lei Complementar n.º 01 de 31/10/90 e suas alterações posteriores, Considerando que o poder discricionário e regulamentador inerente ao Poder Executivo Municipal permitem-lhe editar e fazer cumprir normas e atos gerais sobre o funcionamento interno/externo no âmbito da administração pública municipal, fulcro princípios Constitucionais da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência, na administração pública, Considerando fundadas razões, conforme consta em memorando exarado pela escrivaninha do Departamento de Educação, Cultura e do Desporto, Considerando que para o correto desempenho do relevante serviço público prestado nos Núcleos Escolares do Município, face o número de alunos regularmente matriculados naqueles estabelecimentos,

GABINETE DO PREFEITO, 24 de abril de 2017. CESAR LUIZ CUNHA Prefeito Municipal

PORTARIA Nº 198/2017

PORTARIA n.º 198/2017 DE 24 DE ABRIL DE 2017. CESAR LUIZ CUNHA, Prefeito Municipal usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e amparado no que determina a Lei Complementar nº 01 de 31/10/90, Lei Complementar nº 02/92 de 16/04/91, todas com alterações posteriores e, Considerando que cabe ao município editar e fazer cumprir normas gerais sobre o funcionamento interno/externo no âmbito da administração pública municipal, Considerando que para o desempenho de atividades laborais a que foram investidos no ato da posse para com a administração pública municipal, os servidores, se encontram amparados e submetidos ao que dispõe o Estatuto dos Servidores Públicos Municipais da lei Complementar nº 01/90 de 31/10/90, Lei Complementar nº 02/91 de 16/04/91, todas com alterações posteriores, Considerando o atendimento das necessidades que urgem haja vista as ações a serem desenvolvidas por esta fazenda pública municipal no âmbito do Departamento de Obras. Considerando ainda, o disposto no Art. 37, seus incisos e Parágrafos, Art. 38 e incisos Art. 39 e parágrafos da CF/88 bem como as Emendas Constitucionais correlatas, RESOLVE: 1-) Fica nomeado a partir de 24/04/2017 (vinte e quatro de abril de dois mil e dezessete), o Sr. JIAN CARLOS BRIGNOLI, brasileiro, domiciliada nesta comarca, residente na valada gropp, nesta, portadora da carteira de identidade nº 5.654.572, inscrito no CPF sob o nº 091.453.479-30 que se encontra em dia com suas obrigações eleitorais para ocupar o cargo de provimento em comissão, CHEFE ADMINISTRATIVO – DAS 04 e lotação no Departamento de obras. 2-) Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Comunique-se, registre-se e cumpra-se.

Considerando fator imprescindível, mantermos a qualidade do serviço que ali ofertamos e prestamos ao alunado,

GABINETE DO PREFEITO, 24 de ABRIL de 2017. CESAR LUIZ CUNHA Prefeito Municipal

Considerando o disposto no Art. 21º, da Lei Complementar n.º 51/2010 de 06/04/2010, conforme as anteriores fundadas razões,

PORTARIA Nº195/2017

RESOLVE: 1-) Fica a partir de 01/04/2017, (primeiro de abril de dois mil e dezessete) até 30/04/2017 (trinta de abril de dois mil e dezessete), alterada de 20 (vinte) para 40 (quarenta) horas semanais, a jornada laboral da servidora municipal Sra. MARILETE MACHADO, Matrícula nº 271, ocupante do cargo de provimento efetivo merendeira, e lotação no Departamento da Educação, Cultura e do Desporto. 2-) Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Comunique-se, registre-se e cumpra-se.

ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA Nº 195/2017 DE 24 DE ABRIL DE 2017 CESAR LUIZ CUNHA, Prefeito Municipal, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e amparado no que determina a Lei Complementar n.º 01 de 31/10/90 e suas alterações posteriores, Considerando que o poder discricionário e regulamentador inerente ao Poder Executivo Municipal permitem-lhe editar e fazer cumprir normas e atos gerais sobre o funcionamento interno/externo no âmbito da administração pública municipal, fulcro princípios Constitucionais da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência, na administração pública, www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Considerando fundadas razões, conforme consta em memorando exarado pela escrivaninha do Departamento de Educação, Cultura e do Desporto, Considerando que para o correto desempenho do relevante serviço público prestado nos Núcleos Escolares do Município, face o número de alunos regularmente matriculados naqueles estabelecimentos, Considerando fator imprescindível, mantermos a qualidade do serviço que ali ofertamos e prestamos ao alunado, Considerando o disposto no Art. 21º, da Lei Complementar n.º 51/2010 de 06/04/2010, conforme as anteriores fundadas razões, RESOLVE: 1-) Fica a partir de 01/04/2017, (primeiro de abril de dois mil e dezessete) até 30/04/2017 (trinta de abril de dois mil e dezessete), alterada de 20 (vinte) para 40 (quarenta) horas semanais, a jornada laboral da servidora municipal Sra. SIBILE MAIBERG, Matrícula nº 390, ocupante do cargo de provimento efetivo merendeira, e lotação no Departamento da Educação, Cultura e do Desporto. 2-) Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Comunique-se, registre-se e cumpra-se. GABINETE DO PREFEITO, 24 de Abril de 2017. CESAR LUIZ CUNHA Prefeito Municipal

PORTARIA Nº197/2017

PORTARIA Nº 197/2017 DE 24 DE ABRIL DE 2017 CESAR LUIZ CUNHA, Prefeito Municipal usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e amparado no que determina a Lei Complementar nº 01 de 31/10/90, Lei Complementar nº 02/92 de 16/04/91, todas com alterações posteriores e,

Página 5

GABINETE DO PREFEITO, em 24 de março de 2017. CESAR LUIZ CUNHA Prefeito Municipal

PORTARIA Nº199/2017

PORTARIA Nº 199/2017 DE 24 DE ABRIL DE 2017 CESAR LUIZ CUNHA, Prefeito Municipal, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e amparado no que determina a Lei Complementar n.º 01 de 31/10/90 e suas alterações posteriores, Considerando que o poder discricionário e regulamentador inerente ao Executivo Municipal, o autoriza editar e fazer cumprir normas e atos gerais sobre o funcionamento interno/externo da administração pública municipal, fulcro princípios Constitucionais da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência na administração pública, Considerando o disposto em atestado médico, como resultado de procedimento médico o que foi submetido o servidor municipal Sr. MIRTES SCHLUP, matrícula n.º 406 E 227 ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor com lotação no Departamento de educação. Considerando também o disposto na legislação previdenciária do Regime Geral da Previdência Social, para a qual, e que pela Edição da Lei Complementar n.º 07/2000 de 31/05/2000, Art. 1º “caput” foram filiados todos os servidores da municipalidade, RESOLVE: 1-) Homologa este ato, onde se concede licença médica, sendo remunerada os primeiros quinze dias, iniciando-se em 20/04/2017 e até 04/05/2017, após este período será encaminhado à Pericia Médica junto a MIRTES SCHLUP, matrícula n.º 406 E 227 ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor com lotação no Departamento de educação. 2-) Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Comunique-se, registre-se e cumpra-se.

Considerando que o poder discricionário e regulamentador inerente ao Executivo Municipal, o autoriza editar e fazer cumprir normas e atos gerais sobre o funcionamento interno/externo da administração pública municipal, fulcro princípios Constitucionais da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência na administração pública,

GABINETE DO PREFEITO, em 24 de ABRIL de 2017 CESAR LUIZ CUNHA Prefeito Municipal

Considerando o requerimento da servidora municipal Sra. CLEIZI DIANA RECH matrícula nº 586, ocupante do cargo de provimento efetivo de Auxiliar administrativo , com carga horária de 40 hs e lotação no Departamento de Saúde.

PORTARIA Nº 200/2017 DE 24 DE ABRIL 2017.

Considerando a lei Complementar n.º 115/2017 de 11/04/2017, Art. 86 –A. RESOLVE: 1-) Conceder Prorrogação de Licença Maternidade pelo período de sessenta dias, iniciando-se em 18/07/2017 até 15/09/2017, para a servidora municipal Sra. CLEIZI DIANA RECH matrícula nº 586, ocupante do cargo de provimento efetivo de AUXILIAR ADMINISTRATIVO , com carga horária de 40 hs e lotação no Departamento de Saúde. 2-) Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Comunique-se, registre-se e cumpra-se.

ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA Nº200/2017

CESAR LUIZ CUNHA, Prefeito Municipal, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e amparado no que determina a Lei Complementar n.º 01 de 31/10/90 e suas alterações posteriores, Considerando que cabe a administração municipal editar e fazer cumprir normas gerais sobre o funcionamento interno/externo no âmbito da administração pública municipal, Considerando o disposto no Art. 94 “caput”, da lei Complementar n.º 01/90 de 31/10/90 e suas alterações posteriores, que prevê a concessão a cada qüinqüênio de exercício ininterrupto do servidor, o direito de usufruir três meses de licença remunerada, a titulo de premio por assiduidade, Considerando que o parágrafo 1º, do Art. anterior, faculta ao servidor o parcelamento do gozo da referida licença, na proporção de trinta dias por exercício, www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Considerando também o disposto no parágrafo 5º, do Art. 94 da Lei Complementar n.º 01/90, dispositivo este, que possibilita a conversão em pecúnia total ou parceladamente, na fração de um mês a cada ano, do período de licença prêmio, Considerando que a servidora desta municipalidade Sra. MARLENE MARIA FELIPPE MENEGHETTI matrícula n.º 403 ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor, lotado no Departamento de Educação, conta a seu crédito noventa dias de licença prêmio por assiduidade, fundada no exercício de suas atividades laborais no quinquênio 01/04/2008 a 01/04/2013, sem faltas, atrasos, licenças que interrompam ou suspendam seu contrato de trabalho, nem sansões de ordem disciplinar, Considerando ainda, atendimento a solicitação do servidor, conforme requerimento já anteriormente protocolizado nesta municipalidade, RESOLVE: 1-) Ficam concedidos 30 (trinta) dias de licença a título de premio em PECUNIA, inclusa na folha competência 04/2017, que referemse ao quinquênio 01/04/2008 A 01/04/2013, restando ainda daquele quinquênio para utilização em exercícios subsequentes, 00 (ZERO) dias, e desta forma satisfazendo o requerimento protocolizado nesta municipalidade pela servidora municipal Sra. Sra. MARLENE MARIA FELIPPE MENEGHETTI matrícula n.º 403 ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor, lotado no Departamento de Educação. 2-) Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Comunique-se, registre-se e cumpra-se.

Página 6

crédito noventa dias de licença prêmio por assiduidade, fundada no exercício de suas atividades laborais no quinquênio 01/03/2003 a 01/03/2008, sem faltas, atrasos, licenças que interrompam ou suspendam seu contrato de trabalho, nem sansões de ordem disciplinar, Considerando ainda, atendimento a solicitação do servidor, conforme requerimento já anteriormente protocolizado nesta municipalidade, RESOLVE: 1-) Ficam concedidos 30 (trinta) dias de licença a título de premio em PECUNIA, inclusa na folha competência 04/2017, que referemse ao quinquênio 01/03/2003 A 01/03/2008, restando ainda daquele quinquênio para utilização em exercícios subsequentes, 00 (ZERO) dias, e desta forma satisfazendo o requerimento protocolizado nesta municipalidade pela servidora municipal Sra. VOLNICE REGINA FLAUSINO matrícula n.º 24 ocupante do cargo de provimento efetivo de FISCAL DE TRIBUTOS, OBRAS E POSTURAS , lotado no Departamento de PLANEJAMENTO. 2-) Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Comunique-se, registre-se e cumpra-se. GABINETE DO PREFEITO, 24 de ABRIL de 2017 CESAR LUIZ CUNHA Prefeito Municipal

PORTARIA Nº202/2017

PORTARIA Nº 202/2017 DE 24 DE ABRIL DE 2017.

GABINETE DO PREFEITO, 24 de abril 2017 CESAR LUIZ CUNHA Prefeito Municipal

CESAR LUIZ CUNHA, Prefeito Municipal, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e amparado no que determina a Lei Complementar n.º 01 de 31/10/90 e suas alterações posteriores,

PORTARIA Nº201/2017

Considerando que cabe a administração municipal editar e fazer cumprir normas gerais sobre o funcionamento interno/externo no âmbito da administração pública municipal,

PORTARIA Nº 201/2017 DE 24 DE ABRIL DE 2017. CESAR LUIZ CUNHA, Prefeito Municipal, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e amparado no que determina a Lei Complementar n.º 01 de 31/10/90 e suas alterações posteriores, Considerando que cabe a administração municipal editar e fazer cumprir normas gerais sobre o funcionamento interno/externo no âmbito da administração pública municipal, Considerando o disposto no Art. 94 “caput”, da lei Complementar n.º 01/90 de 31/10/90 e suas alterações posteriores, que prevê a concessão a cada qüinqüênio de exercício ininterrupto do servidor, o direito de usufruir três meses de licença remunerada, a titulo de premio por assiduidade, Considerando que o parágrafo 1º, do Art. anterior, faculta ao servidor o parcelamento do gozo da referida licença, na proporção de trinta dias por exercício, Considerando também o disposto no parágrafo 5º, do Art. 94 da Lei Complementar n.º 01/90, dispositivo este, que possibilita a conversão em pecúnia total ou parceladamente, na fração de um mês a cada ano, do período de licença prêmio, Considerando que a servidora desta municipalidade Sra. VOLNICE REGINA FLAUSINO matrícula n.º 24 ocupante do cargo de provimento efetivo de FISCAL DE TRIBUTOS, OBRAS E POSTURAS , lotado no Departamento de PLANEJAMENTO, conta a seu ASSINADO DIGITALMENTE

Considerando o disposto no Art. 94 “caput”, da lei Complementar n.º 01/90 de 31/10/90 e suas alterações posteriores, que prevê a concessão a cada quinquênio de exercício ininterrupto do servidor, o direito de usufruir três meses de licença remunerada, a titulo de premio por assiduidade, Considerando que o parágrafo 1º, do Art. anterior, faculta ao servidor o parcelamento do gozo da referida licença, na proporção de trinta dias por exercício, Considerando também o disposto no parágrafo 5º, do Art. 94 da Lei Complementar n.º 01/90, dispositivo este, que possibilita a conversão em pecúnia total ou parceladamente, na fração de um mês a cada ano, do período de licença prêmio, Considerando que o servidor desta municipalidade Sr. JAIR SCHOEFER, matrícula n.º 286 ocupante do cargo de provimento efetivo de MOTORISTA , lotado no Departamento de SAÚDE, conta a seu crédito noventa dias de licença prêmio por assiduidade, fundada no exercício de suas atividades laborais no quinquênio 01/04/2004 a 01/04/2009, sem faltas, atrasos, licenças que interrompam ou suspendam seu contrato de trabalho, nem sansões de ordem disciplinar, Considerando ainda, atendimento a solicitação do servidor, conforme requerimento já anteriormente protocolizado nesta municipalidade,

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

RESOLVE: 1-) Ficam concedidos 30 (trinta) dias de licença a título de premio em PECUNIA, inclusa na folha competência 04/2017, que referem-se ao quinquênio 01/04/2004 A 01/04/2009, restando ainda daquele quinquênio para utilização em exercícios subsequentes, 00 (ZERO) dias, e desta forma satisfazendo o requerimento protocolizado nesta municipalidade pela servidora municipal Sra. JAIR SCHOEFER, matrícula n.º 286 ocupante do cargo de provimento efetivo de MOTORISTA , lotado no Departamento de SAÚDE. 2-) Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Comunique-se, registre-se e cumpra-se. GABINETE DO PREFEITO, 24 de ABRIL de 2017 CESAR LUIZ CUNHA Prefeito Municipal

Página 7

RETIFICAÇÃO PREGÃO N° 21 2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE AGRONÔMICA – SC PREGÃO PRESENCIAL 21/2017 AVISO DE RETIFICAÇÃO DO EDITAL RETIFICA o Edital de Pregão nº 21/2017, tendo como objeto: Contratação de empresa especializada na área de engenharia sanitária e ambiental para realizar a gestão dos resíduos sólidos, produzidos no perímetro urbano e rural do Município de Agronômica-SC, No anexo IX – Modelo de Atestado de Visita Técnica: ONDE SE LÊ: “Atestamos para os fins que se propõe o documento, em atendimento ao item 6.7.6.2 que na data de hoje ......../ ...... /2017 visitou o Município de Agronômica, na Departamento Municipal de Planejamento o Engenheiro ................................ , CREA nº ........................ , responsável técnico pela Empresa ........................, CNPJ nº ........................, onde o mesmo tomou conhecimento de todos os dados necessários a elaboração da sua proposta ao edital.” LEIA-SE: Atestamos para os fins que se propõe o documento, que na data de hoje ......../ ...... /2017 visitou o Município de Agronômica, na Departamento Municipal de Planejamento o Engenheiro ................... ............., CREA nº ........................ , responsável técnico pela Empresa ........................, CNPJ nº ........................, onde o mesmo tomou conhecimento de todos os dados necessários a elaboração da sua proposta ao edital.” CONSIDERAÇÕES: O referido atestado não será exigido como documento de habilitação, pois não consta como exigência no edital, se for apresentado pelas empresas em qualquer das duas formas acima, não será considerado como motivo para habilitar ou desabilitar nenhum participante. A data de abertura continua mantida para o dia 27/04/2017, até às 11:00 horas, pois a presente alteração não compromete a elaboração da proposta. Agronômica – SC, em 24/04/2017. CESAR LUIZ CUNHA Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 8

Água Doce Prefeitura 178/2017

PORTARIA Nº 178/2017 – DE 20 DE ABRIL DE 2017 “NOMEIA MEMBROS PARA INTEGRAR O CONSELHO MUNICIPAL DE ACOMPANHAMENTO E CONTROLE SOCIAL DO FUNDO DE MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA E VALORIZAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO”. ANTONIO JOSÉ BISSANI, Prefeito Municipal de Água Doce – SC. No uso de suas atribuições legais e em conformidade com o art. 24 da MP 339 de 28/12/06 e Lei Municipal nº 1.529 de 27/03/2007, RESOLVE: Art. 1º. Nomear os membros abaixo relacionados para integrar o Conselho Municipal de Acompanhamento e Controle Social do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e Valorização dos Profissionais da Educação – FUNDEB: - Representantes do Poder Executivo Municipal e da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte Titular: GLÁUCIA REGINA VARASCHIN Suplente: KÁRIN ANE CÔRSO Titular: MAGALI FERRETTI Suplente: IZABELA ANSILIERO - Representante dos Professores da Educação Básica Pública Municipal Titular: JOCERLEI ZATTERA Suplente: NEUSA DOS SANTOS - Representante dos Diretores das Escolas Públicas Municipais Titular: ADRIANA MARIA TONIAL PIAIA Suplente: LUCI MARA LUCHESE - Representante dos Servidores Técnico Administrativos das Escolas Públicas Municipais Titular: MARIA ISABEL SCHÜLLER Suplente: KAREN PADILHA - Representante de Pais de Alunos da Educação Básica Pública Municipal Titular: MARINÊS FERRONATO Suplente: FÁTIMA BORTOLINI PONTEL Titular: MARJORIE JEANE SETTI DE OLIVEIRA Suplente: ROSANE PUTTON FERREIRA HARTCOPF - Representantes dos Estudantes da Educação Básica Pública Municipal Titular: GESSICA APARECIDA COLAÇO Suplente: MARCOS DA SILVA Titular: ANDERSON CESAR NOGUEIRA Suplente: DAIANE TIBES DOS SANTOS - Representante do Conselho Municipal de Educação Titular: ZELAINE APARECIDA PELICIOLLI Suplente: KEILA LÚCIA DA SILVA ARRUDA - Representante do Conselho Tutelar Titular: SIMONE LORENCI DE OLIVEIRA Suplente: GISLAINE BREZOLIN TONIAL - Representante do Sindicato – SINSEADRE Titular: JAMES BEAL Suplente: MAÍRA RAMOS Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º. Revogam-se as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Água Doce, 20 de abril de 2017. ANTONIO JOSÉ BISSANI Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 9

Alto Bela Vista Prefeitura PREGÃO PRESENCIAL Nº 004/2017 FMS

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE ALTO BELA VISTA - SC AVISO DE LICITAÇÃO Modalidade: PREGÃO PRESENCIAL Nº. 004/2017 FMS Objeto: Registro de Preços para aquisição de formula infantil Neocate LCP. Tipo: Menor Preço Por Item. Recebimento das propostas: até as 08h50 do dia 09/05/2017. Abertura: às 09h do dia 09/05/2017. Informações complementares: o Edital em inteiro teor estará à disposição dos interessados na home page www.altobelavista.sc.gov.br, link “Licitações”. Informações complementares poderão ser obtidas no Departamento de Compras deste Município, situado na Rua do Comércio, 1015, Centro, de segunda a sexta em horário de expediente normal, ou pelo fone fax (49) 3455-9022. Alto Bela Vista, SC, 20 de abril de 2017. ADEMAR AMANT Gestor de FMS

RESOLUÇÃO Nº 001/2017, DE 21 DE MARÇO DE 2017- CMDCA

Resolução nº 001/2017, DE 21 DE MARÇO DE 2017 Aprova Plano Decenal dos Direitos Humanos da Criança e do Adolescente de Alto Bela Vista, SC – 2017 a 2026. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Alto Bela Vista, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais estabelecidas pela Lei nº 063 de 12 de agosto de 2014, e conforme deliberado em sessão plenária de 20 de março de 2017 constando em Ata n° 03/2017, e, CONSIDERANDO a Resolução n° 171/2014 do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente – CONANDA, que estabeleceu os parâmetros para discussão, formulação e deliberação dos planos decenais dos direitos humanos da criança e do adolescente em âmbito estadual, distrital e municipal, em conformidade com os princípios e diretrizes da Política Nacional de Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes e com os eixos e objetivos estratégicos do Plano Nacional Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes e alterou os prazos dispostos na Resolução N.º 161, de 03 de dezembro de 2013; CONSIDERANDO o Decreto Municipal nº 2208 de 20 de junho de 2016, do Município de Alto Bela Vista - SC, que instituiu a Comissão Intersetorial responsável pela elaboração do Plano Municipal Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes de Alto Bela Vista - SC, RESOLVE: Art. 1º - Aprovar o Plano Municipal Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes do Município de Alto Bela Vista, Estado de Santa Catarina para 2017-2026. Art. 2° - Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação, revogam-se as demais disposições em contrário. Alto Bela Vista, 21 de março de 2017 Ivoni Schneider Kaplan Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 10

Anchieta Prefeitura DECRETO Nº 045/2017

DECRETO Nº. 45 /2017, de 18 de abril de 2017 Autoriza a alteração do Plano Plurianual, a Lei de Diretrizes Orçamentárias e a Lei Orçamentária Anual, através da abertura de Crédito Adicional Especial na importância de até R$ 103.600,00 (cento e três mil e seiscentos reais), e contém outras providências. O Prefeito Municipal de Anchieta, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, Lei Municipal sob nº 2.310 de 10 de abril de 2017 e demais dispositivos constitucionais e legais, DECRETA TITULO I CAPÍTULO I DA ALTERAÇÃO ORÇAMENTÁRIA Art. 1º Fica alterada a LOA - Lei Orçamentária Anual nº. 2.289, de 09 de dezembro de 2016, Orçamento Geral do Município de Anchieta- (SC), através da abertura de um Crédito Adicional Especial, na importância de até R$ 103.600,00 (cento e três mil e seiscentos reais), em conformidade com os prescritos nesta Lei, instituindo-se para tal na matéria orçamentária em execução do Projeto/Atividade nº. 18.542.0455.2.049 – ADM. GERAL BENS E SERV. SISTEMA DE ESGOTO, PRES.E CONSERV. AMBIENTAL, incluindo-se para tal dotação Orçamentaria na Modalidade de despesas sob o código nº. 3.3.90.00 – Aplicações Diretas, objetivando atender a Convenio FUNASA Nº. 0492/2013, com a FUNASA – Fundação Nacional de Saúde, destinada ao desenvolvimento de ações de educação em saúde ambiental. CAPÍTULO II DO LIMITE DO CRÉDITO E DA ABERTURA Art. 2º Em conformidade com o disposto no artigo anterior desta lei fica o Chefe do Poder Executivo Municipal, autorizado a proceder por ato próprio, à abertura de Crédito Adicional Especial na importância de R$ 103.600,00 (cento e três mil e seiscentos reais), no Orçamento Geral do Município, conforme abaixo especificado, a saber: 13 – SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL 01 – DESENVOLVIMENTO LOCAL 18.542.0455.2.049 – ADM. GERAL BENS E SERV. SISTEMA DE ESGOTO, PRES.E CONSERV. AMBIENTAL (...) – 3.3.90.00.00.00.00.00.0801 – Aplicações diretas R$ 100.000,00 (...) – 3.3.90.00.00.00.00.00.2279 – Aplicações diretas R$ 3.600,00 Total ................................. R$ 103.600,00 Art. 3º Para o atendimento parcial a abertura do Crédito autorizado fica o Chefe do Poder Executivo Municipal permitido a utilizar o produto do Provável Excesso de Arrecadação sob o código do recursos 0801 (00.01.0801) - FUNASA/EDUCAÇÃO AMBIENTAL CONVÊNIO 0492/2013, no valor de até R$ 100.000,00 (cem mil reais) conforme disposto no inciso II do § 1º, e § 3º do art 43 da Lei Federal 4.320/64 e demais Constitucionais e Legais vigentes.

de Contrapartida do Convenio FUNASA Nº. 0492/2013, com a Fundação Nacional de Saúde, destinada ao desenvolvimento de ações de educação em saúde ambiental. CAPÍTULO III DA ALTERAÇÃO DO PLANO PLURIANUAL Art. 5º Fica alterado o Plano Plurianual Lei nº. 2.278, de 27 de outubro de 2016, através da abertura de um Crédito Adicional Especial no valor de até R$ 103.600,00 (cento e três mil e seiscentos reais), objetivando atender a Convênio FUNASA Nº. 0492/2013, com a Fundação Nacional de Saúde, destinada ao desenvolvimento de ações de educação em saúde ambiental. CAPÍTULO IV DA ALTERAÇÃO DA LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS Art. 6º Fica alterada a LDO - Lei de Diretrizes Orçamentárias nº. 2.279, de 27 de outubro de 2016, em conformidade com o disposto nos artigos anteriores desta Lei, relativamente ao crédito e redução transcritos no presente ato. Art. 7º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE ANCHIETA (SC), 18 de Abril de 2017. IVAN JOSÉ CANCI Prefeito Municipal CERTIFICO que o presente ato foi registrado e publicado nesta mesma data e na forma da Lei. Anchieta – (SC), 18/04/2017. FernandaCristina Segalin Secretária de Administração e Gestão

HOMOLOGAÇÃO DA ADJUDICAÇÃO - FMS

ESTADO DE SANTA CATARINA FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE HOMOLOGAÇÃO DA ADJUDICAÇÃO Processo nº 021/2017 – Pregão Presencial nº 013/2017 O Fundo Municipal de Saúde de Anchieta - SC, por meio do Gestor Municipal torna público que homologou a adjudicação do Processo Licitatório nº 021/2017, instaurado sob a modalidade Pregão Presencial - Registro de Preço para prestação de serviço de lavagem para os veículos utilizados pela Secretaria de Saúde Pública do município de Anchieta, pelo período de até 12 meses após a data de Homologação do Processo Licitatório. EMPRESA VENCEDORA: RAFAEL DE LIMA DA SILVA. VALOR TOTAL R$: 15.936,00 Anchieta, 20 de abril de 2017. MARTINHOS SCANTAMBURLO Gestor FMS.

Art. 4º Para o complementação da abertura do Crédito autorizado fica o Chefe do Poder Executivo Municipal autorizado, a proceder por ato próprio, à abertura de um Crédito Adicional Especial no valor de até R$ 3.600,00 (três mil e seiscentos reais), fonte de recurso 00.03.0279 – SUPERÁVIT FINANCEIRO FEP, relativo o valor ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

HOMOLOGAÇÃO DA ADJUDICAÇÃO - FMS

ESTADO DE SANTA CATARINA FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE HOMOLOGAÇÃO DA ADJUDICAÇÃO Processo nº 020/2017 – Pregão Presencial nº 012/2017 O Fundo Municipal de Saúde de Anchieta - SC, por meio do Gestor Municipal torna público que homologou a adjudicação do Processo Licitatório nº 020/2017, instaurado sob a modalidade Pregão Presencial - Registro de Preço para aquisição de Água Mineral e Gás de Cozinha, para serem utilizados na Unidade Básica de Saúde do Centro e João Café Filho, pelo período de até 12 meses após a data de Homologação do Processo Licitatório. EMPRESAS VENCEDORAS: NILO SUL IND. E COM LTDA – EPP. Valor R$: 4.725,00 RENATO ROSSATO – ME. Valor R$: 2.295,30 Valor Total R$: 7.020,30 Anchieta, 20 de abril de 2017. MARTINHOS SCANTAMBURLO Gestor FMS.

PORTARIA Nº 171/2017 PORTARIA nº. 171/2017 De, 20 de Abril de 2017.

O Prefeito Municipal do Município de Anchieta, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, RESOLVE Exonerar, Art. 1º - Fica exonerado o senhor Leonel Alves Castro, ocupante do cargo de Médico ACT - Admissão em Caráter Temporário, lotado na Secretaria Municipal da Saúde, a partir desta data.

Página 11

Art. 2º. - Esta Portaria entra em vigor na data da sua publicação. Art. 3º. Ficam revogadas as disposições em contrário. Gabinete do Prefeito Municipal de Anchieta (SC), Em 20 de Abril de 2017. Registre-se, Publique-se e Cumpra-se. Ivan José Canci, Prefeito Municipal Publicada a presente Portaria nesta Secretaria em data supra. Fernanda Cristina Segalin – Secretária da Administração e Gestão.

PORTARIA Nº 173/2017 PORTARIA nº. 173/2017 De, 20 de Abril de 2017.

O Prefeito Municipal do Município de Anchieta, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições e em conformidade com o Art. 34, inciso V da Lei Complementar nº. 031/2011 – Estatuto dos Servidores Públicos Municipais, RESOLVE: Declarar vago Por Aposentadoria Tempo de Contribuição (42), Art. 1º - Fica vago por Aposentadoria Tempo de Contribuição (42) o cargo efetivo de Motorista da Saúde, ocupado pelo servidor Pedro Benatti, lotado na Secretaria Municipal da Saúde - FMS, a partir desta data. Art. 2º. - Esta Portaria entra em vigor na data da sua publicação. Art. 3º. Ficam revogadas as disposições em contrário.

Art. 2º. - Esta Portaria entra em vigor na data da sua publicação.

Gabinete do Prefeito Municipal de Anchieta (SC), Em 20 de Abril de 2017. Registre-se, Publique-se e Cumpra-se. Ivan José Canci, Prefeito Municipal

Art. 3º. Ficam revogadas as disposições em contrário.

Publicada a presente Portaria nesta Secretaria em data supra.

Gabinete do Prefeito Municipal de Anchieta (SC), Em 20 de Abril de 2017. Registre-se, Publique-se e Cumpra-se. Ivan José Canci, Prefeito Municipal

Fernanda Cristina Segalin – Secretária da Administração e Gestão.

Publicada a presente Portaria nesta Secretaria em data supra. Fernanda Cristina Segalin – Secretária de Administração e Gestão.

PORTARIA Nº 172/2017 PORTARIA nº. 172/2017 De, 20 de Abril de 2017.

O Prefeito Municipal do Município de Anchieta, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições e em conformidade com o Art. 34, inciso V da Lei Complementar nº. 031/2011 – Estatuto dos Servidores Públicos Municipais, RESOLVE: Declarar vago Por Aposentadoria Por Idade (41), Art. 1º - Fica vago por Aposentadoria Por Idade (41) o cargo efetivo de Motorista, ocupado pelo servidor Anuar Mantelli, lotado na Secretaria Municipal da Saúde – FMS, a partir desta data.

ASSINADO DIGITALMENTE

PREGÃO PRESENCIAL N 011/2017 - HOSPITAL ESTADO DE SANTA CATARINA HOSPITAL MUNICIPAL DE ANCHIETA AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL 011/2017.

O Prefeito Municipal de Anchieta, Estado de Santa Catarina, torna público, de acordo com a Lei 8.666/93, 8.883/94 posteriores alterações, que fará realizar Licitação na Modalidade Pregão Presencial, do Tipo Menor Preço por Item, para Contratação de serviços médico, na forma de plantão médico presencial na especialidade de clínica geral, para serem prestados no Hospital Municipal Anchietense, conforme escala elaborada pelo Hospital, no período de maio a dezembro de 2017. Os interessados poderão adquirir cópia integral do Edital no Setor de licitações, na Av. Anchieta, 838, em Anchieta. A documentação para habilitação e propostas será recebida na Sala de Licitações até às 16:00 horas do dia 08/05/2017. Maiores informações das 07:30 às 11:30 e das 13:30 às 17:30 horas, de Segunda a Sexta-Feira no fone: (xx49)3653-3200. Anchieta, 24 de abril de 2017. IVAN JOSÉ CANCI Prefeito Municipal www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 12

Anita Garibaldi Prefeitura AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 016/2017

MUNICÍPIO DE ANITA GARIBALDI AVISO DE LICITAÇÃO Modalidade: PREGÃO PRESENCIAL Nº. 016/2017 Objeto: 1 A presente licitação tem por objeto o Registro de Preços para Contratação de empresa para prestação de serviços de internet banda larga conforme descrições constantes dos anexos “A” e “B” deste edital.. Recebimento das propostas: até as 09h20min do dia 09/05/2017. Abertura: às 09:40 do dia 09/05/2017. Informações complementares: o Edital em inteiro teor estará à disposição dos interessados na home page www.anitagaribaldi.sc.gov.br, link “Licitações”. Informações complementares poderão ser obtidas no Departamento de Compras deste Município, situado na Praça Paulino Granzotto, 20, Centro, de segunda a sexta em horário de expediente normal, ou pelo fone fax (49) 3543-0191. Anita Garibaldi, SC, 20 de Abril de 2017. JOÃO CIDINEI DA SILVA Prefeito Municipal

AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2017

MUNICÍPIO DE ANITA GARIBALDI AVISO DE LICITAÇÃO Modalidade: PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2017 Objeto: 1 A presente licitação tem por objeto o Registro de Preços para possível aquisição de materiais de construção destinados as unidades administrativas, Secretaria de Obras e Fundo Municipal de Saúde, conforme especificações constantes no Anexo “E” deste Edital. Recebimento das propostas: até as 13h40min do dia 08/05/2017. Abertura: às 14:00 do dia 08/05/2017. Informações complementares: o Edital em inteiro teor estará à disposição dos interessados na home page www.anitagaribaldi.sc.gov.br, link “Licitações”. Informações complementares poderão ser obtidas no Departamento de Compras deste Município, situado na Praça Paulino Granzotto, 20, Centro, de segunda a sexta em horário de expediente normal, ou pelo fone fax (49) 3543-0191. Anita Garibaldi, SC, 20 de Abril de 2017. JOÃO CIDINEI DA SILVA Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 13

Antônio Carlos Prefeitura CONTRATO Nº 070/2017

EXTRATO DE CONTRATO Contrato nº 70/2017; Origem: Pregão Presencial nº 032/2017 e Processo Licitatório nº 048/2017; Contratante: MUNICÍPIO DE ANTONIO CARLOS/SC. Contratada: HEITOR GEMAIEL ELIAS ROSA – ME; Objeto: Este contrato tem por objeto a contratação de empresa e/ou pessoa física (professores) especializada para atuar em várias modalidades de ensino de músicas na Secretaria de Educação e Cultura do Município de Antônio Carlos. Valor: O preço total estipulado para a prestação deste serviço é de R$ 9.585,00 (nove mil, quinhentos e oitenta e cinco reais), sendo pago mensalmente o valor equivalente as horas/aula efetivamente ministradas. Vigência: 20 de abril de 2017 – 20 de janeiro de 2018. Antônio Carlos, 24 de abril de 2017. GERALDO PAULI Prefeito Municipal

DECRETO Nº 024/2017

DECRETO Nº 024/17 de 20 de Abril de 2017 Alteração da Lei Orçamentária (remanejamento) no Orçamento programa de 2017. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANTONIO CARLOS no uso de suas atribuições que lhe confere a Lei Orgânica do Município de ANTONIO CARLOS e autorização contida na Lei Municipal nº 001516/16 de 13 de Dezembro de 2016. DECRETA: Art. 1º - Fica aberto no corrente exercício Crédito no valor de R$ 13.606,81 para a(s) seguinte(s) dotação(ões) orçamentária(s): 04 - SECRETARIA DE EDUCACAO E CULTURA 04.01 - SECRETARIA DE EDUCACAO E CULTURA 04.01.13.392.0005.1.004-3.3.90.00.00.00.00.00 - Aplicacoes Diretas 13.606,81 Art. 2º - Para atendimento da Suplementação que trata o artigo anterior serão utilizados recursos proveniente da anulação parcial e/ou total da(s) seguinte(s) dotação(ões) orçamentária(s): 04 - SECRETARIA DE EDUCACAO E CULTURA 04.01 - SECRETARIA DE EDUCACAO E CULTURA 04.01.13.392.0005.1.004-4.4.90.00.00.00.00.00 - Aplicacoes Diretas 13.606,81 Art 3º - Este decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogada as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL, 20 de Abril de 2017. GERALDO PAULI Prefeito Municipal

DECRETO Nº 025/2017

DECRETO Nº 025/17 de 20 de Abril de 2017 Abre crédito adicional -suplementar -originário do orçamento geral no Orçamento programa de 2017. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANTONIO CARLOS no uso de suas atribuições que lhe confere a Lei Orgânica do Município de ANTONIO CARLOS e autorização contida na Lei Municipal nº 001516/16 de 13 de Dezembro de 2016. DECRETA: Art. 1º - Fica aberto no corrente exercício Crédito no valor de R$ 46.152,82 para a(s) seguinte(s) dotação(ões) orçamentária(s): 06 - SECRETARIA TRANSP., OBRAS E SERV. PUBLICOS 06.01 - SECRETARIA TRANSP., OBRAS E SERV. PUBLICOS 06.01.15.452.0006.2.019-3.3.90.00.00.00.00.00 - Aplicacoes Diretas 46.152,82 Art 2º - Para atendimento da Suplementação que trata o artigo anterior serão utilizados recursos proveniente da anulação parcial e/ou total da(s) seguinte(s) dotação(ões) orçamentária(s): 46.152,82 Art 3º - Este decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogada as disposições em contrário. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL, 20 de Abril de 2017. GERALDO PAULI Prefeito Municipal

PORTARIA N 226/2017 PORTARIA Nº 226/2017 Concede Férias a servidor.

GERALDO PAULI – Prefeito Municipal de ANTÔNIO CARLOS, no uso de suas atribuições legais, de acordo com a Lei nº 558/92; RESOLVE: Artigo 1º - Conceder, FÉRIAS, por 30 dias, ao servidor RAFAEL GUESSER, ocupante do cargo efetivo de INSEMINADOR, de 15 de maio de 2017 a 13 de junho de 2017, referente ao período aquisitivo de 15/04/2013 a 14/04/2014. Artigo 2º - Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação. Artigo 3º - Revogam-se as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Antônio Carlos, em 20 de abril de 2017. GERALDO PAULI Prefeito Municipal Publicada a presente Portaria em 24 de abril de 2017.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 14

Apiuna Prefeitura ATA N° 2/2017 - PP N° 02/2017 FMS

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 2/2017 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 2/2017 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO PARCELADA DE COMBUSTÍVEL PARA ABASTECIMENTO DOS VEÍCULOS DO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE. Pelo presente instrumento o FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE APIUNA, pessoa jurídica de direito público interno, com sede na AVENIDA FLORIANOPOLIS, CENTRO, Apiúna - SC, 89.135-000, inscrito no CNPJ sob nº 11.195.905/0001-80, neste ato representado pelo Prefeito Senhor JOSE GERSON GONCALVES, considerando o julgamento do Pregão para Registro de Preço nº 2/2017, RESOLVE registrar os preços das empresas, de acordo com as classificações por elas alcançadas, atendendo as condições previstas no instrumento convocatório e as constantes desta Ata de Registro de Preços, sujeitando-se as partes às normas constantes das Leis nº 8.666/93 e alterações, 10.520/02, 123/2006, Decreto Municipal nº 1256/2006, entre outros dispositivos legais aplicados a espécie, e em conformidade com as disposições a seguir. 1 DO OBJETO 1.1 A presente Ata tem por objeto o Registro de Preços visando à AQUISIÇÃO PARCELADA DE COMBUSTÍVEL PARA ABASTECIMENTO DOS VEÍCULOS DO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE, conforme quantitativos e condições a seguir: 42994 - POSTO AGRICOPEL LTDA. Item Produto 1 OLEO DIESEL S10 2 OLEO DIESEL S500 3 GASOLINA COMUM Total Fornecedor: Total Geral:

Marca SHELL SHELL SHELL

Qtd. 50000 60000 150000 R$ 827.000,00 R$ 827.000,00

Valor Unitário R$2,9500 R$2,8500 R$3,3900

Valor Total R$ 147.500,00 R$ 171.000,00 R$ 508.500,00

1.2 Este instrumento não obriga o Fundo Municipal de Saúde de Apiúna a firmar contratações nas quantidades estimadas, podendo ocorrer licitações específicas para a aquisição do objeto, obedecida a legislação pertinente, sendo assegurada ao detentor do registro a preferência de fornecimento, em igualdade de condições, nos termos do art. 15, parágrafo 4º da lei 8.666/93. 1.3 As aquisições ou contratações adicionais a que se refere o item anterior não poderão exceder, por órgão ou entidade, a 25% dos quantitativos registrados na Ata de Registro de Preços. 2 DOCUMENTOS INTEGRANTES 2.1 Para todos os efeitos legais, para melhor caracterização do objeto, bem como, para definir procedimentos e normas decorrentes das obrigações ora contraídas, integram esta Ata, como se nela estivesse transcrita, os seguintes documentos: a) Edital de Presencial nº 2/2017 e seus anexos; b) Proposta da(s) Licitante(s). 3 VIGÊNCIA 3.1 A presente Ata vigorará até 20/04/2018. 4 DAS CONDIÇÕES, DA ENTREGA E DO RECEBIMENTO DO OBJETO 4.1 A entrega do objeto deste edital será feita aos responsáveis com o abastecimento diretamente da bomba registradora do fornecedor, na Praça de Apiúna, aos veículos de propriedade do Fundo Municipal de Saúde de Apiúna. 4.1.1 Os pedidos serão realizados pelo Fundo por meio de Ordem de Abastecimento, cuja emissão se dará parceladamente conforme a necessidade. 4.1.2 O prazo estipulado para a retirada da litragem licitada é de 01(um) ano a contar da data de assinatura da Ata de Registro de Preço. 4.2 - No ato da entrega do objeto, a proponente deverá emitir Nota Fiscal correspondente as quantias entregues, encaminhando-a posteriormente ao Fundo Municipal de Saúde de Apiúna para conferência e assinatura pelo responsável. 4.3 - Os produtos objeto desta licitação deverão ser fornecidos dentro dos padrões de qualidade exigidos pela ANP – Agência Nacional de Petróleo – podendo o Fundo Municipal de Saúde de Apiúna exigir a qualquer tempo testes de qualidade no momento da entrega. 4.3.1 - Os produtos que forem recusados deverão ser substituídos no prazo máximo de 02 (dois) dias úteis, contados da data de notificação apresentada à fornecedora, sem qualquer ônus para o Município. 4.3.2 - Se a substituição dos produtos cotados não for realizada no prazo estipulado, a CONTRATADA estará sujeita às sanções previstas neste Edital e em Lei. 4.4 - O recebimento dos produtos, mesmo que definitivo, não exclui a responsabilidade da CONTRATADA pela qualidade e características dos produtos entregues, cabendo-lhe sanar quaisquer irregularidades detectadas quando da utilização dos mesmos, durante todo o prazo de vigência do Contrato. 4.5 - A inexecução total ou parcial das obrigações da empresa enseja a aplicação das penalidades previstas na Ata de Registro de Preços ou Contrato, inclusive multa no valor de até 20% do Contrato firmado entre as partes. 4.6 - A empresa será responsável por eventuais danos havidos nos materiais, provenientes de negligência, imperícia e/ou imprudência praticados por seus empregados, obrigando-se a substituí-los, ou a indenizar a Administração do prejuízo causado. 4.7 - No caso de acréscimo contratual em até 25% (vinte e cinco por cento) do quantitativo total estimado de cada item, fica o fornecedor

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 15

obrigado a aceitar o acréscimo. 4.8 - Os valores unitários previstos em Ata de Registro de Preços por escrito firmado pelas partes poderão ser reajustados de acordo com os valores da ANP ou por outro que venha a substituí-lo. 5 DO PAGAMENTO E DA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA 5.1 O pagamento será efetuado EM ATÉ 20 (VINTE) DIAS, mediante a aceitação do objeto e apresentação de nota fiscal, sem emendas ou rasuras que após conferidos e visados, serão encaminhados ao empenho na Secretaria Municipal de Administração e Finanças. 5.1.1 Ocorrendo erros na apresentação da nota fiscal, a mesma será devolvida à contratada para a devida correção e reapresentação. 5.1.2 Para a efetivação do pagamento o licitante deverá manter as mesmas condições previstas neste edital no que concerne a PROPOSTA e a HABILITAÇÃO. 5.2 As despesas provenientes do presente edital correrão por conta das seguintes dotações orçamentárias do exercício de 2017 e as respectivas para o exercício de 2018. Dotação 10.5.1.2050.333903001000000.1020000 12.5.1.2055.333903001000000.1020000 15.5.1.2056.333903001000000.1020000 19.5.1.2050.333903001000000.1380100 28.5.1.2053.333903001000000.1020000 36.5.1.2055.333903001000000.1380800 40.5.1.2056.333903001000000.1380900 433.5.1.2055.333903001000000.3380800 434.5.1.2056.333903001000000.3380900 48.5.1.2052.333903001000000.1020000 51.5.1.2050.333903001000000.1380600 53.5.1.2050.333903001000000.1670100 55.5.1.2053.333903001000000.1380400

6 REAJUSTAMENTO E REPACTUAÇÃO DE PREÇOS 6.1 A CONTRATANTE e a CONTRATADA têm direito ao equilíbrio econômico financeiro do contrato, em consonância com disposto no artigo 37, inciso XXI, da Constituição Federal, a ser realizado mediante os seguintes critérios: 6.1.1 Reajuste de Preços: 6.1.1.1 Os preços constantes na presente ata podem ser reajustados a cada 12 (doze) meses. 6.1.2 Revisão de preços: 6.1.2.1 A Revisão de Preços, observadas as prescrições da Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, poderá ser solicitada, desde que ocorra fato imprevisível ou previsível, porém de consequências incalculáveis que onere ou desonere excessivamente as obrigações pactuadas no presente contrato, para reequilíbrio econômico financeiro, se houver a efetiva comprovação do aumento pela empresa registrada (requerimento, planilha de custos e documentação de suporte). 6.1.2.1.1 A CONTRATADA deverá formular à CONTRATANTE requerimento para a revisão do contrato, comprovando a ocorrência de fato imprevisível ou previsível, porém de consequências incalculáveis, que tenha onerado excessivamente as obrigações por ela contraídas; 6.1.2.1.2 A CONTRATANTE examinará o requerimento e, após análise e conferência dos valores, informará a CONTRATADA quanto ao atendimento ou não do mesmo, de acordo com os parâmetros estabelecidos pela Lei Federal nº 8.666/93 e suas alterações. 6.1.3 Independentemente de solicitação, a CONTRATANTE poderá convocar a CONTRATADA para negociar a redução dos preços, mantendo o mesmo objeto contratado, na quantidade e nas especificações indicadas na proposta, em virtude da redução dos preços de mercado. 6.1.4 Os efeitos financeiros da Revisão de preços serão devidos a contar da data do evento que aumentou/diminuiu os custos do contrato, cabendo à parte interessada a iniciativa e o ônus de demonstrar, de forma analítica, o aumento ou redução do custo, observando-se que não serão devidos juros de mora e/ou atualização monetária. 6.1.5 As alterações decorrentes de revisões e de reajustes de preços serão formalizadas por meio de Instrumentos Contratuais Aditivos. 7 DA FISCALIZAÇÃO 7.1 O exercício de fiscalização pelo preposto da CONTRATANTE não excluirá nem reduzirá as responsabilidades da CONTRATADA. 7.2 À Fiscalização fica desde já assegurado o direito de: 7.2.2 Determinar o que for necessário à regularização das falhas ou defeitos observados 7.2.3 Rejeitar todo e qualquer bem entregue de má qualidade ou em desacordo com o especificado no edital e na proposta, exigindo sua substituição ou correção imediatas; 7.2.4 Impugnar todo e qualquer produto em desacordo com as especificações, normas regulamentares, legais e contratuais; 7.3 A CONTRATANTE sem prejuízo de suas atribuições de acompanhamento, poderá contratar, profissionais consultores ou empresas especializadas, os serviços relativos ao controle qualitativo e quantitativo dos materiais objeto do edital. 8 RESPONSABILIDADES DAS PARTES 8.1 Compete a CONTRATADA: a) Entregar o objeto ajustado dentro do prazo de entrega, por intermédio exclusivo de seus empregados, sem qualquer ônus para o Município; b) providenciar, no prazo máximo de 03 (três) dias, o saneamento de qualquer irregularidade constatada nos materiais fornecidos; c) manter, todas as exigências contidas no Edital de Licitação; d) Corrigir, reparar, remover, reconstruir ou substituir, às suas expensas, no total ou em parte, o objeto em que se verificar vícios, defeitos ou incorreções, ou, ainda, que estarem em desacordo com as especificações exigidas. 8.2 Compete a CONTRATANTE: a) pagar à CONTRATADA o preço estabelecido; ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 16

b) designar servidores responsável pelo acompanhamento e entrega dos produtos adquiridos. 9 DA RESCISÃO DA ATA 9.1 Constituem motivo para rescisão da Ata: 9.1.1 O não cumprimento de cláusulas constantes na presente Ata, especificações e prazos; 9.1.2 O cumprimento irregular de cláusulas, especificações e prazos; 9.1.3 A subcontratação total ou parcial do seu objeto, a associação do contratado com outrem, a cessão ou transferência, total ou parcial, bem como a fusão, cisão ou incorporação, não admitidas no edital e na Ata; 9.1.4 O desatendimento das determinações regulares da autoridade designada para acompanhar e fiscalizar a sua execução, assim como as de seus superiores; 9.1.5 O cometimento reiterado de faltas na sua execução; 9.1.6 A decretação de falência ou a instauração de insolvência civil; 9.1.7 A dissolução da sociedade ou o falecimento do contratado; 9.1.8 A alteração social ou a modificação da finalidade ou da estrutura da empresa, que prejudique a entrega dos bens; 9.1.9 Razões de interesse público, de alta relevância e amplo conhecimento, justificadas e determinadas pela máxima autoridade da esfera administrativa a que está subordinado o contratante e exaradas no processo administrativo a que se refere o edital; 9.1.10 A suspensão de sua execução, por ordem escrita da Administração, por prazo superior a 120 (cento e vinte) dias, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, ou ainda por repetidas suspensões que totalizem o mesmo prazo, independentemente do pagamento obrigatório de indenizações pelas sucessivas e contratualmente imprevistas desmobilizações e mobilizações e outras previstas, assegurado ao contratado, nesses casos, o direito de optar pela suspensão do cumprimento das obrigações assumidas até que seja normalizada a situação; 9.1.11 O atraso superior a 90 (noventa) dias dos pagamentos devidos pelo CONTRATANTE à CONTRATADA pelos produtos já entregues, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, assegurado ao contratado o direito de optar pela suspensão do cumprimento de suas obrigações até que seja normalizada a situação; 9.1.12 A ocorrência de caso fortuito ou de força maior, regularmente comprovada, impeditiva da execução. 9.1.13 Descumprimento do disposto no inciso V do art. 27 da Lei Federal nº 8.666/93, em observância do art. 7º, XXXIII, da Constituição Federal de 1988, sem prejuízo das sanções penais cabíveis. 9.2 Decidido pela rescisão da Ata, será executada da seguinte forma: 9.2.1 Determinada por ato unilateral e escrito do CONTRATANTE nos casos enumerados nos itens 9.1.1 à 9.1.10 e 9.1.12 à 9.1.14. 9.2.2 Amigável, por acordo entre as partes, reduzida a termo no processo da licitação, desde que haja conveniência para o CONTRATANTE; 9.2.3 Judicial, nos termos da legislação; 9.3 A rescisão administrativa ou amigável deverá ser precedida de autorização escrita e fundamentada da autoridade competente. 9.4 Quando a rescisão ocorrer com base nos incisos 9.1.9 à 9.1.12, desta cláusula, sem que haja culpa da CONTRATADA, será este ressarcido dos prejuízos regularmente comprovados que houver sofrido. 9.5 Será assegurado, a parte que tiver dado motivo à rescisão, o contraditório e a ampla defesa. 10 DAS PENALIDADES E SANÇÕES ADMINISTRATIVAS 10.1 As Licitantes participantes desta Licitação e, principalmente, a Licitante vencedora, sujeitar-se-ão, no que couber às sanções previstas no Capítulo IV da Lei Federal nº 8.666/93 e suas alterações. 10.2 Pelo comportamento incorreto da Licitante no decorrer do Processo Licitatório a Licitadora poderá, garantida prévia defesa, aplicar a Licitante as seguintes penalidades: 10.2.1 Advertência, no caso de faltas que não motivem a aplicação de multas. 10.2.2 Multa, conforme os seguintes critérios: 10.2.2.1 No valor de 1% (um por cento) do valor total vencido pelo licitante registrado em ata, no caso de acumulação de 03 (três) advertências; 10.2.2.2 No valor de 2% (dois por cento) do valor total vencido pelo licitante registrado em ata, no caso de impedir, perturbar ou fraudar a realização de qualquer ato de procedimento licitatório; 10.2.2.3 No valor de 5% (cinco por cento) do valor total vencido pelo licitante registrado em ata, no caso de apresentar declaração em falso no processo, sem prejuízo de demais processos administrativos e jurídicos; 10.2.2.4 No valor de 10% (dez por cento) do valor total vencido pelo licitante registrado em ata se der causa à Declaração de Inidoneidade; 10.2.2.5 No valor de 10% (dez por cento) do valor do valor total vencido pelo licitante registrado em ata, no caso de inobservância de quaisquer das condições do item 02 do mesmo; 10.2.2.6 No valor de R$ 200,00 (duzentos reais) por dia no atraso injustificado, ou com justificativa não aceita pela autoridade superior competente na entrega da mercadoria. 10.2.3 Suspensão de Participação em licitações com o Município de Apiúna, pelo prazo de 02 (dois) anos, no caso de quaisquer dos motivos expostos nos itens 10.2.2.2 à 10.2.2.5 e 10.2.4.1 à 10.2.4.2. 10.2.4 Declaração de Inidoneidade, nos seguintes casos: 10.2.4.1 Se o valor acumulado das multas ultrapassarem o 10% (dez por cento) do valor do valor total vencido pelo licitante registrado em ata; 10.2.4.2 Tenham sofrido condenação definitiva por praticarem, por meios dolosos, fraude fiscal no recolhimento de quaisquer tributos; 10.2.4.3 Tenham praticado atos ilícitos e/ou a não entrega do objeto deste edital, visando a frustrar os objetivos da licitação; 10.2.4.4 Demonstrem não possuir idoneidade para contratar com a Administração em virtude de atos ilícitos praticados. 10.2.5 Será assegurada, a parte que tiver dado motivo à penalidade, o contraditório e a ampla defesa. 10.3 Nenhum pagamento será processado à proponente penalizada sem que antes este tenha pago ou lhe seja relevada a multa imposta. 11 DO FORO 11.1 O foro competente para dirimir possíveis dúvidas, após se esgotarem todas as tentativas de composição amigável, e/ou litígios pertinentes ao objeto da presente licitação, independente de outro que por mais privilegiado seja, será o da Comarca de ASCURRA/SC.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 17

E, assim, por estarem justas e contratadas, as partes, por seus representantes legais, o presente instrumento em vias de igual teor e forma, para um só e jurídico efeito, perante as testemunhas abaixo assinados. Apiúna, 20 de abril de 2017. JOSE GERSON GONCALVES MUNICÍPIO DE APIÚNA Prefeito de Apiúna CONTRATANTE EMPRESA: POSTO AGRICOPEL LTDA. REA SILVIA MARMENTINI FERNANDES Contratada

ATA N° 32/2017 - PP N° 38/2017

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 32/2017 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 38/2017 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO PARCELADA DE COMBUSTÍVEL PARA ABASTECIMENTO DA FROTA MUNICIPAL. Pelo presente instrumento o MUNICIPIO DE APIUNA, pessoa jurídica de direito público interno, com sede na RUA QUINTINO BOCAIUVA, CENTRO, Apiúna - SC, 89.135-000, inscrito no CNPJ sob nº 79.373.767/0001-16, neste ato representado pelo Prefeito Senhor JOSE GERSON GONCALVES, considerando o julgamento do Pregão para Registro de Preço nº 38/2017, RESOLVE registrar os preços das empresas, de acordo com as classificações por elas alcançadas, atendendo as condições previstas no instrumento convocatório e as constantes desta Ata de Registro de Preços, sujeitando-se as partes às normas constantes das Leis nº 8.666/93 e alterações, 10.520/02, 123/2006, Decreto Municipal nº 1256/2006, entre outros dispositivos legais aplicados a espécie, e em conformidade com as disposições a seguir. 1 DO OBJETO 1.1 A presente Ata tem por objeto o Registro de Preços visando à AQUISIÇÃO PARCELADA DE COMBUSTÍVEL PARA ABASTECIMENTO DA FROTA MUNICIPAL, conforme quantitativos e condições a seguir: 42994 - POSTO AGRICOPEL LTDA. Item Produto 1 OLEO DIESEL S10 2 OLEO DIESEL S500 3 GASOLINA COMUM Total Fornecedor: Total Geral:

Marca SHELL SHELL SHELL

Quantidade Valor Unitário 200000 R$2,9500 500000 R$2,8500 200000 R$3,3900 R$ 2.693.000,00 R$ 2.693.000,00

Valor Total R$ 590.000,00 R$ 1.425.000,00 R$ 678.000,00

1.2 Este instrumento não obriga o Município a firmar contratações nas quantidades estimadas, podendo ocorrer licitações específicas para a aquisição do objeto, obedecida a legislação pertinente, sendo assegurada ao detentor do registro a preferência de fornecimento, em igualdade de condições, nos termos do art. 15, parágrafo 4º da lei 8.666/93. 1.3 As aquisições ou contratações adicionais a que se refere o item anterior não poderão exceder, por órgão ou entidade, a 25% dos quantitativos registrados na Ata de Registro de Preços. 2 DOCUMENTOS INTEGRANTES 2.1 Para todos os efeitos legais, para melhor caracterização do objeto, bem como, para definir procedimentos e normas decorrentes das obrigações ora contraídas, integram esta Ata, como se nela estivesse transcrita, os seguintes documentos: a) Edital de Presencial nº 38/2017 e seus anexos; b) Proposta da(s) Licitante(s). 3 VIGÊNCIA 3.1 A presente Ata vigorará até 20/04/2018. 4 DAS CONDIÇÕES, DA ENTREGA E DO RECEBIMENTO DO OBJETO 4.1 A entrega do objeto deste edital será feita aos responsáveis com o abastecimento diretamente da bomba registradora do fornecedor, na Praça de Apiúna, aos veículos de propriedade do Município. 4.1.1 Os pedidos serão realizados pelo Município por meio de Ordem de Abastecimento, cuja emissão se dará parceladamente conforme a necessidade. 4.1.2 O prazo estipulado para a retirada da litragem licitada é de 01(um) ano a contar da data de assinatura da Ata de Registro de Preço. 4.2 - No ato da entrega do objeto, a proponente deverá emitir Nota Fiscal correspondente as quantias entregues, encaminhando-a posteriormente à Prefeitura Municipal de Apiúna (Secretaria responsável) para conferência e assinatura pelo responsável. 4.3 - Os produtos objeto desta licitação deverão ser fornecidos dentro dos padrões de qualidade exigidos pela ANP – Agência Nacional de Petróleo – podendo a Prefeitura Municipal de Apiúna exigir a qualquer tempo testes de qualidade no momento da entrega. 4.3.1 - Os produtos que forem recusados deverão ser substituídos no prazo máximo de 02 (dois) dias úteis, contados da data de notificação apresentada à fornecedora, sem qualquer ônus para o Município. 4.3.2 - Se a substituição dos produtos cotados não for realizada no prazo estipulado, a CONTRATADA estará sujeita às sanções previstas ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 18

neste Edital e em Lei. 4.4 - O recebimento dos produtos, mesmo que definitivo, não exclui a responsabilidade da CONTRATADA pela qualidade e características dos produtos entregues, cabendo-lhe sanar quaisquer irregularidades detectadas quando da utilização dos mesmos, durante todo o prazo de vigência do Contrato. 4.5 - A inexecução total ou parcial das obrigações da empresa enseja a aplicação das penalidades previstas na Ata de Registro de Preços ou Contrato, inclusive multa no valor de até 20% do Contrato firmado entre as partes. 4.6 - A empresa será responsável por eventuais danos havidos nos materiais, provenientes de negligência, imperícia e/ou imprudência praticados por seus empregados, obrigando-se a substituí-los, ou a indenizar a Administração do prejuízo causado. 4.7 - No caso de acréscimo contratual em até 25% (vinte e cinco por cento) do quantitativo total estimado de cada item, fica o fornecedor obrigado a aceitar o acréscimo. 4.8 - Os valores unitários previstos em Ata de Registro de Preços por escrito firmado pelas partes poderão ser reajustados de acordo com os valores da ANP ou por outro que venha a substituí-lo. 5 DO PAGAMENTO E DA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA 5.1 O pagamento será efetuado EM ATÉ 20 (VINTE) DIAS, mediante a aceitação do objeto e apresentação de nota fiscal, sem emendas ou rasuras que após conferidos e visados, serão encaminhados ao empenho na Secretaria Municipal de Administração e Finanças. 5.1.1 Ocorrendo erros na apresentação da nota fiscal, a mesma será devolvida à contratada para a devida correção e reapresentação. 5.1.2 Para a efetivação do pagamento o licitante deverá manter as mesmas condições previstas neste edital no que concerne a PROPOSTA e a HABILITAÇÃO. 5.2 As despesas provenientes do presente edital correrão por conta das seguintes dotações orçamentárias do exercício de 2017 e as respectivas para o exercício de 2018. Dotação 121.4.1.2147.333903001000000.1620200 124.7.1.2070.333903001000000.1000000 129.3.1.2032.333903001000000.1100000 135.4.1.2048.333903001000000.1010000 140.4.1.2048.333903001000000.1360000 146.4.1.2049.333903001000000.1620200 157.4.1.2047.333903001000000.1190000 161.4.1.2049.333903001000000.1010000 165.6.1.2060.333903001000000.1390300 177.6.1.2060.333903001000000.1070000 179.3.1.2030.333903001000000.1390300 191.9.1.2091.333903001000000.1000000 197.3.1.2032.333903001000000.1120000 205.4.1.2047.333903001000000.1360000 209.3.1.2032.333903001000000.1000000 213.4.1.2048.333903001000000.1190000 214.3.1.2030.333903001000000.1000000 215.4.1.2047.333903001000000.1010000 220.2.1.2020.333903001000000.1000000 223.4.1.2049.333903001000000.1370600 231.4.1.2147.333903001000000.1370600 235.6.1.2060.333903001000000.1000000 239.3.1.2031.333903001000000.1120000 240.13.1.2131.333903001000000.1000000 241.3.1.2031.333903001000000.1110000 247.10.1.2111.333903001000000.1000000 251.2.1.2006.333903001000000.1000000 258.4.1.2049.333903001000000.1360000 260.6.1.2060.333903001000000.1390200 262.3.1.2031.333903001000000.1000000 271.6.1.2060.333903001000000.1390100 275.3.1.2058.333903001000000.1000001 395.3.1.2058.333903001000000.3000001 74.4.1.2147.333903001000000.1010000 84.8.1.2085.333903001000000.1000000 86.4.1.2146.333903001000000.1010000 91.13.1.2132.333903001000000.1000000

6 REAJUSTAMENTO E REPACTUAÇÃO DE PREÇOS 6.1 A CONTRATANTE e a CONTRATADA têm direito ao equilíbrio econômico financeiro do contrato, em consonância com disposto no artigo 37, inciso XXI, da Constituição Federal, a ser realizado mediante os seguintes critérios: 6.1.1 Reajuste de Preços: 6.1.1.1 Os preços constantes na presente ata podem ser reajustados a cada 12 (doze) meses. 6.1.2 Revisão de preços: ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 19

6.1.2.1 A Revisão de Preços, observadas as prescrições da Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, poderá ser solicitada, desde que ocorra fato imprevisível ou previsível, porém de consequências incalculáveis que onere ou desonere excessivamente as obrigações pactuadas no presente contrato, para reequilíbrio econômico financeiro, se houver a efetiva comprovação do aumento pela empresa registrada (requerimento, planilha de custos e documentação de suporte). 6.1.2.1.1 A CONTRATADA deverá formular à CONTRATANTE requerimento para a revisão do contrato, comprovando a ocorrência de fato imprevisível ou previsível, porém de consequências incalculáveis, que tenha onerado excessivamente as obrigações por ela contraídas; 6.1.2.1.2 A CONTRATANTE examinará o requerimento e, após análise e conferência dos valores, informará a CONTRATADA quanto ao atendimento ou não do mesmo, de acordo com os parâmetros estabelecidos pela Lei Federal nº 8.666/93 e suas alterações. 6.1.3 Independentemente de solicitação, a CONTRATANTE poderá convocar a CONTRATADA para negociar a redução dos preços, mantendo o mesmo objeto contratado, na quantidade e nas especificações indicadas na proposta, em virtude da redução dos preços de mercado. 6.1.4 Os efeitos financeiros da Revisão de preços serão devidos a contar da data do evento que aumentou/diminuiu os custos do contrato, cabendo à parte interessada a iniciativa e o ônus de demonstrar, de forma analítica, o aumento ou redução do custo, observando-se que não serão devidos juros de mora e/ou atualização monetária. 6.1.5 As alterações decorrentes de revisões e de reajustes de preços serão formalizadas por meio de Instrumentos Contratuais Aditivos. 7 DA FISCALIZAÇÃO 7.1 O exercício de fiscalização pelo preposto da CONTRATANTE não excluirá nem reduzirá as responsabilidades da CONTRATADA. 7.2 À Fiscalização fica desde já assegurado o direito de: 7.2.2 Determinar o que for necessário à regularização das falhas ou defeitos observados 7.2.3 Rejeitar todo e qualquer bem entregue de má qualidade ou em desacordo com o especificado no edital e na proposta, exigindo sua substituição ou correção imediatas; 7.2.4 Impugnar todo e qualquer produto em desacordo com as especificações, normas regulamentares, legais e contratuais; 7.3 A CONTRATANTE sem prejuízo de suas atribuições de acompanhamento, poderá contratar, profissionais consultores ou empresas especializadas, os serviços relativos ao controle qualitativo e quantitativo dos materiais objeto do edital. 8 RESPONSABILIDADES DAS PARTES 8.1 Compete a CONTRATADA: a) Entregar o objeto ajustado dentro do prazo de entrega, por intermédio exclusivo de seus empregados, sem qualquer ônus para o Município; b) providenciar, no prazo máximo de 03 (três) dias, o saneamento de qualquer irregularidade constatada nos materiais fornecidos; c) manter, todas as exigências contidas no Edital de Licitação; d) Corrigir, reparar, remover, reconstruir ou substituir, às suas expensas, no total ou em parte, o objeto em que se verificar vícios, defeitos ou incorreções, ou, ainda, que estarem em desacordo com as especificações exigidas. 8.2 Compete a CONTRATANTE: a) pagar à CONTRATADA o preço estabelecido; b) designar servidores responsável pelo acompanhamento e entrega dos produtos adquiridos. 9 DA RESCISÃO DA ATA 9.1 Constituem motivo para rescisão da Ata: 9.1.1 O não cumprimento de cláusulas constantes na presente Ata, especificações e prazos; 9.1.2 O cumprimento irregular de cláusulas, especificações e prazos; 9.1.3 A subcontratação total ou parcial do seu objeto, a associação do contratado com outrem, a cessão ou transferência, total ou parcial, bem como a fusão, cisão ou incorporação, não admitidas no edital e na Ata; 9.1.4 O desatendimento das determinações regulares da autoridade designada para acompanhar e fiscalizar a sua execução, assim como as de seus superiores; 9.1.5 O cometimento reiterado de faltas na sua execução; 9.1.6 A decretação de falência ou a instauração de insolvência civil; 9.1.7 A dissolução da sociedade ou o falecimento do contratado; 9.1.8 A alteração social ou a modificação da finalidade ou da estrutura da empresa, que prejudique a entrega dos bens; 9.1.9 Razões de interesse público, de alta relevância e amplo conhecimento, justificadas e determinadas pela máxima autoridade da esfera administrativa a que está subordinado o contratante e exaradas no processo administrativo a que se refere o edital; 9.1.10 A suspensão de sua execução, por ordem escrita da Administração, por prazo superior a 120 (cento e vinte) dias, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, ou ainda por repetidas suspensões que totalizem o mesmo prazo, independentemente do pagamento obrigatório de indenizações pelas sucessivas e contratualmente imprevistas desmobilizações e mobilizações e outras previstas, assegurado ao contratado, nesses casos, o direito de optar pela suspensão do cumprimento das obrigações assumidas até que seja normalizada a situação; 9.1.11 O atraso superior a 90 (noventa) dias dos pagamentos devidos pelo CONTRATANTE à CONTRATADA pelos produtos já entregues, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, assegurado ao contratado o direito de optar pela suspensão do cumprimento de suas obrigações até que seja normalizada a situação; 9.1.12 A ocorrência de caso fortuito ou de força maior, regularmente comprovada, impeditiva da execução. 9.1.13 Descumprimento do disposto no inciso V do art. 27 da Lei Federal nº 8.666/93, em observância do art. 7º, XXXIII, da Constituição Federal de 1988, sem prejuízo das sanções penais cabíveis. 9.2 Decidido pela rescisão da Ata, será executada da seguinte forma: 9.2.1 Determinada por ato unilateral e escrito do CONTRATANTE nos casos enumerados nos itens 9.1.1 à 9.1.10 e 9.1.12 à 9.1.14. 9.2.2 Amigável, por acordo entre as partes, reduzida a termo no processo da licitação, desde que haja conveniência para o CONTRATANTE; 9.2.3 Judicial, nos termos da legislação; 9.3 A rescisão administrativa ou amigável deverá ser precedida de autorização escrita e fundamentada da autoridade competente. 9.4 Quando a rescisão ocorrer com base nos incisos 9.1.9 à 9.1.12, desta cláusula, sem que haja culpa da CONTRATADA, será este ressarcido dos prejuízos regularmente comprovados que houver sofrido. ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 20

9.5 Será assegurado, a parte que tiver dado motivo à rescisão, o contraditório e a ampla defesa. 10 DAS PENALIDADES E SANÇÕES ADMINISTRATIVAS 10.1 As Licitantes participantes desta Licitação e, principalmente, a Licitante vencedora, sujeitar-se-ão, no que couber às sanções previstas no Capítulo IV da Lei Federal nº 8.666/93 e suas alterações. 10.2 Pelo comportamento incorreto da Licitante no decorrer do Processo Licitatório a Licitadora poderá, garantida prévia defesa, aplicar a Licitante as seguintes penalidades: 10.2.1 Advertência, no caso de faltas que não motivem a aplicação de multas. 10.2.2 Multa, conforme os seguintes critérios: 10.2.2.1 No valor de 1% (um por cento) do valor total vencido pelo licitante registrado em ata, no caso de acumulação de 03 (três) advertências; 10.2.2.2 No valor de 2% (dois por cento) do valor total vencido pelo licitante registrado em ata, no caso de impedir, perturbar ou fraudar a realização de qualquer ato de procedimento licitatório; 10.2.2.3 No valor de 5% (cinco por cento) do valor total vencido pelo licitante registrado em ata, no caso de apresentar declaração em falso no processo, sem prejuízo de demais processos administrativos e jurídicos; 10.2.2.4 No valor de 10% (dez por cento) do valor total vencido pelo licitante registrado em ata se der causa à Declaração de Inidoneidade; 10.2.2.5 No valor de 10% (dez por cento) do valor do valor total vencido pelo licitante registrado em ata, no caso de inobservância de quaisquer das condições do item 02 do mesmo; 10.2.2.6 No valor de R$ 200,00 (duzentos reais) por dia no atraso injustificado, ou com justificativa não aceita pela autoridade superior competente na entrega da mercadoria. 10.2.3 Suspensão de Participação em licitações com o Município de Apiúna, pelo prazo de 02 (dois) anos, no caso de quaisquer dos motivos expostos nos itens 10.2.2.2 à 10.2.2.5 e 10.2.4.1 à 10.2.4.2. 10.2.4 Declaração de Inidoneidade, nos seguintes casos: 10.2.4.1 Se o valor acumulado das multas ultrapassarem o 10% (dez por cento) do valor do valor total vencido pelo licitante registrado em ata; 10.2.4.2 Tenham sofrido condenação definitiva por praticarem, por meios dolosos, fraude fiscal no recolhimento de quaisquer tributos; 10.2.4.3 Tenham praticado atos ilícitos e/ou a não entrega do objeto deste edital, visando a frustrar os objetivos da licitação; 10.2.4.4 Demonstrem não possuir idoneidade para contratar com a Administração em virtude de atos ilícitos praticados. 10.2.5 Será assegurada, a parte que tiver dado motivo à penalidade, o contraditório e a ampla defesa. 10.3 Nenhum pagamento será processado à proponente penalizada sem que antes este tenha pago ou lhe seja relevada a multa imposta. 11 DO FORO 11.1 O foro competente para dirimir possíveis dúvidas, após se esgotarem todas as tentativas de composição amigável, e/ou litígios pertinentes ao objeto da presente licitação, independente de outro que por mais privilegiado seja, será o da Comarca de ASCURRA/SC. E, assim, por estarem justas e contratadas, as partes, por seus representantes legais, o presente instrumento em vias de igual teor e forma, para um só e jurídico efeito, perante as testemunhas abaixo assinados. Apiúna, 20 de abril de 2017. JOSE GERSON GONCALVES MUNICÍPIO DE APIÚNA Prefeito de Apiúna CONTRATANTE EMPRESA: POSTO AGRICOPEL LTDA. REA SILVIA MARMENTINI FERNANDES Contratada



AVISO PP 45/2017

Prefeitura Municipal de Apiúna Aviso de Licitação Pregão Presencial nº 45/2017 Objeto: CONTRATAÇÃO DE PESSOA(S) JURÍDICA(S) PARA COMERCIALIZAÇÃO E FORNECIMENTO DE BEBIDAS NA 22ª TANGEFEST, QUE ACONTECERÁ NO PERÍODO DE 16, 17 E 18 DE JUNHO DE 2017, JUNTO AO CENTRO DE EVENTOS DE APIÚNA/SC, DISPONIBILIZANDO TODA ESTRUTURA DE ATENDIMENTO, MÃO DE OBRA, MOBILIÁRIO, EQUIPAMENTOS, UTENSÍLIOS E DEMAIS OBJETOS NECESSÁRIOS, VENDA DE TÍQUETES E LIMPEZA DO LOCAL, DE ACORDO COM AS CONDIÇÕES PREVISTAS NO EDITAL E SEUS ANEXOS Local da Abertura: Prefeitura de Apiúna, Rua Quintino Bocaiúva, 204, 1º andar, sala 05, centro, Apiúna/SC, 89135-000 Data/ Hora autenticação de documentos, credenciamento e protocolo envelopes: 08/05/2017 – Das 07 horas e 30 minutos às 08 horas e 30 minutos Data/Hora da Abertura: 08/05/2017 – Àpós às 08 horas e 30 minutos Maiores Informações Fone 47 3353 2000, edital completo disponível em www.apiuna.sc.gov.br Jose Gerson Gonçalves/Prefeito de Apiúna

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 21

Arroio Trinta Prefeitura TERMO ADITIVO Nº 0001/2017 - CONTRATO TEMPORÁRIO Nº 0025/2017 - V. T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA

TERMO ADITIVO Nº 0003/2017 - CONTRATO Nº 0008/2014 - V. T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA

Pelo presente TERMO ADITIVO, o MUNICÍPIO DE ARROIO TRINTA, Pessoa Jurídica de Direito Público Interno, devidamente inscrita no CNPJ sob nº 82.826.462/0001-27, com sede na Rua XV de Novembro nº 26, em Arroio Trinta –SC, doravante denominado CONTRATANTE, neste ato representado pelo Prefeito Municipal, senhor CLAUDIO SPRICIGO, portador do CPF sob nº 518.040.009-06 e CI sob nº 1.518.8051, residente e domiciliado na Rua Orlando Zardo s/n, Centro de Arroio Trinta – SC e empresa, e a empresa V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA denominada CONTRATADA, representada neste ato pelo senhor VILMAR TESTOLIN (JÁ QUALIFICADO NO CONTRATO TEMPORÁRIO 00025/2017) e perante as testemunhas abaixo firmadas, pactuam o presente Termo Aditivo de acordo com o Art. 57, Inciso II, da Lei 8.666/93, para nele promover as seguintes alterações:

Pelo presente TERMO ADITIVO, O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE ARROIO TRINTA- SC, pessoa jurídica de direito público interno, devidamente inscrita no CNPJ sob o nº 10.479.381/0001-97, com sede a Rua Francisco Nava, 157 em Arroio Trinta - SC, doravante considerada CONTRATANTE, neste ato representado pelo Secretário da Saúde, o Senhor TARCÍSIO LIDANI, brasileiro, casado, portador do CPF n.º613.139.809-78 e CI nº 2.111.407, residente e domiciliada na Rua Albano Gemelli nº 98, em Arroio Trinta – SC, e a empresa V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA denominada CONTRATADA, representada neste ato pelo senhor VILMAR TESTOLIN (JÁ QUALIFICADA NO CONTRATO 008/2014 e TERMOS ADITIVO 001/2015 E 002/2016) e perante as testemunhas abaixo firmadas, pactuam o presente Termo Aditivo de acordo a Lei 8.666/93, para nele promover as seguintes alterações: CLAUSULA ADITIVA PRIMEIRA – DO PRAZO Fica aditivado o prazo para a prestação dos serviços de coleta, transporte, tratamento e destinação final do lixo hospitalar, objeto do contrato nº 0008/2014, por mais 30(trinta) dias ou seja, de 1º/03/2017 a 31/03/2017. CLAUSULA ADITIVA TERCEIRA - As demais cláusulas do Contrato original permanecem inalteradas.

TERMO ADITIVO Nº 0001/2017 AO CONTRATO TEMPORÁRIO Nº 0025/2017, PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0036/2017, DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº0024/2017, CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA COLETA, TRANSPORTE E TRATAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS. EMPRESA V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA.

CLAUSULA ADITIVA PRIMEIRA – Fica aditivado o prazo para a execução objeto do contrato emergencial nº 025/2017, por mais 30(trinta)dias, ou seja, de 1º/04/2017 a 30/04/2017, findo tal prazo, poderá ser aditivado por mais trina dias, se necessário, até a conclusão do processo licitatório em andamento. CLAUSULA ADITIVA SEGUNDA - As demais clausulas do Contrato original permanecem inalteradas. E Por assim estarem justos e contratados, assinam o presente Termo Aditivo m 3(três) vias de igual teor e forma, na presença de duas testemunhas. Arroio Trinta – SC, 31 de março de 2017. MUNICÍPIO DE ARROIO TRINTA CNPJ sob nº 82.826.462/0001-27 CONTRATANTE CLAUDIO SPRICIGO CPF sob nº 518.040.009-06 V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA CNPJ nº 76.323.633/0001-00 CONTRATADA VILMAR TESTOLIN SÓCIO DIRETOR TESTEMUNHAS: MICHEL JUNIOR SERIGHELLI CPF Nº 000.077.349-21 RONIVAN BRANDALISE CPF Nº 027.783.989-02 TERMO ADITIVO Nº 001/2017 AO CONTRATO Nº 0025/2017, PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0036/2017, DISPENSA DE LICITAÇÕES Nº 0044/2017 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA COLETA DE LIXO CONTRATADA: V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA PRORROGAÇÃO DE PRAZO ATÉ (30/04/2017) ASSINADO DIGITALMENTE

TERMO ADITIVO Nº 0003/2017 AO CONTRATO Nº 0008/2014, PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0011/2012, PREGÃO PRESENCIAL Nº0008/2014, CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA COLETA, TRANSPORTE E TRATAMENTO E DESTINO FINAL LIXO HOSPITALAR - EMPRESA V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA.

E Por assim estarem justos e contratados, assinam o presente Termo Aditivo m 3(três) vias de igual teor e forma, na presença de duas testemunhas. Arroio Trinta – SC, 28 de fevereiro de 2017. FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE CONTRATANTE TARCISIO LIDANI V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA CNPJ nº 76.323.633/0001-00 CONTRATADA VILMAR TESTOLIN SÓCIO DIRETOR TESTEMUNHAS: MICHEL JUNIOR SERIGHELLI CPF Nº 000.077.349-21 EVERTON CAMPAGNIN CPF Nº 715.611.619-34 AUTORIZAÇÃO PARA CELEBRAR TERMO ADITIVO CLAUDIO SPRICIGO, Prefeito Municipal de Arroio Trinta- SC, , autorizo, através do presente, em conformidade com o Art. 57, Inciso II, da Lei 8.666/93, a celebração de Termo Aditivo para prorrogação do prazo contratual ao contrato nº 0008/2014, celebrado com a Empresa V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA, cujo objeto é o coleta, transporte e tratamento de Lixo Hospitalar, até 31/03/2017. www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Arroio Trinta – SC, 28 de fevereiro de 2017. CLAUDIO SPRICIGO PREFEITO MUNICIPAL TARCISIO LIDANI GESTOR DO FUNDO TERMO ADITIVO Nº 0003/2017 AO CONTRATO Nº 0008/2014, PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0011/2014, PREGÃO PRESENCIAL Nº0008/2015 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA COLETA DE LIXO HOSPITALAR CONTRATADA: V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA PRORROGAÇÃO DE PRAZO ATÉ (31/03/2017)

Página 22

TERMO ADITIVO Nº 0004/2017 AO CONTRATO Nº 0008/2014, PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0011/2014, PREGÃO PRESENCIAL Nº 0008/2015 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA COLETA, TRANSPORTE E DESTINAÇÃO FINAL - LIXO HOSPITALAR CONTRATADA: V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA PRORROGAÇÃO DE PRAZO ATÉ (30/04/2017)

TERMO ADITIVO Nº 0004/2017 - CONTRATO Nº 0008/2014 - V. T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA

TERMO ADITIVO Nº 0004/2017 AO CONTRATO Nº 0008/2014, CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA COLETA, TRANSPORTE LIXO HOSPITALAR. EMPRESA V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA. Pelo presente TERMO ADITIVO, O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE ARROIO TRINTA- SC, pessoa jurídica de direito público interno, devidamente inscrita no CNPJ sob o nº 10.479.381/0001-97, com sede a Rua Francisco Nava, 157 em Arroio Trinta - SC, doravante considerada CONTRATANTE, neste ato representado pelo Secretário da Saúde, o Senhor TARCÍSIO LIDANI, brasileiro, casado, portador do CPF n.º613.139.809-78 e CI nº 2.111.407, residente e domiciliada na Rua Albano Gemelli nº 98, em Arroio Trinta – SC, e a empresa V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA denominada CONTRATADA, representada neste ato pelo senhor VILMAR TESTOLIN (JÁ QUALIFICADO NO CONTRATO TEMPORÁRIO 0008/2014 E TERMOS ADITIVOS) e perante as testemunhas abaixo firmadas, pactuam o presente Termo Aditivo de acordo com o Art. 57, Inciso II, da Lei 8.666/93, para nele promover as seguintes alterações: CLAUSULA ADITIVA PRIMEIRA – Fica aditivado o prazo para a execução objeto do contrato nº 0008/2014, por mais 30(trinta)dias, ou seja, de 1º/04/2017 a 30/04/2017, findo tal prazo, poderá ser aditivado por mais trina dias, se necessário, até a conclusão do processo licitatório em andamento. CLAUSULA ADITIVA SEGUNDA - As demais clausulas do Contrato original permanecem inalteradas. E Por assim estarem justos e contratados, assinam o presente Termo Aditivo m 3(três) vias de igual teor e forma, na presença de duas testemunhas. Arroio Trinta – SC, 31 de março de 2017. FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE CNPJ sob nº 10.479.381/0001-97 CONTRATANTE TARCISIO LIDANI V.T. ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA CNPJ nº 76.323.633/0001-00 CONTRATADA VILMAR TESTOLIN SÓCIO DIRETOR TESTEMUNHAS: MICHEL JUNIOR SERIGHELLI CPF Nº 000.077.349-21 RONIVAN BRANDALISE CPF Nº 027.783.989-02 ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 23

Ascurra Prefeitura LEI Nº 1473, de 18/04/2017

LEI Nº 1473, de 18 de Abril de 2017. Autoriza o Poder Executivo Municipal a aderir ao Programa Badesc Cidades e tomar empréstimo junto ao BADESC – AGÊNCIA DE FOMENTO DO ESTADO DE SANTA CATARINA S/A e dá outras providências. O prefeito do Município de Ascurra, Senhor LAIRTON ANTÔNIO POSSAMAI. Faço saber a todos os habitantes deste Município que a Câmara Municipal de Vereadores decreta e eu sanciono a seguinte lei: Art. 1º - Fica o Poder Executivo autorizado a aderir ao Programa Badesc Cidades. Art. 2º - A adesão ao Programa Badesc Cidades propiciará o aporte de recursos ao Município para financiamento destinado a pavimentação, urbanização de vias urbanas, drenagem pluvial e passeios públicos e à aquisição de um veículo para transporte escolar. Art. 3º - Para atendimento das necessidades financeiras do programa de investimentos mencionados no artigo 2º, fica o Poder Executivo autorizado a tomar empréstimo junto ao BADESC – Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina S/A, com recursos do Programa Badesc Cidades, até o montante de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) para a pavimentação, urbanização de vias urbanas, drenagem pluvial e passeios públicos e R$190.000,00 (cento e noventa mil reais) para aquisição de um veículo para transporte escolar, totalizando o valor do empréstimo a quantia de R$1.190.000,00 (um milhão cento e noventa mil reais). Parágrafo único - Em garantia aos empréstimos estabelecidos neste Artigo, fica o Poder Executivo autorizado a oferecer a vinculação de quotas partes do ICMS e/ou FPM, para pagamento do principal, juros, tarifas bancárias e outros encargos da operação de crédito. Art. 4º - Para dar continuidade ao Programa Badesc Cidades, o Poder Executivo consignará nos projetos de lei orçamentários dos anos subseqüentes, as dotações necessárias a formação do Programa, bem como para cumprimento dos compromissos com encargos dos empréstimos tomados. Art. 5º - Por conta dos financiamentos estabelecidos no Artigo 3º desta Lei, o Município pagará encargos máximos de 5,5% (cinco vírgula cinco por cento) ao ano, acrescido da taxa SELIC (variação acumulada das taxas médias apuradas no Sistema Especial de Liquidação e de Custódia, divulgada pelo Banco Central do Brasil), ou, no caso de sua extinção, o indexador que a substituir. Art. 6º - Os recursos provenientes da operação de crédito a que se refere esta Lei deverão ser consignados como receita no Orçamento ou em créditos adicionais, nos termos do inc. II, § 1º, art. 32, da Lei Complementar 101/2000. Art. 7º - Os orçamentos ou os créditos adicionais deverão consignar as dotações necessárias às amortizações e aos pagamentos dos encargos anuais, relativos aos contratos de financiamento a que se refere o artigo primeiro. Art. 8º - Fica o Chefe do Poder Executivo autorizado a abrir créditos adicionais destinados a fazer face aos pagamentos de obrigações decorrentes da operação de crédito ora autorizada. Art. 9º - Esta Lei entra em vigor na data da sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Município de Ascurra em, 18 de abril de 2017. LAIRTON ANTÔNIO POSSAMAI Prefeito de Ascurra/SC Publicada a presente Lei na forma regulamentar, Município de Ascurra, 18 de abril de 2017. Claudia Dalfovo Auxiliar Administrativo

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 24

Balneário Piçarras Prefeitura ADITIVO 03/2017 DO CONTRATO 024/2016 PMBP

PREFEITURA MUNICIPAL DE BALNEÁRIO PIÇARRAS ADITIVO Nº 03/2017 – PMBP DE 17/04/2017 CONTRATO Nº 24/2016-PMBP DE 16/06/2016 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 24/2016-PMBP CONCORRÊNCIA PARA OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA Nº 02/2016 O objeto desta licitação é a contratação de empresa especializada para execução de obras e serviços de engenharia para PAVIMENTAÇÃO ASFÁLTICA, DRENAGEM PLUVIAL E SINALIZAÇÃO, DO NOVO ACESSO AO BAIRRO NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO, conforme especificações e demais elementos técnicos constantes no Projeto e demais Anexos deste Edital, mediante o regime de empreitada por preço global do lote 2. Conforme Justificativa e solicitação constante no Memorando nº 116/2017 – Planejamento, fica prorrogado o prazo de vigência do presente contrato em 90 (noventa) dias, passando a vigorar até 17 de julho de 2017. Balneário Piçarras (SC), 17 de abril de 2017. ADRIANE POHL VICENTE EIRELI - EPP Leonel José Martins – Prefeito Municipal

CONTRATO 03/2017 FUNSAN

MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO PIÇARRAS CONTRATO Nº 03/2017-FUNSAN DE 20/04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 03/2017-FUNSAN TOMADA DE PREÇOS PARA OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA Nº 03/2017 HOMOLOGADO EM 20/04/2017 O presente contrato é decorrente do Processo Licitatório nº 003/2017 – Tomada de Preços para Obras e Serviços de Engenharia nº 005/2017-FUNSAN, e tem por objeto a Contratação de empresa para execução de obras e serviços de Drenagem Pluvial das Ruas Rio Negrinho, Alberto Reinert, Vereador João Figueredo e Ari Tomelin, no Município de Balneário Piçarras, conforme documentos anexos ao Processo, em estrita observância aos Memoriais, Planilhas e Projetos, atendendo solicitação da Secretaria Municipal de Obras, Serviços Urbanos e Rurais, documentos anexos ao Processo. A execução do presente contrato será mediante execução indireta, pelo regime de empreitada por Preço unitário, Licitação Tipo Menor Preço Global O valor total deste Contrato para efeitos financeiros, fiscais e orçamentários é de R$116.262,68 (cento e dezesseis mil, duzentos e sessenta e dois reais e sessenta e oito centavos), conforme Planilha de Custos, parte integrante do presente contrato. Os preços serão fixos e irreajustáveis. A Contratada terá um prazo de 90 Dias para a execução do objeto, conforme Cronograma Físico Financeiro anexo ao Processo, a contar da data de emissão da Ordem de Serviço pela Prefeitura Municipal. ADRIANE POHL VICENTE EIRELI - EPP Balneário Piçarras, 20 de abril de 2017. Aires Damião Testoni– Gestor do Fundo Municipal de Saneamento Ambiental

ASSINADO DIGITALMENTE

CONTRATO 04/2017 FUNSAN

MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO PIÇARRAS CONTRATO Nº 04/2017-FUNSAN DE 20/04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 02/2017-FUNSAN TOMADA DE PREÇOS PARA OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA Nº 02/2017 HOMOLOGADO EM 20/04/2017 URCA URBANIZADORA E CONSTRUTORA CATARINENSE EIRELI ME O presente contrato é decorrente do Processo Licitatório nº 002/2017 – Tomada de Preços para Obras e Serviços de Engenharia nº 002/2017-FUNSAN, e tem por objeto a Contratação de empresa para execução de obras e serviços de Drenagem Pluvial da Rua Rio Grande do Sul e Rua dos Pinus, no bairro Itacolomi, no Município de Balneário Piçarras, conforme documentos anexos ao Processo, em estrita observância aos Memoriais, Planilhas e Projetos, atendendo solicitação da Secretaria Municipal de Obras, Serviços Urbanos e Rurais, documentos anexos ao Processo. A execução do presente contrato será mediante execução indireta, pelo regime de empreitada por Preço unitário, Licitação Tipo Menor Preço POR LOTE O valor total deste Contrato para efeitos financeiros, fiscais e orçamentários é de R$559.141,72 (quinhentos e cinquenta e nove mil, cento e quarenta e um reais e setenta e dois centavos), conforme Planilha de Custos, parte integrante do presente contrato. Os preços serão fixos e irreajustáveis. Contratada terá um prazo de 60 DIAS para a execução do objeto, conforme Cronograma Físico Financeiro anexo ao Processo, a contar da data de emissão da Ordem de Serviço pela Prefeitura Municipal. Balneário Piçarras, 20 de abril de 2017. Aires Damião Testoni– Gestor do Fundo Municipal de Saneamento Ambiental

CONTRATO 08/2017 FME

MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO PIÇARRAS FUNDO MUNICIPAL DE Educação Contrato nº 08/2017 de 06/04/2017 – FME PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º010/2017-FME Dispensa de Licitação nº 004/2017-FME Objeto: Contratação do SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA –SESI/ SC para execução de ensino médio para educação de jovens e adultos a distância no município CONTRATADO – SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA - SESI , CNPJ 03.777.341/0001-66, com sede na rua Ademar Gonzaga, nº 2765, 2º andar, km 2.7, Itacorubi, Florianópolis, SC. VALOR – A proposta é de R$ 15.000,00 (quinze mil reais) por mês, no período de 10 meses. Vigência até 31/12/2017. Balneário Piçarras/SC, 06 de abril de 2017. LAURECI BERNADETE SCHNEIDER PEREIRA – Gestora do Fundo municipal de Educação

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 25

CONTRATOS 5 AO 13 DE 2017 - FMC

MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO PIÇARRAS FUNDO MUNICIPAL DE CULTURA Processo Licitatório nº 005/2017-FMC Inexigibilidade nº 004/2017-FMC Contrato 05 ao 13/2017 - FMC O presente Processo Licitatório tem por objeto a CONTRATAÇÃO ESPETÁCULOS PARA O 6º FESTIVAL DE TEATRO DE BALNEÁRIO PIÇARRAS, que acontecerá no período de 19 a 23 de abril de 2017, no Centro Cultural Luiz Telles e na Praça de Todas as Idades, conforme abaixo. 236500 - SIDINEIA DE SOUZA Item

Produto

8

APRESENTAÇÃO TEATRAL BRINCANDO ESCURO

Unidade NO

Marca

SERVIÇO

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$2.500,00

R$2.500,00

Total do Fornecedor:

R$2.500,00

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$2.500,00

R$2.500,00

247413 - ASSOCIACAO TERAPEUTICA SITIO CAMINHO NOVO Item

Produto

Unidade

4

APRESENTAÇÃO TEATRAL HOJE TEM CIRCO

SERVIÇO

Marca

Total do Fornecedor:

R$2.500,00

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$4.000,00

R$4.000,00

359084 - TESPIS CIA DE TEATRO Item

Produto

Unidade

2

APRESENTAÇÃO TEATRAL UM, DOIS, TRÊS, ALICE

SERVIÇO

Marca

Total do Fornecedor:

R$4.000,00

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$4.000,00

R$4.000,00

359130 - AV GRUPO TEATRAL LTDA - ME Item

Produto

Unidade

5

APRESENTAÇÃO TEATRAL DONA BILICA NAQUELE TEMPO

SERVIÇO

Marca

Total do Fornecedor:

R$4.000,00

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$2.500,00

R$2.500,00

480967 - ASSOCIAÇÃO ERANOS - CIRCULO DE ARTE Item

Produto

6

APRESENTAÇÃO TEATRAL MERGULHO EXPERIÊNCIA TEATRAL PARA CRIANÇAS

Unidade -

Marca

SERVIÇO

Total do Fornecedor:

R$2.500,00

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$4.000,00

R$4.000,00

5048486 - WILLIAN WALTER SIEVERDT ME Item

Produto

Unidade

1

APRESENTAÇÃO TEATRAL O INCRÍVEL LADRÃO DE CALCINHAS

SERVIÇO

Marca

Total do Fornecedor:

R$4.000,00

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$2.500,00

R$2.500,00

5048508 - CASSIO FERNANDO CORREIA Item

Produto

Unidade

3

APRESENTAÇÃO TEATRAL FADAS

SERVIÇO

Marca

Total do Fornecedor:

R$2.500,00

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$4.000,00

R$4.000,00

5048567 - CAMARIM ESCOLA DE ARTE LTDA -ME Item

Produto

Unidade

7

APRESENTAÇÃO TEATRAL CENA MORTA

SERVIÇO

Marca

Total do Fornecedor:

R$4.000,00

5048737 - ENLUARATUS COMUNICAÇÃO EDITORA LTDA - ME Item

Produto

Unidade

9

APRESENTAÇÃO TEATRAL PARA CONTAR ESTRELAS

SERVIÇO

Marca

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$4.000,00

R$4.000,00

Total do Fornecedor: R$4.000,00 5049202 - REVERALDO JOAQUIM Item

Produto

Unidade

10

APRESENTAÇÃO TEATRAL ARROZ E FEIJÃO EM: COLAPSO NO SISTEMA

SERVIÇO

Marca

Qtde

Valor Unitário

Valor Total

1

R$4.000,00

R$4.000,00

Total do Fornecedor: R$4.000,00

Vigência: 30/06/2017. Balneário Piçarras/SC, 17 de abril de 2017. Silvana Maria Rebello Pereira - Presidente Interina da Fundação Municipal de Cultura

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 26

Balneário Rincão Prefeitura LEI COMPLEMENTAR Nº 12/2017

LEI COMPLEMENTAR Nº 12, DE 21 DE MARÇO 2017. Institui a Gratificação de Função à Comissão Permanente de Licitação, Pregoeiro e Comissão de Apoio do Poder Legislativo e dá outras providências. Eu, JAIRO CELOY CUSTÓDIO, Prefeito Municipal de Balneário Rincão. Faço saber a todos os habitantes deste Município que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono a presente Lei: Art. 1º. Para fins desta lei, entende-se Comissão Permanente de Licitação, o grupo de servidores ocupantes de cargos em comissão e efetivos que, encarregados por um período de 12 meses, receber, examinar e julgar os documentos e procedimentos relativos à realização de processos de licitação, nas modalidades previstas na Lei 8.666, de 21 de junho de 1993 e na Lei 10.520, de 17 de julho de 2002. Art. 2º. A Comissão Permanente de Licitação será instituída mediante Decreto, que indicará o nome do presidente, secretário e dos membros titulares e suplentes. Art. 3º. Os membros titulares serão em número de 03 (três), dos quais, pelo menos 02 (dois) deverão ser servidores detentores de cargo provimento efetivo pertencente ao Quadro de Pessoal do Poder Legislativo. § 1º Na licitação é vedada à participação direta ou indireta de servidor ou dirigente de órgão ou entidade contratante ou responsável pela Licitação, conforme art. 9º da Lei Federal nº 8.666, de 21 de junho de 1993. Art. 4º. Fica instituída uma gratificação mensal por servidor componente da Comissão Permanente de Licitação e/ou Pregão da Câmara de Vereadores de Balneário Rincão, nos seguintes termos: I - Presidente da Comissão de Licitação e Pregoeiro: R$ 300,00 (trezentos reais); II – Secretário, Membros e suplentes da Comissão de Licitação e equipe de apoio ao pregão: R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais); § 1º. A assessoria jurídica deverá acompanhar as aberturas de todos os processos licitatórios, para tal fará jus à gratificação no valor do Presidente da Comissão de Licitação e Pregoeiro. § 2º. A gratificação de que trata a presente Lei visa recompensar o exercício do trabalho extraordinário desempenhado pelo servidor, em conjunto com as atribuições inerentes ao seu emprego, devendo ser paga aos seus componentes somente quando houver naquele mês abertura de processo licitatório, seja em quaisquer modalidades. §3º. O valor da gratificação será reajustado na mesma data e com o mesmo índice da revisão geral, anual, dos servidores d Poder Executivo. Art. 6º. Não terá direito a percepção da gratificação, pelo prazo de seu afastamento, o membro titular que estiver ausente por qualquer motivo, mesmo sendo esse período remunerado, como férias, licença-prêmio, licença para tratamento de saúde e outros, uma vez que o recebimento desta vantagem se vincula à sua efetiva participação na comissão de licitação. § 1º. Esta gratificação não terá incidência na remuneração de férias, atestado, 13º salário e 1/3 das férias. Art. 7º. A gratificação disciplinada nesta Lei não será incorporada ao vencimento do servidor em nenhuma hipótese, nem tampouco incidirá nenhuma contribuição previdenciária, tendo caráter indenizatório. Art. 8º. Havendo decreto designando os membros das comissões e de pregoeiro, previstas nesta lei, estes poderão se beneficiar das gratificações estabelecidas no artigo 4º. Art. 9º. Revogam-se as disposições em contrário. Art. 10º. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Balneário Rincão, 17 de abril de 2017. JAIRO CELOY CUSTÓDIO Prefeito Municipal Publicada e registrada na Secretaria de Administração e Finanças em 17 de abril de 2017. RAFAEL MOTTA CUSTÓDIO Secretário de Administração e Finanças designado

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 27

ATA 007/2017 - REGISTRO DE PREÇOS - PREGÃO PRESENCIAL Nº. 023/PMBR/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

ASSINADO DIGITALMENTE

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 28

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

ASSINADO DIGITALMENTE

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 29

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 30

Barra Bonita Prefeitura EDITAL PREGÃO Nº46/2017

MUNICIPIO DE BARRA BONITA-SC PROCESSO LICITATÓRIO Nº 046/2017 EDITAL DE PREGÃO Nº 046/2017 O MUNICÍPIO DE BARRA BONITA/SC, torna público que se encontra aberto Edital de Pregão Presencial, objetivando a contratação de Frete partindo da cidade de Barra Bonita/SC, passando pelo centro da cidade de São Miguel do Oeste/SC até Unoesc – Universidade do Oeste de Santa Cataria, com retorno, totalizando 62.400 KM, veículo com capacidade mínima 28 passageiros sentados e no mínimo ter ano de fabricação 2002 e que atenda todas as legislações vigentes. Os envelopes contendo documentação e propostas serão aceitos até as 08:30 horas do dia 05 de maio de 2017. Informações poderão ser obtidas nesta Prefeitura, no horário comercial, junto a Av.Buenos Aires, nº 600 ou pelo fone/fax (0xx) 49 3649-0004, no Departamento de Compras. Ou no site Oficial da Prefeitura. Barra Bonita, em 20 de abril de 2017. MOACIR PIROCA Prefeito Municipal

PORTARIA Nº 117, DE 20 DE ABRIL DE 2017. “CONCEDE DIÁRIA, ADIANTAMENTO E DA OUTRAS PROVIDÊNCIAS” PORTARIA Nº 117, de 20 de abril de 2017. “Concede diária, adiantamento e da outras providências”

O Prefeito Municipal de Barra Bonita, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições do seu cargo e de acordo com os incisos VI e VIII do artigo 73, da Lei Orgânica do Município. Resolve. Art.1º- Conceder 4,5 (quatro e meia) diárias ao servidor Davi Zacaron, Matricula nº 415601, ocupante do cargo de Motorista, no valor de R$ 607,50 (seiscentos e sete reais e cinqüenta centavos ), para realizar transporte de pacientes em tratamento de saúde fora do domicilio em Florianópolis/SC, conforme Memorando Nº018/2017 e Roteiro de Viagem nº10/2017 da Secretaria Municipal de Saúde. Art.2º.Conceder ADIANTAMENTO ao servidor acima citado na importância de R$ 350,00 (trezentos e cinqüenta reais), para conduzir pacientes em tratamento de saúde até a cidade de Florianópolis/SC, conforme Memorando nº19/2017, da Secretaria Municipal de Saúde. Prefeitura Municipal de Barra Bonita, Estado de Santa Catarina, em 20 de abril de 2017. Moacir Piroca Prefeito Municipal Registre-se e Publique-se esta Portaria na forma da Lei.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 31

Barra Velha Prefeitura ADITIVO 005/041/2012 PMBV

PREFEITURA DE BARRA VELHA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO Extrato de Contrato n° 2017/007 Contratada: EMPRESA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA E EXTENSÃO RURAL DE SANTA CATARINA – EPAGRI Licitação: Proc. Administrativo 038/2017 - INEX 005/2017 Objeto: Prestação de serviço de Assistência Técnica e Extensão Rural pela CONTRATADA para a CONTRATANTE, contendo as ações descritas no Plano Anual de Trabalho – PAT, que desde já integra este Instrumento Valor do Contrato: 29.961,08 (vinte e nove mil novecentos e sessenta e um reais e oito centavos) Data da assinatura: 24/04/2017 Data do vencimento: 31/12/2017 Barra Velha, 24 de abril de 2017 LUIZ ADEMIR HESSMANN – Pela Empresa Contratada VALTER MARINO ZIMMERMANN Prefeito

EDITAL CMDCA Nº 001/2017

CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DO MUNICÍPIO DE BARRA VELHA - SC –CMDCA Rua: Manoel José da Rosa, Nº 205 – Bairro São Cristóvão – Barra Velha/SC – 88390-000, Fone: (47)3456 2812 E-mail: [email protected] EDITAL CMDCA Nº 001/2017 DISPÕE SOBRE CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS PARA O ATENDIMENTO DIRETO À CRIANÇA E AO ADOLESCENTE ATRAVÉS DE RECURSOS DO FUNDO MUNICIPAL DA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA. O CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE – CMDCA, usando das atribuições que lhe são conferidas, COMUNICA aos responsáveis das Entidades regularmente constituídas, no Município de Barra Velha, registradas e com atestado de funcionamento e que desenvolvam atividades de promoção, defesa e/ou garantia dos direitos fundamentais de crianças e adolescentes, que está aberto o processo de inscrição, avaliação e seleção de projetos para financiamento através do Fundo da Infância e da Adolescência,conforme normas constantes na Resolução nº 137, de 21 de janeiro de 2010 do CONANDA – Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, pelaLEI Nº 1205, DE 08 DE AGOSTO DE 2012, que instituiu o Fundo Municipal da Infância e Adolescência – FIA, como também pela Lei Federal Nº 8.666/93 e suas alterações. 1. DO OBJETIVO 1.1.O objetivo deste Edital é convocar as Entidades, do Município de Barra Velha,que atuem na linha de prevenção e atendimento direto à criança e ao adolescente, em situação de risco pessoal e social,aapresentarem Projetos Sociais, pleiteando financiamento por parte dos valores que se encontram no Fundo Municipal da Infância e Adolescência (FIA). 1.2.A ChamadaPública para seleção de projetosseráregidaporesteEdital,seusanexose eventuais retificações, caso venham a existir, sendo realizado sob inteira responsabilidade, organização e controle do Conselho Municipal dosDireitosdaCriançaedoAdolescentedeBarra Velha– CMDCA. 1.3. Os Projetos deverão atender: a. Programas e projetos de pesquisa, de estudos, elaboração de diagnósticos, sistema de informações, monitoramento e avaliação das políticas públicas de promoção, proteção, defesa e atendimentosdosdireitosdacriançaedoadolescente; b. Desenvolvimento de programas e projetos de comunicação, campanhas educativas, publicações, divulgação das ações de promoção, proteção, defesa e atendimento dos direitos da criança e doadolescente; c. Ações de fortalecimento do sistema de garantia dos direitos da criança e do adolescente, com ênfase na mobilização social e na articulação para a defesa desses direitos. 1. DOOBJETO ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 32

2.1.ConstituiobjetodopresenteEditalaseleçãoeaprovaçãode Projetos Sociais que serão desenvolvidos por Entidades Governamentais eNãoGovernamentais. 2.2. Os Projetos Sociais devem prever o prazo de execução parao período de 06 a 12(doze) meses. 2.3.Para os fins deste Edital, fica estabelecida a seguinte definição de ProjetoSocial: “Projeto Social: é um empreendimento temporário, elaborado a partirdeumproblemasocialdetectado,planejadoeexecutadopor meio de ações compartilhadas, coordenadas e gerenciadas com o objetivo de promover transformações na comunidade, contribuindo paraamelhoriadaqualidadedevidadasociedade. ” 2.4.Os Projetos Sociais aprovados e selecionados serão eleitos para comporem o Plano de Ação e Metas do CMDCA, de acordo com a ordemdeclassificaçãodosmesmos, conforme os critérios determinados no Item 6 deste Edital. 2.5. OsProjetoscontempladosterãoapoiofinanceirodoFIA– Fundo Municipal da Infância e Adolescência, no valor parcial, caso haja contrapartida da Entidade ou doações sociais, ou totaldovalororçadonoProjeto, num limite de R$ 51.000,00 (cinquenta e um mil reais), liberados em 03 (três) parcelas de igual valor. 3. DAS INSCRIÇÕES 3.1. A inscrição será feita por meio deOFÍCIO, o qual deverá ser direcionado ao CMDCA,contendo o número do presente Edital e protocolado em duas vias idênticas, mais uma cópia em meio digital. 3.2. A inscrição do projeto deverá ser realizada na Sede do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente, junto ao Conselho Tutelar de Barra Velha, na Rua Manoel José da Rosa, Nº 205 – Bairro São Cristóvão – Barra Velha/SC – 88390-000 Fone: (47-3456 2812), E-mail: [email protected], de segunda a sexta feira, no horário das 08h00min às 11h30min e das 13h00min às 17h00min. 4. DASCONDIÇÕESBÁSICASPARAHABILITAÇÃO 4.1.As Entidades deverão estar devidamente registradas no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, do MunicípiodeBarra Velha–CMDCA. 4.2. Poderãoparticipar da presente seleção, Entidades beneficentes sem fins lucrativos, Órgãos Governamentais, ONGs ou OSCIPs, com sede no Município de Barra Velha, que apresentaremo Projeto Social e a documentação conforme orientação expressa nos Anexos, deste Edital. 4.3. NÃO poderão concorrer as Entidades que, anteriormente, receberam recurso do Fundo Municipal da Infância e Adolescência (FIA)e que não prestaram conta do mesmo ou que tiveram a prestação de contas rejeitada. 5. DAHABILITAÇÃO 5.1. A Entidade proponente deverá apresentar seu projeto e documentação de acordo com as indicações do Anexos I e II,seguindo as orientações dos demais Anexos deste Edital. 5.2. A verba a ser deliberada deverá atender aos seguintes fins: a. Sócioeducacionais para a garantia dos direitos e defesa da criança e do adolescente; b. Fortalecimento das relações familiares e comunitárias. 5.3. Os projetos apresentados serão habilitados ou não,através da Análise e Parecer da Comissão de Projetos e, posteriormente,da aprovação ou não, em plenário do CMDCA. 5.4. Os projetos não habilitados serão devolvidos à Entidade proponente. 5.5. A Entidade poderá apresentar até 03 (três) projetos que atendam à finalidade expressa neste Edital e de acordo com as orientações constantes noAnexo I. 5.4.1. A Entidade deverá formalizar a solicitação conforme orienta o Item 3, deste Edital. 5.4.2.A apresentação do Projeto deverá seguir as Orientaçõesdo ANEXO I; 5.4.3.A apresentação da Documentação, constante do ANEXO II, deverá ocorrer em até 10 (dez) dias úteis, contados da data de recebimento da Comunicação Oficial do CMDCA que informa sobre a aprovação do Projeto. 5.4.5.A inscrição implicará na ciência e aceitação tácita das condições estabelecidas neste Edital, das quais as instituições nãopoderãoalegardesconhecimento,sobnenhumahipótese. 6. DOS CRITÉRIOS DE SELEÇÃO 6.1.1. Os Projetos Sociais serão analisados pela Comissão de Projetos, levando em consideração os seguintes critérios, bem como os já ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 33

citados, anteriormente, neste edital: a. Excelência e relevância do projeto: Entende-se como relevante um projeto que possa ser reconhecido e tomado como modelo, por seu conceito, conteúdo e probabilidade de alcance de resultados, por seu conjunto de atributos técnicos, por sua capacidade de preencher lacunas ou suprir carência constatada, com justa causa, conveniência e oportunidade; b. Adequação da proposta orçamentária: Entende-se como adequada a proposta orçamentária que especifique todos os itens de despesa do projeto, de forma detalhada e compatível com preços de mercado, apresentando, se for o caso e/ou por solicitação da Comissão de Projetos do CMDCA, 03 (três) orçamentos que justifique os valores; c. Viabilidade de execução do projeto: Entende-se, como viável, um projeto que seja exequível de acordo com a planilha financeira apresentada. 6.1.2.O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente - CMDCA decidirá acerca do mérito dos projetos sociais concorrentes, após oParecer da Comissão de Projetos do CMDCA, tendo sua decisão fundamentada e registrada em Ata acerca da seleção dosmesmos. 6.1.3. O resultado da seleção e classificação dos Projetosvalidados pelo CMDCAserá publicado através de Comunicação Oficial aos Representantes das Entidades Proponentes, bem como no local de divulgação dos Atos Públicos da Prefeitura de Barra Velha e emjornal de circulação local. 6.1.4. AEntidade que tiver seus Projetos Sociais contemplados será, oportunamente, convidada a firmar Termo deConvênio. 6.1.5.A Entidade proponente que tiver o financiamento de seu Projeto aprovado, depois de comunicada, terá 10 (dez) dias úteis para protocolar, no CMDCA, a Documentação orientada no ANEXO II, deste Edital, bem como comprovar a abertura de conta bancária específica para subvenção social, para movimentação dos valores repassados pelo FIA e prestação de contas. 6.1.6. AsEntidadesquenãotiveramseusprojetosselecionados poderão recorrer no prazo de 02 (dois) dias, a contar da data do recebimento da Comunicação Oficial. 6.1.7.Os recursos deverão ser protocolados no CMDCA, que convocaráreuniãoextraordináriada Comissão de Projetospara apresentarnovaanálise,no prazode05(cinco)diasúteis. 7. DADISTRIBUIÇÃO DOS RECURSOS FINANCEIROS 7.1. Será investido, através deste EDITAL, o valor máximo de R$408.000,00 (quatrocentos e oito mil reais), divididos para os projetos aprovados e selecionados, no repasse máximo de R$ 51.000,00 (cinquenta e um mil reais) por projeto. 7.2. Os projetos aprovados, mas não selecionados,ficarão no Banco de Projetos do CMDCA à disposição da comunidade para possíveis financiamentos. 7.3. Os recursos serão repassados, em 03 (três) parcelas, às Entidades cujos projetos foram aprovados, conforme cronograma e prestação de contas do projeto. 7.4. Se, no decorrer da execução do projeto, houver evasão de 50% ou mais do público atendido, o projeto será cancelado sem mais repasses financeiros pelo FIA. 7.5. O eventual cancelamento no financiamento do projeto será deliberado, pelo CMDCA, com a participação dos Representantes da Entidade executora do projeto. 7.6. Os valores repassados não gastos, na execução do projeto,deverão ser devolvidos ao FIA, após o término do mesmo. 7.7. Os recursos repassados pelo FIA não podem ser gastos em bens duráveis que venham a se tornar propriedade de entidade ou de particulares, tais como: construções, reformas, compra de carro, móveis e outros, mesmo que sua finalidadeseja para o atendimento direto à criança e ao adolescente. 8. DO TERMO DECONVÊNIO 8.1. As Entidades contempladas serão notificadas para assinatura do Termo de Convênio e deverão apresentar a documentação atualizada, conforme ANEXO II, deste Edital. 8.2. O recurso financeiro destinadoà execução do Projeto deverá ser utilizado,EXCLUSIVAMENTE,nas despesas previstas no cronograma físico-financeiro. 8.3.A Entidade deverá executar e concluir o seu Projeto Social, no prazo máximo de 12 (dozes) meses, a partir da data da liberação dos recursos, ficando atenta à validade de prazo do Termo de Convênio, para eventual solicitação de prorrogação, se for o caso. 8.4. Caso haja a necessidade de prorrogação de prazo, a Entidade deverá solicitar, por escrito, ao CMDCA, até 30 dias antes do término estabelecido no Termo de Convênio. 9. DA PRESTAÇÃO DE CONTAS

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 34

9.1. A prestação de contas de cada parcela deverá ser apresentada, ao CMDCA, num prazo máximo de 60 (sessenta) dias, contados a partir da data da liberação dos recursos. 9.2. Após o término do projeto deverá ser apresentada a prestação final das contas e relatório final, ao Plenário do CMDCA. 9.3. Os gastos e as prestações de contas devem seguir a planilha financeira ou plano de aplicação apresentado no projeto. 9.4.É proibido computar, nas prestações de contas, as despesas com taxas bancárias. 9.5.Os pagamentos das despesas do projeto devem ser justificados com entrega de notas fiscais. Os colaboradores pessoas físicas devem entregar nota fiscal avulsa de prestação de serviços, contendo o número de horas trabalhadas. 9.6.Não serão aceitos, na prestação de contas, recibos simples de prestação de serviços de pessoas físicas,excetoos recibos de prestação de serviços de entidades que não possuem nota fiscal conforme INSTRUÇÃO NORMATIVA NTC-14/2012, do Tribunal de Contas do Estado. 9.7.A prestação de contas que apresentar inconformidade será devolvida ao proponente para as devidas correções. 9.8. A prestação de contas deve ter a seguinte sequência; a. Ofício de encaminhamento da prestação de contas; b. Ficha cadastral de entidade; c. Balancete: declaração de aplicação dos recursos; d. Notas fiscais; e. Cópia dos cheques emitidos; f. Extratos bancários; g. Declaração de depósitos em conta e comprovantes de depósitos; h. Informações complementarese/ou justificativas; i. Relatório descritivo do projeto e aplicação dos recursos; j. Fotos relativas ao andamento do projeto. 9.9. Todas as páginas da prestação de contas deverão ser numeradas em ordem crescente e rubricadas pelo Presidente da Entidade e pelo Coordenador do Projeto. 10. DA FISCALIZAÇÃO DOS PROJETOS 10.1. A Comissão de Avaliação de Projetos, instituída pelo CMDCA, deverá fiscalizar os projetos, em todos os seus aspectos, através devisitas de inspeção às instalações onde se desenvolvem as atividades e formulará os devidos relatórios que serão apresentados ao Plenário do CMDCA. 10.2. A Entidade deverá utilizar a placa modelo fornecida pelo CMDCA, indicando que o referido projeto foi contemplado com recursos do FIA; 10.3.A Entidade deverá incluir a logomarca do FIA e do CMDCA em todos os materiais físicos e eletrônicos de divulgação do Projeto. 11. DOCANCELAMENTO DE REPASSE 11.1. O CMDCA pode cancelar os repasses dos recursos do FIA, em ato deliberativo do Conselho, seguindo os Pareceres dasComissões constituídas pelo CMDCA,se forem comprovadas falhas ou vícios que impeçam a continuidade do projeto, tais como: a. Evasão do público alvo, conforme o item 7.4, deste Edital; b. Não comparecimento de colaboradores nos horários contratados; c. Prestação de contas incorreta; d. Descumprimento do plano de ação/aplicação do projeto; e. Desvio de materiais e ou recursos do projeto para outras finalidades. 12. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS 12.1. A documentação dos proponentes inabilitados, se não for retirada no prazo de 30 (trinta) dias, contados a partir da data de divulgação do resultado final, será inutilizada pelo CMDCA, mediante notificação protocolada. 12.2. Os casos omissos, deste Edital, serão decididos pelo CMDCA e manifestados pelo Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. 12.3. Ao CMDCA fica reservado o direito de prorrogar, revogar, retificar ou anular este Edital, havendo motivos ou justificativas para tais procedimentos devidamente deliberados pelos Conselheiros. 12.4. Fica eleito o Foro da Comarca de Barra Velha, do Estado de Santa Catarina para serem dirimidas quaisquer questões decorrentes do presente Edital. 12.5.Fica revogado o Edital CMDCA Nº 03/2016, de 14 de novembro de 2016. ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 35

12.6. Publique-se no Mural da Prefeitura Municipal de Barra Velha e no endereço eletrônico www.barravelha.sc.gov.br. Barra Velha,19 de abril de 2017. Marilise Klaus Einsfeldt Presidente doCMDCA ANEXO I ORIENTAÇÕES PARA REDAÇÃO DO PROJETO 1.IDENTIFICAÇÃO DO PROPONENTE 0.1 . Dados de identificação do proponente: a. Proponente (Entidade Gestora do Projeto) informar nome, CNPJ, endereço, telefone, e-mail da Entidade; b. Breve Histórico da Entidade contendo data de fundação; c. Descrição da Missão da Entidade. 1.2. Dados de 02 (dois) Responsáveis pela Entidade: informar nome, função, cargo, CPF, RG, e-mail, telefone e endereço. 1.3. Dados do Responsável pela elaboração do Projeto: informar nome, CPF, RG, função, cargo, e-mail, telefone e endereço. 1.4. Dados do Coordenador do Projeto: informar nome, CPF, RG, e-mail, telefone e endereço. 2. APRESENTAÇÃO DO PROJETO. a. Nome completo do Projeto; b. Justificativa do Projeto; c. Diagnóstico da realidade da região a ser abrangida pelo projeto, citando demandas justificadas por dados específicos que levaram à elaboração do Projeto; d. Público alvo: esclarecer sobre a população que será diretamente beneficiada pelo Projeto (quantidade e caracterização das crianças/ adolescentes e/ou famílias a serem atendidas); e. Objetivo do Projeto: quais resultados pretende-se chegar e qual o impacto que o Projeto pode causar na realidade local; f. Área de abrangência: indicar o espaço de abrangência do Projeto; g. Período de execução do Projeto: determinar o início/término previstos; h. Parcerias: os Projetos poderão contar com a contrapartida da Entidade proponente e de outros possíveis colaboradores (informar dados das entidades ou particulares parceiros do projeto e qual sua colaboração, pode constar ajuda financeira, cessão de espaço físico, serviços voluntários, água, luz, livros e outros); i. Indicadores de avaliação do Projeto: informar quais indicadores serão mensurados, periodicamente, para avaliar se o Projeto está alcançando seus objetivos específicos e se tem condições de alcançar o objetivo geral. j. Avaliação do Projeto: informar datas das avaliações periódicas e da avaliação final e como serão usados os indicadores para medir o alcance dos objetivos e a data para entrega do Relatório de Avaliação, ao CMDCA; k. Apresentar03 (três) orçamentos de acordo com os itens a serem adquiridos e/ou prestadores de serviços, em papel timbrado/carimbo da empresa, conforme determina o item 6.1.1 b, deste Edital. l. O prestador de serviço (pessoa física), em se tratando do item anterior, deverá emitir o RG, CPF, endereço completo e telefone. 3- APRESENTAÇÃO DO PLANO DE AÇÃO/APLICAÇÃO a. Valor solicitado ao FIA para custear projetos (por extenso); b. Valor eventual contrapartida (especificar somente valores); c. Valor total do projeto; d. Apresentar plano de ação/aplicação para o total de recursos financeiros. 4. METODOLOGIA: indicar, passo a passo, a metodologia a seraplicada para que o projeto possa atingir os objetivos; 5. CRONOLOGIA:Data de início e previsão de término do projeto, (informar atividades propostas, com tempo definido, datas e horários) 6. PRESTAÇÃO DE CONTAS: A prestação de contas deve seguir a planilha financeira ou plano de aplicação, apresentados no projeto. Os pagamentos relativos aos valores recebidos do FIA ao projeto devem ser justificados com entrega de notas fiscais. Esses documentos devem ser entregues, ao CMDCA, no término do projeto e devem estar à disposição do Conselho sempre que forem solicitados. A Entidade deve entregar a prestação de contas, na forma original e mais duas cópias. 7. RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO: Após o término do projeto, no prazo de 30 dias, a entidade deve entregar, ao CMDCA, o Relatório completo, em duas vias e fazer apresentação em plenário, em data e horário pré-determinados. ANEXO II DOCUMENTOS A SEREM PROTOCOLADOS NO CMDCA, NO PRAZO DE 10 (DEZ) DIAS ÚTEIS, CONFORME ITEM 6.1.5, DESTE EDITAL: 1. Ofício de entrega da documentação ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 36

2. Declaração de responsabilidade e compromisso dos responsáveis pelo projeto; 3. CNPJ da entidade – Impresso (internet) www.receita.fazenda.gov.br 4. Cópia do documento comprobatório de posse do local de funcionamento da entidade; 5. Cópia do certificado de funcionamento da entidade emitido pela Secretaria de Assistência Social do Município de Barra Velha; 6. Cópia do Estatuto Social de Entidade registrada em cartório; 7. Cópia da Lei de Utilidade Pública Municipal ou Certidão da Câmara de Vereadores que reconheça a utilidade pública; 8. Cópia autenticada da ATA de Posse da atual Diretoria da Entidade 9. Cópia do RG e CPF do Presidente e do Responsável pelo Projeto da Entidade; 10. Comprovante de residência do Presidente e doResponsável pelo Projeto da Entidade; 11. Certificado Atualizado de Regularidade do FGTS (Certidão Negativa de Débitos) – www.caixa.gov.br; 12. Certidão Atualizada de Débito do INSS (Certidão Negativa de Débitos) – www.receita.fazenda.gov.br; 13. Certidão atualizada Conjunta de Débitos Relativos a Tributos Federais e a Dívida Ativa da União (Certidão Negativa de Débitos) – www. receita.fazenda.gov.br; 14. Certidão Negativa de Débitos Atualizada de Débitos Estaduais – www.sef.sc.gov.br; 15. Certidão Negativa Atualizada de Débitos Municipais; 16. Comprovante de Abertura de Conta Bancária específica para o convênio. ANEXO III CHEK LIST DA PRESTAÇÃO DE CONTAS CHEK LIST DAS PRESTAÇÕES DE CONTAS DE PROJETOS SOCIAIS, EM BENEFÍCIO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE, ENCAMINHADOS AO CMDCA Item

DOCUMENTOS DESCRITIVOS

1

Ofício do encaminhamento da prestação de contas, mencionando qual a parcela do recurso

2

Ficha Cadastral da Entidade – Anexo V

3

Balancete – Anexo VI

4

Declaração de aplicação dos recursos – Anexo VII

5

Notas Fiscais descrição dos produtos conforme o projeto

6

Nota Fiscal Avulsa

7

Termo/Carimbo de Recebimento no verso das notas

8

Cópias de cheque em sequência da nota

9

Cheque emitido em data igual à data da nota

10

Cheque emitido em data anterior à data da nota fiscal, com justificativa

11

Cheque emitido em data posterior à data da nota fiscal com justificativa

12

Extratos bancários

13

Declaração de depósito em Conta do FIA e comprovante de depósito – Anexo VIII

14

Declaração de depósito em Conta Convênio e comprovante de depósito – Anexo VII

15

Informações complementares e/ou justificativas

16

Relatório descritivo do projeto e aplicação dos recursos

17

Fotos relativas às etapas do projeto

18

Prestação de Contas entregue dentro do prazo.

19

Prestação de Contas na ordem sequencial com as páginas numeradas e rubricadas

SIM

NÃO

OBS

ANEXO IV ORIENTAÇÕES PARA UMA PRESTAÇÃO DE CONTAS CORRETA ITEM

DOCUMENTOS DESCRITIVOS

1

A Prestação deContas deverá vir acompanhada de um Oficio, ao CMDCA, devidamente numerado, identificando o encaminhamento e assinado pelo Representante Legal da Entidade.

2

AFicha Cadastral da Entidade deve conter os dados solicitados conforme AnexoV.

3

OBalancete(Receitas eDespesas) deve ser preenchido de acordo com o Plano de Ação – Anexo VI.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 37

1e2

As notas fiscais não deverão ter rasuras nem escrita/cores de tinta diferentes.

3

A nota fiscal deve ter a descrição dos produtos conforme o que consta no projeto.

4

A nota fiscal ou comprovante de despesas deverá constar no verso o termode recebimento, datado e assinado pelo responsável.

5

O pagamento deverá ser feito com cheques e cópia do mesmo deveráacompanhar a nota fiscal.

6

Os cheques deverão ser emitidos com data igual ou posterior à data na nota fiscal ou recibo.

7

Cheque emitido em data anterior ao da nota fiscal não será permitido, salvo em casos justificáveis.

8

Recibo simples não será aceito na Prestação de Contas quando do pagamento de serviços, deverá ser emitido uma Nota Fiscal avulsa junto a Prefeitura Municipal. O recibo só será aceito no caso da Entidade não possuir nota fiscal, conforme orienta o item 9.6, deste Edital, jamais para pessoa física.

1

Os extratos bancários deverão acompanhar a Prestação de Contas, sendo que o saldo deverá estar zerado.

2

Em caso de sobra de recursos, a Prestação de Contas deverá ter declaração e comprovante do depósito do referido saldo.

3

As taxas bancárias não fazem parte das despesas. Em caso de descontos, a Entidade deverá recolher estes valores na conta movimento para completar o valor do projeto e incluir, na Prestação de Contas, o Comprovante do Depósito.

1 2e3

Deverão acompanhar a Prestação de Contas Informações Complementares pertinentes e/ou relevantes sobre a execução do projeto e/ou da aplicação do recurso financeiro bem como as justificativas que se fizerem necessárias para esclarecimento das ações. No encerramento do projeto deverá ser elaborado um Relatório descritivo de todas as atividades realizadas, acompanhada de fotos, depoimentos ou outra forma relevante de demonstração das ações realizadas.

4

A Prestações de Contas deverá ser entregue em tempo hábil, ou seja, em até 60 (sessenta dias) após a liberação da parcela de recursos.

5

Todas as folhas da Prestação de Contas deverão ser numeradas, em ordem crescente e rubricadas, na parte inferior, pelo Responsável da Entidade e pelo Coordenador do Projeto.

OBS.:

*A Prestação de Contas deverá ser montada na ordem do Check List. *Prestação de Contas com alguma não conformidade será devolvida pela Comissão de Finanças, para que a Entidade a regularize. *A Entidade deve solicitar aProrrogação de Prazo, com 30 dias antes do vencimento expresso no Contrato de Convênio.

ANEXO V FICHA CADASTRAL Entidade: (nome da entidade) CNPJ: Endereço: Município: Barra Velha – SC CEP: 88.390-000 Telefone: Presidente: CPF: Telefone da Presidente: Coordenador do Projeto: CPF: Telefone do Coordenador:

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 38

ANEXO VI BALANCETE MÊS E ANO Unidade Concedente: Prefeitura de Barra Velha Ordenador de Despesas: Claudemir Matias Francisco Entidade Beneficiada: Endereço: Responsável: Nota de Empenho nº: Projeto Atividade: Ordem de Pagamento:

Data: Data:

Histórico Fiel da Finalidade: Repasse a ser utilizado para manutenção das atividades da Associação. DOCUMENTO Numero Data Histórico Data do deposito Nº da nota fiscal

ANEXO AO TC 28

Cep: 88.390-000 CPF: Valor R$: Item/Fonte: Valor R$:

Recebimento

Deposito Numero do cheque emitido

10.000,00

TOTAL:

10.000,00

Pagamentos

Valor cheque

Soma dos cheques

Barra Velha, ____ de ______ de _______ (nome da Presidente) ANEXO VII DECLARAÇÃO SOBRE A APLICAÇÃO DE RECURSOS ........................................................................ (nome da Entidade), inscrita no CNPJ/ ....................................................... , com endereço na Rua .............................. nº, Bairro ....................................., neste Município, por seu Representante, no uso de suas atribuições legais de Presidente da Entidade, DECLARA, para os devidos fins de direito e para fins de composição da Prestação de Contas, que o recurso recebido através do Fundo Municipal da Infância e Adolescência – FIA, destinado ao Projeto ........................................................ , no valor de R$ ............................. (valor por extenso), referente à ........................... parcela, foi devidamente empregado para os fins concedidos, atendendo ao Plano de Trabalho e aos objetivos propostos no Projeto, cujos documentos de despesas, anexo, estão legíveis e devidamente assinados. Nada mais a declarar, firma-se a presente declaração. ..................................................................................................... Presidente ANEXO VIII DECLARAÇÃO DEPÓSITO EM CONTA DO FIA ......................................................................................... (nome da Entidade), CNPJ ................................................. , por seu representante legal, no uso de suas atribuições de Presidente, DECLARA que o valor depositado na Conta Nº .............. Agência ........... Banco ......................... , no valor de R$ .................(valor por extenso), em ...../ ...... /........, conforme o Comprovante do Depósito, refere-se ao recurso recebido e não utilizado por esta Entidade, cuja justificativa se encontra na Informações Complementares, anexa nesta Prestação de Contas. Por ser verdade, firmo a presente declaração. Barra Velha, ........./ .......... /.......... ......................................................................................... Presidente ANEXO IX DECLARAÇÃO DEPÓSITO EM CONTA CONVÊNIO ......................................................................................... (nome da Associação), CNPJ ................................................. , por seu representante legal, no uso de suas atribuições de Presidente, vem declarar, para fins desta Prestação de Contas, no intuito de esclarecer, que o valor depositado na Conta Convênio: R$ .................(valor por extenso), em ...../ ...... /........, refere-se às taxas cobradas pela Instituição Bancária, sendo de responsabilidade da Entidade a quitação dos valores. Por ser verdade, firmo a presente declaração. Barra Velha, ........./ .......... /.......... ......................................................................................... Presidente

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

PORTARIA Nº 1190, 20 DE ABRIL DE 2017 PORTARIA Nº 1190, 20 DE ABRIL DE 2017 "Nomeia candidato aprovado no Concurso Público"

O PREFEITO DE BARRA VELHA, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, com base no disposto do inciso VII do artigo 71 e inciso II, do artigo 18, ambos da Lei Orgânica Municipal com conformidade nos artigos 10, 13 e 16, da Lei Complementar Municipal nº 125/2011, tendo em vista o resultado do concurso público realizado através do Edital nº 002/2015, homologado pelo Decreto nº 1088 de 07/03/2016 e Decreto 1089 de 14/03/2016. RESOLVE: Art. 1º Nomear o candidato ANTONIO JOÃO PATRÍCIO para o cargo efetivo de Motorista de Ônibus, Nível I - 1, do Anexo VI da Lei Complementar nº 125/2011, lotado com exercício na Secretaria Municipal da Educação e Cultura, com a carga horária de 40 horas semanais. Art. 2ºO candidato deverá tomar posse do cargo no prazo de até 30 (trinta) dias, contados da data de publicação da presente, prorrogável por mais 30 (trinta) dias. Art. 3° Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Publique-se, Registre-se e Cumpra-se. Barra Velha, 20 de abril de 2017. VALTER MARINO ZIMMERMANN Prefeito

PP 007/2017 FMS

PREFEITURA DE BARRA VELHA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO Processo Administrativo nº 010/2017 - Pregão Presencial nº 007/2017 - FMS A Prefeitura de Barra Velha, através da Secretaria de Administração, nos termos da Lei nº 10.520/2002 e subsidiariamente, pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações, torna público para o conhecimento dos interessados, que fará realizar Licitação na Modalidade PREGÃO PRESENCIAL do tipo Menor Preço global por ITEM para Aquisição de equipamentos para as Unidades Básicas de Saúde do Centro e de Itajuba de acordo com a proposta 01877528000/116001 RECURSO DE EMENDA PARLAMENTAR 25700001. Conforme especificações detalhadas do Anexo I – Termo de Referência. Recebimento dos Envelopes até: 09/05/2017 às 08:30 horas. Data da Sessão Pública: 09/05/2017 às 08:45 horas, na Secretaria da Administração, situada na Av. Governador Celso Ramos, nº 200, Centro, Barra Velha/SC. Coordenação do Processo: Pregoeiro Rubia Fernanda Alves. O Edital na íntegra encontra-se a disposição dos interessados no endereço supra, horário: 8:00 às 12:00 horas e 13:30 às 17:30 horas, ou no site www.barravelha.sc.gov.br. Barra Velha, 24 de abril de 2017. VALTER MARINO ZIMMERMANN – Prefeito.

PP 008/2017 FMS

PREFEITURA DE BARRA VELHA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO Processo Administrativo nº 011/2017 - Pregão Presencial nº 008/2017 - FMS A Prefeitura de Barra Velha, através da Secretaria de Administração, nos termos da Lei nº 10.520/2002 e subsidiariamente, pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações, torna público para o conhecimento

ASSINADO DIGITALMENTE

Página 39

dos interessados, que fará realizar Licitação na Modalidade PREGÃO PRESENCIAL do tipo Menor Preço global por ITEM para Aquisição de material permanente para as Unidades Básicas de Saúde do Centro, Pedras Brancas, São Cristóvão, Sertãozinho e de Itajuba de acordo com a proposta 01877528000114003. Conforme especificações detalhadas do Anexo I – Termo de Referência. Recebimento dos Envelopes até: 10/05/2017 às 08:30 horas. Data da Sessão Pública: 10/05/2017 às 08:45 horas, na Secretaria da Administração, situada na Av. Governador Celso Ramos, nº 200, Centro, Barra Velha/SC. Coordenação do Processo: Pregoeiro Rubia Fernanda Alves. O Edital na íntegra encontra-se a disposição dos interessados no endereço supra, horário: 8:00 às 12:00 horas e 13:30 às 17:30 horas, ou no site www.barravelha.sc.gov.br. Barra Velha, 24 de abril de 2017. VALTER MARINO ZIMMERMANN – Prefeito.

PP 026/2017 PMBV

PREFEITURA DE BARRA VELHA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO Processo Administrativo nº 039/2017 - Pregão Presencial nº 026/2017 A Prefeitura de Barra Velha, através da Secretaria de Administração, nos termos da Lei nº 10.520/2002 e subsidiariamente, pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações, torna público para o conhecimento dos interessados, que fará realizar Licitação na Modalidade PREGÃO PRESENCIAL do tipo Menor Preço global por LOTE para Aquisição de jalecos para os professores da rede municipal de ensino do município de Barra Velha. Conforme especificações detalhadas do Anexo I – Termo de Referência. Recebimento dos Envelopes até: 011/05/2017 às 08:30 horas. Data da Sessão Pública: 11/05/2017 às 08:45 horas, na Secretaria da Administração, situada na Av. Governador Celso Ramos, nº 200, Centro, Barra Velha/SC. Coordenação do Processo: Pregoeiro Rubia Fernanda Alves. O Edital na íntegra encontra-se a disposição dos interessados no endereço supra, horário: 8:00 às 12:00 horas e 13:30 às 17:30 horas, ou no site www.barravelha.sc.gov.br. Barra Velha, 24 de abril de 2017. VALTER MARINO ZIMMERMANN – Prefeito.

PP 027/2017 PMBV

PREFEITURA DE BARRA VELHA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO Processo Administrativo nº 040/2017 - Pregão Presencial nº 027/2017 A Prefeitura de Barra Velha, através da Secretaria de Administração, nos termos da Lei nº 10.520/2002 e subsidiariamente, pela Lei nº 8.666/93 e suas alterações, torna público para o conhecimento dos interessados, que fará realizar Licitação na Modalidade PREGÃO PRESENCIAL do tipo Menor Preço global por LOTE para Aquisição de equipamento de topografia para secretaria de planejamento do município de Barra Velha. Conforme especificações detalhadas do Anexo I – Termo de Referência. Recebimento dos Envelopes até: 11/05/2017 às 14:00 horas. Data da Sessão Pública: 11/05/2017 às 14:30 horas, na Secretaria da Administração, situada na Av. Governador Celso Ramos, nº 200, Centro, Barra Velha/SC. Coordenação do Processo: Pregoeiro Rubia Fernanda Alves. O Edital na íntegra encontra-se a disposição dos interessados no endereço supra, horário: 8:00 às 12:00 horas e 13:30 às 17:30 horas, ou no site www.barravelha.sc.gov.br. Barra Velha, 24 de abril de 2017. VALTER MARINO ZIMMERMANN – Prefeito.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 40

Bela Vista do Toldo Prefeitura PORTARIA 479/2017

PORTARIA 481/2017

ADELMO ALBERTI, Prefeito Municipal de Bela Vista do Toldo, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhes são conferidas art. 67, inciso XXIV, da Lei Orgânica do Município, reSOLVE: Art. 1º. Conceder a TEREZINHA DE FÁTIMA DOS SANTOS, investida no cargo de Auxiliar de Serviços Gerais do Quadro de Provimento Efetivo do Poder Executivo Municipal, lotada na Secretaria Municipal de Educação no Núcleo Escolar Municipal João Batista Pontarolo, licença maternidade por 180 (cento e oitenta) dias.

ADELMO ALBERTI, Prefeito Municipal de Bela Vista do Toldo, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhes são conferidas art. 67, inciso XXIV, da Lei Orgânica do Município, reSOLVE: Art. 1º. Conceder 15 (quinze) dias de férias a servidora MARGARIDA APARECIDA DA ROCHA MIRANDA, investida no cargo de Conselheira Tutelar, referente ao período aquisitivo de 10/01/2016 à 09/01/2017 a partir de 18/04/2017 à 02/05/2017.

PORTARIA Nº. 479/2017 DE 18 DE ABRIL DE 2017

Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos financeiros a contar de 05/04/2017, de acordo com atestado médico entregue no Departamento de Recursos Humanos. Art. 3º. Revogam-se todas as disposições em contrário. Bela Vista do Toldo - SC, 18 de abril de 2017 ADELMO ALBERTI Prefeito Municipal Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Educação, em 18 de abril de 2017 MARIA CRISTINA SCHIESSL GELINSKI SECRETÁRIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

PORTARIA 480/2017

PORTARIA Nº. 480/2017 DE 18 DE ABRIL DE 2017 ADELMO ALBERTI, Prefeito Municipal de Bela Vista do Toldo, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhes são conferidas art. 67, inciso XXIV, da Lei Orgânica do Município, reSOLVE: Art. 1º. Conceder a LUCIANE DEMBINSKI, investida no cargo de Professora do Quadro de Provimento Efetivo do Poder Executivo Municipal, lotada na Secretaria Municipal de Educação no Centro de Educação Infantil Professor Delfino Corrêa da Maia, licença maternidade por 180 (cento e oitenta) dias. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos financeiros a contar de 10/04/2017, de acordo com atestado médico entregue no Departamento de Recursos Humanos. Art. 3º. Revogam-se todas as disposições em contrário. Bela Vista do Toldo - SC, 18 de abril de 2017 ADELMO ALBERTI Prefeito Municipal Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Educação, em 18 de abril de 2017

PORTARIA Nº. 481/2017 DE 19 DE ABRIL DE 2017

Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos financeiros a contar de 18 de abril de 2017. Art. 3º. Ficam revogadas as disposições em contrário. Bela Vista do Toldo - SC, 19 de abril de 2017 ADELMO ALBERTI Prefeito Municipal Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, em 19 de abril de 2017 DAIANE DE SOUZA GOMES SECRETÁRIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO

PORTARIA 482/2017

PORTARIA nº. 482/2017, DE 20 DE ABRIL DE 2017 ADELMO ALBERTI, Prefeito Municipal de Bela Vista do Toldo, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhes são conferidas art. 67, inciso XXIV, da Lei Orgânica do Município, reSOLVE: Art. 1º. Revogar a Portaria nº 258-A/2016 de 23 de setembro de 2016 que ampliava a Carga Horária do Servidor Marcelo Martins de Carvalho de 20 (vinte) para 40 (quarenta) horas semanais na Escola Municipal Paulo Schiessl e no Núcleo Escolar Municipal Juliana Tomporoski Krull. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos financeiros a contar de 20 de abril de 2017. Art. 3º. Revogam-se todas as disposições em contrário. Bela Vista do Toldo - SC, 20 de abril de 2017 ADELMO ALBERTI Prefeito Municipal Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Educação, em 20 de abril de 2017 MARIA CRISTINA SCHIESSL GELINSKI SECRETÁRIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

MARIA CRISTINA SCHIESSL GELINSKI SECRETÁRIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 41

PUBLICAÇÃO DA HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO DE PROCESSO LICITATÓRIO Nº 017/2017

PUBLICAÇÃO DA HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO DE PROCESSO LICITATÓRIO Nº 017/2017 PREGÃO PRESENCIAL N° 011/2017 - MULTIENTIDADE PROCESSO LICITATÓRIO N° 017/2017 – MULTIENTIDADE HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO: 20/04/2017 CONTRATADO: S & W MAQUNAS E EQUIPAMENTOS LTDA - EPP CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE BELA VISTA DO TOLDO OBJETO: AQUISIÇÃO DE VEÍCULOS PARA FROTA MUNICIPAL PARA O EXERCÍCIO DE 2017. VALOR: R$ 145.000,00 (CENTO E QUARENTA E CINCO MIL REAIS). Bela Vista do Toldo, (SC) 20 de Abril de 2.017. ADELMO ALBERTI Prefeito Municipal PREGÃO PRESENCIAL N° 011/2017 - MULTIENTIDADE PROCESSO LICITATÓRIO N° 017/2017 – MULTIENTIDADE HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO: 20/04/2017 CONTRATADO: VERITA VEICULOS LTDA CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE BELA VISTA DO TOLDO OBJETO: AQUISIÇÃO DE VEÍCULOS PARA FROTA MUNICIPAL PARA O EXERCÍCIO DE 2017. VALOR: R$ 103.000,00 (CENTO E TRÊS MIL REAIS). Bela Vista do Toldo, (SC) 20 de Abril de 2.017. ADELMO ALBERTI Prefeito Municipal PREGÃO PRESENCIAL N° 011/2017 - MULTIENTIDADE PROCESSO LICITATÓRIO N° 017/2017 – MULTIENTIDADE HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO: 20/04/2017 CONTRATADO: OK DISTRIBUIDORA DE VEÍCULOS E PEÇAS LTDA CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE BELA VISTA DO TOLDO OBJETO: AQUISIÇÃO DE VEÍCULOS PARA FROTA MUNICIPAL PARA O EXERCÍCIO DE 2017. VALOR: R$ 132.000,00 (CENTO E TRINTA E DOIS MIL REAIS). Bela Vista do Toldo, (SC) 20 de Abril de 2.017. ADELMO ALBERTI Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 42

Benedito Novo Prefeitura 2º PUBLICAÇÃO - ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 1/2017 PUBLICAÇÕES LEGAIS

MUNICÍPIO DE BENEDITO NOVO EXTRATO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 1/2017 PREGÃO PRESENCIAL nº 82/2016 ÓRGÃO GESTOR: Município de Benedito Novo/SC OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS PARA FUTURAS AQUISIÇÕES DE RECARGAS DE GÁS LIQUEFEITO DE PETROLEO - GLP PARA AS DIVERSAS SECRETARIAS. EMPRESA FORNECEDORA: IVETE DADAM ME ITEM E VALOR REGISTRADO: A empresa sagrou-se vencedora no item 1, totalizando a quantia de R$ 16.800,00 (dezesseis mil e oitocentos reais). PRAZO DE VIGÊNCIA DA ATA: 16 de janeiro de 2017 a 31 de dezembro de 2017. Benedito Novo (SC), 16 de janeiro de 2017. JEAN MICHEL GRUNDMANN - Prefeito

4º PUBLICAÇÃO - EXTRATO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 18/2016 PUBLICAÇÕES LEGAIS

MUNICÍPIO DE BENEDITO NOVO EXTRATO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 18/2016 PREGÃO PRESENCIAL nº 51/2016 ÓRGÃO GESTOR: Município de Benedito Novo/SC OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS PARA FUTURAS CONTRATAÇÕES DE SERVIÇOS DE PUBLICAÇÃO LEGAL, EM JORNAL DE FORMATO TABLOIDE COM CIRCULAÇÃO LOCAL E REGIONAL. EMPRESA FORNECEDORA: EDITORA JORNAL DO MEDIO VALE ITEM E VALOR REGISTRADO: A empresa sagrou-se vencedora no item 1, totalizando a quantia de R$ 12.500,00 (doze mil e quinhentos reais). PRAZO DE VIGÊNCIA DA ATA: 08/07/2016 a 08/07/2017 VALIDADE DA ATA: 12 meses Benedito Novo (SC), 08/07/2016 Jean Michel Grundmann - Prefeito

4º PUBLICAÇÃO - EXTRATO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 19/2016 PUBLICAÇÕES LEGAIS

MUNICÍPIO DE BENEDITO NOVO EXTRATO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 19/2016 PREGÃO PRESENCIAL nº 52/2016 ÓRGÃO GESTOR: Município de Benedito Novo/SC OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS PARA FUTURAS AQUISIÇÕES DE CESTAS BÁSICAS PARA DISTRIBUIÇÃO AOS MUNICIPES ATENDIDOS PELA ASSISTÊNCIA SOCIAL CONFORME REGULAMENTAÇÃO DA LEI MUNICIPAL Nº 1.672 DE 14 DE MAIO DE 2012 EDECRETO MUNICIPAL Nº 36 DE 15 DE MAIO DE 2012. ASSINADO DIGITALMENTE

EMPRESA FORNECEDORA: FRONTAL DISTRIBUIDORA EIRELI EPP ITEM E VALOR REGISTRADO: A empresa sagrou-se vencedora no item 1, totalizando a quantia de R$ 42.126,00 (quarenta e dois mil e cento e vinte e seis reais). PRAZO DE VIGÊNCIA DA ATA: 08/07/2016 a 08/07/2017 VALIDADE DA ATA: 12 meses Benedito Novo (SC), 08/07/2016 Jean Michel Grundmann - Prefeito

ATA DE ABERTURA E JULGAMENTO DA LICITAÇÃO PP 40/2017

ATA DA SESSÃO PÚBLICA DE ABERTURA E JULGAMENTO DA LICITAÇÃO DATA: 20/04/2017 - HORÁRIO DE INÍCIO: 9:05 horas PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 40/2017 LICITAÇÃO: Pregão Presencial nº 40/2017 OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS PARA FUTURAS AQUISIÇÕES DE CESTAS BÁSICAS PARA DISTRIBUIÇÃO AOS MUNICIPES ATENDIDOS PELA ASSISTÊNCIA SOCIAL CONFORME REGULAMENTAÇÃO DA LEI MUNICIPAL Nº 1.672 DE 14 DE MAIO DE 2012 E DECRETO MUNICIPAL Nº 36 DE 15 DE MAIO DE 2012. No dia e horário supramencionados, realizou-se na sala de reuniões, na sede da Prefeitura Municipal de Benedito Novo, situada na Rua Celso Ramos, 5.070, Centro, em Benedito Novo, sessão pública para o recebimento do credenciamento, dos envelopes contendo as propostas de preços e a documentação de habilitação, e abertura dos envelopes contendo as propostas de preços apresentados em razão do certame licitatório na modalidade de Pregão Presencial nº 40/2017, com a presença do Pregoeiro SÉRGIO DÁRIO PASQUALI e da Equipe de Apoio MAURICIO STEFFEN e JOICE APARECIDA COSTA, nomeados pela Portaria nº 003/2017. Aberta a sessão, verificou-se que compareceram à sessão as empresas FRONTAL DISTRIBUIDORA EIRELI EPP, COMERCIAL DE TECIDOS KRUEGER LTDA e GIOVANI BRUNO GIRARDI ME. As empresas participantes apresentaram seus credenciamentos em conformidade com o exigido no item 3.4 do Edital, credenciando respectivamente seus representantes legais conforme a seguir: VENESIO HORNBURG, MAICO GODOFREDO BLAESE MANSILLA e GIOVANI BRUNO GIRARDI. As empresas apresentaram a Declaração de Habilitação, e concluiu-se que as mesmas cumprem a exigência do item 3.5 do Edital. A licitante FRONTAL DISTRIBUIDORA EIRELI EPP apresentou a Certidão Simplificada expedida pela Junta Comercial para comprovação da situação de Microempresa ou Empresa de Pequeno Porte e poderá fazer uso dos benefícios e das condições especiais previstas pela LC nº 123/2006 com a redação data pela LC nº 147/2014. Foram disponibilizados a todos os presentes os documentos de credenciamento para serem conferidos e rubricados sendo que não houve qualquer manifestação. Em seguida procedeu-se a abertura dos envelopes identificados como de Propostas de Preços, sendo as propostas neles contida disponibilizadas aos licitantes presentes para serem conferidas e rubricadas. Ato contínuo, foram analisadas as propostas pelo pregoeiro e equipe de apoio e inseridos os preços apresentados no sistema. Estando as propostas de acordo todas foram consideradas classificadas conforme relatório classificatório das propostas em anexo a esta ata. Ato continuo abriu-se a fase dos lances e de negociação direta com as licitantes, o qual transcorreu conforme relatório de lances www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 43

em anexo. Encerrada a fase dos lances e de negociação direta o Pregoeiro procedeu a abertura do envelope identificado como de Habilitação da licitantes classificada como primeira colocada. Os documentos de habilitação apresentados foram analisados e rubricados por todos os presentes. A documentação de habilitação apresentada está em conformidade com o exigido no Edital. Sendo assim, a licitante melhor colocada está HABILITADA e, portanto, DECLARADA VENCEDORA do presente certame conforme relatório de classificação final anexo a esta ATA. O pregoeiro questiona quanto à intenção de interpor recurso contra algum ato do procedimento licitatório praticado durante a sessão, contra o Pregoeiro e/ou contra a Comissão de Licitação. Não houve manifestação. Não havendo manifestação, o Pregoeiro declara renúncia ao direito de recurso, com fundamento nas alíneas, inciso e parágrafos dos Artigos 43 e 109 da Lei 8.666/93. Após os fatos, o Pregoeiro decidiu ADJUDICAR os respectivos itens do presente certame à empresa vencedora. O Pregoeiro solicitou a licitante vencedora que apresente, no prazo de 48 (quarenta e oito) horas, a Proposta de Preços readequada de acordo com o valor global alcançado pela mesma no certame. Nada mais digno de nota, nem a tratar, encerrou-se a sessão, indo está assinada por todos os presentes. Publique-se e encaminhe-se os autos para análise jurídica e apreciação da Autoridade Superior. PREGOEIRO E EQUIPE DE APOIO SÉRGIO DÁRIO PASQUALI Pregoeiro

MAURICIO STEFFEN Equipe de Apoio

JOICE APARECIDA COSTA Equipe de Apoio

LICITANTES PRESENTES: FRONTAL DISTRIBUIDORA EIRELI EPP COMERCIAL DE TECIDOS KRUEGER LTDA GIOVANI BRUNO GIRARDI ME

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 44

Biguaçu Prefeitura COMUNICADO PP N° 15/2017 - REGISTRO DE PREÇO - FMS ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPAL DE BIGUAÇU SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DIRETORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS COMUNICADO Comunicamos às empresas participantes do PP 15/2017-FMS, que tem como objeto a AQUISIÇÃO DE MATERIAIS ODONTOLÓGICOS DESTINADOS AS UNIDADES DE ATENDIMENTO DA POLICLÍNICA CENTRAL E CENTRO DE ESPECIALIDADES ODONTOLÓGICAS (CEO). Em atenção à falta de informação de apresentação da proposta, referente ao máximo de casas decimais permitidas para cotação de preço e texto que deve ser desconsiderado no item n° 6.1 letra c, altera-se o edital de licitação:

DECRETA: Art. 1° Fica remanejado, dentro da mesma categoria de programação de que trata o artigo 167, inciso VI, da Constituição Federal, as dotações abaixo identificadas e constantes da Lei Orçamentária para 2017, Lei Municipal n° 3696/2016: 12. SECRETARIA DE DESENV. ECONÔMICO INOVAÇÃO TECNOLÓGICA 1201.22.661.0007.2072

3.000,00

ANULA: 3.3.90.00/0.1.00.0100000 Outras Despesas Correntes

3.000,00

SUPLEMENTA: 4.4.90.00/0.1.00.0100000 Investimentos

3.000,00

13. SECRETARIA DE CULTURA, ESPORTE, TURISMO E LAZER 1301.23.695.0007.2075

Onde lê se no Preâmbulo do edital: c) Descrição do objeto da presente licitação, com a indicação da marca ou modelo do produto cotado (se houver), inclusive a procedência e o código alfandegário, quando se tratar de produto importado, em conformidade com as especificações do Folheto Descritivo – Anexo nº 01 deste Edital;

Manutenção da Secretaria de Desenv. Econômico e Inovação Tecnológica

Realização e Apoio a Eventos Promocionais

50.000,00

ANULA: 3.3.50.00/0.1.00.0100000

Outras Despesas Correntes

50.000,00

SUPLEMENTA: 3.3.90.00/0.1.00.0100000

Outras Despesas Correntes

50.000,00

25. SECRETARIA DA RECEITA

Leia se no Preâmbulo do edital:

2501.04.123.0002.2096

c) Descrição do objeto da presente licitação, com a indicação da marca ou modelo do produto cotado (se houver), quando se tratar de produto importado indicar a procedência, conforme especificações do Anexo nº 01.

3.3.90.00/0.1.00.0100000

Manutenção da Secretaria da Receita

39.000,00

ANULA: Outras Despesas Correntes

39.000,00

SUPLEMENTA: 3.1.90.00/0.1.00.0100000

Pessoal e Encargos Sociais

39.000,00

E inclui-se no edital de licitação a letra g no item 6.1:

Art. 2° Este decreto entrará em vigor na data de sua publicação.

g) As propostas deverão ser apresentadas com, no máximo 04 (quatro) casas decimais após a vírgula.

Biguaçu, 17 de abril de 2017. Ramon Wollinger Prefeito Municipal Reg.publ.n/data

As demais informações constantes no edital de licitação permanecem inalteradas. Biguaçu, 20 de abril de 2017.

Marivalde Inêz Kons Escriturária

...................................... Mirella da Conceição Pregoeira

DECRETO Nº 251/2016

DECRETO Nº 069/2017

DECRETO N° 069/2017 DE 17 DE ABRIL DE 2017. Faz remanejamento de dotações dentro da mesma categoria de programação de que trata o artigo 167, inciso VI, da Constituição Federal. Ramon Wollinger, Prefeito Municipal de Biguaçu, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a autorização que lhe confere o parágrafo 3º do artigo 7º, da Lei Municipal nº 3681/2016 - Lei de Diretrizes Orçamentárias e o artigo 9º, da Lei Municipal nº 3696/2016 - Lei Orçamentária para 2017,

ASSINADO DIGITALMENTE

DECRETO N° 251/2016 DE: 27 DE DEZEMBRO DE 2016. NOMEIA OS MEMBROS DO CONSELHO MUNICIPAL DO FUNDO DE MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA E DE VALORIZAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO (FUNDEB), PARA O MANDATO 2017/2018. O PREFEITO MUNICIPAL DE BIGUAÇU, no uso das atribuições que lhe são conferidas no art. 98, inciso VIII, da Lei Orgânica do Município de Biguaçu e de conformidade com a Lei Federal nº 11.494 de 20 de junho de 2007; DECRETA: Art.1º Ficam nomeados os membros do Conselho Municipal do FUNDEB, para o mandato 2017/2018, o qual passará a funcionar da seguinte forma: www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

REPRESENTANTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Titular: Ana Carolina Silva da Silva Suplente: Márcia Marçal REPRESENTANTE DO PODER EXECUTIVO MUNICIPAL Titular: Alexandre Martins Suplente: Leandro de Souza Cunha REPRESENTANTE DOS PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA PÚBLICA MUNICIPAL Titular: Marcelo Chitolina Suplente: Caroline Feix REPRESENTANTE DOS DIRETORES DAS ESCOLAS PÚBLICAS MUNICIPAIS Titular: Ana Cristina Espíndola Suplente: Kátia Milene Wiese Peres REPRESENTANTE DOS SERVIDORES TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS DAS ESCOLAS PÚBLICAS MUNICIPAIS Titular: Janayna Vieira Suplente: Marizete Maria Peres Nienkotter REPRESENTANTES DOS PAIS DE ALUNOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA PÚBLICA MUNICIPAL Titular: Gislaine Amaral Suplente: Adriana Jones Parrizzon Titular: Reginaldo Fogaça Suplente: Gabriela Campos REPRESENTANTES DOS ESTUDANTES DA EDUCAÇÃO BÁSICA PÚBLICA Titular: Eduardo Reis Suplente: Noel da Silva REPRESENTANTES DOS ESTUDANTES DA EDUCAÇÃO SECUNDARISTA Titular: Roberto Jesus dos Santos Suplente: Rafael Ricardo de Sá REPRESENTANTES DO CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Titular: Tatiane Forti de Araújo Suplente: Carol Ramos REPRESENTANTES DO CONSELHO TUTELAR MUNICIPAL Titular: Saulo Cesar Galliani Suplente: Leda Regina Locks Art.2º Este decreto entrara em vigor a partir de 30 de novembro de 2016, ficando revogado o Decreto 245/2014. Biguaçu, 27 de dezembro de 2016. RAMON WOLLINGER Prefeito Municipal

Página 45

LEI Nº 3722/2017

LEI Nº 3722/2017 DE 20 DE ABRIL DE 2017. Autoriza o reforço de crédito adicional especial na Lei Orçamentária de 2017. Ramon Wollinger, Prefeito Municipal de Biguaçu, faz saber a todos os habitantes do Município, que a Câmara aprovou e ele sanciona a seguinte lei: Art. 1° Fica o Chefe do Poder Executivo Municipal autorizado a reforçar em R$ 1.017.000,00 (Um milhão e dezessete mil reais) o crédito adicional especial aprovado pela Lei Municipal n° 3.710/2016 a fim de adequar a Lei Orçamentária Anual de 2017 à reforma administrativa aprovada pela Lei Complementar Municipal n° 110, de 30 de dezembro de 2016, utilizando como fonte de recursos a anulação de dotações fixadas na referida lei, conforme abaixo indicado: CRÉDITO ESPECIAL A SER REFORÇADO Código

CLASSIFICAÇÃO DA DESPESA SECRETARIA DE OBRAS, DESENV. UR26 BANO E TRANSPORTE Secretaria de Obras, Desenv. Urbano e 01 Transporte 15 URBANISMO 451 Infraestrutura Urbana 0009 Revitalizando a Cidade de Biguaçu 1056 Pavimentação de Ruas 4.4.90.00 Investimentos/Aplicação Direta 0.1.00.000000 Recursos Ordinários

VALOR 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00

DOTAÇÃO A SER ANULADA Código 08 01 15 451 0009 1045 4.4.90.00 0.1.00.000000

CLASSIFICAÇÃO DA DESPESA SECRETARIA DE OBRAS E INFRA-ESTRUTURA Secretaria de obras e Infraestrutura URBANISMO Infraestrutura Urbana Revitalizando a Cidade de Biguaçu Pavimentação de Ruas Investimentos/Aplicação Direta Recursos Ordinários

VALOR 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00 1.017.000,00

Art. 2° Esta lei entrará em vigor na data da sua publicação. Biguaçu, 20 de abril de 2017. Ramon Wollinger Prefeito Municipal Lei nº 3722/2017, de 20/04/2017 Sancionada em 20/04/2017 Reg. e publ.n/data Marivalde Inez Kons Escriturária

Reg.publ.n/data Marivalde Inêz Kons Escriturária

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

PAUTA DE JULGAMENTO CMC Nº 06/2017

PAUTA DE JULGAMENTO CMC Nº 06/2017 CONSELHO DE CONTRIBUINTES DO MUNICÍPIO DE BIGUAÇU SESSÃO DO DIA 27/04/2017 COM INÍCIO ÀS 14:00 HORAS, LOCAL: SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO RECURSO VOLUNTÁRIO Nº 3989/2013 NOTIFICAÇÃO DE LANÇAMENTO; Nº 64, 65, 67, e 68/2013, 119/2012 AUTO DE INFRAÇÃO: 377 RECORRENTE: MAIS DIL LOCAÇÕES RECORRIDA: FAZENDA PÚBLICA MUNICIPAL CONSELHEIRO RELATOR: DIEGO CRISTOFOLINI

Página 46

PORTARIA Nº 1642/2017

PORTARIA nº 1642 de 19 de abril de 2017 Exonera o(a) Servidor(a), ocupante do cargo comissionado, e dá outras providências. O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, no uso de suas atribuições, que lhe são conferidas pelo decreto 85 de 21 de junho de 2013. RESOLVE: Art. 1º Exonerar o(a) servidor(a) LAIS APARECIDA CORREA RODRIGUES, detentor(a) do cargo de provimento comissionado de ASSESSOR TÉCNICO DE OBRAS – CC5, na Secretaria Municipal de Saúde, a partir de 19/04/2017.

ANDERSON OPUSZKA SOARES SECRETÁRIO-GERAL

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação e seus efeitos são retroativos a 19/04/2017.

PORTARIA Nº 1640/2017

Biguaçu, 19 de abril de 2017. DANIEL CÉSAR DA LUZ Secretário Municipal de Administração

PORTARIA nº 1640 de 19 de abril de 2017 Exonera o(a) Servidor(a), ocupante do cargo comissionado, e dá outras providências. O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, no uso de suas atribuições, que lhe são conferidas pelo decreto 85 de 21 de junho de 2013. RESOLVE: Art. 1º Exonerar o(a) servidor(a) LEONARDO SIMOES DA SILVEIRA, detentor(a) do cargo de provimento comissionado de ASSESSOR TÉCNICO DA SAÚDE – CC5, na Secretaria Municipal de Saúde, a partir de 18/04/2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação e seus efeitos são retroativos a 18/04/2017. Biguaçu, 19 de abril de 2017. DANIEL CÉSAR DA LUZ Secretário Municipal de Administração

PORTARIA Nº 1643/2017

PORTARIA nº 1643 de 19 de abril de 2017 Nomeia servidor(a), para exercer o cargo em comissão, e dá outras providências. O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, no uso de suas atribuições, que lhe são conferidas pelo decreto nº 29 de 29 de fevereiro de 2016. RESOLVE: Art. 1º Nomear, LAIS APARECIDA CORREA RODRIGUES, brasileiro(a), para exercer o cargo em comissão de CHEFE DE DIVISÃO DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE, nível CC-5, na Secretaria Municipal de Saúde a contar de 20/04/2017. Art. 2º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação e seus efeitos são retroativos a 20/04/2017. Biguaçu, 19 de abril de 2017. DANIEL CÉSAR DA LUZ Secretário Municipal de Administração

PORTARIA Nº 1641/2017

PORTARIA nº 1641 de 19 de abril de 2017 Nomeia servidor(a), para exercer o cargo em comissão, e dá outras providências. O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, no uso de suas atribuições, que lhe são conferidas pelo decreto nº 29 de 29 de fevereiro de 2016. RESOLVE: Art. 1º Nomear, LEONARDO SIMÕES DA SILVEIRA, brasileiro(a), para exercer o cargo em comissão de GERENTE PEDAGÓGICO, nível CC-3, na Secretaria Municipal de Educação a contar de 19/04/2017. Art. 2º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação e seus efeitos são retroativos a 19/04/2017. Biguaçu, 19 de abril de 2017. DANIEL CÉSAR DA LUZ Secretário Municipal de Administração

ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA Nº 1644/2017

PORTARIA nº 1644 de 19 de abril de 2017 Nomeia servidor(a), para exercer o cargo em comissão, e dá outras providências. O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, no uso de suas atribuições, que lhe são conferidas pelo decreto nº 29 de 29 de fevereiro de 2016. RESOLVE: Art. 1º Nomear, LUCAS SCHMITZ, brasileiro(a), para exercer o cargo em comissão de ASSESSOR TÉCNICO DA SAÚDE, nível CC-5, na Secretaria Municipal de Saúde a contar de 19/04/2017. Art. 2º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação e seus efeitos são retroativos a 19/04/2017. Biguaçu, 19 de abril de 2017. DANIEL CÉSAR DA LUZ Secretário Municipal de Administração

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

PORTARIA Nº 1646/2017

PORTARIA nº 1646 de 19 de abril de 2017 Nomeia servidor para exercer Função de Confiança, nos termos do art. 215, caput da Lei Complementar nº 47/201, e dá outras providências. O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, no uso de suas atribuições, que lhe são conferidas pelos decretos 85 de 21 de junho de 2013 e 131 de 08 de agosto de 2016. RESOLVE: Art. 1º Nomear o(a) servidor(a) Martha Huff Martins, detentor do cargo de provimento efetivo de Jornalista, para exercer a Função de Confiança de Gerente de Informação e Mídia Digital e Eletrônica, nos termos do art. 215, caput da Lei Complementar nº 47/2011. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação e seus efeitos são retroativos a 19/04/2017. Biguaçu, 19 de abril de 2017. Daniel César da Luz Secretário Municipal de Administração

PORTARIA Nº 1647/2017

PORTARIA nº 1647 de 19 de abril de 2017. AUTORIZA SERVIDORES MUNICIPAIS A DIRIGIR VEÍCULOS DA MUNICIPALIDADE E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE BIGUAÇU, no uso das atribuições, que lhe são conferidas pelo artigo 98 inciso VII da Lei Orgânica do Município de 06 de setembro de 2010. CONSIDERANDO que os motoristas do Município devem atender prioritariamente as atividades de maior urgência ou aquelas que envolvam alguma particularidade de transporte; CONSIDERANDO os expedientes anexos, encaminhados acerca de autorização para conduzir veículos por servidor de cargo diverso; CONSIDERANDO que a administração municipal dispõe em seu quadro de funcionários de motoristas de todas as categorias; CONSIDERANDO o que dispõe o prejulgado do TCE/SC nº 0984: “Compete à legislação local fixar as regras para a condução dos veículos do Município, disciplinando as condições e responsabilidades pelos atos cometidos no exercício dessa atividade, podendo prever a condução por servidores habilitados não ocupantes de cargos específicos de motoristas, se assim entender o interesse público”. RESOLVE: Art. 1º. Fica autorizado a dirigir veículos da municipalidade os servidores: ADAILTON MARTINS, ocupante do cargo comissionado de Assistente Técnico, ADENILSON LUIZ COELHO, ocupante do cargo efetivo de Técnico em Edificações; AIRTON VENTURA DOS SANTOS, ocupante do Cargo Efetivo de Operário Braçal; ALEXANDRE MARTINS DE SOUZA, ocupante do Cargo Efetivo de Escriturário; ALEXSANDRA BATISTA JOÃO PORTELA, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Serviços Gerais IV; ANDERSON DA SILVA FRANCISCO, ocupante do cargo comissionado de Assistente Técnico, ANDERSON OPUSZKA SOARES, ocupante do Cargo Efetivo de Escriturário, da Secretaria Municipal da Fazenda; ANDERSON RODRIGUES DE FARIA, ocupante do Cargo Comissionado de Gerente Administrativo; ANDREA FELIPE - ocupante do cargo comissionado de Superintendente da FAMABI, ASSINADO DIGITALMENTE

Página 47

ANNAMARIA BACH TREVISAN, ocupante do Cargo Efetivo de Engenheiro Ambiental; ANTÔNIO CARLOS VIEIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Operador de Máquinas e Equipamentos Pesados; CARLOS ENRIQUE FERREIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Professor; CESAR AUGUSTO DA SILVA, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal do Meio Ambiente; CESAR JOVELINO CORREA, ocupante do Cargo Efetivo de Escriturário; CESAR MINA, ocupante do Cargo Temporário de Agente de Endemias; CHRISTIAN GONÇALVES, ocupante do Cargo Comissionado de Assessor Técnico de Planejamento e Gestão Participativa; CLAUDEMIR AIRES, ocupante do cargo comissionado de Superintendente de Transportes, CLAUDIA BREHEM LUIZ, ocupante do cargo comissionado de Secretario de gerente de Centro de Convivência dos Idosos, DAIANA COSTA DE SOUZA, ocupante do Cargo Temporário de Agente de Endemias; DAVI JONATTAS DA CUNHA, ocupante do Cargo Efetivo de Operador de Roçadeira Costal; DÉCIO PELEGRINI, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Tributos 2; DIEGO BUSATO PIMENTEL, ocupante do Cargo Temporário de Psicólogo; DIONEI AVANCINI DE FARIA, ocupante do cargo comissionado de Assistente Operacional, DIVO PRAZERES, ocupante do Cargo Efetivo de Escriturário, da Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação; EDERSON LUIZ SILVA, ocupante do Cargo Comissionado de Gerente de Obras e Manutenção Escolar; EDUARDO DE OLIVEIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Mecânico; EDUARDO DELLANGELO SILVEIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Técnico Agrícola; EDUARDO LOPES JONKER, ocupante do Cargo Efetivo de Escriturário; EMERSON EVERALDO SOARES, ocupante do Cargo Comissionado de Gerente de Turismo; FABIANO TIAGO JOSÉ, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Serviços Gerais V (Servente); FABIO LEANDRO MAFIOLETE, ocupante do Cargo Efetivo de Técnico em Topografia; FABIO VINICIUS PALMA KLOKNER, ocupante do Cargo Temporário de Engenheiro Agrônomo; FABIO SOUZA, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Mecânico; FERNANDO MACHADO, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Serviços Gerais III (Jardineiro); FELIPE FARIAS, ocupante do Cargo Efetivo de Técnico em Topografia; FRANCISCO DE SOUZA PEREIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Serviços Gerais III (Jardineiro); FULVIO HENRIQUE, ocupante do Cargo Efetivo de Engenheiro Civil; GABRIEL ANSELMO CARDOSO, ocupante do Cargo Efetivo de Técnico em Edificações; GABRIEL CITATIN DE MELO, ocupante do Cargo Comissionado de Assistente Técnico; GIOVANI RAFAEL GASPARETTO, ocupante do Cargo Efetivo de Escriturário; GLEYSON NERES FURTADO, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Manutenção e Conservação (Operário Braçal); GUSTAVO FREDERICO MARDER, ocupante do Cargo Efetivo de Engenheiro Civil, HAMILTON REIS, ocupante do Cargo Efetivo de Operador de Máquinas e Equipamentos Pesados; HERTO LUNARDELLI JUNIOR, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Manutenção e Conservação (Operário Braçal); HYGOR MACHADO, ocupante do Cargo Temporário de Agente de Endemias; ISOLETE SCHLEMPER WALTER, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Tributos II; JAQUELINE SANTOS DE AVILA, ocupante do Cargo Efetivo de Escriturário; www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

JEAN CARLO SANTANA, ocupante do Cargo Efetivo de Operário Braçal; JEDILSON CELSO FERNANDES, ocupante do Cargo Efetivo de Professor; JOILSON ANTONIO DA CRUZ, ocupante do Cargo Efetivo de Calceteiro; JOÃO GUSTAVO ELIAS, ocupante do Cargo Efetivo de Engenheiro Civil, JORGE LUIZ DA SILVA, ocupante do Cargo Efetivo de Operário Braçal; JORGE LUIZ COUTINHO, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Vigilância Sanitária e Ambiental; JOSE VALDEMAR SILVEIRA, ocupante do cargo comissionado de Secretario Municipal de Obras, Desenvolvimento Urbano e Transporte, JUNIOR MORESCO, ocupante do cargo comissionado de Gerente de Cultura, LÉO INACIO LOHN, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Tributos Municipais II; LEO RICARDO MARTINS, ocupante do Cargo de Agente de Endemias, da Secretaria Municipal de Saúde; LUAN DE SOUZA PEREIRA, ocupante do cargo comissionado de Secretario Municipal de Agricultura, LUIZ AUGUSTO VIEIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Eletricista; LUIZ FERNANDO CHALTEIN DE OLIVEIRA BELLO, ocupante do Cargo Efetivo de Médico Veterinário; LUIZ JOSÉ MARTINS JUNIOR, ocupante do Cargo Efetivo de Escriturário; MANOEL AIRTON PEREIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Manutenção e Conservação (Operário Braçal); MANOEL CUSTÓDIO, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Tributos Municipais II; MANOELA LUCIANO DE AMORIM, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Veterinário; MARCIO GUSMÃO DE LIMA, ocupante do cargo comissionado de Assistente Técnico, MARCIO ROBERTO DIAS DA SILVA, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Saúde II; MAYCON DA SILVA, ocupante do Cargo Efetivo de Escriturário; MOISES DE ANDRADE OLIVEIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Técnico em Edificações; OSLI ROBERTO DA CUNHA, ocupante do cargo Efetivo de Operador de Máquinas e Equipamentos Pesados; OSMAR JOSÉ MARTHENDAL, ocupante do Cargo Efetivo de Operador de Máquinas e Equipamentos Pesados; OSNI GILBERTO FERREIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Técnico em Edificações; PAOLA REIS PACHECO, ocupante do Cargo Temporário de Agente de Endemias; PAULO GEAN CHAGAS, ocupante do cargo comissionado de Gerente Administrativo e Financeiro, PAULO ROBERTO DA SILVA, ocupante do Cargo Temporário de Agente de Endemias; PATRICK MACHRY, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Tributos II; PEDRO MORALES TOLENTINO LEITE, ocupante do Cargo Efetivo de Psicólogo; PETERSON SOUZA, ocupante do Cargo Efetivo de Auxiliar de Manutenção e Conservação (Operário Braçal); RAFAEL EMILIO POLLMANN, ocupante do Cargo Efetivo de Mecânico; ROBERTO FABRICIO ROSA, ocupante do Cargo Efetivo de Operário Braçal, ROBERVAL REIS DE SOUZA, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Vigilância Sanitária e Ambiental; ROBSON TRAGIBO DE CAMPOS, ocupante do Cargo Efetivo de Operador de Máquinas e Equipamentos Pesados; RODRIGO LIMA DE OLIVEIRA, ocupante do Cargo Comissionado de Chefe de gestão de Frotas, RONNIE MARKS MACIEL, ocupante do Cargo Comissionado de Secretário Municipal de Cultura, Esporte, Turismo e Lazer; SAUL DE MELLO FERREIRA, ocupante do cargo comissionado de Diretor de Trânsito, ASSINADO DIGITALMENTE

Página 48

SILVIO SEVERINO, ocupante do cargo comissionado de Gerente de Serviços Urbanos, SINCLER BILCK, ocupante do Cargo Efetivo de Vigia; SOFIA HARTMANN, ocupante do Cargo Efetivo de Engenheiro Florestal; SUENY SELL, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Vigilância Sanitária e Ambiental; THIAGO ALEXANDRE PEREIRA, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Vigilância Sanitária e Ambiental; THIAGO DE CARVALHO BORBA, ocupante do cargo comissionado de Assistente Técnico, THIAGO FERREIRA, ocupante do Cargo efetivo de Operário Braçal; THIAGO VINÍCIUS NAHAS, ocupante do Cargo Efetivo de Fiscal de Tributos I; VALDIR VALDEMIRO BITTENCOURT, ocupante do Cargo Comissionado de Diretor Operacional; VILMAR DE ASSUNÇÃO, ocupante do Cargo Efetivo de Operador de Máquinas e Equipamentos Pesados; WANDERLEY DELLA GUSTINA, ocupante do Cargo Efetivo de Operador de Máquinas; ZELI ZILDA MANES, ocupante do Cargo Efetivo de Telefonista. Art. 2º. A presente autorização restringe-se aos veículos da municipalidade e em situações consideradas especiais, tais como a urgência do serviço e a indisponibilidade de motoristas. Art. 3º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário e a Portaria nº 1494/2017. Biguaçu, 19 de abril de 2017. Ramon Wollinger Prefeito Municipal

REVOGAÇÃO PP 08/2017 - PMB

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE BIGUAÇU SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DIRETORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS REVOGAÇÃO Em 15 de fevereiro de 2017 foi aberta a sessão de licitação do Pregão Presencial n° 08/2017 com o objeto Contratação de empresa para prestação de serviços referente a confecção e instalação de um painel medindo 4,10x2010m em lona com ilhós e 4x0 cores. Considerando que, duas empresas compareceram na sessão, apresentando todos os documentos de acordo com o exigido na norma editalícia. Ao final dos lances foi declarada a empresa vencedora e demais etapas foram concluídas, logo o processo foi homologado. Ocorre que a empresa vencedora solicitou a desclassificação no processo licitatório por não conseguir atender os valores propostos durante a sessão, diante disso foi chamada a empresa segunda colocada, que também não pode atender pelo valor proposto. Diante do exposto, REVOGA-SE o processo de licitação n° 08/2017. Determino, ainda, que seja inaugurado novo processo de licitação, na modalidade Pregão Presencial, para aquisição do item pretendido. Biguaçu, 08 de março de 2017. Ramon Wollinger Prefeito Municipal

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 49

Fundo Municipal de Saúde de Biguaçu COMUNICADO PP N° 13/2017 COM SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇO - FMS ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPAL DE BIGUAÇU SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DIRETORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS COMUNICADO Comunicamos às empresas participantes do PP 13/2017-FMS, que tem como objeto a AQUISIÇAO DE MATERIAIS HOSPITALARES PARA A UNIDADE DE PRONTO ATENDIMENTO UPA 24 HORAS E PARA CORPO DE BOMBEIROS, que após análise do edital de licitação, verificou-se a necessidade de corrigir o item 2.1.3, devido o texto em questão não estar correto. Deste modo, altera-se o edital de licitação: Onde lê se no Preâmbulo do edital: 2.1.3- Deverão ser apresentadas amostras dos seguintes itens: 71, 75, 76, 87, 88, 102, 103, 104, 105, 106 e 159 após a análise dos documentos de habilitação. Deste modo, estando os documentos devidamente em acordo com o exigido no edital, os licitantes deveram entregar as amostras dos itens relacionados. Leia se no Preâmbulo do edital: 2.1.3- Deverão ser apresentadas amostras dos seguintes itens: 23, 62, 74, 75, 87, 88, 131, 132, 133, 134 e 135 após a análise dos documentos de habilitação. Deste modo, estando os documentos devidamente em acordo com o exigido no edital, os licitantes deveram entregar as amostras dos itens relacionados. As demais informações constantes no edital e aviso de licitação permanecem inalteradas. Vale ressaltar que a data da sessão não foi alterada, tendo em vista a antecipação da publicação do edital. Biguaçu, 21 de abril de 2017. Mirella da Conceição Pregoeira

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 50

Blumenau Prefeitura EXTRATO CONTRATO Nº 021/2017

PRAZO: 150 (cento e cinquenta) dias, a contar da assinatura do instrumento contratual.

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A EMPRESA MISERVI ADMINISTRADORA DE SERVIÇOS EIRELI EPP.

DATA: 07 de abril de 2017.

OBJETO: Prestação de serviços de limpeza, com previsão de 800 (oitocentas) horas trabalhadas para evento OSTERDOF/2017 conforme especificações constantes no edital – PROEB.

EXTRATO – CONTRATO N° 035/2017

EXTRATO – CONTRATO N° 021/2017

FUNDAMENTO LEGAL: Pregão Presencial nº 013/2017. PREÇO: R$ 19.094,96 (dezenove mil noventa e quatro reais e noventa e seis centavos). PRAZO: Será da assinatura do contrato até o dia 30 de maio de 2017. DATA: 23 de março de 2017.

EXTRATO CONTRATO Nº 035/2017 PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E O BANCO DO BRASIL S.A. OBJETO: Concessão de empréstimo, pelo CREDENCIADO, sob a garantia de consignação em folha de pagamento aos servidores públicos municipais efetivos, aposentados e pensionistas pertencentes ao Quadro de Pessoal da administração direta, autárquica e fundacional do Município – SEDEAD. FUNDAMENTO LEGAL: Inexigibilidade nº 09-19/2017. PRAZO: 12 (doze) meses, contados do dia 04 (quatro) de abril. DATA: 07 de abril de 2017.

EXTRATO CONTRATO Nº 032/2017 EXTRATO – CONTRATO Nº. 032/2017

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A EMPRESA SLM TRANSPORTE E CONSTRUCAO EIRELI - EPP. OBJETO: Contratação de empresa especializada para serviços de manutenção nas Unidades de Educação da Rede Municipal de Ensino, conforme especificações constantes no edital, pelo período de 12 meses - SEMED. FUNDAMENTO LEGAL: Concorrência 03-036/16. PREÇO: R$ 490.411,12 (quatrocentos e noventa mil quatrocentos e onze reais e doze centavos). PRAZO: 12 (doze) meses, a contar da assinatura do contrato. DATA: 04 de abril de 2017.

EXTRATO CONTRATO Nº 034/2017 EXTRATO – CONTRATO N° 034/2017

EXTRATO CONTRATO Nº 042/2017 EXTRATO – CONTRATO Nº. 042/2017

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A BLUMOB CONCESSIONÁRIA DE TRANSPORTE URBANO DE BLUMENAU SPE LTDA. OBJETO: CONTRATO DE CONCESSÃO PARA PRESTAÇÃO E EXPLORAÇÃO DO SERVIÇO DE TRANSPORTE COLETIVO URBANO DE PASSAGEIROS NO MUNICÍPIO DE BLUMENAU, EXCLUSIVAMENTE NA MODALIDADE CONVENCIONAL. FUNDAMENTO LEGAL: Concorrência nº 03-038/2016. PREÇO: O valor estimado do contrato é de R$ 1.849.933.830,00 (um bilhão, oitocentos e quarenta e nove milhões, novecentos e trinta e três mil, oitocentos e trinta reais), considerada a estimativa das receitas obtidas mediante a cobrança da tarifa durante a vigência da concessão. PRAZO: 20 (vinte) anos, contados da data de início de operação dos serviços, atendidas as condições da legislação vigente, e desde que o contrato esteja sendo satisfatoriamente cumprido pela CONCESSIONÁRIA.

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A CELEIRO DA CONSTRUÇÃO E TRANSPORTES EIRELI - EPP.

DATA: 18 de abril de 2017.

OBJETO: Execução de terraplenagem, drenagem, pavimentação articulada com lajotas sextavadas e sinalização viária da Rua Waldemar Farinhas, localizada no Bairro Vila Nova, Blumenau/SC, conforme projetos, planilhas e demais informações constantes no edital – SEINFRA.

EXTRATO 2º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 133/2016

FUNDAMENTO LEGAL: Concorrência 03-039/16.

OBJETO: LOCAÇÃO DE IMÓVEL SITUADO NO MUNICÍPIO DE BLUMENAU, BAIRRO PROGRESSO, RUA ERNESTINE EHRHARDT, DESTINADO AO FUNCIONAMENTO DO C.E.I. BRUNO SCHREIBER.

PREÇO: R$ 21.432,75 (vinte e um mil quatrocentos e trinta e dois reais e setenta e cinco centavos).

EXTRATO – 2º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº. 133/16

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E O SR. NELSON MEYER.

FUNDAMENTO LEGAL: Dispensa nº 08-53/2016. ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

PRAZO: Prorroga o prazo contratual por mais 12 (doze) meses, ou seja, de 1º de maio de 2017 até 30 de abril de 2018. PREÇO: Renova o valor da locação que se mantém em R$ 2.639,00 (dois mil, seiscentos e trinta e nove reais) mensais, totalizando o valor do contrato em R$ 31.668,00 (trinta e um mil seiscentos e sessenta e oito reais). DATA: 17 de abril de 2017.

EXTRATO 1º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 142/2016 EXTRATO – 1º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 142/2016

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A SRA. NORMA TUSNELDA DICKMANN. OBJETO: LOCAÇÃO DE IMÓVEL NA RUA DOS CAÇADORES, Nº 2206, BAIRRO VELHA, BLUMENAU/SC, PARA ATENDER AS ATIVIDADES DO CENTRO DE REFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL – CRAS REGIÃO I – VELHA. FUNDAMENTO LEGAL: Dispensa nº 08-55/2016. PREÇO: Renova o valor pago à contratada que se mantém em R$ 3.897,00 (três mil, oitocentos e noventa e sete reais) mensais, totalizando o valor contratual em R$ 46.764,00 (quarenta e seis mil setecentos e sessenta e quatro reais). PRAZO: Prorroga o prazo contratual por mais 12 (doze) meses, ou seja, de 1º de maio de 2017 até 30 de abril de 2018. DATA: 07 de abril de 2017.

EXTRATO 2º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 163/2016 EXTRATO – 2º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 163/2016

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A PARÓQUIA EVANGÉLICA DE ITOUPAVA CENTRAL. OBJETO: LOCAÇÃO IMÓVEL, CONTENDO NO TOTAL 1.068,29M², LOCALIZADO NA RUA DR. PEDRO ZIMMERMANN, Nº 10139, BAIRRO ITOUPAVA CENTRAL, DESTINADO AO FUNCIONAMENTO DO C.E.I. NAZARÉ. FUNDAMENTO LEGAL: Dispensa nº 08-57/2016. PRAZO: Prorroga o prazo contratual por mais 12 (doze) meses, ou seja, de 1º de maio de 2017 até 30 de abril de 2018. PREÇO: Renova o valor pago à contratada que se mantém em R$ 7.559,08 (sete mil, quinhentos e cinqüenta e nove reais e oito centavos) mensais, totalizando o valor do contrato que se mantém em R$ 90.708,96 (noventa mil setecentos e oito reais e noventa e seis centavos). DATA: 11 de abril de 2017.

Página 51

EXTRATO 2º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 201/2016 EXTRATO – 2º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº. 201/2016

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A EMPRESA CRUZ AZUL NO BRASIL. OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA OU ENTIDADE ESPECIALIZADA PARA EXECUÇÃO DE ATIVIDADES DE PREVENÇÃO QUANTO AO USO DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS LEGAIS E ILEGAIS, ABORDANDO SUAS CONSEQUÊNCIAS. FUNDAMENTO LEGAL: Pregão Presencial nº 054/2016. PRAZO: Prorroga o prazo contratual por mais 08 (oito) meses, ou seja, de 13 de março de 2017 até 12 de novembro de 2017. DATA: 28 de março de 2017.

EXTRATO 1º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 271/2016 EXTRATO – 1º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº. 271/2016

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A EMPRESA OBRAMASTER CONSTRUTORA E INCORPORADORA LTDA. OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA CONSTRUÇÃO DE 01 (UMA) ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL - PROINFÂNCIA, NA RUA ANTÔNIO TREIS - BAIRRO VORSTARDT. FUNDAMENTO LEGAL: Concorrência nº 012/2016. PREÇO: Acrescenta a quantia de R$ 49.405,66 (quarenta e nove mil, quatrocentos e cinco reais e sessenta e seis centavos), totalizando o valor do contrato em R$ 1.361.499,31 (um milhão, trezentos e sessenta e um mil, quatrocentos e quarenta e nove reais e trinta e um centavos). DATA: 04 de abril de 2017.

EXTRATO 3º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 290/2015 EXTRATO – 3º TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº. 290/2015

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A EMPRESA PRATES E ABREU SERVIÇOS MÉDICOS E DIAGNÓSTICO LTDA. OBJETO: CONTRATAÇÃO EMPRESA PARA SERVIÇOS TÉCNICOS PROFISSIONAIS ESPECIALIZADOS COM ATENDIMENTO MÉDICO NA ÁREA DE ULTRASSONOGRAFIA A SEREM EXECUTADOS NA POLICLÍNICA DE REFERÊNCIA EM ESPECIALIDADES "LINDOLF BELL" VISANDO À PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA USUÁRIOS DO SUS, CONFORME CÓDIGOS, DESCRIÇÕES E INSTRUMENTO DE REGISTRO CONSTANTES NA TABELA SIGTAP. FUNDAMENTO LEGAL: Pregão Presencial nº 131/2015. PRAZO: Prorroga o prazo contratual por mais 04 (quatro) meses, ou seja, de 09 de abril até 08 de agosto de 2017. PREÇO: Renova o valor estimado pago à contratada que se mantém em R$ 22.360,00 (vinte e dois mil, trezentos e sessenta reais) mensais, totalizando o valor do contrato em R$ 89.440,00 (oitenta e nove mil quatrocentos e quarenta reais). DATA: 10 de abril de 2017.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 52

EXTRATO 1º TERMO ADITIVO AO CONVÊNIO Nº 005/2016 EXTRATO – 1º TERMO ADITIVO AO CONVÊNIO Nº 005/2016

PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU - FURB OBJETO: Cooperação técnica mútua com o objeto de estabelecer condições de realização do estágio curricular obrigatório dos cursos disponibilizados pela FURB com base na Lei Federal nº 11.788, de 25/09/2008, que regulamenta o estágio obrigatório dos alunos do ensino superior. FUNDAMENTO LEGAL: Art. 116, da Lei 8.666/93. SECRETARIA GESTORA: Secretaria Municipal de Administração – SEDEAD PRAZO: Prorroga de 17 de abril de 2017 até 16 de abril de 2018. DATA: 17 de abril de 2017.

EXTRATO 6º TERMO ADITIVO AO CONVENIO Nº 048/2012

EXTRATO – 6º TERMO ADITIVO AO CONVÊNIO Nº 048/2012 PARTES: MUNICÍPIO DE BLUMENAU E A FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU – FURB OBJETO: Cooperação técnico/financeira para atendimento ambulatorial, visando fortalecer a capacidade técnico-operacional para atender aos usuários do Sistema Único de Saúde no Município de Blumenau. FUNDAMENTO LEGAL: Art. 116, da Lei 8.666/93. INCLUSÃO: Rede de Cuidados a Pessoa com Deficiência, por meio da Portaria n. 1.876, de 06 de dezembro de 2016 e algumas disposições gerais. RECURSOS: Repasse no valor total de R$ 3.360.000,00 (três milhões, trezentos e sessenta mil reais), sendo o incentivo desmembrado em: R$ 1.680.000,00 (um milhão, seiscentos e oitenta mil reais) já alocados no Fundo Municipal de Saúde, desde dezembro de 2015, consoante a Portaria nº 2.020, de 07 de dezembro de 2015; e os outros R$ 140.000,00 (cento e quarenta mil reais) fixos e mensais, contados de dezembro de 2016, conforme a Portaria nº 1.876, de 06 de dezembro de 2016, passando o convênio a ter o teto mensal de R$ 209.553,15 (duzentos e nove mil, quinhentos e cinquenta e três reais e quinze centavos). DATA: 28 de março de 2017.

PORTARIA SEDEAD Nº 31.310/2017

PORTARIA SEDEAD Nº 31.310/2017 CONCEDE LICENÇA POR MOTIVO DE DOENÇA EM PESSOA DA FAMÍLIA AOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS QUE INDICA. ANDERSON ROSA, Secretário Municipal de Administração, no exercício das atribuições que lhe confere o Decreto Municipal nº 9.964, de 29 de abril de 2013, reSOLVE: CONCEDER LICENÇA POR MOTIVO DE DOENÇA EM PESSOA DA FAMÍLIA, com base nos termos do artigo 137, “caput”, da Lei Complementar nº 660, de 28 de novembro de 2007, aos servidores ocupantes de cargo de provimento efetivo indicados: Cadastro

Nome

Processo

19116-7 22856-3 21259-8 21783-2 20502-8 19101-9 17787-3 22947-7

DEBORA GUIMARÃO PEREIRA MOLIN JANAINA DOS SANTOS JANE ROSEMARIS BIZ KAREN SIMAS EBSEN NEUSA MORAES ANTUNES SILVANA MACHADO NAZARIO VALMIR KLOEPFEL ZELIA AMARAL OLIVEIRA CORDEIRO

2017/217 2017/221 2017/227 2017/231 2017/228 2017/218 2017/219 2017/211

Período Início 03/04/2017 03/04/2017 08/04/2017 31/03/2017 15/03/2017 27/03/2017 29/03/2017 30/03/2017

Fim 01/06/2017 09/04/2017 06/06/2017 07/04/2017 13/04/2017 25/04/2017 04/04/2017 08/04/2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE BLUMENAU, em 13 de abril de 2017. ANDERSON ROSA Secretário Municipal de Administração

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

HOMOLOGAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 020/2017

Homologação - Pregão Presencial nº 020/2017 - Data/homologação: 17/04/2017. Objeto: Aquisição de barras de aço, arame recozido, cinta de elevação, - SEURB. Empresa vencedora: Item 01: Valor unitário - R$7,00. Item 02: Valor unitário - R$25,55.Item 03: Valor unitário R$11,00. Item 04: Valor unitário - R$16,90. Item 05: Valor unitário - R$5,34. Item 06: Valor unitário - R$7,74. Item 07: Valor unitário R$141,00. Item 08: Valor unitário - R$585,00. Item 09: Valor unitário - R$154,00. Item 10: Valor unitário - R$347,33. Base Legal: Lei nº 10.520, de 17 de julho de 2.002, que regulamenta a modalidade Pregão, Decretos Municipais nº 7.106/02 e nº 7.732/04, Lei Complementar 123/06 e alterações e subsidiariamente a Lei Federal nº 8.666/93 e alterações. Blumenau, 20 de fevereiro de 2017.

EXTRATO Nº 067/2017 - FURB

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU Extrato nº. 067/2017 Dispensa de Licitação n°. 121/2017 A Fundação Universidade Regional de Blumenau, pessoa jurídica de direito público interno, com sede na Rua Antônio da Veiga, nº. 140, CNPJ nº. 82.662.958/0001-02, torna público que após o devido processo legal, dispensou o procedimento em epígrafe com fundamento no Artigo 24, IV, da Lei Federal nº. 8.666/93 e demais alterações, para a Contratação direta para Aquisição de material para uso em Projetos de Pesquisa PPGEA/PROAD, Convênio 817628/2015 CAPES. Forma de Pagamento: O pagamento será efetuado em até 21 (vinte e um) dias consecutivos após a entrega do material e da Nota Fiscal. Valor Total/Programa de Trabalho/Elemento de Despesa/Rubrica: R$ 3.270,00 (três mil duzentos e setenta reais)./ 01.30.12.364.0076.2030 (Projetos Especiais)/ 3.3.90.30/(Material de Consumo)/ 3.3.90.30.35(Material Laboratorial). Blumenau, 19 de abril de 2017. Prof. Dr. João Natel Pollonio Machado Reitor da FURB

PORTARIA Nº 5787/2017 - ISSBLU PORTARIA Nº 5787/2017

ALTERA A PORTARIA Nº 2175/2010 QUE CONCEDEU APOSENTADORIA POR INVALIDEZ À SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL TERESINHA APARECIDA DAROS DE SOUZA. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU – Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria nº 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o art. 57, inciso I, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000, e CONSIDERANDO a decisão proferida pelo Juiz de Direito da 1ª Vara da Fazenda Acidentes do Trabalho e Registros Públicos, da Comarca de Blumenau, nos Autos nº 0024479-10.2011.8.24.0008, alterando os proventos de aposentadoria da beneficiária de proporcionais para integrais, resolve, Art. 1º. Alterar a Portaria nº 2175/2010, de 1 de abril de 2010, que concedeu aposentadoria por invalidez à TERESINHA APARECIDA DAROS DE SOUZA, servidora pública municipal, aposentada no cargo de provimento efetivo de Educador, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, passando os

ASSINADO DIGITALMENTE

Página 53

seus proventos mensais de proporcionais para integrais, a contar de 23 de julho de 2013. Art. 2º. O valor dos proventos integrais da beneficiária, atualizado para o corrente mês de março de 2017, corresponde a R$ 2.453,14 (Dois mil, quatrocentos e cinquenta e três reais e quatorze centavos). Blumenau, 1 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5788/2017 - ISSBLU

PORTARIA N.º 5788/2017 CONCEDE PENSÃO VITALÍCIA A LUIZ DE ANDRADE RODRIGUES. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve CONCEDER PENSÃO VITALÍCIA De acordo com os artigos 17, §§ 1º, e 4º, e 18, inciso I, alínea "a", da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, combinado com o artigo 16, inciso I, do mesmo diploma legal, e artigo 40, § 7º, inciso I, da Constituição Federal, com redação dada pela Emenda Constitucional n.º 41, de 19 de dezembro de 2003, a LUIZ DE ANDRADE RODRIGUES, cônjuge de MARIA ROSANE RODRIGUES, servidora pública municipal, aposentada no cargo de provimento efetivo de Professor, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, falecida em 8 de fevereiro de 2017, devendo perceber, mensalmente, o valor de R$ 4.380,79 (Quatro mil, trezentos e oitenta reais e setenta e nove centavos), a contar da data do óbito, conforme Processo Nº 01645/03/2017. Blumenau, 3 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5789/2017 - ISSBLU

PORTARIA Nº 5789/2017 TORNA SEM EFEITO A NOMEAÇÃO DE MÁRCIO JOSÉ CORRÊA. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria N.º 17.031, 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve TORNAR SEM EFEITO a nomeação de MÁRCIO JOSÉ CORRÊA, em conformidade com o disposto no artigo 16, § 4º, da Lei Complementar Municipal nº 660, de 28 de novembro de 2007, para o cargo em provimento efetivo de Assistente Social, do Quadro Permanente de Pessoal, Categoria 9, do Grupo Ocupacional Especialista, carga horária de 30 (trinta) horas, Faixa de Vencimento I, Padrão de Vencimento A, nomeado pela Portaria Nº 5772/2017, de 23 de fevereiro de 2017. Fica o candidato deslocado para a última posição de classificação entre os aprovados para o cargo de Assistente Social, do Concurso Público nº 001/2014, conforme disciplina o artigo 6º, § 3º, do Decreto Municipal nº 9291, de 8 de novembro de 2010. www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 54

Blumenau, 3 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5792/2017 - ISSBLU

PORTARIA Nº 5790/2017 - ISSBLU

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria N.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, promulgada em 22 de dezembro de 2000, resolve

PORTARIA Nº 5790/2017 NOMEIA CANDIDATO APROVADO NO CONCURSO PÚBLICO ISSBLU Nº 001/2014 PARA EXERCER CARGO DE PROVIMENTO EFETIVO. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve NOMEAR com fundamento no artigo 9º, inciso I, da Lei Complementar nº 660, de 28 de novembro de 2007, LUDMILA RIBEIRO KANDER, para exercer o cargo em provimento efetivo de Assistente Social, do Quadro Permanente de Pessoal, categoria 9, do Grupo Ocupacional Especialista, carga horária de 30 (trinta) horas, Faixa de Vencimento I, Padrão de Vencimento A. Blumenau, 3 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5791/2017 - ISSBLU

PORTARIA N.º 5791/2017 NOMEIA MEMBROS PARA COMPOR A JUNTA MÉDICA OFICIAL DO INSTITUTO MUNICIPAL DE SEGURIDADE SOCIAL DO SERVIDOR DE BLUMENAU – ISSBLU QUE SE REUNIRÁ NO DIA 10 DE MARÇO DE 2017 ÀS 13H30MIN. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria N.º 17.031, 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve NOMEAR nos termos do Artigo 68 C, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000, Dr. RAFAEL DE FRANCESCHI, servidor público municipal, ocupante do cargo efetivo de Médico, lotado na Secretaria Municipal de Saúde do Município de Blumenau, Dra. LETÍCIA BENITES COLVARA, servidora pública municipal, ocupante do cargo efetivo de Médico, lotada na Secretaria Municipal de Saúde do Município de Blumenau, Dra. GIOVANA ELENIR MERINI DE FRANCESCHI, servidora pública municipal, ocupante do cargo efetivo de Médico, lotada na Secretaria Municipal de Saúde do Município de Blumenau, para compor a Junta Médica Oficial do ISSBLU – Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, que se reunirá no dia 10 de março de 2017, às 13h30min. Blumenau, 6 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA N.º 5792/2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO AO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL JOÃO BOSCO LUCOLI.

CONCEDER APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO De acordo com o artigo 72, incisos I, II, e III, alíneas “a”, e “b”, § 1.º, inciso II, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, combinado com o artigo 7.º, § 1.º, do mesmo diploma legal, artigos 2º, inciso I, anexo I, 54, e 64, da Lei Complementar n.° 661, de 28 de novembro de 2007, artigo 2º, seus incisos, alínea “a”, e “b”, § 1.º, inciso II, da Emenda Constitucional n.º 41, de 19 de dezembro de 2003, a JOÃO BOSCO LUCOLI, servidor público municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Agente de Vigilância, lotado na Secretaria Municipal de Administração, sob o Regime Jurídico Estatutário, com proventos reduzidos e mensais de R$ 1.438,65 (Mil, quatrocentos e trinta e oito reais e sessenta e cinco centavos), a contar de 7 de março de 2017, conforme Processo n.º 01595/02/2017. Blumenau, 6 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5793/2017 - ISSBLU

PORTARIA N.º 5793/2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO AO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL NILTO LEHMKUHL. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria N.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve CONCEDER APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO De acordo com o artigo 72-A, seus incisos, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, artigos 61, 62, 63, 99, 104, anexos I, e V, e 114, da Lei Complementar n.º 662, de 28 de novembro de 2007, artigo 1.º, § único, da Lei Complementar n.º 119, de 31 de maio de 1996, e artigo 6.°, seus incisos, da Emenda Constitucional n.º 41, de 19 de dezembro de 2003, a NILTO LEHMKUHL, servidor público municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor, lotado na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, com proventos integrais e mensais de R$ 5.581,17 (Cinco mil, quinhentos e oitenta e um reais e dezessete centavos), a partir de 13 de março de 2017, conforme Processo n.º 01597/02/2017. Blumenau, 7 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 55

PORTARIA Nº 5794/2017 - ISSBLU

PORTARIA Nº 5796/2017 - ISSBLU

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, promulgada em 22 de dezembro de 2000, resolve

CONCEDER APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

MANDAR CONTAR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

De acordo com o artigo 72-A, seus incisos, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, artigos 61, 62, 63, 99, 108, anexos I, e V, e 114, da Lei Complementar n.º 662, de 28 de novembro de 2007, e artigo 6.°, seus incisos, da Emenda Constitucional n.º 41, de 19 de dezembro de 2003, à

De acordo com o artigo 4.º, § 6.º, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000,

PORTARIA N.º 5794/2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO À SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL CECILIA ALEXANDRE.

CECILIA ALEXANDRE, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Educador, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, com proventos integrais e mensais de R$ 3.224,71 (Três mil, duzentos e vinte e quatro reais e setenta e um centavos), a partir de 13 de março de 2017, conforme Processo n.º 01608/02/2017. Blumenau, 7 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA N.º 5796/2017 CONTA TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO A FAVOR DA SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL KATIA APARECIDA ALCANTARA.

A favor de KATIA APARECIDA ALCANTARA, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Agente Administrativo, lotada na Secretaria Municipal de Saúde, sob o Regime Jurídico Estatutário, para efeito de aposentadoria, conforme Certidão expedida pelo INSS – Instituto Nacional do Seguro Social, Protocolo nº 20021010.1.00017/17-9, em 20/01/2017, prestado à Prefeitura Municipal de Blumenau, no período de 22/04/1985 a 24/07/1994, um total de 3378 (três mil, trezentos e setenta e oito) dias, correspondente a 9 (nove) anos, 3 (três) meses, e 3 (três) dias, conforme Processo n.º 01659/03/2017. Blumenau, 7 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5795/2017 - ISSBLU

PORTARIA Nº 5797/2017 - ISSBLU

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve

CONCEDER APOSENTADORIA POR IDADE

CONCEDER APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

De acordo com os artigos 4.º , inciso III, § 2.º, e 28, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, combinado com o artigo 7º, § 1º, do mesmo diploma legal, artigos 2°, inciso I, anexo I, 54, e 64, da Lei Complementar n° 661, de 28 de novembro de 2007, e artigo 40, §§ 1.º, inciso III, alínea “b”, e 3º, da Constituição Federal, com redação determinada pela Emenda Constitucional 41, de 19 de dezembro de 2003, à

De acordo com o artigo 73-B, seus incisos, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, artigos 61, 62, 63, 99, 108, anexos I, e V, e 114, da Lei Complementar n.º 662, de 28 de novembro de 2007, e artigo 3.º, seus incisos, da Emenda Constitucional n° 47, de 5 de julho de 2005, à

PORTARIA N.º 5795/2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR IDADE À SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL CELMA DAS GRAÇAS DE SOUZA DA SILVA.

CELMA DAS GRAÇAS DE SOUZA DA SILVA, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Servente de Serviços Gerais, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, com proventos proporcionais e mensais de R$ 1.009,69 (Mil, nove reais e sessenta e nove centavos), a partir de 13 de março de 2017, conforme Processo n.° 01581/03/2017. Blumenau, 7 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA N.º 5797/2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO À SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL MARILI DA LUZ.

MARILI DA LUZ, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Educador, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, com proventos integrais e mensais de R$ 3.618,28 (Três mil, seiscentos e dezoito reais e vinte e oito centavos), a partir de 13 de março de 2017, conforme Processo n.º 01560/02/2017. Blumenau, 10 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 56

PORTARIA Nº 5798/2017 - ISSBLU

PORTARIA N.º 5798/2017 CONTA TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO A FAVOR DA SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL MARGARETH DE SOUZA FELISBINO GOERTMANN. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve MANDAR CONTAR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO De acordo com o artigo 4.º, § 6.º, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000, A favor de MARGARETH DE SOUZA FELISBINO GOERTMANN, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, para efeito de aposentadoria, conforme Certidão expedida pelo INSS – Instituto Nacional do Seguro Social, Protocolo nº 20021010.1.00006/17-7, em 06/01/2017, prestado às seguintes entidades: Empresa

Período

Lojas Hering S.A.

03/11/1983 a 01/04/1986

Kuala S.A.

22/09/1986 a 14/04/1989

Prefeitura Municipal de Blumenau

01/09/1989 a 30/04/1990

Totaliza o tempo de 2057 (dois mil, cinquenta e sete) dias, correspondente a 5 (cinco) anos, 7 (sete) meses, e 22 (vinte e dois) dias, conforme Processo n.º 01698/03/2017. Blumenau, 13 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5799/2017 - ISSBLU

PORTARIA Nº 5799/2017 NOMEIA MEMBROS PARA COMPOR A COMISSÃO ELEITORAL QUE COORDENARÁ NO ANO DE 2017 A ELEIÇÃO DOS CONSELHOS DE ADMINISTRAÇÃO E FISCAL DO INSTITUTO MUNICIPAL DE SEGURIDADE SOCIAL DO SERVIDOR DE BLUMENAU – ISSBLU. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, incisos II, e IV, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve NOMEAR, para compor a Comissão Eleitoral que coordenará, no ano de 2017, a eleição dos Conselhos de Administração e Fiscal do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nos termos do artigo 10º, §1º, do Regimento da Eleição, os seguintes membros: FRED HORST MANKE JÚNIOR, representante do Poder Executivo Municipal; SÉRGIO MAURICI BERNARDO, representante do SINTRASEB - Sindicato Único dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Blumenau; LEURI ARLÊNIO FRITSCH, representante da FURB Fundação Universidade Regional de Blumenau; CARLOS ALBERTO SILVA DA SILVA, representante do SINSEPES - Sindicato dos Servidores Públicos do Ensino Superior de Blumenau; RICARDO BOF, representante do Conselho de Administração do ISSBLU. Blumenau, 14 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5800/2017 - ISSBLU

PORTARIA N. º 5800/2017 CONCEDE O BENEFÍCIO DO SALÁRIO MATERNIDADE. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de em 22 de dezembro de 2000, Nos termos dos artigos 14, inciso I, e 15, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve CONCEDER O BENEFÍCIO DO SALÁRIO MATERNIDADE, às servidoras públicas municipais relacionadas no quadro abaixo: CADASTRO

NOME

INÍCIO

TÉRMINO

230556

AMMANDA KHAROLYNE BORGES DE JESUS LIMA

30/12/2016

28/04/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 57

005400

BEATRIZ KROKER

31/10/2016

27/02/2017

230115

DAIANA ANDRESSA GRUBEL

09/02/2017

08/06/2017

228169

DEISE REGINA PAUL HASSE

16/12/2016

14/04/2017

229528

DIESICA RODRIGUES DOS SANTOS AZEVEDO

28/12/2016

26/04/2017

228230

ELENIR SOARES

28/12/2016

26/04/2017

229374

ELIZETE REINHOLD ZECH

05/12/2016

03/04/2017

229923

FLAVIA QUISINSKI HILLE

14/12/2016

12/04/2017

228516

FRANCIELI KIRCHNER

14/02/2017

13/06/2017

231223

FRANCIELLE RODRIGUES

08/02/2017

11/05/2017

229704

HELENISE HELENA VIEIRA

06/02/2017

05/06/2017

229490

HELOISA POLI REBELO

01/02/2017

31/05/2017

230558

MARIA RITA FELIPE DE OLIVEIRA

09/02/2017

08/06/2017

222461

MARIJU ALVES SILVEIRA DOS SANTOS

07/02/2017

06/06/2017

225428

MARILIA FERNANDA BRASIL

06/12/2016

04/04/2017

231281

MARLENE DE OLIVEIRA DOS SANTOS DE SOUZA

01/03/2017

28/06/2017

229432

MARLUCE VOLPI THOMAZI

19/12/2016

17/04/2017

229968

MILENE BARBOSA CRUZ ROCHA

15/02/2017

14/06/2017

225410

NAIARA DOS SANTOS THOMAZ

09/01/2017

08/05/2017

005524

NATASHA JENSEN

26/10/2016

22/02/2017

229120

ROSIELI DALLAPORTA

02/02/2017

01/06/2017

229596

RUANA MARIA GARTNER KOSTETZER

07/01/2017

06/05/2017

231181

SMONE CRISTIANE FROEHLICH DE PRA

08/02/2017

07/06/2017

228278

SUSANA MARTINS

21/02/2017

20/06/2017

229980

TAISA ALDANEI PEREIRA DOS SANTOS

28/11/2016

27/03/2017

231046

TISSIANA MARIA FALCAO MULLER POSSER

07/02/2017

06/06/2017

Blumenau, 16 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5801/2017 - ISSBLU

PORTARIA N. º 5801/2017 CONCEDE O BENEFÍCIO DE AUXÍLIO DOENÇA. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria N. º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de em 22 de dezembro de 2000, Nos termos dos artigos 9.º, parágrafo único, e 10, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve CONCEDER O BENEFÍCIO DE AUXÍLIO DOENÇA, aos servidores públicos municipais relacionados no quadro abaixo: CADASTRO

NOME

INÍCIO

TÉRMINO

095230

ALDO ROBERTO LUCHESI

14/02/2017

20/04/2017

219037

ALESSANDRA POLIDORO

22/02/2017

03/03/2017

192040

ALEXANDRO ROBERTO FLACH

07/02/2017

20/04/2017

229055

ALINE EMA ALBERT MIRANDA

28/02/2017

13/03/2017

150665

ANA CLAUDIA SEARA DA COSTA

13/12/2016

28/01/2017

200247

ANDREIA APARECIDA ALVES

21/12/2016

06/02/2017

228799

ANDRESSA CORDEIRO

11/03/2017

14/03/2017

101451

ANGELA DA CUNHA PAPST

14/12/2016

16/12/2016

107794

ANSELMO LEONARDO REYNAUD DOS SANTOS

27/12/2016

13/06/2017

146773

ANTONIA DULCE PEDRINI KOEHLER

27/12/2016

09/06/2017

182338

ANTONIO CESAR DA ROSA

04/01/2017

24/02/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 58

168467

ARLEDI DE MENDONÇA

13/12/2016

27/01/2017

179027

ARNO LUCHINI

23/12/2016

12/04/2017

217310

CARLA FERNANDA DA SILVA DONINE

16/12/2016

23/01/2017

217310

CARLA FERNANDA DA SILVA DONINE

08/02/2017

09/02/2017

174424

CARLA LONGINA CASAS DA SILVA

24/02/2017

07/04/2017

220051

CARMEN REGINA KREBS

27/12/2016

27/02/2017

204803

CELENE RODRIGUES ALBERTO

10/12/2016

24/12/2016

204803

CELENE RODRIGUES ALBERTO

04/02/2017

03/04/2017

229310

CELIA NUNES DE OLIVEIRA FILHO

04/03/2017

17/03/2017

199095

CINTIA ROSSBACH CUSTODIO DA LUZ

07/03/2017

20/04/2017

228153

CLARISSA AMELIA PEIXOTO DOS SANTOS

29/12/2016

27/01/2017

187038

CLAUDIA REGINA DA COSTA DE BORBA

15/12/2016

30/12/2016

230682

CLEIDEMAR DIAS

01/03/2017

31/03/2017

191639

CLEUSA HANOFF DE OLIVEIRA

17/02/2017

03/03/2017

230491

CRISTIANE AMORIM

09/12/2016

16/12/2016

229187

CRISTIANE CAMELIA XAVIER

09/02/2017

07/05/2017

215961

CRISTIANE MAFRA

03/02/2017

19/03/2017

211257

DARCI SIEVES CARDOSO

25/02/2017

13/04/2017

000440

DOROTI JUNG WANKE

30/12/2016

10/02/2017

225134

DULCE MARTINS

01/03/2017

08/04/2017

195685

EDIR DA SILVEIRA STUHLER

22/02/2017

29/04/2017

225339

ELCI APARECIDA DOMINGUES DE SOUZA

28/02/2017

19/04/2017

230654

ELENICE BONETE PUTZEL ZEREDI

07/03/2017

20/04/2017

000474

ELENIR CARDOSO DA SILVA

15/12/2016

28/01/2017

192244

ELIANA MARIA DE AMORIM

23/02/2017

31/03/2017

192201

ELIANE MARIA DE FATIMA CONTI

09/03/2017

20/04/2017

201863

ELIS ROSANA FUMAGALLI

10/12/2016

23/12/2016

177091

EUCLIDES MARTINS

22/12/2016

24/02/2017

230592

EUFRASIA RIBEIRO

07/03/2017

31/03/2017

228501

FABIANE DOS SANTOS GONÇALVES

01/03/2017

12/04/2017

205966

HEMELICE MACHADO PELLIS

16/12/2016

12/05/2017

230139

HILDA DE FATIMA PAULO BALDIN

24/12/2016

08/02/2017

184993

HILDA FRANCISCO

14/02/2017

30/04/2017

228584

IARA DENISE NEUHAUS TAMBOSI

03/03/2017

01/04/2017

140244

IRACI SCHEWINSKI

04/12/2016

23/12/2016

140244

IRACI SCHEWINSKI

04/03/2017

07/05/2017

000336

IRECI KERTISCHKA

13/12/2016

20/01/2017

230504

IRENE SCHRODER PROBST

17/02/2017

10/03/2017

217379

ISOLETE FERNANDES DOS SANTOS

08/03/2017

15/03/2017

200123

IVANI RONCATO

14/12/2016

27/01/2017

228184

IVANICE KOHLER

15/02/2017

11/08/2017

224669

IZEL DE FATIMA HILGEMBERG

25/02/2017

20/04/2017

008397

JACQUES ROBERT HECKMANN

16/02/2017

16/02/2017

228159

JEAN ALMUAS

20/12/2016

03/02/2017

228590

JEFERSON ALVES GARRIDO

23/12/2016

10/03/2017

230617

JEFFERSON JORGE DE SOUZA

01/02/2017

10/02/2017

230617

JEFFERSON JORGE DE SOUZA

01/03/2017

31/03/2017

170399

JERUSA ZIMMERMANN RINCO

01/03/2017

31/03/2017

013021

JORGE LUIZ MASSANEIRO

15/12/2016

28/02/2017

172855

JOSE RICARDO SEARA DA COSTA

09/12/2016

23/01/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 59

228595

JOSIANE HELLMANN PINHEIRO

16/03/2017

28/06/2017

206369

KATIA BAUMANN

07/02/2017

24/02/2017

198617

KATIA REGINA STORRER PACHECO

08/03/2017

28/03/2017

199990

LORENI ALVES DE LIMA HERMANN

22/02/2017

22/04/2017

122351

LUCIA LUCIANO

07/03/2017

20/03/2017

231031

LUCIANA CARDOZO FERREIRA

07/02/2017

20/04/2017

000286

LUCIARA FERRARI SCHEEL

22/12/2016

07/02/2017

119334

LUCILENE RAQUEL SCHMITT

09/12/2016

23/12/2016

119334

LUCILENE RAQUEL SCHMITT

08/02/2017

24/02/2017

230914

LUZIA ELIZENA BIZATTO

07/02/2017

10/04/2017

218456

MANOEL MAFRA

06/02/2017

01/04/2017

200441

MARCIA ROTHBARTH

23/12/2016

08/02/2017

176974

MARCO ANTONIO DE AVIZ

17/02/2017

16/06/2017

229615

MARCOS ANDERSON LANA

16/02/2017

01/04/2017

199788

MARIA APARECIDA CECHET

07/02/2017

08/04/2017

174939

MARIA APARECIDA PHILLIPPI

23/02/2017

08/06/2017

188433

MARIA DE FATIMA MEDEIROS

13/12/2016

27/12/2016

107255

MARIA GORETI VIGARANI

02/12/2016

16/12/2016

141798

MARIA LUCIA ARAGAO ALVES

28/02/2017

12/05/2017

204145

MARIA TERESINHA LOURENCO

16/02/2017

06/03/2017

066494

MARIA VANILDA MEDEIROS

21/12/2016

24/02/2017

230338

MARILIA DA SILVA PONTES

07/03/2017

22/03/2017

131245

MARLI HUNCKEL SCHIOCHET

21/02/2017

05/04/2017

212920

MARLI NAIR GOLDBECK PARIS

07/02/2017

13/02/2017

221082

MELANIA REGINA BERTELLI

28/12/2016

13/04/2017

230010

NAYRA LUISA SILVA

01/03/2017

16/03/2017

192538

NEILA REGINA BARCELOS SPIES

24/02/2017

07/04/2017

229437

NEIVA PERUCCI GARCIA

22/02/2017

28/04/2017

228462

PAMELA MARCHI AVOSANI

13/12/2016

29/01/2017

009615

PAOLA DE LIMA

17/12/2016

10/01/2017

230609

RAQUEL ALINE DE BARROS

03/03/2017

24/03/2017

000183

REGINA BALLMAN

31/12/2016

09/02/2017

200174

REGINA MARIA ZIMMER

22/02/2017

20/03/2017

144207

RITA DEGGAU SCHMIDT

26/01/2017

10/02/2017

228191

ROBERTO CESAR BENTO

08/02/2017

08/04/2017

106291

ROLF GESKE

08/03/2017

21/04/2017

230791

RONALDO ZAVAGLIO

10/12/2016

12/01/2017

230791

RONALDO ZAVAGLIO

06/03/2017

31/03/2017

216410

ROSANA JACOMINA FALLER

05/01/2017

25/01/2017

223344

ROSELI JORGE

05/02/2017

17/03/2017

229409

ROSELI KISSMANN

15/12/2016

17/12/2016

196614

ROSELI MORAIS

29/12/2016

27/01/2017

225835

ROSELI MORAIS

29/12/2016

27/01/2017

230404

ROSENILDA MARQUES FERREIRA HETZEL

11/02/2017

17/03/2017

230330

ROSILENE DE SIMAS

09/02/2017

22/02/2017

204056

ROSITA PAGELKOPF

09/02/2017

10/02/2017

204056

ROSITA PAGELKOPF

15/12/2016

14/01/2017

228643

RUBIA KUPAS

24/02/2017

08/04/2017

188760

SANDRA MARA SCHULTZ

31/01/2017

15/07/2017

228725

SEBASTIAO TADEU WOLF DA COSTA

23/02/2017

23/02/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 60

189235

SHIRLEY SILVA STROMER VERGARA

05/02/2017

24/03/2017

166413

SIDNEY DOSSANTOS NAVES

08/01/2017

27/01/2017

139360

SILVIA REGINA HUBES

14/02/2017

07/03/2017

148130

SILVIA TERESA WIRTH

25/02/2017

06/04/2017

202070

SIMONE RAIMUNDI FRIEDEL

07/02/2017

24/04/2017

106429

SIMONE SETTER DA SILVA

11/02/2017

27/03/2017

145432

SIMONE SILVA

21/02/2017

12/04/2017

231195

SOLANGE WEISE CUNHA

01/03/2017

10/05/2017

183555

SONEIDE DOS SANTOS AVI

28/02/2017

31/03/2017

173029

SONIA REGINA PEREIRA

15/02/2017

07/03/2017

131210

SUELI CUNHA

07/02/2017

08/05/2017

206490

SUELI DUARTE OVIDIO

13/12/2016

20/01/2017

206490

SUELI DUARTE OVIDIO

05/02/2017

13/04/2017

228121

TAIS FRENZEL DA ROSA NOGUEZ

10/12/2016

23/01/2017

230302

TAIS FRENZEL DA ROSA NOGUEZ

10/12/2016

23/01/2017

229860

TALITHA VERGARA BAUTISTA

14/09/2016

31/03/2017

139505

TANIA ISABEL EBEL

14/12/2016

15/12/2016

139505

TANIA ISABEL EBEL

07/02/2017

22/03/2017

229654

TATIANE TALITA PROHNOW PETERSEN

22/02/2017

07/04/2017

191671

TEREZA LUCIA BATISTA

15/12/2016

30/12/2016

231046

TISSIANA MARIA FALCAO MULLER POSSER

06/01/2017

06/02/2017

228658

VALERIA DA SILVA E SOUZA SOARES

18/02/2017

22/03/2017

147737

VALMOR DE OLIVEIRA

07/02/2017

20/04/2017

230986

VANESSA GUSMAO WAGNER

27/12/2016

31/01/2017

228879

VANESSA NEUBER SALM

29/12/2016

03/02/2017

228879

VANESSA NEUBER SALM

19/02/2017

29/04/2017

197106

VANI NEUENFELD WEIDUSCHADT

23/12/2016

10/02/2017

206261

VERONICA NOGUEIRA SIEVERT

02/03/2017

07/04/2017

202495

WANDERCLEIA SILVA

15/02/2017

17/03/2017

200603

YARA CAROLINE SCHEIDEMANTEL

10/03/2017

24/04/2017

209961

ZELI MARIA LORENZINI

09/03/2017

20/04/2017

228211

ZILDA DA LUZ MORAES BARBOSA

25/02/2017

22/03/2017

206032

ZILMA GOEDERT LONGEN

09/03/2017

31/03/2017

Blumenau, 16 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5802/2017 - ISSBLU

PORTARIA N. º 5802/2017 PRORROGA O BENEFÍCIO DE AUXÍLIO DOENÇA CONCEDIDO ATRAVÉS DAS PORTARIAS N.os 5603/2016 5779/2017 e 5780/2017. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve PRORROGAR O BENEFÍCIO DE AUXÍLIO DOENÇA, aos servidores públicos municipais relacionados no quadro abaixo: CADASTRO

NOME

INÍCIO

TÉRMINO

183237

ADAIR MARTINS

16/12/2016

15/03/2017

187062

ADIR RINALDI CALIXTO DA SILVA

01/10/2016

15/12/2016

208965

ADOLAR AMERICO

14/12/2016

14/07/2017

209783

ADRIANA DOS SANTOS

01/10/2016

31/03/2017

178101

ADRIANA ZIMMERMANN SILVA

17/12/2016

17/04/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 61

139157

ALCENIRA CLAUDINO DA SILVA

01/10/2016

31/03/2017

228661

ALESSANDRA MORAIS CAVALHEIRO

16/01/2017

14/03/2017

020109

ALEXANDRE AGUILA LIMA

17/12/2016

28/02/2017

188034

ANDREA PELLEGRINO

01/10/2016

31/03/2017

197920

ANDREIA SCHULZ REBLIN

07/01/2017

31/03/2017

207896

APARECIDA DONIZETE MARTINS

01/10/2016

31/03/2017

204838

ARLEI RENI BORELLA

02/03/2017

30/08/2017

005746

CANDIDO MARTINS

24/12/2016

31/01/2017

229782

CARLA TANCON

01/10/2016

31/03/2017

221236

CHARLES MARCELO STEIN

15/01/2017

11/03/2017

187399

CLAUDIO WINTERS STEIL

01/10/2016

31/03/2017

217115

CLEUZA ROSECLER NESELLO

01/10/2016

31/03/2017

229486

CRISTIANE APARECIDA ESSER

17/12/2016

12/05/2017

229911

DEBORA SPIELMANN

15/01/2017

13/04/2017

208299

DENISE CORREA

29/12/2016

07/04/2017

209384

DIVA SALETE DE OLIVEIRA DOS SANTOS

01/10/2016

31/03/2017

228060

DOLORES CABRAL E SILVA

13/01/2017

20/07/2017

197483

DULCIMAR MARIA CANALLI

03/12/2016

16/12/2016

201154

EDITE MARIA NOLLI

25/12/2016

10/02/2017

217891

EDSON RODRIGUES FARIAS

10/03/2017

09/05/2017

176290

EGOLAND GNICH

01/10/2016

31/03/2017

229056

ELAINE CRISTINA MACANEIRO DA SILVA

07/01/2017

22/03/2017

225339

ELCI APARECIDA DOMINGUES DE SOUZA

08/12/2016

21/12/2016

192201

ELIANE MARIA DE FATIMA CONTI

18/12/2016

01/01/2017

222267

ELIAS ALVIM DA SILVA

01/10/2016

31/03/2017

228990

ELINISIA TERESINHA MACHADO

19/11/2016

24/02/2017

173533

ELIS REGINA NOTARI

28/12/2016

28/02/2017

118222

ELISETE REGINA DA COSTA

24/12/2016

13/05/2017

005377

ELIZIA BARBOSA DA SILVA

14/12/2016

07/01/2017

229936

EMILIA SILVANA MARCELINO

03/02/2017

04/05/2017

214485

ERENICE RIBEIRO CONRADO

25/01/2017

13/03/2017

198161

ESTER MAES CANZIANI

11/02/2017

07/04/2017

191087

EVA CRUZ

01/10/2016

31/03/2017

223050

FABIANA MARIA FANTON

31/01/2017

10/05/2017

229278

FABRICIA LORENA SANTOS DA COSTA SILVA LOBO DE MENEZES

01/01/2017

05/05/2017

018864

FERNANDA GEISA MICHEL BROLLO

14/01/2017

20/02/2017

218553

FRANCINE SILVIA DE MIRANDA

25/01/2017

28/02/2017

228987

GIANI EVA CORREIA MENDES

23/12/2016

20/05/2017

010863

HELIO GARBINATO

10/09/2016

29/11/2016

147990

JACIRA ALBERTINA ANTUNES

01/10/2016

31/03/2017

005550

JACQUES ROBERT HECKMANN

10/02/2017

16/02/2017

196045

JANE ELISA CALZADO DA ROCHA

25/01/2017

26/04/2017

206806

JANETE GIRARDELLO

17/12/2016

23/01/2017

228217

JANIS THOMAIS MULLER

03/11/2016

29/04/2017

220221

JAQUELINE RAMLOW

17/12/2016

13/04/2017

178470

JEANE GONÇALVES MISTURA

01/02/2017

01/03/2017

157562

JOAO BONIFACIO DA SILVA

01/10/2016

31/03/2017

187496

JOAO DA ROCHA BORGES

17/02/2017

31/05/2017

229429

JOICE MINEIA BRANGER

17/12/2016

07/03/2017

210439

JOSE MESSIAS ANDRADE DE MOURA

13/12/2016

07/07/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 62

209309

JUARES LUIS DOS SANTOS

24/02/2017

21/04/2017

000086

JUCELI TEREZINHA COSTA ZUNINO

15/12/2016

31/03/2017

212490

JUCEMARA APARECIDA RIBEIRO DIAS MORAES

01/10/2016

31/03/2017

210838

JUCIARA ALVES DE SOUZA

01/10/2016

31/03/2017

201421

JULIAN GILMARA ISENSEE

01/10/2016

31/03/2017

228312

JULIANA BATISTA DO AMARANTE

07/03/2017

23/06/2017

187089

JULINHO FRANCISCO DE OLIVEIRA

14/12/2016

31/03/2017

205656

KATIA APARECIDA DA CONCEIÇÃO

01/02/2017

12/04/2017

229049

LIGIA BORGES DE JESUS

02/02/2017

28/04/2017

218944

LILIAN ROSI GERTNER DA SILVA STEIN

01/10/2016

31/03/2017

229883

LILIANE PEREIRA CAMARGO

09/01/2017

14/03/2017

223638

LISCATIA BELZ DREGER

09/01/2017

31/03/2017

181021

LUCIA BATISTA

01/10/2016

31/03/2017

229947

LUIZ EDUARDO DIAS

21/01/2017

06/04/2017

132519

LUIZ SHIGUEO YONAMINE

09/01/2017

08/02/2017

204692

MANOEL FARIAS

01/10/2016

31/03/2017

091979

MARA REGINA ROSSI HORACIO BORBA

20/02/2017

21/08/2017

144649

MARA RUBIA DA SILVA CONINCH

12/11/2016

02/01/2017

197300

MARA RUBIA DA SILVA CONINCH

12/11/2016

02/01/2017

095494

MARCIA ANITA COELHO

06/12/2016

13/03/2017

157279

MARCO ANTONIO BOTTOS

13/12/2016

04/02/2017

171670

MARIA FATIMA DE OLIVEIRA PAES LEME

08/12/2016

17/04/2017

185205

MARIA HELENA ZUCKI

10/12/2016

31/03/2017

229494

MARIA JOSE HALATEN

11/01/2017

04/02/2017

155527

MARIA KATIA DA CUNHA MELLO

03/01/2017

28/04/2017

207195

MARIA LUCILDE CARDOSO MACEDO

01/10/2016

31/03/2017

229713

MARISA TAVARES DA SILVA

17/12/2016

01/04/2017

139912

MARLI NOWASKY

01/10/2016

31/03/2017

204994

MARLISE RAVIZZA SILVA

21/12/2016

20/01/2017

211559

MAURILIA MARIA BORGES

27/10/2016

10/08/2017

172758

MERCEDES BERNADETE BONIN

29/01/2017

31/03/2017

143022

MIRIAN SPLITTER HACKBARTH

05/02/2017

16/06/2017

228393

NARA CRISTINA DE MOURA

17/12/2016

25/12/2016

191922

NELI TEREZINHA DAL CORDIVO SANTOS

18/02/2017

30/04/2017

182567

NILZA SEMIANO DELMONEGO

17/12/2016

04/02/2017

211826

OSNI BARBOSA DA SILVA

01/10/2016

20/02/2017

100684

PAULINO IGNACIO JACQUES NETO

01/10/2016

31/03/2017

230374

PAULO HENRIQUE STEININGER

03/02/2017

20/03/2017

230460

PAULO ROBERTO LONDERO VOTO

01/02/2017

31/03/2017

174254

REIMAR ROEDEL

10/12/2016

01/04/2017

146161

RICARDO LUIZ BEDUSCHI

14/01/2017

23/04/2017

049328

ROLF STAHNKE

25/01/2017

19/03/2017

217255

RONALDO WEINGARTNER

01/10/2016

31/03/2017

229023

ROSANGELA PEREIRA

01/10/2016

31/03/2017

192457

ROSELI DE MEDEIROS DA SILVA

01/10/2016

31/03/2017

182877

ROSELI SANTOS DE LIMA

11/11/2016

22/11/2016

106844

SANDRA MOGK DA SILVA

07/12/2016

06/06/2017

228854

SANDRA REGINA RINCAVESCHI

01/02/2017

04/04/2017

148555

SANTINA BORGES D'AVILA

01/10/2016

31/03/2017

160750

SERGIO LUIZ ROMUALDO

01/10/2016

31/03/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 63

229205

SHIRLEY FARIA

17/01/2017

20/04/2017

183334

SILVIA DOS SANTOS

07/01/2017

20/04/2017

148490

SIRLEI DE FATIMA DIAS DOS SANTOS

17/12/2016

13/04/2017

177679

SOLANGE DA CRUZ KONIG

01/10/2016

31/03/2017

144487

SONIA MARIA DIAS DE ARAGAO SOUZA

08/12/2016

16/12/2016

209996

SONIA MARIA FRANZEN

01/10/2016

31/03/2017

171042

TANIA MARIA FRANCISCO

01/10/2016

31/03/2017

207942

TATIANA TESCK

01/10/2016

31/03/2017

203696

TEREZINHA APARECIDA CERONI MARTINS

24/12/2016

17/02/2017

206466

VALMIR NUNES

15/12/2016

14/01/2017

203947

VERA DE FATIMA KUSTER

01/10/2016

31/03/2017

230035

VERA LUCIA OLIVEIRA SILVA

17/12/2016

05/02/2017

132721

ZELIA LONGO

13/12/2016

24/02/2017

184721

ZULEIDE APARECIDA C. DA ROSA BANFI

29/01/2017

10/03/2017

Blumenau, 16 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5803/2017 - ISSBLU

PORTARIA Nº 5804/2017 - ISSBLU

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve

MANDAR CONTAR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

MANDAR CONTAR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

De acordo com o artigo 4.º, § 6.º, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000,

De acordo com o artigo 4.º, § 6.º, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000,

A favor de CREIDIANA MARIA DA CONCEIÇÃO DUENKI, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Auxiliar de Enfermagem, lotada na Secretaria Municipal de Saúde, sob o Regime Jurídico Estatutário, para efeito de aposentadoria, conforme Certidão expedida pelo INSS – Instituto Nacional do Seguro Social, Protocolo nº 20021040.1.00012/17-7, em 15/03/2017, prestado às seguintes entidades:

A favor de CARLOS ROBERTO MANDEL, servidor público municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Agente de Obras Públicas, lotado no SAMAE-Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto, sob o Regime Jurídico Estatutário, para efeito de aposentadoria, conforme Certidão expedida pelo INSS – Instituto Nacional do Seguro Social, Protocolo nº 20021010.1.00234/14-5, em 27/06/2014, prestado às seguintes entidades:

PORTARIA N.º 5803/2017 CONTA TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO A FAVOR DA SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL CREIDIANA MARIA DA CONCEIÇÃO DUENKI.

Empresa

Período

Associação Assistencial da Igreja Evangélica Assembléia de Deus

01/07/1984 a 30/03/1986

Sociedade Divina Providencia Fundação Hospitalar de Blumenau

15/09/1986 02/02/1988 06/05/1988 10/04/1990

a a a a

22/04/1987 01/05/1988 26/04/1989 14/03/1991

Totaliza o tempo de 1644 (mil, seiscentos e quarenta e quatro) dias, correspondente a 4 (quatro) anos, 6 (seis) meses, e 4 (quatro) dias, conforme Processo n.º 01717/03/2017. Blumenau, 16 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA N.º 5804/2017 CONTA TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO A FAVOR DO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL CARLOS ROBERTO MANDEL.

Empresa

Período

Serralheria Bartel Ltda.

17/07/1978 a 20/09/1978

Incoplavi Indústria e Comércio de Plásticos 01/10/1978 a 18/09/1979 Ltda. Walfrido da Silva Mandel WN do Brasil Indústria e Comércio Ltda. – ME SAMAE-Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto PROEB - Fundação Promotora de Exposições de Blumenau Cia. Hering

01/02/1980 a 03/09/1981 02/02/1982 a 21/10/1983 03/11/1983 a 26/01/1989 05/10/1988 a 24/10/1988 10/07/1989 a 22/11/1991

Totaliza o tempo de 4402 (quatro mil, quatrocentos e dois) dias, correspondente a 12 (doze) anos, e 22 (vinte e dois) dias, conforme Processo n.º 01705/03/2017. Blumenau, 16 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 64

PORTARIA Nº 5805/2017 - ISSBLU

PORTARIA Nº 5807/2017 - ISSBLU

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, promulgada em 22 de dezembro de 2000, resolve

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve

MANDAR CONTAR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

CONCEDER APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

De acordo com o artigo 4.º, § 6.º, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000,

De acordo com o artigo 72-A, seus incisos, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000, artigos 61, 62, 63, 99, 104, anexos I, e V, e 114, da Lei Complementar n.º 662, de 28 de novembro de 2007, e artigo 6°, seus incisos, da Emenda Constitucional n.º 41, de 19 de dezembro de 2003, a

PORTARIA N.º 5805/2017 CONTA TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO A FAVOR DA SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL MARIANA DA SILVA.

A favor de MARIANA DA SILVA, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, para efeito de aposentadoria, conforme Certidão expedida pelo INSS – Instituto Nacional do Seguro Social, Protocolo nº 20021010.1.00199/14-5, em 29/05/2014, prestado à Prefeitura Municipal de Blumenau, no período de 07/04/1988 a 21/02/1994, um total de 2140 (dois mil, cento e quarenta) dias, correspondente a 5 (cinco) anos, 10 (dez) meses, e 15 (quinze) dias, conforme Processo n.º 01720/03/2017. Blumenau, 16 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA N.º 5807/2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO AO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL NORIVAL ROGERIO.

NORIVAL ROGERIO, servidor público municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor, lotado na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, com proventos integrais e mensais de R$ 6.685,52 (Seis mil, seiscentos e oitenta e cinco reais e cinquenta e dois centavos), a partir de 20 de março de 2017, conforme Processo n.º 01644/03/2017. Blumenau, 17 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5806/2017 - ISSBLU

PORTARIA Nº 5808/2017 - ISSBLU

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve

ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve

CONCEDER APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

CONCEDER APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

De acordo com o artigo 73-B, seus incisos, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, artigos 61, 62, 63, 99, 104, anexos I-A, e V, e 114, da Lei Complementar n.º 662, de 28 de novembro de 2007, e artigo 3.º, seus incisos, da Emenda Constitucional n.° 47, de 5 de julho de 2005, à

De acordo com o artigo 72-A, seus incisos, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000, artigos 26, 61, 62, 63, 99, 104, anexos I, e V, e 114, da Lei Complementar n.º 662, de 28 de novembro de 2007, artigo 39, inciso IV, da Lei Complementar n.° 308, de 22 de dezembro de 2000, combinado com o artigo 5.º, inciso I, da Lei Complementar n.º 1006, de 9 de novembro de 2015, e artigo 6°, seus incisos, da Emenda Constitucional n.º 41, de 19 de dezembro de 2003, à

PORTARIA N.º 5806/2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO À SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL LUCIA LUCIANO.

LUCIA LUCIANO, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, com proventos integrais e mensais de R$ 3.738,57 (Três mil, setecentos e trinta e oito reais e cinquenta e sete centavos), a partir de 20 de março de 2017, conforme Processo n.º 01567/02/2017. Blumenau, 17 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA N.º 5808/2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO À SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL ROSELI LUTTKE DE MIRANDA.

ROSELI LUTTKE DE MIRANDA, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Professor, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, com proventos integrais e mensais de R$ 5.447,73 (Cinco mil, quatrocentos e quarenta e sete reais e setenta e três centavos), a partir de 20 de março de 2017, conforme Processo n.º 01503/02/2017. Blumenau, 17 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 65

PORTARIA Nº 5809/2017 - ISSBLU

PORTARIA N.º 5809/2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR IDADE À SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL IVONETE CAVALHEIRO DE SOUZA. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve CONCEDER APOSENTADORIA POR IDADE De acordo com os artigos 4.º, inciso III, § 2.º, e 28, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, combinado com o artigo 7º, § 1º, do mesmo diploma legal, artigos 2°, inciso I, anexo I, 54, e 64, da Lei Complementar n° 661, de 28 de novembro de 2007, e artigo 40, §§ 1.º, inciso III, alínea “b”, e 3º, da Constituição Federal, com redação determinada pela Emenda Constitucional 41, de 19 de dezembro de 2003, à IVONETE CAVALHEIRO DE SOUZA, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Cozinheiro, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, com proventos proporcionais e mensais de R$ 1.009,69 (Mil, nove reais e sessenta e nove centavos), a partir de 20 de março de 2017, conforme Processo n.° 01660/03/2017. Blumenau, 17 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

PORTARIA Nº 5810/2017 - ISSBLU

PORTARIA N.º 5810/2017 CONTA TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO A FAVOR DA SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL TERESINHA DE CARVALHO RIBEIRO. ELÓI BARNI, Diretor Presidente do ISSBLU - Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau, nomeado pela Portaria n.º 17.031, de 11 de junho de 2013, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 57, inciso I, da Lei Complementar n.º 308, de 22 de dezembro de 2000, resolve. MANDAR CONTAR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO De acordo com o artigo 4.º, § 6.º, da Lei Complementar nº 308, de 22 de dezembro de 2000, A favor de TERESINHA DE CARVALHO RIBEIRO, servidora pública municipal, ocupante do cargo de provimento efetivo de Coordenador Pedagógico, lotada na Secretaria Municipal de Educação, sob o Regime Jurídico Estatutário, para efeito de aposentadoria, conforme Certidão N.º 1755/2015, de 30/11/2015, expedida pelo IPREV -Instituto de Previdência do Estado de Santa Catarina, no período de 01/03/1982 a 31/07/1989, um total de 2700 (dois mil, setecentos) dias, correspondente a 7 (sete) anos, 4 (quatro) meses, e 25 (vinte e cinco) dias, conforme Processo n.º 01719/03/2017. Blumenau, 17 de março de 2017. ELÓI BARNI Diretor Presidente

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 66

Bom Jesus do Oeste Prefeitura LICITAÇÃO Nº 819/2017 - TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM JESUS DO OESTE

PROCESSO LICITATÓRIO Nº 819/2017 EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº. 002/2017 O MUNICIPIO DE BOM JESUS DO OESTE, Estado de Santa Catarina, por seu Prefeito Municipal Sr. Ronaldo Luiz Senger, TORNA PÚBLICO, para o conhecimento dos interessados que às 08:30 horas do dia 11 de Maio de 2017, na sede da Municipalidade, fará realizar Processo Licitatório, na modalidade de Tomada de Preços, tendo como objeto a Contratação de Empresa para Execução de Obra de Passeios Públicos em Paver com 935 m² em ruas e avenidas do município. O Processo será regido pelas Leis Federais nº 8.666/93 e suas alterações posteriores e em especial ao contido no Edital. A íntegra do Edital, planilhas, memoriais e demais anexos bem como informações, poderão ser obtidas em horário de expediente, junto à comissão de Licitações da Prefeitura Municipal, sita a AV. Nossa Senhora de Fátima, 120 , na cidade de Bom Jesus do Oeste – SC, Fone 049 3363 0200, e-mail: [email protected] ou pelo site www.bomjesusdooeste.sc.gov.br. Bom Jesus do Oeste – SC, aos 19 de Abril de 2017. Ronaldo Luiz Senger Prefeito Municipal

PORTARIA Nº 063/2017 DE 17 DE ABRIL DE 2017

PORTARIA Nº 063/2017, DE 17 DE ABRIL DE 2017. EXONERA A PEDIDO SERVIDOR MUNICIPAL E DA OUTRAS PROVIDÊNCIAS RONALDO LUIZ SENGER, Prefeito Municipal de Bom Jesus do Oeste, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais que lhe são conferidas por Lei. RESOLVE: Art. 1º. EXONERA a pedido o Servidor Municipal SR. GILSON MENEGHOTTE, matricula nº 526-6, portador do CPF sob. nº 078.925.079-90, lotado junto a Secretaria Municipal da Agricultura, ocupante do cargo de Inseminador, com carga horária de 20 horas semanais, em caráter efetivo, nomeado em 14 de abril de 2011, sendo sua exoneração a partir de 17 de abril de 2017. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua assinatura, condicionada sua validade à publicação no DOM/SC, nos termos do Parágrafo único do art. 3º do Decreto nº 4450 de 16 de setembro de 2013. Registre-se; Publique-se; Cumpra-se. Paço Municipal, aos 17 de abril de 2017. RONALDO LUIZ SENGER Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 67

Bom Retiro Prefeitura 441.04.17 - P. LIC. TRAT. SAÚDE HEMCKMAIER

ELI T. P.

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM RETIRO ESTADO DE SANTA CATARINA

PORTARIA N.º 441/17 de 19.04.17 Concede Licença para Tratamento de Saúde

443.04.17 - P. DES. PROF. SABRINA M. SCHUTZ PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM RETIRO ESTADO DE SANTA CATARINA PORTARIA N.º 443/17 de 19.04.17 Designa Professora Contratada em Caráter Temporário

O Prefeito do Munícipio de Bom Retiro – SC, no uso de suas atribuições legais de acordo com o artigo 68 da Lei Complementar n.º 01/03 de 02.12.03 que alterou as disposições da Lei n.º 1357 de 07.11.96 e da Lei 1115 de 24.07.92 (Estatuto dos Servidores Públicos Civis do Município de Bom Retiro – SC):

O Prefeito do Munícipio de Bom Retiro – SC, no uso de suas atribuições legais de acordo com o artigo 68 da Lei Complementar n.º 01/03 de 02.12.03 que alterou as disposições da Lei n.º 1357 de 07.11.96 e da Lei 1115 de 24.07.92 (Estatuto dos Servidores Públicos Civis do Município de Bom Retiro – SC):

RESOLVE: Conceder de acordo com o que consta no atestado médico apresentado 03 (três) dias de licença para realizar tratamento de saúde, nos dias 18, 19 e 20 de abril de 2017, a funcionária Eli Terezinha Perroni Hemkmaier, ocupante do cargo de Servente – Padrão I – Nível 1, do Quadro de Pessoal do Município, com exercício na Secretaria Municipal do Bem Estar Social - CRAS.

ReSOLVE: Designar Sabrina Marian Schutz, para atuar como Professora 20 horas semanais no Pré Escolar da Escola do Campo Paraiso da Serra, no período de 19 de abril com término no dia 15 de julho de 2017, em virtude de sua classificação em 1º lugar no Chamada Pública 04/2017 para Contratação de Professor ACT – Educação Infantil – Não Habilitado, percebendo os vencimentos iniciais do cargo de Professor I - 3 – Padrão I, Nível 22, do Quadro de Pessoal do Município. Motivo: Contratação temporária, tendo em vista o pedido de exoneração da professora contratada anteriormente.

Gabinete do Prefeito Municipal de Bom Retiro, 19 de abril de 2017. VILMAR JOSÉ NECKEL Prefeito Municipal MARIA MADALENA SILVEIRA Responsável Sec. Mun. Administração e Fazenda

Gabinete do Prefeito Municipal de Bom Retiro, 19 de abril de 2017. VILMAR JOSÉ NECKEL Prefeito Municipal MARIA MADALENA SILVEIRA Responsável Sec. Mun. Administração e Fazenda

442.04.17 - P.LIC. MOT. P. FAM. DULCEARA FAUSTINO PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM RETIRO ESTADO DE SANTA CATARINA

PORTARIA N.º 442/17 de 19.04.17 Concede Licença por Motivo de Doença em Pessoa da Família O Prefeito Municipal de Bom Retiro – SC, no uso de suas atribuições legais de acordo com o artigo 72 e 75 da Lei Complementar n.º 01/03 de 02.12.03 (Dispõe Sobre o Regime Jurídico dos Servidores Públicos do Município de Bom Retiro – SC): RESOLVE: Conceder de acordo com o que consta no atestado médico apresentado 01 (um) dia de licença para acompanhar familiar em consulta médica, no dia 17 de abril de 2017, a funcionária Dulceara Faustino, ocupante do cargo de Assessor de Departamento, nível 32, do quadro de Pessoal do Município com exercício na Secretaria Municipal do Bem Estar Social. Gabinete do Prefeito Municipal de Bom Retiro, 19 de abril de 2017. VILMAR JOSÉ NECKEL Prefeito Municipal MARIA MADALENA SILVEIRA Responsável Sec. Mun. Administração e Fazenda

ASSINADO DIGITALMENTE

444.04.17 - P. DES. PROF. LILIANI K. WIGGERS PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM RETIRO ESTADO DE SANTA CATARINA PORTARIA N.º 444/17 de 19.04.17 Designa Professora Contratada em Caráter Temporário O Prefeito do Munícipio de Bom Retiro – SC, no uso de suas atribuições legais de acordo com o artigo 68 da Lei Complementar n.º 01/03 de 02.12.03 que alterou as disposições da Lei n.º 1357 de 07.11.96 e da Lei 1115 de 24.07.92 (Estatuto dos Servidores Públicos Civis do Município de Bom Retiro – SC): ReSOLVE: Designar Liliani Kull Wiggers, para atuar como Professora 20 horas semanais no Pré Escolar Capistrano, no período de 19 de abril com término no dia 20 de dezembro de 2017, em virtude de sua classificação em 2º lugar no Chamada Pública 04/2017 para Contratação de Professor ACT – Educação Infantil – Não Habilitado, percebendo os vencimentos iniciais do cargo de Professor I - 3 – Padrão I, Nível 22, do Quadro de Pessoal do Município. Motivo: Contratação temporária, tendo em vista o pedido de exoneração da professora contratada anteriormente. Gabinete do Prefeito Municipal de Bom Retiro, 19 de abril de 2017. www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 68

VILMAR JOSÉ NECKEL Prefeito Municipal MARIA MADALENA SILVEIRA Responsável Sec. Mun. Administração e Fazenda

EXTRATO CONTRATO 111, 112 E 113/2017 PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM RETIRO AVISO DE PUBLICAÇÃO

Extrato Contrato 111/2017 Pregão Presencial 12/2017 Contratante: Prefeitura Municipal de Bom Retiro Contratado: Régis Comércio de Brinquedos Ltda. ME. Objeto: Aquisição de Materiais para Educação Física e Brinquedos para manutenção dos Serviços prestados pelas escolas do município. Valor Total: R$ 4.868,20 (quatro mil oitocentos e sessenta e oito reais e vinte centavos). Extrato Contrato 112/2017 Pregão Presencial 12/2017 Contratante: Prefeitura Municipal de Bom Retiro Contratado: Jonas Schvambach ME. Objeto: Aquisição de Materiais para Educação Física e Brinquedos para manutenção dos Serviços prestados pelas escolas do município. Valor Total: R$ 8.887,50 (oito mil oitocentos e oitenta e sete reais e cinquenta centavos). Extrato Contrato 113/2017 Pregão Presencial 12/2017 Contratante: Prefeitura Municipal de Bom Retiro Contratado: JLM Distribuidora BR Eireli ME. Objeto: Aquisição de Materiais para Educação Física e Brinquedos para manutenção dos Serviços prestados pelas escolas do município. Valor Total: R$ 4.614,50 (quatro mil seiscentos e quatorze reais e cinquenta centavos). Bom Retiro, 24 de abril de 2017. Vilmar José Neckel Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 69

Botuvera Prefeitura ALTERAÇÃO DE DATA DE LICITAÇÃO

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE BOTUVERÁ PROCESSO LICITATÓRIO Nº 19/2017 PREGÃO PRESENCIAL Nº 15/2017 SISTEMA REGISTRO DE PREÇO ALTERAÇÃO DE DATA DE LICITAÇÃO O MUNICÍPIO DE BOTUVERÁ torna público o AVISO DE ALTERAÇÃO DE DATA DE LICITAÇÃO Processo Licitatório N° 19/2017 na Modalidade Pregão Presencial Nº 15/2017-SRP, para AQUISIÇÃO DE FILTROS VEÍCULARES DIVERSOS. O recebimento da documentação e propostas será até as 14:00 Horas do dia 02/05/2017, com abertura da sessão: dia 02/05/2017 às 14:15 horas, na Sala de Licitações da Prefeitura, sito a Rua João Morelli, 66, Centro, BOTUVERÁ-SC. Edital e informações no Departamento de Licitações no mesmo endereço, Fone/Fax (47) 3359-1170 e e-mail [email protected] botuvera.sc.gov.br, e site www.botuvera.sc.gov.br. Botuverá-SC, 24 de Abril de 2017. JOSÉ LUIZ COLOMBI Prefeito Municipal

CLASSIFICAÇÃO FINAL EDITAL: 01/2017 AGENTES COM. DE SAÚDE MICRO ÁREA 01

NOME DO CANDIDATO Camila Campos da Silva

Nº INSCRIÇÃO 05

NOME DO CANDIDATO Edson da Silva Elaine Cristina Michei Coelho Camila Roversi Hilleshein

Nº INSCRIÇÃO 03 01 04

NOME DO CANDIDATO Maria Santina de Lacerda

Nº INSCRIÇÃO 02

MICRO ÁREA 02 CLASSIFICAÇÃO 1 2 3

MICRO ÁREA 06 CLASSIFICAÇÃO 1

ASSINADO DIGITALMENTE

ERRATA Edital nº 01/2017 FIA 9. DO CRONOGRAMA. 9.2- Entrega da documentação e projetos: onde se lê 24 de abril de 2017 -leia se 19 de maio de 2017 9.3- Processo de avaliação e seleção dos projetos: onde se lê 25 a 28 de abril de 2017 -leia se 22 a 26 de maio de 2017 9.4- Publicação da avaliação dos projetos: onde se lê 02 de maio de 2017 -leia se 29 de maio de 2017; 9.5- Período para recursos: onde se lê 02 a 08 de maio de 2017 -leia se 30 e 31 de maio de 2017; 9.6-Publicação dos projetos aprovados: onde se lê 12 de maio de 2017 -leia se 1 de junho de 2017; 9.7- Entrega da documentação para assinatura dos convênios: onde se lê 18 de maio de 2017 -leia se 14 de junho de 2017; 9.9- Assinatura dos convênios e início dos projetos aprovados: onde se lê 01 de junho de 2017 - às 19hs Câmara de Vereadores de Botuverá - leia se 22 de junho de 2017; Tabela de Cronograma Publicação do Edital no Site da Prefeitura e/ou mural onde se lê 24 de abril de 2017 -leia Entrega da documentação e prose 19 de maio de 2017 jetos onde se lê 25 a 28 de abril de 2017 Processo de avaliação e seleção dos -leia se 22 a 26 de maio de 2017 projetos onde se lê 25 a 28 de abril de 2017 Processo de avaliação e seleção dos -leia se 22 a 26 de maio de 2017 projetos onde se lê 02 de maio de 2017 -leia Publicação da avaliação dos prose 29 de maio de 2017; jetos: onde se lê 02 a 08 de maio de 2017 Período para recursos -leia se 30 e 31 de maio de 2017; onde se lê 12 de maio de 2017 -leia Publicação dos projetos aprovados se 1 de junho de 2017; onde se lê 18 de maio de 2017 -leia Entrega da documentação para se 14 de junho de 2017; assinatura dos convênios. onde se lê 01 de junho de 2017 às 19hs Câmara de Vereadores de Assinatura dos convênios e início Botuverá - leia se 22 de junho de dos projetos aprovados 2017; 23 de março de 2017

CLASSIFICAÇÃO FINAL - EDITAL 01-2017

CLASSIFICAÇÃO 1

ERRATA EDITAL 012017 FIA

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 70

Braço do Trombudo Prefeitura DECRETO Nº 034/2017 DECRETO Nº 034/2017

NILDO MELMESTET, Prefeito do Município de Braço do Trombudo, Estado de Santa Catarina, usando de suas atribuições legais, e amparado nas Leis 0504/2005 de 23.12.05 e na Lei 0512/2006 de 05.04.06, etc. DECRETA: Art. 1º Fica determinado o 1º sorteio do concurso “Pague para Ver, Braço do Trombudo Crescer”, que será realizado no dia 02.05.2017. Art. 2º O sorteio será realizado às 16hs, na Prefeitura Municipal de Braço do Trombudo. Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua assinatura, condicionada sua validade à publicação no DOM/SC, nos termos do art. 3° da Lei n° 0597/2008 de 09.07.2008. Braço do Trombudo, em 20 de abril de 2017. Nildo Melmestet Prefeito Municipal

LEI 0880 2017

2.037 – Manutenção das Atividades da APAE (72) 3.3.50.00.00.00.00.00.0.1.0000.00.00.00 – Transferências a Instituições Privadas sem Fins Lucrativos. Art. 5º As despesas decorrentes da execução desta Lei correrão a conta do Orçamento Vigente. Art. 6º Esta Lei entra em vigor na data de sua assinatura, condicionada sua validade à publicação no DOM/SC, nos termos do Art. 3º da Lei 0597/2008 de 09/07/2008. Art. 7º Fica revogada as disposições legais contrárias, em especial a Lei nº 0862/2016 de 29 de março de 2016. Braço do Trombudo, 20 de abril de 2017. Nildo Melmestet Prefeito Municipal

LEI 0879 2017

LEI Nº. 0879/2017. Anula e suplementa dotação do orçamento vigente da Prefeitura Municipal de Braço do Trombudo.

LEI N° 0880/2017 Autoriza o Poder Executivo Municipal a firmar Convênio de Cooperação Financeira com a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE de Trombudo Central.

Nildo Melmestet, Prefeito do município de Braço do Trombudo, Estado de Santa Catarina, faço saber a todos os habitantes deste município que a Câmara de Vereadores aprovou e eu promulgo a seguinte Lei:

Nildo Melmestet, Prefeito do município de Braço do Trombudo, Estado de Santa Catarina, faço saber a todos os habitantes deste município que a Câmara de Vereadores aprovou e eu promulgo a seguinte Lei:

Art. 1º Fica anulada a importância de R$ 12.000,00 (Doze mil reais), na seguinte modalidade de aplicação do orçamento vigente: 03 – SECRETARIA DE ADM., FINANÇAS e PLANEJAMENTO 01 – DEPARTAMENTO DE ADMNISTRAÇÃO E FINANÇAS

Art. 1º Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a celebrar termo de fomento/convênio entre o município de Braço do Trombudo e a APAE – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Trombudo Central, pessoa jurídica de direito privado, estabelecida na Av. Arthur Müller nº 670, cidade de Trombudo Central, inscrita no CNPJ sob nº 79.369.310/0001-38, consistente em um repasse financeiro no valor de R$ 36.000,00 (trinta e seis mil reais), tendo por objeto o sistema de cooperação financeira para manutenção dos alunos matriculados no ensino de educação especial, destinados à execução e cumprimento do projeto apresentado pela referida associação, parte integrante da presente lei

2.006 – Manutenção da Secretaria de Administração e Finanças (11) – 3.3.90.00.00.00.00.00 0.1.0000.000000 – Aplicações Diretas .................... R$ 12.000,00

Art. 2º O valor total do repasse financeiro para a APAE será de R$ 36.000,00 (trinta e seis mil reais), em 09 (nove) parcelas iguais, mensais e sucessivas de R$ 4.000,00 (quatro mil reais). Art. 3º A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais - APAE deverá prestar contas dos recursos recebidos, na forma da legislação em vigor, de forma mensal em conformidade com a minuta do convênio em anexo. Art. 4º Os recursos, para fazer face ao disposto no artigo 1º desta Lei, serão realizados na seguinte classificação orçamentária do orçamento vigente: 04 Secretaria de Educação 05 Educação Especial ASSINADO DIGITALMENTE

TOTAL .................................................................. R$ 12.000,00 Art. 2º Por conta da anulação do artigo anterior no valor de R$ 12.000,00 (Doze mil reais), fica suplementada a seguinte modalidade de aplicação do orçamento vigente: 04 – SECRETARIA DE EDUCAÇÃO 05 – EDUCAÇÃO ESPECIAL 2.114 – Manutenção das Atividades da APAE (72) – 3.3.50.00.00.00.00.00 0.1.0000.000000 – Transferências a Instituições Privadas sem Fins Lucrativos ................. R$ 12.000,00 TOTAL ................................................................ R$ 12.000,00 Art. 3º Esta Lei entra em vigor na data de sua assinatura, condicionada sua validade à publicação no DOM/SC, nos termos do Art. 3º da Lei 0597/2008 de 09/07/2008. Braço do Trombudo, 20 de abril de 2017. Nildo Melmestet Prefeito Municipal

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 71

PORTARIA 060/2017

PORTARIA 060/2017 Enquadra profissionais do Quadro do Magistério Público Municipal na Lei Complementar nº 097/2011 de 08/07/2011 O Prefeito do município de Braço do Trombudo, no uso de suas atribuições legais, e de acordo com o artigo 93, e artigo 95 da Lei Complementar nº 097/2011 de 08/07/2011, etc... RESOLVE Art. 1º - Enquadrar, de acordo com os artigos 93 e 95 da Lei Complementar nº 097/2011 de 08/07/2011, nos devidos níveis e referencias , o seguinte Profissional do Quadro do Magistério Público Municipal , detentores de cargos efetivos: NOME

ADMISSÃO

CARGO

NIVEL E REFERÊNCIA

JULIANA MEURER

12.02.2007

PROFESSOR

1-A

Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua assinatura, condicionada sua validade à publicação no DOM/SC, nos termos do art. 3° da Lei n° 0597/2008 de 09.07.2008, com efeitos retroativos à 01.03.2017. Braço do Trombudo, em 20 de abril de 2017. Nildo Melmestet Prefeito Municipal

PORTARIA Nº 059 2017 PORTARIA Nº 059/2017 REVOGA PORTARIA

NILDO MELMESTET, Prefeito Municipal do município de Braço do Trombudo, Estado de Santa Catarina, usando de suas atribuições legais. RESOLVE: Art. 1st. Fica revogado os efeitos da Portaria 0107/2016 de 29 de agosto de 2016 que cedeu o servidor Hipolito Sarda de Souza, para compor o corpo de bombeiros com o objetivo de trabalhar como Agente da Defesa Civil, nos termos item 2.1.10 do Termo de Convênio nº 9.937/2012 – 6, homologado pela Lei municipal 0720/2012. Art. 2nd. Esta Portaria entra em vigor na data de sua assinatura, condicionada sua validade á publicação no DOM/SC, nos termos do art. 3º da lei 0597/2008 de 09.07.2008. Braço do Trombudo, em 20 de abril de 2017. Nildo Melmestet Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 72

Brusque Prefeitura EDITAL N° 001/2017 - PUBLICAÇÃO LRF 1º BIM

EDITAL DE PUBLICAÇÃO – 001/2017 O PREFEITO MUNICIPAL DE BRUSQUE, no uso de suas atribuições e atendendo o disposto na Lei Complementar Federal n. 101 / 2000, e no § 2º do art. 69º da Lei Orgânica Municipal, TORNA PÚBLICO, os dados e informações do Relatório Resumido da Execução Orçamentária, elaborado na forma estabelecida pela portaria STN n. 637/2012, relativo ao 1º Bimestre de 2017, disponível no site www.brusque.sc.gov. br – Link: Portal Transparência e no mural público localizado no hall de entrada do edifício sede da Prefeitura Municipal de Brusque. MUNICÍPIO DE BRUSQUE RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA BALANÇO ORÇAMENTÁRIO Orçamento Fiscal (Dados do anexo I Port. 637 (LRF, Art. 52, inciso I, a, b, inciso II, § 1º)) 1º Bimestre / 2017 RECEITAS REALIZADAS DESCRIÇÃO

PREV. INICIAL

PREV. ATUAL

NO BIM.

ATÉ O BIM.

SALDO A REALIZAR

RECEITA TOTAL

458.578.264,06

458.578.264,06

56.778.222,93

56.778.222,93

401.800.041,13

DESPESAS DESCRIÇÃO CORRENTES CAPITAL INTRA-ORÇAM. R. CONTINGÊNCIA R. RPPS TOTAL

DOTAÇÃO

DOTAÇÃO

DESPESA EMPENHADA

INICIAL 303.196.761,12 124.578.696,80 14.443.806,14 105.000,00 16.254.000,00

ATUALIZADA 303.201.411,81 124.574.120,98 14.443.806,14 105.000,00 16.254.000,00

ATÉ O BIM. 57.308.789,72 1.093.865,00 2.598.984,53 0,00 0,00

DESPESA LIQUIDADA ATÉ O BIM. 39.936.624,54 1.028.166,83 2.457.278,36 0,00 0,00

SALDO A REALIZAR (EMP.) 263.264.787,27 123.545.954,15 11.986.527,78 105.000,00 16.254.000,00

RESULTADO SUPERAVIT

13.356.153,20

RECEITA CORRENTE LÍQUIDA Orçamento Fiscal (Dados do anexo III Port. 637 (LRF, Art. 53, inciso I)) 1º Bimestre / 2017 TOTAL DA RECEITA CORRENTE LÍQUIDA

(últimos 12 (doze) meses): 324.770.011,06

Nota: O valor total da Receita Corrente Líquida refere-se aos valores calculados com base nos últimos 12 (doze) meses, conforme dispõe a Lei de Responsabilidade Fiscal. RECEITAS E DESPESAS PREVIDENCIÁRIAS Orçamento Fiscal (Dados do anexo IV Port. 637 (LRF, Art. 53, inciso II)) 1º Bimestre / 2017 RECEITAS DESCRIÇÃO

PREV. INICIAL

PREV. ATUAL

ATÉ O BIM.

ATÉ O BIM EXERC. ANTERIOR

REC. CORRENTES

30.749.000,00

30.749.000,00

7.574.401,13

5.376.404,45

REC. CAPITAL

0,00

0,00

0,00

0,00

RECEITA TOTAL

30.749.000,00

30.749.000,00

7.574.401,13

5.376.404,45

DESPESAS PREVIDENCIÁRIAS ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 73

DESCRIÇÃO

PREV. INICIAL

PREV. ATUAL

ATÉ O BIM. EMP.

ATÉ O BIM. LIQ.

ATÉ O BIM EXERC. ANTERIOR LIQUIDADAS

Total Desp. Prev.

22.809.078,11

22.809.078,11

2.667.457,17

2.647.221,72

2.258.654,80

Resultado Previdenciário

7.939.921,89

7.939.921,89

4.906.943,96

4.927.179,41

3.117.749,65

APORTES RECURSOS RPPS DESCRIÇÃO

APORTES REALIZADOS

Aportes de Recursos para o Regime Próprio de Previdência do Servidor

1.189.232,80

RESULTADO NOMINAL Orçamento Fiscal (Dados do anexo V Port. 577 (LRF, Art. 53, inciso III)) 1º Bimestre / 2017 RESULTADO NOMINAL VALOR

No bimestre (12.922.768,74)

Até o Bimestre (12.922.768,74)

Regime Previdenciário DÍVIDA FISCAL LÍQUIDA PREVIDENCIÁRIA VALOR

Até o Bimestre 13.269.113,69

RESULTADO PRIMÁRIO Orçamento Fiscal (Dados do anexo VI Port. 637 (LRF, Art. 53, inciso III)) 1º Bimestre / 2017 RECEITAS PRIMÁRIAS Valor

Previsão atualizada 380.907.336,26

Até o Bimestre 53.608.454,57

Até o bimestre-Ex.anterior 52.890.744,40

DESPESAS PRIMÁRIAS Valor

Dotação Atualizada 451.428.338,93

Até o bimestre Empenhadas 60.155.290,13

Até o bimestre Liquidadas 42.575.720,61

Até o bimestre Liquidadas - Ex.anterior 45.687.985,27

RESULTADO PRIMÁRIO Superávit / Déficit

(70.521.002,67)

(6.546.835,56)

11.032.733,96

7.202.759,13

RESTOS A PAGAR Orçamento Fiscal (Dados do anexo VII Port. 637 (LRF, Art. 53, inciso V)) 1º Bimestre / 2017 Inscritos 6.788.046,22 2.143.162,00 8.931.208,22

RP Processados RP Não Processados Total

Cancelados 0,50 35.538,81 35.539,31

Pagos 5.160,174,91 1.564.101,32 6.724.276,23

Saldo 2.141.794,26 572.602,26 2.714.396,52

APLICAÇÃO NA MANUTENÇÃO E DES. DO ENSINO-MDE Orçamento Fiscal (Dados do anexo VIII Port. 577 (LRF, art. 72º)) 1º Bimestre / 2017 FUNDEB Até o Bimestre Receitas do FUNDEB Contribuição ao FUNDEB Resultado Líquido das Transferências do FUNDEB Pagamento dos Profissionais do Magistério % aplicação do FUNDEB na Rem. Do Magistério

8.155.579,89 4.655.093,22 3.479.376,79 9.297.548,02 114%

DESPESAS COM RECURSOS RESULTANTES DE IMPOSTOS (Art. 212/CF)

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Despesas Ensino Infantil Ensino Fundamental ( - ) Deduções TOTAL p/ fins de apuração % aplicado (art. 212 CF/88)

Página 74

Valor até o bimestre 5.132.123,84 7.733.699,25 3.500.486,67 9.365.336,42 31,22

RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO E DESP. DE CAPITAL Orçamento Fiscal (Dados do anexo IX Port. 637 (LRF, art.53º, § 1º, inciso I)) 1º Bimestre / 2017 RECEITAS

Previsão Atualizada

Receitas de Operações de Créditos

67.000.000,00

Rec. Realizadas Até o Bimestre 390.707,00

Saldo Não Realizado 66.609.293,00

Dotação Atualizada

Desp. Execut. Empenhadas

Saldo Não Realizado

Despesa de Capital Líquida a Executar (saldo de dotações a executar)

124.574.120,98

1.093.865,00

123.480.255,98

Resultado p/ apuração da Regra de Ouro

(57.574.120,98)

(703.158,00)

(56.870.962,98)

RECEITAS DE ALIENAÇÃO DE ATIVOS E APLICAÇÃO DE RECURSOS Orçamento Fiscal (Dados do anexo XI Port. 637 (LRF, art.53º, § 1º, inciso III)) 1º Bimestre / 2017 RECEITAS Receitas da alienação de ativos (Rec. Alienação + Rend. Aplic.)

Até o bimestre 112.774,16

DESPESAS Aplicação dos recursos da alienação de Ativos – Desp. Pagas

Até o bimestre 1.038.118,66

Saldo financeiro a aplicar

114.186,68

DESPESAS PRÓPRIAS COM AÇÕES E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDE Orçamento Fiscal (Dados do anexo XII Port. 577 (LC 141/2012, art. 35)) 1º Bimestre / 2017 DESPESAS Até o Bimestre Atenção Básica Assistência Hospitalar e Ambulatorial Suporte Profilático e Terapêutico Vigilância Sanitária Vigilância Epidemiológica Outras Subfunções ( - ) Custeadas com recursos do SUS ( - ) Consórcio ( - ) Restos à Pagar vinculados a Saúde Total das Despesas com recursos próprios % aplicação p/fins da EC 29

3.755.860,64 6.552.859,03 0,00 165.591,31 276.020,80 1.045.884,34 4.557.687,83 7.238.528,29 24,13

Notas Explicativas (RREO) Todos os dados e informações são apresentados de forma consolidada, que inclui a Prefeitura, Fundos, Fundações e Autarquias. Os dados e informações tem como fonte, a Controladoria Geral do Município - CGM e a Diretoria de Contabilidade da Prefeitura Municipal, que são responsáveis pela consolidação de todas as informações contábeis. Relatórios publicados em 24/04/2017 no DOM – Diário Oficial do Município, nos termos do art. 108 da LOM. Brusque, 20 de abril de 2017 JONAS OSCAR PAEGLE Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

EDENA BEATRIS CENSI Secretária da Fazenda

CRISTIANO BITTENCOURT Cont. CRC 028895/O-9

DANIEL FELÍCIO Controlador Interno

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

LEI N°4052/2017

LEI N.º 4.052, DE 28 DE MARÇO DE 2017. Denomina Via Pública – Rua Vicente Domingues da Silva. O PREFEITO MUNICIPAL DE BRUSQUE: Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º Fica denominada RUA VICENTE DOMINGUES DA SILVA, a via sem denominação oficial, transversal à direita ao final da Rua Germano Hoschprung, bairro Souza Cruz. Parágrafo único. A artéria denominada neste artigo trata-se de uma rua sem saída, com uma extensão de 57,00 metros, tendo a pista largura de 6,00 metros e passeios de 1,50 metro para ambos os lados. Art. 2º Esta Lei entra em vigor na data da sua publicação. Art. 3º Revogam-se as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Brusque, em 28 de março de 2017. JONAS OSCAR PAEGLE Prefeito Municipal MÁRIO WILSON DA CRUZ MESQUITA Procurador-Geral do Município Registre-se e publique-se no Diário Oficial dos Municípios – DOM/ SC. AURINHO SILVEIRA DE SOUZA Chefe de Gabinete do Prefeito

PORTARIA N° 11880-2017 - ERRATA ERRATA

Na Portaria n.11.880 de 29 de março de 2017, publicada em 11 de abril de 2017, no Diário Oficial dos Municípios – DOM/SC, onde se lê: “Art. 1º Exonerar Santinho Francisco da Costa do cargo de Agente de Serviços Especiais, matrícula 16462, lotado na Secretaria de Obras e Serviços Públicos, do quadro de cargos de provimento efetivo da Administração Pública Municipal, em virtude de aposentadoria.” Leia-se: “Art. 1º Art. 1º Exonerar Santino Francisco da Costa do cargo de Agente de Serviços Especiais, matrícula 16462, lotado na Secretaria de Obras e Serviços Públicos, do quadro de cargos de provimento efetivo da Administração Pública Municipal, em virtude de aposentadoria.” Prefeitura Municipal de Brusque, em 17 de abril de 2017. JONAS OSCAR PAEGLE Prefeito Municipal

Página 75

PORTARIA N° 11903-2017

PORTARIA N.º 11.903, 11 DE ABRIL DE 2017. O PREFEITO MUNICIPAL DE BRUSQUE, no uso de suas atribuições e de acordo com o inciso II, alínea a do art. 111 da Lei Orgânica do Município, c/c a Lei Ordinária Municipal n.º 3.248/09 e alterações, RESOLVE: Art. 1º Exonerar, a pedido, Marcos Adilo Gelain do cargo de Agente Político, Símbolo AP, como Secretário de Comunicação Social. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos a partir de 12 de abril de 2017. Art. 3º Revogam-se as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Brusque, em 11 de abril de 2017. Registre-se e publique-se no Diário Oficial dos Municípios – DOM/ SC. JONAS OSCAR PAEGLE Prefeito Municipal

PORTARIA N° 11919-2017

PORTARIA N. 11.919, DE 17 DE ABRIL DE 2017. Designa servidora para exercer as funções de fiscal, relativo ao objeto do Contrato n. 034/2016, firmado entre o Município de Brusque e a empresa Ramos Terraplanagem Ltda. O PREFEITO MUNICIPAL DE BRUSQUE, no uso de suas atribuições e de acordo com o inciso II do art. 111 da Lei Orgânica do Município, c/c o Decreto Municipal n. 7.866, de 20 de setembro de 2016, RESOLVE: Art. 1º Designar Priscila Donbrovski da Silva, servidora pública municipal, ocupante do cargo de Engenheira Civil, com inscrição no CREA-SC 113917-0, para exercer as funções de fiscal das obras de Infraestrutura (drenagem, pavimentação asfáltica e sinalização viária) da Rua Otaviano Rosa, bairro Cedro Grande, a ser desenvolvida pela empresa Ramos Terraplanagem Ltda., contratada pelo Município de Brusque, por meio do Contrato n. 34/2016. Art. 2º Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação. Art. 3º Revogam-se as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Brusque, em 17 de abril de 2017. JONAS OSCAR PAEGLE Prefeito Municipal Registre-se e publique-se no Diário Oficial dos Municípios – DOM/ SC. AURINHO SILVEIRA DE SOUZA Chefe de Gabinete do Prefeito

Registre-se e publique-se no Diário Oficial dos Municípios – DOM/ SC. RENATO DE BORBA Secretário de Obras e Serviços Públicos

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 76

PORTARIA N° 11920-2017

PORTARIA N° 11921-2017

O PREFEITO MUNICIPAL DE BRUSQUE, no uso de suas atribuições e de acordo com o inciso II do art. 111 da Lei Orgânica do Município, c/c o Decreto Municipal n. 7.866, de 20 de setembro de 2016,

O PREFEITO MUNICIPAL DE BRUSQUE, no uso de suas atribuições e de acordo com o inciso II do art. 111 da Lei Orgânica do Município, c/c o Decreto Municipal n. 7.866, de 20 de setembro de 2016,

RESOLVE: Art. 1º Designar Anderson Buss, servidor público municipal, ocupante do cargo de Engenheiro Civil, com inscrição no CREA-SC 129039-9, para exercer as funções de fiscal das obras de construção da segunda etapa da Vila Germânica, bairro São Pedro, a ser desenvolvido pela empresa CR Artefatos de Cimento Ltda., contratada pelo Município de Brusque, por meio do Contrato n. 068/2014.

RESOLVE: Art. 1º Designar Anderson Buss, servidor público municipal, ocupante do cargo de Engenheiro Civil, com inscrição no CREA-SC 129039-9, para exercer as funções de fiscal das obras de construção da terceira etapa da Vila Germânica, bairro São Pedro, a ser desenvolvido pela empresa Terraplanagem Medeiros Ltda., contratada pelo Município de Brusque, por meio do Contrato n. 056/2015.

Art. 2º Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação.

Art. 2º Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação. Art. 3º Revogam-se as disposições em contrário.

PORTARIA N. 11.920, DE 17 DE ABRIL DE 2017. Designa servidor para exercer as funções de fiscal, relativo ao objeto do Contrato n. 068/2014, firmado entre o Município de Brusque e a empresa CR Artefatos de Cimento Ltda.

Art. 3º Revogam-se as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Brusque, em 17 de abril de 2017. JONAS OSCAR PAEGLE Prefeito Municipal Registre-se e publique-se no Diário Oficial dos Municípios – DOM/ SC. AURINHO SILVEIRA DE SOUZA Chefe de Gabinete do Prefeito

PORTARIA N. 11.921, DE 17 DE ABRIL DE 2017. Designa servidor para exercer as funções de fiscal, relativo ao objeto do Contrato n. 056/2015, firmado entre o Município de Brusque e a empresa Terraplanagem Medeiros Ltda.

Prefeitura Municipal de Brusque, em 17 de abril de 2017. JONAS OSCAR PAEGLE Prefeito Municipal Registre-se e publique-se no Diário Oficial dos Municípios – DOM/ SC. AURINHO SILVEIRA DE SOUZA Chefe de Gabinete do Prefeito

PORTARIA N° 672-2017 PORTARIA Nº 672/2017

Secretária da Fazenda, designada pela portaria n° 11.529/2017 para responder pela Secretaria de Orçamento e Gestão, no uso de suas atribuições legais, e de acordo com o art. 111, § 1° da Lei Orgânica de Brusque, RESOLVE: Art. 1° - Conceder a progressão horizontal e/ou vertical, aos servidores do Magistério Municipal, que cumpriram com todos dos requisitos da legislação vigente – Lei Complementar 146/2009, conforme ATA da Comissão Permanente de Avaliação Funcional datada de 09/02/2017, como segue: Servidor(a)

Matrícula

Cargo

Tipificação

Nivel do Pedido

Nivel da Progressão

Adriana Fischer Ribeiro

508098-3

Professor

Horizontal

C II

D II

Albileide de Cassia Santana Silva Alessandra Stoltenberg do Nascimento Alicio Schiestel Aline Raiela Zientarski Kessler Altair Orlando da Costa Ana Cristina Karing Angela Weiss Carine Gisele Wehmuth Trevisan Claudia Regina Vargas Bertolini

692913-1 692913-1 392900-3 681393-1 720445-0 677167-2 677523-2 372994-7 408654-3

Professor Auxiliar Professor Professor Professor Auxiliar Professor Professor Coordenador Pedagógico Professor Professor

Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal

C B C C C C C C B

DI C II D II DI D II D II D II D II C II

I II II I II II II II II

Art. 2° - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, com efeitos financeiros a contar de 01/02/2017. Prefeitura Municipal de Brusque, em 01 de março de 2017. Edena Beatris Censi Secretária de Orçamento e Gestão Designada Responsável Anelise Nagel Ketzer de Souza Diretora ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 77

PORTARIA N° 673-2017 PORTARIA Nº 673/2017

Secretária da Fazenda, designada pela portaria n° 11.529/2017 para responder pela Secretaria de Orçamento e Gestão, no uso de suas atribuições legais, e de acordo com o art. 111, § 1° da Lei Orgânica de Brusque, RESOLVE: Art. 1° - Conceder a progressão horizontal e/ou vertical, aos servidores do Magistério Municipal, que cumpriram com todos dos requisitos da legislação vigente – Lei Complementar 146/2009, conforme ATA da Comissão Permanente de Avaliação Funcional datada de 09/02/2017, como segue: Servidor(a)

Matrícula

Cargo

Tipificação

Daniela Grignani Costodio Edina Dors Leoni Fabiana Verissimo Correa Silva Francieli Camargo Gisele Karine Cardoso Dietrich Graciela Nunes Duarte Zirke Ivanir Heil Buss Joneli Gionara Fernandes Juliana Kohler Raubert

443794-5 481610-2 507830-4 677876-2 570486-2 720038-0 719579-0 719498-0 473219-5

Professor Auxiliar Professor Professor Professor Auxiliar Professor Coordenador Pedagógico Professor Coordenador Pedagógico Professor

Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal

Nivel do Pedido CI C II B II CI C II C II C II C II C II

Nivel da Progressão DI D II C II DI D II D II D II D II D II

Art. 2° - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, com efeitos financeiros a contar de 01/02/2017. Prefeitura Municipal de Brusque, em 01 de março de 2017. Edena Beatris Censi Secretária de Orçamento e Gestão Designada Responsável Anelise Nagel Ketzer de Souza Diretora

PORTARIA N° 674-2017 PORTARIA Nº 674/2017

Secretária da Fazenda, designada pela portaria n° 11.529/2017 para responder pela Secretaria de Orçamento e Gestão, no uso de suas atribuições legais, e de acordo com o art. 111, § 1° da Lei Orgânica de Brusque, RESOLVE: Art. 1° - Conceder a progressão horizontal e/ou vertical, aos servidores do Magistério Municipal, que cumpriram com todos dos requisitos da legislação vigente – Lei Complementar 146/2009, conforme ATA da Comissão Permanente de Avaliação Funcional datada de 09/02/2017, como segue:

Horizontal

Nivel do Pedido B II

Nivel da Progressão C II

Horizontal

C II

D II

Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal

C II D II A II C II C II

D II E II B II D II D II

Servidor(a)

Matrícula

Cargo

Tipificação

Lorivani Maria Machado

873225-0

Lurde Popenga Bianchessi

12793-8

Marcilene Tormena Dalbosco Maria Goreti Galassini Fantini Marines Soares Deziderio dos Santos Rosana de Oliveira Rosangela Maçaneiro Cuchi

316288-6 313815-5 383325-3 720020-0 450618-5

Professor Coordenador Pedagógico Professor Professor Professor Professor Professor

Art. 2° - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, com efeitos financeiros a contar de 01/02/2017. Prefeitura Municipal de Brusque, em 01 de março de 2017. Edena Beatris Censi Secretária de Orçamento e Gestão Designada Responsável Anelise Nagel Ketzer de Souza Diretora

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 78

PORTARIA N° 675-2017 PORTARIA Nº 675/2017

Secretária da Fazenda, designada pela portaria n° 11.529/2017 para responder pela Secretaria de Orçamento e Gestão, no uso de suas atribuições legais, e de acordo com o art. 111, § 1° da Lei Orgânica de Brusque, RESOLVE: Art. 1° - Conceder a progressão horizontal e/ou vertical, aos servidores do Magistério Municipal, que cumpriram com todos dos requisitos da legislação vigente – Lei Complementar 146/2009, conforme ATA da Comissão Permanente de Avaliação Funcional datada de 09/02/2017, como segue: Servidor(a)

Matrícula

Cargo

Tipificação

Sara Gracielli Wyrepkowski Sheila Marcelino Izabel Silvana Pruner Vieira Suzamara Mafra Thiago Alessandro Spiess Tiago Contesini Vinotti Vera Lucia Huber Veridiana Gessi Niedermeyer Trevisan

517151-1 719510-0 443450-6 443310-5 443751-2 681784-1 8494-8 371716-6

Professor Professor Professor Professor Professor Professor Professor Professor

Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal Horizontal

Nivel do Pedido C II C II C II C II C II C III D III C II

Nivel da Progressão D II D II D II D II D II D III E III D II

Art. 2° - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, com efeitos financeiros a contar de 01/02/2017. Prefeitura Municipal de Brusque, em 01 de março de 2017. Edena Beatris Censi Secretária de Orçamento e Gestão Designada Responsável Anelise Nagel Ketzer de Souza Diretora

PORTARIA N° 676-2017 PORTARIA Nº 676/2017

Secretária da Fazenda, designada pela portaria n° 11.529/2017 para responder pela Secretaria de Orçamento e Gestão, no uso de suas atribuições legais, e de acordo com o art. 111, § 1° da Lei Orgânica de Brusque, RESOLVE: Art. 1° - Conceder a progressão horizontal e/ou vertical, aos servidores do Magistério Municipal, que cumpriram com todos dos requisitos da legislação vigente – Lei Complementar 146/2009, conforme ATA da Comissão Permanente de Avaliação Funcional datada de 09/02/2017, como segue: Servidor(a)

Matrícula

Cargo

Tipificação

Nivel do Pedido

Nivel da Progressão

Silvia Leticia Inoceti

372935-11

Professor

Horizontal

AI

BI

Art. 2° - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, com efeitos financeiros a contar de 01/12/2016. Prefeitura Municipal de Brusque, em 01 de março de 2017. Edena Beatris Censi Secretária de Orçamento e Gestão Designada Responsável Anelise Nagel Ketzer de Souza Diretora

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 79

Caçador Prefeitura 1º ADITIVO AO CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 83/2016 - PROCESSO LICITATÓRIO Nº 108/2016 – TOMADA DE PREÇOS Nº 12/2016

1º ADITIVO AO CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 83/2016 - PROCESSO LICITATÓRIO Nº 108/2016 – TOMADA DE PREÇOS Nº 12/2016. OBJETO: Prorrogação de prazo pelo período de 60 (sessenta) dias para a execução dos serviços de CONSTRUÇÃO DA COBERTURA DAS MANGUEIRAS DE ARREMATE DO COMPLEXO AGROPECUARISTA, SITO NA AVENIDA FAHDO THOMÉ, BAIRRO CHAMPAGNAT, CAÇADOR/SC. CONTRATADA: ALAN MARCUS BLANC E CIA LTDA – ME, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob nº 08.691.549/0001-81, com sede na cidade de Guarapuava/PR, neste ato representada pelo Sr. ALAN MARCUS BLANC, brasileiro, administrador, inscrito no CPF sob o nº 373.320.829-34, residente e domiciliado na cidade de Guarapuava/PR. O prazo de vigência do presente aditivo para a execução dos serviços, que passa a vigorar é de 60 (sessenta) dias, contados a partir de 20 de abril de 2017 até 20 de junho de 2017, podendo ser prorrogado conforme a Lei 8.666/93. Data Adjudicação Item

Material/Serviço

Unid. medida

Quantidade

Valor unitáValor total (R$) rio (R$)

20/12/2016

62853 - CONSTRUÇÃO DA COBERTURA DAS MANGUEIRAS DE ARREMATE DO COMPLEXO AGROPECUARISTA, SITO NA AVENIDA FAHDO THOMÉ, BAIRRO CHAMPAGNAT, CAÇADOR/SC.

RS

1

276.704,57

1

Total

276.704,57 276.704,57

1º ADITIVO DO CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº58/2016 - PROCESSO LICITATÓRIO Nº81/2016 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 49/2016

1º ADITIVO DO CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº58/2016 - PROCESSO LICITATÓRIO Nº81/2016 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 49/2016 – OBJETO: O presente aditivo tem por objeto o acréscimo nos quantitativos inicialmente previstos para os itens relacionados abaixo, no percentual de 25% (vinte e cinco). CONTRATADA: MACMILLAN DO BRASIL EDITORA, COMERCIALIZADORA, IMPORTADORA E DISTRIBUIDORA LTDA, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº 74.479.577/0001-64, com sede na cidade de São Paulo/SP, neste ato representada pelo Sr. ACÁCIO ROSA DE QUEIROZ NETO, brasileiro, casado, diretor administrativo e financeiro Cone Sul, inscrito no CPF sob o nº 220.420.128-66, residente e domiciliado na cidade de São Paulo/SP. O preço certo para os acréscimos é de R$ 25.550,15 (vinte e cinco mil, quinhentos e cinquenta reais e quinze centavos). Lote Item

1

1

1

2

1

3

1

4

Material/Serviço 63257 - LIVRO DE INGLÊS 1º ANO. • QUE CONTENHA CAPA DURA; • SEJA ESPIRAL; • AUDIO PARA ACOMPANHAMENTO DAS ATIVIDADES (CD); • BEM COLORIDO E COM VÁRIAS ATIVIDADES VISUAIS, LÚDICAS E DIVERSIFICADAS; • QUE CONTENHA GLOSSÁRIO; • COM APROXIMADAMENTE 90 FOLHAS; • QUE CONSTE NA OBRA O MANUAL DO PROFESSOR; • COM ENCARTES DESCATÁVEIS; • A LETRA DA ESCRITA DO LIVRO SEJA ARIAL 12; • QUE CONTENHA ENTRE 8 E 13 UNIDADES TEMÁTICAS 63258 - LIVRO DE INGLÊS 2º ANO. • QUE CONTENHA CAPA DURA; • SEJA ESPIRAL; • AUDIO PARA ACOMPANHAMENTO DAS ATIVIDADES (CD); • BEM COLORIDO E COM VÁRIAS ATIVIDADES VISUAIS, LÚDICAS E DIVERSIFICADAS; • QUE CONTENHA GLOSSÁRIO; • COM APROXIMADAMENTE 90 FOLHAS; • QUE CONSTE NA OBRA O MANUAL DO PROFESSOR; • COM ENCARTES DESCATÁVEIS; • A LETRA DA ESCRITA DO LIVRO SEJA ARIAL 12; QUE CONTENHA ENTRE 8 E 13 UNIDADES TEMÁTICAS 63259 - LIVRO DE INGLÊS 3º ANO. • QUE CONTENHA CAPA DURA; • SEJA ESPIRAL; • AUDIO PARA ACOMPANHAMENTO DAS ATIVIDADES (CD); • BEM COLORIDO E COM VÁRIAS ATIVIDADES VISUAIS, LÚDICAS E DIVERSIFICADAS; • QUE CONTENHA GLOSSÁRIO; • COM APROXIMADAMENTE 90 FOLHAS; • QUE CONSTE NA OBRA O MANUAL DO PROFESSOR; • COM ENCARTES DESCATÁVEIS; • A LETRA DA ESCRITA DO LIVRO SEJA ARIAL 12; QUE CONTENHA ENTRE 8 E 13 UNIDADES TEMÁTICAS 63260 - LIVRO DE INGLÊS 4º ANO. • QUE CONTENHA CAPA DURA; • SEJA ESPIRAL; • AUDIO PARA ACOMPANHAMENTO DAS ATIVIDADES (CD); • BEM COLORIDO E COM VÁRIAS ATIVIDADES VISUAIS, LÚDICAS E DIVERSIFICADAS; • QUE CONTENHA GLOSSÁRIO; • COM APROXIMADAMENTE 90 FOLHAS; • QUE CONSTE NA OBRA O MANUAL DO PROFESSOR; • COM ENCARTES DESCATÁVEIS; • A LETRA DA ESCRITA DO LIVRO SEJA ARIAL 12; QUE CONTENHA ENTRE 8 E 13 UNIDADES TEMÁTICAS

ASSINADO DIGITALMENTE

Unid. Quant. medida

Valor unitáValor total (R$) rio (R$)

UN

175

31,45

5.503,75

UN

165

31,45

5.189,25

UN

175

31,45

5.503,75

UN

140

33,19

4.646,60

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

1

5

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 80

63261 - LIVRO DE INGLÊS 5º ANO. • QUE CONTENHA CAPA DURA; • SEJA ESPIRAL; • AUDIO PARA ACOMPANHAMENTO DAS ATIVIDADES (CD); • BEM COLORIDO E COM VÁRIAS ATIVIDADES VISUAIS, LÚDICAS E DIVERSIFICADAS; • QUE CONTENHA GLOSSÁRIO; • COM APROXIMADAMENTE 90 FOUN LHAS; • QUE CONSTE NA OBRA O MANUAL DO PROFESSOR; • COM ENCARTES DESCATÁVEIS; • A LETRA DA ESCRITA DO LIVRO SEJA ARIAL 12; QUE CONTENHA ENTRE 8 E 13 UNIDADES TEMÁTICAS

140

33,62

4.706,80

TOTAL

25.550,15

8º ADITIVO AO CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 88/2013 - PROCESSO LICITATÓRIO Nº 67/2013 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 48/2013

8º ADITIVO AO CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 88/2013 - PROCESSO LICITATÓRIO Nº 67/2013 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 48/2013 - TRANSPORTE ESCOLARO. OBJETO: O presente aditivo tem por objeto a Concessão de Reajuste com base no INPC, ou seja, 4,56%. CONTRATADA: ALAIANE TRANSPORTES COLETIVOS LTDA, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob nº 05.484.188/0001-04, com sede na cidade de Macieira/SC, neste ato representado pelo Sr. ARI BETINELLI, brasileiro, casado, motorista, inscrito no CPF sob n º 683.596.679-34, residente e domiciliado nesta cidade de Caçador/SC. O preço certo e ajustado entre as partes para a totalidade do presente Aditivo será de R$ 8.668,79 (oito mil, seiscentos e sessenta e oito reais e setenta e nove centavos). LINHA

KM/TOTAL 10 MESES

DIA DE OPERAÇÃO

VALOR R$ POR KM ESPECIFICAÇÃO

22

28.960,00

200

R$ 2,9551

Itinerário Matutino: Linha Taquara Verde x Serraria Grande. Veículo com capacidade mínima para 40 lugares KM DIÁRIO 144,80

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 14/2017 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 07/2017

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 14/2017 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 07/2017 REGISTRO DE PREÇOS – OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE EXTINTORES, PLACAS DE SINALIZAÇÃO, PLACAS LUMINOSAS E ILUMINAÇÃO DE EMERGÊNCIA, DESTINADOS AS DIVERSAS SECRETARIAS, FUNDOS E FUNDAÇÕES. CONTRATADA: ADELVO BASQUERA E CIA LTDA - EPP, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº 76.554.179/0001-90, com sede na cidade de Caçador, SC, neste ato representada pelo Sr. ROMULO NAVA MOREIRA, brasileiro, solteiro, inscrito no CPF sob n º 043.492.149-17, residente e domiciliado na cidade de Caçador, SC. O prazo de validade de registro de preços será de 12 (doze) meses oficiais, contados da assinatura da presente ata. ITENS 17, 18, 19 e 20 Item

Material/Serviço 60442 - EXTINTOR 17 EXTANG 60443 - EXTINTOR 18 EXTANG 63125 - EXTINTOR 19 EXTINSUL 63126 - EXTINTOR 20 EXTINSUL TOTAL 2.634,00

NOVO PQS 04 QUILOS NOVO PQS 06 QUILOS NOVO PÓ ABC 4 KG NOVO PÓ ABC 06 KG

Unid. medida

Quant.

Valor unitário (R$)

Valor total (R$)

UN

5

68,00

340,00

UN

18

78,00

1.404,00

UN

5

80,00

400,00

UN

5

98,00

490,00

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 15/2017 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 07/2017

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 15/2017 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 07/2017. OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE EXTINTORES, PLACAS DE SINALIZAÇÃO, PLACAS LUMINOSAS E ILUMINAÇÃO DE EMERGÊNCIA, DESTINADOS AS DIVERSAS SECRETARIAS, FUNDOS E FUNDAÇÕES. CONTRATADA: PINGO EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA LTDA, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº 78.651.973/0001-88, com sede na cidade de Caçador, SC, neste ato representada pelo Sr. LUCIANO GONZAGA DE OLIVEIRA, brasileiro, inscrito no CPF sob n º 028.409.839-66, residente e domiciliado na cidade de Chapecó, SC. O prazo de validade de registro de preços será de 12 (doze) meses oficiais, contados da assinatura da presente ata. ITENS 25, 26 e 27 Item

25

Material/Serviço Unid. medida 64085 - PLACA LUMINOSA DE INDICAÇÃO DE SAÍDA " AUTÔNOMA", FACE ÚNICA, COM AS INSCRIÇÕES VERMELHAS COM FUNDO BRANCO, COM SETAS AUTO ADESIVAS E SUPORTE PARA FIXAÇÃO, COM APENAS UM PARAUN FUSO, POSSIBILITANDO A INSTALAÇÃO DE TODAS AS MANIRAS POSSIVEIS, NA DIMENSÃO DE 20 X 28. SEGURI

ASSINADO DIGITALMENTE

Quant.

Valor unitário (R$) Valor total (R$)

300

38,00

11.400,00

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

57252 - LUMINÁRIA DE EMERGÊNCIA COM 30 LEDS BIVOLTA AUTOMÁTICO, RECARREGÁVEL, APROVADO PELO INMETRO SEGURI 64086 - ILUMINAÇÃO DE EMERGÊNCIA COM AUTONOMIA DE 3 HORAS, FLUXO LUMINOSO DE 960 LUMENS, LEDS SMD DE ALTO BRILHO, BOTÃO DE TESTE E BATERIA DE GEL SELADA. OS 2 FARÓIS POSSUEM LENTES 27 COM ÂNGULO DE 60°. O PLUG É CERTIFICADO PELO INMETRO. CONTENTO BUCHAS E PARAFUSOS PARA INSTALAÇÃO, NA EMBALAGEM. SEGURI TOTAL 39.050,00 26

Página 81

UN

500

19,70

9.850,00

UN

100

178,00

17.800,00

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 16/2017 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 07/2017

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 16/2017 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 07/2017. OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE EXTINTORES, PLACAS DE SINALIZAÇÃO, PLACAS LUMINOSAS E ILUMINAÇÃO DE EMERGÊNCIA, DESTINADOS AS DIVERSAS SECRETARIAS, FUNDOS E FUNDAÇÕES. CONTRATADA: JM EXTINTORES CAÇADOR EIRELI - ME, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº 22.827.746/0001-06, com sede na cidade de Caçador, SC, neste ato representada pela Sra. SONIA VILAN PEREIRA, brasileira, casada, auxiliar administrativo, inscrita no CPF sob n º 923.391.589-15, residente e domiciliada na cidade de Caçador, SC. O prazo de validade de registro de preços será de 12 (doze) meses oficiais, contados da assinatura da presente ata. ITENS 1, 2 ,3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 21, 22, 23 e 24 Item 1 2 3 4

5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16

21

22

Material/Serviço 19294 - RETEXTE DE EXTINTOR PQS 4KG PREVENCHAMA 32899 - RETEXTE DE EXTINTOR PQS 6 KG PREVENCHAMA 19298 - RETEXTE DE EXTINTOR PQS 8 KG PREVENCHAMA 64080 - RETEXTE DE EXTINTOR PQS 12 KG RETEXTE DE EXTINTOR PQS 12 KG PREVENCHAMA 64081 - RETESTE DE EXTINTOR PQS 20 KG RETESTE DE EXTINTOR PQS 20 KG PREVENCHAMA 29601 - RETESTE DE EXTINTOR CO2 4KG PREVENCHAMA 29602 - RETESTE DE EXTINTOR CO2 6KG PREVENCHAMA 29603 - RETESTE DE EXTINTOR AGUA 10 LTS PREVENCHAMA 24346 - RECARGA DE EXTINTOR PQS 4 KG PREVENCHAMA 24347 - RECARGA DE EXTINTOR PQS 6 KG PREVENCHAMA 19297 - RECARGA DE EXTINTOR PQS 8 KG PREVENCHAMA 19299 - RECARGA DE EXTINTOR PQS 12 KG PREVENCHAMA 19300 - RECARGA DE EXTINTOR PQS 20 KG PREVENCHAMA 32900 - RECARGA DE EXTINTOR CO2 4 KG PREVENCHAMA 32902 - RECARGA DE EXTINTOR CO2 6 KG PREVENCHAMA 63122 - RECARGA DE EXTINTOR ÁGUA 10 LTS PREVENCHAMA 64082 - SINALIZAÇÃO SETA PARA EXTINTOR DE INCÊNDIO COM IDENTIFICAÇÃO DO AGENTE EXTINTOR PÓ QUÍMICO SINALIZAÇÃO SETA PARA EXTINTOR DE INCÊNDIO COM IDENTIFICAÇÃO DO AGENTE EXTINTOR PÓ QUÍMICO S. COSTA 64083 - SINALIZAÇÃO SETA PARA EXTINTOR DE INCÊNDIO COM IDENTIFICAÇÃO DO AGENTE EXTINTOR CO2 S. COSTA

ASSINADO DIGITALMENTE

Unid. medida

Quant.

Valor unitário (R$)

Valor total (R$)

UN

170

4,00

680,00

UN

150

5,00

750,00

UN

10

4,90

49,00

UN

10

5,00

50,00

UN

1

7,00

7,00

UN

50

5,00

250,00

UN

70

7,00

490,00

UN

10

7,00

70,00

UN

170

10,90

1.853,00

UN

150

11,90

1.785,00

UN

10

13,90

139,00

UN

10

16,00

160,00

UN

1

40,00

40,00

UN

50

27,00

1.350,00

UN

70

29,00

2.030,00

UN

10

9,50

95,00

UN

200

2,00

400,00

UN

100

2,00

200,00

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

64084 - SINALIZAÇÃO SETA PARA EXTINTOR DE INCÊNDIO COM IDENTIFICAÇÃO DO AGENTE ÁGUA UN S. COSTA 37996 - SINALIZAÇÃO "PCM" PARA EXTINTOR DE INCÊNDIO 24 UN S. COSTA TOTAL 11.038,00 23

DECRETO Nº 7.091

DECRETO Nº 7.091, de 18 de abril de 2017. Abre Crédito Adicional Suplementar no Orçamento Geral da Prefeitura Municipal de Caçador, exercício de 2017, em favor do Fundo Municipal de Saúde. O PREFEITO MUNICIPAL DE CAÇADOR, usando de suas atribuições legais, nos termos do art. 79, inciso VIII, da Lei Orgânica do Município de Caçador, mais o previsto, no art. 18, inciso IV, da Lei nº 3.337, de 20 de dezembro de 2016, que estima a receita e fixa a despesa para o exercício de 2017. DECRETA: Art. 1º Fica aberto Crédito Adicional Suplementar, no Orçamento Geral da Prefeitura Municipal de Caçador, exercício de 2017, em favor do Fundo Municipal de Saúde, na importância de R$ 250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais), conforme segue: 40.01 – Fundo Municipal de Saúde. 10.301.0008.2.151 – Bloco da Assistência Farmacêutica 3.3.90.00.0.3.67(349) - Aplicações Diretas .......... R$ 250.000,00 Art. 2º Para atender o disposto no art. 1º serão utilizados recursos do Superávit financeiro do exercício anterior, apurado na fonte de Transferências do SUS do Estado. Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Registre-se e Publique-se. Gabinete do Prefeito Municipal de Caçador, em 18 de abril de 2017. Saulo Sperotto – PREFEITO MUNICIPAL. Osório Elias Timmermann - SECRETÁRIO DA FAZENDA.

ASSINADO DIGITALMENTE

Página 82

20

2,00

40,00

300

2,00

600,00

PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº 07 - 2017 – PR – 03 – 2017 – FMAS ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAÇADOR/SC FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº 07 - 2017 – PR – 03 – 2017 – FMAS OBJETO – AQUISIÇÃO DE PASSAGENS INTERMUNICIPAIS E INTERESTADUAIS DESTINADAS AO FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL. ENTREGA DOS ENVELOPES: 08/05/2017 as 14h00min ABERTURA DOS ENVELOPES: 08/05/2017 as 14h05min Maiores Informações e o Edital completo poderão ser obtidos pessoalmente na Diretoria de Licitações e Contratos, Sito Av. Santa Catarina, 195, ou no site caçador.sc.gov.br no ícone licitações, no horário de expediente em vigor, Não será fornecida informação por telefone. Caçador, 20 de abril de 2017. SIDNEI CARDOSO SECRETÁRIO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

TERMO DE RESCISÃO ADMINISTRATIVO Nº 29/2016

DO

CONTRATO

Termo de rescisão do Contrato administrativo nº 29/2016 para CONCESSÃO DE USO PARA OCUPAÇÃO E EXPLORAÇÃO, DA SALA Nº 05 (CINCO), COM 8,15 M², SITUADA NO TERMINAL RODOVIÁRIO SELVINO CARAMORI. O MUNICÍPIO DE CAÇADOR, Estado de Santa Catarina, pessoa jurídica de direito público interno, com sede na Avenida Santa Catarina, n º 195, nesta cidade de Caçador, SC, inscrita no CNPJ sob nº 83.074.302/0001-31, neste ato representado pelo Prefeito Municipal, SAULO SPEROTTO, brasileiro, casado, administrador, inscrito no CPF sob nº 561.293.00972, residente e domiciliado nesta cidade de Caçador/SC; e ELIANE LEMOS - ME, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº 19.908.242/0001-06, neste ato representada por ELIANE LEMOS residente e domiciliada na cidade de Caçador, SC, celebram o presente Termo de Rescisão Amigável do Contrato Administrativo Nº 29/2016, Processo Licitatório nº 12/2016, Concorrência nº 02/2016, de comum acordo, em face de fatores supervenientes que inviabilizam a manutenção do mesmo sem indenização ou multa, seja a que título for, a qualquer das partes.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 83

Camboriú Prefeitura ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO PRESENCIAL N° 006/2017 - FMAS SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO. DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES

Em cumprimento ao disposto do artigo 15 parágrafo 2º da Lei 8.666/93 e alterações, a Secretaria de Administração, informa que se encontram registrados os preços abaixo relacionados, decorrentes do Pregão Presencial n° 006/2017 - FMAS - Ata do Sistema de Registro de Preços 002/2017– FMAS - SELEÇÃO DE PROPOSTAS VISANDO O REGISTRO DE PREÇOS PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS VISANDO REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS, OBJETIVANDO ATENDER AS NECESSIDADES DO SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS DESENVOLVIDO NO CENTRO DE APOIO A FAMÍLIA ADÃO DA ROSA, COORDENADO PELA SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO E ASSISTÊNCIA SOCIAL, para atender a demanda da Prefeitura Municipal integrante do Município de Camboriú, pelo período de 12 (doze) meses. ESTA ATA DE REGISTRO DE PREÇO ENCONTRA-SE PUBLICADA NA ÍNTEGRA, NO MURAL OFICIAL DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBORIÚ, E NO ENDEREÇO ELETRÔNICO WWW.CAMBORIU. SC.GOV.BR. VIGÊNCIA: 20/04/2017 1ª Publicação.

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO PRESENCIAL N° 039/2017 - PMC SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO. DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES

Em cumprimento ao disposto do artigo 15 parágrafo 2º da Lei 8.666/93 e alterações, a Secretaria de Administração, informa que se encontram registrados os preços abaixo relacionados, decorrentes do Pregão Presencial n° 039/2017 - PMC - Ata do Sistema de Registro de Preços 047/2017 – PMC - SELEÇÃO DE PROPOSTAS VISANDO O REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO DE TONER DESTINADOS PARA REPOSIÇÃO NAS IMPRESSORAS DA SECRETARIA, MATERIAIS ESTES, NECESSÁRIOS PARA DAR SUPORTE AOS SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS EM TODAS AS DEPENDENCIAS DA SECRETARIA DE OBRAS E SERVIÇOS URBANOS, para atender a demanda da Prefeitura Municipal integrante do Município de Camboriú, pelo período de 01 (um) ano. ESTA ATA DE REGISTRO DE PREÇO ENCONTRA-SE PUBLICADA NA ÍNTEGRA, NO MURAL OFICIAL DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBORIÚ, E NO ENDEREÇO ELETRÔNICO WWW.CAMBORIU. SC.GOV.BR. VIGÊNCIA: 20/04/2017 1ª Publicação.

DL 14/17 - FMS

Estado de Santa Catarina PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBORIÚ DISPENSA LICITATÓRIA Nº. 014/2017 – FMS Data: 20/04/2017 Objeto: LOCAÇÃO DE IMÓVEL COM 120M2 DE ÁREA, CONSTRUÍDA ASSINADO DIGITALMENTE

PARA INSTALAÇÕES DO ALMOXARIFADO DE MEDICAMENTOS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, SITUADO NA RUA JOAQUIM AGOSTINHO, CENTRO DO MUNICÍPIO DE CAMBORIÚ. Valor total: R$ 15.404,70 (Quinze Mil e Quatrocentos e Quatro Reais e Setenta Centavos) Secretaria: Secretaria Municipal de Saúde. Locador: VALDELEIS CANDIDO DA SILVA Embasamento legal: artigo 24, inciso “X”, da lei Federal 8666/1993. Camboriú SC, 20 de Abril de 2017. ELCIO ROGÉRIO KUHNEN PREFEITO MUNICIPAL

DL 15/17 - FMS

Estado de Santa Catarina PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBORIÚ DISPENSA LICITATÓRIA Nº. 015/2017 – FMS Data: 20/04/2017 Objeto: LOCAÇÃO DE IMÓVEL SALA COMERCIAL COM 110M2 DE ÁREA CONSTRUIDA PARA INSTALAÇÕES DO ALMOXARIFADO DE MATERIAL DE ENFERMAGEM, ODONTOLÓGICO, EXPEDIENTE, LIMPEZA E IMPRESSOS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, SITUADO NA RUA JOAQUIM AGOSTINHO CENTRO DO MUNICÍPIO DE CAMBORIÚ. Valor total: R$ 15.656,28 (Quinze Mil Seiscentos e Cinqüenta e Seis Reais e Vinte e Oito Centavos). Secretaria: Secretaria Municipal de Saúde. Locador: VALDELEIS CANDIDO DA SILVA Embasamento legal: artigo 24, inciso “X”, da lei Federal 8666/1993. Camboriú SC, 20 de Abril de 2017. ELCIO ROGÉRIO KUHNEN PREFEITO MUNICIPAL

RESUMO DE CONTRATO 17 A 20

RESUMO DE CONTRATO FMS Contrato Nº009/2017 A Ata De Registro De Preços Nº 006/2017 Processo: Pregão Presencial Nº 003/2017 Contratado: KLAIN ASSISTENCIA TECNICA E COMERCIO DE MAQUINAS E EQUIPAMENTOS ELETROELETRÔNICOS LTDA ME Data: 17/04/2017 Prazo: 12 (doze) meses Valor: R$ 43.200,00 (Quarenta e três mil e duzentos reais) Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS ODONTOLÓGICOS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMBORIÚ Contrato Nº010/2017 Processo: Dispensa de Licitação nº. 014/2017 Locador: VALDELEIS CANDIDO DA SILVA Data: 20/04/2017 Prazo: 19/10/2017 Valor: R$ 15.404,70 (Quinze mil quatrocentos e quatro reais e setenta centavos) Objeto: LOCAÇÃO DE IMÓVEL COM 120M2 DE ÁREA, CONSTRUÍDA PARA INSTALAÇÕES DO ALMOXARIFADO DE MEDICAMENTOS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, SITUADO NA RUA JOAQUIM AGOSTINHO, CENTRO DO MUNICÍPIO DE CAMBORIÚ.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 84

Contrato Nº011/2017 Processo: Dispensa de Licitação nº. 015/2017 Locador: VALDELEIS CANDIDO DA SILVA Data: 20/04/2017 Prazo: 19/10/2017 Valor: R$ 15.656,28 (Quinze mil seiscentos e cinqüenta e seis reais e vinte e oito centavos) Objeto: LOCAÇÃO DE IMÓVEL SALA COMERCIAL COM 110M2 DE ÁREA CONSTRUIDA PARA INSTALAÇÕES DO ALMOXARIFADO DE MATERIAL DE ENFERMAGEM, ODONTOLÓGICO, EXPEDIENTE, LIMPEZA E IMPRESSOS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, SITUADO NA RUA JOAQUIM AGOSTINHO CENTRO DO MUNICÍPIO DE CAMBORIÚ. CAMBORIU PREV Contrato n° 002/2017 Processo: Pregão Presencial Nº 001/2017 Contratado: CAMBORIU COMERCIO DE VEICULOS LTDA Data: 18/04/2017 Prazo: 150 (cento e cinquenta) dias Valor: R$ 41.680,00 (Quarenta e um mil seiscentos e oitenta reais) Objeto: AQUISIÇÃO DE UM VEÍCULO ZERO KM PARA SER UTILIZADO NOS ATENDIMENTOS REALIZADOS PELO CAMBORIÚPREV FME Contrato n° 015/2017 Processo: Pregão Presencial Nº 003/2017 Contratado: GENTE SEGURADORA S.A Data: 20/04/2017 Prazo: 12 (doze) meses Valor: R$ 10.452,00 (Dez mil quatrocentos e cinqüenta e dois reais) Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE SEGURO RCO (RESPONSABILIDADE CIVIL OBRIGATÓRIA) RESPECTIVO A DANOS CORPORAIS E/OU MATERIAIS CAUSADOS A PASSAGEIROS, PARA QUE EM CASO DE SINISTRO NÃO VENHA ONERAR OS COFRES PÚBLICOS. FUCAM Contrato n° 001/2017 Processo: Dispensa de Licitação nº. 001/2017 Locador: VOLMAR LUCIO MELO Data: 19/04/2017 Prazo: 12 (doze) meses Valor: R$ 28.800,00 (Vinte e oito mil e oitocentos reais) Objeto: LOCAÇÃO DE UM IMÓVEL COM 250,00M2 PARA ABRIGAR A FUNDAÇÃO CAMBORIUENSE DE GESTÃO E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL, SITUADA NA RUA JOAQUIM NUNES, Nº285. ELCIO ROGERIO KUHNEN PREFEITO MUNICIPAL

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 85

Campo Alegre Prefeitura DECRETO Nº 10.457 DE 20 DE ABRIL DE 2017

GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 10.457 DE 20 DE ABRIL DE 2017 CONCEDE APOSENTADORIA POR IDADE E TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO NOS TERMOS DO ART. 40, § 1º, INCISO III, ALÍNEA “b” CF/88, COM REDAÇÃO DADA PELA EC-41/03, E ART. 59, INCISOS I, II, III E IV DA LEI MUNICIPAL Nº 4.217/14, A SERVIDORA PÚBLICA MUNICIPAL MARIA DO CARMO MOREIRA FARI. O Prefeito em Exercício do Município de Campo Alegre, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas por Lei; DECRETA: Art.1º) Aposentar, Por Tempo de Contribuição e Idade, a Servidora Pública Municipal MARIA DO CARMO MOREIRA FARI, detentora da Matrícula Funcional nº 000265, Registro no Sistema sob nº 314880, portadora do CPF/MF nº 017.508.519-62 e do RG nº 1.097.526 expedido pela SSP/SC, Pis/Pasep nº 1.087.998.662-7, ocupante do Cargo Público de Agente Operacional I, na Função de Auxiliar de Serviços Gerais, do Quadro de Pessoal Efetivo do Poder Executivo do Município de Campo Alegre/SC., conforme Processo Administrativo do IPRECAL nº 005/2017 nos termos do Art. 40, § 1º, Inciso III, Alínea “b” da CF/88, com redação dada pela EC-41/03, combinado com o Artigo 22 da Lei Municipal nº 4.217 de 25 de novembro de 2014, Artigo 94 da Lei Complementar Municipal nº 006 de 19 de setembro de 2002, que Dispõe sobre o Estatuto do Servidor Público do Município que trata sobre o Plano de Cargo, Carreira e Vencimentos. Art.2º) Autorizar o pagamento dos proventos de aposentadoria por tempo de contribuição e idade, em caráter proporcional ao tempo de contribuição, a Servidora Pública Municipal, no valor de R$ 937,00 (novecentos e trinta e sete reais), que serão pagos mensalmente pelo IPRECAL, observando-se o desconto da contribuição previdenciária pertinente. Paragrafo único – O valor dos proventos de que trata o Caput deste Artigo, serão reajustados pelo RGPS – Regime Geral de Previdência Social. Art.3º) Declarar a vacância do cargo acima especificado, na forma prevista no Inciso V do Artigo 90, da Lei Complementar Municipal nº 006 de 19 de setembro de 2002 – Estatuto dos Servidores Públicos Municipal do Município de Campo Alegre/SC. Art.4º) Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito do Município de Campo Alegre/SC., 20 de abril de 2017. SEBASTIÃO VENDELINO KONS JEFFERSON JEAN DUVOISIN Prefeito Municipal em Exercício Diretor Executivo – IPRECAL Publicado na forma das Leis Municipais nº 2.416 e 3.386 nos endereços eletrônicos: www.leismunicipais.com.br e www.diariomunicipal. sc.gov.br em data de: 24/04/2017. JEFFERSON TADEU AMORIM CUNHA Chefe de Gabinete do Prefeito

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 86

Campo Erê Prefeitura CONVITE 03/2017

MUNICÍPIO DE CAMPO ERE - SC PROCESSO LICITATÓRIO N° 826/2017 CARTA CONVITE Nº 03/2017 EXTRATO DE EDITAL O MUNICÍPIO DE CAMPO ERE - SC, representado pelo seu Prefeito Sr. Odilson Vicente de Lima, TORNA PÚBLICO que até as 08horas do dia 27 de maio de 2017, a Comissão Permanente de Licitações do Município, estará recebendo as propostas dos interessados no objeto do Processo Licitatório n° 826/2017 na modalidade de Carta Convite Nº 03/2017 do Município de Campo Erê, para a compra de peças e reparos urgentes do veículo Ducato, utilizado para o transporte de pacientes do SUS, placa MLW-1226 pertencente à Secretaria Municipal de Saúde, conforme especificado nesse Edital, e em conformidade com a Lei 8.666/93, suas alterações e demais normas pertinentes. Demais informações, esclarecimentos ou cópias deste Edital, serão fornecidos pelo Departamento de Licitações, localizado no Centro Administrativo Municipal, sito à Rua 1º de Maio, 736, em Campo Erê, Estado de Santa Catarina, de segunda a sexta-feira no horário das 07:30hs às 11:30hs, e 13:15 às 17:15, pelo fone (49) 3655 3035, ou pelo e-mail [email protected] gov.br - Campo Ere - SC, 20 de abril de 2017. ODILSON VICENTE DE LIMA - Prefeito Municipal.

EXTRATO CONTRATO 42/2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO ERÊ/SC. CONTRATO ADMINISTRATIVO nº 42/2017. CONTRATANTE: FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE do Município de Campo Erê, CNPJ nº 11.307.776/0001-75. CONTRATADA: SIMONE PALUDO DE GIACOMETTI ME, CNPJ 09.041.964/0001-52. OBJETO: CREDENCIAR FARMÁCIAS e/ou DROGARIAS para fornecimento de medicamentos destinados a pacientes em situação de vulnerabilidade, pacientes graves e nos casos de urgência. Ainda os medicamentos concedidos por ordem judicial ou de uso excepcional, os quais não estejam disponíveis na Secretaria Municipal de Saúde – Assistência Farmacêutica Básica – e/ou não estejam contemplados na Relação Municipal de Medicamentos (REMUME) em que o uso seja imprescindível e imediato, sob risco de agravos à saúde do individuo, podendo levar a complicações graves. FUNDAMENTO LEGAL: Processo Licitatório nº 384/2017/FMS, Inexigibilidade de Licitação nº 05/2017 - FMS. DOTAÇÃO: 14.01 14.01.10301001.2.020000 3.3.90.00.00 6370 102. VALOR: R$: 20.000,00 (vinte mil reais). VIGÊNCIA: assinatura até 31/12/2017, Campo Erê/SC, em 22/03/2017. SIGNATÁRIOS: Catia Ferlin da Veiga pela Contratante e Simone Paludo e Giacometti pela Contratada.

EXTRATO CONTRATO 42/2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO ERÊ/SC. CONTRATO ADMINISTRATIVO nº 42/2017. CONTRATANTE: FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE do Município de Campo Erê, CNPJ nº 11.307.776/0001-75. CONTRATADA: SIMONE PALUDO DE GIACOMETTI ME, CNPJ 09.041.964/0001-52. OBJETO: CREDENCIAR FARMÁCIAS e/ou DROGARIAS para fornecimento de medicamentos destinados a pacientes em situação de vulnerabilidade, pacientes graves e nos casos de urgência. Ainda os medicamentos concedidos por ordem judicial ou de ASSINADO DIGITALMENTE

uso excepcional, os quais não estejam disponíveis na Secretaria Municipal de Saúde – Assistência Farmacêutica Básica – e/ou não estejam contemplados na Relação Municipal de Medicamentos (REMUME) em que o uso seja imprescindível e imediato, sob risco de agravos à saúde do individuo, podendo levar a complicações graves. FUNDAMENTO LEGAL: Processo Licitatório nº 384/2017/FMS, Inexigibilidade de Licitação nº 05/2017 - FMS. DOTAÇÃO: 14.01 14.01.10301001.2.020000 3.3.90.00.00 6370 102. VALOR: R$: 20.000,00 (vinte mil reais). VIGÊNCIA: assinatura até 31/12/2017, Campo Erê/SC, em 11/04/2017. SIGNATÁRIOS: Catia Ferlin da Veiga pela Contratante e Simone Paludo de Giacometti pela Contratada.

EXTRATO CONTRATO 43/2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO ERÊ/SC. CONTRATO ADMINISTRATIVO nº 43/2017. CONTRATANTE: FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE do Município de Campo Erê, CNPJ nº 11.307.776/0001-75. CONTRATADA: ORGANIZAÇÕES ANDREATTA LTDA EPP, CNPJ 83.135.913/0001-42. OBJETO: CREDENCIAR FARMÁCIAS e/ou DROGARIAS para fornecimento de medicamentos destinados a pacientes em situação de vulnerabilidade, pacientes graves e nos casos de urgência. Ainda os medicamentos concedidos por ordem judicial ou de uso excepcional, os quais não estejam disponíveis na Secretaria Municipal de Saúde – Assistência Farmacêutica Básica – e/ou não estejam contemplados na Relação Municipal de Medicamentos (REMUME) em que o uso seja imprescindível e imediato, sob risco de agravos à saúde do individuo, podendo levar a complicações graves. FUNDAMENTO LEGAL: Processo Licitatório nº 384/2017/FMS, Inexigibilidade de Licitação nº 05/2017 - FMS. DOTAÇÃO: 14.01 14.01.10301001.2.020000 3.3.90.00.00 6370 102. VALOR: R$: 20.000,00 (vinte mil reais). VIGÊNCIA: assinatura até 31/12/2017, Campo Erê/SC, em 13/04/2017. SIGNATÁRIOS: Catia Ferlin da Veiga pela Contratante e Evania Vichroski pela Contratada.

EXTRATO CONTRATO 44/2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO ERÊ/SC. CONTRATO ADMINISTRATIVO nº 44/2017. LOCATARIO: FUNDO MUNICIPAL DE ASISTENCIA SOCIAL do Município de Campo Erê, CNPJ nº 12.792.399/0001-70. LOCADORA: MICHELA DANELUZ DA SILVA, CPF 026.351.119-79. OBJETO: locação de 01 (um) imóvel, localizado no CENTRO de Campo Erê – SC, o qual o LOCATÁRIO destinará exclusivamente a atender as atividades da Secretaria Municipal de Assistência Social. FUNDAMENTO LEGAL: Processo Licitatório nº 650/2017/FMS, Pregão Presencial nº 20/2017/FMS. DOTAÇÃO: 1101 3390 5479 135 FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL. VALOR: R$: 28.000,00 (vinte e oito mil e reais). VIGÊNCIA: 01/05/17 a 31/12/17. Campo Erê/SC, em 17/04/2017. SIGNATÁRIOS: Luciane Giacchini Antonietti pela Locataria e Michela Daneluz da Silva pela Locadora.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 87

EXTRATO CONTRATO 45/2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO ERÊ/SC. CONTRATO ADMINISTRATIVO nº 45/2017. CONTRATANTE: FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE do Município de Campo Erê, CNPJ nº 11.307.776/0001-75. CONTRATADA: SPERANDIO MOTORS COMERCIO DE VEICULOS LTDA, CNPJ 03.583.300/0001-39. OBJETO: aquisição de 01 (um) veículo automotor, marca Toyota, modelo Etios Sedan xs 1.5 de 10cv, flex de fabricação nacional, capacidade para 05 pessoas, cor branca, ano/modelo 2017/2018, 04 portas, cambio manual de seis velocidades a frente, freios co abs/evd, direção eletrica progressiva, ar condicionado, porta luvas climatizado, conjunto eletrico nas quatro portas. alarme mais retrovisores eletricos, airbag duplo, banco trazeiro rebativel, rodas de aço com super calotas equiparada com pneus 175/65r14, reservatorio de combustivel de 45 lts e bagageiro de 562 lts. radio cd/am/fm/ubs, alarme de advertencia de portas abertas e farois acesos e cintos de segurança não afivelados, garantia de 36 meses sem limite de km, destro das revisões feitas no prazo e especificado no manual de garantia. FUNDAMENTO LEGAL: Processo Licitatório nº 677/2017/FMS, Pregão Presencial nº 22/2017/ FMS. DOTAÇÃO: 1401 1013 449000 5936 133 Aquisição de veículos e ambulância. VALOR: R$: 55.000,00 (cinquenta e cinco mil reais). VIGÊNCIA: assinatura até o termino da garantia. Campo Erê/SC, em 17/04/2017. SIGNATÁRIOS: Catia Ferlin da Veiga pela Contratante e Maria Auxiliadora Sperandio pela Contratada.

HOMOLOGAÇÃO PL 697/2017

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO DE PROCESSO LICITATÓRIO O Prefeito Municipal de Campo Erê, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais que lhe conferem o art. 43, VI da Lei 8.666/1993 e suas alterações posteriores; RESOLVE I - HOMOLOGAR o PROCESSO LICITATÓRIO nº697/2017, na modalidade Pregão de nº 23/2017 tendo como objeto a PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TECNICO E PROFISSIONAIS PARA SUPORTE EM INFORMATICA. II - ADJUDICAR o objeto do certame à (s) licitante (s) identificada (s) no quadro a seguir, onde se especificam inclusive as quantidades e os valores, para execução do objeto acima citado: Nome da Proponente TATIANE NALIN 04025045931 TATIANE NALIN 04025045931

Lote 1 1

Total dos Proponentes Nome da Proponente TATIANE NALIN 04025045931

Item 1 2

Quantidade 9,00 9,00

Unitário 850,0000 400,0000

Total Item 7.650,0000 3.600,0000

Total 11.250,00

III - DETERMINAR que sejam adotadas as medidas cabíveis para contratação da (s) referida (s) licitante (s). Campo Erê – SC, Quinta-Feira, 20 de abril de 2017. ODILSON VICENTE DE LIMA Prefeito Municipal

PREGÃO PRESENCIAL 28/2017

MUNICIPIO DE CAMPO ERE - SC PROCESSO LICITATÓRIO Nº 823/2017 PREGÃO PRESENCIAL Nº 28/2017 - ATA DE REGISTRO DE PREÇOS O Município De Campo Erê - SC, representado pelo seu Prefeito Sr. Odilson Vicente de Lima, TORNA PÚBLICO que até às 08:00horas do dia 03 de maio de 2017, o Pregoeiro Oficial do Município estará recebendo as propostas dos interessados no objeto do Pregão Presencial nº 28/2017 – Ata de Registro de Preços, para a futura e eventual contratação de mão-de-obra especializada: eletricista, encanador, pintura, pedreiro, colocação e, assentamento de paver, conserto de calçamento e conserto de calçadas, solda e conserto de mobílias, conforme especificado nesse Edital, e, em conformidade com a Lei 8.666/93, suas alterações, Lei 10.520/2002, suas alterações, Decreto Municipal 703/2015, LC 147/2014, e demais normas pertinentes. Demais informações, serão fornecidas pelo Dpto. de Licitações, sito à Rua 1º de Maio, 736, em Campo Erê-SC, de segunda a sexta-feira no horário das 07:30 às 11:30, e das 13:15 às 17:15, fone (49) 3655 3035, ou pelo e-mail [email protected] - Campo Erê-SC, 20 de abril de 2017. ODILSON VICENTE DE LIMA - Prefeito Municipal.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 88

Campos Novos Prefeitura DECRETO Nº. 7.730/17 DE 18/04/2017 NOMEIA MEMBROS DO CONSELHO MUNICIPAL DE HABITAÇÃO DE CAMPOS NOVOS - CMHCN E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS DECRETO Nº 7.730/17 de 18/04/2017 NOMEIA MEMBROS DO CONSELHO MUNICIPAL DE HABITAÇÃO DE CAMPOS NOVOS - CMHCN, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Silvio Alexandre Zancanaro, Prefeito Municipal de Campos Novos, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições privativas conferidas pelo Art. 100, inciso VIII da Lei Orgânica, DECRETA: Art. 1º. Ficam nomeadas as pessoas abaixo, para comporem o Conselho Municipal de Habitação de Campos Novos – CMHCN. I – Representantes do Poder Público Titular: Vilmar Antônio Ferrão Jr Suplente: Hayett Kanaan Milanez Titular: Adelar Vieira Alves da Silva Suplente: Kerlly Juciane Walter Titular: Laides Laidnes Suplente: Luiz Carlos Antunes II – Representantes das Associações de Bairros: Titular: Alexandre Kunen Suplente: Paulino da Silva Titular: Antonio Freitas Primo Suplente: Pedrinho Cruz III –Representantes da Sociedade Civil Titular: Juliana Aisi Berger Cenci Suplente: Afonso Rosseto Art. 2º. O mandato dos membros do Conselho Municipal de Habitação será de 3 (três) anos a partir da data da expedição deste decreto. Parágrafo único. A possibilidade de recondução dos membros do CMHCN, será estabelecida no Regimento Próprio. Art. 3º. A função dos Membros nomeados conforme Artigo 1º, não será remunerada, e sua participação será considerada de relevante interesse público. Art. 4º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas disposições em contrário em especial o Decreto Nº 7.153/14 Campos Novos, 18 de abril de 2017. Silvio Alexandre Zancanaro Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

DECRETO Nº. 7.732/17 DE 19/04/2017 ABRE CREDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR NO ORÇAMENTO DO MUNICIPIO

DECRETO Nº 7.732/17 de 19/04/2017. ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR NO ORÇAMENTO DO MUNICIPIO Silvio Alexandre Zancanaro, Prefeito do Município de Campos Novos, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições privativas conferidas pelo Art. 100, inciso VIII da Lei Orgânica, c/c Lei nº 3.976/13 de 27/11/13 (Plano Plurianual), Lei nº 4.259/16 de 12/05/2016 (Lei de Diretrizes Orçamentárias) e Lei nº 4.305/16 de 20/12/2016 (Lei Orçamentária Anual), DECRETA: Art. 1º. Fica aberto um Crédito Adicional Suplementar no orçamento do Município, no valor de R$ 202.773,90 (Duzentos e dois mil, setecentos e setenta e três reais e noventa centavos) nos projetos/ atividades abaixo discriminados: ÓRGÃO: 04 – SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E CULTURA UNIDADE: 13 – DEP. DE TRANSPORTE ESCOLAR-GERÊNCIA TRANSPORTE PROJETO/ATIVIDADE: 2.014 – Manutenção do Departamento de Transporte Escolar –Gerência Transporte Elementos de despesa: 60- 3.3.90.00.00.00.00.00.00.01.0022.000 000–Aplicações diretas ............. R$ 160.000,00 ÓRGÃO: 04 – SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E CULTURA UNIDADE: 13 – DEP. DE TRANSPORTE ESCOLAR-GERÊNCIA TRANSPORTE PROJETO/ATIVIDADE: 2.014 – Manutenção do Departamento de Transporte Escolar –Gerência Transporte Elementos de despesa: 143- 3.3.90.00.00.00.00.00.00.03.0022.00 0000–Aplicações diretas ............. R$ 42.773,90 Art. 2º. Para a cobertura dos créditos previstos no Art. 1º, serão utilizados recursos subtraídos do de provável excesso de arrecadação/convênio transporte escolar estadual – R$160.000,00; e superávit financeiro de recursos de convênio/ transporte escolar estadual - R$ 42.773,90. Art. 3º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Campos Novos, em 19 de abril de 2017. Silvio Alexandre Zancanaro Prefeito Municipal

LEI Nº. 4.328/17 DE 20/04/2017 ISTITUI PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO FISCAL 2017 DE CAMPOS NOVOS - PREFICAM 2017 E DÁ OUTRA PROVIDÊNCIAS

LEI Nº 4.328/17 DE 20/04/2017 INSTITUI O PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO FISCAL 2017 DE CAMPOS NOVOS - PREFICAM 2017 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. Silvio Alexandre Zancanaro, Prefeito do Município de Campos Novos, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições previstas no Art. 100, inciso V da Lei Orgânica, FAZ SABER A TODOS OS HABITANTES DESTE MUNICÍPIO QUE A CÂMARA MUNICIPAL APROVOU, E ELE SANCIONA A PRESENTE LEI: Art. 1º. Fica instituído o Programa de Recuperação Fiscal de Campos Novos – PREFICAM 2017, destinado a promover a regularização www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

de créditos tributários e não-tributários do Município de Campos Novos, cujos fatos geradores tenham ocorrido até 31 de dezembro de 2016. Parágrafo Único. O PREFICAM 2017 abrange créditos tributários e não-tributários de qualquer natureza, constituídos ou não, inscritos ou não em Dívida Ativa, mesmo que discutidos judicialmente em ação proposta pelo sujeito passivo ou em fase de execução fiscal já ajuizada, e ainda os créditos decorrentes do descumprimento de obrigações acessórias, e os créditos que tenham sido objeto de parcelamentos anteriores, não integralmente quitados, mesmo que cancelados por falta de pagamento. Art. 2º. A adesão ao PREFICAM 2017 dar-se-á por opção do sujeito passivo, pessoa física ou jurídica, através de requerimento, dispensado do pagamento de taxa de protocolo. § 1º. O prazo final de adesão ao PREFICAM 2017 será até 31 de julho de 2017, podendo ser prorrogado por ato do Chefe do Poder Executivo. § 2º. Caberá ao Poder Executivo promover ampla divulgação e publicidade desta Lei. Art. 3º. Ao aderir ao PREFICAM 2017, o sujeito passivo deverá liquidar os créditos tributários e não-tributários à vista ou de forma parcelada. Art. 4º A adesão ao PREFICAM 2017 observará os seguintes critérios: I - Em existindo mais de um imóvel em nome do sujeito passivo, a adesão ao PREFICAM 2017, em relação aos créditos tributários e não-tributários vinculados ao cadastro imobiliário, poderá ser individualizada para cada imóvel. II - Nos casos em que o contribuinte possuir débito relativo a crédito tributário e crédito não-tributário, será emitido adesão própria para cada, ficando cada um deles sujeito ao recolhimento da taxa do Documento de Arrecadação Municipal - DAM, sobre cada dívida arrecadada. III - A pessoa jurídica que suceder a outra será responsável pelos tributos devidos pela sucedida nas hipóteses do artigo 132 e 133 do Código Tributário Nacional e deverá solicitar convalidação da opção feita pela sucedida. Art. 5º Para os créditos que estejam em fase de execução fiscal, são condições indispensáveis ao deferimento da adesão ao PREFICAM 2017: I - a renúncia a eventuais embargos opostos à execução fiscal e desistências de recursos; II – prévio recolhimento de todas as despesas extrajudiciais efetuadas e comprovadas; § 1º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a requerer a suspensão dos processos de execução fiscal enquanto perdurar os efeitos da presente Lei. § 2º. Será de responsabilidade exclusiva do beneficiário da presente Lei o recolhimento das custas processuais, na forma estabelecida pelo Poder Judiciário. §3º. O benefício da presente Lei não abrange créditos tributários discutidos em Juízo, cujos embargos à execução fiscal ou ação anulatória já tenham transitado em julgado em favor da Fazenda Municipal e o valor do crédito esteja depositado em Juízo na data da publicação da presente lei, pendente apenas de levantamento por parte do Município. Art. 6º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a conceder a anistia e/ou remissão dos encargos previstos na legislação tributária, incidentes sobre os créditos tributários e não-tributários constituídos em decorrência do descumprimento de obrigações tributárias principais e acessórias, exigidos ou não por notificações fiscais, observados os seguintes percentuais: I - Para o sujeito passivo que possua débito cujo valor total consolidado, na data do requerimento, seja de até 200.000.00 (duzentos mil reais), inclusive, que faça o pagamento em uma parcela, à vista, será concedida anistia e/ou remissão de 100% (cem por cento) dos juros e multas moratórias; II- Para o sujeito passivo que possua débito cujo valor total ASSINADO DIGITALMENTE

Página 89

consolidado, na data do requerimento, seja de até 200.000.00 (duzentos mil reais), inclusive, que tenha interesse em efetuar o pagamento da obrigação tributária em 2 (duas) parcelas, será concedido o desconto de 90% (noventa por cento) dos juros e multas moratórias; III- Para o sujeito passivo que possua débito cujo valor total consolidado, na data do requerimento, seja de até 200.000.00 (duzentos mil reais), inclusive, que tenha interesse em efetuar o pagamento da obrigação tributária em 3 (três) parcelas, será concedido o desconto de 80% (oitenta por cento) dos juros e multas moratórias; IV- Para o sujeito passivo que possua débito cujo valor total consolidado, na data do requerimento, seja de até 200.000.00 (duzentos mil reais), inclusive, que tenha interesse em efetuar o pagamento da obrigação tributária em 4 (quatro) parcelas, será concedido o desconto de 70% (setenta por cento) dos juros e multas moratórias; V- Para o sujeito passivo que possua débito cujo valor total consolidado, na data do requerimento, seja de até 200.000.00 (duzentos mil reais), inclusive, que tenha interesse em efetuar o pagamento da obrigação tributária em 5 (cinco) parcelas, será concedido o desconto de 60% (sessenta por cento) dos juros e multas moratórias; VI- Para o sujeito passivo que possua débito cujo valor total consolidado, na data do requerimento, seja de até 200.000.00 (duzentos mil reais), inclusive, que tenha interesse em efetuar o pagamento da obrigação tributária em 6 (seis) parcelas, será concedido o desconto de 50% (cinquenta por cento) dos juros e multas moratórias; VII- Para o sujeito passivo que possua débito cujo valor total consolidado, na data do requerimento, seja de até 200.000.00 (duzentos mil reais), inclusive, que tenha interesse em efetuar o pagamento da obrigação tributária em 7 (sete) ou mais parcelas, até o limite de 10 (dez), será concedido o desconto de 40% (quarenta por cento) dos juros e multas moratórias; §1º. As reduções previstas neste artigo não contemplam a correção monetária que incidir sobre os débitos. Para todos os débitos pagos com os benefícios da presente Lei é assegurada a correção monetária pela UFM (Unidade Fiscal Municipal). Art. 7º A opção pelo PREFICAM 2017 obriga o sujeito passivo a: I - confissão irrevogável e irretratável dos créditos em que optou pela adesão ao PREFICAM 2017; II - aceitação plena e irretratável de todas as condições estabelecidas nesta Lei; III - manutenção automática dos gravames decorrentes de medida cautelar fiscal e das garantias prestadas nas ações de execução fiscal. Art. 8º. No caso dos tributos sujeitos a lançamento por homologação, em que não houver lançamento de crédito tributário formalizado, o contribuinte poderá realizar denúncia espontânea, e aderir ao PREFICAM 2017 segundo os valores por ele apurados. Parágrafo Único. A denúncia espontânea referida no caput não inibe posterior fiscalização por parte da Administração Municipal, hipótese em que eventuais diferenças apuradas serão lançadas de ofício, acrescidas dos encargos legais. Art. 9º. Os valores a serem recolhidos em decorrência do PREFICAM 2017, não recolhidos até o vencimento ou data limite de pagamento, perderão os benefícios concedidos, restabelecendose, em relação ao valor do débito não pago, os acréscimos legais calculados na forma da legislação aplicável. Art. 10. Os prazos para recolhimento dos valores, objeto do PREFICAM 2017, somente se vencem em dia de expediente normal da repartição competente e da rede bancária, prorrogando-se, se necessário, até o primeiro dia útil subsequente. Art. 11. O Poder Executivo poderá firmar convênio com o Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina para a realização do Programa de Mutirão de Audiências de Conciliação Fiscal destinado à aplicação dos comandos desta Lei. Art. 12. Fica o Poder Executivo autorizado a firmar acordos judiciais concedendo os benefícios fiscais estabelecidos na presente Lei. Art. 13. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a conceder www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

anistia e/ou remissão total dos créditos relativos a honorários advocatícios pendentes de pagamento e que sejam decorrentes de créditos tributários e de créditos não-tributários que estejam sendo cobrados judicialmente e sejam quitados à vista nos termos e no prazo da presente lei e a honorários advocatícios pendentes relativos a créditos tributários e créditos não-tributários que foram pagos integralmente, de qualquer forma, até 31 de julho de 2017. Art. 14. As remissões e anistias previstas nesta Lei não autorizam, em qualquer hipótese, a restituição ou compensação de importâncias já pagas. Art. 15. O Poder Executivo Municipal poderá regulamentar, por Decreto, esta Lei. Art. 16. Para concessão de novo parcelamento de débitos já parcelados e não quitados, é obrigatório o sujeito passivo, efetuar o pagamento de 25% (vinte e cinco por cento) do valor do débito a ser parcelado, antes de ser deferido o novo parcelamento. Art. 17. Eventuais despesas decorrentes da aplicação desta Lei serão consignadas no orçamento em vigor. Art. 18. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se às disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Campos Novos, 20 de abril de 2017. SILVIO ALEXANDRE ZANCANARO Prefeito Municipal

LEI Nº. 4.331/17 DE 20/04/2017 AUTORIZA A REVISAO DE VENCIMENTOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO, ATIVOS, INATIVOS E PENSIONISTAS, DE SUAS FUNDAÇÕES E AUTARQUIA; AOS SERVIDORES ATIVOS, INATIVOS E PENSIONISTAS DO PODER LEGISLATIVO, AOS DETENTORES DE MANDATOS ELETIVOS, SECRETÁRIOS MUNICIPAIS, EMP

LEI Nº 4.331/17 DE 20/04/2017 AUTORIZA A REVISAO DE VENCIMENTOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO, ATIVOS, INATIVOS E PENSIONISTAS, DE SUAS FUNDAÇÕES E AUTARQUIA; AOS SERVIDORES ATIVOS, INATIVOS E PENSIONISTAS DO PODER LEGISLATIVO, AOS DETENTORES DE MANDATOS ELETIVOS, SECRETÁRIOS MUNICIPAIS, EMPREGADOS PÚBLICOS DO MUNICIPIO QUE FORAM ADMITIDOS EM DECORRENCIA DA LEI COMPLEMENTAR Nº 07/07 (ESF) E LEI COMPLEMENTAR Nº 01/2007 (SAMU) E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. Silvio Alexandre Zancanaro, Prefeito do Município de Campos Novos, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições previstas no Art. 100, inciso V da Lei Orgânica, FAZ SABER A TODOS OS HABITANTES DESTE MUNICÍPIO QUE A CÂMARA MUNICIPAL APROVOU, E ELE SANCIONA A PRESENTE LEI: Art. 1º - Fica o Chefe do Poder Executivo Municipal autorizado a conceder revisão geral anual, a título de recuperação de perdas inflacionárias, de que trata o artigo 37, inciso X da Constituição Federal aos servidores públicos da Administração Direta, Poder Legislativo, Fundações e Autarquia, inativos e pensionistas, aos detentores de mandatos eletivos e aos Secretários Municipais e demais Cargos Comissionados. § 1º - Fica o Chefe do Poder Executivo Municipal autorizado a conceder revisão geral anual, a título de recuperação de perdas inflacionárias, de que trata o artigo 37, inciso X da Constituição Federal a todos os empregados públicos do Poder Executivo Municipal que foram admitidos em decorrência da Lei Complementar nº 07/07 (ESF) e suas alterações. § 2º - Fica o Chefe do Poder Executivo Municipal autorizado a ASSINADO DIGITALMENTE

Página 90

conceder revisão geral anual, a título de recuperação de perdas inflacionárias, de que trata o artigo 37, inciso X da Constituição Federal aos servidores ou empregados públicos do Quadro de Pessoal do SAMU, instituído pela Lei Complementar nº 01/2007. Art. 2º - O percentual de revisão geral anual referido no artigo 1º será de 7% (sete por cento), aplicado sobre os vencimentos do mês de março, valor superior a inflação parcial apurada no período de 01 de abril de 2016 a 31 de março de 2017, utilizando-se como parâmetro o índice do IPCA-IBGE de 4,48% (quatro vírgula quarenta e oito por cento). Art. 3º - O percentual de revisão anual dos subsídios dos detentores de mandatos eletivos e dos Secretários Municipais também será de 7,00 % (sete por cento), superior ao índice econômico do IPCA-IBGE para ao período de 01 de abril de 2016 a 31 de março de 2017. Paragrafo único- A revisão geral anual dos subsídios dos vereadores, fica limitada as determinações constitucionais, não podendo ultrapassar, em caso de aplicação da presente lei, o limite máximo previsto pela Constituição Federal. Art. 4º- A diferença salarial será lançada na folha de pagamento dos servidores públicos municipais do Poder Executivo, incluindo Fundações e Autarquia, bem como Secretários Municipais e empregos públicos, no percentual de 7% (sete por cento) no mês de abril do corrente ano. Art. 5º - Aplicam-se os percentuais de revisão geral aos ocupantes de cargos em comissão de livre nomeação pelo Prefeito Municipal. Art. 6º- Não se aplica a presente Lei ao professores com habilitação em magistério, os quais tiveram seus vencimentos reajustados, em virtude da lei federal do piso do magistério. Art. 7º- Fica o chefe do Poder Executivo Municipal autorizado a proceder aos devidos ajustes e atualizações nos quadros de vencimentos que integram o Plano de Cargos e Salários do Poder Executivo, Autarquias, Fundações e Empregados Públicos do ESF e SAMU (LC 01/07 e 07/07), mediante a aplicação do disposto na presente lei. Art. 8º - As despesas decorrentes desta Lei correrão à conta de dotações específicas consignadas no orçamento vigente. Art. 9º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 1º de abril de 2017, revogadas as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Campos Novos, 20 de abril de 2017. SILVIO ALEXANDRE ZANCANARO Prefeito Municipal

LEI Nº. 4.332/17 DE 20/04/2017 AUTORIZA O PODER EXECUTIVO MUNICIPAL A CELEBRAR TERMO DE COLABORAÇÃO COM O SINDICATO DOS PRODUTORES RURAIS DE CAMPOS NOVOS, A CÂMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS DE CAMPOS NOVOS – CDL E A ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL RURAL E CULTURAL CAMPONOVENSE – ACIRCAN E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS

LEI Nº 4.332/17 DE 20/04/2017 AUTORIZA O PODER EXECUTIVO MUNICIPAL A CELEBRAR TERMO DE COLABORAÇÃO COM O SINDICATO DOS PRODUTORES RURAIS DE CAMPOS NOVOS, A CÂMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS DE CAMPOS NOVOS – CDL E A ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL RURAL E CULTURAL CAMPONOVENSE – ACIRCAN E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Silvio Alexandre Zancanaro, Prefeito do Município de Campos Novos, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições previstas no Art. 100, inciso V da Lei Orgânica, FAZ SABER A TODOS OS HABITANTES DESTE MUNICÍPIO QUE A CÂMARA MUNICIPAL APROVOU, E ELE SANCIONA A PRESENTE LEI: Art. 1º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a firmar Termo de Colaboração com o Sindicato dos Produtores Rurais de Campos Novos, inscrito no CNPJ sob nº 82.938.812/0001-47, com a Câmara de Dirigentes Lojistas de Campos Novos – CDL, inscrita no CNPJ sob nº 83.413.526/0001-20 e com a Associação Empresarial Rural e Cultural Camponovense – ACIRCAN, inscrita no CNPJ sob nº 83.826.958/0001-63 com a finalidade de desenvolver ações, através de mútua cooperação, para a realização de Eventos de interesse do Município no Parque de Exposições Leonidas Rupp, em especial a realização da EXPOCAMPOS, na forma da minuta de Termo de Colaboração em anexo (Anexo I), que fica fazendo parte integrante da presente Lei. Art. 2º. Ficam autorizadas a CDL, ACIRCAN e o Sindicato dos Produtores Rurais de Campos Novos a captar, a título de patrocínio, recursos federais, estaduais ou da iniciativa privada, para custear a realização da EXPOCAMPOS, os quais deverão ser movimentados em conta bancária específica, conjunta ou em nome de uma das entidades. Art. 3º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a realizar as melhorias necessárias no Parque de Exposições Leonidas Rupp para que este comporte a realização do Evento EXPOCAMPOS e a ceder gratuitamente estruturas físicas necessárias para a realização deste e demais Eventos e Festividades de interesse do Município no Parque de Exposições Leonidas Rupp, bem como fazer a contratação de shows artísticos e outas atrações para o evento. Parágrafo Único. O limite de gastos e receitas para a realização do evento EXPOCAMPOS no ano de 2017 é a constate no anexo II da presente Lei. Art. 4º. O gerenciamento dos espaços e estantes no dia da festa do aniversário do município ficam sob a responsabilidade da CDL e ACIRCAN, que deverão coordenar e comercializar os espaços no pavilhão da Indústria e Comércio durante a Feira, Praça de Alimentação, Tendas, Estacionamento e demais dependências do evento, gerenciando os recursos em conta bancária específica, conjunta ou em nome de uma das entidades, Parágrafo Único - Será destinado as entidades CDL e ACIRCAN, como contrapartida pela venda dos espaços da EXPOCAMPOS no ano de 2017, o valor limite de R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais) para cada entidade, sendo garantindo também este valor como o mínimo repassado. Art. 5º. Em caso de sobra de recursos captados com patrocínios, para custeio da realização da EXPOCAMPOS, os valores deverão ser destinados ao Município. Art. 6º. As despesas decorrentes da aplicação da presente Lei serão suportadas pela seguintes rubricas orçamentárias: Órgão: 07 SECRETARIA DA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E TURISMO Unidade: 21 DEPARTAMENTO DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO Proj./Ativ.: 2.042 Promoção de Feiras, Exposições e Eventos Agropecuários 92 - 3.3.90.00.00.00.00.0000.01.0000.000000 Aplicações Diretas e; Órgão: 07 SECRETARIA DA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E TURISMO Unidade: 22 DEPARTAMENTO DO TURISMO Proj./Ativ.: 2.081 - Realização da Festa do Município. Elem. de Despesa: 93 - 3.3.90.00.00.00.00.0000.01.0000.000000 Aplicações Diretas.

ASSINADO DIGITALMENTE

Página 91

Parágrafo Único. O valor será complementado pelos recursos capitados a título de patrocínio, com a vendas dos espaços dos estandes e recursos federais, estaduais ou da iniciativa privada, para custear a realização da EXPOCAMPOS, os quais deverão ser movimentados em conta bancária específica, conjunta ou em nome de uma das entidades, além dos serviços prestados diretamente. Art. 7º. As Entidades deverão prestar contas dos recursos arrecadados com a presente lei, ao Município e Câmara de Vereadores, no prazo de 60 (sessenta) dias, contados a partir do encerramento do evento, com relatórios detalhados. Art. 8º. A vigência do Termo de Colaboração será de 1 (um) ano, a partir da data da assinatura, podendo ser prorrogada por igual período a critério da Administração, da CDL, da ACIRCAN e do Sindicato dos Produtores Rurais de Campos Novos, mediante autorização legislativa. Art. 9º. Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Campos Novos, 20 de abril de 2017. SILVIO ALEXANDRE ZANCANARO Prefeito Municipal ANEXO I MINUTA DO TERMO DE COLABORAÇÃO Pelo presente Termo de Colaboração que entre si celebram, de um lado o MUNICÍPIO DE CAMPOS NOVOS, pessoa jurídica de direito público com sede na cidade de Campos Novos, no Paço Municipal sito à Rua Expedicionário João Batista de Almeida, 323, CNPJ n.º 82.939.232/0001-74, representada por seu Prefeito Municipal, Sr. Silvio Alexandre Zancanaro, brasileiro, casado, portador do RG nº. 2.815.072, inscrito no CPF sob o nº. 871.581.759-87, residente na Rua Santa Efigênia, nº. 479, Bairro Centro, nesta cidade de Campos Novos/SC, de outro lado o SINDICATO DOS PRODUTORES RURAIS DE CAMPOS NOVOS, pessoa jurídica de direito privado, inscrito no CNPJ sob nº 82.938.812/0001-47, com sede na Rua _____________, Centro, Campos Novos – SC, representado por seu Presidente, _______________________, doravante denominado simplesmente de SINDICADO, a CÂMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS, de Campos Novos, pessoa jurídica de direito privado, inscrito no CNPJ sob nº 83.413.526/0001-20, com sede na Rua Cel. Pedro Carlos, 974, Centro, Campos Novos – SC, representado por seu Presidente, _______________________, doravante denominado simplesmente de CDL, e a ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL, RURAL E CULTURAL CAMPONOVENSE, de Campos Novos, pessoa jurídica de direito privado, inscrito no CNPJ sob nº 83.826.958/0001-63, com sede na Rua Cel. Pedro Carlos, Campos Novos – SC, representado por seu Presidente ___________________________, doravante denominada simplesmente ACIRCAN, mediante o estabelecimento das seguintes cláusulas: CLÁUSULA PRIMEIRA: OBJETO DO TERMO DE COLABORAÇÃO I – Desenvolver ações, através de mútua cooperação, para a realização de Eventos de interesse do Município no Parque de Exposições Leonidas Rupp, em especial a realização da EXPOCAMPOS, em parceria com o empresariado local através da CDL e ACIRCAM e o Sindicato dos Produtores Rurais de Campos Novos, para o desenvolvimento e execução destas atividades. CLÁUSULA SEGUNDA: DIREITOS E OBRIGAÇÕES DO MUNICÍPIO Caberá ao MUNICÍPIO: I – Ceder gratuitamente estruturas físicas necessárias para a realização de Eventos e Festividades de interesse do Município no Parque de Exposições Leonidas Rupp, em especial a realização da EXPOCAMPOS, bem como fazer a contratação de shows artísticos e outas atrações para o evento. www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

II – Divulgar toda a programação da EXPOCAMPOS e de outras eventos que realize ou tenha interesse na sua realização. III – Realizar as melhorias necessárias no Parque de Exposições Leonidas Rupp para que este comporte a realização do Evento EXPOCAMPOS e demais eventos realizados no parque de exposições que sejam de interesse do Município. IV – fiscalizar a aplicação de auxílio financeiro decorrente do Termo de Colaboração; Parágrafo único - A fiscalização da parceria será feita pela Secretaria de Industria Comercio e Turismo, através do gestor designado, com as seguintes atribuições conforme preconizado no art. 61 da Lei 13.019/2014: a) Acompanhar e fiscalizar a execução da parceria; b) Informar ao seu superior hierárquico a existência de fatos que comprometam ou possam comprometer as atividades ou metas da parceria e de indícios de irregularidades na gestão dos recursos, bem como as providências adotadas ou que serão adotadas para sanar os problemas detectados; c) Emitir parecer técnico conclusivo de análise da prestação de contas final, com base no relatório técnico de monitoramento e avaliação de que trata o art. 59 da Lei 13.019/2014; CLÁUSULA TERCEIRA: DIREITOS E OBRIGAÇÕES DO SINDICATO DOS PRODUTORES RURAIS DE CAMPOS NOVOS I – Realizar conjuntamente com o município o evento EXPOCAMPOS; I-A – A feira de agropecuária e agronegócio ocorrerá paralelamente ao evento EXPOCAMPOS, cabendo exclusivamente aos seus organizadores a realização do evento; II – Ceder, sem custos, ao município a estrutura do Parque de Exposições Leonidas Rupp para a realização da EXPOCAMPOS; III – Captar e receber recursos provenientes dos Governos Federal e Estadual ou de empresas privadas a título de patrocínio para custear a EXPOCAMPOS, gerenciando os recursos em conta bancária específica do evento; IV – Em caso de recebimento de recursos específicos, prestar contas da destinação dos recursos captados, no prazo máximo de 60 (sessenta) dias após o encerramento do evento; § 1.º A programação oficial inerente ao evento deverá salientar a iniciativa de realização do Município de Campos Novos, com parceria da CDL, ACIRCAN, Sindicato dos Produtores Rurais de Campos Novos, entidades parceiras e dos patrocinadores; § 2.º. A prestação de contas será encaminhada pelas entidades, em via original ao Município de Campos Novos, e cópia para Câmara Municipal de Vereadores, e será constituída pelas seguintes peças: a) Cópia do Termo de Colaboração; b) Relação de pagamentos, onde conste, em ordem cronológica: I) fornecedor; II) nº. do documento fiscal; III) data da expedição do documento; IV) valor da aquisição; V) nº do cheque; VI) data da expedição do cheque; VII) nº. da conta bancária; VIII) valor do cheque; IX) assinatura do responsável; c) Demonstrativo da Execução da Receita e da Despesa, evidenciando os recursos recebidos em transferência, o valor da despesa, e, quando for o caso o saldo, devidamente assinado pelo representante legal das entidades; d) Extrato da conta bancária do período do recebimento do recurso até o último pagamento; e) Comprovante de recolhimento do saldo de recursos captados como patrocínio à conta indicada pelo MUNICÍPIO. f) Cópia das notas fiscais e/ou recibos contratados com recursos do Termo de Colaboração; § 3.º. A falta de prestação de contas por parte das entidades, facultará ao MUNICÍPIO exigir o ressarcimento da totalidade dos recursos transferidos, acrescidos de juros e correção monetária, na forma da lei. CLÁUSULA QUARTA: DIREITOS E OBRIGAÇÕES DO CDL E ACIRCAN ASSINADO DIGITALMENTE

Página 92

I – Realizar conjuntamente com o município o evento EXPOCAMPOS; II – Coordenar e comercializar os espaços no pavilhão da Indústria e Comércio durante a Feira, Praça de Alimentação, Tendas, Estacionamento e demais dependências do evento, gerenciando os recursos em conta bancária específica, conjunta ou em nome de uma das entidades, ficando com porcentagem do lucro apurado com a referida comercialização, a título de contrapartida pelos serviços prestados para realização do objeto deste convênio e fomento ao desenvolvimento econômico do município; II-A – Para a realização do evento EXPOCAMPOS no ano de 2017, a contrapartida destinada a CDL e ACIRCAN pela comercialização dos espaços fica limitada ao valor máximo de R$ 25.000,00 (vinte cinco mil reais) para cada entidade; III – Captar e receber recursos provenientes dos Governos Federal e Estadual ou de empresas privadas a título de patrocínio para custear o evento EXPOCAMPOS, gerenciando os recursos em conta bancária específica conjunta ou em nome de uma das entidades; IV – Contratar ou adquirir em seu nome, estruturas físicas necessárias para concretização dos eventos, visando o bom atendimento ao público e segurança de todas as estruturas necessárias; V – Realizar o pagamento das despesas oriundas das contratações e aquisições que realizar inerentes ao evento EXPOCAMPOS, previstas no presente Termo de Colaboração; VI – Em caso de sobra de recursos captados com patrocínio, destiná-los aos cofres públicos em conta indicada pelo MUNICÍPIO; VII – Prestar contas da destinação dos recursos captados, no prazo máximo de 60 (sessenta) dias após o encerramento do evento; § 1.º A programação oficial inerente ao evento deverá salientar a iniciativa de realização do Município de Campos Novos, com parceria da CDL e ACIRCAN, apoio da Câmara de Vereadores, entidades parceiras e dos patrocinadores; § 2.º. A prestação de contas será encaminhada pelas, em via original ao Município de Campos Novos, e cópia para Câmara Municipal de Vereadores, e será constituída pelas seguintes peças: a) Cópia do Termo de Colaboração; b) Relação de pagamentos, onde conste, em ordem cronológica: I) fornecedor; II) nº. do documento fiscal; III) data da expedição do documento; IV) valor da aquisição; V) nº do cheque; VI) data da expedição do cheque; VII) nº. da conta bancária; VIII) valor do cheque; IX) assinatura do responsável; c) Demonstrativo da Execução da Receita e da Despesa, evidenciando os recursos recebidos em transferência, o valor da despesa, e, quando for o caso o saldo, devidamente assinado pelo representante legal das entidades; d) Extrato da conta bancária do período do recebimento do recurso até o último pagamento; e) Comprovante de recolhimento do saldo de recursos captados como patrocínio à conta indicada pelo MUNICÍPIO. f) Cópia das notas fiscais e/ou recibos contratados com recursos do Termo de Colaboração; § 3.º. A falta de prestação de contas por parte da CDL e ACIRCAN, facultará ao MUNICÍPIO exigir o ressarcimento da totalidade dos recursos transferidos, acrescidos de juros e correção monetária, na forma da lei. CLÁUSULA QUINTA: DA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA As despesas decorrentes da assinatura do presente Termo de Colaboração serão suportadas pela seguintes rubricas orçamentárias: Órgão: 07 SECRETARIA DA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E TURISMO Unidade: 21 DEPARTAMENTO DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO Proj./Ativ.: 2.042 Promoção de Feiras, Exposições e Eventos Agropecuários 92 - 3.3.90.00.00.00.00.00 00.01.0000.000000 Aplicações Diretas e; Órgão: 07 SECRETARIA DA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E TURISMO www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Unidade: 22 DEPARTAMENTO DO TURISMO Proj./Ativ.: 2.081 - Realização da Festa do Município. Elem. de Despesa: 93 - 3.3.90.00.00.00.00.00 00.01.0000.000000 – Aplicações Diretas. Parágrafo Único. O valor será complementado pelos recursos capitados a título de patrocínio, com a vendas dos espaços dos estandes e recursos federais, estaduais ou da iniciativa privada, para custear a realização da EXPOCAMPOS, os quais deverão ser movimentados em conta bancária específica, conjunta ou em nome de uma das entidades, além dos serviços prestados diretamente. CLÁUSULA SEXTA: DA VIGÊNCIA DO TERMO DE COLABORAÇÃO I – O presente Termo de Colaboração é firmado pelo prazo de 1 (um) ano, a partir da data da assinatura, podendo ser prorrogada por igual período a critério da Administração, da CDL, da ACIRCAN e do Sindicato dos Produtores Rurais de Campos Novos, mediante autorização legislativa. CLÁUSULA SÉTIMA: RESCISÃO DO TERMO DE COLABORAÇÃO O descumprimento, por qualquer das partes, das obrigações assumidas neste Termo de Colaboração, implicará na rescisão do mesmo, independente de outras cominações legais. Parágrafo único – Em caso de rescisão do presente instrumento, o beneficiário obriga-se a restituir ao MUNICÍPIO, no prazo máximo de 30 (trinta) dias, a contar da data da rescisão, o saldo financeiro apurado dos recursos transferidos para consecução do pactuado, incluídos os rendimentos da aplicação no mercado financeiro, acrescidos de juros e correção monetária, na forma da lei, bem como, comprovar a sua regular aplicação. CLÁUSULA OITAVA: DO FORO As partes elegem o Foro da Comarca de Campos Novos, SC, para dirimir quaisquer litígios ou controvérsias que possam surgir da interpretação ou da execução das cláusulas deste Termo de Colaboração.

Página 93

E, por estarem assim ajustadas, as partes assinam o presente Termo de Colaboração, em 03 (três) vias, de igual teor e forma, na presença de duas testemunhas. Campos Novos, xx de xxxxxxxx de 2017 SILVIO ALEXANDRE ZANCANARO Prefeito de Campos Novos ACIRCAN CDL SINDICATO TESTEMUNHAS: Nome: ___________________________ CPF: Nome: ____________________________ CPF: ANEXO II Limite de Gastos da EXPOCAMPOS 2017: Custos da EXPOCAMPOS Atrações artísticas R$ 150.000,00 Estrutura (Palcos, Som, Tendas, Segurança, etc. R$ 180.000,00 Convênio com CDL/ACIRCAM R$ 50.000,00 Total R$ 380.000,00 * 150 horas de máquinas diversas * Cascalho, pedra brita, pedrisco, tubos (estrutura necessária para realização do evento)

Receitas Vendas de estandes Patrocínios Total

R$ 289.000,00 R$ 100.000,00 R$ 389.000,00

SAMAE - Campos Novos EXT PP102017

SAMAE-SERVIÇO AUTÔNOMO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTO CAMPOS NOVOS – SANTA CATARINA 49 35410844 AVISO LICITAÇÃO O SERVIÇO AUTÔNOMO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTO – SAMAE de Campos Novos –SC leva ao conhecimento dos interessados que em conformidade com o que preceitua a Lei 8.666/93 alterada pela Lei 8.883/94 e Lei 9.648/98, fará realizar o procedimento licitatório abaixo: 1-LICITAÇAO Nº 11/2017 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 10/2017 do tipo MENOR PREÇO POR ITEM. 2-OBJETO: O presente pregão tem como objeto à aquisição de materiais, produtos e reagentes a serem utilizados no laboratório da ETA do SAMAE e bombas para reserva nos distritos, Conforme descrito e especificado no anexo. 3-DATA/HORÁRIO DE ABERTURA: As 09h00min do dia 09/05/2017, para recebimento e abertura de invólucros. O Edital encontra-se a disposição dos interessados nos sites www.samaecn.com.br e camposnovos.sc.gov.br , tambem no Departamento de Material e transporte do SAMAE, sito a rua: Caetano Carlos, 466 – Centro em Campos Novos –SC, nos seguintes horários: das 08h00min às 11h30min e 13h30min às 17h00min. ALEXANDRE KUNEN DIRETOR DO SAMAE

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 94

Canelinha Prefeitura DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 010/FHMC

ESTADO DE SANTA CATARINA FUNDO HOSPITALAR MUNICIPAL DE CANELINHA SC. DISPENSA DE LICITAÇÃO 010/FHMC/2017 OBJETO: aquisição de ar comprimido e gás oxigênio hospitalar para que possamos dar assistência aos pacientes internados e os que procuram a emergência assim mantendo as atividades da entidade. CONTRATADA: WHITE MARTINS GASES INDUSTRIAIS LTDA. VALOR DO CONTRATO: R$ 7.992,00 (Sete mil novecentos e noventa e dois reais), FUNDAMENTO LEGAL: Dispenso a licitação, com fundamento no inciso I do artigo 25, da Lei nº. 8.666/93. Canelinha, 20 de abril de 2017. MOACIR MONTIBELER - Prefeito do Município

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 95

Canoinhas Prefeitura DECRETO Nº 072/2017

DECRETO Nº. 072/2017 “RETIFICA DECRETO Nº. 027/2017 QUE APROVOU REMEMBRAMENTO”. GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município, reSOLVE: RETIFICAR Art. 1º - Fica retificado o art. 1º do Decreto nº. 027/2017, que passa a ter a seguinte redação: “Art. 1º- Fica aprovado o remembramento de terreno urbano com área de 1.582,87 m² (Um mil e quinhentos e dois metros e oitenta e sete decímetros quadrados), procedido por PLANEJA EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA, situado na Rua Manoel Ferreira de Lima, esquina com Rua Henrique Sorg, no Bairro Industrial nº 01, nesta cidade de Canoinhas, registrado no Cartório de Registro de Imóveis desta Comarca sob as matrículas nº. 39.538, 39.539 e 20.750, ficando o imóvel da seguinte forma: lote nº. 14 com área de 1.582,87m², pertencente à quadra nº 246, conforme requerimento protocolado sob nº.6931/2016.” Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º - As demais disposições do decreto municipal nº 027/2017 permanecem inalteradas. Canoinhas/SC, 11 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 11/04/2017. VIVIANNE PAILO COLLARES Secretária Municipal de Planejamento RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

DECRETO Nº 076/2017

DECRETO Nº. 076/2017 APROVA DESMEMBRAMENTO DE ÁREA DE TERRAS GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município e com a Lei Complementar Municipal 047 de 20/12/2013 e Lei Municipal 4.305 de 12/03/2008, reSOLVE: DECRETAR Art. 1º - Fica aprovado o desmembramento de terreno urbano com área de 525,00 m² (quinhentos e vinte e cinco metros quadrados), procedido por NERI DE DEUS BUENO, situado na Rua Miguel Schiessl Sobrinho, Bairro Campo D’Água Verde, nesta cidade de Canoinhas, registrado no Cartório de Registro de Imóveis desta Comarca sob à matrícula nº. 39.860, ficando o imóvel assim distribuído: lote nº 17, com área de 200,00 m², lote nº 18, com área de 325,00 m², todos pertencentes à quadra nº 1417, conforme requerimento protocolado sob nº. 1506/2017. Art. 2º - A Prefeitura do Município de Canoinhas, através da Secretaria Municipal de Planejamento, não se responsabilizará por quaisquer diferenças que venham a existir entre a planta aprovada e o local, ficando sob exclusiva responsabilidade do proprietário e do responsável técnico a aferição dos dados. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 4º - Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 12 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito VIVIANNE PAILO COLLARES Secretária Municipal de Planejamento Este Decreto foi registrado e publicado na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 12/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 96

DECRETO Nº 077/2017 DECRETO Nº 077/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município. CONSIDERANDO a necessidade da realização do cancelamento dos Restos a Pagar, reSOLVE: DECRETAR Art. 1º. Ficam, por força deste decreto, cancelados os créditos empenhados no exercício de 2016, inscritos em Restos a Pagar – Não Processados, nos balanços gerais do MUNICÍPIO DE CANOINHAS, conforme relação presente no Anexo Único do presente Decreto. Parágrafo Único. O cancelamento de créditos empenhados inscritos em restos a pagar de que trata este artigo, faz-se necessário tendo em vista que a despesa decorrente do respectivo empenho não se efetivou e/ou não se efetivará em sua integralidade. Art. 2º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, sendo revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 18 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Este Decreto foi registrado e publicado na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento, em 18/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino ANEXO ÚNICO DECRETO Nº 77/2017 CANCELAMENTO DE RESTOS A PAGAR NÃO PROCESSADOS: ENTIDADE 01 – PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOINHAS RECURSO 10000 – RECURSOS ORDINÁRIOS Empenho

Emissão

Credor

Valor Cancelado

0004138/16

19/07/2016

LOJAS COLOMBO S/A

99,90

CANCELAMENTO DE RESTOS A PAGAR NÃO PROCESSADOS: ENTIDADE 01 – PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOINHAS RECURSO 33600 – RECURSOS SALÁRIO EDUCAÇÃO SUPERÁVIT Empenho

Emissão

Credor

Valor Cancelado

0002736/16

23/05/2016

MERCADO ODACHOWOSKI LTDA ME

220,00

0004087/16

29/07/2016

INVIOLAVEL MONITORAMENTO CANOINHAS LTDA

90,00

0004090/16

29/07/2016

INVIOLAVEL MONITORAMENTO CANOINHAS LTDA

104,00

Canoinhas/SC, 18 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito

DECRETO Nº 079/2017 DECRETO Nº. 079/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município, reSOLVE: DECRETAR Art. 1º - Ficam estabelecidas as metas bimestrais de arrecadação (art. 13º da Lei Complementar 101/2000 – LRF); a programação financeira e o cronograma de desembolso (art. 8º da Lei Complementar 101/2000 – LRF), para o exercício de 2017, conforme dispõe os seguintes anexos, partes integrantes deste Decreto: I – METAS BIMESTRAIS DE ARRECADAÇÃO; II – PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA E CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO MENSAL DE DESEMBOLSO. Art. 2º - Ao final de cada bimestre do exercício, a Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento, fará a avaliação dos resultados, visando alcançar o equilíbrio financeiro, o alcance das metas, admitindo se necessário a limitação de empenhos e movimentação financeira, conforme dispõe o art. 9º da Lei Complementar 101/2000 - LRF. Art. 3º – Nenhuma nova despesa será assumida ou iniciada sem que antes tenham sido assegurados os recursos orçamentários e financeiros suficientes, para garantir sua execução.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 97

Art. 4º - As Metas Mensais de Despesas serão realizadas em conformidade com os Projetos, Atividades e Encargos Especiais de cada Unidade Orçamentária integrantes do Orçamento Municipal, inclusive Fundos, Fundações, aprovados pela Lei Municipal nº 5.965/2016. Art. 5º - Na intenção de alcançar as metas bimestrais de arrecadação, o Poder Executivo Municipal adotará medidas de redução à evasão e a sonegação fiscal, intensificando a fiscalização em campo do corpo de fiscais de tributos e o fortalecimento do setor de cobrança do Executivo Fiscal, além de outras medidas. Art. 6º - O Poder Executivo Municipal, não medirá esforços no intuito de reduzir o valor inscrito em dívida ativa, com a convocação dos devedores a comparecerem ao Executivo Municipal para a regularização. Art. 7º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 8º - Revogam-se as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 18 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Este Decreto foi registrado e publicado na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento, em 18/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

DECRETO Nº 082/2017

DECRETO Nº 082/2017 HOMOLOGA AS INSCRIÇÕES DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PREVISTO NO EDITAL Nº 001/SMS/2017” GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município, reSOLVE: HOMOLOGAR Art. 1º - Ficam homologadas as inscrições do processo seletivo simplificado para Contratação Temporária de Médicos, para atuar junto à Secretaria Municipal de Saúde, no Edital nº 001/SMS/2017, conforme relação dos candidatos em “anexo”. Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º - Revogam-se as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 20 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito ALEXANDRA LAVINA IGLIKOWSKI Secretária Municipal de Saúde Este Decreto foi registrado e publicado na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento, em 20/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino MÉDICO CLÍNICO GERAL – REGIÃO INTERIORANA – 01 VAGA – 20 HORAS Nº Geral

Nº Inscrição

Candidato

Deferimento

1.

08

Gilson Jorge de Camargo Weigert – CPF 530.428.679-00

Deferida

2.

02

Marcelo Caetano Garcia Lufiego – CPF: 036.010.529-70

Deferida

MÉDICO CLÍNICO GERAL – ESF – 02 VAGAS – 40 HORAS Nº Geral

Nº Inscrição

Candidato

Deferimento

1.

05

Carlos José Vasconcelos V. de Mendonça – CPF: 920.997.184-15

Deferida

2.

04

Rodrigo Faustino – CPF: 005.132.772-42

Deferida

3.

07

Tiaraju Matsuoka Azevedo dos Santos – CPF: 053.341.269-29

Deferida

MÉDICO CLÍNICO GERAL – 02 VAGAS – 10 HORAS Nº Geral

Nº Inscrição

Candidato

Deferimento

1.

01

Giselle Kluppel Lima - CPF: 614.880.979-68

Deferida

2.

03

Onivaldo da Costa Menezes – CPF: 670.011.222-20

Deferida

3.

06

Thalita Cristina Pokryviecki – CPF: 055.329.679-54

Deferida

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 98

EDITAL Nº. 05/2017

definitiva eliminação do processo, com a consequente perda da vaga em questão, independentemente dos argumentos que apresentar, perdendo, por conseguinte, todos os direitos oriundos de sua aprovação no referido Concurso Público.

O Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento, no uso de suas atribuições legais e por determinação do Chefe do Poder Executivo, considerando a realização do Concurso Público previsto no Edital nº 01/2013/PMC; Considerando a necessidade de convocação de candidata aprovada para preencher o cargo de ENFERMEIRO; Considerando a disponibilidade de vagas no quadro de pessoal do Poder Executivo Municipal e o disposto no artigo 37, II da Constituição Federal de 1988;

3. Fica, a candidata, convocada para a avaliação médica pré-admissional a ser realizada por profissional médico designado pelo Poder Executivo Municipal em local, dia e horário a serem designados pelo Departamento Pessoal. 3.1 O exame médico é eliminatório, sendo excluído do Concurso o(a) candidato(a) que não apresentar aptidão física e/ou mental para o exercício do cargo público. 3.2 Para encaminhamento ao médico oficial, deverá o candidato(a) concursado(a) apresentar-se no Departamento Pessoal da Prefeitura, munido dos seguintes exames: hemograma, glicemia, creatinina, sorologia para Lues (VDRL quantitativo), e parcial de urina, sendo que tais exames poderão ser realizados em qualquer laboratório, ficando a cargo da examinada as custas para realização dos mesmos. 3.2.1. Durante a avaliação de capacidade física e mental, poderão ser solicitados outros exames complementares, a critério do profissional médico designado pelo Poder Executivo para realização do exame pré-admissional.

EDITAL Nº. 05/2017 CONVOCA CANDIDATA APROVADA NO CONCURSO PÚBLICO PREVISTO NO EDITAL Nº 01/2013/PMC.

RESOLVE: 1. Convocar, para aceite da vaga e nomeação para posse de cargo público de ENFERMEIRO, a candidata JESSICA SEREDNISKI MELNEK, aprovada no Concurso Público previsto no Edital nº 01/2013/ PMC, a comparecer no Departamento de Pessoal da Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento, situado na Rua Felipe Schmidt, nº 10, Centro, Canoinhas/SC, no prazo de 30 (trinta) dias, no horário das 8:00 horas às 12:00 horas e das 13:30 horas às 17:30 horas, para apresentação dos documentos indicados a seguir (cópia autenticada ou somente cópia, conforme especificado), destinados à deflagração do processo pré-admissional e posterior, caso preenchidos todos quesitos, encaminhamento para a avaliação médica pré-admissional: a) Cédula de Identidade (RG) (CÓPIA AUTENTICADA); b) CPF (Cadastro de Pessoas Físicas) (CÓPIA AUTENTICADA); c) Comprovante de regularidade de inscrição no CPF (Receita Federal ou pelo site www.receita.fazenda.gov.br; d) Título de Eleitor e comprovante de estar quite com as obrigações eleitorais; (CÓPIA AUTENTICADA); e) Certificado de Reservista, Dispensa de Incorporação ou comprovante de alistamento militar, se do sexo masculino (CÓPIA AUTENTICADA); f) Certidão de Nascimento ou Casamento, se for o caso (ORIGINAL E CÓPIA); g) Certidão de Nascimento de filhos menores de 21 anos, se for o caso (ORIGINAL E CÓPIA); h) Comprovante de escolaridade e ou habilitação exigida para o cargo; i) Comprovante de inscrição no respectivo Conselho Profissional, se for o caso; j) Certidão negativa criminal fornecida pelo Poder Judiciário de Santa Catarina; k) Declaração de bens que constituem seu patrimônio; l) Declaração de que não acumula cargo, emprego ou função pública, ou na hipótese de acúmulo legal, contemplado no artigo 37, inciso XVI da Constituição Federal, declaração de acúmulo legal de cargos, à qual anexará informação dos horários e distribuição de suas atividades emitida pelo respectivo órgão; m) Certidão Negativa do PIS/PASEP (Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil); n) 1 Fotografia 3X4 recente; o) Comprovante de residência atual (CÓPIA); p) Comprovante de abertura de conta corrente junto ao Banco Bradesco, contendo a agência e o número da conta, para crédito de salário; q) Extrato previdenciário de contribuição (CNIS – Cadastro Nacional de Informações Sociais, sem remuneração) solicitar junto ao INSS.

4. A candidata, convocada por este Edital, caso não apresente ao Departamento Pessoal a documentação exigida neste Edital, no prazo estabelecido no item 1, perderá automaticamente a vaga, convocando-se o candidato com classificação imediatamente posterior. 5. Os casos omissos serão resolvidos conjuntamente pelo Departamento de Pessoal da Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento e, Departamento Jurídico. Canoinhas/SC, 10 de abril de 2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento

2. O não comparecimento da candidata ora convocada no período, horário e local indicados no presente instrumento convocatório, ou, ainda, a não apresentação de todos os originais e cópias autenticadas dos documentos supracitados, acarretará sua automática e ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 99

LEI Nº 6.014/2017

LEI Nº. 6.014/2017 ALTERA O ANEXO III DA LEI n° 4.305, de 12/03/2008 O Povo do Município de Canoinhas, por seus representantes na Câmara de Vereadores aprovou, e eu, Gilberto dos Passos, Prefeito Municipal, em seu nome, sanciono a seguinte: LEI Art.1º O ANEXO III da Lei nº 4.305 de 12/03/2008, passa a vigorar com a seguinte redação: ANEXO III – PARÂMETROS DE OCUPAÇÃO DO SOLO

ZONA

COEFICIENTE DE LOTE TESTADA APROVEITAMENTO MÍNIMO MÍNIMA Míni- Bá(m²)(5) (m) (5) Extra mo sico

Zona Residen- 200 (4) cial 1 (ZR1) (5) (9) (8)

Zona Residen- 200 (4) cial 2 (ZR2) (5) (9) (8)

Zona de Uso Misto 1(ZUM1)

Zona de Uso Misto 2 (ZUM 2)

Zona de Uso Misto 3 (ZUM 3)

Zona de Serviços e Indústrias (ZSI)

10

10

-

0,2

0,4 200 (9)

200 (9)

200(9)

1500

10

10

10

30

-

-

-

4

-

10 2

20

20

1

1

2

-

-

-

TAXA OCUP. MÁX. (%)

ALTURA MÁXIMA (PAV.)

85

4

90 – térreo comercial, primeiro e segundo. 80 - demais pavimentos

RECUO MÍN. ALINHAMENTO PREDIAL (m) (2) (3) (5)

AFASTAMENTO DAS DIVISAS COM ABERTURA (m) (6) (7)

5

1,5

5

− 1,5 para térreo − H/8 a partir do 2º pavto. Com no min. De 1,50m.

12 16 (1)

80 - residencial 100 – térreo comercial, primeiro e 20 segundo 90 – térreo 24 (1) comercial e primeiro pavimento

− Facultado para térreo, primeiro e segundo pavto. comercial − (10) − 2m para os demais pavtos.

10

− Facultado para térreo comercial e primeiro pavto. − 1,50m

5

15 - residencial unifamiliar 0

80 - residencial 100 – térreo comercial, primeiro e 20 segundo 90 – demais pavimentos

- 5m para residencial - Facultado para térreo, primeiro e segundo pavto. comercial - 2m para os demais pavtos - (10)

70

2

5

4

− 10 nas vias locais − SC/ BR: atender normas do DEIN3 FRA/DNIT

60

TAXA PERMEAB. MÍN. (%)

− 1,5 para térreo − 1,5m

20 – residencial unifamiliar 0

1,5

25

25

Zona de Conservação Ambiental (ZCA)

Proibido parcelamento do solo – Coeficiente de aproveitamento básico 0,05

(1)

Só é permitida a construção de 4 pavimentos a mais do permitido, mediante compra ou troca de potencial construtivo, regulamentado em legislação específica.

(2)

Lotes com comprimento menor que 15,00 m. poderão receber edificações residenciais com recuo de 3 m da via principal.

(3)

Lotes de esquina terão 5m na via principal e 3m na via secundária.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

ZONA

(4)

(5)

COEFICIENTE DE LOTE TESTADA APROVEITAMENTO MÍNIMO MÍNIMA Míni- Bá(m²)(5) (m) (5) Extra mo sico

DOM/SC - Edição N° 2238

TAXA OCUP. MÁX. (%)

ALTURA MÁXIMA (PAV.)

RECUO MÍN. ALINHAMENTO PREDIAL (m) (2) (3) (5)

Página 100

AFASTAMENTO DAS DIVISAS COM ABERTURA (m) (6) (7)

TAXA PERMEAB. MÍN. (%)

Somente serão permitidas habitações unifamiliares em condomínios horizontais em glebas de no máximo 20.000 m², sendo que cada unidade deverá ter uma fração privativa, descontadas as áreas comuns, equivalente ao lote mínimo da Zona. Para glebas superiores a 20.000m² a aprovação será condicionada à consulta ao Conselho Externo de Monitoramento do Plano Diretor e ao Estudo de Impacto de Vizinhança. Para loteamentos populares, mediante a doação de 10% dos lotes para atendimento à fila da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Ação Social e da Família, poderão ser utilizados os seguintes parâmetros: lote mínimo será de 150m², testada mínima de 10m, recuo frontal de 2m e afastamentos laterais de 1,5m.

Art. 2º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, alterando o Art. 2° da Lei nº 4.342/2008. Canoinhas/SC, 17 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 17/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

NOTIFICAÇÃO EXTRAJUDICIAL Nº 012/2017 NOTIFICAÇÃO EXTRAJUDICIAL n. 12/2017

Notificante: MUNICÍPIO DE CANOINHAS, Estado de Santa Catarina, através da sua representante, legal, ALEXANDRA LAVINA, Secretária Municipal de Saúde, Rua Felipe Schmidt, n. 10, Canoinhas/SC. Notificado: Efetive Produtos Médico Hospitalares LTDA ME, pessoa jurídica de direito privado inscrita no CNPJ sob n. 11.206.680/0001-10, com sede estabelecida a Rua das Carmelitas, n. 634, Hauer, Curitiba/PR, na pessoa de seu representante legal. O MUNICÍPIO DE CANOINHAS vem, através desta, NOTIFICAR a Empresa acima mencionada, ora denominada NOTIFICADO, quanto aos fatos a seguir expostos: Sabe-se que a empresa ora notificada foi vencedora no Pregão FMS 20/2016, devendo realizar a entrega de todos os materiais médicos solicitados, conforme AF nº 177/2017, porém, até a presente data a mesma não cumpriu totalmente com a entrega, haja vista que deixou de entregar alguns itens, quais sejam: 125 unidades de Oléo de Girassol 900 ou 1.000ML, 2 Espátulas de Ayres c/100, 4 Frascos Solução de Azul de Mitileno a 1% c/ 1l e 2.500 unidades de Scalp nº 23. Ainda, diante da não entrega desses materiais pela empresa ora notificada, a Secretaria de Saúde enviou e-mail nos dias 10 e 13 de março deste ano para a mesma, solicitando a entrega dos materiais faltantes, porém até o presente momento os mesmos não foram entregues, em descumprimento ao item 8.2.3 do edital FMS 20/2016, o qual prevê que “O PRAZO DE ENTREGA DOS MATERIAIS É DE ATÉ 15 (QUINZE) DIAS CONSECUTIVOS A CONTAR DA DATA DE EMISSÃO DA AUTORIZAÇÃO DE FORNECIMENTO”, que foi emitida no dia 07 de março de 2017. Diante disso, serve a presente Notificação para CIENTIFICAR Vossa Senhoria, dos fatos acima descritos e, para que no prazo de 05 (cinco) dias úteis, a contar do recebimento desta Notificação realize a entrega dos materiais médicos faltantes, sob pena das sanções previstas no item 17.3 do edital do Pregão Eletrônico FMS 20/2016. Sendo o que tínhamos para o momento, sem mais. Canoinhas/SC, 20 de abril de 2017. ALEXANDRA LAVINA Secretária Municipal de Saúde

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 101

PORTARIA Nº 355/2017

PORTARIA Nº 357/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município e art. 100 da Lei nº. 2.305 de 03/07/1990, reSOLVE: CONCEDER LICENÇA POR MOTIVO DE DOENÇA EM PESSOA DA FAMÍLIA

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município e o artigo 103 da Lei n.º2.305/1990, reSOLVE: CONCEDER LICENÇA PARA TRATAR DE INTERESSES PARTICULARES

Art. 1º - Ficam concedidos 30 (trinta) dias de Licença por motivo de doença em pessoa da família a servidora JANETE TEREZINHA MACHADO, efetiva no cargo de Monitor de Educação Infantil, no período de 10/04/2017 a 09/05/2017, conforme Comunicação Interna nº 166/DP/2017.

Art. 1º - Fica concedido Licença Sem Vencimento para Tratar de Interesses Particulares ao servidor RUBENS RIBEIRO, efetivo no cargo de Servente, junto à Secretaria Municipal de Saúde, pelo prazo de até 02 (dois) anos consecutivos, a partir de 17/04/2017, conforme Comunicação Interna nº 171/DP/2017.

Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 3º - Revogadas as disposições em contrário.

Art. 3º - Revogadas as disposições em contrário.

Canoinhas/SC, 12 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito

Canoinhas/SC, 17 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito

Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 12/04/2017.

Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 17/04/2017.

RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

PORTARIA Nº 356/2017

PORTARIA Nº 358/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município, a Lei Municipal 5.528 de 25/03/2015, e Lei nº 4.851 de 14/11/2011 e Edital de Processo Seletivo nº 1/SME/2017, reSOLVE: CONTRATAR PROFISSIONAIS PARA ATUAREM NA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NO ANO LETIVO DE 2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município e da Lei Municipal nº 5.528 de 25/03/2015, reSOLVE: PRORROGAR

PORTARIA Nº 355/2017

PORTARIA Nº. 356/2017

Art. 1º - Fica contratada ELISÂNGELA ANTUNES E SILVA FERREIRA, para exercer o cargo de Monitor de Educação Especial, Ensino Médio, 40 horas semanais, para atuar no EBM Dr. Aroldo Carneiro de Carvalho, no período de 17/04/2017 a 08/06/2017, na vaga vinculada da monitora de educação especial Greice Damann de Souza, a qual está em licença tratamento de saúde, conforme comunicação interna nº 103/SME/2017. Art. 2º - Fica contratada LAURICI TREMEL SCHOLTZ, para exercer o cargo de Professor de Projetos Pedagógicos, MAG II, 40 horas semanais e sem regência para atuar na EBM Maria Lovatel Pires e GEM Frei Fabiano Gadzinski, no período de 17/04/2017 a 30/11/2017, conforme comunicação interna nº 109/SME/2017. Art. 3º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 4º- Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 17 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 17/04/2017.

PORTARIA Nº. 357/2017

PORTARIA Nº. 358/2017

Art. 1º - Fica prorrogada a contratação de ANDRÉ LUDKA, na função de Professor de Anos Finais, disciplina de Educação Física, MAG II, 20 horas semanais e 15% de regência para atuar no GEM Ney Pacheco de Miranda Lima, no período de 17/04/2017 a 21/12/2017, na vaga vinculada da professora Michely Dayane Todt, a qual está em licença de tratamento de saúde, conforme Comunicação Interna nº 110/SME/2017. Art. 2º- Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º - Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 17 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 17/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 102

PORTARIA Nº 359/2017

PORTARIA Nº 361/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito Municipal de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município, art. 87 da Lei 2.305 de 03/07/1990, reSOLVE: PRORROGAR AUXÍLIO DOENÇA

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município, artigo 87 da Lei 2.305 de 03/07/1990, reSOLVE: CONCEDER LICENÇA PARA TRATAMENTO DE SAÚDE

Art. 1º - Fica prorrogado o Auxílio Doença da servidora pública municipal MICHELY DAYANI TODT, efetiva no cargo de Professor-2, junto à Secretaria Municipal de Educação, no período de 17/04/2017 à 28/04/2017, conforme Comunicação Interna nº 169/ DP/2017.

Art. 1º - Fica concedida Licença para Tratamento de Saúde à servidora LUCIANE WAGNER DE MIRANDA, efetiva no cargo de Pedagogo, junto à Secretaria Municipal de Educação, no período de 10/04/2017 à 08/06/2017, conforme Comunicação Interna nº 173/ DP/2017.

Art. 2º - Fica prorrogado o Auxílio Doença do servidor público municipal SAULO JOSÉ RUTHES, efetivo no cargo de Médico Generalista - ESF, junto à Secretaria Municipal de Saúde, no período de 18/04/2017 à 18/05/2017, conforme Comunicação Interna nº 167/ DP/2017.

Art. 2º - Fica concedida Licença para Tratamento de Saúde à servidora KARINA APARECIDA DE SOUZA, efetiva no cargo de Servente Feminino, junto à Secretaria Municipal de Educação, no período de 11/04/2017 à 01/05/2017, conforme Comunicação Interna nº 173/ DP/2017.

Art. 3º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 3º - Fica concedida Licença para Tratamento de Saúde à servidora TACILDA SENN, efetiva no cargo de Orientador Educacional, junto à Secretaria Municipal de Educação, no período de 27/03/2017 à 11/06/2017, conforme Comunicação Interna nº 168/ DP/2017.

PORTARIA Nº. 359/2017

Art. 4º - Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 17 de abril de 2017 GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 17/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

PORTARIA Nº 360/2017 PORTARIA Nº. 360/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município, artigo 87 da Lei 2.305 de 03/07/1990, reSOLVE: CONCEDER LICENÇA PARA TRATAMENTO DE SAÚDE Art. 1º - Fica concedida Licença para Tratamento de Saúde à servidora ELY CLELIA FERREIRA ALVES ZIMMERMANN, exerce o cargo de provimento em comissão de Diretor de Turismo, junto à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Turismo, a partir de 09/04/2017, sendo que a partir do 16º dia do afastamento de suas atribuições competirá ao Instituto Nacional do Seguro Social – INSS, conforme Comunicação Interna nº 172/DP/2017. Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º - Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 17 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 17/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA Nº. 361/2017

Art. 4º - Fica concedida Licença para Tratamento de Saúde à servidora VIVIAN KRUEGER, efetiva no cargo de Professor - 3, junto à Secretaria Municipal de Educação, no período de 17/04/2017 à 16/05/2017, conforme Comunicação Interna nº 170/DP/2017. Art. 5º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 6º - Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 17 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 17/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

PORTARIA Nº 362/2017 PORTARIA Nº. 362/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município; reSOLVE: RETIFICAR PORTARIA Art. 1º - Fica retificado o preâmbulo da Portaria nº. 209/2017, passando a vigorar da seguinte forma: “GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI e XII da Lei Orgânica do Município de Canoinhas e conforme Lei Municipal nº 4.279 de 19/12/2007, resolve:” Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º - Revogadas as disposições em contrário.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Canoinhas/SC, 18 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 18/04/2017 RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

PORTARIA Nº 363/2017

Página 103

Art. 3º - Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 18 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 18/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

PORTARIA Nº. 363/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município; reSOLVE: RETIFICAR PORTARIA Art. 1º - Fica retificado o preâmbulo e o artigo 1º, da Portaria nº. 282/2017, passando a vigorar da seguinte forma: “GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI e XII da Lei Orgânica do Município de Canoinhas e conforme Lei Municipal nº 2.305 de 03/07/1990, resolve:” “Art. 1º – Fica nomeado para exercer o cargo de Servente Masculino, junto à Secretaria Municipal de Obras e Desenvolvimento Urbano, o profissional SILVIO JOSÉ TECHAIKA, aprovado em hábil e competente concurso público do Edital nº 001/2014, inscrito sob nº. 47188, convocado conforme Edital nº 02 de 21 de fevereiro de 2017, e Decreto de Homologação da Classificação nº 050/2015, iniciando as suas atividades a partir de 27/03/2017, conforme Comunicação Interna nº 066/SMODU/2017.” Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º - Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 18 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 18/04/2017 RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

PORTARIA Nº 364/2017 PORTARIA Nº. 364/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito Municipal de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município e artigo 92 da Lei 2.305 de 03/07/90 e Lei nº. 4.398 de 24/03/2009; reSOLVE: CONCEDER LICENÇA GESTAÇÃO Art. 1º - Fica concedida Licença Gestação à servidora CAMILA PUTTKAMER CARVALHO, efetiva no cargo de Agente Comunitário, junto à Secretaria Municipal de Saúde, cuja licença será gozada no período de 17/04/2017 a 14/08/2017, conforme Atestado Médico anexo ao Requerimento. Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA Nº 365/2017 PORTARIA Nº. 365/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município e art. 106 da Lei nº. 2.305 de 03/07/1990, reSOLVE: CONCEDER LICENÇA PRÊMIO Art. 1º - Ficam concedidos 30 (trinta) dias de Licença Prêmio à servidora SELMA FRANZ, efetiva no cargo de Professor de Educação Infantil, junto à Secretaria Municipal de Educação, referente ao período aquisitivo de 2007/2012, a desfrutar no período de 05/06/2017 a 04/07/2017, conforme Comunicação Interna nº 174/ DP/2017. Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º - Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 18 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 18/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

PORTARIA Nº 366/2017 PORTARIA Nº. 366/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI da Lei Orgânica do Município e art. 110 da Lei n.º 2.305 de 03/07/1990, reSOLVE: CONCEDER FÉRIAS Art. 1º - Ficam concedidos 15 (quinze) dias de Férias à servidora JOSIANE GALESKI, efetiva no cargo de Enfermeiro, junto à Secretaria Municipal de Saúde, referente ao período aquisitivo de 2015/2016, a desfrutar no período de 24/04/2017 a 08/05/2017, conforme Comunicação Interna nº 179/DP/2017. Art. 2º - Ficam concedidos 10 (dez) dias de Férias à servidora LEILA CARDOSO, efetiva no cargo de Agente Administrativo, junto à Secretaria Municipal de Administração, Finança e Orçamento, referente ao período aquisitivo de 2016/2017, a desfrutar no período de 08/05/2017 a 17/05/2017, conforme Comunicação Interna nº 179/DP/2017. www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Art. 3º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 4º - Revogadas as disposições em contrário. Canoinhas/SC, 18 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 18/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

PORTARIA Nº 367/2017 PORTARIA Nº. 367/2017

GILBERTO DOS PASSOS, Prefeito do Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 66, inciso VI e XII da Lei Orgânica do Município de Canoinhas e conforme Lei Municipal nº 2.305 de 03/07/1990, e Lei nº 5.441 de 26/11/2014, reSOLVE: NOMEAR APROVADO PELO CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL Art. 1º – Fica nomeada para exercer o cargo de Técnico em Radiologia, a profissional JULIANE APARECIDA PACHECO DE MIRANDA LIMA, para atuar na Unidade de Pronto Atendimento - UPA 24 horas, junto a Secretaria Municipal de Saúde, aprovada em hábil e competente concurso público previsto no edital 001/2014, inscrita sob nº. 42900, e convocada conforme Edital nº 022 de 13 de junho de 2016, iniciando as suas atividades a partir de 18/04/2017, conforme Comunicação Interna nº 042/SMS/2017. Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º - Revogam-se as disposições em contrário Canoinhas/SC, 18 de abril de 2017. GILBERTO DOS PASSOS Prefeito Esta Portaria foi registrada e publicada na Secretaria Municipal de Administração, Finanças e Orçamento em 18/04/2017. RENATO JARDEL GURTINSKI Secretário Municipal de Administração, Finanças e Orçamento Interino

PUBLICAÇÃO DA 1º ALTERAÇÃO DE EDITAL DE PREGÃO Nº PMC 33/2017 (PRESENCIAL) MUNICÍPIO DE CANOINHAS ESTADO DE SANTA CATARINA PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº. PMC 46/2017 EDITAL DE PREGÃO Nº. PMC 33/2017 (PRESENCIAL) ALTERAÇÃO DE EDITAL E DATA DE ABERTURA

O Município de Canoinhas/SC, CNPJ nº. 83.102.384/0001-80, sito à Rua Felipe Schmidt, 10, centro, torna público, que alterou a data do edital descrito acima. Diante disto, a data de entrega e abertura dos envelopes contendo a documentação e propostas, foi transferida para o dia 10/05/2017, ficando estipulado os seguintes horários: às 09h00min (entrega) e 09h05min. (abertura). Informações (047) 3621 7705. O edital alterado está disponível no site www.pmc. sc.gov.br no link licitações. Gilberto dos Passos Prefeito ASSINADO DIGITALMENTE

Página 104

PUBLICAÇÃO DA DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº PMC 07/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE CANOINHAS Processo Licitatório n.º 66/2017 Dispensa de Licitação n.º 07/2017

O Município de Canoinhas, Estado de Santa Catarina, inscrito no CNPJ sob n.º 83.102.384/0001-80 sito à rua Felipe Schmidt, 10 – Centro, comunica, contratação através de Dispensa de Licitação. Artigo 24, X, da Lei 8.666/93 e alterações posteriores. Objeto: LOCAÇÃO DE IMÓVEL. Locador: WALDIR JANTSCH, inscrito no CPF N° 194.072.709-04. Valor total do contrato: R$ 7.500,00 (sete mil e quinhentos reais) GILBERTO DOS PASSOS Prefeito

PUBLICAÇÃO DA HOMOLOGAÇÃO DA CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº PMC 03/2017

CONCORRÊNCIA Nº 3/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 16/17 HOMOLOGAÇÃO: 20/04/17 CONTRATADO: TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP CONTRATANTE: PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CANOINHAS OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS RELATIVOS AO TRANSPORTE DE ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NUM PERIODO DE APROXIMADAMENTE 205 DIAS LETIVOS NO ANO DE 2017, PODENDO SER PRORROGADO POR IGUAIS E SUCESSIVOS PERÍODOS, POR NO MÁXIMO 60 MESES. VALOR DA DESPESA: R$ 3.656.422,00 (três milhões seiscentos e cinqüenta e seis mil quatrocentos e vinte e dois reais) DATA: 20/04/17 - GILBERTO DOS PASSOS - Prefeito.

PUBLICAÇÃO DE EDITAL DE PREGÃO Nº PMC 43/2017 (PRESENCIAL) MUNICÍPIO DE CANOINHAS ESTADO DE SANTA CATARINA PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº. PMC 58/2017 EDITAL DE PREGÃO Nº. PMC 43/2017 (PRESENCIAL)

O Município de Canoinhas/SC, CNPJ nº. 83.102.384/0001-80, sito à Rua Felipe Schmidt, 10, centro, fará realizar no dia 08/05/2017, às 09h05min, licitação para REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO PARCELADA DE PLACAS DE SINALIZAÇÃO, TINTAS PARA SINALIZAÇÃO VIARIA, SOLVENTE, TACHAS E TACHOES BIDIRECIONAIS, CALOTAS, COLA, ROLOS 23 CM, 9 CM E 5 CM C/CABO, CONES PARA SINALIZAÇÃO E TUBOS GALVANIZADOS, DESTINADOS A SINALIZAÇÃO DE TRANSITO DO MUNICIPIO. Recebimento de propostas até as 09h00min do dia 08/05/2017. Informações (47) 3621-7705. Cópia do edital no site www.pmc.sc.gov.br no link licitações. Gilberto dos Passos Prefeito

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 105

PUBLICAÇÃO DE EDITAL DE PREGÃO Nº PMC 47/2017 (PRESENCIAL) MUNICÍPIO DE CANOINHAS ESTADO DE SANTA CATARINA PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº. PMC 63/2017 EDITAL DE PREGÃO Nº. PMC 47/2017 (PRESENCIAL)

O Município de Canoinhas/SC, CNPJ nº. 83.102.384/0001-80, sito à Rua Felipe Schmidt, 10, centro, fará realizar no dia 09/05/2017, às 09h05min, licitação para REGISTRO DE PREÇO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA DE CAIXAS DE ÁGUA, DESTINADOS A PREFEITURA, FUNDOS, FUNDAÇÕES MUNICIPAIS CORPO DE BOMBEIROS, POLÍCIA CIVIL E MILITAR. Recebimento de propostas até as 09h00min do dia 09/05/2017. Informações (47) 3621-7705. Cópia do edital no site www.pmc.sc.gov.br no link licitações. Gilberto dos Passos Prefeito

PUBLICAÇÃO DE EDITAL DE PREGÃO Nº PMC 48/2017 (PRESENCIAL) MUNICÍPIO DE CANOINHAS ESTADO DE SANTA CATARINA PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº. PMC 64/2017 EDITAL DE PREGÃO Nº. PMC 48/2017 (PRESENCIAL)

O Município de Canoinhas/SC, CNPJ nº. 83.102.384/0001-80, sito à Rua Felipe Schmidt, 10, centro, fará realizar no dia 09/05/2017, às 14h05min, licitação para REGISTRO DE PREÇO DE METRO QUADRADO DE SERVIÇO PARA SUBSTITUIÇÃO DE CALHAS, PARA ATENDIMENTO ÀS SOLICITAÇÕES DAS SECRETARIAS DA PREFEITURA, FUNDOS E FUNDAÇÕES MUNICIPAIS, POLÍCIA CIVIL, MILITAR E CORPO DE BOMBEIROS. Recebimento de propostas até as 14h00min do dia 09/05/2017. Informações (47) 3621-7705. Cópia do edital no site www.pmc.sc.gov.br no link licitações. Gilberto dos Passos Prefeito

PUBLICAÇÃO DE EDITAL DE PREGÃO Nº PMC 49/2017 (PRESENCIAL) MUNICÍPIO DE CANOINHAS ESTADO DE SANTA CATARINA PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº. PMC 65/2017 EDITAL DE PREGÃO Nº. PMC 49/2017 (PRESENCIAL)

O Município de Canoinhas/SC, CNPJ nº. 83.102.384/0001-80, sito à Rua Felipe Schmidt, 10, centro, fará realizar no dia 10/05/2017, às 14h05min, licitação para REGISTRO DE PREÇOS DE CONSERTO, TROCA, BALANCEAMENTO, ALINHAMENTO DE PNEUS, VULCANIZAÇÃO E GEOMETRIA, COM FORNECIMENTO DE MATERIAIS E MÃO DE OBRA, DESTINADOS AOS VEÍCULOS, CAMINHÕES E MÁQUINAS DESTA PREFEITURA, FUNDOS E FUNDAÇÕES MUNICIPAIS, POLÍCIA MILITAR E CIVIL E CORPO DE BOMBEIROS. Recebimento de propostas até as 14h00min do dia 10/05/2017. Informações (47) 3621-7705. Cópia do edital no site www.pmc.sc.gov. br no link licitações. Gilberto dos Passos Prefeito

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE

Item.....: 5

Item.....: 4

Item.....: 3

Item.....: 2

Item.....: 1

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

- LINHA 02- TRANSPORTE DE ALUNOS RIO DO PINHO - Unidade: DIA

- LINHA 04- TRANSPORTE DE ALUNOS CANOINHAS/RIO DO PINHO - Unidade: DIA

- LINHA 05- TRANSPORTE DE ALUNOS PINHEIROS/RIO D`AREIA - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

15272

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

15271

205,000 205,000

205,000 205,000

205,000 205,000

205,000 205,000

205,000 205,000

Quantidade

- LINHA 03- TRANSPORTE DE ALUNOS CANOINHAS/RIO DO PINHO - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

15270

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

15269

Marca

- LINHA 01- TRANSPORTE DE ALUNOS RIO DO PINHO - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

15268

Nome do Fornecedor

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

Desconto

827,2000 0,0000

528,0000 0,0000

484,0000 0,0000

633,6000 0,0000

616,0000 0,0000

Preço Unitário

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS RELATIVOS AO TRANSPORTE DE ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NUM PERIODO DE APROXIMADAMENTE 205 DIAS LETIVOS NO ANO DE 2017, PODENDO SER PRORROGADO POR IGUAIS E SUCESSIVOS PERÍODOS, POR NO MÁXIMO 60 MESES.

Objeto.............:

Fornecedor

Concorrência p/ Compras e Serviços

Modalidade....:

Situação

169.576,00 Venceu 0,00 Inabilitado

108.240,00 Venceu 0,00 Inabilitado

99.220,00 Venceu 0,00 Inabilitado

129.888,00 Venceu 0,00 Inabilitado

126.280,00 Venceu 0,00 Inabilitado

Preço Total

3.656.422,00

3/2017 - CC

Licitação.........:

Total dos Itens Vencedores:

16/2017

Processo / Ano:

Processo Administrativo:

Quadro Comparativo de Preços (Fornecedores por Item)

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CANOINHAS

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

Classificação

Página: 1/8

24/04/2017 (Segunda-feira) DOM/SC - Edição N° 2238 Página 106

PUBLICAÇÃO DO RESULTADO FINAL DA CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº PMC 03/2017

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE

Item.....: 10

Item.....: 9

Item.....: 8

Item.....: 7

Item.....: 6

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

- LINHA 07- TRANSPORTE DE ALUNOS CANOINHAS/ RIO D' AREIA - Unidade: DIA

- LINHA 10- TRANSPORTE DE ALUNOS SERRITO/CANOINHAS - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

15277

205,000 205,000

205,000 205,000

205,000 205,000

- LINHA 09- TRANSPORTE DE ALUNOS FELIPE SCHMIDT/CANOINHAS 1 - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

15276

205,000 205,000

- LINHA 08- TRANSPORTE DE ALUNOS BARRA MANSA/FAZENDA EVASA - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047978

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047977

205,000 205,000

Quantidade

- LINHA 06- TRANSPORTE DE ALUNOS BARRA MANSA/RIO D`AREIA - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

15273

Marca

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

Desconto

198,0000 0,0000

818,4000 0,0000

668,8000 0,0000

369,6000 0,0000

616,0000 0,0000

Preço Unitário

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS RELATIVOS AO TRANSPORTE DE ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NUM PERIODO DE APROXIMADAMENTE 205 DIAS LETIVOS NO ANO DE 2017, PODENDO SER PRORROGADO POR IGUAIS E SUCESSIVOS PERÍODOS, POR NO MÁXIMO 60 MESES.

Objeto.............:

Nome do Fornecedor

Concorrência p/ Compras e Serviços

Modalidade....:

Fornecedor

3/2017 - CC

Licitação.........:

Situação

40.590,00 Venceu 0,00 Inabilitado

167.772,00 Venceu 0,00 Inabilitado

137.104,00 Venceu 0,00 Inabilitado

75.768,00 Venceu 0,00 Inabilitado

126.280,00 Venceu 0,00 Inabilitado

Preço Total

3.656.422,00

16/2017

Processo / Ano:

Processo Administrativo:

Quadro Comparativo de Preços (Fornecedores por Item)

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CANOINHAS

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

Classificação

Página: 2/8

24/04/2017 (Segunda-feira) DOM/SC - Edição N° 2238 Página 107

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE

Item.....: 15

Item.....: 14

Item.....: 13

Item.....: 12

Item.....: 11

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

205,000 205,000

205,000 205,000

- LINHA 15 - TRANSPORTE DE ALUNOS RIO DO TIGRE/VALINHOS/CANOIN - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047981

205,000 205,000

- LINHA 14- TRANSPORTE DE ALUNOS COLÔNIA FIGURA/FELIPE SCHMIDT - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047996

205,000 205,000

- LINHA 13 - TRANSPORTE DE ALUNOS CANOINHAS/ RIO D' AREIA/BARR - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047980

205,000 205,000

- LINHA 12 - TRANSPORTE DE ALUNOS VILA FIGURA/FELIPE SCHIMIDT - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047979

Quantidade

- LINHA 11- TRANSPORTE DE ALUNOS LAGEADO/FELIPE SCHMIDT 1 - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

15278

Marca

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

Desconto

660,0000 0,0000

589,6000 0,0000

616,0000 0,0000

325,6000 0,0000

739,2000 0,0000

Preço Unitário

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS RELATIVOS AO TRANSPORTE DE ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NUM PERIODO DE APROXIMADAMENTE 205 DIAS LETIVOS NO ANO DE 2017, PODENDO SER PRORROGADO POR IGUAIS E SUCESSIVOS PERÍODOS, POR NO MÁXIMO 60 MESES.

Objeto.............:

Nome do Fornecedor

Concorrência p/ Compras e Serviços

Modalidade....:

Fornecedor

3/2017 - CC

Licitação.........:

Situação

135.300,00 Venceu 0,00 Inabilitado

120.868,00 Venceu 0,00 Inabilitado

126.280,00 Venceu 0,00 Inabilitado

66.748,00 Venceu 0,00 Inabilitado

151.536,00 Venceu 0,00 Inabilitado

Preço Total

3.656.422,00

16/2017

Processo / Ano:

Processo Administrativo:

Quadro Comparativo de Preços (Fornecedores por Item)

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CANOINHAS

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

Classificação

Página: 3/8

24/04/2017 (Segunda-feira) DOM/SC - Edição N° 2238 Página 108

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE

Item.....: 20

Item.....: 19

Item.....: 18

Item.....: 17

Item.....: 16

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

- LINHA 17 - TRANSPORTE DE ALUNOS TAUNAY/CANOINHAS - Unidade: DIA

- LINHA 19 - TRANSPORTE DE ALUNOS RIO DO TIGRE/CANOINHAS - Unidade: DIA 205,000 205,000

205,000 205,000

205,000 205,000

- LINHA 20 - TRANSPORTE DE ALUNOS BARRA MANSA/FAZENDA EVASA/RI - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047984

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047998

205,000 205,000

205,000 205,000

- LINHA 18 - TRANSPORTE DE ALUNOS CANOINHAS/RIO DA AREIA/BARRA - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047983

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047997

Quantidade

- LINHA 16 - TRANSPORTE DE ALUNOS FELIPE SCHMIDT/CANOINHAS 2 - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047982

Marca

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

Desconto

563,2000 0,0000

730,4000 0,0000

369,6000 0,0000

352,0000 0,0000

818,4000 0,0000

Preço Unitário

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS RELATIVOS AO TRANSPORTE DE ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NUM PERIODO DE APROXIMADAMENTE 205 DIAS LETIVOS NO ANO DE 2017, PODENDO SER PRORROGADO POR IGUAIS E SUCESSIVOS PERÍODOS, POR NO MÁXIMO 60 MESES.

Objeto.............:

Nome do Fornecedor

Concorrência p/ Compras e Serviços

Modalidade....:

Fornecedor

3/2017 - CC

Licitação.........:

Situação

115.456,00 Venceu 0,00 Inabilitado

149.732,00 Venceu 0,00 Inabilitado

75.768,00 Venceu 0,00 Inabilitado

72.160,00 Venceu 0,00 Inabilitado

167.772,00 Venceu 0,00 Inabilitado

Preço Total

3.656.422,00

16/2017

Processo / Ano:

Processo Administrativo:

Quadro Comparativo de Preços (Fornecedores por Item)

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CANOINHAS

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

Classificação

Página: 4/8

24/04/2017 (Segunda-feira) DOM/SC - Edição N° 2238 Página 109

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE

Item.....: 25

Item.....: 24

Item.....: 23

Item.....: 22

Item.....: 21

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

- LINHA 25 - TRANSPORTE DE ALUNOS CANOINHAS/FARTURA - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047995

205,000 205,000

205,000 205,000

205,000 205,000

- LINHA 24 - TRANSPORTE DE ALUNOS SAO PASCOAL/ESCOLA RIO D' AR - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047988

126,000 126,000

- LINHA 23 - TRANSPORTE DE ALUNOS RIO DOS PARDOS/RIO D' AREIA - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047987

42,000 42,000

- LINHA 22 - TRANSPORTE DE ALUNOS PROJETO AABB COMUNIDADE - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047986

Quantidade

- LINHA 21 - TRANSPORTE DE ALUNOS PROJETO TENIS COMUNITARIO - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047985

Marca

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

Desconto

264,0000 0,0000

475,2000 0,0000

308,0000 0,0000

308,0000 0,0000

484,0000 0,0000

Preço Unitário

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS RELATIVOS AO TRANSPORTE DE ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NUM PERIODO DE APROXIMADAMENTE 205 DIAS LETIVOS NO ANO DE 2017, PODENDO SER PRORROGADO POR IGUAIS E SUCESSIVOS PERÍODOS, POR NO MÁXIMO 60 MESES.

Objeto.............:

Nome do Fornecedor

Concorrência p/ Compras e Serviços

Modalidade....:

Fornecedor

3/2017 - CC

Licitação.........:

Situação

54.120,00 Venceu 0,00 Inabilitado

97.416,00 Venceu 0,00 Inabilitado

63.140,00 Venceu 0,00 Inabilitado

38.808,00 Venceu 0,00 Inabilitado

20.328,00 Venceu 0,00 Inabilitado

Preço Total

3.656.422,00

16/2017

Processo / Ano:

Processo Administrativo:

Quadro Comparativo de Preços (Fornecedores por Item)

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CANOINHAS

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

Classificação

Página: 5/8

24/04/2017 (Segunda-feira) DOM/SC - Edição N° 2238 Página 110

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE

Item.....: 30

Item.....: 29

Item.....: 28

Item.....: 27

Item.....: 26

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

205,000 205,000

205,000 205,000

- LINHA 30 - TRANSPORTE DE ALUNOS CANOINHAS/FELIPE SCHMIDT - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411048042

205,000 205,000

- LINHA 29 - TRANSPORTE DE ALUNOS BARRA MANSA/TAQUARIZAL/SITIO - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047991

205,000 205,000

- LINHA 28 - TRANSPORTE DE ALUNOS RIO DA AREIA DO MEIO/SAO ROQ - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047990

205,000 205,000

- LINHA 27 - TRANSP. ALUNOS FELIPE SCHIMIDT/LOCALIDADES PROXIM - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047999

Quantidade

- LINHA 26 - TRANSPORTE DE ALUNOS SAO PASCOAL/ENTRE RIOS/ESCOL - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047989

Marca

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

Desconto

572,0000 0,0000

528,0000 0,0000

528,0000 0,0000

396,0000 0,0000

466,4000 0,0000

Preço Unitário

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS RELATIVOS AO TRANSPORTE DE ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NUM PERIODO DE APROXIMADAMENTE 205 DIAS LETIVOS NO ANO DE 2017, PODENDO SER PRORROGADO POR IGUAIS E SUCESSIVOS PERÍODOS, POR NO MÁXIMO 60 MESES.

Objeto.............:

Nome do Fornecedor

Concorrência p/ Compras e Serviços

Modalidade....:

Fornecedor

3/2017 - CC

Licitação.........:

Situação

117.260,00 Venceu 0,00 Inabilitado

108.240,00 Venceu 0,00 Inabilitado

108.240,00 Venceu 0,00 Inabilitado

81.180,00 Venceu 0,00 Inabilitado

95.612,00 Venceu 0,00 Inabilitado

Preço Total

3.656.422,00

16/2017

Processo / Ano:

Processo Administrativo:

Quadro Comparativo de Preços (Fornecedores por Item)

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CANOINHAS

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

Classificação

Página: 6/8

24/04/2017 (Segunda-feira) DOM/SC - Edição N° 2238 Página 111

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE

Item.....: 34

Item.....: 33

Item.....: 32

Item.....: 31

17402

-

17402 10554

-

17402 10554

-

17402 10554

-

- LINHA 31 - TRANSPORTE DE ALUNOS CANOINHAS/ARROIOS - Unidade: DIA

- QUILÔMETROS EXTRAS P/ ATENDER O TRANSP. ESCOLAR - Unidade: KM

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP

15292

205,000 205,000

40.000,000

- LINHA 33 - TRANSPORTE DE ALUNOS RIO DA AREIA/CANOINHAS - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047994

205,000 205,000

205,000 205,000

Quantidade

- LINHA 32 - TRANSPORTE DE ALUNOS RIO DO PINHO/CANOINHAS - Unidade: DIA

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047993

TRANSPORTES E FRETAMENTOS SANTA CRUZ LTDA. - EPP SOETUR TURISMO LTDA

411047992

Marca

0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

Desconto

4,4000

528,0000 0,0000

440,0000 0,0000

660,0000 0,0000

Preço Unitário

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS RELATIVOS AO TRANSPORTE DE ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NUM PERIODO DE APROXIMADAMENTE 205 DIAS LETIVOS NO ANO DE 2017, PODENDO SER PRORROGADO POR IGUAIS E SUCESSIVOS PERÍODOS, POR NO MÁXIMO 60 MESES.

Objeto.............:

Nome do Fornecedor

Concorrência p/ Compras e Serviços

Modalidade....:

Fornecedor

3/2017 - CC

Licitação.........:

Situação

176.000,00 Venceu

108.240,00 Venceu 0,00 Inabilitado

90.200,00 Venceu 0,00 Inabilitado

135.300,00 Venceu 0,00 Inabilitado

Preço Total

3.656.422,00

16/2017

Processo / Ano:

Processo Administrativo:

Quadro Comparativo de Preços (Fornecedores por Item)

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CANOINHAS

1 *****

1 ***** 0

1 ***** 0

1 ***** 0

Classificação

Página: 7/8

24/04/2017 (Segunda-feira) DOM/SC - Edição N° 2238 Página 112

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE

Item.....: 34

10554

-

Em

........../........../..........

40.000,000

Quantidade

0,0000

Desconto

MARINA HAAG - ................................................................. - 25.933/SC

KARLA FATIMA BREY LACHMAN - ................................................................. - MEMBRO SUPLENTE

MARCIANO FERNANDES CORREA - ................................................................. - MEMBRO SUPLENTE

LUÍS GUSTAVO VIEIRA DE BRITO - ................................................................. - MEMBRO SUPLENTE

DIOGO CARLOS SEIDEL - ................................................................. - MEMBRO TITUTAR

KARINA DE CASSIA KOHLER WENDT - ................................................................. - SECRETÁRIA

ADILSON FERNANDO RIBEIRO - ................................................................. - Presidente da Comissão

Canoinhas,

- QUILÔMETROS EXTRAS P/ ATENDER O TRANSP. ESCOLAR - Unidade: KM

SOETUR TURISMO LTDA

15292

Marca

0,0000

Preço Unitário

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS, PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS RELATIVOS AO TRANSPORTE DE ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO NUM PERIODO DE APROXIMADAMENTE 205 DIAS LETIVOS NO ANO DE 2017, PODENDO SER PRORROGADO POR IGUAIS E SUCESSIVOS PERÍODOS, POR NO MÁXIMO 60 MESES.

Objeto.............:

Nome do Fornecedor

Concorrência p/ Compras e Serviços

Modalidade....:

Fornecedor

3/2017 - CC

Licitação.........:

Situação

0,00 Inabilitado

Preço Total

3.656.422,00

16/2017

Processo / Ano:

Processo Administrativo:

Quadro Comparativo de Preços (Fornecedores por Item)

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CANOINHAS

0

Classificação

Página: 8/8

24/04/2017 (Segunda-feira) DOM/SC - Edição N° 2238 Página 113

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 114

Capinzal Prefeitura CIALAR CONTRATO 0001/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL EXTRATO CONTRATUAL

Objeto .......... : REGISTRO DE PREÇO para aquisição de produtos do gênero alimentício para o Consórcio Intermunicipal Abrigo Casa Lar - CIALAR para suprir as necessidades básicas da Instituição de Acolhimento. Recursos Próprios Capinzal, 20 de Abril de 2017

-----------------------------Contrato Nº..: 0001/2017 Contratante..: CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL Contratada...: AGN FRIOS LTDA Valor ............ : 14.063,50 (quatorze mil e sessenta e três reais e cinqüenta centavos) Vigência ....... : Início: 20/04/2017 Término: 20/04/2018 Licitação ...... : PREGÃO PRESENCIAL Nº.: 0001/2017 Processo ....:N°: 0001/2017 Recursos ..... : Dotação: Objeto .......... : REGISTRO DE PREÇO para aquisição de produtos do gênero alimentício para o Consórcio Intermunicipal Abrigo Casa Lar CIALAR para suprir as necessidades básicas da Instituição de Acolhimento. Recursos Próprios Capinzal, 20 de Abril de 2017

CIALAR CONTRATO 0002/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL EXTRATO CONTRATUAL -----------------------------Contrato Nº..: 0002/2017 Contratante..: CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL Contratada...: CAPINZAL CENTER LTDA - ME Valor ............ : 56.184,60 (cinqüenta e seis mil cento e oitenta e quatro reais e sessenta centavos) Vigência ....... : Início: 20/04/2017 Término: 20/04/2018 Licitação ...... : PREGÃO PRESENCIAL Nº.: 0001/2017 Processo ....:N°: 0001/2017 Recursos ..... : Dotação: Objeto .......... : REGISTRO DE PREÇO para aquisição de produtos do gênero alimentício para o Consórcio Intermunicipal Abrigo Casa Lar CIALAR para suprir as necessidades básicas da Instituição de Acolhimento. Recursos Próprios Capinzal, 20 de Abril de 2017

CIALAR CONTRATO 0003/2017

ESTADO DE SANTA CATARINA CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL EXTRATO CONTRATUAL ----------------Contrato Nº..: 0003/2017 Contratante..: CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL Contratada...: DOLMORA & MASSON LTDA - ME Valor ............ : 6.994,80 (seis mil novecentos e noventa e quatro reais e oitenta centavos) Vigência ....... : Início: 20/04/2017 Término: 20/04/2018 Licitação ...... : PREGÃO PRESENCIAL Nº.: 0001/2017 Processo ..... : N° 0001/2017 Recursos ..... : Dotação: ASSINADO DIGITALMENTE

CIALAR CONTRATO 0004/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL EXTRATO CONTRATUAL -----------------------------Contrato Nº..: 0004/2017 Contratante..: CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL Contratada...: JUAREZ CHIODELLI - EPP Valor ............ : 4.725,80 (quatro mil setecentos e vinte e cinco reais e oitenta centavos) Vigência ....... : Início: 20/04/2017 Término: 20/04/2018 Licitação ...... : PREGÃO PRESENCIAL Nº.: 0001/2017 Processo ...... : N° 0001/2017 Recursos ..... : Dotação: Objeto .......... : REGISTRO DE PREÇO para aquisição de produtos do gênero alimentício para o Consórcio Intermunicipal Abrigo Casa Lar CIALAR para suprir as necessidades básicas da Instituição de Acolhimento. Recursos Próprios Capinzal, 20 de Abril de 2017

CIALAR CONTRATO 0005/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL EXTRATO CONTRATUAL -----------------------------Contrato Nº..: 0005/2017 Contratante..: CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL Contratada...: MERCADO MUNARI LTDA - ME Valor ............ : 30.269,95 (trinta mil duzentos e sessenta e nove reais e noventa e cinco centavos) Vigência ....... : Início: 20/04/2017 Término: 20/04/2018 Licitação ...... : PREGÃO PRESENCIAL Nº.: 0001/2017 Processo ...... : N° 0001/2017 Recursos ..... : Dotação: Objeto .......... : REGISTRO DE PREÇO para aquisição de produtos do gênero alimentício para o Consórcio Intermunicipal Abrigo Casa Lar CIALAR para suprir as necessidades básicas da Instituição de Acolhimento. Recursos Próprios Capinzal, 20 de Abril de 2017

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 115

CIALAR CONTRATO 0006/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL EXTRATO CONTRATUAL -----------------------------Contrato Nº..: 0006/2017 Contratante..: CONSORCIO INTERMUNICIPAL CASA LAR CAPINZAL Contratada...: STEMPCOSKI & STEMPCOSKI PADARIA LTDA - ME Valor ............ : 1.329,50 (um mil trezentos e vinte e nove reais e cinqüenta centavos) Vigência ....... : Início: 20/04/2017 Término: 20/04/2018 Licitação ...... : PREGÃO PRESENCIAL Nº.: 0001/2017 Processo ...... : N° 0001/2017 Recursos ..... : Dotação: Objeto .......... : REGISTRO DE PREÇO para aquisição de produtos do gênero alimentício para o Consórcio Intermunicipal Abrigo Casa Lar - CIALAR para suprir as necessidades básicas da Instituição de Acolhimento. Recursos Próprios Capinzal, 20 de Abril de 2017

Edital nº 023/2017

EDITAL Nº 023, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Notifica recursos recebidos do Governo Federal. O MUNICÍPIO DE CAPINZAL, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e em cumprimento ao disposto no art. 2º da Lei nº 9.452, de 20 de março de 1997 e Decreto Municipal nº 005, de 09 de janeiro de 2017, notifica os partidos políticos, os sindicatos de trabalhadores e as entidades empresariais com sede neste município de Capinzal, da liberação de recursos financeiros provenientes do Governo Federal, a seguir especificados: ÓRGÃO PROVENIENTE

DATA DO CRÉDITO

PROGRAMA E/OU AÇÃO À QUE SE DESTINA

VALOR R$

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação

11/04/2017

Merenda Escolar “Mais Educação”

2.130,00

Fundo Nacional de Saúde

13/04/2017

Ambulatorial Hospitalar e Rede Cegonha

9.683,90

Fundo Nacional de Saúde

13/04/2017

Teto Rede Saúde Mental

28.305,00

17/04/2017

Salário Educação

102.175,08

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação

Capinzal - SC, 20 de abril de 2017. Nilvo Dorini Prefeito de Capinzal Registrado e publicado o presente Edital na data supra. Hilário Chiamolera Secretário Interino da Administração e Finanças

FMAS CONTRATO 0123/2017 M ESTADO DE SANTA CATARINA FUNDO MUNICIPAL DE ASSIST. SOCIAL DE CAPINZAL EXTRATO CONTRATUAL -----------------------------Contrato Nº..: 0123/2017 M Contratante..: FUNDO MUNICIPAL DE ASSIST. SOCIAL DE CAPINZAL Contratada...: RECAUCHUTADORA RODA LTDA Valor ............ : 4.740,00 (quatro mil setecentos e quarenta reais) Vigência ....... : Início: 18/04/2017 Término: 18/04/2018 Licitação ...... : PREGÃO PRESENCIAL Nº.: 0042/2017 Entid.Gestora: PREFEITURA MUNICIPAL DE CAPINZAL Processo Licitatório....: 0057 / 2017 Recursos ..... : Dotação: Objeto .......... : REGISTRO DE PREÇO para contratação de empresa especializada para prestação de serviços de Recapagem de Pneus, destinados à manutenção dos veículos da Secretaria de Infraestrutura; Agricultura e Meio Ambiente; de Educação, Cultura e Esportes; da Saúde e do Fundo De Assistência Social. Com Recursos Federais, Estaduais e Municipais Capinzal, 18 de Abril de 2017 KAMILLE SARTORI BEAL ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 116

FME PROCESSO LICITATÓRIO 0003/2017 PREGÃO PRESENCIAL 0003/2017 AVISO DE LICITAÇÃO

Processo Licitatório Nº 0003/2017 Pregão Presencial Nº 0003/2017 OBJETO: REGISTRO DE PREÇO para contratação de empresa especializada para realização de serviços de transporte Intermunicipal e Interestadual para atletas, professores e equipes técnicas que representam o município de Capinzal em competições esportivas, através da Fundação Municipal de Esportes. Com Recursos Municipais ENTREGA DE ENVELOPES E ABERTURA: Os Envelopes de Propostas e Documentos deverão obrigatoriamente serem protocolados no Setor de Protocolo até as 14:00 horas, para abertura da Seção às 14:05 horas do dia 05/05/2017. CREDENCIAMENTO: Os documentos de Credenciamento deverão vir fora dos envelopes, em cópias autenticadas, em mãos, a serem entregues na hora da abertura da seção. Menor Preço Item INFORMAÇÕES E ENTREGA DO EDITAL: No endereço do Centro Administrativo Prefeito Silvio Santos, sala de Licitações, RUA CARMELLO ZOCOLLI, 155. No sítio: www.capinzal.sc.gov.br HORÁRIO: Das 8:00 às 12:00 horas e das 13:30 às 17:30 horas. TELEFONE Nº (0xx49) 3555-8739 e 3555-8716, FAX Nº (0xx49) 3555-8740. Capinzal, 24 de Abril de 2017. MARCIA TERESINHA BONATO Superintendente

FMS PROCESSO LICITATÓRIO 0013/2017 PREGÃO PRESENCIAL 0005/2017 AVISO DE LICITAÇÃO

Processo Licitatório Nº 0013/2017 Pregão Presencial Nº 0005/2017 OBJETO: REGISTRO DE PREÇO para contratação de serviços de manutenção mecânica e elétrica dos veículos da Secretaria da Saúde. Com Recursos Próprios ENTREGA DE ENVELOPES E ABERTURA: Os Envelopes de Propostas e Documentos deverão obrigatoriamente serem protocolados no Setor de Protocolo até as 16:00 horas, para abertura da Seção às 16:05 horas do dia 05/05/2017. CREDENCIAMENTO: Os documentos de Credenciamento deverão vir fora dos envelopes, em cópias autenticadas, em mãos, a serem entregues na hora da abertura da seção. Menor Preço Item INFORMAÇÕES E ENTREGA DO EDITAL: No endereço do Centro Administrativo Prefeito Silvio Santos, sala de Licitações, RUA CARMELLO ZOCOLLI, 155. No sítio: www.capinzal.sc.gov.br HORÁRIO: Das 8:00 às 12:00 horas e das 13:30 às 17:30 horas. TELEFONE Nº (0xx49) 3555-8739 e 3555-8716, FAX Nº (0xx49) 3555-8740. Capinzal, 24 de Abril de 2017. KAMILLE SARTORI BEAL Secretária de Saúde

FMS PROCESSO LICITATÓRIO 0014/2017 INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO 0007/2017 PROCESSO Nº 0014/2017 INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO Nº 0007/2017

KAMILLE SARTORI BEAL, Secretária De Saúde do Fundo Municipal de Saúde de Capinzal, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e, em conformidade com a Lei No 8.666/93, com suas alterações posteriores, torna público o Processo Licitatório na modalidade de Inexigibilidade de Licitação conforme segue: OBJETO Contratação da Instituição Hospital Nossa Senhora das Dores, especializada na prestação de serviços hospitalares, em Sistema de Pronto Socorro, Plantão 24 horas, para atendimento da população, com uso da estrutura física, pessoal, equipamentos, aparelhagem e instrumentos

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 117

afins. Com Recursos Próprios. Item Qtdade

Unid.

1

9,00

MES

2 9,00 Total

MES

Marca

Descrição Preço Unit. Máximo Instituição especializada na prestação de serviços hospitalares, em sistema de Pronto Socorro, Plantão 24 Horas, para aten100.843,97 dimento da população, com uso da estrutura física, pessoal, equipamentos, aparelhagens e instrumentos afins Insumos (Materiais para uso nos atendimentos 24 horas) 60.000,00

Preço Total 907.595,73 540.000,00 1.447.595,73

VALORES TOTAIS POR FORNECEDOR(ES) Vencedores Fornecedor CONGREGAÇÃO DAS SERVAS DE MARIA REPARADORAS 1.447.595,73 (Um milhão quatrocentos e quarenta e sete mil quinhentos e noventa e cinco reais e setenta e três centavos)

Itens 01 e 02

PREVISÃO LEGAL Lei 8666/93, com alterações: Art. 25. É inexigível a licitação quando houver inviabilidade de competição. II - para a contratação de serviços técnicos enumerados no art. 13 desta Lei, de natureza singular, com profissionais ou empresas de notória especialização, vedada a inexigibilidade para serviços de publicidade e divulgação. JUSTIFICATIVA A contratação do Hospital Nossa Senhora das Dores - HNSD, pelo Município de Capinzal, através da Secretaria da Saúde, é indispensável para o atendimento da população, especialmente no que diz respeito a prestação de serviços hospitalares, em Sistema de Pronto Socorro - Plantão 24 horas. DO CRÉDITO PELO QUAL OCORRERÁ A DESPESA As despesas decorrentes deste contrato enquadram-se, na seguinte dotação orçamentária: Despesa: 7 - Manutenção da Saúde Pública Órgão: 8 - FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE CAPINZAL Unidade: 1 - FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE Função: 10 - Saúde Subfunção: 301 - Atenção Básica Programa: 150 - VIDA E SAÚDE Projeto/Atividade: 2.075 - Manutenção da Saúde Pública Elemento: 33903999000000 - Aplicacoes Diretas Recurso: 2 - Receitas de Impostos e de Transf. de Impostos - Sa Despesa: 8 - Manutenção da Saúde Pública Órgão: 8 - FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE CAPINZAL Unidade: 1 - FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE Função: 10 - Saúde Subfunção: 301 - Atenção Básica Programa: 150 - VIDA E SAÚDE Projeto/Atividade: 2.075 - Manutenção da Saúde Pública Elemento: 33903999000000 - Aplicacoes Diretas Recurso: 64 - Atenção Básica Despesa: 9 - Manutenção da Saúde Pública Órgão: 8 - FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE CAPINZAL Unidade: 1 - FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE Função: 10 - Saúde Subfunção: 301 - Atenção Básica Programa: 150 - VIDA E SAÚDE Projeto/Atividade: 2.075 - Manutenção da Saúde Pública Elemento: 33903999000000 - Aplicacoes Diretas Recurso: 65 - Atenção de Média e Alta Complexidade Ambulatorial

Publique-se e Registre-se na forma da Lei. Capinzal, 24 de Abril de 2017. KAMILLE SARTORI BEAL Secretária de Saúde

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 118

Lei Complementar nº 199/2017

LEI COMPLEMENTAR Nº 199, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a equiparação do Piso Nacional dos Servidores do Quadro de Pessoal do Magistério, na forma que especifica. O PREFEITO MUNICIPAL DE CAPINZAL, faço saber a todos os habitantes deste Município que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono, nos termos do art. 58, V, da Lei Orgânica Municipal, a seguinte Lei Complementar: Art. 1º Fica fixado em R$ 2.298,80 (dois mil duzentos e noventa e oito reais e oitenta centavos), o piso dos servidores do Magistério Público Municipal para o vencimento inicial da carreira do cargo de Professor integrante do Quadro de Pessoal do Magistério do Município de Capinzal, regidos pela Lei Complementar nº 45, de 12 de dezembro de 2000. § 1º O piso de que trata o caput deste artigo atinge aqueles servidores do Quadro que apresentam vencimento inferior ao fixado na presente Lei Complementar, inexistindo quaisquer reflexos para os demais servidores. § 2º O piso de que trata o caput deste artigo é para carga horária de 40 horas semanais, sendo que para as cargas horárias de 10, 20 e 30 horas semanais haverá redução proporcional. Art. 2º Esta Lei Complementar entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos a partir de 1º de janeiro de 2017. Capinzal, em 20 de abril de 2017. NILVO DORINI Prefeito Municipal Registrada e publicada a presente Lei Complementar na data supra. HILÁRIO CHIAMOLERA Secretário Interino da Administração e Finanças

PMC PROCESSO LICITATÓRIO 0071/2017 PREGÃO PRESENCIAL 0054/2017 AVISO DE LICITAÇÃO

Processo Licitatório Nº 0071/2017 Pregão Presencial Nº 0054/2017 OBJETO: Contratação de empresa especializada para realizar serviços de Vigilância e Monitoramento de Sistema de Alarme, em diversos locais do Município. Com Recursos Próprios, Estaduais, Federais e Salário Educação. Observação: ENTREGA DE ENVELOPES E ABERTURA: Os envelopes de Propostas e Documentos deverão obrigatoriamente ser protocolados no Setor de Protocolo até às 09:00 horas do dia 05/05/2017, para abertura da Seção às 09:05 horas do mesmo dia. CREDENCIAMENTO: Os documentos de Credenciamento deverão vir fora dos envelopes, em cópias autenticadas, em mãos, a serem entregues na hora da abertura da seção. Menor Preço Item INFORMAÇÕES E ENTREGA DO EDITAL: Centro Administrativo Prefeito Silvio Santos, no Setor de Licitações, Rua Carmello Zócolli, 155. No sítio: www.capinzal.sc.gov.br HORÁRIO: Das 8:00 às 12:00 horas e das 13:30 às 17:30 horas. TELEFONE Nº (0XX49)3555-8719, FAX Nº (0XX49)3555-8744. Capinzal, 24 de Abril de 2017. HILÁRIO CHIAMOLERA Secretario de Administração e Finanças

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 119

Câmara Municipal PARECER PRÉVIO AO PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO Nº 002/2017 COMISSÃO DE ORÇAMENTO, FINANÇAS E TRIBUTAÇÃO PARECER PRÉVIO Projeto de Decreto Legislativo nº 002/2017 Ementa: Dispõe sobre a prestação de Contas do Prefeito Municipal referente ao exercício financeiro de 2015, da Prefeitura Municipal de Capinzal. Autoria: Mesa Diretora da Câmara Municipal Relator: Vereador Lucas Antônio Dorini 1 - Relatório. Este Vereador, membro presidente desta Comissão de Orçamento, Finanças e Tributação avocou a relatoriado Projeto de Decreto Legislativo nº 02/2017, de autoria da Mesa Diretora desta Casa, que dispõe sobre as Contas do Prefeito Municipal referente ao exercício do ano de 2015, onde, nos termos do artigo 157 do Regimento Interno desta Casa, passa a análise e ao final exarar o Parecer Prévio. O citado Decreto foi protocolado nesta Casa em 20/03/2017, sob o nº 3883, tendo sido lido no expediente da Sessão Plenária do dia 21/03/2017, tendo sido recebido nesta Comissão em 28/03/2017. Destacar que o Decreto ora em análise foi publicado no DOM - Diário Oficial do Município - em 23/03/2017, edição nº 2217. Ainda, o responsável pelas contas ora apreciadas, o ex-Prefeito, Sr. Andevir Isganzella, foi notificado em 30/03/2017, para querendo, apresentar a sua defesa das referidas contas nesta Comissão, através do ofício da Presidência desta Casa nº071/2017/PRESI, de 23/03/2017. O Egrégio Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina, instaurou o Processo nº PCP-016/00098638, no qual passou a apreciar as Contas do exercício de 2015.Ato posterior, o relator das Contas em questãose manifestou recomendando a APROVAÇÃO das Contas relativas ao exercício de 2015 (fls. 356), onde o parecer do relator foi acolhido pelo Pleno do Tribunal, o qual exarou oPARECER PRÉVIO Nº 090/2016, de 28/11/2016, pela APROVAÇÃO das citadas Contas. Quanto a competência da Câmara de Vereadores em apreciar as contas do administrador municipal (Prefeito), cabe apontar os mandamentos constitucionais, legais e regimentais sobre o tema: A Constituição Federal assim determina: Art. 31. A fiscalização do Município será exercida pelo Poder Legislativo Municipal, mediante controle externo, e pelos sistemas de controle interno do Poder Executivo Municipal, na forma da lei. § 1º O controle externo da Câmara Municipal será exercido com o auxílio dos Tribunais de Contas dos Estados ou do Município ou dos Conselhos ou Tribunais de Contas dos Municípios, onde houver. § 2º O parecer prévio, emitido pelo órgão competente sobre as contas que o Prefeito deve anualmente prestar, só deixará de prevalecer por decisão de dois terços dos membros da Câmara Municipal. § 3º As contas dos Municípios ficarão, durante sessenta dias, anualmente, à disposição de qualquer contribuinte, para exame e apreciação, o qual poderá questionar-lhes a legitimidade, nos termos da lei. A Carta Constitucional Catarinense assim define o tema: Art. 113 — A fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial dos órgãos e entidades da administração pública municipal, quanto à legalidade, à legitimidade, à economicidade, à aplicação das subvenções e à renúncia de receitas, é exercida: I - pela Câmara Municipal, mediante controle externo; Da mesma forma a Lei Orgânica Municipal se posiciona sobre a matéria: Art. 44. A fiscalização do Município é exercida pelo Poder Legislativo Municipal, mediante controle externo e pelos sistemas de controle interno do Poder Executivo Municipal na forma da Lei. [...] § 2º o controle externo da Câmara Municipal será exercido com auxílio do Tribunal de Contas do Estado. Do Regimento Interno desta Casa, extrai-se o seguinte posicionamento: Art. 157. Na apreciação das contas do Município, recebido o parecerprévio do Tribunal de Contas, competirá ao Presidente submetê-lo à votaçãopelo Plenário no prazo de noventa (90) dias, a contar da data de sua leitura emPlenário, devendo, antes, porém: I - despachá-lo imediatamente para processamento, sendo transformadoem projeto de decreto legislativo de autoria da Mesa Diretora, para posteriordistribuição de avulsos aos Vereadores; II - notificar a autoridade prestadora das contas no prazo de cinco (05) diaspara que, querendo, venha exercer seu direito de ampla defesa

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 120

e docontraditório na apreciação da matéria pela Comissão de Orçamento, Finançase Tributação, assim como na votação das contas perante o Plenário, podendoconstituir advogado a qualquer tempo. Quanto a origem do Projeto de Decreto Legislativo nº 02/2017, verifica-se que o mesmo foi iniciado pela Mesa Diretora desta Casa, na forma do artigo 17, XI da Lei Orgânica, e artigo 157 do Regimento Interno. Ao derradeiro, cabe citar a competência desta Comissão de Orçamento para apreciar as Contas: Art. 71. É da competência específica da Comissão Legislativa Permanentede: [...] II – Orçamento, Finanças e Tributação; [...] b) exarar parecer sobre as contas do Município; Pelo exposto acima, conclui-se que que esta Casa e a Comissão de Orçamento, Finanças e Tributação estão investidas dos poderes constitucionais, legais e regimentais para apreciar as Contas Municipais do Prefeito. 2. Análise do Mérito. Quanto a questão de mérito das Contas em análise, cabe transcrever parcialmente o Parecer do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas, conforme segue: “A Diretoria de Controle dos Municípios apresentou o Relatório n. 2305/2016 (fls. 279-331) identificando, ao final, a ocorrência das seguintes restrições:“8. RESTRIÇÕES APURADAS - 8.1 RESTRIÇÃO DE ORDEM CONSTITUCIONAL 8.1.1 Realização de despesas, no valor de R$ 479.998,58, com Ações e Serviços Públicos de Saúde, por meio da Prefeitura Municipal, em desacordo com o artigo 77, § 3° dos Atos dasDisposições Constitucionais Transitórias - ADCT - da CF/88, alterado pela Emenda Constitucional 29/2000 (fl. 277). 8.2. RESTRIÇÕES DE ORDEM LEGAL - 8.2.1 Aplicação parcial no valor de R$ 339.364,41, no primeiro trimestre de 2015, referente aos recursos do FUNDEB remanescentes do exercício anterior no valor de R$ 462.960,10, mediante a abertura de crédito adicional, em descumprimento ao estabelecido no § 2º do artigo 21 da Lei nº 11.494/2007 (item 5.2.2, limite 3). 8.2.2 Ausência de disponibilização em meios eletrônicos de acesso público, no prazo estabelecido, de informações pormenorizadas sobre a execução orçamentária e financeira, de modo a garantir a transparência da gestão fiscal com os requisitos mínimos necessários, em descumprimento ao estabelecido no artigo 48-A, II, da Lei Complementar n° 101/2000 alterada pela Lei Complementar n° 131/2009 c/c o artigo 7º, II, do Decreto Federal n° 7.185/2010 (Quadro 20) O representante do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas se manifestou pela aprovação das Contas, mas DETERMINOU: a) - formação de AUTOS APARTADOS para análise do item 8.2.2 do relatório de instrução (fls. 322); b) -formação de AUTOS APARTADOS para exame do ato relacionado à ausência de remessa dos Pareceres dos Conselhos Municipais de Saúde e do Idoso, em afronta ao art. 7º, parágrafo único, incisos I e V, da Instrução Normativa n. TC- 0020/2015. (fls. 322). Cabe registrar que a análise definitiva deste relator sobre as restrições apontados nas Contas em análise será apresentada com mais profundidade oportunamente, quando da apresentação do Parecer Final, pois o titular das Contas de 2015 poderá apresentar, caso queira, a sua defesa, pois repise-se, o mesmo já foi intimado a fazê-lo, e será novamente intimado para que se manifeste sobre o presente Parecer Prévio. Logo, qualquer que seja o posicionamento deste Relator, ou até mesmo dos demais Membros desta Comissão no presente Parecer, poderá modificá-lo no Parecer Final e no próprio voto em Plenário. 3. Do Voto do Relator. Pelo exposto, este relator opina, sem prejuízo de eventual modificação no momento da elaboração do Parecer Final, pela admissibilidade e tramitação do Projeto de Decreto Legislativo nº 02/2017. Sala das Comissões, em 18 de abril de 2017. Vereador Lucas Antônio Dorini Relator. 4. Do Parecer da Comissão. Os Membros desta Comissão, por unanimidade, acolhem o voto do Relator e opinampela admissibilidade e tramitação do Projeto de Decreto Legislativo nº 02/2017. Sala das Comissões, em 18 de abril de 2017. Comissão de Orçamento, Finanças e Tributação Vereadores Membros Lucas Antônio Dorini-PMDB Presidente e Relator Bruno Michel Fávero-SD Membro Rafael Edgar Tonial-PSB Membro

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 121

Catanduvas Prefeitura EXTRATO DO CONTRATO FMS Nº 0043/2017

EXTRATO DO CONTRATO PMC Nº 0079/2017

PREGÃO N° 0027/2017 (PROCESSO LICITATÓRIO N° 0034/2017).

TOMADA DE PREÇO N° 0003/2017 (PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0040/2017)

TERMO DE CONTRATO FMS Nº 0043/2017

CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE CATANDUVAS - FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE CONTRATADA: VALE DO CONTESTADO TRANSPORTES E TURISMO LTDA OBJETO: Contratação de Serviços de transporte diário de pacientes do município de Catanduvas-SC para o CAPS do Município de Água Doce SC, visando a manutenção e o desenvolvimento das atividades da Secretaria Municipal de Saúde. VALOR: R$ 67.500,00 (sessenta e sete mil e quinhentos reais). CONSIGNAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 2.091.3390.00 - 10164 - 16/2017 - MANUTENÇÃO DA SECRETARIA DE SAUDE VIGÊNCIA: até 31 de dezembro de 2017. Catanduvas – SC, 07 de abril de 2017. FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE ALMIR JOSÉ VICENTINE

TERMO DE CONTRATO PMC Nº 0079/2017

CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE CATANDUVAS CONTRATADA: FAEE SUPRIMENTOS E LOCACAO DE SISTEMAS LTDA - ME OBJETO: O objeto do presente contrato consiste na contratação de empresa para locação de Ferramenta (software) desenvolvida por profissionais atuantes na área da contabilidade pública, visando atender as demandas dos controladores internos em obediência às legislações vigentes e ao regramento do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina, contendo dispositivos para a importação de dados dos mais diversos softwares contábeis. Essa ferramenta possibilita ao usuário a elaboração de diversos demonstrativos de controle dos índices constitucionais e gerenciais, inclusive os relatórios circunstanciados de balancetes e balanços. VALOR: R$ 6.400,00 (seis mil e quatrocentos reais). CONSIGNAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 2.005.3390.00 - 100 - 7/2017 MANUT. ATIVIDADES SECRET.ADMINIST.FINANÇAS VIGÊNCIA: até 31 de dezembro de 2017. Catanduvas – SC, 12 de abril de 2017.

EXTRATO DO CONTRATO PMC Nº 0078/2017 TERMO DE CONTRATO PMC Nº 0078/2017

MUNICÍPIO DE CATANDUVAS – SC Dorival Ribeiro dos Santos

TOMADA DE PREÇO N° 0001/2017 (PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0022/2017)

EXTRATO DO CONTRATO PMC Nº 0080/2017

CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE CATANDUVAS CONTRATADA: LUZERNA INSTALACOES ELETRICAS LTDA - ME

PREGÃO N° 0003/2017 (PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0003/2017).

OBJETO: O objeto do presente contrato consiste na contratação de mão de obra e aquisição de materiais para manutenção e ampliação da rede de iluminação pública no município, visando o desempenho das atividades da Secretaria Municipal de Infraestrutura. VALOR: R$ 145.810,61 (cento e quarenta e cinco mil oitocentos e dez reais e sessenta e um centavos). CONSIGNAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 2.038.3390.00 - 108 - 62/2017 ILUMINAÇÃO PÚBLICA COSIP VIGÊNCIA: até 31 de dezembro de 2017. Catanduvas – SC, 06 de abril de 2017.

TERMO DE CONTRATO PMC Nº 0080/2017

CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE CATANDUVAS CONTRATADA: COR E ARTE COM. E DISTR. LTDA OBJETO: A CONTRATADA fornecerá materiais de limpeza por meio da Secretaria Municipal de Educação. VALOR: R$ 347,00 (trezentos e quarenta e sete reais). CONSIGNAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 2.017.3390.00 - 101 - 22/2016 MANUTENÇÃO DO ENSINO FUNDAMENTAL VIGÊNCIA: até 31 de dezembro de 2017. Catanduvas – SC, 10 de abril de 2017. MUNICÍPIO DE CATANDUVAS DORIVAL RIBEIRO DOS SANTOS

MUNICÍPIO DE CATANDUVAS – SC Dorival Ribeiro dos Santos

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 122

EXTRATO DO CONTRATO PMC Nº 0081/2017

abril de 2017.

PREGÃO N° 0003/2017 (PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0003/2017).

FUNDAMENTO JURÍDICO – O presente aditivo Contratual tem amparo no inciso II, do art. 57, da Lei n° 8.666 de 21 de julho de 1993.

TERMO DE CONTRATO PMC Nº 0081/2017

CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE CATANDUVAS CONTRATADA: SUPER DELAZERI LTDA OBJETO: A CONTRATADA fornecerá materiais de limpeza por meio da Secretaria Municipal de Educação. VALOR: R$ 4.683,00 (quatro mil seiscentos e oitenta e três reais). CONSIGNAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 2.017.3390.00 - 101 - 22/2016 MANUTENÇÃO DO ENSINO FUNDAMENTAL VIGÊNCIA: até 31 de dezembro de 2017. Catanduvas – SC, 10 de abril de 2017. MUNICÍPIO DE CATANDUVAS DORIVAL RIBEIRO DOS SANTOS

EXTRATO OITAVO TERMO ADITIVO AO CONTRATO FMS N° 0002/2013

Catanduvas – SC, 31 de março de 2017. MUNICÍPIO DE CATANDUVAS Dorival Ribeiro dos Santos

EXTRATO QUARTO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC Nº 0084/2015 QUARTO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC N° 0084/2015

TOMADA DE PREÇO N° 0004/2015 (PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0065/2015). CONTRATANTE: O MUNICÍPIO DE CATANDUVAS CONTRATADA: BALBINOT CONSTRUÇÕES EIRELI – EPP Reportam-se ao contrato firmado entre as partes na data de 03 de novembro de 2015.

OITAVO TERMO ADITIVO AO CONTRATO FMS N.º 0002/2013

OBJETO: CLÁUSULA PRIMEIRA – Prorrogar o prazo do contrato até o dia 31 de dezembro de 2017, com novo prazo iniciando em 1° de abril de 2017.

TOMADA DE PREÇOS N° 0001/2013, PROCESSO LICITATÓRIO N.º 0001/2013. CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE CATANDUVAS - FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE CONTRATADA: T.O.S OBRAS E SERVIÇOS AMBIENTAIS LTDA

FUNDAMENTO JURÍDICO – O presente aditivo Contratual tem amparo no inciso II, do art. 57, da Lei n° 8.666 de 21 de julho de 1993.

Reportam-se ao Contrato firmado entre as partes em 01 de fevereiro de 2013: OBJETO: CLÁUSULA PRIMEIRA – DO PRAZO Prorrogar o prazo do contrato até o dia 30 de junho de 2017, com novo prazo iniciando em 1° de abril de 2017. CLÁUSULA SEGUNDA – DO VALOR O valor mensal será de R$ 3.679,90 (três mil seiscentos e setenta e nove reais e noventa centavos). FUNDAMENTO JURÍDICO – O presente aditivo Contratual tem amparo no inciso II, do art. 57, da Lei n° 8.666 de 21 de julho de 1993. Catanduvas – SC, 31 de março de 2017. FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE ALMIR JOSÉ VICENTINE

EXTRATO PRIMEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC N° 0126/2016 PRIMEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC N° 0126/2016

Tomada de Preço n° 0013/2016 (Processo Licitatório nº 0091/2016) CONTRATANTE: O MUNICÍPIO DE CATANDUVAS CONTRATADA: OUROLUZ PRODUTOS E SOLUCOES ELETRICAS LTDA - EPP Reportam-se ao Contrato firmado entre as partes em 19 de dezembro de 2016:

Catanduvas – SC, 31 de março de 2017. MUNICÍPIO DE CATANDUVAS – SC Dorival Ribeiro dos Santos

EXTRATO SÉTIMO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC Nº 0015/2013 SÉTIMO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC N.º 0015/2013

TOMADA DE PREÇOS N° 0001/2013, PROCESSO LICITATÓRIO N.º 0001/2013. CONTRATANTE: O MUNICÍPIO DE CATANDUVAS CONTRATADA: T.O.S OBRAS E SERVIÇOS AMBIENTAIS LTDA Reportam-se ao Contrato firmado entre as partes em 01 de fevereiro de 2013 para: OBJETO: CLÁUSULA PRIMEIRA – DO PRAZO Prorrogar o prazo do contrato até o dia 30 de junho de 2017, com novo prazo iniciando em 1° de abril de 2017. CLÁUSULA SEGUNDA – DO VALOR O valor mensal será de R$ 40.290,96 (quarenta mil duzentos e noventa reais e noventa e seis centavos). FUNDAMENTO JURÍDICO – O presente aditivo Contratual tem amparo no inciso II, do art. 57, da Lei n° 8.666 de 21 de julho de 1993. Catanduvas – SC, 31 de março de 2017. MUNICÍPIO DE CATANDUVAS Dorival Ribeiro dos Santos

OBJETO: CLÁUSULA PRIMEIRA – Prorrogar o prazo do contrato até o dia 31 de maio de 2017, com novo prazo iniciando em 1° de

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 123

EXTRATO TERCEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO FMAS Nº 0032/2015

EXTRATO TERCEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC Nº 0103/2016

TOMADA DE PREÇO N° 0006/2015 (PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0069/2015).

TOMADA DE PREÇO N° 0009/2016 (PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0063/2016).

CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE CATANDUVAS - FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL – FMAS CONTRATADA: PRECISA GESTAO EM TECNOLOGIA E SERVICOS LTDA. - ME

CONTRATANTE: O MUNICÍPIO DE CATANDUVAS CONTRATADO: ALEXANDRE CALDEIRA EIRELI ME

TERCEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO FMAS N° 0032/2015

Reportam-se ao contrato firmado entre as partes na data de 14 de dezembro de 2015 OBJETO: CLÁUSULA PRIMEIRA – Prorrogar o prazo do contrato até o dia 31 de maio de 2017, com novo prazo iniciando em 1° de abril de 2017. PARAGRAFO ÚNICO: O presente aditivo refere-se aos itens 2, 3 e 4, do contrato. FUNDAMENTO JURÍDICO – O presente aditivo Contratual tem amparo no inciso II, do art. 57, da Lei n° 8.666 de 21 de julho de 1993. Catanduvas – SC, 31 de março de 2017.

TERCEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC Nº 0103/2016

Reportam-se ao Contrato firmado entre as partes em 13 de julho de 2016 para alterá-lo conforme segue: OBJETO: CLÁUSULA PRIMEIRA – Prorrogar o prazo do contrato até o dia 31 de dezembro de 2017, com novo prazo iniciando em 1° de abril de 2017. FUNDAMENTO JURÍDICO – O presente aditivo Contratual tem amparo no inciso II, do art. 57, da Lei n° 8.666 de 21 de julho de 1993. Catanduvas – SC, 31 de março de 2017. MUNICÍPIO DE CATANDUVAS – SC Dorival Ribeiro dos Santos

FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL NOEVO OSMARINI

EXTRATO TERCEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC N° 0099/2016 TERCEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO PMC Nº 0099/2016

TOMADA DE PREÇO N°0007/2016 (PROCESSO LICITATÓRIO Nº 0058/2016). CONTRATANTE: O MUNICÍPIO DE CATANDUVAS CONTRATADO: ISMAIL ZOUHAIR HAIDAR – ME / MEGANET INTERNET Reportam-se ao Contrato firmado entre as partes em 23 de junho de 2016: OBJETO: CLÁUSULA PRIMEIRA – Prorrogar o prazo do contrato até o dia 31 de dezembro de 2017, com novo prazo iniciando em 1° de abril de 2017. FUNDAMENTO JURÍDICO – O presente aditivo Contratual tem amparo no inciso II, do art. 57, da Lei n° 8.666 de 21 de julho de 1993. Catanduvas – SC, 31 de março de 2017. MUNICÍPIO DE CATANDUVAS Dorival Ribeiro dos Santos

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 124

Caxambu do Sul Prefeitura ADENDO PROCESSO SELETIVO 002/2017

PRIMEIRO ADENDO AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO Nº 02/2017, DE 13 DE ABRIL DE 2017. Objeto: GLAUBER BURTET, PREFEITO MUNICIPAL DE CAXAMBU DO SUL, ESTADO DE SANTA CATARINA, inscrito no CNPJ sob o nº 83.021.816/0001-29, com sede administrativa na Avenida Presidente Getúlio Vargas, nº 615, Bairro Centro, Caxambu do Sul, SC, CEP 89880-000, torna publico o Primeiro Adendo ao Edital. 1. O Conteúdo Programático das questões Específico para o cargo de Agente Comunitário de Saúde, passa a vigorar com a seguinte especificação: CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Legislação municipal (Estatuto dos Servidores e Lei Orgânica Municipal). 01. Lei nº 8.080/90, de 19/09/1990 e alterações - Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências; 02. Lei nº 8.142/90, de 28/12/1990 e alterações - Dispõe sobre a participação da comunidade na gestão do Sistema Único de Saúde - SUS e dá outras providências; 03. Portaria nº 2.488, de 21/10/2011 – Aprova a Política Nacional de Atenção Básica, estabelecendo a revisão de diretrizes e normas para a organização da Atenção Básica, para a Estratégia Saúde da Família (ESF) e o Programa de Agentes Comunitários de Saúde (PACS); 04. Políticas de Saúde no Brasil – SUS: princípios e diretrizes; Programa de Saúde da Família; 05. Noções de ética e cidadania; 06. Noções gerais e conhecimentos políticos, econômicos e geográficos municipal; Cadastramento familiar e territorial: finalidade e instrumentos; 07. Conceito de territorialização, micro- área e área de abrangência; 08. Conceitos e critérios de qualidade da atenção à saúde: acessibilidade, humanização do cuidado,satisfação do usuário e do trabalhador e equidade; 09. Indicadores epidemiológicos e campanhas de vacinação; 10. Promoção da saúde: conceitos e estratégias; 11. Principais problemas de saúde da população e recursos existentes para o enfrentamento dos problemas; 12. Condições de risco social: violência, desemprego, infância desprotegida, processos migratórios, escolaridade e infraestrutura básica; 13. Saúde da criança, do adolescente, do adulto e do idoso: noções básicas; 14. Ações Educativas: amamentação, Prevenção a drogas, nutrição, planejamento familiar, educação sexual e prevenção a DST/AIDS. 15. Meio ambiente: limpeza e coleta seletiva; 16. Pessoas portadoras de necessidades especiais: abordagem, medidas facilitadoras de inclusão social e direito legal; 17. Aspectos gerais de higiene; 18. Conceitos de eficácia, eficiência e efetividade em saúde coletiva; 19. Lideranças: conceitos, tipos e processos de constituição de líderes populares; 20. Informação, educação e comunicação: conceito, diferenças e interdependência; 21. Cultura popular e sua relação com os processos educativos; 22. Participação e mobilização social: conceitos e fatores facilitadores e/ ou dificultadores; 23. Visita domiciliar; 24. Avaliação das áreas de risco ambiental e sanitário; 25. Noções básicas de epidemiologia, meio ambiente e saneamento; 26. Noções básicas de doenças como Leishmaniose Visceral e Tegumentar, Dengue, Malária, Esquistossomose, Toxoplasmose, dentre outras. 27. Noções básicas de higiene com manipulação de alimentos e produtos químicos. 2. Ficam ratificadas as demais cláusulas do Edital. GLAUBER BURTET Prefeito Municipal de Caxambu do Sul, SC.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 125

Celso Ramos Prefeitura ATA DE REGISTRO DE PREÇOS 23/2017

PROCESSO: 23/2017 - PREGÃO PRESENCIAL 18/2016 MUNICIPIO DE CELSO RAMOS/SC ATA DE REGISTRO DE PREÇOS 78 e 79/2016 MUNICÍPIO DE CELSO RAMOS/SC, pessoa jurídica de Direito Público Interno, devidamente inscrita no CGC/MF sob n° 78.493.343/000122, no ato representado Pelo Exmo. Sr. ONDINO RIBEIRO DE MEDEIROS, Prefeito Municipal, órgão gerenciador deste Registro de Preço, neste ato denominado como Administrador/Contratante, e as empresas: L.A. INFORMATICA E SUPRIMENTOS P ESCRITORIO LTDA ME, inscrita no CNPJ n° 11.924.851/0001-47 com sede na RUA MAL DEODORO 337 – CENTRO – CAMPOS NOVOS/SC, neste ato representada pelo Sr. ANGELO MATOS DA CAS. MAXI MOVEIS E PAPELARIA LTDA ME situado na RUA RIACHUELO, 888 – BAIRRO SANTO ANTONIO – HERVAL D OESTE/SC, neste ato representada pelo Sr. LUCIANO PILATTI, firmam a presente ATA DE REGISTRO DE PREÇOS, mediante as cláusulas e condições a seguir estabelecidas: 1.DO OBJETO AQUISIÇÃO DE MATERIAIS E HARDWARES PARA AMPLIAÇÃO DA CAPACIDADE E MANUTENÇÃO DOS RECURSOS DE INFORMÁTICA E INTERNET PARA AS SECRETARIAS MUNICIPAIS E FMS DE CELSO RAMOS/SC. 1.1 O DETENTOR obriga-se a entregar: 2. VALOR 2.1 O valor total registrado através da presente ata obedece ao disposto no PREGÃO PRESENCIAL Nº 18/2017 - PREFEITURA MUNICIPAL DE CELSO RAMOS, seus anexos e a proposta apresentada pelos Detentores. 2.1 - DOS ITENS 3. DEVERES DO DETENTOR 3.1 Entregar o objeto licitado onde for requerido pela Secretaria municipal solicitante de forma imediata. 3.2 Todos os itens entregues devem estar em perfeito estado de conservação e aptos para uso, bem como possuir o certificado de garantia, quando for o caso. 3.3 Os produtos deverão ser entregues mediante a Autorização de fornecimento emitido pelo Setor de Compras do Município. Bem como a nota será empenhada acompanhada pela A.F. 3.4 - A entrega dos itens deverá ser de maneira imediata, conforme requisição emitida pelo Departamento de Compras do Município. Caso os objetos a serem fornecidos sejam entregue via frete, será concedido o prazo máximo de 5 dias úteis para sua respectiva entrega. 3.4.1 – O atraso na entrega das mercadorias acarretará em Advertência, sendo que a reincidência possibilitará a rescisão contratual por parte da Administração. 2.6 - Tendo em vista que se trata de REGISTRO DE PREÇOS a Administração fará a aquisição dos produtos conforme a demanda e necessidade no decorrer do exercício de 2017. 2.7 - Todos os materiais devem ser de primeira linha, com garantia mínima de 6 (seis) meses em cada item acima descrito. Para que assim garanta a eficiência e qualidade na reposição de peças nos equipamentos da Prefeitura Municipal e Fundo Municipal de Saúde. 2.8 - Em caso de não funcionamento na instalação/primeiro uso de TODOS OS ITENS DESTE EDITAL, a empresa deverá enviar um novo equipamento, lacrado. 4. SUBSTITUIÇÃO E REGISTRO DOS PRODUTOS ASSINADO DIGITALMENTE

4.1 Na ocasião da entrega dos produtos, não havendo disponibilidade de marca, fica autorizada a substituição dos produtos ofertados na licitação, desde que os produtos substituintes também cumpram às especificações do Edital de Licitação, possuindo inclusive os mesmos registros / cadastros devidos, na conformidade da legislação vigente. ENTREGA E RECEBIMENTO 5.1 O Detentor deverá entregar o material requisitado de forma imediata ou em até 5 dias se for via frete, a partir do recebimento da requisição (A.F) de material. 5.1.1 A nota fiscal deve vir com a descrição detalhada dos produtos. 5.2 Constatadas irregularidades, a Administração poderá: 5.2.1 Se disser respeito à especificação, rejeitá-lo no todo ou em parte, determinando sua substituição ou complementação, ou rescindindo a contratação, sem prejuízo das penalidades cabíveis; 5.2.2 Na hipótese de substituição, a Contratada deverá fazê-la em conformidade com a indicação da Administração, no prazo máximo de 3 (três) dias úteis, contados da notificação por escrito, mantido o preço inicialmente registrado; 5.2.3 Na hipótese do subitem anterior, o prazo previsto no subitem 5.2 será interrompido até que sejam sanadas as irregularidades, recomeçando seu cômputo apenas quando da efetivação da nova entrega dos materiais substituídos ou complementados; 5.2.4 A entrega do material substituído ou complementado darse-á de forma provisória, nos termos do item 5.2, a fim de que seja novamente aferida a sua compatibilidade com os termos do presente Edital; 5.2.5 Verificando-se que a nova entrega está em termos, será emitido Termo de Recebimento Definitivo, nos mesmos moldes do subitem 5.2; 5.2.6 Caso a nova entrega ainda se verifique fora dos padrões do Edital, a Administração optará entre notificar novamente a Contratada ou declarar o inadimplemento da avença administrativa, com a aplicação das sanções pertinentes. 5.3 Na hipótese deste subitem 5.3 o prazo previsto no subitem 5.2 será interrompido até que sejam sanadas as irregularidades. 6. DO PAGAMENTO 6.1 Os pagamentos dos produtos entregues será efetuado até 45 dias após a emissão da Nota Fiscal emitida de acordo com empenho. 6.2 Para o faturamento deverá ser apresentado o seguinte: a) Nota Fiscal de Faturamento e Autorização de Fornecimento; 7. REAJUSTE 7.1 Os preços registrados poderão ser revisados/alterados, em caso de oscilação do custo de produção, a cada de 90 dias após a homologação do Registro de Preços, a pedido do Contratado, comprovadamente refletida no mercado, tanto para mais como para menos. 7.2 Caso o contratado efetue o pedido de revisão, será verificado dentre os proponentes que registraram o(s) respectivo(s) item(s), o preço atualizado, reclassificando-se os preços cotados, se for o caso, bem como nas demais hipóteses previstas na Lei no8.666/93. 7.3 Quaisquer tributos ou encargos legais criados, alterados ou extintos, bem como a superveniência de disposições legais, quando ocorridos após a adjudicação da presente licitação, de comprovada repercussão nos preços contratados, implicarão na revisão destes para mais ou para menos, conforme o caso. 8. DAS SANÇÕES 8.1 Poderá a Administração, garantida a prévia defesa, aplicar à detentora de adjudicação as seguintes penalidades: 8.2 suspensão temporária do direito de licitar e de contratar com www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

o Município, pelo período de até 05 (cinco) anos, caso haja recusa em assinar a Ata de Registro de Preços no prazo estabelecido. 8.3 multas pecuniárias, nas seguintes proporções: adjudicação da presente licitação, de comprovada repercussão nos preços contratados, implicarão na revisão destes para mais ou para menos, conforme o caso. 8.3.1 de até 30% (trinta por cento) sobre o valor total da Nota de Empenho, nos casos de recusa da detentora da Ata de Registro de Preços em aceitá-la, ato que caracteriza o descumprimento total da obrigação assumida; 8.3.2 moratória de 0,2% (dois décimos por cento) por dia de atraso, calculada sobre o valor do material não entregue dentro do prazo contratual, na hipótese de atraso injustificado, até o máximo de 30 dias, após o que poderá a critério da Administração, não mais ser recebido e aceito, configurando-se a inexecução total do ajuste, com as consequências previstas em lei e nesta cláusula; 8.3.3 de até 30% (trinta por cento) sobre o valor do material não entregue – observando –se que independentemente da data de emissão do documento fiscal da empresa, a efetividade da entrega se dá no no memento em que é atestado o recebimento definitivo – hipótese que caracteriza, conforme o caso, inexecução total ou parcial do ajuste. 8.4 A apresentação das razoes do atraso, antes da data avençada para entrega do material, embora não elida por si a penalidade, poderá contar favoravelmente à empresa quando da decisão da Administração, se cabíveis os argumentos apresentados. 8.5 Nos termos do parágrafo 3º do art. 87 da Lei 8666/93, a multa, caso aplicada após regular processo administrativo, será descontada do pagamento eventualmente devido pela Administração ou ainda, quando for o caso, cobrada judicialmente, em conformidade com a legislação específica. 8.6 Além das multas, á detentora da Ata de Registro de Preços que apresentar documentação falsa exigida para o certame, ensejar o retardamento da execução do seu objeto, não mantiver a proposta, falhar ou fraudar na execução do contrato, comportar-se de modo inidôneo ou cometer fraude fiscal poderão, garantida a prévia defesa, ser aplicadas as seguintes sanções legais: 8.6.1 advertência; 8.6.2 suspensão temporária de participação em licitação e impedimento de contratar com a Administração, pelo prazo de até 5 (cinco) anos; e 8.6.3 declaração de inidoneidade para licitar e contratar com a Administração Pública, enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida a reabilitação, na forma da lei, perante a própria autoridade que aplicou a penalidade. 9. VIGÊNCIA 9.1 A presente Ata de Registro de Preços tem vigência de 12 (doze) meses, de 24 DE ABRIL/2017 a 24 ABRIL/2018. 10. LEGISLAÇÃO APLICÁVEL 10.1 A presente Ata de Sistema de Registro de Preços regula-se pelas normas e procedimentos previstos na Lei 8666/93 10.2 No caso de surgirem dúvidas sobre a inteligência das cláusulas do presente Contrato, tais dúvidas serão resolvidas com o auxílio dos postulados que norteiam o Direito Administrativo e as suas leis de regência, assim como da Legislação Civil, no que couber. 11. DESPESA 11.1 – A Administração Municipal da Prefeitura de Celso Ramos poderá utilizar-se dos preços registrados através deste certame a qual utilizará as dotações orçamentárias de 2017. Dot: Secretaria/Órgão Dot: Secretaria/Órgão 05, 06, 08 Gabinete do Prefeito 11, 12 Secretaria de Administração 13, 16 Secretaria de Agricultura 26, 27 Secretaria da Cidade e meio Ambiente 44,45 Secretaria do Esporte, Turismo e Cultura 52, 56, 67, 68, 57. 58, Secretaria de Educação 74, 75, 78, 79, 81,83, 84, 85, 101, 102 Fundo de Assistência Social 101 Fundo Municipal do Idoso ASSINADO DIGITALMENTE

Página 126

10,13,26,27, 17,20,21 Secretaria Municipal de Saúde 12. RESCISÃO 12.1 A presente Ata de Registro de Preços poderá ser rescindida, caso se materialize uma, ou mais, das hipóteses contidas no artigo 78, itens I a XVII, da Lei nº 8.666/93. 12.2 A presente Ata de Registro de Preços poderá ser revogada por razões de interesse público (art.49, caput, da Lei 8.666/93), decorrente de fato superveniente devidamente comprovado; 12.3 A presente Ata de Registro de Preços poderá ser rescindida unilateralmente o ajuste nos termos do inciso I do artigo 79 da Lei nº 8666/93. 13. DISPOSIÇÕES GERAIS 13.1 O Detentor deverá manter durante toda a execução da Ata de Registro de Preços, todas as condições de habilitação e qualificação exigidas na Licitação. 13.2 As empresas licitantes serão responsáveis pela fidelidade e legitimidade das informações e dos documentos apresentados, em qualquer época ou fase do processo licitatório; 13.3 Nenhuma indenização será devida às licitantes pela elaboração e/ou apresentação de documentos relativos à presente licitação. 13.4 Na contagem dos prazos será observado o disposto no artigo 110 da Lei nº 8666/93. 14. DO FORO 14.1 Fica eleito o Foro da Comarca Anita Garibaldi/SC, para dirimir todas as questões desta licitação, que não forem resolvidas por via administrativa ou por arbitramento, na forma do Código Civil. E por estarem assim justos e contratados, assinam o presente instrumento em 2 (duas) vias de igual teor. PREFEITO MUNICIPAL ONDINO RIBEIRO DE MEDEIROS DETENTORES: L.A INFORMATICA MAXI MOVEIS E PAPELARIA

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE

6157 1009 2724 1026 6160 1017 6168 2726 1015 1010 6167 1543 1006 6169 1016

15 17 19 23 24 27 28 31 32 38 41 44 45 46 47

1011 6013 2731

1007

1002 994 995

2732 2730

2 3 4

5

7 9 12

13 16

ADAPTADOR USB WRELESS ANTENMINIPARABOLICA AQUÁRIO 23 DBI BATERIA ESTACIONARIA 12 V - CAPACIDADE: 20HORAS CABO DE REDE UTP COM 4 PARES TRAÇADO FURUKAWA 305MT CAIXA HERMÉTICA 50X40X25 CONECTOR RJ 45 - COM 100 FONTE ESTABILIZADORA CHAVEADA 110/220 PARA CFTV 12V 1A FONTE NOBREAK 24 V 7 AMP HD EXTERNO 1 TB

UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN

PAUTA WD WD EPSON EPSON KINGSTON KINGSTON KINGSTON LIKETEK TPLINK D-LINK TPLINK DLINK TPLINK LIKETEK

UN UN UN UN UN UN UN UN UN

TP LINK AQUARIO MOURA MACROCABOS CONDUX KNUP KAIROS UNIPOWER SEAGATE

Data da Homologação:

24/04/2017

UN UN UN UN UN UN

POE PLUSCABLE HARDLINE TSSHARA FIOLUX WISECASE

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000 0,0000

0,0000

0,0000 0,0000 0,0000

0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000

0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000

Descto(%)

167,0000 481,0000

385,0000 49,0000 41,0000

590,0000

72,5000 420,0000 590,0000

2.635,0000 289,0000 368,0000 1.875,0000 1.240,0000 213,0000 213,0000 293,0000 18,9000 74,0000 114,0000 188,0000 75,0000 978,0000 41,0000

116,0000 10,5000 95,0000 219,0000 114,0000 134,0000

Preço Unitário

1.336,00 962,00

3.080,00 490,00 820,00

3.540,00

725,00 1.680,00 1.180,00

53.883,00

26.350,00 2.312,00 1.104,00 1.875,00 2.480,00 2.130,00 852,00 586,00 567,00 370,00 1.368,00 1.128,00 750,00 1.956,00 820,00

1.740,00 105,00 285,00 3.285,00 1.140,00 2.680,00

Preço Total

Venceu Venceu

Venceu Venceu Venceu

Venceu

Venceu Venceu Venceu

Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu

Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu

Situação

Página: 1/2

DOM/SC - Edição N° 2238

8,000 2,000

8,000 10,000 20,000

6,000

10,000 4,000 2,000

198,000

10,000 8,000 3,000 1,000 2,000 10,000 4,000 2,000 30,000 5,000 12,000 6,000 10,000 2,000 20,000

15,000 10,000 3,000 15,000 10,000 20,000

Qtde Cotada

24/04/2017

Marca do Produto Un.Med.

Total do Fornecedor -------->

ADAPTADOR POE 24 V CABO USB PARA IMPRESSORA CARREGADOR UNIVERSAL PARA NOTEBOOK ESTABILIZADOR 1000VA BIVOLT ESTABILIZADOR 300 VA BIVOLT FONTE PARA COMPUTADOR BIVOLT - ACIMA DE 250W GABINETE COMPLETO - WIND 10 HD INTERNO DE 500GB - SATA HD PARA NOTBOOK 500 GB IMPRESSORA MATRICIAL 80 COLUNAS IMPRESSORA Multifuncional - ECOTANK MEMORIA 4GB DDR3 MEMORIA DDR4 4GB MORIA NOTEBOOK 4GB MOUSE ÓPTICO USB PLACA DE REDE PCI LAN ROTEADOR 300 MBITS B/G/N SWITC - HUB DE 16 PORTAS SWITCH - HUB DE 8 PORTAS SWITCH GIGABIT 48 PORTAS TECLADO USB PADRÃO ABNT

Licitação: 18/2017 - PR - MAXI MOVEIS E PAPELARIA LTDA - ME

2722 1022 2723 1013 6159 1003

1 6 8 10 11 14

Nr. do Processo: 23/2017 Fornecedor: 10016

Descrição do Material

Data da Homologação: Licitação: 18/2017 - PR - L.A. INFORMATICA E SUPRIMENTOS P/ ESCRITORIO LTDA.

Material

Nr. do Processo: 23/2017 Fornecedor: 9835

Item

Relação dos Participantes por Processo / Licitação

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CELSO RAMOS

24/04/2017 (Segunda-feira) Página 127

ATA DE CONTRATO PROCE 23/2017

www.diariomunicipal.sc.gov.br

ASSINADO DIGITALMENTE Descrição do Material

6162 6161

2794 6155 997 998 1014 6156 1000 986 1020 1001

999 989

22 25

29 30 33 34 35 36 37 43 48 49

50 51

UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN UN

EPSSON HP KINGSTON ACER UBIQUITI UBIQUITI RAGTECH LENOVO UBIQUITI MIKROTIK TP LINK UBIQUITI UBIQUITI UBIQUITI

193,000

10,000 10,000

2,000 10,000 10,000 10,000 10,000 10,000 5,000 1,000 8,000 4,000

1,000 10,000

2,000 10,000 10,000

Qtde Cotada

24/04/2017

SEAGATE HP HP

Data da Homologação:

Marca do Produto Un.Med.

Total do Fornecedor -------->

HD PARA NOTBOOK 1000 GB IMPRESSORA LASER JET MONO BIVOLT IMPRESSORA LASER MULTIFUNCIONAL COLORIDA IMPRESSORA MATRICIAL 136 COLUNAS IMPRESSORA MULTIFUNCIONAL A LASER COM ALIMENTADOR MICRO TIK RB 750 MONITOR LCD 18,6 NANOSTATION UBIQUITI 16 DBI 2.4 GHZ (M2) NANOSTATION UBIQUITI 16 DBI 5.8 GHZ (M5) NOBREAK 600 VA NOTEBOOKCOM TECLADO NUMERICO OMNI DE 25DBI 2.4GHZ ROUTERBOARD 450G/ MIKROTIK TP - LINK OUTDOR WIRELESS 2:4 GHZ WA 5210G UBIQUITI AIRMAX ROCKET M5 5.8GHZ 2X2 MIMO 550MW UBIQUITI BULLET 2HP OUTDOOR 800MW 2.4GHZ UBIQUITIBULLET M5 (5.8 GHZ)

Celso Ramos, 18 de Abril de 2017.

2725 6165 6166

18 20 21

Licitação: 18/2017 - PR - MAXI MOVEIS E PAPELARIA LTDA - ME

Material

Nr. do Processo: 23/2017 Fornecedor: 10016

Item

Relação dos Participantes por Processo / Licitação

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CELSO RAMOS

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000 0,0000

0,0000 0,0000

0,0000 0,0000 0,0000

Descto(%)

780,0000 515,0000

390,0000 535,0000 590,0000 725,0000 399,0000 2.440,0000 640,0000 490,0000 389,0000 590,0000

2.980,0000 1.545,0000

464,0000 1.190,0000 2.370,0000

Preço Unitário

138.553,00

7.800,00 5.150,00

780,00 5.350,00 5.900,00 7.250,00 3.990,00 24.400,00 3.200,00 490,00 3.112,00 2.360,00

2.980,00 15.450,00

928,00 11.900,00 23.700,00

Preço Total

Venceu Venceu

Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu Venceu

Venceu Venceu

Venceu Venceu Venceu

Situação

Página: 2/2

24/04/2017 (Segunda-feira) DOM/SC - Edição N° 2238 Página 128

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 129

Chapadão do Lageado Prefeitura 220.2017

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CHAPADÃO DO LAGEADO PORTARIA Nº 220/2017 CONSTITUI COMISSÃO PARA AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO FUNCIONAL DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE CHAPADÃO DO LAGEADO -SC E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS." A Prefeita do Município de Chapadão do Lageado, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelo Artigo 70, Inciso II, alínea “g” da Lei Orgânica Municipal e em conformidade com o art. 36 e 37 da Lei Complementar 008 de 23.12.99; RESOLVE: Art. 1° - Constituir Comissão para Avaliação do Desempenho Funcional, dos servidores públicos do Município de Chapadão do Lageado-SC, a qual compete avaliar a competência profissional dos servidores municipais, conforme dispõe o Decreto nº. 050/2009. Art. 2° - Para compor a Comissão de que trata o "caput" do Artigo 1°, ficam nomeados os seguintes membros: I - MAICSON MONTIBELLER II - MARCIA S. SCHMIDT III - MAURICIO JASPER IV - NERCI RAMOS V - VANDERLENE SOTELE SEBOLD Parágrafo único. A Comissão de que trata o “caput” deste artigo, será presidida pela Senhora Nerci Ramos e Secretariada pela Senhora Marcia s. Schmidt. Art. 3º - Para a condução do Processo de Avaliação, a Comissão deverá observar os dispositivos regulamentares, previstos no Decreto referenciado no Artigo 1º desta Portaria. Art. 4° - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Art. 5° - Fica revogada a Portaria nº. 200 de 12.05.2014. Prefeitura do Município de Chapadão do Lageado, 20 de abril de 2017. MARLI GORETTI KAMMERS Prefeita Municipal

LEI Nº 0674 DE 20.04.2017

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA DO MUNICIPIO DE CHAPADÃO DO LAGEADO LEI Nº 0674 DE 20.04.2017 Autoriza o Poder Público Municipal a conceder premiação aos vencedores do XV Campeonato Municipal de Futsal e XIII Campeonato Municipal de Futebol Suíço e dá outras providências. A Prefeita do Município de Chapadão do Lageado, Estado de Santa Catarina, faz saber a todos os habitantes deste Município, que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei: Art. 1º Fica o Chefe do Poder Executivo Municipal autorizado a realizar o pagamento da premiação em pecúnia aos vencedores do XV Campeonato Municipal de Futsal e XIII Campeonato Municipal de Futebol Suíço. § 1º A Premiação em pecúnia de que trata o caput deste art., será feita nominalmente ao responsável pela equipe vencedora, indicado em formulário próprio, disponibilizado pela Divisão de Esportes. § 2º A Divisão de Esportes, após os jogos finais, encaminhará à Secretaria da Fazenda, a relação dos nomes, acompanhado dos documentos pessoais, que procederá o competente empenho e pagamento, aos responsáveis de cada equipe premiada. Art. 2º Fica igualmente autorizada a concessão de premiação na forma de troféus e medalhas. Art. 3º As premiações de que tratam os arts. 1º e 2º desta Lei, estão estabelecidas no Anexo Único integrante desta lei. Art. 4º Fica autorizado a cobrança de taxa de inscrição das equipes participantes do XV Campeonato Municipal de Futsal e XIII Campeonato Municipal de Futebol Suíço. I – Categoria Livre e Veterano: R$ 50,00 (cinquenta reais) por equipe participante; II – Categoria Feminino e Sub 15: R$ 30,00 (trinta reais) por equipe participante. Art. 5º O valor da inscrição será recolhido diretamente aos cofres públicos, a título de "Receitas Diversas", através da emissão do DAM – Documento de Arrecadação Municipal, emitido pelo setor de Tributação do Município, em nome do responsável pela equipe, indicado na forma do § 1º do art.1º desta Lei. Parágrafo Único: O Responsável indicado pela equipe deverá estar em dia com os tributos Municipais. Art.6º As despesas decorrentes desta Lei correrão à conta de dotações ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 130

do orçamento fiscal anual do Município. Art. 7º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Município de Chapadão do Lageado-SC, 20 de abril de 2017. MARLI GORETTI KAMMERS Prefeita Municipal ANEXO I XV Campeonato Municipal de Futsal – 2017 CATEGORIA LIVRE CLASSIFICAÇÃO 1º 2º 3º 4º Artilheiro Defesa Menos Vazada CATEGORIA VETERANO CLASSIFICAÇÃO 1º 2º 3º 4º Artilheiro Defesa Menos Vazada CATEGORIA FEMININO CLASSIFICAÇÃO 1º 2º 3º 4º Artilheiro Defesa Menos Vazada CATEGORIA SUB 15 CLASSIFICAÇÃO 1º 2º 3º 4º Artilheiro Defesa Menos Vazada

VALOR R$ 800,00 500,00 300,00 200,00

TROFÉU 01 01 01 01 01 01

MEDALHA 15 15 15 15

VALOR R$ 500,00 300,00 200,00 100,00

TROFÉU 01 01 01 01 01 01

MEDALHA 15 15 15 15

VALOR R$ 300,00 200,00 100,00 50,00

TROFÉU 01 01 01 01 01 01

MEDALHA 15 15 15 15

VALOR R$ 300,00 200,00 100,00 50,00

TROFÉU 01 01 01 01 01 01

MEDALHA 15 15 15 15

TROFÉU 01 01 01 01 01 01

MEDALHA 15 15 15 15

ANEXO II XIII Campeonato Municipal de Futebol Suíço – 2017 CATEGORIA LIVRE CLASSIFICAÇÃO 1º 2º 3º 4º Artilheiro Defesa Menos Vazada

ASSINADO DIGITALMENTE

VALOR R$ 1.000,00 700,00 500,00 300,00

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 131

Cocal do Sul Prefeitura AVISO PREGÃO PRESENCIAL Nº 24/PMCS/2017 (REGISTRO DE PREÇOS) ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE COCAL DO SUL AVISO DE LICITAÇÃO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 27/PMCS/2017 PREGÃO PRESENCIAL Nº 24/PMCS/2017 (Registro de Preços)

Objeto: Registro de preços para prestação de serviços de colocação de lajotas, meio-fio, paver, pisos de concreto e construção de bocas de lobo (bueiros), no atendimento ao Município de Cocal do Sul. Tipo: Menor Preço Global. Recebimento dos envelopes: Até as 09h00min do dia 11/05/2017. Abertura: Dia 11/05/2017, às 09h00min. Informações complementares: O Edital em inteiro teor estará à disposição dos interessados no site www.cocaldosul.sc.gov.br, link “Licitações”, na pasta do referido processo. Quaisquer informações poderão ser obtidas na Diretoria de Compras e Licitações da Prefeitura Municipal de Cocal do Sul, situada na Av. Dr. Polidoro Santiago, nº 519, Centro, de 2ª a 6ª feira, das 07h30min às 12h00min e das 13h00min às 16h30min, pelo telefone (48) 3444-6006 ou pelo e-mail [email protected] Cocal do Sul, 20 de abril de 2017. ADEMIR MAGAGNIN Prefeito Municipal

DECRETO SAF/N. 246/17

DECRETO SAF/Nº. 246/17, de 24 de abril de 2017. DISPÕE SOBRE A NOMEAÇÃO DE CANDIDATO APROVADO NO CONCURSO PÚBLICO DO QUADRO DE PESSOAL NO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE COCAL DO SUL – ESF – ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA, PARA ADMISSÃO NO SERVIÇO PÚBLICO MUNICIPAL. ADEMIR MAGAGNIN, Prefeito Municipal de Cocal do Sul, usando de suas atribuições que lhe conferem a Lei Orgânica do Município, a Lei Complementar nº 60, de 15 de julho de 2015, e CONSIDERANDO a realização de Concurso Público para provimento efetivo no serviço público municipal, conforme Edital nº 002/2015, de 20 de novembro de 2015, homologado através do Decreto SAF/ Nº 51/16, de 02 de fevereiro de 2016. DECRETA: Art. 1º Fica nomeado o candidato aprovado no Concurso Público do Quadro de Pessoal no Fundo Municipal de Saúde de Cocal do Sul – E.S.F – Estratégia Saúde da Família, realizado de acordo com o Edital n° 002/2015, de 20 de novembro de 2015, conforme relacionado no Anexo Único deste Decreto, obedecendo à ordem de classificação. Art. 2º O candidato têm o prazo de 30 (trinta) dias corridos, a contar da data da publicação deste Decreto, para tomar posse. Art. 3º No ato da posse o candidato deve apresentar os seguintes documentos: a) comprovação da idade mínima de 18 anos; b) prova de quitação das obrigações eleitorais; c) prova de quitação das obrigações militares, para os candidatos do sexo masculino; d) comprovação da escolaridade, conforme estabelecido no edital; e) comprovação da capacidade técnica (qualificação para o ASSINADO DIGITALMENTE

exercício da função) conforme estabelecido no edital; f) declaração de não ter sofrido, no exercício de função pública, as penalidades previstas no art. 137 e seu parágrafo único da Lei nº 8.112/1990; g) declaração de bens, na forma da Lei nº 8.730/1993; h) declaração negativa de acumulação de cargo público; i) atestado de médico declarando aptidão para exercer o respectivo cargo; j) nacionalidade brasileira ou gozo das prerrogativas insertas nos Decretos nºs 70.391/1972 e 70.436/1972. Parágrafo único. Não serão aceitos protocolos dos documentos exigidos, nem fotocópias não autenticadas. Art. 4º Será considerado desistente e, portanto, eliminado do concurso publico o candidato que não comparecer nas datas estabelecidas para posse, ou deixar de cumprir os requisitos exigidos. Parágrafo único. A falta de um único documento inabilitará o candidato á posse do cargo. Art. 5º O nomeado para posse será lotado de acordo com a conveniência da Administração, no respectivo cargo a que se inscreveu e fora considerado aprovado, conforme Edital. Art. 6º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Paço Municipal Jarvis Gaidzinski, 24 de abril de 2017. ADEMIR MAGAGNIN Prefeito Municipal CLEDIO FACHIN Secretário de Adm., Planej., Fazenda e Finanças Públicas ANEXO ÚNICO MÉDICO CLÍNICO GERAL CLASSIFICAÇÃO

Nº INSCRIÇÃO

CANDIDATO

18

242933

Maria Fernanda Anselmo Cizeski

Paço Municipal Jarvis Gaidzinski, 24 de abril de 2017. ADEMIR MAGAGNIN Prefeito Municipal CLEDIO FACHIN Secretário de Adm., Planej., Fazenda e Finanças Públicas

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 132

Câmara Municipal DECRETO LEGISLATIVO Nº.321/2017

DECRETO LEGISLATIVO Nº 321/2017, de 19 de abril de 2017. APROVA AS CONTAS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE COCAL DO SUL, REFERENTES AO EXERCÍCIO DE 2015 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE COCAL DO SUL, LUIZ HENRIQUE DE BITENCOURT, no uso das atribuições que lhe são conferidas, promulga o seguinte: DECRETOLEGISLATIVO Art. 1º Fica aprovado o Parecer Prévio nº 0180/2016 emitido pelo Egrégio Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina, que nos termos do processo nº PCP -16/00169594, recomendou a aprovação das Contas da Prefeitura de Cocal do Sul, referente ao exercício de 2015. Art. 2º. Comunique-se o Egrégio Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina. Art. 3º Este Decreto Legislativo entra em vigor na data de sua publicação. Art. 4º. Revogam-se as disposições em contrário. Câmara Municipal de Cocal do Sul, 19 de abril de 2017. LUIZ HENRIQUE DE BITTENCOURT MARCEL FREITAS Presidente 1º Secretário Registrado e publicado o presente Decreto Legislativo nesta Secretaria, no mural da Prefeitura e no DOM /SC , aos dezenove dias do mês de abril de 2017.

SAMAE - Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto de Cocal do Sul PREGÃO PRESENCIAL 12/2017

AVISO DE LICITAÇÃO. O SAMAE – Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto do Município de Cocal do Sul-SC, torna público, para conhecimento dos interessados, que às 09:00 horas do dia 10 de Maio de 2017, realizará licitação na modalidade de PREGÃO PRESENCIAL – TIPO MENOR PREÇO POR ITEM nº 12/2017, para aquisição de Equipamentos de Laboratório para a Estação de Tratamento de Água desta Autarquia, conforme descrição no Anexo I do edital. As propostas serão recebidas a partir desta data, encerrando-se o prazo de entrega às 09:00 horas do dia 10 de Maio de 2017. A integra do Edital e esclarecimentos poderão ser obtidos no seguinte endereço: Rua Lisboa, 520 – Bairro Jardim Bela Vista – Cocal do Sul-SC, pelo telefone (48)3447-6350, ou através do Site: www.samaecocaldosul.sc.gov.br. Cocal do Sul-SC, 20 de Abril de 2017. Carla Cristina Possamai Della. Diretora do SAMAE

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 133

Concórdia Prefeitura AVISO DE LICITAÇÃO MODALIDADE ELETRONICO N°12/2017-PMC

PREGÃO

MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA – SC AVISO DE LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 12/2017 – PMC Aquisição de Bens

RECURSAL

MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA – SC

CONCORRÊNCIA Nº 1/2017 – PMC

Objeto: Aquisição de equipamentos, aparelhos e utensílios domésticos diversos, para atender às necessidades das Unidades Administrativas do Município, Unidades da rede escolar municipal, da Fundação Municipal de Esportes - FMEC, e para uso das Guarnições do Canil e PPT do 20° Batalhão de Polícia Militar, com recursos próprios e oriundos do convênio Salário-Educação Governo Federal e Convênio Rádio Patrulha 055/2016, conforme descrições constantes nos anexos “A” e “B” deste edital. Forma de Pregão: Eletrônico. Tipo: Menor Preço Por Lote Recebimento das propostas: até às 08h15min do dia 08/05/2017. Início da Sessão: dia 08/05/2017, às 08h30min, no endereço eletrônico www.portaldecompraspublicas.com.br, horário de Brasília – DF. Informações complementares: o Edital em inteiro teor estará à disposição dos interessados no site www.portaldecompraspublicas. com.br. Quaisquer informações poderão ser obtidas na Diretoria de Compras do Município de Concórdia, situada à Rua Leonel Mosele, nº 62, Centro, de 2ª a 6ª feira, das 08h00min às 11h30min e das 13h30min às 17h00min, ou pelo fone (0**49) 3441-2167. Concórdia, SC, 18 de Abril de 2017. MARCIA MARLI VANZO CALDEROLLI Secretária Municipal de Educação

AVISO DE LICITAÇÃO MODALIDADE PRESENCIAL N° 20/2017-PMC

COMUNICAÇÃO DE INTERPOSIÇÃO CONCORRÊNCIA N° 1/2017-PMC

Objeto: Contratação de empresa para prestação de serviços de operação, tratamento de resíduos e manutenção do Aterro Sanitário Municipal de Concórdia, de acordo com o Memorial Descritivo e Projeto, constantes no Anexo “D” do Edital. COMUNICAÇÃO DE INTERPOSIÇÃO RECURSAL Para fins do disposto no § 3º do art. 109 da Lei nº 8.666/93 e, posteriores alterações, comunicamos às licitantes: RICARDO LUIS BONI EIRELI EPP e SEGMENTO – CONSTRUTORA & PAVIMENTAÇÃO LTDA EPP, que as licitantes CRI COLETA E INDUSTRIALIZAÇÃO DE RESÍDUOS LTDA e LIDER MATERIAIS ELÉTRICOS LTDA, interpuseram, na data de 18 de abril de 2017, recurso administrativo pugnando pela revisão do julgamento da fase de habilitação do certame. Desejando, V. Sª poderá impugná-lo, no prazo de 5 (cinco) dias úteis, contados a partir da data da publicação deste aviso, estando os autos abertos à consulta desde já. Concórdia, SC, 20 de abril de 2017. CAMILA CRISTINA M. V. NOGUEIRA Presidente CPL

ERRATA Nº 1/2017

PREGÃO

MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA – SC AVISO DE LICITAÇÃO MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº 20/2017 – PMC AQUISIÇÃO DE BENS

Objeto: Aquisição de um veículo tipo pick-up leve, nova, na cor branca, original de fábrica, ano e modelo correspondente no mínimo ao ano da emissão da nota fiscal, com recursos federais e contrapartida, conforme especificações constantes nos anexos “A” e “B” deste edital. Tipo: Menor Valor Por Item Recebimento das propostas: até as 10h00min do dia 08/05/2017. Abertura: dia 08/05/2017 às 14h00min. Informações complementares: o Edital em inteiro teor estará à disposição dos interessados na home page www.concordia.sc.gov. br, link “Licitações”. Quaisquer informações poderão ser obtidas na Diretoria de Compras da Prefeitura Municipal de Concórdia, situada na Rua Leonel Mosele, nº 62, 1º andar, Centro, de 2ª a 6ª feira, das 08h00min às 11h30min e das 13h30min às 17h00min, ou pelo telefone (49) 3441-2113.

MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA ERRATA Nº 1/2017 Errata da Lei nº 4.948. O Prefeito do Município de Concórdia, no uso de suas atribuições legais, torna pública a errata referente à Lei nº 4.948: I – onde se lê: “LEI Nº 4.948, DE 6 DE ABRIL DE 2017”, leia-se: “LEI Nº 4.948, DE 7 DE ABRIL DE 2017”; II – onde se lê: “Publicado nesta SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO (Diretoria Administrativa), em 6 de abril de 2017”, leia-se: “Publicada nesta SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO (Diretoria Administrativa), em 7 de abril de 2017”. Centro Administrativo Municipal de Concórdia, aos 19 dias do mês de abril de 2017. ROGÉRIO LUCIANO PACHECO Prefeito Municipal

Concórdia, SC, 20 de abril de 2017. MAURO MARTINI Secretário Municipal de Agricultura, Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 134

ERRATA Nº 2/2017

Faço saber que a Câmara Municipal de Vereadores aprovou e eu sanciono a seguinte Lei.

ERRATA Nº 2/2017

Art. 1º Fica acrescido § 9º ao art. 280 da Lei Complementar nº 188, de 11 de maio de 2001 e alterações, que dispõem sobre normas relativas à utilização do espaço e o bem-estar público do Município de Concórdia, Estado de Santa Catarina – Código de Posturas, com a seguinte redação:

MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA

Errata da Lei Complementar nº 731. O Prefeito do Município de Concórdia, no uso de suas atribuições legais, torna pública a errata referente à Lei Complementar nº 731: I – onde se lê: “LEI COMPLEMENTAR Nº 731, DE 6 DE ABRIL DE 2017”, leia-se: “LEI COMPLEMENTAR Nº 731, DE 7 DE ABRIL DE 2017”; II – onde se lê: “Publicado nesta SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO (Diretoria Administrativa), em 6 de abril de 2017”, leia-se: “Publicada nesta SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO (Diretoria Administrativa), em 7 de abril de 2017”. Centro Administrativo Municipal de Concórdia, aos 19 dias do mês de abril de 2017. ROGÉRIO LUCIANO PACHECO Prefeito Municipal

EXTRATO DO TERMO DE COLABORAÇÃO Nº 1/2017 MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA

EXTRATO DO TERMO DE COLABORAÇÃO Nº 1/2017 ESPÉCIE: Termo de Colaboração celebrado entre o MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA, inscrito no CNPJ sob nº 83.024.257/0001-00, representado pelo seu Prefeito Municipal, senhor ROGÉRIO LUCIANO PACHECO e a ASSOCIAÇÃO DE SERVIÇOS SOCIAIS VOLUNTÁRIOS DE CONCÓRDIA – BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS, inscrita no CNPJ sob nº 83.701.680/0001-06, representada pelo seu Presidente, senhor NADIR MATTIELLO. OBJETO: Conjugação de esforços visando à manutenção da entidade, para execução de atividades destinadas ao atendimento da população do Município de Concórdia, mediante prestação de serviços de prevenção e combate a incêndios, busca e salvamento, prestação de socorro em casos de inundações, desabamentos, catástrofes, calamidades públicas e demais ações voltadas a defesa civil do Município, bem como auxílio na preservação de equipamentos públicos municipais, em casos fortuitos ou de força maior, através do repasse financeiro para o PARTÍCIPE, na forma do Plano de Trabalho apresentado, conforme art. 42, parágrafo único, I, da Lei Federal nº 13.019/2014 e alterações. VALOR: R$ 675.000,00. PRAZO: Até 31.12.2017, a partir da data da assinatura. DATA DA ASSINATURA: 5 de abril de 2017.

LEI COMPLEMENTAR Nº 731/2017 MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA

LEI COMPLEMENTAR Nº 731, DE 6 DE ABRIL DE 2017. Acresce § 9º ao art. 280 da Lei Complementar nº 188, de 11 de maio de 2001 e alterações, que dispõem sobre normas relativas à utilização do espaço e o bem-estar público do Município de Concórdia, Estado de Santa Catarina – Código de Posturas. O Prefeito do Município de Concórdia.

ASSINADO DIGITALMENTE

“Art. 280. (...) § 9º No sábado que antecede o dia de Páscoa, fica autorizada a abertura do comércio com horário estendido, conforme disposto no caput deste artigo.” (NR) Art. 2º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Centro Administrativo Municipal de Concórdia. ROGÉRIO LUCIANO PACHECO Prefeito Municipal NEIVA JUSTINA BELUSSO PIOLA Secretária Municipal de Administração

WAGNER ISIDORO SIMIONI Secretário Municipal de Urbanismo e Obras

Publicado nesta SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO (Diretoria Administrativa), em 6 de abril de 2017. VALDECIR FILIPPI FRANZEN Diretor Administrativo

LEI COMPLEMENTAR Nº 732/2017 MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA

LEI COMPLEMENTAR Nº 732, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a revisão geral anual das remunerações, o pagamento do auxílio-alimentação, a concessão de abono e de cesta alimentação. O Prefeito do Município de Concórdia. Faço saber que a Câmara Municipal de Vereadores aprovou e eu sanciono a seguinte Lei. Art. 1º Sobre o valor do vencimento, salário, provento, pensão e bolsa de contraprestação pagos no mês de março de 2017, aos agentes públicos ativos e inativos dos Poderes Executivo e Legislativo do Município e aos estagiários, incluídas a Autarquia e as Fundações Públicas Municipais, incidirá o percentual de 6% (seis por cento). Parágrafo único. O acréscimo de que trata o caput deste artigo é composto de: I – revisão geral, no percentual equivalente a 100% (cem por cento) da inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor – INPC/Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, acumulado no período de 1º de março de 2016 a 28 de fevereiro de 2017; II – reajuste, no percentual correspondente à diferença da inflação acumulada no período, descrito no inciso I deste artigo, para o percentual de 6% (seis por cento). Art. 2º Para os subsídios dos agentes políticos, a revisão fica limitada a 100% (cem por cento) da inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor – INPC/Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, acumulado no período de 1º de janeiro a 31 de março de 2017.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Art. 3º Os benefícios previdenciários que não são revistos de forma paritária, para os fins que dispõe o § 8º do art. 40 da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, e demais situações previstas na mesma, serão reajustados de forma a preservar o valor real, na mesma data e nos mesmos índices do reajuste dos benefícios do Regime Geral de Previdência Social. Art. 4º O auxílio-alimentação instituído pela Lei Complementar nº 730, de 6 de abril de 2017, terá o valor mensal de R$ 170,00 (cento e setenta reais) a ser pago em pecúnia na folha de pagamento, a partir de abril de 2017. Parágrafo único. Servidores em gozo de licença-prêmio, auxílio doença, auxílio maternidade e paternidade farão jus ao pagamento do auxílio-alimentação. Art. 5º Será concedido abono de R$ 230,00 (duzentos e trinta reais), em parcela única, no mês de dezembro de 2017, para os servidores integrantes dos Quadros de Pessoal dos Poderes Executivo e Legislativo, Administração Direta e Indireta, ativos, com exceção dos agentes políticos e dos estagiários. § 1º O abono será concedido, também: I – aos contratados para atender necessidade temporária de excepcional interesse público; II – aos servidores que estiverem em gozo de férias ou licença, com exceção das licenças para acompanhar cônjuge ou companheiro, ou para tratar de interesses particulares; III – aos inativos do Município o valor do abono será de R$ 212,00 (duzentos e doze) reais. § 2º Para os servidores com carga horária igual ou inferior a 20 (vinte) horas semanais, o abono corresponderá a 50% (cinquenta por cento) do valor estabelecido no caput deste artigo. § 3º Os servidores inativos, no exercício de outro cargo na Administração Municipal, farão jus à concessão de somente 1 (um) abono, o maior. § 4º O abono tem caráter indenizatório, sem incidência de encargos e será pago proporcional aos meses de exercício, sendo que, a fração igual ou superior a 15 (quinze) dias será considerada como mês integral. Art. 6º Fica o Município autorizado a conceder cesta alimentação, nos seguintes termos: I – aos servidores ativos, exceto aos agentes políticos, aos ocupantes de cargos em comissão dos níveis 1 e 2, e aos estagiários: 5 (cinco) cestas, a serem distribuídas nos meses de maio, julho, setembro, novembro de 2017 e março de 2018; II – aos servidores inativos e pensionistas do IPRECON: 6 (seis) cestas, a serem distribuídas nos meses de maio, julho, setembro, novembro de 2017 e janeiro e março de 2018. § 1º A cesta alimentação prevista no caput deste artigo será devida, também, aos servidores que estiverem em gozo de férias, afastamentos involuntários ou licença, com exceção das licenças para acompanhar cônjuge ou companheiro ou para tratar de interesses particulares. § 2º Para os servidores em auxílio-doença e aos inativos que possuem outro vínculo com o Município, a concessão da cesta será a estabelecida no inciso II deste artigo.

ASSINADO DIGITALMENTE

Página 135

§ 3º Ato do Poder Executivo fixará os quantitativos e produtos para composição da cesta alimentação, prevista no caput deste artigo. Art. 7º Fica o Município autorizado a conceder no mês de dezembro de 2017, para os servidores integrantes dos Quadros de Pessoal dos Poderes Executivo e Legislativo, Administração Direta e Indireta, ativos, inativos e pensionistas do IPRECON, 1 (um) peru temperado, com peso mínimo de 3,8 kg (três quilos e oitocentos gramas). Art. 8º Os recursos necessários à execução desta Lei correrão por conta de dotações próprias do orçamento geral do Município. Art. 9º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 1º de março de 2017. Centro Administrativo Municipal de Concórdia. ROGÉRIO LUCIANO PACHECO Prefeito Municipal NEIVA JUSTINA BELUSSO PIOLA Secretária Municipal de Administração JACIR HERMINIO MAZOCCO Secretário Municipal de Finanças Publicada nesta SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO (Diretoria Administrativa), em 20 de abril de 2017. VALDECIR FILIPPI FRANZEN Diretor Administrativo

LEI Nº 4.948

MUNICÍPIO DE CONCÓRDIA LEI Nº 4.948, DE 6 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre o uso de Faixa Compartilhada no Município de Concórdia, e dá outras providências. O Prefeito do Município de Concórdia. Faço saber que a Câmara Municipal de Vereadores aprovou e eu sanciono a seguinte Lei. Art. 1º Esta Lei disciplina o uso de Faixa Compartilhada, no trecho compreendido da Rua Tancredo de Almeida Neves, do cruzamento da Rua João Suzin Marini até o acesso à Rua Victor Sopelsa. Art. 2º São objetivos da Faixa Compartilhada: I – oferecer à população a opção de trânsito de bicicleta e outros meios não motorizados em condições de segurança e o atendimento da demanda de deslocamento no espaço urbano, oportunizando, também, o estacionamento de veículos que utilizam o comércio e residências naquele local; II – integrar a modalidade de transporte individual não motorizado às modalidades de transporte público; III – reduzir a poluição atmosférica e sonora, o congestionamento das vias públicas por veículos automotores e promover a melhoria da qualidade de vida; IV – promover a mobilidade urbana através da bicicleta como meio de locomoção, bem como a conscientização ecológica. Art. 3º Para os efeitos desta Lei considera-se Faixa Compartilhada a via aberta ao uso público no trecho acima mencionado, conforme sinalização regulamentadora de trânsito, caracterizada como pista compartilhada com o trânsito e estacionamento de veículos www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 136

motorizados, circulação de bicicletas e demais meios de transporte não motorizados, assim como com pontos de ônibus para embarque e desembarque de passageiros sobre a faixa. Art. 4º A Faixa Compartilhada destinar-se-á ao estacionamento de veículos de segunda à sexta-feira, das 7h30min às 18h30min e aos sábados, das 7h30min às 12h30min, ficando expressamente proibido o seu uso para estacionamento nos domingos, feriados e nos horários não compreendidos acima, cuja finalidade do espaço destinar-se-á de forma exclusiva para o trânsito de bicicletas e outros meios de locomoção não motorizados. Art. 5º Fica expressamente vedada na Faixa Compartilhada a condução de animais e a condução de veículos de tração animal. Art. 6º A inobservância das vedações estabelecidas nesta Lei sujeita o infrator às penalidades previstas na Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997 e alterações. Art. 7º O tráfego de bicicleta e dos demais meios de locomoção não motorizados sobre a Faixa Compartilhada fica limitado a 40Km/h, nos termos da sinalização local, cabendo aos usuários respeitarem as normas de boa condução no trânsito e respeito ao pedestre. Art. 8º A Diretoria de Trânsito desenvolverá programas educativos, dirigidos a orientar e conscientizar motoristas, pedestres e ciclistas e demais usuários quanto ao uso da Faixa Compartilhada a das regras de segurança a serem compartilhadas entre eles. Art. 9º Esta Lei entra em vigor 60 dias após a sua publicação. Centro Administrativo Municipal de Concórdia. ROGÉRIO LUCIANO PACHECO Prefeito Municipal NEIVA JUSTINA BELUSSO PIOLA Secretária Municipal de Administração WAGNER ISIDORO SIMIONI Secretário Municipal de Urbanismo e Obras Publicado nesta SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO (Diretoria Administrativa), em 6 de abril de 2017. VALDECIR FILIPPI FRANZEN Diretor Administrativo

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 137

Cordilheira Alta Prefeitura DECRETO N. 334/2017

DECRETO Nº334/2017, DE 12 DE ABRIL DE 2017 “ ALTERA DECRETO Nº 420/2016 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS” CARLOS ALBERTO TOZZO, Prefeito Municipal de Cordilheira Alta, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições Legais que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, atendendo o disposto no Art. 70; - Considerando a necessidade de alteração de membros da Comissão Coordenadora para monitoramento e avaliação do Plano de Educação, DECRETA: Art. 1º - Ficam nomeados para comporem a Comissão Coordenadora para monitoramento e avaliação do Plano de Educação os membros: Secretaria Municipal de Educação a) Titular: Maike Elize Techio b) Suplente: Adriana Inês Lanzarin Câmara Municipal de Vereadores a)Titular: Sidônia Salete Cecon Merísio b)Suplente: Jair Borsoi Representante dos Professores da Rede Municipal de Ensino a)Titular: Vanessa Bós b)Suplente: Monia Cristina Breassini Representantes dos Gestores Municipais a) Titular: Luana Paula Morescho b) Suplente: Vania Cristina Pederssetti Graciani Art. 2º Demais artigos permanecem inalterados e em pleno vigor. Art. 3º- Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Cordilheira Alta, SC, 10 de abril de 2017. CARLOS ALBERTO TOZZO Prefeito Municipal Registrado e publicado em data supra. MAURO ARLINDO MORESCO Secretário Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento

DECRETO N. 344/2017

DECRETO Nº344/2017, DE 20 DE ABRIL DE 2017 “DISPÕE SOBRE A ADMISSÃO DE SERVIDORA, EM CARÁTER TEMPORÁRIO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”. CARLOS ALBERTO TOZZO, Prefeito Municipal de Cordilheira Alta, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais ,atendendo o disposto no inciso IV do Art. 70 da Lei Orgânica Municipal, e em especial ao disposto no Art. 1° da Lei Municipal N° 468/01, ASSINADO DIGITALMENTE

DECRETA: Art. 1º Fica admitida a partir de 20/04/2017, em caráter temporário por excepcional interesse público, a Sra. CRISTINA LAJUS MENDES na função de Médico Clínico Geral – 40 horas semanais, lotada na Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social. Art. 2º A Servidora ficará sujeita ao disposto no Estatuto dos Servidores (LC N°018/01), Lei Municipal 468/01 e alterações. Art. 3º As despesas decorrentes da aplicação do presente Decreto, estão consignadas no Orçamento Municipal. Art. 4º Este decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 5º Revogam-se as disposições em contrário. Cordilheira Alta, SC, 20 de Abril de 2017 CARLOS ALBERTO TOZZO Prefeito Municipal Registrada e publicada em data supra. MAURO ARLINDO MORESCO Secretário Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento

DECRETO N. 345/2017

DECRETO Nº345/2017, DE 20 DE ABRIL DE 2017 “CONCEDE LICENÇA A SERVIDORA MUNICIPAL PARA TRATAMENTO DE SAÚDE E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”. CARLOS ALBERTO TOZZO, Prefeito Municipal de Cordilheira Alta, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, atendendo o disposto no Art. 70 da Lei Orgânica Municipal e demais legislações aplicáveis: DECRETA Art. 1º Conceder 02 (dois) dias, de licença para tratamento de saúde a servidora Municipal, Sra. NEIDES PEDERSSETTI, ocupante do cargo de Assessor de Secretaria , com carga horária integral, lotada na Secretaria Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos para dia 17/04/2017. Art. 3º Revogam-se as disposições em contrário. Cordilheira Alta, SC, 20 de abril de 2017. CARLOS ALBERTO TOZZO Prefeito Municipal Registrada e publicada em data supra. MAURO ARLINDO MORESCO Secretário Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

DECRETO N. 346/2017

DECRETO Nº346/2017, DE 20 DE ABRIL DE 2017 “DISPÕE SOBRE A CONCESSÃO DE ADICIONAL DE INSALUBRIDADE E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”. CARLOS ALBERTO TOZZO, Prefeito Municipal de Cordilheira Alta, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, atendendo o disposto no Art. 70, IV da Lei Orgânica Municipal, Lei Complementar n° 18/2001, art. 56, Lei Complementar n° 122/2016. - Considerando que a tabela de insalubridade/periculosidade constante do anexo I à Lei Complementar Nº 122/2016, fica adequada ao Laudo Pericial emitido pela Polimedici Assessoria e Consultoria em Medicina do Trabalho Ltda, DECRETA: Art. 1° Fica concedido Adicional de Insalubridade, à Sra. CRISTINA LAJÚS MENDES na função de Médico Clínico Geral – 40 horas semanais, lotada na Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social, na ordem de 20 %, conforme Anexo I da Lei Complementar n° 122/2016.

Página 138

b ) Suplente: Alan Fabio Favareto – CPF: 041.660.089-13 c ) Titular: Patricia Marchi – CPF: 070.345.999-63 d ) Suplente: Leandra Casonatto Breansini – CPF: 022.118.329-97 Art. 2º - O mandato dos Conselheiros será de 02(dois) anos permitida uma recondução. Art 3º- Os membros do Conselho Municipal de Educação, nomeados por este Decreto, exercerão suas atividades em caráter relevante, sem qualquer tipo de ônus para o Município. Art.. 4º- Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 5º - Revogam-se as disposições em contrário, em especial o Decreto n°183/2015. CARLOS ALBERTO TOZZO Prefeito Municipal Registrada e publicada em data supra. MAURO ARLINDO MORESCO Secretário Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento

Art. 2º Revogam-se as disposições em contrário. Art. 3º Este decreto entra em vigor na data de sua publicação. Cordilheira Alta, SC, 20 de abril de 2017. CARLOS ALBERTO TOZZO Prefeito Municipal Registrada e publicada em data supra. MAURO ARLINDO MORESCO Secretário Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento

DECRETO N. 347/2017

DECRETO Nº347/2017, DE 20 DE ABRIL DE 2017 “DISPÕE SOBRE A NOMEAÇÃO DOS MEMBROS PARA COMPOREM O CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE CORDILHEIRA ALTA E DÀ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” CARLOS ALBERTO TOZZO, Prefeito Municipal de Cordilheira Alta, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições Legais de seu cargo , considerando o disposto no inciso XVI, do Art. 70 da Lei Orgânica Municipal; CONSIDERANDO a Lei Municipal nº235/97. DECRETA: Art. 1º - Ficam nomeados para comporem o Conselho Municipal de Educação deste Município, os seguintes Conselheiros: I) REPRESENTANTES DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO a) Titular: Maike Elize Techio – CPF: 006.066.999-37 b) Suplente: Adriana Inês Lanzarin – CPF: 024.179.119-73 II) REPRESENTANTES DA ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL a) Titular: Aline de Almeida Kalles – CPF: 063.956.539-54 b) Suplente: Nilvete Aparecida Sartor Atuatti – CPF: 892.897.65968 III) REPRESENTANTES DAS APPs MUNICIPAIS a) Titular: Francieli Martins – CPF: 051.378.149-89 b) Suplente: Rudimar Bellé – CPF: 601.356.899-53 IV) REPRESENTANTES DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO DA REDE MUNICIPAL a ) Titular: Lenir Rosemary Martelli Tecchio – CPF: 729.806.649-87 ASSINADO DIGITALMENTE

DECRETO N. 348/2017

DECRETO Nº348/2017, DE 20 DE ABRIL DE 2017 “DISPÕE SOBRE A NOMEAÇÃO DOS MEMBROS PARA COMPOREM O CONSELHO MUNICIPAL DE ACOMPANHAMENTO E CONTROLE SOCIAL DO FUNDO DE MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA E DE VALORIZAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO – FUNDEB E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS” CARLOS ALBERTO TOZZO Prefeito Municipal de Cordilheira Alta, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições Constitucionais e Legais de seu cargo , considerando o disposto no inciso XVI, do art. 70 da Lei orgânica Municipal; CONSIDERANDO a Lei Municipal 747/07; CONSIDERANDO os dispostos da Lei Federal 11.494/2007; DECRETA: Art. 1º - Ficam nomeados para comporem o Conselho municipal de Acompanhamento e Controle Social do Fundo de manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos profissionais da Educação – FUNDEB, deste município, os seguintes conselheiros: I – CONSELHO MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO: a) Titular: Aline de Almeida Kalles – CPF: 063.956.539-54 b) Suplente: Nilvete Aparecida Sartor Atuatti – CPF: 892.897.65968 II – CONSELHO TUTELAR: a) Titular: Érica Soares Variani – CPF: 253.911.568-31 b) Suplente: Josiane Trucolo Aires – CPF: 073.683.899-03 III – DIRETORES DAS ESCOLAS PÚBLICAS: a) Titular: Daiane Fávero – CPF 055.313.869-31 b) Suplente: Luana Paula Morescho – CPF 009.669.289-89 IV – ESTUDANTES DA EDUCAÇÃO BÁSICA PÚBLICA: a) Titular: Justina Ines Grolli – CPF 042.384.969-73 b) Suplente: Maria Genieudo Duarte Lima – CPF 364.305.729-89 a) Titular: Nilson Natalino Nassinger CPF 512.368.509-04 b) Suplente: Maria Vieira Oliveira Vieira CPF 025.942.629-60 V – PAIS DE ALUNOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA PÚBLICA: a) Titular: Ana Paula Kolling – CPF 092.536.209-35 b) Suplente: Dulcinéia Simionatto Vogt – CPF 058.025.599-93 c) Titular: Ivonei Breansini – CPF 018.547.109-90 d) Suplente: Nadia Lanzarin – CPF 039.609.799-59 www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

VI – PODER EXECUTIVO MUNICIPAL: a) Titular: Flaviano Perin – CPF 064.120.589-90 b) Suplente: Silvana Maggioni Fávero CPF 028.367.769-43 VII – SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO: a) Titular: Adriana Inês Lanzarin – CPF 024.179.119-73 b) Suplente: Maike Elize Techio – CPF 006.066.999-37 VIII – PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA PÚBLICA: a) Titular: Vanesa Bós – CPF 032.550.619-11 b) Suplente: Adriana Favaretto CPF: 019.681.959-80 IX – SERVIDORES TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS DAS ESCOLAS PÚBLICAS: a) Titular: Vania Cristina Pederssetti Graciani – CPF 015.446.029-01 b) Suplente: Sonia Fátima Cenci – CPF 933.656.249-53 Art. 2º - Os membros deste Conselho exercerão suas atividades em caráter relevante, sem qualquer tipo de ônus para o Município, pelo período de 2 (dois) anos, permitida uma única recondução. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 4º - Revogam as disposições em contrário, em especial o Decreto n° 182/2015. Art. 5º - Registre-se. Publique-se. Comunique-se. Cordilheira Alta – SC, 20 de abril de 2017. CARLOS ALBERTO TOZZO Prefeito Municipal Registrada e publicada em data supra.

Página 139

DECRETO N. 353/2017

DECRETO Nº353/2017, DE 20 DE ABRIL DE 2017 “DISPÕE SOBRE CONCESSÃO DE DISPENSA A SERVIDOR MUNICIPAL E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”. CARLOS ALBERTO TOZZO, Prefeito Municipal de Cordilheira Alta, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais que lhe confere o Art. 70 da Lei Orgânica do Município; DECRETA Art. 1º Conceder ao servidor Público Sr. FLAVIANO PERIM , ocupante do cargo de Auditor Fiscal de Tributos, com carga horária de 40 (quarenta) horas semanais , lotado na Secretaria Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento. 01 (um) dia de dispensa de serviço, com base no artigo 98, da Lei 9.504-97, de 30/09/1997, por ter prestado serviço no Processo de Eleição em 02/10/2016, que será usufruído dia 20/04/2016. Art. 2º Este decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º Revogam-se as disposições em contrário. Cordilheira Alta - SC, 20 de abril de 2017. CARLOS ALBERTO TOZZO Prefeito Municipal Registrada e publicada em data supra. MAURO ARLINDO MORESCO Secretário Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento

MAURO ARLINDO MORESCO Secretário Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento

DECRETO N. 352/2017

DECRETO Nº352/2017, DE 20 DE ABRIL DE 2017 “ ALTERA DECRETO Nº 301/2017 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS” CARLOS ALBERTO TOZZO, Prefeito Municipal de Cordilheira Alta, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições Legais que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, atendendo o disposto no Art. 70; - Considerando a necessidade de alteração de membros da Comissão de Monitoramento do Transporte Escolar DECRETA: Art. 1º - Fica nomeado para compor a Comissão de Monitoramento do Transporte Escolar o membro: I - Representante da Secretaria Municipal da Educação: Eder Pizatto Art. 2º Demais artigos permanecem inalterados e em pleno vigor. Art. 3º Este decreto entra em vigor na data de sua publicação. Cordilheira Alta – SC, 20 de abril de 2017. CARLOS ALBERTO TOZZO Prefeito Municipal Registrada e publicada em data supra. MAURO ARLINDO MORESCO Secretário Municipal de Administração, Fazenda e Planejamento

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 140

Coronel Freitas Prefeitura CONTRATO Nº 27/2017

PUBLICAÇÃO CONTRATO Nº27/2017 MUNICÍPIO DE CORONEL FREITAS CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº27/2017 Contratado: EGEM – ESCOLA DE GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL Objeto: O objeto do presente Instrumento de contrato é a contratação DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA CURSO DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO INFANTIL, COM CARGA HORÁRIA DE 40 HORAS, PARA 23 PROFESSORES. Vigência: 31/12/2017. Valor: R$ 2.150,00 (dois mil, cento e cinqüenta reais).

PREGÃO PRESENCIAL N° 15/2017 Estado de Santa Catarina PREFEITURA MUNICIPAL DE CORONEL FREITAS AVISO DE LICITAÇÃO Edital Pregão Presencial Nº 15/2017 Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA MINISTRAR AULAS DE CAPOEIRA Tipo: Menor Preço Por Item Entrega dos envelopes: até as 09:00 horas do dia 05/05/2017 Abertura dos envelopes: na seqüência às 09:00 horas do dia 05/05/2017 O Edital e esclarecimentos poderão ser obtidos no seguinte endereço e horário: Av.Santa Catarina, 1022 nos dias úteis, de segunda a sexta feira das 07:30 às 11:30 hrs e das 13:00 às 17:00 horas ou pelo fone 3347.3400. Coronel Freitas (SC), 20 de abril de 2017 Izeu Jonas Tozetto Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 141

Coronel Martins Prefeitura AVISO DE LICITAÇÃO DESERTA Nº 002/2017 AVISO DE LICITAÇÃO DESERTA PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº. 013/2017 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL Nº 008/2017

O Município de Coronel Martins avisa que não houve participantes no PREGÃO PRESENCIAL n.º 008/2017, com objeto: Possível aquisição de material de expediente para manutenção das atividades das diversas Secretarias da Prefeitura Municipal e Funda deste Município, ou seja, sendo DESERTA. Coronel Martins-SC, 20 de Abril de 2017. LUCAS CUCHI Pregoeiro

PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº 016/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CORONEL MARTINS AVISO DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 016/2017 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL Nº 011/2017 SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS - SRP

O Município de Coronel Martins - SC, TORNA PÚBLICO que fará realizar, com base nas Leis nº. 10.520/02 e 8.666/93, Licitação na Modalidade PREGÃO PRESENCIAL, no dia 05 de Maio de 2017, na sala de reuniões da Prefeitura Municipal, Licitação para possível aquisição de material de expediente, para manutenção das atividades das diversas Secretarias da Administração Municipal, referente ao exercício de 2017, conforme quantitativos e detalhamentos do edital. Os envelopes deverão ser entregues até às 08h30min do mesmo dia. Demais informações poderão ser obtidas pelo fone (49) 3459-0011, Coronel Martins (SC), 20 de abril de 2017. LUCAS CUCHI Pregoeiro

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 142

Correia Pinto Prefeitura DECRETO Nº 1156/2017

DECRETO Nº 1157/2017

CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO, Prefeito do Município de Correia Pinto, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo art. 95 da Lei Orgânica Municipal e pela Lei Municipal nº 2082, de 12 de abril de 2017. DECRETA.

CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO, Prefeito do Município de Correia Pinto, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo art. 95 da Lei Orgânica Municipal e pela Lei Municipal nº 2082, de 12 de abril de 2017. DECRETA.

“ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR - SUPERAVIT, FINANCEIRO DO EXERCÍCIO ANTERIOR”.

“ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR - SUPERAVIT, FINANCEIRO DO EXERCÍCIO ANTERIOR”.

Art. 1º - Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Crédito Adicional Suplementar – Superávit Financeiro do Exercício Anterior, no montante de R$ 741.475,04 (setecentos quarenta e um mil, quatrocentos setenta e cinco reais e quatro centavos), a saber:

Art. 1º - Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Crédito Adicional Suplementar – Superávit Financeiro do Exercício Anterior, no montante de R$ 741.475,04 (setecentos quarenta e um mil, quatrocentos setenta e cinco reais e quatro centavos), a saber:

12.01 – FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE 2.037 – Manutenção da Saúde do Município 39 3.1.90.00.00.404 – Aplicações Diretas R$ 40.521,07 40 4.4.90.00.00.3088 – Aplicações Diretas R$ 29.472,34 2.049 – Programa de Atenção Básica - PAB 41 3.3.90.00.00.0381 – Aplicações Diretas R$ 164.272,49 42 4.4.90.00.00.0381 – Aplicações Diretas R$ 99.111,42 2.042 – Vigilância Sanitária 43 3.3.90.00.00.3006 – Aplicações Diretas R$ 4.138,48 44 3.3.90.00.00.381 – Aplicações Diretas R$ 25.811,30 49 4.4.90.00.00.0381 – Aplicações Diretas R$ 50.000,00 2.040 – Farmácia Básica: 45 3.3.90.00.00.381 – Aplicações Diretas R$ 8.198,57 46 3.3.90.00.00.3091 – Aplicações Diretas R$ 17.711,25 2.039 – Programa Saúde da Família: 47 3.3.90.00.00.3091 – Aplicações Diretas R$ 35.048,01 48 4.4.90.00.00.3091 – Aplicações Diretas R$ 267.190,11 TOTAL SUPLEMENTAÇÃO R$ 741.475,04

12.01 – FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE 2.037 – Manutenção da Saúde do Município 39 3.1.90.00.00.404 – Aplicações Diretas R$ 40.521,07 40 4.4.90.00.00.3088 – Aplicações Diretas R$ 29.472,34 2.049 – Programa de Atenção Básica - PAB 41 3.3.90.00.00.0381 – Aplicações Diretas R$ 164.272,49 42 4.4.90.00.00.0381 – Aplicações Diretas R$ 99.111,42 2.042 – Vigilância Sanitária 43 3.3.90.00.00.3006 – Aplicações Diretas R$ 4.138,48 44 3.3.90.00.00.381 – Aplicações Diretas R$ 25.811,30 49 4.4.90.00.00.0381 – Aplicações Diretas R$ 50.000,00 2.040 – Farmácia Básica: 45 3.3.90.00.00.381 – Aplicações Diretas R$ 8.198,57 46 3.3.90.00.00.3091 – Aplicações Diretas R$ 17.711,25 2.039 – Programa Saúde da Família: 47 3.3.90.00.00.3091 – Aplicações Diretas R$ 35.048,01 48 4.4.90.00.00.3091 – Aplicações Diretas R$ 267.190,11 TOTAL SUPLEMENTAÇÃO R$ 741.475,04

Art. 2º - Para a cobertura do artigo 1º deste Decreto será utilizado recursos oriundos do Superávit Financeiro do Exercício Anterior nas fontes de Recursos: 1002 - Receitas Impostos e Transf. de Impostos - Saúde - 1088 – Alienação de bens, 1064 – Atenção Básica, 1.067 - Farmácia Básica, 1.066 – Vigilância Epidemiológica, 1.065 – Media Alta Complexidade e 1091 – Programa Saúde da Família.

Art. 2º - Para a cobertura do artigo 1º deste Decreto será utilizado recursos oriundos do Superávit Financeiro do Exercício Anterior nas fontes de Recursos: 1002 - Receitas Impostos e Transf. de Impostos - Saúde - 1088 – Alienação de bens, 1064 – Atenção Básica, 1.067 - Farmácia Básica, 1.066 – Vigilância Epidemiológica, 1.065 – Media Alta Complexidade e 1091 – Programa Saúde da Família.

Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Gabinete do Prefeito, em 12 de abril de 2017. CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO Prefeito Registrado e Publicado o presente Decreto na Secretaria do Município de Correia Pinto, em 12 de abril de 2017

Gabinete do Prefeito, em 12 de abril de 2017. CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO Prefeito Registrado e Publicado o presente Decreto na Secretaria do Município de Correia Pinto, em 12 de abril de 2017

OLIVEIRA PIRES BURG Chefe de Gabinete

OLIVEIRA PIRES BURG Chefe de Gabinete

DECRETO Nº 1157/2017 DE 12 DE ABRIL DE 2017

ASSINADO DIGITALMENTE

DECRETO Nº 1157/2017 DE 12 DE ABRIL DE 2017

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

DECRETO Nº 1158/2017 DECRETO Nº 1158/2017 DE 12 DE ABRIL DE 2017

CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO, Prefeito do Município de Correia Pinto, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo art. 95 da Lei Orgânica Municipal e pela Lei Municipal nº 2083, de 12 de abril de 2017. DECRETA. “ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR - SUPERAVIT, FINANCEIRO DO EXERCÍCIO ANTERIOR”. Art. 1º - Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Crédito Adicional Suplementar – Superávit Financeiro do Exercício Anterior, no montante de R$ 139.156,09 (cento trinta e nove mil, cento cinquenta e seis reais e nove centavos), a saber: 13 -01 FUNDAÇÃO HOSPITALAR MUNICIPAL CORREIA PINTO: 2.063 – Manutenção das Atividades da FHMC: 09 3.1.90.00.00.00.172 – Aplicações Diretas R$ 85.076,45 10 3.3.90.00.00.00.3012 – Aplicações Diretas R$ 24.427,37 11 3.3.90.00.00.00.3095 – Aplicações Diretas R$ 14.724,03 11 4.4.90.00.00.00.3089 – Aplicações Diretas R$ 2.050,69 11 3.3.90.00.00.00.3096 – Aplicações Diretas R$ 12.877,55 TOTAL SUPLEMENTAÇÃO R$ 139.156,09 Art. 2º - Para a cobertura do artigo 1º deste Decreto será utilizado recursos oriundos do Superávit Financeiro do Exercício Anterior nas fontes de Recursos: 1002 – Receitas Impostos e Transferência de Impostos – 1012 – Serviços de Saúde – 1065 – Transferência SUS 1089 – Alienação de bens – 1092 – transferência de Instituições Privadas. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito, em 12 de abril de 2017. CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO Prefeito Registrado e Publicado o presente Decreto na Secretaria do Município de Correia Pinto, em 12 de abril de 2017 OLIVEIRA PIRES BURG Chefe de Gabinete

DECRETO Nº 1159/2017 DECRETO Nº 1159/2017 DE 12 DE ABRIL DE 2017

CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO, Prefeito do Município de Correia Pinto, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo art. 95 da Lei Orgânica Municipal e pela Lei Municipal nº 2084, de 12 de abril de 2017. DECRETA. “ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR – EXCESSO DE ARRECADAÇÃO.” Art. 1º - Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Crédito adicional Suplementar, no montante de R$ 167.042,88 (cento sessenta e sete mil, quarenta e dois reais e oitenta e oito centavos), a saber: 12.01 – FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE: 2.037 – Manutenção da Saúde do Município; 50 3.3.50.00.00.1065 –Transf. a Inst. Priv. sem Fins Lucrativos R$ 167.042,88 TOTAL DA SUPLEMENTAÇÃO R$ 167.042,88

Página 143

- SUS/UNIÃO. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito, em 12 de abril de 2017. CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO Prefeito Registrado e Publicado o presente Decreto na Secretaria do Município de Correia Pinto, em 12 de abril de 2017 OLIVEIRA PIRES BURG Chefe de Gabinete

DECRETO Nº 1160/2017 DECRETO Nº 1160/2017 DE 12 DE ABRIL DE 2017

CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO, Prefeito do Município de Correia Pinto, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo art. 95 da Lei Orgânica Municipal e pela Lei Municipal nº 2085, de 12 de abril de 2017. DECRETA. “ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR – SUPERAVIT, FINANCEIRO DO EXERCÍCIO ANTERIOR.” Art. 1º - Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Crédito Adicional Suplementar – Superávit Financeiro do Exercício Anterior, no montante de R$ 424.000,11 (quatrocentos vinte e quatro mil e onze centavos), a saber: 14.01 – SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 2.030 - Manutenção do Fundo Municipal de Assistência Social 36 3.1.90.00.00.598 – Aplicações Diretas R$ 27.640,90 37 4.4.90.00.00.3089 – Aplicações Diretas R$ 59,24 2.055 – Manutenção do Abrigo Municipal: 38 3.3.90.00.00.3061 – Aplicações Diretas R$ 26.948,63 2.067 – Manutenção da CREAS: 41 3.3.90.00.00.635 – Aplicações Diretas R$ 63.551,78 2.071 – Programa Bolsa Família e IGD -SUAS 39 3.3.90.00.00.635 – Aplicações Diretas R$ 80.598,76 40 4.4.90.00.00.635 – Aplicações Diretas R$ 38.000,00 2.078 – Manutenção da CRAS: 42 3.3.90.00.00.635 – Aplicações Diretas R$ 111.154,88 43 4.4.90.00.00.635 – Aplicações Diretas R$ 40.000,00 44 4.4.90.00.00.3061 – Aplicações Diretas R$ 36.045,92 TOTAL SUPLEMENTAÇÃO R$ 424.000,11 Art. 2º- Para a cobertura do artigo 1º deste Decreto será utilizado recursos oriundos do Superávit Financeiro do Exercício anterior nas fontes de Recursos: 1000 – Recursos Ordinários; - 1089 – Alienação de bens; 1.052 – Transferência do Sistema Único de Assistência Social; 1.053 – Transferência de Convênios - Estado/Assistência Social;1.063 – IGD/SUAS e Bolsa Família. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito, em 12 de abril de 2017. CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO Prefeito Registrado e Publicado o presente Decreto na Secretaria do Município de Correia Pinto, em 12 de abril de 2017 OLIVEIRA PIRES BURG Chefe de Gabinete

Art. 2º - Os recursos necessários para atender a suplementação que se refere o artigo 1º dar-se-á por excesso de arrecadação na fonte de recurso 1065 – Transferência do Sistema Único de Saúde ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 144

DECRETO Nº 1161/2017 DECRETO Nº 1161/2017 DE 12 DE ABRIL DE 2017

CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO, Prefeito do Município de Correia Pinto, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhe conferidas pelo inciso VIII, do art. 95, da Lei Orgânica do Município de Correia Pinto, DECRETA: "NOMEIA COMISSÃO PARA INSTAURAR PROCESSO ADMINISTRATIVO DISCIPLINAR, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” Art. 1º - Fica nomeada Comissão para Instaurar Processo Administrativo Disciplinar, na forma dos artigos 168 e seguintes da Lei Municipal nº 497/93 - Estatuto dos Servidores Públicos Civis do Município de Correia Pinto, a fim de se apurar possíveis irregularidades praticadas pelo servidor, matrícula nº 12974, composta pelos seguintes membros: I - ALEXANDRE VIEIRA RODRIGUES - Presidente II – EVERTON JOSÉ LEMOS PIRES III – MOAIR ZILS PAES Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação,. Gabinete do Prefeito, em 12 de abril de 2017. CELSO ROGÉRIO ALVES RIBEIRO Prefeito Registrado e Publicado o presente Decreto no Gabinete do Prefeito Correia Pinto, em 12 de abril de 2017 OLIVEIRA PIRES BURG Chefe de Gabinete

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 145

Corupá Prefeitura EXTRATO DO TERMO DE DELEGAÇÃO ATRIBUIÇÕES DE GESTÃO FLORESTAL.

DE

MUNICÍPIO DE CORUPÁ ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CORUPÁ Extrato do Termo de Delegação de Atribuições de Gestão Florestal. O Município de Corupá, pessoa jurídica de direito público devidamente inscrita no CPNJ sob o nº 83.102.467/0001-70, informa que celebrou Termo de Delegação de Atribuições com a Fundação do Meio Ambiente – FATMA, pessoa jurídica de direito público devidamente inscrita no CNPJ/MF sob o nº 83.256.545/0001-90 , em 18 de abril de 2017, tendo por objeto a “delegação de atribuição” com vistas à execução de programa de gestão florestal compartilhada, mediante delegação de competência ambiental, especialmente em relação ao cumprimento da legislação ambiental vigente. Vigência: Até 31 de dezembro de 2018. Corupá, 24 de abril de 2017 JOÃO CARLOS GOTTARDI PREFEITO MUNICIPAL

PREGÃO PRESENCIAL Nº 011/17

MUNICÍPIO DE CORUPÁ ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CORUPÁ AVISO LICITAÇÃO – REGISTRO DE PREÇO Modalidade Pregão Presencial nº 011/17 OBJETO: AQUISIÇÕES PARCELADAS DE MEDICAMENTOS POR MAIOR DESCONTO PERCENTUAL, DESTINADOS A DISTRIBUIÇÃO NAS UNIDADES DE SAÚDE E PARA ATENDER ÀS NECESSIDADES DA FARMÁCIA BASICA E DEMANDA JUDICIAL, DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, CONFORME ESPECIFICAÇÕES TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I. RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS: DAS 08h00min do dia 25/04/2017 às 09h00min do dia 09/05/2017. INICIO DA SESSÃO DE DISPUTA DE PREÇOS: 09h30min do dia 09/05/2017. TIPO: Menor Preço por item. INFORMAÇÕES E ENTREGA DO PROCESSO LICITATÓRIO: No endereço Prefeitura Municipal de Corupá – Av. Getulio Vargas, 443 e também no site http:// www.corupa.sc.gov.br. HORARIO: das 08h às 12hs e das 13h30minh às 16h30min Telefone (47) 3375-6500 Corupá, 25 de abril de 2017. JOÃO CARLOS GOTTARDI PREFEITO MUNICIPAL

RESOLUÇÃO Nº. 001 - CMDICO

CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DO IDOSO DE CORUPÁ -SC Rua: Otto Hillbrecht, 370/Bomplant Cep: 89278-000 / Telefone: 47-3375-2483 e-mail: [email protected] Resolução nº. 001, de 11 de Abril de 2017. Estabelece parâmetros e diretrizes para a regulamentação do artigo 35 da Lei nº. 10.741/2003 - Estatuto do Idoso - que dispõe sobre o contrato de prestação de serviços das entidades com a pessoa idosa abrigada. O CONSELHO MUNCIPAL DOS DIREITOS DO IDOSO no uso de suas atribuições, estabelecidas na Lei nº 1901 de 08 de abril de 2009. Considerando que a Lei 10.741/2003 trata do Estatuto do Idoso; Considerando que é dever de todos, prevenir a ameaça ou violação aos direitos do idoso, conforme o artigo 4º, § 1º, da Lei nº. 10.741/2003; Considerando que o artigo 35 da Lei nº. 10.741/2003 dispõe que todas as entidades de longa permanência, ou casa-lar, são obrigadas a firmar contrato de prestação de serviços com a pessoa idosa abrigada; Considerando as deliberações da I Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa no sentido da melhoria, em todo território nacional, do atendimento a população idosa independente, dependente e em situação de vulnerabilidade social residentes em Instituições de Longa Permanência e casas-lares; Considerando que o Estatuto do Idoso por meio do § 2º do artigo 35 da Lei nº. 10.741/2003, confere ao Conselho Municipal do Idoso ou ao Conselho Municipal de Assistência Social a competência para regular a forma de participação prevista no § 1º do mesmo artigo, que diz: “No caso de entidades filantrópicas, ou casa-lar, é facultada a cobrança de participação do idoso no custeio da entidade.” Considerando que o Conselho Municipal do Idoso tem por finalidade elaborar as diretrizes para a formulação e implementação da política municipal do idoso, observadas as linhas de ação e as diretrizes conforme dispõe a Lei nº. 10.741/2003, bem como acompanhar a avaliar a sua execução; Considerando a competência do Conselho Municipal do Idoso para acompanhar e avaliar a expedição de orientações e recomendações sobre a aplicação da Lei nº 10.741/2003 e dos demais atos normativos relacionados ao atendimento do idoso; e Considerando, finalmente, que o Conselho Nacional dos Direitos do Idoso - CNDI deve estabelecer diretrizes e parâmetros orientadores para a regulação pelos Conselhos Municipais, conforme o disposto no § 2º do artigo 35 da Lei nº. 10.741/2003, evitando-se regulações desordenadas e não referenciadas em orientações nacionais sobre o tema. RESOLVE: Artigo 1º Todas as entidades de longa permanência ou casa-lar são obrigadas a firmar contrato de prestação de serviços com a pessoa idosa abrigada, nos termos do artigo 35 da Lei 10.741/2003, garantindo o cumprimento das condições previstas nos artigos 48, 49, 50 e §3º no artigo 37 da Lei nº. 10.741/2003, além de normas específicas. Parágrafo único. São consideradas entidades de longa permanência, para fins desta resolução, todas as entidades governamentais ou não governamentais, com ou sem fins lucrativos, de caráter

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

residencial, destinada a domicílio coletivo de pessoas com idade igual ou superior a 60 (Sessenta) anos, com ou sem suporte familiar, em condição de liberdade, dignidade e cidadania, conforme explicitado na RDC (Resolução da Diretoria Colegiada) nº. 283/2005ANVISA. Artigo 2º As situações em que houver a participação financeira da pessoa idosa devem ser normatizadas pelo Conselho Municipal do Idoso, e na sua falta pelo Conselho Municipal de Assistência Social, prevista no § 2º do artigo 35 da Lei nº. 10.741/2003, observados os seguintes princípios: I. O respeito à autonomia de adesão do idoso ao contrato de prestação de serviço, assegurando absoluta ausência de coação ou quaisquer tipos de constrangimento, bem como a garantia de acesso do idoso e/ou de seu representante legal às informações necessárias para uma adesão consciente e segura; II. A cobrança de participação do idoso no custeio da entidade, governamentais ou não governamentais, sem fins lucrativos e, quando houver, não poderá, nos termos § 2◦ do artigo 35 da Lei nº. 10.741/2003, exceder a 70% (Setenta por cento) de qualquer benefício previdenciário ou de assistência social, incluindo-se o benefício da prestação continuada - BPC, percebido pelo idoso, devendo constar a sua anuência no contrato de prestação de serviço; III. A garantia de que o percentual restante, de no mínimo 30% (Trinta por cento), será destinado a própria pessoa idosa que fará, a seu critério, o destino que bem lhe aprouver, garantindo-lhe o direito de liberdade, dignidade e cidadania; IV. O registro, em relatórios de atividades e financeiros da entidade, do número de idosos que participam com parcela de benefícios nos termos do artigo 35, bem como o valor de cada participação e as despesas subsidiadas com estes recursos, conforme preceitua o artigo 54 da Lei nº. 10.741/2003; V. Nas situações em que o idoso for incapaz e necessitar de representação legal e o seu representante legal for o próprio dirigente da instituição este não deve figurar como contratante e contratado, devendo ser a entidade representada por outro dirigente legitimado; Artigo 3º. As entidades com fins lucrativos também deverão celebrar contrato de prestação de serviços, sendo que o pagamento será negociado entre as partes, mas estarão sujeitas a legislação em vigor e deverão garantir os direitos assegurados e a qualidade dos serviços prestados.

Página 146

que as entidades adotem as devidas providências. Artigo 7º. Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação. Corupá, 11 de Abril de 2017. Gilberto Kaszubowski Presidente do CMDICO

RESOLUÇÃO Nº. 004 - CMAS

CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DE CORUPÁ -SC Rua: Otto Hillbrecht, 370/Bomplant Cep: 89278-000 / Telefone: 47-3375-2483 e-mail: [email protected] Resolução nº. 004, de 19 de abril de 2017. Dispõe sobre a nomeação dos membros da Comissão Preparatória para a VII Conferência Municipal de Assistência Social de Corupá. O Conselho Municipal de Assistência Social de Corupá- CMAS, em segunda reunião ordinária, realizada no dia 18 de Abril de 2017, e no uso de suas atribuições resolve: Art. 1º - Fica constituída a Comissão Paritária Organizadora da VII Conferência Municipal de Assistência Social de Corupá, com o objetivo de propor medidas e ações necessárias à organização e realização da referida Conferência, com os seguintes membros: Representantes Governamentais: Daniela Neves de Souza Silvana Wille Juliane Auerbahn Maia Representantes Não-Governamentais: Dinéia Cristiane Marquesi Marize Mokwa Neuzeli Sikorski Dorn Art. 2º - Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação. Daniela Neves de Souza Presidente do Conselho Municipal de Assistência Social

Artigo 4º. Os poderes públicos, das três esferas de governo, que firmarem Termo de Colaboração, convênios, contratos, termos de parceria, cooperação ou transferência de recursos via fundos, com as entidades de longa permanência ou casa-lar, que tenha por objeto transferir recursos financeiros ou auxílio de qualquer natureza pública, deverão prever no instrumento jurídico ou similar, cláusula que garanta a reserva de vagas para pessoas idosas, sem renda, sem benefício previdenciário ou assistencial, cabendo ao poder público a indicação para o preenchimento das vagas e a respectiva quantidade. Artigo 5º. O Conselho Municipal dos Direitos do Idoso ou o Conselho Municipal de Assistência Social, deverá assegurar que todas as entidades, públicas ou privadas, quando da elaboração do contrato de prestação de serviços, previsto no artigo 35 da Lei nº. 10.741/2003, adotem como referência o padrão mínimo da qualidade de serviços explicitados no modelo de contrato anexo a Resolução nº 12 do Conselho Nacional dos Direitos dos Idosos - CNDI e anexo a esta Resolução. Artigo 6º. O Conselho Municipal dos Direitos do Idoso ou o Conselho Municipal de Assistência Social, deverá regulamentar o artigo 35 da Lei nº. 10.741/2003 - Estatuto do Idoso, até 90 (Noventa) dias a contar da publicação desta resolução, e fixará um prazo para ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 147

Cunha Porã Prefeitura EXTRATO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 24/2017 PROCESSO LICITATÓRIO N° 572/2017 MODALIDADE: Pregão Presencial Nº 31/2017 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N° 24/2017

No dia dezessete do mês de abril de dois mil e dezessete, no Setor de Licitações do Municipio de Cunha Porã-SC, reuniu-se o Pregoeiro e Equipe de Apoio, designada pelo Decreto 009/2017, para realizar o registro dos preços homologados, para REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO DE COMBUSTÍVEIS COM FORNECIMENTO DIRETO EM BOMBA DE ABASTECIMENTO FIXA DEVIDAMENTE INSTALADA E REGULAMENTADA ATÉ 02 KM DA SEDE DO MUNICÍPIO PARA A FROTA DO MUNICÍPIO INCLUSIVE A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE resultante do Processo Licitatório 572/2017, Pregão Presencial 31/2017, Sistema de Registro de Preços. As especificações constantes do respectivo Edital, assim como os termos da proposta de preços e documentos de habilitação e do credenciamento, integram esta ata de registro de preços, independentemente de transcrição. Paragrafo Primeiro: O contrato ou instrumento hábil que vier a substituí-lo, na forma do art. 62, da Lei n° 8.666/93, indicará o(s) local (is) de entrega dos produtos. Paragrafo Segundo: A presente Ata de Registro de Preço, terá a vigência por 12 (doze) meses contados da data de sua assinatura. Parágrafo Terceiro: O Município de Cunha Porã, compromete-se a efetuar o pagamento mensalmente, conforme serviço contratado, prestado e após a apresentação de Nota Fiscal. Parágrafo Quarto: Dos Vencedores: COTA PRINCIPAL = 75% LOTE

ITEM

QUANT.

UND

DESCRIÇÃO

VALOR UNIT. R$

VALOR TOTAL R$

1

1

75.000,00

LTS

OLEO DIESEL S10 CONFORME NORMAS DA ANP

2,68

201.000,00

1

2

75.000,00

LTS

OLEO DIESEL S 500 CONFORME NORMAS DA ANP 2,62

196.500,00

PROPONENTE VENCEDOR AUTO POSTO JOMAI LTDA AUTO POSTO JOMAI LTDA

COTA RESERVADA = 25% LOTE

ITEM

QUANT.

UND.

DESCRIÇÃO

VALOR UNT. R$

VALOR TOTAL R$

2

1

25.000,0000

LTS

OLEO DIESEL S10 CONFORME NORMAS DA ANP

3,12

78.000,00

2

2

25.000,0000

LTS

OLEO DIESEL S 500 CONFORME NORMAS DA ANP 2,97

74.250,00

PROPONENTE VENCEDOR COOPERATIVA REGIONAL AURIVERDE - FILIAL 8 COOPERATIVA REGIONAL AURIVERDE - FILIAL 8

EMPRESAS: AUTO POSTO JOMAI LTDA COOPERATIVA REGIONAL AURIVERDE - FILIAL 8 Parágrafo Quinto: Das Obrigações dos Vencedores I - Os serviços entregues que apresentarem qualquer anormalidade deverão ser substituídos a expensas da empresa vencedora. II - A empresa adjudicada deverá fornecer os serviços conforme estabelecido na Autorização de Empenho ou Termo equivalente emitida pelo Departamento de Compras, nas quantias solicitadas pelos requerentes do Município. III - Os serviços serão inspecionados anteriormente, para posterior verificação da conformidade com a qualidade, especificação e preço, comparando-se com os dados descritos no Contrato e/ou Autorização de Empenho com a Nota Fiscal. IV - Caso os serviços realizados apresentarem irregularidades ou prazo de validade inferior a 90 dias, defeitos ou especificações incorretas, a Administração solicitará a sua devida regularização, que deverá ser atendida no prazo máximo de 03(três) dias úteis. V - O atraso na substituição dos serviços acarretará na suspensão dos pagamentos, além das penalidades previstas neste Edital. VI - A prestadora dos serviços será responsável por eventuais danos havidos nos serviços, provenientes de negligência, imperícia e/ou imprudência praticados por seus empregados, obrigando-se a substituí-los, ou a indenizar a Administração do prejuízo causado. VII – Não haverá acréscimo no quantitativo total estimado de cada item. VIII - Correrão por conta, responsabilidade e risco da contratada as consequências de atos seus, de seus empregados ou prepostos, que tenham reflexos danosos nos produtos. IX - A contratada, sem prejuízo de sua responsabilidade, deverá comunicar a contratante, por escrito, qualquer anormalidade verificada no fornecimento do objeto, bem como qualquer fato que possa colocar em risco a segurança e a qualidade dos produtos. Parágrafo Sexto. Da Fiscalização I - Fica expresso que o controle de qualidade dos serviços é de responsabilidade da contratada, ficando a contratante, a qualquer tempo e

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 148

quando julgar necessário fazer suas verificações. O não fornecimento dos produtos dentro dos padrões exigidos implicará na não aceitação dos mesmos. II - Sem prejuízo da plena responsabilidade da contratada perante a contratante ou a terceiros, todos os serviços estarão sujeitos a mais ampla e irrestrita fiscalização a qualquer hora, por pessoa devidamente credenciada pela contratante. III - A contratada prestará todos os esclarecimentos solicitados pela contratante, cujas reclamações se obrigam a atender pronta e irrestritamente. IV - Os serviços impugnados pela contratante, no que concerne à sua qualidade fora do especificado, não poderão ser faturados, ou se forem, deverão ser glosados nas faturas. Parágrafo Sétimo. Das Penalidades I - A proponente que não cumprir as obrigações assumidas ou os preceitos legais, estará sujeita as seguintes penalidades: a) Advertência. b) Multa de 5% sobre o valor da proposta. c) Suspensão do direito de licitar junto a Prefeitura Municipal. d) Declaração de Inidoneidade. Parágrafo Oitavo. Da Rescisão I - A presente Ata poderá ser rescindido: a) Unilateralmente, nos casos enumerados nos incisos I a XII e XVII, do art. 78 da Lei Federal 8.666/93. b) Amigavelmente, por acordo entre as partes, reduzida a termo no processo da licitação; c) Judicialmente, nos termos da legislação processual. II - No caso de rescisão, devidamente justificada nos autos do Processo, terá o CONTRATANTE no prazo de 05 (cinco dias) úteis, contado da notificação assegurado o direito ao contraditório e à ampla defesa. Parágrafo oitavo: Fica eleito o Foro da Cidade de Cunha Porã/SC para dirimir quaisquer questões decorrentes da utilização da presente Ata de Registro de Preço. Parágrafo Nono: Os casos omissos serão resolvidos de acordo com a Lei 10.520/02 e 8.666/93, e demais normas aplicáveis. Nada mais a tratar ou registrar, lavrou-se a presente Ata que vai assinada pelo Pregoeiro, Equipe de Apoio e respectivos fornecedores. Cunha Porã- SC, 19 de abril de 2017. Pregoeira Equipe de Apoio Equipe de Apoio Poliana Patrícia Kittel Daniela B. Muller Roger Freitag Empresa compromissada: AUTO POSTO JOMAI LTDA COOPERATIVA REGIONAL AURIVERDE - FILIAL 8

EXTRATO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 25/2017

PROCESSO LICITATÓRIO N° 566/2017 MODALIDADE: Pregão Presencial Nº 30/2017 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N° 25/2017 No dia dezessete do mês de abril de dois mil e dezessete, no Setor de Licitações do Municipio de Cunha Porã-SC, reuniu-se o Pregoeiro e Equipe de Apoio, designada pelo Decreto 009/2017, para realizar o registro dos preços homologados, para REGISTRO DE PREÇOS PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS, MÁQUINAS COPIADORAS/IMPRESSORAS PARA USO NAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELO MUNICÍPIO resultante do Processo Licitatório 566/2017, Pregão Presencial 30/2017, Sistema de Registro de Preços. As especificações constantes do respectivo Edital, assim como os termos da proposta de preços e documentos de habilitação e do credenciamento, integram esta ata de registro de preços, independentemente de transcrição. Paragrafo Primeiro: O contrato ou instrumento hábil que vier a substituí-lo, na forma do art. 62, da Lei n° 8.666/93, indicará o(s) local (is) de entrega dos produtos. Paragrafo Segundo: A presente Ata de Registro de Preço, terá a vigência por 12 (doze) meses contados da data de sua assinatura. Parágrafo Terceiro: O Município de Cunha Porã, compromete-se a efetuar o pagamento mensalmente, conforme serviço contratado, prestado e após a apresentação de Nota Fiscal. Parágrafo Quarto: Dos Vencedores: LOTE ITEM

QUANT.

UND. DESCRIÇÃO

ASSINADO DIGITALMENTE

VALOR UNT. R$

VALOR TOTAL R$

PROPONENTE VENCEDOR

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

1

1

800.000,00

C

1

2

10.000,00

C

Serviço de locação de impressora sendo por folha impressa com Multifuncional com as seguintes configurações mínimas: Impressão, Digitalização, Cópia, Fax. Painel de Operação: LCD de 4 Linhas. Processador: 600 MHz. Memória Padrão mínima: 256MB. Ciclo de Trabalho Mensal mínima 80.000 páginas. Cópia/ Impressora/Scanner/Fax. Entrada bandeja principal 250 Folhas. Bandeja manual mínimo: 50 Folhas. Mídia (papel) suportada: A4, A5, A6, ISO B5, JIS B5, Executivo, Carta, Ofício, Fólio, Ofício, Personalizado. Mídia (papel): Comum, Fino, Reciclado, Grosso, Arquivo, Bond, Cartão. Recursos mínimos da impressora: Resolução Até 1.200 x 1.200 dpi de saída efetiva. Emulação SPL, PostScript3, PCL6/5e, IBM ProPrinter, EPSON, PDF, TIFF. Duplex automático. Interface: HiSpeed USB 2.0, Ethernet. 10/100/1000 Base TX, USB Direta. Velocidade (Monocromática) mínima de 40 ppm em tamanho A4. Sistema Operacional Windows 8 / 7 / Vista / XP / 2008R2 / 2008 / 2003, Mac OS X 10.5 - 10.8, Diversos Linux / Unix. Configurações mínimas na Cópia: Velocidade mínima na Cópia (Monocromática): 38 cpm em papel A4 (40 cpm em papel Carta). Resolução 600 x 600 dpi. Faixa de Redução / Ampliação 0,058 25~400% (Vidro de digitalização), 25~400% (ADF). Cópias Múltiplas 1 - 99 páginas. Recursos mínimos na Cópia Cópia de Identidade / 2-up / 4-up / Intercalação de Cópia / Enquadramento Automático. Duplex automático. Alimentador automático de originais (RADF), com capacidade mínima de 50 paginas. Configurações mínimas na Digitalização: Compatibilidade Padrão TWAIN / Padrão WIA. Método CIS Colorido. Resolução (Óptica) Até 1.200 x 1.200 dpi. Resolução (Aprimorada) Até 4.800 x 4.800 dpi. Destinos da Digitalização Cliente (PC), Email, FTP, SMB. Duplex automático. FAX: Compatibilidade ITU-T G3, ECM. Velocidade do Modem 33,6 Kbps. Resolução Padrão : 203 x 98 dpi Fino / Foto: 203 x 196 dpi / Super Fino: 300 x 300 dpi / Colorido: Até 200 x 200 dpi. Memória 6MB. Discagem Automática Discagem rápida: 200 Locais. Recursos de Fax Discagem no Gancho, Rediscagem Automática, Redução Automática, Envio Múltiplo, Envio Programado, Encaminhamento de Fax (Email / Fax), Transmissão para até 209 locais. Previsão de 42 Equipamentos, sendo no mínimo 20 equipamentos novos, destinados para o Setor Administrativo e Secretária de Saúde. Serviço de locação de impressora sendo por folha impressa com Multifuncional A3 colorida a Laser com as seguintes características mínimas: Impressora / Copiadora/ Scanner. Capacidade A3. Scanner colorido. Impressão e cópia duplex automática. Resolução de impressão de 2400 x 600. Velocidade de 25 ppm P&b e Cor. Indicador de quantidade: até 999. Gramatura: (40- 128 g/ m²). Processador Dual-core 1.2 GHz. Mínimos três gavetas para 0,49 papel com capacidade de 500 folhas cada. Bandeja bypass para no mínimo 50 folhas. Unidade de disco rígido 250 GB (mínimo). Ampliação e redução de cópias. Destinos da Digitalização Cliente (PC), Email, FTP, SMB. Alimentador de páginas automático frente e verso com capacidade mínima 50 folhas. Previsão de 04 Equipamentos

Página 149

46.400,00

SUPRIMAQ COMÉRCIO DE MÁQUINAS E SUPRIMENTOS LTDA - ME

4.900,00

SUPRIMAQ COMÉRCIO DE MÁQUINAS E SUPRIMENTOS LTDA - ME

EMPRESA: SUPRIMAQ COMÉRCIO DE MÁQUINAS E SUPRIMENTOS LTDA - ME Parágrafo Quinto: Das Obrigações dos Vencedores I - Os serviços entregues que apresentarem qualquer anormalidade deverão ser substituídos a expensas da empresa vencedora. II - A empresa adjudicada deverá fornecer os serviços conforme estabelecido na Autorização de Empenho ou Termo equivalente emitida pelo Departamento de Compras, nas quantias solicitadas pelos requerentes do Município. III - Os serviços serão inspecionados anteriormente, para posterior verificação da conformidade com a qualidade, especificação e preço, comparando-se com os dados descritos no Contrato e/ou Autorização de Empenho com a Nota Fiscal. IV - Caso os serviços realizados apresentarem irregularidades ou prazo de validade inferior a 90 dias, defeitos ou especificações incorretas, a Administração solicitará a sua devida regularização, que deverá ser atendida no prazo máximo de 03(três) dias úteis. V - O atraso na substituição dos serviços acarretará na suspensão dos pagamentos, além das penalidades previstas neste Edital. VI - A prestadora dos serviços será responsável por eventuais danos havidos nos serviços, provenientes de negligência, imperícia e/ou imprudência praticados por seus empregados, obrigando-se a substituí-los, ou a indenizar a Administração do prejuízo causado. VII – Não haverá acréscimo no quantitativo total estimado de cada item. VIII - Correrão por conta, responsabilidade e risco da contratada as consequências de atos seus, de seus empregados ou prepostos, que tenham reflexos danosos nos produtos. ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 150

IX - A contratada, sem prejuízo de sua responsabilidade, deverá comunicar a contratante, por escrito, qualquer anormalidade verificada no fornecimento do objeto, bem como qualquer fato que possa colocar em risco a segurança e a qualidade dos produtos. Parágrafo Sexto. Da Fiscalização I - Fica expresso que o controle de qualidade dos serviços é de responsabilidade da contratada, ficando a contratante, a qualquer tempo e quando julgar necessário fazer suas verificações. O não fornecimento dos produtos dentro dos padrões exigidos implicará na não aceitação dos mesmos. II - Sem prejuízo da plena responsabilidade da contratada perante a contratante ou a terceiros, todos os serviços estarão sujeitos a mais ampla e irrestrita fiscalização a qualquer hora, por pessoa devidamente credenciada pela contratante. III - A contratada prestará todos os esclarecimentos solicitados pela contratante, cujas reclamações se obrigam a atender pronta e irrestritamente. IV - Os serviços impugnados pela contratante, no que concerne à sua qualidade fora do especificado, não poderão ser faturados, ou se forem, deverão ser glosados nas faturas. Parágrafo Sétimo. Das Penalidades I - A proponente que não cumprir as obrigações assumidas ou os preceitos legais, estará sujeita as seguintes penalidades: a) Advertência. b) Multa de 5% sobre o valor da proposta. c) Suspensão do direito de licitar junto a Prefeitura Municipal. d) Declaração de Inidoneidade. Parágrafo Oitavo. Da Rescisão I - A presente Ata poderá ser rescindido: a) Unilateralmente, nos casos enumerados nos incisos I a XII e XVII, do art. 78 da Lei Federal 8.666/93. b) Amigavelmente, por acordo entre as partes, reduzida a termo no processo da licitação; c) Judicialmente, nos termos da legislação processual. II - No caso de rescisão, devidamente justificada nos autos do Processo, terá o CONTRATANTE no prazo de 05 (cinco dias) úteis, contado da notificação assegurado o direito ao contraditório e à ampla defesa. Parágrafo oitavo: Fica eleito o Foro da Cidade de Cunha Porã/SC para dirimir quaisquer questões decorrentes da utilização da presente Ata de Registro de Preço. Parágrafo Nono: Os casos omissos serão resolvidos de acordo com a Lei 10.520/02 e 8.666/93, e demais normas aplicáveis. Nada mais a tratar ou registrar, lavrou-se a presente Ata que vai assinada pelo Pregoeiro, Equipe de Apoio e respectivos fornecedores. Cunha Porã- SC, 19 de abril de 2017. Pregoeira Equipe de Apoio Poliana Patrícia Kittel

Equipe de Apoio Daniela B. Muller Roger Freitag

Empresa compromissada: SUPRIMAQ COMÉRCIO DE MÁQUINAS E SUPRIMENTOS LTDA - ME

PRIMEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº 07/2017

MUNICIPIO DE CUNHA PORÃ Primeiro Termo Aditivo ao Contrato administrativo nº 07/2017 Partes: Município de Cunha Porã e a Empresa Consórcio de Informática na Gestão Pública Municipal – CIGA. Objeto: O presente Termo Aditivo tem por objeto a adesão ao Diário Oficial dos Municípios de Santa Catarina – DOM/SC: serviços continuados de tecnologia da informação e comunicação, destinado à publicação de atos oficiais expedidos pelos órgãos públicos do ente municipal consorciado ao CIGA, veiculado no endereço eletrônico www.diariomunicipal.sc.gov.br, na rede mundial de computadores – Internet, que atende aos requisitos de autenticidade, integridade, validade jurídica e interoperabilidade da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP – Brasil); Processo Licitatório nº 10/2017 Modalidade: Dispensa por Justificativa nº 05/2017. Valor aditado: R$ 3.825,00. Data: 13/04/2017. Jairo Rivelino Ebeling –Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 151

Curitibanos Prefeitura EDITAL DE LEILÃO Nº 72/2017 EDITAL DE LEILÃO Nº 72/2017

O MUNICÍPIO DE CURITIBANOS, Estado de Santa Catarina, pessoa jurídica de direito público interno, com sede na Rua Cel. Vidal Ramos, 860, devidamente inscrito na CNPJ sob nº 83.754.044/000134, neste ato representado por seu Prefeito Municipal, no uso de suas atribuições, na forma do que dispõe a Lei No. 8.666 de 21.06.93 e suas alterações e Lei Municipal nº 5844/2016, tornam público que a partir das 09:00 horas do dia 10/05/2017, no Auditório da Secretaria de Saúde (fundos Prefeitura Municipal de Curitibanos), sito a Rua Maximino de Moraes, 376, Centro, faz saber que se acha aberta licitação na modalidade de leilão, destinado a alienação dos bens móveis abaixo relacionados, de acordo com as condições previstas neste edital. Curitibanos, 13 de Abril de 2017. José Antonio Guidi Prefeito Municipal

EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 2/2017 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 2/2017

O Fundo Municipal de Cultura de Cutiribanos, por intermédio de seu Pregoeiro e sua Equipe de Apoio torna público que se encontra aberta licitação na modalidade de PREGÃO PRESENCIAL, com julgamento Pelo Menor Preço por item, regida pela Lei Federal 10.520/02, pela Lei 8.666/93, entre outros dispositivos legais aplicados a espécie, com o fim específico de escolher a proposta mais vantajosa a esta administração, para CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA REALIZAÇÃO DE SERVIÇO DE ADAPTAÇÃO DE ÔNIBUS 2002/2003 EM ÔNIBUS PARA EVENTOS CULTURAIS TIPO JARDINEIRA TURÍSTICO, QUE SERÁ USADO PELA CULTURA PARA TRANSPORTES DENTRO DO PERÍMETRO URBANO PARA PASSEIOS EM DATAS E EVENTOS COMEMORATIVOS CONFORME ANEXO I DESTE EDITAL. Os interessados em participar do certame deverão entregar o envelope contendo a Proposta de Preços e o envelope contendo a Documentação de Habilitação até as 14:00 horas do dia 08/05/2017, no Protocolo Central da Prefeitura Municipal de Curitibanos, sito a Rua Cel. Vidal Ramos, 860, não sendo autorizado qualquer outra forma de protocolo. A partir das 18:00 horas do dia 08/05/2017, será realizada sessão pública para a classificação das propostas e em seguida a fase de lances das propostas classificadas, no Setor de Licitações e Contratos. O inteiro teor deste ato convocatório e de seus anexos encontramse à disposição dos interessados que o solicitarem no Setor de Licitações e Contratos da Prefeitura de Curitibanos no horário de expediente e na página da Prefeitura www.curitibanos.sc.gov.br.

REPUBLICAÇÃO EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 58/2017 REPUBLICAÇÃO EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 58/2017

O Município de Curitibanos, por intermédio de seu Pregoeiro e sua Equipe de Apoio torna público que se encontra aberta licitação na modalidade de PREGÃO PRESENCIAL, com julgamento Pelo Menor Preço global, regida pela Lei Federal 10.520/02, pela Lei 8.666/93, entre outros dispositivos legais aplicados a espécie, com o fim específico de escolher a proposta mais vantajosa a esta administração, para AQUISIÇÃO DE MOBILIÁRIOS PARA USO NO SETOR DE ATIVIDADES TECNICAS (SAT) DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DE CURITIBANOS CONFORME ANEXO I DESTE EDITAL. Os interessados em participar do certame deverão entregar o envelope contendo a Proposta de Preços e o envelope contendo a Documentação de Habilitação até as 14:00 horas do dia 08/05/2017, no Protocolo Central da Prefeitura Municipal, sito a rua Cel. Vidal Ramos, 860. A partir das 16:00 horas do dia 08/05/2017, será realizada sessão pública para a classificação das propostas e em seguida a fase de lances das propostas classificadas, no setor de Licitações e Contratos, sito a rua Cel. Vidal Ramos, 860. Curitibanos, 20 de Abril de 2017. José Antonio Guidi Prefeito Municipal

Curitibanos, 30 de Março de 2017. Kleberson Luciano Lima Presidente do Fundo Diego Sebem Wordell Pregoeiro

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 152

ATA DE RECEBIMENTO E ABERTURA DE DOCUMENTAÇÃO NR 21/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

ASSINADO DIGITALMENTE

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 153

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 154

Descanso Prefeitura CREDENCIAMENTO Nº 2/2017 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA CONFECÇÃO E MOLDAGEM DE PRÓTESES TOTAIS (PT) E PRÓTESES PARCIAIS REMOVÍVEIS (PPR) MUNICIPIO DE DESCANSO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE AVISO DE LICITAÇÃO CREDENCIAMENTO Nº 2/2017

Objeto: Encontra-se aberto Credenciamento para Contratação de empresa para confecção e moldagem de próteses totais (PT) e próteses parciais removíveis (PPR) para protetização da população usuária do SUS da Rede Básica Municipal, de acordo com o Programa Brasil Sorridente-Saúde Bucal, com recursos incorporados no Teto Financeiro Anual de Media e Alta Complexidade - MAC, conforme as especificações contidas no edital e em seus anexos. Recebimento dos envelopes de documentação para Credenciamento a partir da publicação do presente, a qualquer tempo, no Departamento de Licitações e Contratos do Município de Descanso - Prefeitura, sito a Avenida Marechal Deodoro, nº 146, iniciando a fase de lances às 14:00 horas do mesmo dia. A integra do Edital encontra-se no endereço eletrônico www.descanso. sc.gov.br Informações pelo fone (049) 3623 0161. Descanso/SC, 20 de Abril de 2017. Cleber Luiz Rech Gestor FMS

DECRETO Nº 1850/2017 HOMOLOGA A CLASSIFICAÇÃO FINAL DOS CANDIDATOS INSCRITOS AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO N° 01/2017

DECRETO Nº 1850/2017, de 20 de abril de 2017. HOMOLOGA A CLASSIFICAÇÃO FINAL DOS CANDIDATOS INSCRITOS AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO N° 01/2017, PARA A SELEÇÃO DE PROFESSORES E SERVIDORES DA EDUCAÇÃO PARA O ANO LETIVO DE 2017 E DEMAIS ÁREAS DA ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL DE ATÉ 01 ANO, PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE EXCEPCIONAL INTERESSE PÚBLICO, EM RAZÃO DOS CONCURSOS PÚBLICOS Nº 02 E 03/2007, ESTAREM SUB JUDICE E EM EVENTUAIS VAGAS VINCULADAS OU EXCEDENTES E COMPOR RESERVA TÉCNICA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. SADI INÁCIO BONAMIGO, Prefeito Municipal de Descanso, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o que estabelece o Art. 37, inciso IX, c/c artigo 40, § 12, da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, 303, da Lei nº 086/1991, 27.12.1991, alterado pela Lei nº 106/1997, de 22.09.1997, Lei nº 354/2001, de 18.12.2001, alterada pela Lei nº 1009/2010, de 22.11.2010 e Lei nº 1281/2013, de 25.11.2013, Lei nº 04/1990, de 02.03.1990, Lei nº 040/90, de 28.05.1990, Lei nº 089/1990, de 31.10.1990, Lei n° 263/2000, de 03.04.2000, Lei nº 360/2001, de 27.12.2001, Lei nº 908/2009, de 26.11.2009, alterada pela Lei nº 994/2010, de 20.10.2010, Lei 521/2004, de 28.05.2004, Lei nº 827/2009, de 25.03.2009, Lei nº 1327/2014, de 29.04.2014 (FG-6 Médico ESF), Lei nº 1376/2014, de 16.10.2014, alterada pela Lei nº 1384/2014, de 07.11.2014, Lei nº 1378/2014, de 16.10.2014, Lei nº 1426/2015, de 16.04.2015, Lei nº 392/2002, de 18.06.2002, alterada pela Lei nº 1379/2014, de 16.10.2014, Emenda Constitucional nº 51, de 14.02.2006, regulamentada pela Lei Federal nº 11.350, de 05.10.2006, alterada pela Lei Federal nº 12.994, de 17.06.2014, Portaria nº 724/GM-MS, de 11.04.2002, Portaria nº 648/MS, de 28.03.2006, reorganiza do PSF para ESF, Decreto nº 1798/2016, 24.10.2016, Lei n° 1178/2012, de 12.06.2012 (doador de sangue e de órgãos), Lei nº 086/91 de 27.12.91 e Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º Fica homologada a classificação final (após os recursos) dos candidatos inscritos ao Edital de Processo Seletivo n° 01/2017, de 23 de janeiro de 2017, para seleção de servidores para contratação temporária / admissão por prazo determinado de professores e servidores da educação, para atender necessidade temporária de excepcional interesse público, para o ano letivo de 2017 e servidores de até 01 ano, prorrogável, conforme a necessidade em eventuais vagas vinculadas e/ou excedentes, programas conveniados em substituição de profissionais impedidos de atuarem e compor reserva técnica, para ocupação de vagas que venham a surgir no decorrer do prazo de validade deste Processo Seletivo e em razão dos Concursos Públicos nº 02 e 03/2007, estarem sub judice, nos autos da Ação Civil Pública de nº 084.08.00010/41-9, sendo a contratação sob o Regime Estatutário, vinculados ao Regime Geral de Previdência Social - RGPS, no nível de vencimento inicial das categorias funcionais do Quadro de Pessoal da Administração Direta do Município de Descanso e do Plano de Carreira dos Profissionais em Educação do Magistério Público do Município de Descanso, abaixo relacionadas: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE (*) ESF – 01, Micro área 02 (Área Abrangência: Lª Santo Expedito, Colorado e Alegre) | Modalidade A

Código: 239

Vagas: Vinculada / 44hs

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

1

541175

Rodrigo Macena de Oliveira

01/01/1992

5,40

1,05

1,05

7,50



AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE (*) ESF – 01, Micro área 06 (Área Abrangência: Parte do Centro e Saída Lª Colorado) | Modalidade A

ASSINADO DIGITALMENTE

Código: 239

Vagas: Vinculada / 44hs

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 155

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

3

555008

Tamiris Dickel

05/11/1992

5,40

1,05

0,70

7,15



2

558724

Romulo Dutra de Campos Mazutti

06/01/1999

4,20

1,40

0,70

6,30



5

573564

Daniel Kipper da Silva

27/08/1993

4,20

1,05

1,05

6,30



4

539405

Janete Puntel

01/08/1976

3,60

0,70

0,70

5,00



6

574206

Clarice Cerezer de Sousa

03/06/1960

3,00

0,70

0,35

4,05



AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE (*) ESF – 02, Micro área 07 (Área Abrangência: Parte Lª Leste, Gaúcha e Jacutinga) | Modalidade A

Código: 239

Vagas: Vinculada / 44hs

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

8

573544

Carine Lorenski

01/01/1997

5,40

0,70

0,70

6,80



7

539496

Alice Gubiani

11/02/1996

4,20

0,70

0,70

5,60



9

541539

Delonei de Togni

18/11/1983

3,00

0,35

0,35

3,70



AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE (*) ESF – 03, Micro área 01 (Área Abrangência: Lª Jacutinga, Jorge Lacerda, São José e Taquá) | Modalidade A

Código: 239

Vagas: Vinculada / 44hs

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

13

574988

Melania Capellari

12/03/1996

3,60

1,05

0,70

5,35



14

574350

Sineia da Cruz

11/03/1991

4,20

1,05

0,00

5,25



12

543471

Carine Casagrande

09/05/1997

3,60

0,70

0,35

4,65



**

575435

Daiane Baumgardt

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

565959

Gustavo Luiz Cappellari

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

574986

Leidiane Ghizzi

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

565978

Tayna Lazarotto

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

Assistente Social | Modalidade A

Código: 232/258

Vagas: Vinculada / 30hs

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

25

555372

Jaqueline Regina Schott

06/09/1990

6,00

0,70

1,05

7,75



23

539879

Graciele Regina Bizello

23/05/1983

4,80

1,05

0,35

6,20



21

553930

Jussara Consoladora Colle

21/09/1969

4,80

0,70

0,70

6,20



22

563885

Nadia Regina Marangon Dalavechia

10/08/1967

4,20

0,70

1,05

5,95



20

554869

Priscila Fusieger

25/04/1987

3,60

1,40

0,70

5,70



24

563806

Simone Carla Boito

30/10/1984

3,60

0,35

1,05

5,00



19

574270

Franciele Cristina Sangalli Casaril

14/06/1983

3,60

0,00

1,05

4,65



26

574179

Nadia Costacurta

02/12/1980

2,40

0,70

0,35

3,45



**

574592

Giovana Beatriz Copatti

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

574902

Maria Elisete Fernandes da Silva

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

570324

Márcia Besing

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

Assistente Social – CRAS | Modalidade A

Código: 247

Vagas: Vinculada / 30hs

Ident.. Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

36

553920

Mariciana Mezzomo

28/04/1984

6,00

1,40

1,05

8,45



33

567699

Leonardo Lengert

18/12/1979

4,20

0,70

1,05

5,95



34

573148

Luciane Radke

11/12/1983

3,60

1,05

1,05

5,70



39

541123

Eliane Piacentini

14/11/1981

4,80

0,35

0,35

5,50



40

575412

Cristiane Machado

24/12/1977

4,80

0,00

0,70

5,50



28

558770

Marilia Munerolli

02/05/1991

3,60

0,70

0,70

5,00



41

574107

Maeli Cristina dos Santos

08/12/1992

3,00

0,35

0,70

4,05



35

575407

Camila Osmarin

11/08/1984

2,40

0,35

0,35

3,10



37

540368

Graciele Fatima Marina

20/10/1981

1,80

0,35

0,70

2,85

Desc.

38

555184

Mariana Hoffelder

22/07/1988

1,20

0,35

0,70

2,25

Desc.

**

575588

Jesica Mai

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 156

**

573181

Jucernei Trevisan Passoni

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

574230

Leila de Ramos Pivetta

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

555184

Mariana Hoffelder

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

Auxiliar de Serviços Gerais | Modalidade A

Código: 29

Vagas: Vinculada / 44hs

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

45

550655

Renan Cipriani

29/08/1996

6,00

0,70

0,70

7,40



46

576339

Izabel de Oliveira Ganzer

02/12/1997

4,80

1,05

0,35

6,20



47

571119

Gelsi dos Santos

04/01/1982

4,80

0,35

0,70

5,85



48

561236

Jose Dalla Possa

22/11/1966

3,60

1,05

0,70

5,35



51

549059

Neuza Fernandes de Matos

29/10/1976

4,20

0,70

0,35

5,25



44

551075

Eleni da Conceição Mendes

23/02/1976

3,00

0,35

0,70

4,05



43

545606

Cleocir Ghidini

25/02/1997

2,40

0,00

0,70

3,10



49

563589

Dorival de Oliveira

03/01/1958

1,80

0,35

0,35

2,50

Desc.

52

541266

Simara Visentin

09/12/1980

1,20

0,70

0,35

2,25

Desc.

50

552780

Ezequiel Zdunek

28/08/1996

1,20

0,35

0,35

1,90

Desc.

42

562316

Arminda Riedel Bortolotto

26/05/1972

0,60

0,70

0,00

1,30

Desc.

Fisioterapeuta | Modalidade A

Código: 28/265

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

75

575360

Barbara Zanchet

09/04/1990

4,80

0,70

1,05

6,55



71

573270

Alessandra Paula Salerno

11/09/1994

4,20

1,05

0,70

5,95



56

572154

Tatiele Bressan Signori

21/07/1989

4,80

0,70

0,35

5,85



63

572974

Julia Luft Brum

21/03/1991

4,20

1,05

0,35

5,60



58

574481

Anelize Priscila Spilmann

26/04/1993

4,20

0,35

1,05

5,60



55

574605

Jusinele Aparecida Antero

02/05/1994

4,80

0,70

0,00

5,50



68

540774

Genaina Karine Santin

11/08/1994

3,60

1,05

0,70

5,35



70

569555

Rutiana Silva Patias

13/02/1990

3,60

1,40

0,00

5,00



77

575052

Danusa Manica

01/08/1984

3,60

1,05

0,35

5,00



53

569337

Franciele Ziliotto

12/02/1992

3,60

0,35

1,05

5,00

10º

62

569473

Daiani Bosa

02/02/1986

4,20

0,35

0,35

4,90

11º

76

573989

Jessica Cronemberger de Carvalho

11/07/1993

3,00

1,05

0,70

4,75

12º

61

572537

Janaina Santos da Silva

16/12/1974

3,60

0,70

0,35

4,65

13º

60

575319

Patricia Ogliari

22/10/1983

3,60

0,70

0,35

4,65

14º

73

574393

Ana Paula Maihack Gauer

20/08/1987

2,40

1,05

1,05

4,50

15º

59

574633

Aline Pasolini

06/12/1985

3,00

0,70

0,70

4,40

16º

69

539808

Cristine Dalmagro

21/11/1992

3,00

0,70

0,70

4,40

17º

54

575392

Franciele Sirena

20/05/1992

3,00

0,35

1,05

4,40

18º

57

548823

Aline Cristina Castanha

21/09/1995

3,60

0,35

0,35

4,30

19º

64

575532

Flaviane Teixeira

11/01/1991

3,00

0,70

0,35

4,05

20º

72

553450

Caiano Fornasari

07/01/1982

2,40

0,70

0,70

3,80

21º

74

571223

Jessica do Rocio Kappel

20/09/1991

1,80

0,35

0,35

2,50

Desc.

**

575705

Carine Corso

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

571223

Jessica do Rocio Kappel

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

568233

Abeli Tuane dos Santos Soares

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

Médico (ESF) | Modalidade A

Código: 10/245

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

88

552320

Kathicia Furlanetto

02/08/1991

6,60

0,35

0,35

7,30



87

575631

Ivy Mendes Bueno

04/03/1985

5,40

1,05

0,70

7,15



86

545539

Caroline Maria Dahmer

21/09/1990

4,80

0,70

0,35

5,85



ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 157

84

576313

Lucas Ide Guadagnin

14/12/1990

4,20

0,70

0,70

5,60



82

574307

Yusleidy Moreno

29/10/1986

3,60

0,70

1,05

5,35



85

556800

Luiz Mario Enderle Signor

25/06/1987

4,20

0,35

0,70

5,25



83

548388

Eridson Posttal Marques

30/03/1978

2,40

0,35

0,35

3,10



89

552308

Dantas Luiz Lavall da Silva

24/04/1991

2,40

0,00

0,00

2,40

Desc.

**

555399

Caroline Rocha Burnett

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

559115

Eudes Bucar

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

573385

John Richard Mendonca Ronchesel

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

570862

Paulo Roberto Toebe

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

Psicólogo | Modalidade A

Código: 230/259/266

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

178

540189

Joscelaine Cristiane Cardoso Lima

21/04/1988

6,00

1,40

1,05

8,45



186

566809

Tamara Lima da Rosa Franco

17/02/1989

5,40

1,40

0,35

7,15



134

539644

Dayanna Basso Perozzo

20/10/1986

4,20

1,40

1,05

6,65



170

544756

Karine Zambiazi

26/03/1990

4,20

1,40

0,70

6,30



126

542234

Eduardo Hubner

15/02/1992

4,20

1,40

0,70

6,30



140

569275

Andressa Sauzem Mayer

21/06/1991

4,80

0,70

0,70

6,20



139

539513

Danuza Lapazini

16/03/1995

4,80

0,35

1,05

6,20



159

572050

Marilene Lucia Martello Bagnara

11/08/1981

4,20

0,70

1,05

5,95



152

569001

Caroline Chiodelli

27/07/1994

4,80

0,35

0,70

5,85



179

553175

Saionara Regina Barili

09/08/1973

3,60

1,40

0,70

5,70

10º

176

555212

Kelin Cristina Izotton

14/10/1993

4,20

0,70

0,70

5,60

11º

154

557823

Patrícia Sehn

06/02/1988

4,80

0,35

0,35

5,50

12º

151

576014

Cristiane Alves de Oliveira

02/06/1988

3,60

1,05

0,70

5,35

13º

133

550564

Ana Teresa Reis Batista

17/12/1993

3,60

1,05

0,70

5,35

14º

160

539232

Francieli Cristina Wingert

29/12/1993

4,20

0,70

0,35

5,25

15º

187

573296

Veridiane Keller Bruxel

19/01/1994

4,20

0,70

0,35

5,25

16º

173

562487

Loridane Meotti

05/06/1994

4,20

0,70

0,35

5,25

17º

163

572101

Suzileia Cecchin

23/01/1986

3,00

1,40

0,70

5,10

18º

130

540540

Caroline Estefani Zanin

02/07/1993

3,00

1,40

0,70

5,10

19º

174

554604

Gustavo Pivatto dos Santos

08/05/1988

3,60

1,05

0,35

5,00

20º

168

539812

Marcos Bello Caetano

07/05/1993

3,60

0,70

0,70

5,00

21º

127

565781

Camila Almeida

15/05/1994

3,60

0,70

0,70

5,00

22º

131

552992

Caroline Gomes Petry

31/05/1995

3,60

0,70

0,70

5,00

23º

129

539795

Eliane Claudia Beloli

23/04/1994

3,60

0,35

1,05

5,00

24º

158

562830

Simone Hammes

15/05/1993

4,20

0,70

0,00

4,90

25º

138

573083

Daiane Zaparoli

24/03/1994

4,20

0,35

0,35

4,90

26º

135

557649

Carine Bruneto

29/01/1988

4,20

0,00

0,70

4,90

27º

132

539660

Cacieli Fernanda Ribeiro de Oliveira

17/04/1992

3,00

1,05

0,70

4,75

28º

185

541702

Vania Ghisleri

21/10/1993

3,00

0,70

1,05

4,75

29º

161

539347

Laura Schmidt

03/08/1991

3,60

0,35

0,70

4,65

30º

136

562294

Danieli Cristina Metdler

15/05/1993

3,00

0,70

0,70

4,40

31º

177

573434

Marjana Damm

07/11/1993

3,00

0,70

0,70

4,40

32º

128

540300

Debora Luiza Biazzi

28/08/1990

3,00

1,05

0,00

4,05

33º

175

574061

Grazieli da Rocha

16/07/1988

3,00

0,70

0,35

4,05

34º

153

553922

Cristina Toillier

07/07/1992

3,00

0,70

0,35

4,05

35º

156

539830

Sabryna Joane Voos Bortoncello Tarouco

12/07/1991

3,00

0,35

0,70

4,05

36º

169

539407

Gabriela Dresch

19/03/1993

3,00

0,35

0,70

4,05

37º

141

567886

Eduarda da Silva

15/04/1994

3,60

0,35

0,00

3,95

38º

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 158

157

573263

Jhenifer Thomazzi dos Santos

24/09/1992

3,00

0,35

0,35

3,70

39º

155

540576

Geniffer Edite Marcon

05/01/1994

2,40

0,00

1,05

3,45

40º

162

549011

Evandro Radaeli

17/10/1982

1,80

0,70

0,70

3,20

41º

172

575261

Susilei Aver

12/09/1994

1,80

0,70

0,70

3,20

42º

171

559706

Gessica Aparecida de Mello

11/10/1994

2,40

0,70

0,00

3,10

43º

137

558549

Clair Odete Schneider

05/05/1994

2,40

0,00

0,70

3,10

44º

**

550080

Ana Cassia Zanatta Bonamigo

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

554607

Ana Maria Thaler

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

555238

Carolina Kist

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

570534

Clara Clariana Ribeiro de Matos

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

575362

Cristieli Bringhenti

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

539450

Danela Carla Schmitz

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

550296

Daniela Filipini

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

543371

Denise Sasso

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

570136

Eloi Clovis Welter Junior

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

568524

Katieli Trombeta de Aquino Ferreira

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

564279

Kelly Christina Gimenez

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

556320

Kelly Gomes

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

563034

Patricia Cristina Falavigna

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

549294

Patricia Mattana

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

547873

Raquel Cristina Dalcero

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

574703

Tais Camila Primon

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

562599

Tiago Antonio Vitti

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

570655

Vanessa Bruneto

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

Técnico Agrícola | Modalidade A

Código: 23

Vagas: Vinculada / 44hs

Ident..

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

190

551417

Maicon Roberto Mahl

13/10/1983

5,40

0,35

1,05

6,80



188

552793

Mauricio Turcatto

01/03/1996

5,40

0,35

0,70

6,45



192

564350

Alexandre Francisco Sturmer

21/09/1985

4,80

1,05

0,35

6,20



198

568701

Thiago Andre Parisoto

01/01/1993

3,60

1,05

1,05

5,70



200

567119

Volnei Poletti

18/06/1989

4,20

0,70

0,70

5,60



201

575467

Nicolas Paloschi

23/10/1998

4,20

0,70

0,70

5,60



203

575505

Felipe Openkoski

24/01/1999

4,20

0,35

0,70

5,25



189

575597

Jair Osvaldo Laufer

14/08/1981

4,20

0,00

1,05

5,25



194

571909

Marcos Fernandes Sebben

08/08/1988

2,40

1,40

0,70

4,50



193

574548

Etson Bagnara

11/11/1979

3,60

0,00

0,70

4,30

10º

206

539752

Jaqueline Klafke

02/03/1998

2,40

1,05

0,70

4,15

11º

191

553925

Daniela de Faveri

04/04/1996

2,40

1,05

0,35

3,80

12º

202

570449

Daniel Michellon

16/07/1997

3,00

0,00

0,70

3,70

13º

205

557798

Adilvane Tressoldi Mella

24/08/1994

3,00

0,35

0,00

3,35

14º

204

573261

Micheli Machado

23/03/1999

1,80

0,70

0,70

3,20

15º

199

575356

Lucas Dalmolin

08/01/1994

1,20

0,35

0,70

2,25

Desc.

**

576061

Diandra Paula Andreolla

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

543759

Djenison Ian Baldo

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

574404

Giseli Chiaparini

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

Técnico em Enfermagem | Modalidade A

Código: 261

Vagas: Vinculada / 40hs

Ident.. Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Total

Class.

209

570143

Janaina Aparecida Kochhann

25/09/1993

4,80

0,70

0,35

5,85



208

571659

Salete Tomazelli

09/02/1969

4,80

0,00

0,70

5,50



ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 159

207

543562

Julia Martins

28/07/1995

3,60

0,35

0,35

4,30



210

574263

Gisele Teresinha Filipe

11/06/1995

3,60

0,00

0,35

3,95



Mecânico | Modalidade C | Modalidade B

Código: 40

Vagas: Vinculada / 44hs

C.I.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Prática

Total

Class.

94

560021

Diego Miotto

16/12/1990

1,90

0,18

0,09

5,00

7,17



93

541284

Marcos Antonio Ribeiro

30/12/1969

1,52

0,36

0,27

3,40

5,55



92

573122

Leandro Groth

04/03/1993

1,14

0,18

0,18

3,00

4,50



**

572219

Ismael Vizentin

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

574717

Luiz Guilherme Martini

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

MOTORISTA - Categoria "C" | Modalidade B

Código: 41, 101 e 103

Vagas: Vinculada / 44hs

C.I.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Prática

Total

Class.

99

552414

Ednei Airto Powala

16/06/1985

2,28

0,27

0,27

4,90

7,72



98

574734

Valdir Inacio Vargas de Oliveira

23/09/1969

1,52

0,09

0,18

4,20

5,99



97

554462

Ivo Carollo

11/10/1956

0,76

0,09

0,00

-

0,85

Desc.

100

573350

Hilario Silva de Almeida

22/10/1962

0,57

0,00

0,18

-

0,75

Desc.

**

557594

Sidinei Pires

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

**

560726

Volmir Basso

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

MOTORISTA - Categoria "D" | Modalidade B

Código: 41, 101 e 103

Vagas: Vinculada / 44hs

C.I.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Prática

Total

Class.

103

561027

Amauri Roberto Bertochi

07/08/1978

2,09

0,27

0,18

4,80

7,34



102

555912

Nerci Massardo

15/05/1953

2,09

0,18

0,09

4,90

7,26



101

570656

Gilson José de Farias

14/06/1981

1,90

0,18

0,27

4,80

7,15



106

564527

Vilson Souza

23/08/1967

1,71

0,27

0,27

4,60

6,85



109

560606

Edmar Jose de Sousa

27/10/1967

1,52

0,09

0,09

4,60

6,30



108

560659

Rogerio Groto

24/05/1979

1,14

0,18

0,18

4,80

6,30



104

573614

Gilmar Fagundes dos Santos

17/01/1977

1,14

0,27

0,27

4,00

5,68



110

545774

Jordani Soares Leal

27/09/1976

1,14

0,18

0,09

3,80

5,21



105

565688

Volnei Simon

29/05/1993

1,33

0,27

0,18

3,10

4,88



**

575305

Evandro Carlos Scopel

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

OPERADOR DE EQUIPAMENTOS RODOVIÁRIOS | Modalidade B

Código: 42

Vagas: Vinculada / 44hs

C.I.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Prática

Total

Class.

113

544448

Loimir Campagnaro

25/08/1987

0,76

0,18

0,18

5,00

6,12



114

550237

Joiane Eibel

26/07/1994

0,76

0,18

0,09

4,30

5,33



112

550958

Luiz Carlos Lutz

03/01/1973

0,38

0,18

0,00

-

0,56

Desc.

**

574586

Ilizeu Colombo

**.**.****

*-*

*-*

*-*

*-*

*-*

Faltou

Professor de Língua Estrangeira - Inglês (Habilitado) Ident.

Insc.

Candidato

Código: 12 Data Nasc.

C. Esp.

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

Não há candidatos homologados neste cargo Professor de Língua Portuguesa (Habilitado) | Modalidade B

Código: 12

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs

Ident.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

115

546480

Daniela Alves de Souza

24/12/1990

3,85

0,60

0,90

0,75

6,10



Professor de Ciências (Habilitado) | Modalidade B Ident.

Insc.

Candidato

ASSINADO DIGITALMENTE

Código: 12 Data Nasc.

C. Esp.

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira) 116

573101

DOM/SC - Edição N° 2238

Ines de Bastiani

14/07/1980

Professor de Ciências (Não Habilitado) | Modalidade B

Página 160

1,10

0,30

Código: 12

0,60

-

2,00

Desc.

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs

Ident.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

117

570197

Juliano do Vale Silvestrin

11/08/1971

2,20

0,00

0,00

-

2,20

Desc.

Professor de Geografia (Habilitado) Ident.

Insc.

Candidato

Código: 12 Data Nasc.

C. Esp.

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

Não há candidatos homologados neste cargo Professor de Geografia (Não Habilitado) Ident.

Insc.

Candidato

Código: 12 Data Nasc.

C. Esp.

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

Não há candidatos homologados neste cargo Professor de História (Habilitado) | Modalidade B

Código: 12

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs

Ident.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

118

547017

Patricia Miguel Cavagnoli

16/03/1988

2,75

0,30

0,30

0,00

3,35



Professor de História (Não Habilitado) | Modalidade B

Código: 12

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs

Ident.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

119

540988

Neusa Marlei Paloschi

16/10/1968

2,20

0,90

0,30

0,00

3,40



121

540759

Angelica Rigon

30/12/1989

1,65

0,00

0,60

-

2,25

Desc.

120

540983

Marcia Marlene Philippsen Machado

21/08/1973

1,65

0,00

0,30

-

1,95

Desc.

Professor de Matemática (Habilitado) | Modalidade B

Código: 12

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs

Ident.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

123

570530

Tatiane Tais Brisola Schneider

07/03/1996

3,85

0,00

0,30

0,00

4,15



Professor de Matemática (Não Habilitado) | Modalidade B

Código: 12

Vagas: Vinc. / CH 10, 20, 30, 40hs

Ident.

Insc.

Candidato

Data Nasc.

C. Esp.

L.Port.

C.Gerais

Prova Títulos

Total

Class.

125

548889

Lisandro Sandini Alves

05/05/1978

3,30

1,20

0,60

0,00

5,10



124

540926

Wellinton Tosini

08/04/1998

1,65

0,60

0,60

-

2,85

Desc.

Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data da sua publicação. Art. 3° Ficam revogadas as disposições em contrário. Descanso – SC, 20 de abril de 2017. Sadi Inácio Bonamigo Prefeito de Descanso Certifico que publiquei o presente Decreto na data supra. Simone Pavan - Assessor Técnico – Adm.RH/DP

DECRETO Nº 1851/2017 HOMOLOGA A CLASSIFICAÇÃO FINAL DA PROVA PRÁTICA, DOS CANDIDATOS INSCRITOS AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO N° 01/2017

DECRETO Nº 1851/2017, de 20 de abril de 2017. HOMOLOGA A CLASSIFICAÇÃO FINAL DA PROVA PRÁTICA, DOS CANDIDATOS INSCRITOS AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO N° 01/2017, PARA A SELEÇÃO DE MECÂNICO, MOTORISTA – CATEGORIAS “C” e “D” e OPERADOR DE EQUIPAMENTOS RODOVIÁRIOS, PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE EXCEPCIONAL INTERESSE PÚBLICO, EM RAZÃO DOS CONCURSOS PÚBLICOS Nº 02 E 03/2007, ESTAREM SUB JUDICE E EM EVENTUAIS VAGAS VINCULADAS OU EXCEDENTES E COMPOR RESERVA TÉCNICA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. SADI INÁCIO BONAMIGO, Prefeito Municipal de Descanso, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o que estabelece o Art. 37, inciso IX, c/c artigo 40, § 12, da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, 303, da Lei nº 086/1991, 27.12.1991, alterado pela Lei nº 106/1997, de 22.09.1997, Lei nº 354/2001, de 18.12.2001, alterada pela Lei nº 1009/2010, de 22.11.2010 e Lei nº 1281/2013, de 25.11.2013, Lei nº 04/1990, de 02.03.1990, Lei nº 040/90, de 28.05.1990, Lei nº 089/1990, de 31.10.1990, Lei nº 360/2001, de 27.12.2001, Lei nº 908/2009, de 26.11.2009, alterada pela Lei nº 994/2010, de 20.10.2010, Lei 521/2004, de 28.05.2004, Lei

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 161

nº 827/2009, de 25.03.2009, Lei nº 086/91 de 27.12.91 e Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º Fica homologada a classificação final (após os recursos) da prova prática, dos candidatos inscritos ao Edital de Processo Seletivo n° 01/2017, de 23 de janeiro de 2017, para seleção de servidores para contratação temporária / admissão por prazo determinado de Mecânico, Motorista – Categorias “C” e “D” e Operador de Equipamentos Rodoviários, para atender necessidade temporária de excepcional interesse público, conforme a necessidade em eventuais vagas vinculadas e/ou excedentes, programas conveniados em substituição de profissionais impedidos de atuarem e compor reserva técnica, para ocupação de vagas que venham a surgir no decorrer do prazo de validade deste Processo Seletivo e em razão dos Concursos Públicos nº 02 e 03/2007, estarem sub judice, nos autos da Ação Civil Pública de nº 084.08.00010/41-9, sendo a contratação sob o Regime Estatutário, vinculados ao Regime Geral de Previdência Social - RGPS, no nível de vencimento inicial das categorias funcionais do Quadro de Pessoal da Administração Direta do Município de Descanso, abaixo relacionadas: Mecânico Nº

INSC

CANDIDATO

NOTA PROVA PRÁTICA

SITUAÇÃO

1

560021

Diego Miotto

5,00

Classificado

2

573122

Leandro Groth

3,00

Classificado

3

541284

Marcos Antonio Ribeiro

3,40

Classificado

4

572219

Ismael Vizentin

Faltante

Desclassificado

5

574717

Luiz Guilherme Martini

Faltante

Desclassificado

Motorista Categoria “C” Nº

INSC

CANDIDATO

NOTA PROVA PRÁTICA

SITUAÇÃO

1

552414

Ednei Airto Powala

4,90

Classificado

2

573350

Hilario Silva De Almeida

3,00

Classificado

3

554462

Ivo Carollo

4,50

Classificado

4

574734

Valdir Inacio Vargas De Oliveira

4,20

Classificado

5

557594

Sidinei Pires

Faltante

Desclassificado

6

560726

Volmir Basso

Faltante

Desclassificado

Motorista Categoria “D” Nº

INSC

CANDIDATO

NOTA PROVA PRÁTICA

SITUAÇÃO

1

561027

Amauri Roberto Bertochi

4,80

Classificado

2

560606

Edmar Jose De Sousa

4,60

Classificado

3

573614

Gilmar Fagundes Dos Santos

4,00

Classificado

4

570656

Gilson Jose De Farias

4,80

Classificado

5

545774

Jordani Soares Leal

3,80

Classificado

6

555912

Nerci Massardo

4,90

Classificado

7

560659

Rogerio Groto

4,80

Classificado

8

564527

Vilson Souza

4,60

Classificado

9

565688

Volnei Simon

3,10

Classificado

10

575305

Evandro Carlos Scopel

Faltante

Desclassificado

Operador de Equipamentos Rodoviários Nº

INSC

CANDIDATO

NOTA PROVA PRÁTICA

SITUAÇÃO

1

550237

Joiane Eibel

4,30

Classificado

2

544448

Loimir Campagnaro

5,00

Classificado

3

550958

Luiz Carlos Lutz

4,60

Classificado

4

574586

Ilizeu Colombo

Faltante

Desclassificado

Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data da sua publicação. Art. 3° Ficam revogadas as disposições em contrário. Descanso – SC, 20 de abril de 2017. Sadi Inácio Bonamigo Prefeito de Descanso ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 162

Certifico que publiquei o presente Decreto na data supra. Simone Pavan Assessor Técnico – Adm.RH/DP

DECRETO Nº 858/2017 ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR NO VALOR DE R$ 43.763,88 DECRETO Nº 858/2017-SF, de 19 de abril de 2017. ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR NO VALOR DE R$ 43.763,88 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

SADI INÁCIO BONAMIGO, Prefeito Municipal de Descanso, Estado de Santa Catarina, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Municipal nº 1514/2017, de 19 de abril de 2017. DECRETA: Art. 1º - Fica aberto no orçamento do Município, um Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 43.763,88 (quarenta e três mil, setecentos e sessenta e três reais e oitenta e oito centavos), para reforço da dotação orçamentária abaixo especificada: Órgão: 06.00 Unidade: 06.09 Proj./Ativ. 12.361.0006.1.006 3.3.90.00.00.00.00.00.0609

SECRET.MUNIC.DE EDUCAÇÃO E CULTURA DPTO. DE EDUCAÇÃO Constr. e/ou Ampl. Escolas de Ensino Fundamental Aplicações Diretas

43.763,88

Art. 2º - Para cobertura do crédito aberto no artigo anterior, fica cancelada a dotação orçamentária autorizada pela Lei Municipal nº 1511/2017 – Decreto 857/2017-SF de 30 de janeiro de 2017, conforme especificado abaixo: Órgão: 06.00 Unidade: 06.09 Proj./Ativ. 12.361.0006.1.006 4.4.90.00.00.00.00.00.0609

SECRET.MUNIC.DE EDUCAÇÃO E CULTURA DPTO. DE EDUCAÇÃO Constr. e/ou Ampl. Escolas de Ensino Fundamental Aplicações Diretas (176)

43.763,88

Art. 3º Em consequência da abertura do crédito adicional suplementar constante deste Decreto, as Tabelas e Anexos demonstrativos das respectivas despesas do PPA 2014/2017 - Lei Municipal nº 1264/2013 e alterações para o exercício de 2017, da LDO 2017 - Lei Municipal nº 1497/2016 e da LOA 2017 – Lei Municipal nº 1502/2016, serão alterados nas importâncias correspondentes, no valor de R$ 43.763,88 (quarenta e três mil, setecentos e sessenta e três reais e oitenta e oito centavos) Art. 4º A Secretaria Municipal da Fazenda publicará as Tabelas e Anexos citados no artigo anterior, com as alterações introduzidas pelo presente Decreto. Art. 5º O presente Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 6º Revogam-se as disposições em contrário. Descanso - SC, 19 de abril de 2017. Sadi Inácio Bonamigo Prefeito Municipal Certifico que publiquei o presente Decreto em data supra. Simone Pavan Assessora Técnica – ADM/RH

DECRETO Nº 859/2017 ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR NO VALOR DE R$ 20.082,81 DECRETO Nº 859/2017-SF, de 19 de abril de 2017. ABRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR NO VALOR DE R$ 20.082,81 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

SADI INÁCIO BONAMIGO, Prefeito Municipal de Descanso, Estado de Santa Catarina, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Municipal nº 1515/2017, de 19 de abril de 2017. DECRETA: Art. 1º - Fica aberto no orçamento do Município, um Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 20.082,81 (vinte mil, oitenta e dois reais e oitenta e um centavos), para reforço da dotação orçamentária abaixo especificada: Órgão: 11.00 Unidade: 11.18 Proj./Ativ. 08.244.0018.2.070 3.3.90.00.00.00.00.00.0500

SECRET.MUNIC.DO BEM ESTAR SOCIAL FUNDO MUNICIPAL DE ASSUSTÊNCIA SOCIAL Serviço de Proteção Social de Alta Complexidade Aplicações Diretas (135)

20.082,81

Art. 2º - Servirá de recursos para cobertura do crédito aberto no artigo anterior, a redução em igual valor da dotação orçamentária vigente, abaixo especificada: Órgão: Unidade: Proj./Ativ.

08.00 08.12 26.782.0009.2.027

ASSINADO DIGITALMENTE

SECRET.MUNIC.DE TRANSPORTES DPTO.DE TRANSPORTES Manut.Dpto.Transp.Frotas de Equip.e Rodov.Munic. www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira) 3.3.90.00.00.00.00.00.0500

DOM/SC - Edição N° 2238 Aplicações Diretas (85)

Página 163 20.082,81

Art. 3º Em consequência da abertura do crédito adicional suplementar constante deste Decreto, as Tabelas e Anexos demonstrativos das respectivas despesas do PPA 2014/2017 - Lei Municipal nº 1264/2013 e alterações para o exercício de 2017, da LDO 2017 - Lei Municipal nº 1497/2016 e da LOA 2017 – Lei Municipal nº 1502/2016, serão alterados nas importâncias correspondentes, no valor de R$ 20.082,81 (vinte mil, oitenta e dois reais e oitenta e um centavos). Art. 4º A Secretaria Municipal da Fazenda publicará as Tabelas e Anexos citados no artigo anterior, com as alterações introduzidas pelo presente Decreto. Art. 5º O presente Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 6º Revogam-se as disposições em contrário. Descanso - SC, 19 de abril de 2017. Sadi Inácio Bonamigo Prefeito Municipal Certifico que publiquei o presente Decreto em data supra. Simone Pavan Assessora Técnica – ADM/RH

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 164

Dionisio Cerqueira Prefeitura DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 05-2012 - FMS

DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 05/2012. PROCESSO LICITATÓRIO Nº 05/2012. HOMOLOGAÇÃO: 05/04/17 CONTRATADO: VALDIR ANTONIO SCALCO CONTRATANTE: FUNDO MUN. DA SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA – SC. OBJETO: LOCAÇÃO DE IMOVEL PARA A SECRETARIA DE SAUDE. VALOR DA DESPESA: R$ 11.646,00 (Onze mil seiscentos e quarenta e seis reais) DATA: 18/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal.

DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 12-17 - HOSPITAL

DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 12/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 12/17 HOMOLOGAÇÃO: 03/04/17 CONTRATADO: RODRIGO MATANA SERAFINI & CIA LTDA CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS MEDICOS ESPECIALIZADOS EM REGIME DE URGÊNCIA PARA O HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. VALOR DA DESPESA: R$ 8.400,00 (oito mil e quatrocentos reais) FUNDAMENTO: Art. 24, inciso II da Lei de Licitações. DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal ----------------DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 12/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 12/17 HOMOLOGAÇÃO: 03/04/17 CONTRATADO: CLINICA GONZALES ACOSTA LTDA. CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS MEDICOS ESPECIALIZADOS EM REGIME DE URGÊNCIA PARA O HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. VALOR DA DESPESA: R$ 22.200,00 (vinte e dois mil e duzentos reais) FUNDAMENTO: Art. 24, inciso II da Lei de Licitações. DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal ---------DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 12/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 12/17 HOMOLOGAÇÃO: 03/04/17 CONTRATADO: JAKYMIU & SILVA LTDA - ME CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS MEDICOS ESPECIALIZADOS EM REGIME DE URGÊNCIA PARA O HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. VALOR DA DESPESA: R$ 11.800,00 (onze mil oitocentos reais) FUNDAMENTO: Art. 24, inciso II da Lei de Licitações. DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal ---------ASSINADO DIGITALMENTE

DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 12/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 12/17 HOMOLOGAÇÃO: 03/04/17 CONTRATADO: ANTONIO JAIR SCHREINER MARAN - ME CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS MEDICOS ESPECIALIZADOS EM REGIME DE URGÊNCIA PARA O HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. VALOR DA DESPESA: R$ 24.000,00 (vinte e quatro mil reais) FUNDAMENTO: Art. 24, inciso II da Lei de Licitações. DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal ---------DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 12/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 12/17 HOMOLOGAÇÃO: 03/04/17 CONTRATADO: RENATO MOCELINI - ME CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS MEDICOS ESPECIALIZADOS EM REGIME DE URGÊNCIA PARA O HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. VALOR DA DESPESA: R$ 23.200,00 (vinte e três mil e duzentos reais) FUNDAMENTO: Art. 24, inciso II da Lei de Licitações. DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal ---------DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 12/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 12/17 HOMOLOGAÇÃO: 03/04/17 CONTRATADO: JULIANA CRISTINA DEOLA - ME CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS MEDICOS ESPECIALIZADOS EM REGIME DE URGÊNCIA PARA O HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. VALOR DA DESPESA: R$ 8.900,00 (oito mil e novecentos reais) FUNDAMENTO: Art. 24, inciso II da Lei de Licitações. DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal ---------DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 12/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 12/17 HOMOLOGAÇÃO: 03/04/17 CONTRATADO: RICARDO ANTONIO SALVON E CIA LTDA - ME CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS MEDICOS ESPECIALIZADOS EM REGIME DE URGÊNCIA PARA O HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. VALOR DA DESPESA: R$ 37.250,00 (trinta e sete mil duzentos e cinqüenta reais) FUNDAMENTO: Art. 24, inciso II da Lei de Licitações. DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal ---------DISPENSA www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

DE LICITAÇÃO Nº 12/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 12/17 HOMOLOGAÇÃO: 03/04/17 CONTRATADO: CLINICA FURUKITA - EIRELI - ME CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS MEDICOS ESPECIALIZADOS EM REGIME DE URGÊNCIA PARA O HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. VALOR DA DESPESA: R$ 8.000,00 (oito mil reais) FUNDAMENTO: Art. 24, inciso II da Lei de Licitações. DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal ---------DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 12/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 12/17 HOMOLOGAÇÃO: 03/04/17 CONTRATADO: MARCOS MASSAO OKAMURA - EIRELI CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS MEDICOS ESPECIALIZADOS EM REGIME DE URGÊNCIA PARA O HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. VALOR DA DESPESA: R$ 6.850,00 (seis mil oitocentos e cinqüenta reais) FUNDAMENTO: Art. 24, inciso II da Lei de Licitações. DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal ----------

EXTRATO PREGAO 12/2017 FMS

MUNICIPIO DE DIONISIO CERQUEIRA FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 12/2017 REGISTRO DE PREÇO O MUNICÍPIO DE DIONISIO CERQUEIRA, Estado de Santa Catarina, usando de suas atribuições legais, em conformidade com a Lei Federal 8.666/93, demais alterações vigentes, Lei Federal 10.520/02, promove Processo Licitatório nº 12/2017, Edital de Pregão Nº 12/2017, REGISTRO DE PREÇO que tem como objeto: REGISTRO DE PREÇO PARA AQUISIÇÃO DE MATERIAL AMBULATORIAL PARA DISTRIBUIÇÃO AOS USUARIOS DO SISTEMA UNICO DE SAÚDE E PARA O ATENDIMENTO MEDICO AMBULATORIAL E DE ENFERMAGEM JUNTO AS UNIDADES BASICAS DE SAÚDE. Recebimento, abertura e julgamento às 09:00 horas do dia 08/05/2017, no Setor de Compras, Contratos e Licitações da Prefeitura Municipal, Rua Santos Dumont, nº 413, Centro, Dionísio Cerqueira/SC. Informações complementares sobre o edital poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Dionísio Cerqueira, no endereço supra citado, ou através do telefone (0xx49) 3644-6700 ou site: www. dionisiocerqueira.sc.gov.br. Dionísio Cerqueira/SC. THYAGO W. G. GONÇALVES PREFEITO MUNICIPAL

EXTRATO PREGAO 13/2017 FMS

MUNICIPIO DE DIONISIO CERQUEIRA FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 13/2017 O MUNICÍPIO DE DIONISIO CERQUEIRA, Estado de Santa Catarina, usando de suas atribuições legais, em conformidade com a Lei Federal 8.666/93, demais alterações vigentes, Lei Federal 10.520/02, promove Processo Licitatório nº 13/2017, Edital de Pregão Nº 13/2017, Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA QUE FORNEÇA HOSPEDAGEM DE ACOMPANHANTES E PACIENTES QUE ESTÃO EM TRATAMENTO JUNTO AO CEONC - CENTRO DE ONCOLOGIA DE CASCAVEL - PR. Recebimento, abertura e julgamento às 14:00 ASSINADO DIGITALMENTE

Página 165

horas do dia 08/05/2017, no Setor de Compras, Contratos e Licitações da Prefeitura Municipal, Rua Santos Dumont, nº 413, Centro, Dionísio Cerqueira/SC. Informações complementares sobre o edital poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Dionísio Cerqueira, no endereço supra citado, ou através do telefone (0xx49) 36446700 ou site: www.dionisiocerqueira.sc.gov.br. Dionísio Cerqueira/ SC. THYAGO W. G. GONÇALVES PREFEITO MUNICIPAL

EXTRATO PREGÃO 14/2017 HMDC

MUNICIPIO DE DIONISIO CERQUEIRA HOSPITAL MUNICIPAL EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 14/2017 O MUNICÍPIO DE DIONISIO CERQUEIRA, Estado de Santa Catarina, usando de suas atribuições legais, em conformidade com a Lei Federal 8.666/93, demais alterações vigentes, Lei Federal 10.520/02, promove Processo Licitatório nº 14/2017, Edital de Pregão Nº 14/2017, Objeto: AQUISIÇÃO DE MOBILIARIO EM GERAL, PARA USO NO HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA - SC. Recebimento, abertura e julgamento às 16:00 horas do dia 08/05/2017, no Setor de Compras, Contratos e Licitações da Prefeitura Municipal, Rua Santos Dumont, nº 413, Centro, Dionísio Cerqueira/SC. Informações complementares sobre o edital poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Dionísio Cerqueira, no endereço supra citado, ou através do telefone (0xx49) 3644-6700 ou site: www.dionisiocerqueira. sc.gov.br. Dionísio Cerqueira/SC. THYAGO W. G. GONÇALVES PREFEITO MUNICIPAL

PP Nº 6-17 - PREFEITURA

PRESENCIAL Nº 5/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 6/17 HOMOLOGAÇÃO: 04/04/17 CONTRATADO: BREGOMAR VEICULOS LTDA. CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de veículos para serviços de extensão rural na agricultura familiar no Município de Dionísio Cerqueira - SC VALOR DA DESPESA: R$ 129.400,00 (cento e vinte e nove mil e quatrocentos reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. ----------------PREGÃO PRESENCIAL Nº 5/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 6/17 HOMOLOGAÇÃO: 04/04/17 CONTRATADO: PIRAMIDE VEICULOS LTDA CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de veículos para serviços de extensão rural na agricultura familiar no Município de Dionísio Cerqueira - SC VALOR DA DESPESA: R$ 94.100,00 (noventa e quatro mil e cem reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal.

PREGÃO PRESENCIAL Nº 04-2017 - FMS

PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: ALTERMED MATERIAL MEDICO HOSPITALAR LTDA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 20.074,80(vinte mil setenta e quatro reais com oitenta centavos). DATA: 18/04/17 PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: DAMEDI – DAMBROS COMÉRCIO DE MEDICAMENTOS LTDA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 5.500,60 (Cinco mil quinhentos reais com sessenta centavos). DATA: 18/04/17 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: AMARILDO BASEGGIO & CIA LTDA - ME CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 1.790,00 (Hum mil setecentos e dezenove reais). DATA: 18/04/17 - PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: ANGEOMED-COM PRODUTOS MEDIC.HOSP.LTDA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 5.470,08 (Cinco mil quatrocentos e setenta reais com oito centavos). DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: MAURO MARCIANO GARCIA DE FREITAS CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 10.012,00 (Dez mil com doze reais). DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: DIMASTER – COMERCIO DE SERVIÇOS HOSPITALARES LTDA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 42.386,00 (Quarenta dois mil trezentos e oitenta e seis reais). ASSINADO DIGITALMENTE

Página 166

DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: DIMACI – SC MATERIAL CIRURGICO LTDA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 32.420,00 (Trinta e dois mil quatrocentos e vinte reais). DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: CENTERMEDI COMERCIO DE PRODUTOS HOSPITALARES LTDA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 23.760,40 (Vinte e três mil e seiscentos e sessenta reais com quarenta centavos ). DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: A.G. KIENEN & CIA LTDA ME CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 17.503,20(Dezessete mil quinhentos e três reais e vinte centavos). DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: FUFA – SC DISTRIBUIDORA HOSPITALARES LTDA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 46.062,00 (Quarenta seis mil e sessenta e dois reais). DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: COMERCIAL CIRURGICA RIO CLARENCE LTDA - FILIAL CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 3.525,00 (Três mil quinhentos e vinte e cinco mil). DATA: 18/04/17 –

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: ANGAI DISTRIBUIDORA DE MEDICAMENTOS LTDA - EPP CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 4.351,40 (Quatro mil trezentos e cinquenta e um mil com quarenta centavos). DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: INOVAMED COMERCIO DE MEDICAMENTOS LTDA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 10.571,00 (Dez mil quinhentos e setenta e um reais). DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: AGIL DISTRIBUIDORA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 10.571,00 (Dez mil quinhentos e setenta e um reais). DATA: 18/04/17 – PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 18/04/2017 CONTRATADO: PROMEFARMA REPRESENTAÇÃO COMERCIAIS LTDA CONTRATANTE: FUNDO MUN. DE SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição de medicamentos para serem dispensados a pacientes que necessitam de atendimento junto as unidades básicas de saúde deste Município. VALOR DA DESPESA: R$ 25.508,00 (Vinte e cinco mil com quinhentos e oito reais). DATA: 18/04/17 – DATA: 18/04/17 –

PREGÃO PRESENCIAL Nº 15-17 - HOSPITAL

PREGÃO PRESENCIAL Nº 15/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 15/17 HOMOLOGAÇÃO: 20/04/17 CONTRATADO: G.C.M.CLINICA FONOAUDIOLOGICA LTDA - ME CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS FONOAUDIOLOGICO NA REALIZAÇÃO DE TESTE DE ORELINHA E LINGUINHA EM RECEM NASCIDOS NO HOSPITAL ASSINADO DIGITALMENTE

Página 167

MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA. VALOR DA DESPESA: R$ 11.400,00 (onze mil quatrocentos reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------

PREGÃO PRESENCIAL Nº 20-2014 - FMS

PREGÃO PRESENCIAL Nº 20/2014. PROCESSO LICITATÓRIO Nº 20/2014. CONTRATADO: VALDIR ANTONIO SCALCO CONTRATANTE: FUNDO MUN. DA SAUDE DE DIONISIO CERQUEIRA – SC. OBJETO: Contratação de empresa para locação de softerware e o treinamento para a Secretaria de Saúde. VALOR DA DESPESA: R$ 23.700,00 (Vinte e três mil setecentos reais). VALIDADE: 18-01-2017 A 18-06-2017. DATA: 18/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal.

PREGÃO PRESENCIAL Nº 4-17 - PREFEITURA

PREGÃO PRESENCIAL Nº 3/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 31/03/17 CONTRATADO: ROSA & ROSA CIA LTDA - ME CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL DE LIMPEZA E GÁS DE COZINHA,PARA A REDE MUNICIPAL DE ENSINO, CRECHES, ESCOLAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL E DE ENSINO FUNDAMENTAL. VALOR DA DESPESA: R$ 6.256,40 (seis mil duzentos e cinqüenta e seis reais e quarenta centavos) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------PREGÃO PRESENCIAL Nº 3/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 31/03/17 CONTRATADO: A.E.M OESTE COMERCIAL LTDA - ME CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL DE LIMPEZA E GÁS DE COZINHA,PARA A REDE MUNICIPAL DE ENSINO, CRECHES, ESCOLAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL E DE ENSINO FUNDAMENTAL. VALOR DA DESPESA: R$ 4.706,74 (quatro mil setecentos e seis reais e setenta e quatro centavos) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------PREGÃO PRESENCIAL Nº 3/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 31/03/17 CONTRATADO: NILOSUL IND. E COM. LTDA - EPP CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL DE LIMPEZA E GÁS DE COZINHA,PARA A REDE MUNICIPAL DE ENSINO, CRECHES, ESCOLAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL E DE ENSINO FUNDAMENTAL. VALOR DA DESPESA: R$ 21.120,00 (vinte e um mil cento e vinte reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------PREGÃO www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

PRESENCIAL Nº 3/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 31/03/17 CONTRATADO: LADIR LUIZ PAULETTI CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL DE LIMPEZA E GÁS DE COZINHA,PARA A REDE MUNICIPAL DE ENSINO, CRECHES, ESCOLAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL E DE ENSINO FUNDAMENTAL. VALOR DA DESPESA: R$ 7.136,50 (sete mil cento e trinta e seis reais e cinqüenta centavos) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------PREGÃO PRESENCIAL Nº 3/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 4/17 HOMOLOGAÇÃO: 31/03/17 CONTRATADO: SCS COMERCIO LTDA - EPP CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL DE LIMPEZA E GÁS DE COZINHA,PARA A REDE MUNICIPAL DE ENSINO, CRECHES, ESCOLAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL E DE ENSINO FUNDAMENTAL. VALOR DA DESPESA: R$ 2.346,00 (dois mil trezentos e quarenta e seis reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------

PREGÃO PRESENCIAL Nº 5-17 - HOSPITAL

PREGÃO PRESENCIAL Nº 5/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 5/17 HOMOLOGAÇÃO: 17/03/17 CONTRATADO: MERCO SOLUCOES EM SAUDE LTDA CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE SUPLEMENTO ALIMENTAR PARA PACIENTES INTERNADOS NO HOSPITAL MUNICIPAL. VALOR DA DESPESA: R$ 3.251,00 (três mil duzentos e cinqüenta e um reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal.

PREGÃO PRESENCIAL Nº 6-17 - HOSPITAL

PREGÃO PRESENCIAL Nº 6/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 6/17 HOMOLOGAÇÃO: 17/03/17 CONTRATADO: LUIZ CHICOUSKI DOS SANTOS - EPP CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Aquisição para recarga de cilindro de oxigênio medicinal, a ser utilizado no atendimento de pacientes no Hospital Municipal de Dionísio Cerqueira/SC. VALOR DA DESPESA: R$ 86.200,00 (oitenta e seis mil e duzentos reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal.

ASSINADO DIGITALMENTE

Página 168

PREGÃO PRESENCIAL Nº 67-16 - PREFEITURA

PREGÃO PRESENCIAL Nº 67/2016. PROCESSO LICITATÓRIO Nº 67/2016. 2ª TERMO ADITIVO DO CONTRATO Nº.054/2016. CONTRATADO: G.L. WALKER EQUIPAMENTOS E MONTAGENS - ME CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA – SC. OBJETO: Aquisição de equipamentos para atender as instalações do frigorifico P.A – Tracutinga, Assentamento Conquista da Fronteira. Convênio MDA / CAIXA 2623 – 1026985-49/2015, contrato de repasse – 823753/2015. VALIDADE: 31-03-2017 A 31-12-2017. THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. PREGÃO PRESENCIAL Nº 67/2016. PROCESSO LICITATÓRIO Nº 67/2016. 2ª TERMO ADITIVO DO CONTRATO Nº.055/2016. CONTRATADO: FRINOX EQUIPAMENTOS INDUSTRIAIS LTDA CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA – SC. OBJETO: Aquisição de equipamentos para atender as instalações do frigorifico P.A – Tracutinga, Assentamento Conquista da Fronteira. Convênio MDA / CAIXA 2623 – 1026985-49/2015, contrato de repasse – 823753/2015. VALIDADE: 31-03-2017 A 31-12-2017. THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. PREGÃO PRESENCIAL Nº 67/2016. PROCESSO LICITATÓRIO Nº 67/2016. 2ª TERMO ADITIVO DO CONTRATO Nº.056/2016. CONTRATADO: CASA COMETA COMÉRCIO DE EQUIPAMENTO AGROINDUSTRIAL LTDA – ME. CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA – SC. OBJETO: Aquisição de equipamentos para atender as instalações do frigorifico P.A – Tracutinga, Assentamento Conquista da Fronteira. Convênio MDA / CAIXA 2623 – 1026985-49/2015, contrato de repasse – 823753/2015. VALIDADE: 31-03-2017 A 31-12-2017. THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal.

PREGÃO PRESENCIAL Nº 7-17 - HOSPITAL

PREGÃO PRESENCIAL Nº 7/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 7/17 HOMOLOGAÇÃO: 17/03/17 CONTRATADO: AMARILDO BASEGGIO & CIA LTDA - ME CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL HOSPITALAR QUE SERÃO USADOS EM ATENDIMENTO A PACIENTES INTERNADOS E QUE NECESSITEM DE ATENDIMENTO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL MUNICIPAL. VALOR DA DESPESA: R$ 7.374,75 (sete mil trezentos e setenta e quatro reais e setenta e cinco centavos) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------PREGÃO PRESENCIAL Nº 7/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 7/17 HOMOLOGAÇÃO: 17/03/17 CONTRATADO: DAMEDI DAMBROS COMERCIO DE MEDICAMENTOS LTDA - EPP CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL HOSPITALAR QUE SERÃO USADOS EM ATENDIMENTO A PACIENTES INTERNADOS E QUE NECESSITEM DE ATENDIMENTO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL MUNICIPAL. VALOR DA DESPESA: R$ 7.899,05 (sete mil oitocentos e noventa e nove reais e cinco centavos) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------PREGÃO PRESENCIAL Nº 7/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 7/17 HOMOLOGAÇÃO: 17/03/17 CONTRATADO: ALTERMED MATERIAL MEDICO HOSPITALAR LTDA CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL HOSPITALAR QUE SERÃO USADOS EM ATENDIMENTO A PACIENTES INTERNADOS E QUE NECESSITEM DE ATENDIMENTO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL MUNICIPAL. VALOR DA DESPESA: R$ 6.278,90 (seis mil duzentos e setenta e oito reais e noventa centavos) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. ----------------PREGÃO PRESENCIAL Nº 7/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº /17 HOMOLOGAÇÃO: 17/03/17 CONTRATADO: CASA CIRURGICA CHAPECO LTDA - EPP CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL HOSPITALAR QUE SERÃO USADOS EM ATENDIMENTO A PACIENTES INTERNADOS E QUE NECESSITEM DE ATENDIMENTO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL MUNICIPAL. VALOR DA DESPESA: R$ 4.007,50 (quatro mil e sete reais e cinqüenta centavos) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------PREGÃO PRESENCIAL Nº 7/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 7/17 HOMOLOGAÇÃO: 17/03/17 CONTRATADO: ODONTOMEDI - PRODUTOS ODONTOLOGICOS E HOSPITALARES CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL HOSPITALAR QUE SERÃO USADOS EM ATENDIMENTO A PACIENTES INTERNADOS E QUE NECESSITEM DE ATENDIMENTO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL MUNICIPAL. VALOR DA DESPESA: R$ 26.343,40 (vinte e seis mil trezentos e quarenta e três reais e quarenta centavos) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. PREGÃO PRESENCIAL Nº 7/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 7/17 HOMOLOGAÇÃO: 17/03/17 CONTRATADO: DENTAL OESTE EIRELI CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL HOSPITALAR QUE SERÃO USADOS EM ATENDIMENTO A PACIENTES INTERNADOS E QUE NECESSITEM DE ATENDIMENTO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL MUNICIPAL. VALOR DA DESPESA: R$ 2.709,00 (dois mil setecentos e nove reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO ASSINADO DIGITALMENTE

Página 169

GONÇALVES - Prefeito Municipal. PREGÃO PRESENCIAL Nº 7/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 7/17 HOMOLOGAÇÃO: 17/03/17 CONTRATADO: POSSATTO & POSSATO LTDA - ME CONTRATANTE: HOSPITAL MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAL HOSPITALAR QUE SERÃO USADOS EM ATENDIMENTO A PACIENTES INTERNADOS E QUE NECESSITEM DE ATENDIMENTO NO PRONTO SOCORRO DO HOSPITAL MUNICIPAL. VALOR DA DESPESA: R$ 2.229,00 (dois mil duzentos e vinte e nove reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------

PREGÃO PRESENCIAL Nº 8-17 - PREFEITURA

PREGÃO PRESENCIAL Nº 8/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 8/17 HOMOLOGAÇÃO: 12/04/17 CONTRATADO: ASSOCIACAO LIGA ESPORTIVA OESTINA CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: Contratação de empresa para prestação de serviços de arbitragem para o campeonato de amador de futebol de campo no municipio de Dionísio Cerqueira- SC, VALOR DA DESPESA: R$ 34.000,00 (trinta e quatro mil reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------

PROCESSO LICITATÓRIO Nº 7-17 - PREFEITURA

PRESENCIAL Nº 6/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 7/17 HOMOLOGAÇÃO: 04/04/17 CONTRATADO: NITROSEMEN PRODUTOS AGROPECUÁRIOS LTDA CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE SÊMEN BOVINO E MATERIAIS AUXILIARES PARA SUBSIDIO DA BOVINOCULTURA LEITEIRA NO MUNICIPIO DE DIONÍSIO CERQUEIRA - SC VALOR DA DESPESA: R$ 22.292,50 (vinte e dois mil duzentos e noventa e dois reais e cinqüenta centavos) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------PREGÃO PRESENCIAL Nº 6/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 7/17 HOMOLOGAÇÃO: 04/04/17 CONTRATADO: SEMEX DO BRASIL COM. DE IMP. E EXP. LTDA. CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE DIONISIO CERQUEIRA OBJETO: AQUISIÇÃO DE SÊMEN BOVINO E MATERIAIS AUXILIARES PARA SUBSIDIO DA BOVINOCULTURA LEITEIRA NO MUNICIPIO DE DIONÍSIO CERQUEIRA - SC VALOR DA DESPESA: R$ 83.005,00 (oitenta e três mil e cinco reais) DATA: 20/04/17 - THYAGO WANDERLAN GNOATTO GONÇALVES - Prefeito Municipal. -----------------

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 170

Doutor Pedrinho Câmara Municipal ATA DA DÉCIMA PRIMEIRA SESSÃO ORDINÁRIA

Ata da Décima Primeira Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Doutor Pedrinho, do Primeiro Período Ordinário, da Primeira Sessão Legislativa, da Oitava Legislatura do Município. Em dezoito de abril de dois mil e dezessete (18/04/2017), com início às 19:30 hs, reuniuse a Câmara de Vereadores do Município de Doutor Pedrinho, com a ausência do Vereador Luiz Henrique Stollmeier, tendo na Presidência o Vereador Tony Tadeu Nones; 1º Secretário o Vereador Luizinho Pereira da Silva; 2º Secretário o Vereador Jackson Rodrigo de Castilho. Inicialmente, o Senhor Presidente cumprimentou os colegas Vereadores e demais presentes, e declarou aberta a Sessão Ordinária, com a invocação regimentalmente fixada. A seguir, no pequeno expediente, o Presidente registrou a prévia entrega de cópia da Ata da Décima Sessão Ordinária realizada no dia 11/04/2017 aos Senhores Vereadores, disponibilizado na própria sede e publicada no Diário Oficial dos Municípios (in www.diariomunicipal.sc.gov.br), colocando-a em discussão, e, não havendo manifestações, submeteu a votação, sendo a mesma aprovada por unanimidade, passando-se para assinaturas. Dando continuidade, convidou o Senhor Vereador Luizinho Pereira da Silva, 1º Secretário, a fazer a leitura do expediente, assim constituído: a) Projeto de Lei Ordinária nº 01/2017 – “ Autoriza a celebração de convênio entre o Município de Doutor Pedrinho e o Hospital e Maternidade OASE, e dá outras providências”; O Senhor Presidente informa que será encaminhado à Comissão Permanente de Constituição, Justiça e Redação o Projeto de Lei Ordinária nº 01/2017 para análise e parecer, devendo figurara na “Ordem do Dia” da próxima Sessão; O Vereador Jackson Rodrigo de Castilho, Presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Redação, em questão de ordem convoca os Vereadores Américo Nones e Joel Mazzi, membros da Comissão, para que na próxima semana reúnam-se antes da Sessão para deliberação a respeito da proposição. Encerrando o expediente seguiu-se ao grande expediente em tema livre, onde não houve vereadores inscritos. Prosseguindo na pauta da sessão, abriu-se espaço para “Comunicação de Lideranças”, sem registro de manifestação pelos Líderes. Sem proposições pautadas para “Ordem do Dia” foi passado diretamente a “Palavra Livre”, e pela ordem de inscrição: a) o Vereador Valmir Farias presta agradecimentos ao Senhor Ercides Giacomozzi – Secretário de Obras, e ao Senhor Ditmar Kunkel - Fiscal de Obras, pelas manutenções realizadas no Bairro Rio Lima; b) Sabrina Steuck e Ricardo Odorizzi, alunos da Escola Frei Lucínio Korte, apresentaram aos Vereadores as ações do Grêmio Estudantil, do qual fazem parte, comentando suas propostas e planos para a gestão que se inicia; Trataram também sobre a reunião com a ADR de Timbó em razão do telhado da escola, enfatizando a precariedade deste e a necessidade de solução urgente; c) a Senhora Patrícia Pessato, Assistente Social do Município, apresenta seu curriculum profissional aos Senhores Vereadores, bem como a organização do serviço social na Administração Municipal; Prossegue explicando sobre o funcionamento da Assistência Social no Município, quais critérios para ser atendido, o que cabe a assistência social fazer e quais os programas sociais que o Município disponibiliza; Também registra que muitos dos que procuram o serviço social, acabam não atendendo os critérios, como por exemplo a Renda per capita familiar, o que impossibilita a assistência, ou ainda apresentam informações falsas ou incoerentes na busca do atendimento, e mesmo diante disso, as pessoas exigem o atendimento; Informou que tem pautado suas ações pela legalidade e pela observância das condicionantes, dando-se relevância ao competente estudo social e aos parâmetros de atuação estabelecidos para cada programa pelos órgãos competentes e deliberados pelo Conselho Municipal de Assistência Social; Ao final, a Senhora Patrícia se coloca a disposição dos Vereadores para os esclarecimentos que forem necessários e solicita que os mesmos façam o acompanhamento dos trabalhos do serviço social para não incorreram em críticas infundadas; Ainda, disponibiliza uma cópia para cada Vereador da Resolução nº 01/2017 que dispõe sobre os critérios elencados para dispensa de Cestas Básicas, documento este que servirá para auxílio aos Vereadores, quando estes forem procurados por Munícipes, solicitando a concessão de Cestas Básicas; o Vereador Valmir Farias parabeniza o trabalho de muita competência desenvolvido pela Senhora Patrícia, reiterando que no que lhe couber, ela poderá contar com seu apoio; d) a Senhora Simoni Mércia Mesch Nones – Prefeita Municipal, faz breves considerações ao que fora exposto pela Senhora Patrícia, e diz que o Serviço de Assistência Social é visto muitas vezes de forma errônea por parte das pessoas, muitas vezes quem procura a assistência não tem real necessidade, e mesmo assim procuram, acreditando que mesmo não atendendo os critérios, o Poder Executivo passará por cima do exposto em Lei; e) o Senhor Nilton Bruno Tomelin, Diretor da Escola Frei Lucínio Korte, comenta que entende as situações enfrentadas pela Senhora Patrícia, pois como Diretor da Escola, passa por situações parecidas as dela, mas que as pessoas devem ser disciplinadas a cumprir com as regras estabelecidas para terem acesso aos serviços e benefícios, pois os recursos aplicados são públicos. Concluída a “Palavra Livre”, o Senhor Presidente relembra a Comissão Especial que fará a revisão do Regimento Interno que na próxima Sessão deverão reunir-se nesta Casa para discussões, bem como informa do interesse da Assessoria Jurídica das Câmaras de Benedito Novo e Rio dos Cedros em desenvolver, juntamente com a AMMVI, um trabalho conjunto para revisão do Regimento Interno e da Lei Orgânica, resguardadas as peculiaridades locais; Por fim, o Senhor Presidente agradeceu a presença de todos, convidando para a próxima Sessão Ordinária que se realizará no dia 25 de abril do ano corrente, às 19:30 horas, na sede do Poder Legislativo, e em seguida encerrou a presente Sessão na forma regimental, da qual lavrou-se esta ata que será assinada por todos e publicada na forma da Lei.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 171

Erval Velho Prefeitura DECRETO 2191/2017

DECRETO 2191, de 11 de abril de 2017. Nomeia Integrantes da Comissão de Defesa Civil – COMDEC. WALTER KLEBER KUCHER JUNIOR, Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições do seu cargo, e considerando o disposto no Decreto n. 043/75 e a Lei Municipal 0854, de 12 de setembro de 1997, DECRETA: Art. 1º. Ficam nomeados para integrar a Comissão de Defesa Civil – COMDEC, do Município de Erval Velho, os seguintes membros: I – Presidente: Cezar Basílio Bulla II – Secretária: Alessandra Tonial III – Conselho Técnico: Ivo Jandir Alberti Gelson Claudir Lorenzetti Sandra Masson IV – Conselho Comunitário: Eliane Piccoli Ferreira Lopes Alduir Antonio Mocelin Marília Dorini Art. 2º. Este Decreto entra em vigor na data da publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Registrado e publicado o presente Decreto nesta Secretaria, em 11 de abril de 2017. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças.

DECRETO 2192/2017

DECRETO 2192, de 11 de abril de 2017. Nomeia Integrantes do Conselho Municipal de Habitação de Interesse Social e dá outras providências. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, em especial o que lhe confere o inciso XXVI do artigo 85 da Lei Orgânica Municipal, e de acordo com a Lei nº 1211 de 23 de outubro de 2009, DECRETA: Art. 1º. Ficam nomeadas as pessoas a seguir relacionadas para comporem o Conselho Municipal de Habitação de Interesse Social de Erval Velho. Representante da Secretaria Municipal de Agricultura e Saneamento Ambiental Titular: Cezar Basilio Bulla Suplente: Gelson Camilo Dalmedico Representante da Secretaria Municipal de Administração e Finanças Titular: Marisa Dejacometti Piccoli Suplente: Alduir Antonio Mocelin Representante da Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação ASSINADO DIGITALMENTE

Titular: Daiana Bertotti Suplente: Marília Dorini Representante da Secretaria Municipal de Transportes, Obras e Serviços Urbanos Titular: Ozair Marcon Suplente: Fábio Trombetta Representante da Câmara de Dirigentes Lojistas - CDL Titular: Marcos Antonio Parmagnani Suplente: Wilmar Parissenti Representante do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Erval Velho Titular: Vanessa T.Parissenti Suplente: Andreia Gemelli Tonnet Representante da Associação de Moradores Colina das Flores Titular: Adenir Batista de Souza Suplente: Romoaldo Batista Martinazzo Representante da Associação de Moradores São Sebastião do Erval Titular: Francine Assmann Suplente: Vilma Silva Art. 2º. O mandato dos conselheiros será de 02 (dois) anos permitida uma recondução ao cargo uma única vez por igual período podendo ser substituído a qualquer tempo a critério dos órgãos e entidades representadas. Art. 3º. A função dos membros do Conselho será considerada como “serviço relevante prestado ao Município de Erval Velho e será exercido de forma gratuita”. Parágrafo único – As atribuições dos conselheiros se servidores públicos municipais, terão prioridade sobre quaisquer outros. Art. 4º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Registrado e publicado o presente Decreto, em 11 de abril de 2017. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças

DECRETO 2193/2017

DECRETO 2193, de 11 de abril de 2017. Institui o Comitê Local da Mobilização da Sociedade e do Acompanhamento das Metas de Evolução do IDEB – Índice de Desenvolvimento de Educação Básica e dá outras providências. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, em especial o que lhe confere o inciso XXVI, do artigo 85, da Lei Orgânica Municipal, e em conformidade com o Decreto Federal nº 6094 de 24 de abril de 2007, DECRETA: Art. 1º. Fica de acordo com o que dispõe o Decreto Federal nº 6094 de 24 de abril de 2007, instituído o Comitê Local da Mobilização da Sociedade e do Acompanhamento das Metas do IDEB – Índice de Desenvolvimento de Educação Básica o qual terá a representação dos seguintes segmentos: a) Associação de Empresários; b) Trabalhadores; www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

c) Sociedade Civil; d) Dirigentes do Sistema Educacional Público; e) Serviço Social; f) Conselho Tutelar. Art. 2º. Para representar os segmentos descritos no art.1º fica nomeado os seguintes membros: a) Marcos Antonio Parmagnani – Representante CDL; b) Vanessa Talita Parissenti – Representante dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais; c) Anderson de Miranda – Representante Sociedade Civil; d) Laura Taíza Vettori – Representante do Sistema Educacional Público; e) Adriana Canci – Representante da Assistência Social; f) Laura Reinaldo – Representante do Conselho Tutelar. Art. 3º. O mandato dos Membros do Comitê será até 31 de dezembro de 2020, podendo haver substituição a qualquer tempo, a critério dos órgãos e entidades representadas, e será considerado como “Serviço Relevante Prestado ao Município de Erval Velho” e será exercido de forma gratuita. Art. 4º. Este Decreto entra em vigor na data da sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Registrado e publicado o presente Decreto, em 11 de abril de 2017. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças.

DECRETO 2194/2017

DECRETO 2194, de 11 de abril de 2017. Institui Equipe Técnica Local para elaboração do Plano de Ações Articuladas– PAR da Educação Básica Municipal e dá outras providências. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, em especial o que lhe confere o inciso XXVI, do artigo 85, da Lei Orgânica Municipal, e em conformidade com o Decreto Federal nº 6094 de 24 de abril de 2007, DECRETA: Art. 1º. Fica de acordo com o que dispõe o Decreto Federal nº 6094 de 24 de abril de 2007, instituído a Equipe Técnica Local para elaboração do Plano de Ações Articuladas – PAR da Educação Básica Municipal o qual terá a representação dos seguintes segmentos: a) Dirigente Municipal de Educação; b) Técnicos da Secretaria Municipal de Educação; c) Representante dos Diretores de Escolas; d) Representante dos Professores do Ensino Fundamental; e) Representante dos Professores de Educação Infantil; f) Representante dos Coordenadores ou Supervisores Escolares; g) Representante do Quadro Técnico Administrativo das Escolas; h) Representante dos Conselhos Escolares; i) Representante do Conselho Municipal de Educação. Art. 2º. Para representar os segmentos descritos no art.1º fica nomeado os seguintes membros: a) Eliane Piccoli Ferreira Lopes; b) Sandra Masson; c) Laura Taíza Vettori; d) Vânia Recalcatti Piovesan; ASSINADO DIGITALMENTE

Página 172

e) Flavia Aparecida Girardi; f) Rejane Provensi Barcaro; g) Francine Assmann Trombetta; h) Daniela Terezinha Mattos; i) Silvano Rodrigo Pratto Art. 3º. O mandato dos Membros do Comitê será até 31 de dezembro de 2020, podendo haver substituição a qualquer tempo, a critério dos órgãos e entidades representadas, e será considerado como “Serviço Relevante Prestado ao Município de Erval Velho” e será exercido de forma gratuita. Art. 4º. Este Decreto entra em vigor na data da sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Registrado e publicado o presente Decreto, em 11 de abril de 2017. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças.

DECRETO 2195/2017

DECRETO 2195, de 11 de abril de 2017. NOMEIA MEMBROS DO CONSELHO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE – COMDEMA E DA OUTRAS PROVIDÊNCIAS. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições legais especialmente aquelas contidas no inciso XXVI do artigo 85 da Lei Orgânica Municipal e em conformidade com a Lei Municipal nº 1384, de 25 de março de 2015. DECRETA: Artigo 1º - O Conselho Municipal do Meio Ambiente, criado pela Lei Municipal nº 0944/2001 e alterações dadas pela Lei 1384 de 25 de março de 2015 será presidido pelo Secretário de Agricultura e Saneamento Ambiental, fica composto pelos seguintes membros: I - Representantes do Poder Público: a) Representantes da Secretária de Agricultura e Saneamento Ambiental: Titular: Cesar Basilio Bulla Suplente: Gelson Claudir Lorenzetti b) Representantes da Secretaria de Administração e Finanças: Titular: Christian Andrei Conte Suplente: Alessandra Tonial c) Representantes da Secretaria de Saúde: Titular: Norberto Conte Suplente: Jussara Martini d) Representantes da Secretaria de Transportes, Obras e Serviços Urbanos: Titular: Ivo Jandir Alberti Suplente: Ronaldo Piovezan e) Representantes da EPAGRI: Titular: Darci Severino Galio Suplente: Roseli Parisentti Castaldello II - Representantes da Sociedade Civil: a) Representantes Associação Comercial e Industrial: Titular: Wilmar Parisentti Suplente: Marcos Antonio Parmagnani www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

b) Representantes de Clubes de Serviços ou Sindicais: Titular: Vanessa Talita Parissenti Suplente: Edilson Brunetto c) Representantes de Associação de Moradores: Titular: Walmir Gemelli Suplente: Janete Tossatti d) Representantes da Educação: Titular: Rejane Maria Provensi Barcaro Suplente: Sandra Masson Artigo 2º - As funções dos membros do conselho não serão remuneradas, por serem consideradas honoríficas e de relevante interesse público. Artigo 3º - O mandato dos Membros do Conselho será de 2 (dois) anos, permitido uma recondução. Artigo 4º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber kucher Junior Prefeito Municipal Registrado e publicado o presente Decreto, em 11 de abril de 2017. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças.

DECRETO 2196/2017

DECRETO 2196, de 11 de abril de 2017. Abre crédito adicional suplementar no orçamento vigente da Prefeitura Municipal de Erval Velho e dá outras providências; WALTER KLEBER KUCHER JUNIOR, Prefeito Municipal de Erval Velho/SC, no uso das atribuições do seu cargo, especialmente aquelas contidas nos incisos II, VII e XXVI, todos do artigo 85, da Lei Orgânica; e de conformidade com o artigo 6°, inciso I da Lei Municipal n. 1430, de 22 de novembro de 2016 - LOA, e, tendo presentes razões de interesse público, DECRETA Art. 1º Fica aberto crédito adicional suplementar no Orçamento vigente do Município, no valor de R$ 4.673,82 para suplementar a seguinte dotação orçamentária: ÓRGÃO 03 – SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS UNIDADE 01 – DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO PROJ/ATIV – 2.009 – MANUTENÇÃO DA SEGURANÇA PÚBLICA 3.3.90.00.00.00.00.01.0080 – Aplicações Diretas ...... R$ 4.673,82 Parágrafo Único - Os recursos orçamentários para fazer face à presente suplementação, correrão à conta do provável excesso de arrecadação, observada a tendência do exercício, na fonte de recurso 0080 Outras Especificações, conforme § 3º do artigo 43 da Lei Federal 4.320/64. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Registrado e Publicado nesta data.

Página 173

DECRETO 2197/2017

DECRETO 2197, de 18 de abril de 2017. Nomeia membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições do seu cargo, e considerando o disposto na Lei Municipal 0643 de 14 de junho de 1991, alterada pelas Leis Municipais n. 1096, de 25 de maio de 2006, Lei 1168, de 06 de novembro de 2008 e Lei Complementar n. 046, de 08 de novembro de 2013, DECRETA: Art. 1º. Fica nomeado o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA para um mandato de quatro anos, que passa a ser constituído pelos seguintes membros: Representando o Governo do Estado Escola Básica Estadual Prefeito Agenor Piovesan Titular: Laura Aparecida Recalcatti Fattori Suplente: Sirineu Denti Polícia Civil Titular: André Rodrigues Suplente: Luis Alberto Saccol Polícia Militar Titular: Sd Claudir Sutil Suplente: Sd.PM Natalício Poster de Ávila Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto Titular: Vânia Recalcatti Piovesan Suplente: Sandra Masson Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação Titular: Daniela Foiatto Suplente: Daiana Bertotti Assessoria Jurídica Titular: Dr. Leonardo Elias Bittencourt Suplente: Estagiária de Direito Taynara Camile Telles Organização Representativa de Participação Popular Representante das Igrejas Titular: Gerson Luiz Cardoso da Rocha Suplente: Eli Santina Segolini Associação de Moradores Titular: Maria Luiza Provensi Gemelli - Assoc. Moradores São Sebastião do Erval Suplente: Jaime de Souza - Assoc. Moradores Bela Vista do Erval Art. 2º. A função do conselheiro municipal será considerada serviço público relevante, sendo seu exercício prioritário e justificadas as ausências a qualquer outros serviços, quando determinadas pelo comparecimento a sessões do CMDCA ou pela participação em diligências autorizadas por este. Parágrafo único - Os membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente não receberão qualquer remuneração pela sua participação neste, podendo o Poder Executivo pagar diárias e outras despesas, quando em viagem a serviço ou interesse direto do Conselho. Art. 3º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, em 18 de abril de 2017. Walter Kleber kucher Junior Prefeito Municipal Registrado e publicado o presente Decreto, em 18 de abril de 2017. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças.

Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 174

DECRETO 2198/2017

DECRETO 2198, de 18 de abril de 2017. Nomeia Integrantes do Conselho Municipal de Saneamento Básico e dá outras providências. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais, em especial o que lhe confere o inciso XXVI do artigo 85 da Lei Orgânica Municipal, e de acordo com a Lei Municipal nº 1402 de 15 de outubro de 2015, DECRETA: Art. 1º. Ficam nomeadas as pessoas a seguir relacionadas para comporem o Conselho Municipal de Saneamento Básico de Erval Velho. 1 – Dos Órgãos Governamentais Representantes da Secretaria Municipal de Saúde Silvano Rodrigo Pratto – Titular Adriana Galhotto dos Santos - Suplente Representantes da Secretaria Municipal de Agricultura e Saneamento Ambiental Cézar Basílio Bulla - Titular Gelson Camilo Dalmedico - Suplente Representantes da Secretaria Municipal de Transportes, Obras e Serviços Urbanos Ivo Jandir Alberti – Titular Ozair Marcon - Suplente Representantes do Setor de Planejamento Marisa Dejacometti Piccoli – Titular Alcindo Telles – Suplente Representantes da CASAN Nelson Schmitt – Titular Walmor Andolfatto – Suplente 2 – Dos Órgãos Não Governamentais Representantes das Associações de Moradores Maria Luiza Provensi Gemelli - Titular Dirceu Antunes dos Santos – Suplente Representantes do CREA Denir Zulian - Titular Naiara Einsfeld – Suplente Representantes das Associações de Produtores Rurais Levi Piovezan - Titular Paulo Valdecir Ferrari – Suplente Representantes Clube de Dirigentes Lojistas - CDL Marcos Antonio Parmagnani - Titular Wilmar Parissentti – Suplente Representantes do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Erval Velho Vanessa Parissenti – Titular Caroline Surdi - Suplente Art. 2º. O mandato dos membros do CONSELHO MUNICIPAL DE SANEAMENTO BÁSICO, considerado de relevante interesse público, será exercido gratuitamente pelo período de 02 (dois) anos, permitida a recondução, ficando expressamente vedada a concessão de qualquer tipo de remuneração, vantagem ou benefício de natureza pecuniária. Art. 3º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, em 18 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Registrado e publicado o presente Decreto, em 18 de abril de 2017. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças.

LEI 1439/2017

LEI nº 1439, de 10 de abril de 2017. Dispõe sobre a Alteração no Patrimônio Municipal, Autoriza a Alienação e Baixa de Bens Inservíveis para a Municipalidade e dá outras providências. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho – Santa Catarina, faz saber a todos os habitantes deste Município que a Câmara Municipal de Vereadores aprovou e fica por mim sancionada a seguinte Lei: Art. 1º- Fica declarado como inservíveis para uso da Administração Pública Municipal os bens móveis descritos o anexo único parte integrante desta Lei, podendo os mesmos serem alienados (vendidos em leilão público). Art. 2º - Os preços mínimos dos bens a serem leiloados terão como referência inicial o Laudo de Avaliação da Comissão que será nomeada pelo Prefeito Municipal. ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 175

Parágrafo-único - Todos os demais critérios, normas e condições para o Leilão serão determinados no Edital Público de Leilão de acordo com a Legislação vigente. Art. 3º- Fica a Contabilidade do Município autorizada a baixar do Patrimônio Municipal os bens efetivamente vendidos. Art. 4º - As despesas decorrentes da aplicação da presente Lei correrão por conta das dotações próprias do orçamento vigente do Município. Art. 5º- Esta Lei entrará em vigor na data da sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, em 10 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Registrada e Publicada a presente Lei nesta Secretaria, em 10 de abril de 2017. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças ANEXO ÚNICO LEI Nº 1439/2017. RELAÇÃO DE VEÍCULOS Veículos / Marca Camioneta Basculante F 4000 Fiat Strada Working VW Saveiro 1.6 GM Celta 5 portas Fiat Ducato Pas/Microonibus Fiat Doblo Essence 1.8

Ano / Modelo 1982/1982 1999/2000 2005/2006 2003/2004 2010/2011 2012/2012

Placa LWS 0341 CXZ 4192 MED 8028 MCN 1926 MHI 4836 MJX 8133

Chassi LA7GAA45049 9BD278072Y2715558 9BWEB05W96P004793 9BGRD48X04G100445 93W245H34b2056487 9BD119609C1093763

Patrimônio 1990 2000 8028 240 241

Renavan 552436976 722568746 867865679 811578836 213484501 466890206

Funciona Funciona Funciona Funciona Funciona Funciona

RELAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS Máq. Equip. Marca Escavadeira Hidráulica PC 138 Komatsu Motoniveladora HWB D 10 140 S Caçamba com pistão/tomada de força, para uso em caminhão FORD.

Ano / Modelo 2008/2008 1973

Placa

Chassi

Patrimônio 1999 1980

Renavan Estado que se encontra Estado que se encontra Estado que se encontra

PORTARIA 3328/2017

PORTARIA 3328, de 07 de abril de 2017. Nomeia Membros para Integrar Comissão de Avaliação de Bens Inservíveis e dá outras providências. WALTER KLEBER KUCHER JUNIOR, Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, especialmente aquela contida no inciso XXVI do artigo 85, da Lei Orgânica Municipal, RESOLVE: Art.1º. Nomear os membros abaixo relacionados sobre a presidência do primeiro, para integrar a Comissão de Avaliação de Bens Inservíveis para uso da Municipalidade, conforme relação constante no anexo único desta Portaria: * * * * *

MARCOS ROBERTO CARRAFA – (Engenheiro Agrônomo - empresário do ramo Industrial de Máquinas); MARCOS ANTONIO PARMAGNANI– (empresário do ramo do comércio); JOSÉ CARLOS MARCON – Diretor de Manutenção e Almoxarifado; GELSON CAMILO DALMEDICO – Diretor de Agricultura e Vigilância Sanitária Animal; OZAIR MARCON – Funcionário Efetivo (Mecânico).

Art. 2º. Compete a Comissão examinar os bens, procedendo à avaliação dos mesmos e declarar através de laudo seu valor comercial para ser alienado através de leilão público. Parágrafo único - Para o bom andamento dos trabalhos, a comissão além de vistoriar os bens poderá solicitar registros e relatórios dos mesmos junto aos departamentos competentes. Art.3º. A Comissão terá o prazo de 30 (trinta) dias para realização dos trabalhos e entrega do competente laudo ao Senhor Prefeito Municipal. Art.4º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho - SC, em 07 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 176

Esta Portaria foi Registrada e Publicada em data supra. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças ANEXO ÚNICO DA PORTARIA N. 3328 RELAÇÃO DE VEÍCULOS Veículos / Marca Camioneta Basculante F 4000 Fiat Strada Working VW Saveiro 1.6 GM Celta 5 portas Fiat Ducato Pas/Microonibus Fiat Doblo Essence 1.8

Ano / Modelo 1982/1982 1999/2000 2005/2006 2003/2004 2010/2011 2012/2012

Placa LWS 0341 CXZ 4192 MED 8028 MCN 1926 MHI 4836 MJX 8133

Chassi LA7GAA45049 9BD278072Y2715558 9BWEB05W96P004793 9BGRD48X04G100445 93W245H34b2056487 9BD119609C1093763

Patrimônio 1990 2000 8028 240 241

Renavan 552436976 722568746 867865679 811578836 213484501 466890206

Funciona Funciona Funciona Funciona Funciona Funciona

RELAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS Máq. Equip. Marca Escavadeira Hidraulica PC 138 Komatsu

Ano / Modelo 2008/2008

Motoniveladora HWB D 10 140 S

1973

Placa

Chassi

Caçamba pistão/tomada de força para uso em caminhão Ford

Patrimônio 1999 1980

Renavan Estado que se encontra Estado que se encontra Estado que se encontra

PORTARIA 3329/2017

PORTARIA 3329, de 07 de abril de 2017. Contrata servidor por tempo determinado e dá outras providências. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, especialmente aquelas contidas no inciso XXVI do artigo 85, da Lei Orgânica Municipal, com a Lei Municipal nº 0949/2001, de 06 de setembro de 2001, de acordo com o Processo Seletivo n. 002/2016, originado pelo Edital n. 002/2016, de 08 de abril de 2016; Considerando a EC n. 051, de 14 de fevereiro de 2006, regulamentada pela Lei Federal n. 11.350, de 05 de outubro de 2006, ReSOLVE: Art. 1º. Contratar por tempo determinado o Senhor JONEI DE MORAES, para ocupar o cargo de Agente Comunitário de Saúde, pelo período que perdurar o Programa Estratégia de Saúde da Família – ESF, conforme dispõe o parágrafo único do artigo 1º da Lei nº 0949/2001, ou ainda podendo ocorrer rescisão a qualquer tempo a critério da Administração. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. . Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, em 07 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Esta Portaria foi Registrada e Publicada em data supra. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

PORTARIA 3330/2017

PORTARIA 3330, de 07 de abril de 2017. Contrata servidor por tempo determinado e dá outras providências. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, especialmente aquelas contidas no inciso XXVI do artigo 85, da Lei Orgânica Municipal, com a Lei Municipal nº 0949/2001, de 06 de setembro de 2001, em conformidade com a Lei Complementar n. 043 de 29 de agosto de 2013, de acordo com o Processo Seletivo n. 002/2016, originado pelo Edital n. 002/2016, de 08 de abril de 2016; ReSOLVE: Art. 1º. Contratar em caráter temporário a Senhora LOIRI CALAI, para ocupar o cargo temporário de Agente Comunitário de Saúde, Programa Estratégia de Saúde da Família – ESF, em decorrência do afastamento das servidoras Neide M. Oliveira de Almeida Carafa e Terezinha Fátima Savi de Sordi, ou ainda podendo ocorrer rescisão a qualquer tempo a critério da Administração. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. . Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, em 07 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Esta Portaria foi Registrada e Publicada em data supra. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças

PORTARIA 3331/2017

PORTARIA 3332/2017

PORTARIA 3332, de 11 de abril de 2017. Nomeia Integrantes do Conselho Municipal do Idoso e dá outras providências. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais que lhe confere a Lei, e de acordo com o parágrafo único do Art. 3º da Lei nº 0935/2001, de 19 de abril de 2001, RESOLVE: Art. 1º. Nomear as pessoas a seguir relacionadas para comporem o CONSELHO MUNICIPAL DO IDOSO de Erval Velho representando suas respectivas entidades: GOVERNAMENTAL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE Titular: Norberto Conte Suplente: Elenice Aparecida Savi SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL E HABITAÇÃO Titular: Marília Dorini Suplente: Daniela Foiatto SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO Titular: Eliane Piccoli Ferreira Lopes Suplente: Sandra Masson SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA E MEIO AMBIENTE Titular: Cezár Basilio Bulla Suplente: Gelson Camilo Dalmedico NÃO GOVERNAMENTAL

PORTARIA 3331, de 11 de abril de 2017. Concede licença maternidade à servidora que menciona e dá outras providências.

CLUBE DE IDOSOS BARRA FRIA Titular: Tereza Bof Suplente: Ilíria Dalpizzol

Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, especialmente aquela contida no inciso XXVI do artigo 85, da Lei Orgânica Municipal,

CLUBE DE IDOSOS TALISMÃ Titular: Vilma Pires Fontana Suplente: Odete Galhoto Gemelli

RESOLVE: Art.1º. Conceder Licença Maternidade à Senhora SOLANGE DA LUZ, ocupante do cargo efetivo de Agente de Serviços Gerais II, pelo período de 120 (cento e vinte) dias a contar de 11 de abril, com término previsto para 08 de agosto de 2017, sem prejuízos no seu vencimento. Art.2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho - SC, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Esta Portaria foi Registrada e Publicada em data supra. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças

Página 177

LIONS CLUBE DE ERVAL VELHO Titular: Suely Bettoni Filippin Suplente: Luciane Bordin Bulla SINDICATO DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS RURAIS DE ERVAL VELHO Titular: Vanessa Talita Parissenti Suplente: Cleonice Fattori CLUBE DE MÃES ROSAS DOURADAS Titular: Marisa Terezinha Rodrigues Suplente: DulceTerezinha Danielli Tonial Art. 2º. O mandato dos Conselheiros será de 02 (dois) anos, podendo ser prorrogado por mais dois anos, sendo permitida a substituição a qualquer tempo, a critério dos órgãos e entidades representadas a pedido destas, será considerado como “Serviço Relevante Prestado ao Município de Erval Velho” e será exercido de forma gratuita. Art. 3º. Esta Portaria entra em vigor na data da sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Esta Portaria foi Registrada e Publicada em data supra. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças

Página 178

podendo haver substituição a qualquer tempo, a critério dos órgãos e entidades representadas, e será considerado como “Serviço Relevante Prestado ao Município de Erval Velho” e será exercido de forma gratuita. Art. 3º - Esta Portaria entra em vigor na data da sua publicação.

PORTARIA 3333/2017

Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal

Walter Kleber kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais que lhe confere a Lei, e de acordo com a Lei 0824/96, de 15 de agosto de 1996 e suas alterações,

Esta Portaria foi Registrada e Publicada em data supra.

PORTARIA 3333, de 11 de abril de 2017. Nomeia Integrantes do Conselho de Assistência Social do Município de Erval Velho e dá outras providências.

RESOLVE: Art. 1º - Nomear as pessoas a seguir relacionadas para comporem o CONSELHO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL do Município de Erval Velho representando suas respectivas entidades, conforme descrição abaixo: GOVERNAMENTAL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE Titular – Norberto Conte Suplente – Ana Claudia Piovezan Bof SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO Titular – Sandra Masson Suplente – Francine Assmann SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA E SANEAMENTO AMBIENTAL Titular – Gelson Claudir Lorenzetti Suplente – Gelson Camilo Dalmedico SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL E HABITAÇÃO Titular – Daiana Bertotti Suplente – Franciela Rita Davoglio NÃO GOVERNAMENTAL SINDICATO DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS RURAIS DE ERVAL VELHO Titular – Vanessa Talita Parissenti Suplente – Andreia Gemelli Tonett APP DA ESCOLA MUNICIPAL CÉSAR AVELINO BRAGAGNOLO Titular – Patricia Provensi Reinaldo Suplente – Vânia Recalcatti Piovesan APP DO COLÉGIO ESTADUAL PREFEITO AGENOR PIOVESAN Titular – Ivone Kerschbaumer Denti Suplente – Laura Aparecida Recalcatti Fattori REPRESENTANTES DOS USUÁRIOS DA ASSISTÊNCIA SOCIAL Titular: Barbara Antunes Suplente: Jucelia Souza Art. 2º - O mandato dos Conselheiros será de 02 (dois) anos, ASSINADO DIGITALMENTE

Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças

PORTARIA 3334/2017

PORTARIA 3334, de 11 de abril de 2017. Nomeia integrantes do Conselho de Alimentação Escolar do Município de Erval Velho e dá outras providências. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho/SC, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, especialmente aquelas contidas no inciso XXVI do artigo 85 da Lei Orgânica Municipal, CONSIDERANDO a necessidade de adequar o Conselho de Alimentação Escolar- CAE do Município de Erval Velho as normas de legislação Federal vigente, especialmente a Lei nº 11.947 de 16 de junho de 2009 e o que dispõe o artigo 26 da resolução FNDE nº 38/2009 de 16 de junho de 2009 publicado no DOU 17/07/2009, RESOLVE: Art. 1º. Nomear as pessoas a seguir relacionadas para comporem o Conselho de Alimentação Escolar – CAE, do Município de Erval Velho: REPRESENTANTES DO PODER EXECUTIVO Titular: Vânia Recalcatti Piovesan Suplente: Sandra Masson REPRESENTANTES DOS PROFESSORES DA ESCOLA MUNICIPAL Titulares: Daniela Terezinha Mattos Flávia Aparecida Girardi Suplentes: Sônia Regina Silva Elissônia Sutil Mazetto REPRESENTANTES DE PAIS DE ALUNOS Titulares: Marisa Dejacometti Piccoli Sandra Fattori Bess Suplentes: Sinoé Masson Ludgerio Moraes REPRESENTANTES DA SOCIEDADE CIVIL Titulares: Marcelo Ferreira Lopes Silvio Ferreira Lopes Netto Suplentes: Diva Rossi Piovezan Adriana Parmagnani Art. 2º. Os membros terão mandato de 04 (quatro) anos, podendo ser reconduzidos de acordo com indicação de seus respectivos www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 179

segmentos. Art. 3º. O exercício do mandato de Conselheiro do CAE – Conselho de Alimentação Escolar é considerado serviço público relevante e não será remunerado. Art.4º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho - SC, em 11 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Esta Portaria foi Registrada e Publicada em data supra. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças

PORTARIA 3335/2017

PORTARIA 3335, de 17 de abril de 2017. Concede Progressão Funcional a servidor que menciona. Walter Kleber Kucher Junior, Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, especialmente aquelas contidas no inciso XXVI do artigo 85, da Lei Orgânica Municipal, e de acordo com os artigos 15 e 16 da Lei Complementar n. 020/2009, de 08 de abril de 2009, RESOLVE: Art. 1º. Concede Progressão Funcional no percentual de 4%(quatro por cento) sobre o salário base ao servidor Roberto Bazzi, ocupante do cargo efetivo de Operador de Máquinas, passando do nível 04-B para 04-C. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos a partir de 01 de abril de 2017. Gabinete do Prefeito Municipal de Erval Velho, SC, em 17 de abril de 2017. Walter Kleber Kucher Junior Prefeito Municipal Esta Portaria foi Registrada e Publicada em data supra. Alduir Antonio Mocelin Secretário de Administração e Finanças

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 180

Flor do Sertão Prefeitura ATA DE HABILITAÇÃO Nº. 791/2017 ATA DE HABILITAÇÃO Processo Licitatório Nº. 791/2017 Modalidade: Convite Nº. 01/21017

As 09:30 horas do dia 20 de abril de 2017, nas dependências da Prefeitura Municipal de Flor do Sertão, reuniu-se a Comissão de Licitação designada pela Portaria nº. 059/2017, para realizar a abertura dos envelopes da habilitação e Proposta de Preço dos proponentes interessados em participar do Processo Licitatório que tem por objeto: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO E ESTRUTURA METÁLICA COM TELHADO PARA CONSTRUÇÃO DE CASA DE CARNES E CHURRASQUEIRA NA LINHA FLOR DA SERRA NO MUNICÍPIO DE FLOR DO SERTÃO. Manifestou o interesse em participar do presente processo licitatório os seguintes interessados: JP PIROCA AGROPECUÁRIA MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA ME e SPOHR MATÉRIAS DE CONSTRUÇÃO LTDA. Iniciada a sessão com somente a presença do representante da empresa JP PIROCA AGROPECUÁRIA MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA ME, onde a comissão de licitação constatou que houve a participação de apenas duas empresas convidadas, sendo assim, pelo fato de não cumprir o mínimo de 3 participantes para melhor concorrência e competitividade, resolvem recomendar a anulação do processo Licitatório. Findos os trabalhos de habilitação, a Comissão de Licitação encerrou a sessão, determinando a lavratura da presente ata que após lida e aprovada, será assinada pelos presentes. Sendo que a mesma será publicada para efeitos legais. Flor do Sertão, aos vinte dias do mês de abril de dois mil e dezessete. LEANDRO NEUHAUS Membro da comissão

DIOGO DE BEM Presidente da Comissão

ROSMARI ZANELLA Membro da comissão

De acordo:

AVISO DE LICITAÇÃO Nº. 847/2017

AVISO DE LICITAÇÃO Nº. 848/2017

OBJETO. A presente licitação tem por objeto a AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO E ESTRUTURA METÁLICA COM TELHADO PARA CONSTRUÇÃO DE CASA DE CARNES E CHURRASQUEIRA NA LINHA FLOR DA SERRA NO MUNICÍPIO DE FLOR DO SERTÃO.

OBJETO. A presente licitação tem por objeto a RENOVAÇÃO DE SEGURO PARA OS VEÍCULOS DA FROTA DA PREFEITURA MUNICIPAL, CONTADOS A PARTIR DA EFETIVAÇÃO DAS PROPOSTAS JUNTO Á SEGURADORA POR UM PERÍODO DE UM ANO.

A íntegra do edital estará à disposição dos interessados a partir do dia 25 de abril de 2017, em horário comercial, junto ao departamento de compras no Centro Administrativo Municipal sito a Avenida Flor do Sertão nº. 696, centro, Flor do Sertão – SC.

A íntegra do edital estará à disposição dos interessados a partir do dia 25 de abril de 2017, em horário comercial, junto ao departamento de compras no Centro Administrativo Municipal sito a Avenida Flor do Sertão nº. 696, centro, Flor do Sertão – SC.

DATA: Os interessados poderão entregar a declaração de que cumprem com os requisitos de habilitação e os envelopes com os documentos e as propostas de preços na sala de licitações junto ao prédio da Prefeitura Municipal no endereço acima mencionado, até às 09:30 horas do dia 02 de maio de 2017. A abertura da sessão para a realização do certame será às 09:31 horas do mesmo dia. Não havendo expediente na data marcada para realização da sessão será a mesma adiada para o primeiro dia útil subseqüente, mantidos o mesmo local e horário.

DATA: Os interessados poderão entregar a declaração de que cumprem com os requisitos de habilitação e os envelopes com os documentos e as propostas de preços na sala de licitações junto ao prédio da Prefeitura Municipal no endereço acima mencionado, até às 09:30 horas do dia 05 de maio de 2017. A abertura da sessão para a realização do certame será às 09:31 horas do mesmo dia. Não havendo expediente na data marcada para realização da sessão será a mesma adiada para o primeiro dia útil subseqüente, mantidos o mesmo local e horário.

LEGISLAÇÃO: A presente licitação está legalmente vinculada à Lei Federal nº. 8.666 de 21 de junho de 1993 e suas alterações posteriores.

LEGISLAÇÃO: A presente licitação está legalmente vinculada à Lei Federal nº. 10.520 de 17 de julho de 2002 e Lei Federal nº. 8.666 de 21 de junho de 1993 e suas alterações posteriores.

Flor do Sertão – SC, aos 20 dias do mês de abril de 2017.

Flor do Sertão – SC, aos 20 dias do mês de abril de 2017.

AVISO DE LICITAÇÃO – Convite PROCESSO LICITATÓRIO nº. 847/2017 MODALIDADE: Convite nº. 02/2017 CRITÉRIOS DE JULGAMENTO: Menor preço por Lote

SIDNEI JOSÉ WILLINGHÖFER CPF: 503.319.819-04 PREFEITO MUNICIPAL

ASSINADO DIGITALMENTE

DIOGO DE BEM CPF: 010.389.549-32 PRESIDENTE DA COMISSÃO

AVISO DE LICITAÇÃO – Pregão Presencial PROCESSO LICITATÓRIO nº. 848/2017 MODALIDADE: Pregão Presencial nº. 20/2017 CRITÉRIOS DE JULGAMENTO: Menor preço – Unitário por item

SIDNEI JOSÉ WILLINGHÖFER CPF: 503.319.819-04 PREFEITO MUNICIPAL

DIOGO DE BEM CPF: 010.389.549-32 PREGOEIRO

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

AVISO DE LICITAÇÃO Nº. 849/2017

Página 181

I - Do preço

AVISO DE LICITAÇÃO – Pregão – Registro de Preços PROCESSO LICITATÓRIO nº. 849/2017 MODALIDADE: Pregão Presencial – Registro de Preços nº. 21/2017 CRITÉRIOS DE JULGAMENTO: Menor preço – Unitário por Item

O preço será equivalente a R$ 1.000,00 (mil reais) pelos trinta dias de serviços.

OBJETO. A presente licitação tem por objeto a AQUISIÇÃO DE SÊMEN BOVINO PARA MANUTENÇÃO DO PROGRAMA DE INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL DESENVOLVIDO PELA SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA.

O Pagamento será efetuado em moeda corrente nacional até o dia 30 de maio de 2017.

A íntegra do edital estará à disposição dos interessados a partir do dia 25 de abril de 2017, em horário comercial, junto ao departamento de compras no Centro Administrativo Municipal sito a Avenida Flor do Sertão nº. 696, centro, Flor do Sertão – SC. DATA: Os interessados poderão entregar a declaração de que cumprem com os requisitos de habilitação e os envelopes com os documentos e as propostas de preços na sala de licitações junto ao prédio da Prefeitura Municipal no endereço acima mencionado, até às 14:00 horas do dia 05 de maio de 2017. A abertura da sessão para a realização do certame será às 14:01 horas do mesmo dia. Não havendo expediente na data marcada para realização da sessão será a mesma adiada para o primeiro dia útil subseqüente, mantidos o mesmo local e horário. LEGISLAÇÃO: A presente licitação está legalmente vinculada à Lei Federal nº. 10.520 de 17 de julho de 2002 e Lei Federal nº. 8.666 de 21 de junho de 1993 e suas alterações posteriores. Flor do Sertão – SC, aos 20 dias do mês de abril de 2017. SIDNEI JOSÉ WILLINGHÖFER CPF: 503.319.819-04 PREFEITO MUNICIPAL

DIOGO DE BEM CPF: 010.389.549-32 PREGOEIRO

II - Da forma de pagamento

III- Do Reajustamento O valor do presente contrato não será reajustado. IV- Da Dotação Orçamentária Os pagamentos e as despesas decorrentes do presente contrato, correrão por conta do orçamento municipal. CLÁUSULA QUARTA - DAS OBRIGAÇÕES DO CONTRATADO I – Auxiliar nos serviços de Manutenção conforme solicitado pela Secretaria de Infraestrutura Transportes e Serviços Urbanos. II - Assumir a responsabilidade por todos os encargos e obrigações sociais previstos na legislação social e trabalhista em vigor, uma vez que não manterá nenhum vínculo com o Município. III - Fornecer ao Município, sempre que solicitado, informações ou esclarecimentos sobre os serviços prestados. CLÁUSULA QUINTA - DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATANTE I - Transmitir por escrito determinações sobre possíveis modificações nos serviços. III - Esclarecer as dúvidas que lhe forem apresentadas.

CONTRATO Nº. 031/2017

CONTRATO Nº 031/2017 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS O MUNICÍPIO DE FLOR DO SERTÃO, Estado de Santa Catarina, inscrito no CNPJ sob nº 01.566.621/0001-08, com sede na Av. Flor do Sertão, 696, nesta cidade, neste ato representado por seu Prefeito Municipal, Sr. Sidnei José Willinghöfer, brasileiro, casado, residente e domiciliado na Rua São Ricardo, S/N, no município de Flor do Sertão, inscrito no CPF sob o n° 503.319.819-04 e portador da Cédula de Identidade n° 1.711.118 de ora em diante denominada de contratante e de outro lado o Sr. Isaías Alves Lecindo, pessoa física, portador do CPF nº 072.876.779-11 e RG nº 6130280305, com residência no Municipio de Flor do Sertão, Estado de Santa Catarina denominado de contratado, de comum acordo, resolvem contratar o objeto do presente pelas seguintes cláusulas que seguem: CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO O objeto do presente contrato consiste na prestação de serviços de auxiliar nos trabalhos de manutenção do calçamento do acesso a Linha Pedra Branca. CLÁUSULA SEGUNDA – DA VIGÊNCIA O presente contrato terá vigência a partir da data de assinatura por 30 dias. CLAUSULA TERCEIRA - DAS CONDIÇÕES ECONÔMICO-FINANCEIRAS

ASSINADO DIGITALMENTE

IV – Pagar os serviços prestados. CLÁUSULA SEXTA - DA ALTERAÇÃO CONTRATUAL Quaisquer tributos ou encargos legais criados, alterados ou extintos, bem como a superveniência de disposições legais, quando ocorridas após a data da assinatura do contrato, de comprovada repercussão nos preços contratados, implicarão a revisão destes para mais ou para menos conforme o caso. CLAUSULA SÉTIMA – DAS PENALIDADES Nos termos do artigo 87 da Lei 8.666/93, pela inexecução total ou parcial na realização do serviço contratado, a Administração poderá aplicar à contratada as seguintes penalidades: a) advertência por escrito; b) aplicação de multa de 2 % (dois por cento) sobre o valor total da contratação efetuada, pela inexecução das obrigações constantes deste Instrumento; c) suspensão temporária de participação em licitação e impedimento de contratar com o Município, por prazo não superior a 2 (dois) anos; d) declaração de inidoneidade para licitar junto à Administração Pública, enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição, ou até que seja promovida a reabilitação perante a própria autoridade que aplicou a penalidade, de acordo com o inciso IV do art. 87 da Lei 8.666/93; www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Se a contratada não proceder ao recolhimento da multa no prazo de 5 (cinco) dias úteis contados da intimação por parte do Município, o respectivo valor será descontado dos créditos que a contratada possuir com este, e, se estes não forem suficientes, o valor que sobejar será encaminhado para execução pela Assessoria Jurídica. Do ato que aplicar a penalidade caberá recurso, no prazo de 05 (cinco) dias úteis, a contar da ciência da intimação, podendo a Administração reconsiderar sua decisão ou nesse prazo encaminhá -lo devidamente informado para a apreciação e decisão superior, dentro do mesmo prazo. CLÁUSULA OITAVA - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS E FINAIS I - Nenhuma modificação poderá ser introduzida no objeto sem o consentimento prévio do MUNICÍPIO, mediante acordo escrito, obedecido os limites legais permitidos. II - Os casos omissos a este Contrato reger-se-ão pela legislação pertinente. CLÁUSULA NONA - DA RESCISÃO

Página 182

conveniência administrativa, recebendo o locador somente o valor das prestações vencidas, não lhe sendo devido qualquer outro valor de indenização ou a qualquer outro título presente ou futuramente sob qualquer alegação ou fundamento. CLÁUSULA DÉCIMA - DO FORO Para dirimir sobre as questões decorrentes da execução deste termo contratual, fica eleito o Foro da Comarca de Maravilha, Estado de Santa Catarina, com renúncia expressa de qualquer outro, por mais privilegiado ou especial que possa ser. E, por estarem assim justos e acordes, firmam o presente juntamente com duas testemunhas, em duas vias de igual teor e forma, sem emendas ou rasuras, para que produza os seus efeitos jurídicos e legais. Flor do Sertão – SC, aos 17 dias do mês de abril de 2017. SIDNEI JOSÉ WILLINGHÖFER Prefeito Municipal

LEANDRO NEUHAUS CPF: 015.634.579-03

ISAÍAS ALVES LECINDO contratado

DIOGO DE BEM CPF: 010.389.549-32

I - O presente contrato poderá ser rescindido por mútuo acordo ou

CONTRATO Nº. 032/2017 CONTRATO Nº. 032/2017

O Município de Flor do Sertão – SC, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no CNPJ sob o n° 01.566.621/0001-08 com sede na Avenida Flor do Sertão, 696, na cidade de Flor do Sertão – SC, neste ato representado pelo Prefeito Municipal, Sr. Sidnei José Willinghöfer, brasileiro, residente e domiciliado no município de Flor do Sertão, inscrito no CPF sob o n° 503.319.819-04 e portador da Cédula de Identidade n° 1.711.118 SSP/SC de ora em diante denominado de contratante, e de outro lado à empresa PORTO SEGURO COMPANHIA DE SEGUROS GERAIS, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o n°. 61.198.164/0001-60, com sede na Avenida Rio Branco, nº. 1489 e Rua Guaianazes, nº. 1238, Campos Elíseo na cidade de São Paulo SP, neste ato representada pelo Sra. Neide Oliveira Souza, inscrita no CPF sob o n° 205.408.568-51 e Cédula de Identidade nº. 28.543.390-8 e Sra. Marta Wouters Montoya, inscrita no CPF sob o n° 603.184.650-00 e Cédula de Identidade nº. 57.124.465-8, doravante denominada de contratada, de comum acordo e com amparo legal na Lei 8.666/93 complementada pela Lei 8.883/94, Lei Federal nº. 10.520 de 17 de julho de 2002, Lei Orgânica Municipal e Licitação nº. 611/2017 Modalidade de Pregão Presencial nº. 17/2017, resolvem contratar o objeto do presente pelas seguintes cláusulas que seguem: CLÁUSULA PRIMEIRA – DO OBJETO Este contrato tem origem no edital do processo licitatório nº. 611/2017 na modalidade de pregão presencial nº. 17/2017, que tem por objeto RENOVAÇÃO DE SEGURO PARA OS VEÍCULOS DA FROTA DA PREFEITURA MUNICIPAL, CONTADOS A PARTIR DA EFETIVAÇÃO DAS PROPOSTAS JUNTO Á SEGURADORA POR UM PERÍODO DE UM ANO, na qual a contratada como vencedora se compromete a entregar os Serviços conforme itens abaixo: ITEN

22

QTD

1,00

UN

DESCRIÇÃO DO OBJETO

COBERTURA

SV

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO PARA O EQUIPAMENTO, ESCAVADEIRA DOSSAN MODELO DX 140LC SERIE/CHASI- DHKLEBAASB0005824 ANO 2012 COBERTURA 1-BASICA DE R$ 243.458,00, 2-DANOS ELÉTRICOS R$ 50.000,00, 3-PERDA/PAGAMENTO DE ALUGUEL R$ 50.000,00, 4-RESPONSABILIDADE CIVIL DM/DC R$ 100.000,00; FRANCOMPREENSIVA QUIAS DE POS 10% DOS PREJUÍZOS COM MÍNIMA DE 1,5 % DO VALOR DO EQUIPAMENTO PARA COBERTURA 1, 2; COBERTURA 3 FRANQUIA DE 5 DIAS; COBERTURA 4 POS 10% DOS PREJUÍZOS INDENIZÁVEIS COM MÍNIMO DE R$ 1.000,00.

VALOR UNIT

3.019,98

O valor Total do presente Contrato é de R$ 3.019,98 È da responsabilidade da contratada todo o processo de encaminhamento do sinistro ate a liquidação do mesmo. CLÁUSULA SEGUNDA – DA VIGÊNCIA O prazo de vigência do contrato é de 01 ano, podendo ser renovado/prorrogado até o limite de 60 meses, de acordo com o estabelecido em Lei, a critério e conveniência administrativa. CLAUSULA TERCEIRA – A REALIZAÇÃO DOS SERVIÇOS O item relacionado acima devera ser executado e mantido durante toda a vigência do contrato em pleno funcionamento sem custo adicional algum para o município. ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 183

CLAUSULA QUARTA – DO PAGAMENTO O pagamento dos Serviços será efetuado ate o dia 10 do mês subseqüente ao da realização dos Serviços mediante apresentação da respectiva Nota Fiscal, do qual será efetuado através de cheque nominal ou ordem bancária. Se a nota fiscal, for apresentada com erro, será devolvida ao fornecedor para retificação e reapresentação, acrescentando-se no prazo fixado acimas, os dias que se passarem entre a data da devolução e a da reapresentação; A critério da contratante poderão ser utilizados parte dos pagamentos devidos para cobrir possíveis despesas com multas, indenizações a terceiros ou outras, de responsabilidade da contratada. CLAUSULA QUINTA – DA FISCALIZAÇÃO Fica como responsável pela fiscalização dos Serviços a serem realizados o Secretario de Administração – Leandro Neuhaus. A fiscalização será exercida no interesse da administração municipal e não exclui nem reduz a responsabilidade da contratada, inclusive perante terceiros, por quaisquer irregularidades ou conseqüências que venham a ocorrer em razão do uso dos Serviço se, na sua ocorrência, não implica co-responsabilidade do Poder Público ou de seus agentes e prepostos. Caso durante a fiscalização seja verificada alguma irregularidade nos Serviços a empresa fornecedora será notificada para proceder à substituição dos mesmos no prazo de 24 horas contados de sua realização. CLÁUSULA SEXTA – DOS RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS As despesas oriundas deste contrato, correrão à conta da Classificação da Despesa: Elementos de Despesa: 3.3.90.39.69.00.00 - SEGUROS EM GERAL; Projeto atividade: 267820025.2.029000 – Manutenção das atividades da Secretaria Municipal de Infra-estrutura e Transporte. CLÁUSULA OITAVA – DO REAJUSTAMENTO DE PREÇOS Os preços dos Serviços apresentados nas propostas não serão reajustados; CLAUSULA NONA – DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA A empresa vencedora obriga-se a: A – Atender as requisições do município fornecendo os Serviços vencidos na licitação nos preços constantes de sua proposta; B – Manter, durante a execução do contrato, todas as condições de habilitação e qualificação exigidas neste edital; C – Assumir a responsabilidade por todos os encargos e obrigações sociais previstos na legislação social e trabalhista em vigor, uma vez que seus empregados não manterão nenhum vínculo com o município; D – Prestar os esclarecimentos que forem solicitados pelo município, cujas reclamações se obrigam a atender prontamente; E – Responderá a Contratada em relação a terceiros pelos danos que os Serviços por ela fornecidos causarem a terceiros, na forma da Lei. F – Fornecer ao Município sempre que solicitadas informações e/ou esclarecimentos sobre os Serviços fornecidos. G – É da contratada a obrigação do pagamento de tributos que incidiram sobre os serviços prestados, em qualquer esfera, especialmente ISS (5%) e INSS (11%). CLAUSULA DÉCIMA – DAS OBRIGAÇÕES DO MUNICÍPIO Uma vez firmada a contratação, o município se obriga a: A – Fornecer à licitante, todas as informações relacionadas com o objeto do presente contrato; B – Acompanhar e fiscalizar, através de servidor designado, a qualidade dos Serviços entregues ao município comunicando as ocorrências de quaisquer irregularidades ao fornecedor; C – Efetuar o pagamento à licitante vencedora, na forma e prazos estabelecidos neste contrato procedendo-se à retenção dos tributos devidos, consoante a legislação vigente; D – Zelar para que sejam cumpridas as obrigações assumidas pela licitante vencedora, bem como sejam mantidas todas as condições de habilitação e qualificação exigidas na licitação;

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 184

CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA – DAS PENALIDADES Em caso de inexecução do objeto, erro de execução, execução imperfeita, mora de execução, inadimplemento ou não veracidade das informações prestadas, a Contratada estará sujeita às seguintes penalidades: I – Advertência por escrito; II – multas: A – De 1% por dia de atraso, calculado sobre o valor Unitario por Item do contrato, limitada a 10% do mesmo valor, entendendo-se como atraso a não entrega do bem no prazo total compreendido pelo prazo contratual; B – De 5% sobre o valor total do contrato, por infração a qualquer cláusula ou condição do contrato, não especificada na alínea “a” deste inciso, aplicada em dobro na reincidência. C – De 5% sobre o valor do contrato, pela recusa em corrigir qualquer defeito, caracterizando-se a recusa, caso a correção não se efetivar nos 02 dias úteis que se seguirem à data da comunicação formal do defeito; D – De 10% sobre o valor do contrato, no caso de recusa injustificada da licitante adjudicatária em firmar o termo de contrato, no prazo e condições estabelecidas, bem como no caso de o serviço não ser executado a partir da data aprazada. § 1º - No caso de suspensão do direito de licitar, a licitante deverá ser descredenciada por igual período, sem prejuízo das multas previstas neste edital e no contrato e das demais cominações legais. § 2ª - O valor das multas aplicadas deverá ser recolhido no prazo de 5 dias, a contar da data da notificação. Se o valor da multa não for pago, ou depositado, será automaticamente descontado do pagamento a que a contratada fizer jus. Em caso de inexistência ou insuficiência de crédito da contratada, o valor devido será cobrado administrativamente e/ou judicialmente. CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA – DA RESCISÃO I – O presente contrato poderá ser rescindido por mútuo acordo ou por conveniência administrativa, mediante comunicação por escrito, recebendo a contratada somente o valor dos serviços já fornecidos, não lhe sendo devido outro valor a título de indenização ou qualquer outro título presente ou futuro sob qualquer alegação ou fundamento. II – Presume-se culpa da contratada a ocorrência das hipóteses descritas no artigo 78 da Lei Federal 8.666 de 21 de junho de 1993 consolidada. III – Em havendo rescisão administrativa, ficam reconhecidos os direitos do município, nos termos do artigo 77, da Lei de Licitações. Constituem motivo para rescisão do contrato: A – Não cumprimento de cláusulas contratuais, especificações, prazos e obrigações; B – O cumprimento irregular de cláusulas contratuais, especificações, prazos e obrigações; C – A lentidão do seu cumprimento; D – O atraso injustificado da execução do contrato sem justa causa e prévia comunicação à Administração; E – A decretação da falência ou instauração da insolvência civil da licitante vencedora; F – A dissolução da sociedade ou o falecimento do contratado; G – A alteração social ou a modificação da finalidade ou da estrutura da empresa, desde que prejudique a execução do contrato; H – Razões de interesse público, de alta relevância e amplo conhecimento justificada e determinadas pela máxima autoridade Administrativa a que está subordinado o contrato e exaradas no processo administrativo a que se refere o contrato; I – A suspensão de sua execução por ordem escrita da Administração, por prazo superior a 120 dias, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, ou ainda por repetidas suspensões que totalizem o mesmo prazo, independentemente do pagamento obrigatório e outras previstas, assegurado ao contratado, nesses casos, o direito de optar pela suspensão do cumprimento das obrigações assumidas até que seja normalizada a situação; J – O atraso superior a 90 dias dos pagamentos devidos pela administração decorrentes dos serviços ou parcelas destes, já recebidos ou executados, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra assegurado ao contratado o direito de optar pela suspensão do cumprimento de suas obrigações até que seja normalizada a situação; Quanto à sua forma a rescisão poderá ser: A – Por ato unilateral e escrito da Administração, nos casos enumerados nos incisos I a XII e XVII do artigo 78 da Lei Federal nº. 8.666 de 21 de junho de 1993; B – Amigável, por acordo entre as partes, reduzidas a termo no processo de Licitação, desde que haja conveniência para a Administração; C – Judicial, nos termos da legislação. CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA – DA LEGISLAÇÃO APLICÁVEL ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 185

O presente instrumento rege-se pelas disposições expressas na Lei Federal nº. 8.666 de 21 de Junho de 1993, consolidada, Pelo edital do processo licitatório n° 611/2017 na modalidade Pregão Presencial nº. 17/2017, bem como a proposta apresentada pela contratada e pelos preceitos de direito público, aplicando-se, supletivamente, os princípios da Teoria Geral dos Contratos. CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA – DAS DISPOSIÇÕES FINAIS Este contrato é intransferível, não podendo a contratada, de forma alguma, sem anuência da contratante, sub-rogar seus direitos e obrigações a terceiros. CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA – DO FORO Para as questões decorrentes da execução deste contrato, fica eleito o Foro da Comarca de Maravilha, Estado de Santa Catarina, com renúncia expressa de qualquer outro, por mais privilegiado ou especial que possa ser exceto o que dispõe o inciso X do art. 29 da Constituição Federal. E, por estarem assim justos e contratados, firmam o presente, juntamente com duas testemunhas, em três vias de igual teor e forma, sem emendas ou rasuras, para que produza seus jurídicos e legais efeitos. Flor do Sertão – SC, aos17 dias do mês de abril de 2017. SIDNEI JOSÉ WILLINGHÖFER CPF: 503.319.819-04 CONTRATANTE NEIDE OLIVEIRA SOUZA CPF: 205.408.568-51 CONTRATADA

MARTA WOUTERS MONTOYA CPF: 603.184.650-00 CONTRATADA

DIOGO DE BEM CPF: 010.389.549-32 TESTEMUNHA

LEANDRO NEUHAUS CPF: 015.634.579-03 TESTEMUNHA

CONTRATO Nº. 033/2017 CONTRATO Nº. 033/2017

O Município de Flor do Sertão – SC, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no CNPJ sob o n° 01.566.621/0001-08 com sede na Avenida Flor do Sertão, 696, na cidade de Flor do Sertão – SC, neste ato representado pelo Prefeito Municipal, Sr. Sidnei José Willinghöfer, brasileiro, residente e domiciliado no município de Flor do Sertão, inscrito no CPF sob o n° 503.319.819-04 e portador da Cédula de Identidade n° 1.711.118 SSP/SC de ora em diante denominado de contratante, e de outro lado à empresa MAPFRE SEGUROS GERAIS S.A, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o n°. 61.074.175/0001-38, com sede na Avenida das Nações Unidas, nº. 14261, 29º Andar – Ala A, Vila Gertudes na cidade de São Paulo - SP, neste ato representada pelo Sr. Francisco Edinaldo Moreira de Sousa, inscrito no CPF sob o n°. 126.840.598-10 e cédula de identidade nº. 20972295 SSP/SP, doravante denominada de contratada, de comum acordo e com amparo legal na Lei 8.666/93 complementada pela Lei 8.883/94, Lei Federal nº. 10.520 de 17 de julho de 2002, Lei Orgânica Municipal e Licitação nº. 611/2017 Modalidade de Pregão Presencial nº. 17/2017, resolvem contratar o objeto do presente pelas seguintes cláusulas que seguem: CLÁUSULA PRIMEIRA – DO OBJETO Este contrato tem origem no edital do processo licitatório nº. 611/2017 na modalidade de pregão presencial nº. 17/2017, que tem por objeto RENOVAÇÃO DE SEGURO PARA OS VEÍCULOS DA FROTA DA PREFEITURA MUNICIPAL, CONTADOS A PARTIR DA EFETIVAÇÃO DAS PROPOSTAS JUNTO Á SEGURADORA POR UM PERÍODO DE UM ANO, na qual a contratada como vencedora se compromete a entregar os Serviços conforme itens abaixo: ITEN

QTD

UN

VENCEDOR

DESCRIÇÃO DO OBJETO

COBERTURA

VALOR UNIT

1

1,00

SV

MAPFRE

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO PLACA MKW 4780 FORD CARGO 2623 ANO 2015 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00.

RCF

231,00

2

1,00

SV

MAPFRE

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO FORD CARGO 2623 PLACA MKT 5354 ANO 2015 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00.

RCF

231,00

12

1,00

SV

MAPFRE

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO MASTER RENAULT FURGÃO PLACA MFI 8095 ANO E MODELO 2008/2009 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00.

RCF

162,50

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

14

1,00

SV

MAPFRE

15

1,00

SV

MAPFRE

16

1,00

SV

MAPFRE

19

1,00

SV

MAPFRE

23

1,00

SVÇ

MAPFRE

24

1,00

SVÇ

MAPFRE

25

1,00

SVÇ

MAPFRE

DOM/SC - Edição N° 2238 RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO CELTA LIFE PLACA MIF 8149 MOTOR 1.0 ANO 2011 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00 COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO CELTA LIFE PLACA MIF 8089 MOTOR 1.0 ANO 2011 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00 RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO CAMINHÃO FORD CARGO 1517 E PLACA MIJ 3711 ANO 2011 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00. RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO FIAT DOBLO HLX 1.8 PLACA MJB 2653 ANO 2012 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00 COBERTURA DE SEGURO PARA O CAMINHÃO MERCEDEZ BENZ ATRON 2729 K 6x4 CAÇAMBA BASCULANTE PLACA QHC 2975 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00. COBERTURA DE SEGURO PARA O VEICULO FIAT SIENA ESSENCE 1.6, ANO 2017 PLACA QIK 5552, COM COBERTURA DE DANOS MATERIAIS E DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00 COBERTURA DE SEGURO PARA O VEICULO FIAT DOBLO ESSENCE 1,8 7 LUGARES, ANO 2017, COM COBERTURA DE DANOS MATERIAIS E DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00.

Página 186

COMPREENSIVA

195,00

COMPREENSIVA

195,00

RCF

230,00

COMPREENSIVA

300,00

RCF

220,00

COMPREENSIVA

280,00

COMPREENSIVA

400,00

O valor Total do presente Contrato é de R$ 2.444,50 As apólices para veículos deverão ter assistência 24 horas. As Coberturas para danos morais deverão ser de no mínimo R$ 20.000,00 somente para veículos. È da responsabilidade da contratada todo o processo de encaminhamento do sinistro ate a liquidação do mesmo. Todas as Apólices com cobertura Total deverão ser de 100% Tabela Fipe. A franquia (Perda Parcial de 100%) para os Veículos relacionados nos Itens 14, 15, e 24 é de R$ 1.200,00, a franquia dos itens 19 e 25 será de R$ 2.000,00. Os Veículos com Cobertura Compreensiva relacionados nos itens 14, 15, 19, 24 e 25, deverão ter franquia de Proteção a Vidros e Retrovisores de R$ 60,00 e Franquia de Para-Brisa e Vidro Traseiro de R$ 120,00. CLÁUSULA SEGUNDA – DA VIGÊNCIA O prazo de vigência do contrato é de 01 ano, podendo ser renovado/prorrogado até o limite de 60 meses, de acordo com o estabelecido em Lei, a critério e conveniência administrativa. CLAUSULA TERCEIRA – A REALIZAÇÃO DOS SERVIÇOS Os itens relacionados acima deverão ser executados e mantidos durante toda a vigência do contrato em pleno funcionamento sem custo adicional algum para o município. CLAUSULA QUARTA – DO PAGAMENTO O pagamento dos Serviços será efetuado ate o dia 10 do mês subseqüente ao da realização dos Serviços mediante apresentação da respectiva Nota Fiscal, do qual será efetuado através de cheque nominal ou ordem bancária. Se a nota fiscal, for apresentada com erro, será devolvida ao fornecedor para retificação e reapresentação, acrescentando-se no prazo fixado acimas, os dias que se passarem entre a data da devolução e a da reapresentação; A critério da contratante poderão ser utilizados parte dos pagamentos devidos para cobrir possíveis despesas com multas, indenizações a terceiros ou outras, de responsabilidade da contratada. CLAUSULA QUINTA – DA FISCALIZAÇÃO Fica como responsável pela fiscalização dos Serviços a serem realizados o Secretario de Administração – Leandro Neuhaus. ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 187

A fiscalização será exercida no interesse da administração municipal e não exclui nem reduz a responsabilidade da contratada, inclusive perante terceiros, por quaisquer irregularidades ou conseqüências que venham a ocorrer em razão do uso dos Serviço se, na sua ocorrência, não implica co-responsabilidade do Poder Público ou de seus agentes e prepostos. Caso durante a fiscalização seja verificada alguma irregularidade nos Serviços a empresa fornecedora será notificada para proceder à substituição dos mesmos no prazo de 24 horas contados de sua realização. CLÁUSULA SEXTA – DOS RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS As despesas oriundas deste contrato, correrão à conta da Classificação da Despesa: Elementos de Despesa: 3.3.90.39.69.00.00 - SEGUROS EM GERAL; Projeto atividade: 041220004.2.004000 - Manutenção atividades de Adm. Geral do Município; 123610010.2.011000 – Manutenção do Ensino Fundamental; 103010012.2.016000 – Manutenção das atividades de Saúde Publica; 206060029.2.032000 – Manutenção das atividades da Secretaria Municipal de Agricultura; 267820025.2.029000 – Manutenção das atividades da Secretaria Municipal de Infra-estrutura e Transporte. CLÁUSULA OITAVA – DO REAJUSTAMENTO DE PREÇOS Os preços dos Serviços apresentados nas propostas não serão reajustados; CLAUSULA NONA – DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA A empresa vencedora obriga-se a: A – Atender as requisições do município fornecendo os Serviços vencidos na licitação nos preços constantes de sua proposta; B – Manter, durante a execução do contrato, todas as condições de habilitação e qualificação exigidas neste edital; C – Assumir a responsabilidade por todos os encargos e obrigações sociais previstos na legislação social e trabalhista em vigor, uma vez que seus empregados não manterão nenhum vínculo com o município; D – Prestar os esclarecimentos que forem solicitados pelo município, cujas reclamações se obrigam a atender prontamente; E – Responderá a Contratada em relação a terceiros pelos danos que os Serviços por ela fornecidos causarem a terceiros, na forma da Lei. F – Fornecer ao Município sempre que solicitadas informações e/ou esclarecimentos sobre os Serviços fornecidos. G – É da contratada a obrigação do pagamento de tributos que incidiram sobre os serviços prestados, em qualquer esfera, especialmente ISS (5%) e INSS (11%). CLAUSULA DÉCIMA – DAS OBRIGAÇÕES DO MUNICÍPIO Uma vez firmada a contratação, o município se obriga a: A – Fornecer à licitante, todas as informações relacionadas com o objeto do presente contrato; B – Acompanhar e fiscalizar, através de servidor designado, a qualidade dos Serviços entregues ao município comunicando as ocorrências de quaisquer irregularidades ao fornecedor; C – Efetuar o pagamento à licitante vencedora, na forma e prazos estabelecidos neste contrato procedendo-se à retenção dos tributos devidos, consoante a legislação vigente; D – Zelar para que sejam cumpridas as obrigações assumidas pela licitante vencedora, bem como sejam mantidas todas as condições de habilitação e qualificação exigidas na licitação; CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA – DAS PENALIDADES Em caso de inexecução do objeto, erro de execução, execução imperfeita, mora de execução, inadimplemento ou não veracidade das informações prestadas, a Contratada estará sujeita às seguintes penalidades: I – Advertência por escrito; II – multas: A – De 1% por dia de atraso, calculado sobre o valor Unitario por Item do contrato, limitada a 10% do mesmo valor, entendendo-se como atraso a não entrega do bem no prazo total compreendido pelo prazo contratual; B – De 5% sobre o valor total do contrato, por infração a qualquer cláusula ou condição do contrato, não especificada na alínea “a” deste inciso, aplicada em dobro na reincidência. C – De 5% sobre o valor do contrato, pela recusa em corrigir qualquer defeito, caracterizando-se a recusa, caso a correção não se efetivar nos 02 dias úteis que se seguirem à data da comunicação formal do defeito; D – De 10% sobre o valor do contrato, no caso de recusa injustificada da licitante adjudicatária em firmar o termo de contrato, no prazo e condições estabelecidas, bem como no caso de o serviço não ser executado a partir da data aprazada.

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 188

§ 1º - No caso de suspensão do direito de licitar, a licitante deverá ser descredenciada por igual período, sem prejuízo das multas previstas neste edital e no contrato e das demais cominações legais. § 2ª - O valor das multas aplicadas deverá ser recolhido no prazo de 5 dias, a contar da data da notificação. Se o valor da multa não for pago, ou depositado, será automaticamente descontado do pagamento a que a contratada fizer jus. Em caso de inexistência ou insuficiência de crédito da contratada, o valor devido será cobrado administrativamente e/ou judicialmente. CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA – DA RESCISÃO I – O presente contrato poderá ser rescindido por mútuo acordo ou por conveniência administrativa, mediante comunicação por escrito, recebendo a contratada somente o valor dos serviços já fornecidos, não lhe sendo devido outro valor a título de indenização ou qualquer outro título presente ou futuro sob qualquer alegação ou fundamento. II – Presume-se culpa da contratada a ocorrência das hipóteses descritas no artigo 78 da Lei Federal 8.666 de 21 de junho de 1993 consolidada. III – Em havendo rescisão administrativa, ficam reconhecidos os direitos do município, nos termos do artigo 77, da Lei de Licitações. Constituem motivo para rescisão do contrato: A – Não cumprimento de cláusulas contratuais, especificações, prazos e obrigações; B – O cumprimento irregular de cláusulas contratuais, especificações, prazos e obrigações; C – A lentidão do seu cumprimento; D – O atraso injustificado da execução do contrato sem justa causa e prévia comunicação à Administração; E – A decretação da falência ou instauração da insolvência civil da licitante vencedora; F – A dissolução da sociedade ou o falecimento do contratado; G – A alteração social ou a modificação da finalidade ou da estrutura da empresa, desde que prejudique a execução do contrato; H – Razões de interesse público, de alta relevância e amplo conhecimento justificada e determinadas pela máxima autoridade Administrativa a que está subordinado o contrato e exaradas no processo administrativo a que se refere o contrato; I – A suspensão de sua execução por ordem escrita da Administração, por prazo superior a 120 dias, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, ou ainda por repetidas suspensões que totalizem o mesmo prazo, independentemente do pagamento obrigatório e outras previstas, assegurado ao contratado, nesses casos, o direito de optar pela suspensão do cumprimento das obrigações assumidas até que seja normalizada a situação; J – O atraso superior a 90 dias dos pagamentos devidos pela administração decorrentes dos serviços ou parcelas destes, já recebidos ou executados, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra assegurado ao contratado o direito de optar pela suspensão do cumprimento de suas obrigações até que seja normalizada a situação; Quanto à sua forma a rescisão poderá ser: A – Por ato unilateral e escrito da Administração, nos casos enumerados nos incisos I a XII e XVII do artigo 78 da Lei Federal nº. 8.666 de 21 de junho de 1993; B – Amigável, por acordo entre as partes, reduzidas a termo no processo de Licitação, desde que haja conveniência para a Administração; C – Judicial, nos termos da legislação. CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA – DA LEGISLAÇÃO APLICÁVEL O presente instrumento rege-se pelas disposições expressas na Lei Federal nº. 8.666 de 21 de Junho de 1993, consolidada, Pelo edital do processo licitatório n° 611/2017 na modalidade Pregão Presencial nº. 17/2017, bem como a proposta apresentada pela contratada e pelos preceitos de direito público, aplicando-se, supletivamente, os princípios da Teoria Geral dos Contratos. CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA – DAS DISPOSIÇÕES FINAIS Este contrato é intransferível, não podendo a contratada, de forma alguma, sem anuência da contratante, sub-rogar seus direitos e obrigações a terceiros. CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA – DO FORO Para as questões decorrentes da execução deste contrato, fica eleito o Foro da Comarca de Maravilha, Estado de Santa Catarina, com renúncia expressa de qualquer outro, por mais privilegiado ou especial que possa ser exceto o que dispõe o inciso X do art. 29 da Constituição Federal. E, por estarem assim justos e contratados, firmam o presente, juntamente com duas testemunhas, em três vias de igual teor e forma, sem emendas ou rasuras, para que produza seus jurídicos e legais efeitos. Flor do Sertão – SC, aos 17 dias do mês de abril de 2017. SIDNEI JOSÉ WILLINGHÖFER CPF: 503.319.819-04 CONTRATANTE DIOGO DE BEM CPF: 010.389.549-32 TESTEMUNHA

FRANCISCO EDINALDO MOREIRA DE SOUSA CPF: 126.840.598-10 CONTRATADA LEANDRO NEUHAUS CPF: 015.634.579-03 TESTEMUNHA

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 189

CONTRATO Nº. 034/2017 CONTRATO Nº. 034/2017

O Município de Flor do Sertão – SC, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no CNPJ sob o n° 01.566.621/0001-08 com sede na Avenida Flor do Sertão, 696, na cidade de Flor do Sertão – SC, neste ato representado pelo Prefeito Municipal, Sr. Sidnei José Willinghöfer, brasileiro, residente e domiciliado no município de Flor do Sertão, inscrito no CPF sob o n° 503.319.819-04 e portador da Cédula de Identidade n° 1.711.118 SSP/SC de ora em diante denominado de contratante, e de outro lado à empresa GENTE SEGURADORA S.A, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o n°. 90.180.605/0001-02, com sede na Rua Marechal Floriano Peixoto, nº. 450, na cidade de Porto Alegre - RS, neste ato representada pelo Sr. Marcelo Wais, inscrito no CPF sob o n°. 632.005.380-15 e cédula de identidade nº. 7009036166 SSP/RS, doravante denominada de contratada, de comum acordo e com amparo legal na Lei 8.666/93 complementada pela Lei 8.883/94, Lei Federal nº. 10.520 de 17 de julho de 2002, Lei Orgânica Municipal e Licitação nº. 611/2017 Modalidade de Pregão Presencial nº. 17/2017, resolvem contratar o objeto do presente pelas seguintes cláusulas que seguem: CLÁUSULA PRIMEIRA – DO OBJETO Este contrato tem origem no edital do processo licitatório nº. 611/2017 na modalidade de pregão presencial nº. 17/2017, que tem por objeto RENOVAÇÃO DE SEGURO PARA OS VEÍCULOS DA FROTA DA PREFEITURA MUNICIPAL, CONTADOS A PARTIR DA EFETIVAÇÃO DAS PROPOSTAS JUNTO Á SEGURADORA POR UM PERÍODO DE UM ANO, na qual a contratada como vencedora se compromete a entregar os Serviços conforme itens abaixo: ITEN

5

6

7

QTD

1,00

1,00

1,00

UN

SV

SV

SV

DESCRIÇÃO DO OBJETO

COBERTURA

VALOR UNIT

GENTE

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO FIAT UNO MILLE 1.0 PLACA MHZ 1172 ANO 2011 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00

COMPREENSIVA

239,00

GENTE

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO TOTAL PARA O VEICULO FIAT UNO PLACA MGF 6154 1.0 FIRE 2P ANO 2009 COM COBERTURA DE DANOS MATERIAIS E DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00

COMPREENSIVA

239,00

GENTE

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO PARA O VEICULO VW GOLF SPORT PLACA MKR 5799 1.6 PLUS 4P ANO 2015 MODELO 2015 COM COBERTURA DE COMPREENDANOS MATERIAIS E DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP SIVA MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00

299,00

8

1,00

9

1,00

10

1,00

SV

GENTE

13

1,00

SV

GENTE

17

18

1,00

1,00

SV

VENCEDOR

GENTE

GENTE

SV

SV

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO FIAT PALIO ECONOMY FIRE FLEX PLACA OKF 9234 ANO 2015 MODELO 2015 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00 RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO CHEVROLET/CLASSIC LS ANO/MODELO 2015/2015 PLACA MLU 9846 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00 RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO FIAT STRADA WORKING FLEX PLACA OKF 9294 MOTOR 1.4 ANO/MODELO 2015 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00 RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO MINIBUS VOLARE PLACA MHW 1845 ANO E MODELO 2010, COBERTURA DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 DE DANOS MORAIS DE NO MÍNIMO R$ 20.000,00, COBERTURA CONFORME RESOLUÇÃO DO DETER PARA TRANSPORTES DE PASSAGEIROS

COMPREENSIVA

229,00

COMPREENSIVA

224,00

COMPREENSIVA

225,00

COMPREENSIVA

1.916,00

GENTE

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO TOTAL PARA O VEICULO FIAT PALIO 1.6 ESSENCE 4P ANO/MODELO 2015 PLACA MMD – 3692 COM COBERTURA DE COMPREENDANOS MATERIAIS E DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP SIVA MORTE 10.000,00 APP INVALIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00

230,00

GENTE

RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO FIAT STRADA PLACA MJL 1544 MOTOR 1.4 ANO 2012 COBERTURA DE DANOS MATERIAIS DANOS COMPREENCORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 E APP MORTE 10.000,00 APP INVA- SIVA LIDEZ 10.000,00 DANOS MÉDICOS HOSPITALARES 10.000,00

195,00

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

20

1,00

SV

GENTE

21

1,00

SV

GENTE

DOM/SC - Edição N° 2238 RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO RENAULT MASTER 2.3 DCI EXECUTIVE 16 LONGO, ANO/MODELO 2015/2015, PLACA MFU 5286, COBERTURA DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 DE DANOS MORAIS DE NO MÍNIMO R$ 20.000,00, COBERTURA CONFORME RESOLUÇÃO DO DETER PARA TRANSPORTE DE PASSAGEIROS. RENOVAÇÃO DE COBERTURA DE SEGURO DE VEICULO ONIBUS M BENZ 1519, ANO/MODELO 2015 PLACA OKG-9436, COBERTURA DANOS MATERIAIS DANOS CORPORAIS DE NO MÍNIMO R$ 100.000,00 DE DANOS MORAIS DE NO MÍNIMO R$ 20.000,00, COBERTURA CONFORME RESOLUÇÃO DO DETER PARA TRANSPORTES DE PASSAGEIROS.

Página 190

COMPREENSIVA

5.000,00

COMPREENSIVA

4.500,00

O valor Total do presente Contrato é de R$ 13.296,00 As apólices para veículos deverão ter assistência 24 horas. As Coberturas para danos morais deverão ser de no mínimo R$ 20.000,00 somente para veículos. È da responsabilidade da contratada todo o processo de encaminhamento do sinistro ate a liquidação do mesmo. Todas as Apólices com cobertura Total deverão ser de 100% Tabela Fipe. A franquia (Perda Parcial de 100%) para os Veículos relacionados nos Itens 05, 06, 07, 08, 09, 10, 17, e 18 é de R$ 1.200,00 a franquia do item 20 será de R$ 2.000,00 e os itens 13 e 21 terão franquia de R$ 15.000,00. Os Veículos com Cobertura Compreensiva relacionados nos itens 05, 06, 07, 08, 09, 10, 13, 17, 18, 20, e 21, deverão ter franquia de Proteção a Vidros e Retrovisores de R$ 60,00 e Franquia de Para-Brisa e Vidro Traseiro de R$ 120,00. CLÁUSULA SEGUNDA – DA VIGÊNCIA O prazo de vigência do contrato é de 01 ano, podendo ser renovado/prorrogado até o limite de 60 meses, de acordo com o estabelecido em Lei, a critério e conveniência administrativa. CLAUSULA TERCEIRA – A REALIZAÇÃO DOS SERVIÇOS Os itens relacionados acima deverão ser executados e mantidos durante toda a vigência do contrato em pleno funcionamento sem custo adicional algum para o município. CLAUSULA QUARTA – DO PAGAMENTO O pagamento dos Serviços será efetuado ate o dia 10 do mês subseqüente ao da realização dos Serviços mediante apresentação da respectiva Nota Fiscal, do qual será efetuado através de cheque nominal ou ordem bancária. Se a nota fiscal, for apresentada com erro, será devolvida ao fornecedor para retificação e reapresentação, acrescentando-se no prazo fixado acimas, os dias que se passarem entre a data da devolução e a da reapresentação; A critério da contratante poderão ser utilizados parte dos pagamentos devidos para cobrir possíveis despesas com multas, indenizações a terceiros ou outras, de responsabilidade da contratada. CLAUSULA QUINTA – DA FISCALIZAÇÃO Fica como responsável pela fiscalização dos Serviços a serem realizados o Secretario de Administração – Leandro Neuhaus. A fiscalização será exercida no interesse da administração municipal e não exclui nem reduz a responsabilidade da contratada, inclusive perante terceiros, por quaisquer irregularidades ou conseqüências que venham a ocorrer em razão do uso dos Serviço se, na sua ocorrência, não implica co-responsabilidade do Poder Público ou de seus agentes e prepostos. Caso durante a fiscalização seja verificada alguma irregularidade nos Serviços a empresa fornecedora será notificada para proceder à substituição dos mesmos no prazo de 24 horas contados de sua realização. CLÁUSULA SEXTA – DOS RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS As despesas oriundas deste contrato, correrão à conta da Classificação da Despesa: Elementos de Despesa: 3.3.90.39.69.00.00 - SEGUROS EM GERAL; Projeto atividade: 041220002.2.002000 – Manutenção das atividades do Gabinete do Prefeito; 082440016.2.047000 – Manutenção e implantação do Crás; ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

123610010.2.012000 103010012.2.016000 206060029.2.032000 267820025.2.029000

– – – –

Manutenção Manutenção Manutenção Manutenção

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 191

do Transporte Escolar. das atividades de Saúde Publica; das atividades da Secretaria Municipal de Agricultura; das atividades da Secretaria Municipal de Infra-estrutura e Transporte.

CLÁUSULA OITAVA – DO REAJUSTAMENTO DE PREÇOS Os preços dos Serviços apresentados nas propostas não serão reajustados; CLAUSULA NONA – DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA A empresa vencedora obriga-se a: A – Atender as requisições do município fornecendo os Serviços vencidos na licitação nos preços constantes de sua proposta; B – Manter, durante a execução do contrato, todas as condições de habilitação e qualificação exigidas neste edital; C – Assumir a responsabilidade por todos os encargos e obrigações sociais previstos na legislação social e trabalhista em vigor, uma vez que seus empregados não manterão nenhum vínculo com o município; D – Prestar os esclarecimentos que forem solicitados pelo município, cujas reclamações se obrigam a atender prontamente; E – Responderá a Contratada em relação a terceiros pelos danos que os Serviços por ela fornecidos causarem a terceiros, na forma da Lei. F – Fornecer ao Município sempre que solicitadas informações e/ou esclarecimentos sobre os Serviços fornecidos. G – É da contratada a obrigação do pagamento de tributos que incidiram sobre os serviços prestados, em qualquer esfera, especialmente ISS (5%) e INSS (11%). CLAUSULA DÉCIMA – DAS OBRIGAÇÕES DO MUNICÍPIO Uma vez firmada a contratação, o município se obriga a: A – Fornecer à licitante, todas as informações relacionadas com o objeto do presente contrato; B – Acompanhar e fiscalizar, através de servidor designado, a qualidade dos Serviços entregues ao município comunicando as ocorrências de quaisquer irregularidades ao fornecedor; C – Efetuar o pagamento à licitante vencedora, na forma e prazos estabelecidos neste contrato procedendo-se à retenção dos tributos devidos, consoante a legislação vigente; D – Zelar para que sejam cumpridas as obrigações assumidas pela licitante vencedora, bem como sejam mantidas todas as condições de habilitação e qualificação exigidas na licitação; CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA – DAS PENALIDADES Em caso de inexecução do objeto, erro de execução, execução imperfeita, mora de execução, inadimplemento ou não veracidade das informações prestadas, a Contratada estará sujeita às seguintes penalidades: I – Advertência por escrito; II – multas: A – De 1% por dia de atraso, calculado sobre o valor Unitario por Item do contrato, limitada a 10% do mesmo valor, entendendo-se como atraso a não entrega do bem no prazo total compreendido pelo prazo contratual; B – De 5% sobre o valor total do contrato, por infração a qualquer cláusula ou condição do contrato, não especificada na alínea “a” deste inciso, aplicada em dobro na reincidência. C – De 5% sobre o valor do contrato, pela recusa em corrigir qualquer defeito, caracterizando-se a recusa, caso a correção não se efetivar nos 02 dias úteis que se seguirem à data da comunicação formal do defeito; D – De 10% sobre o valor do contrato, no caso de recusa injustificada da licitante adjudicatária em firmar o termo de contrato, no prazo e condições estabelecidas, bem como no caso de o serviço não ser executado a partir da data aprazada. § 1º - No caso de suspensão do direito de licitar, a licitante deverá ser descredenciada por igual período, sem prejuízo das multas previstas neste edital e no contrato e das demais cominações legais. § 2ª - O valor das multas aplicadas deverá ser recolhido no prazo de 5 dias, a contar da data da notificação. Se o valor da multa não for pago, ou depositado, será automaticamente descontado do pagamento a que a contratada fizer jus. Em caso de inexistência ou insuficiência de crédito da contratada, o valor devido será cobrado administrativamente e/ou judicialmente. CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA – DA RESCISÃO I – O presente contrato poderá ser rescindido por mútuo acordo ou por conveniência administrativa, mediante comunicação por escrito, recebendo a contratada somente o valor dos serviços já fornecidos, não lhe sendo devido outro valor a título de indenização ou qualquer ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 192

outro título presente ou futuro sob qualquer alegação ou fundamento. II – Presume-se culpa da contratada a ocorrência das hipóteses descritas no artigo 78 da Lei Federal 8.666 de 21 de junho de 1993 consolidada. III – Em havendo rescisão administrativa, ficam reconhecidos os direitos do município, nos termos do artigo 77, da Lei de Licitações. Constituem motivo para rescisão do contrato: A – Não cumprimento de cláusulas contratuais, especificações, prazos e obrigações; B – O cumprimento irregular de cláusulas contratuais, especificações, prazos e obrigações; C – A lentidão do seu cumprimento; D – O atraso injustificado da execução do contrato sem justa causa e prévia comunicação à Administração; E – A decretação da falência ou instauração da insolvência civil da licitante vencedora; F – A dissolução da sociedade ou o falecimento do contratado; G – A alteração social ou a modificação da finalidade ou da estrutura da empresa, desde que prejudique a execução do contrato; H – Razões de interesse público, de alta relevância e amplo conhecimento justificada e determinadas pela máxima autoridade Administrativa a que está subordinado o contrato e exaradas no processo administrativo a que se refere o contrato; I – A suspensão de sua execução por ordem escrita da Administração, por prazo superior a 120 dias, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, ou ainda por repetidas suspensões que totalizem o mesmo prazo, independentemente do pagamento obrigatório e outras previstas, assegurado ao contratado, nesses casos, o direito de optar pela suspensão do cumprimento das obrigações assumidas até que seja normalizada a situação; J – O atraso superior a 90 dias dos pagamentos devidos pela administração decorrentes dos serviços ou parcelas destes, já recebidos ou executados, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra assegurado ao contratado o direito de optar pela suspensão do cumprimento de suas obrigações até que seja normalizada a situação; Quanto à sua forma a rescisão poderá ser: A – Por ato unilateral e escrito da Administração, nos casos enumerados nos incisos I a XII e XVII do artigo 78 da Lei Federal nº. 8.666 de 21 de junho de 1993; B – Amigável, por acordo entre as partes, reduzidas a termo no processo de Licitação, desde que haja conveniência para a Administração; C – Judicial, nos termos da legislação. CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA – DA LEGISLAÇÃO APLICÁVEL O presente instrumento rege-se pelas disposições expressas na Lei Federal nº. 8.666 de 21 de Junho de 1993, consolidada, Pelo edital do processo licitatório n° 611/2017 na modalidade Pregão Presencial nº. 17/2017, bem como a proposta apresentada pela contratada e pelos preceitos de direito público, aplicando-se, supletivamente, os princípios da Teoria Geral dos Contratos. CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA – DAS DISPOSIÇÕES FINAIS Este contrato é intransferível, não podendo a contratada, de forma alguma, sem anuência da contratante, sub-rogar seus direitos e obrigações a terceiros. CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA – DO FORO Para as questões decorrentes da execução deste contrato, fica eleito o Foro da Comarca de Maravilha, Estado de Santa Catarina, com renúncia expressa de qualquer outro, por mais privilegiado ou especial que possa ser exceto o que dispõe o inciso X do art. 29 da Constituição Federal. E, por estarem assim justos e contratados, firmam o presente, juntamente com duas testemunhas, em três vias de igual teor e forma, sem emendas ou rasuras, para que produza seus jurídicos e legais efeitos. Flor do Sertão – SC, aos 17 dias do mês de abril de 2017. SIDNEI JOSÉ WILLINGHÖFER CPF: 503.319.819-04 CONTRATANTE DIOGO DE BEM CPF: 010.389.549-32 TESTEMUNHA

MARCELO WAIS CPF: 632.005.380-15 CONTRATADA LEANDRO NEUHAUS CPF: 015.634.579-03 TESTEMUNHA

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 193

DECRETO Nº. 42/2017

DECRETO nº. 42/2017 Homologa Julgamento proferido pela comissão de licitação, no processo licitatório nº. 611/2017, e dá outras providências. SIDNEI JOSE WILLINGHOFER, Prefeito Municipal de Flor do Sertão, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais; DECRETA: Art. 1º. Fica homologado o julgamento proferido pela comissão de licitação, nomeada pela portaria nº. 059/2017, sobre o processo de licitação nº. 611/2017, que tem por objeto a RENOVAÇÃO DE SEGURO PARA OS VEÍCULOS DA FROTA DA PREFEITURA MUNICIPAL, CONTADOS A PARTIR DA EFETIVAÇÃO DAS PROPOSTAS JUNTO Á SEGURADORA POR UM PERÍODO DE UM ANO. Art. 2º. Fica adjudicado o objeto desta licitação em favor das empresas abaixo relacionadas, tudo conforme constatação na Adjudicação do referido processo. PORTO SEGURO CIA DE SEGUROS GERAIS

R$ 3.019,98

MAPFRE SEGUROS GERAIS S.A

R$ 2.444,50

GENTE SEGURADORA S.A

R$ 13.296,00

Art. 3º. Pelo presente, ficam intimados os participantes da licitação supramencionada, bem como os demais interessados, da decisão proferida neste decreto. Art. 4º. Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Flor do Sertão – SC, aos 17 dias do mês de abril de 2017. SIDNEI JOSE WILLINGHOFER Prefeito Municipal

LEANDRO NEUHAUS Secretario de Administração

DECRETO Nº. 43/2017 DECRETO nº. 43/2017

Anulação do processo licitatório nº. 791/2017, conforme recomendação da Comissão de Licitação e dá outras providências. SIDNEI JOSE WILLINGHOFER, Prefeito Municipal de Flor do Sertão, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais; DECRETA: Art. 1º. Fica Anulado o Processo Licitatório conforme recomendação da Comissão de Licitação, nomeada pela portaria nº. 059/2017, sobre o processo de licitação nº. 791/2017, que tem por objeto a AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO E ESTRUTURA METÁLICA COM TELHADO PARA CONSTRUÇÃO DE CASA DE CARNES E CHURRASQUEIRA NA LINHA FLOR DA SERRA NO MUNICÍPIO DE FLOR DO SERTÃO. Art. 2º. Pelo presente, ficam intimados os participantes da licitação, bem como os demais interessados, da decisão proferida neste decreto. Art. 3º. Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Flor do Sertão – SC, aos 20 dias do mês de abril de 2017. SIDNEI JOSE WILLINGHOFER Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

LEANDRO NEUHAUS Secretario de Administração

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 194

Formosa do Sul Prefeitura EXTRATO DE PUBLICAÇÃO CREDENCIAMENTO Nº 2/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE FORMOSA DO SUL – SC EDITAL DE CREDENCIAMENTO N° 02/2017 EXTRATO DE EDITAL

O Município de Formosa do Sul, com endereço na Av. Getúlio Vargas, Nº 580, Bairro Centro, nesta cidade de Formosa do Sul, por seu Prefeito Municipal, Senhor Rudimar Conte, TORNA PÚBLICO, para conhecimento das Pessoas Jurídicas interessadas, que se encontra aberto EDITAL destinado ao CREDENCIAMENTO de empresas para contratação de serviços médico-hospitalares para realização de procedimentos cirúrgicos na área de ortopedia e traumatologia destinado ao atendimento aos usuários do sistema único de saúde do município de formosa do sul. Demais informações, esclarecimentos, serão fornecidos pelo Departamento de Licitações da Secretaria de Administração Finanças e Planejamento do Município de Formosa do Sul, SC, Av. Getúlio Vargas, 580, fone (049) 33430010 e e-mail [email protected] Formosa do Sul, SC, 20 de Abril de 2017 RUDIMAR CONTE PREFEITO MUNICIPAL

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 195

Forquilhinha Prefeitura ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 31/PMF/2017 – REFERENTE AO PREGÃO PRESENCIAL Nº 49/ PMF/2017 ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DO MUNICÍPIO DE FORQUILHINHA

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº. 31/PMF/2017 (Referente Pregão Presencial nº. 49/PMF/2017) A PREFEITURA MUNICIPAL DE FORQUILHINHA, com sede na Avenida 25 de julho, 3400 - Paço Municipal 26 DE ABRIL - FORQUILHINHA-SC, inscrita no Cadastro Geral de Contribuintes/MF sob o No. 81.531.162/0001-58, neste ato representado pelo Sr. DIMAS KAMMER, Prefeito Municipal, portador da Cédula de Identidade n° 1.328.011 e inscrito no CPF sob o n° 500.962.909-78, ora denominado ÓRGÃO GERENCIADOR e a empresa JAZIDA AREÃO RECCO EIRELI ME CNPJ/MF n.º 07.964.343/0001-15 estabelecida na Rodovia Tranquilo Sartor, Morro da Fumaça/SC, doravante denominada CONTRATADA, neste ato representada pelo Sr. Hélio Recco, brasileiro, CI 1820940, CPF 070.820.539-91, doravante denominada DETENTORA DA ATA nos termos do artigo 15 da Lei Federal 8.666/93, Lei Federal 10.520/2002, Decreto Municipal 53/2013 e demais normas legais aplicáveis e, considerando o resultado do Pregão Presencial nº. 49/PMF/2017, para REGISTRO DE PREÇOS, segundo as cláusulas e condições a seguir:

quatro) horas contados da notificação da não aceitação, para reposição num prazo máximo de 24 (vinte e quatro) horas, por conta e risco da CONTRATADA. 4. O recebimento provisório ou definitivo não exclui a responsabilidade da CONTRATADA pela perfeita execução do Empenho, ficando a mesma obrigada a substituir, no todo ou em parte, o objeto do empenho, se a qualquer tempo se verificarem vícios defeitos ou incorreções. 5. Nos casos da CONTRATADA não entregar o objeto de acordo com as especificações exigidas ou se negar a fazer a substituição dos produtos ou serviços não aceitos, a pessoa responsável pelo recebimento lavrará termo circunstanciado do fato, que deverá ser encaminhado à autoridade competente, sob pena de responsabilidade. 6. O objeto somente será considerado devidamente aceito após analisado e aprovado pelo órgão competente do Município de Forquilhinha, com base nas exigências previstas no Edital e de acordo com a proposta da CONTRATADA, que independentemente de transcrição fazem parte integrante desta ata de registro de preços. 7. A existência de preços registrados não obriga a administração a firmar as contratações e adquirir os produtos e serviços registrados.

Cláusula Primeira – Do Objeto 1. A presente ATA tem por objetivo estabelecer cláusulas e condições gerais para REGISTRAR PREÇO para aquisição de areão para uso na manutenção das diversas ruas do Município de Forquilhinha/SC, para o período de 12 meses.

Cláusula Quarta – Da Vigência e Revisão de Preços 1. A Ata de Registro de Preços poderá sofrer alterações, obedecidas as disposições contidas no artigo 65 da Lei nº. 8.666/93 e Decreto Municipal 53/2013.

Cláusula Segunda – Dos preços Registrados 1. Os valores unitários dos bens registrados nesta ata são OS CONSTANTES NA PLANILHA EM ANEXO e estão disponíveis no site www.forquilhinha.sc.gov.br

2. O preço registrado poderá ser revisto em decorrência de eventual redução daqueles praticados no mercado, ou de fato que eleve o custo dos serviços ou bens registrados, cabendo ao órgão gerenciador da ata promover as necessárias negociações junto aos fornecedores.

Cláusula Terceira – Do Prazo, Condições e Local de Entrega 1. A DETENTORA DA ATA, quando solicitada pelo setor competente do Município, deverá atender às seguintes exigências: 2. Os produtos serão recebidos junto às dependências da licitante fornecedora e transportados por conta e risco da Prefeitura Municipal de Forquilhinha/SC. 2.1. O prazo de entrega constará expressamente nas requisições que deverá ser rigorosamente cumprido, sob pena de aplicação das penalidades previstas neste contrato. 2.2. O prazo de entrega a ser exigido nas requisições será de 02 (dois) dias úteis. 2.3. Considerar-se-á como início de contagem de tempo para efeito de entrega dos produtos, a data de recebimento das requisições. 2.4. Considerar-se-á entre a prefeitura e licitante fornecedora (local de recebimento) a distância máxima de 40 Km.

3. O prazo de validade da ata de registro de preços será por um período de 12 (doze) meses, contados a partir da data de sua assinatura, podendo ser prorrogada, nos termos da lei vigente, quando a proposta continuar se mostrando mais vantajosa para o Município.

3. O setor competente do município terá o prazo de 24 (vinte e quatro) horas para processar a conferencia dos produtos, lavrando o termo de recebimento definitivo ou notificando a CONTRATADA para substituição do produto em desacordo com as especificações exigidas.

Cláusula Quinta – Da Forma e Condições de Pagamento 1. O pagamento pelos materiais efetivamente fornecidos e aceitos será feito em até 30 (trinta) dias após a data do CERTIFICO na Nota Fiscal/Fatura, através de Ordem Bancária ou na tesouraria da Secretaria de Administração e Finanças do CONTRATANTE. 1.1. A aprovação da Nota Fiscal/Fatura eletrônica se dará mediante o “CERTIFICO” pelo responsável do Município de Forquilhinha, autorizado para o recebimento, devidamente assinado, datado e com aposição do respectivo carimbo funcional, depois de devidamente conferidas as quantidades e valores. 1.2. Na Nota Fiscal/Fatura eletrônica deverá constar necessariamente o número do processo licitatório e o número da Autorização de Fornecimento. 1.3. O prazo de pagamento previsto no item acima, só vencerá em dia de expediente normal, na cidade de Forquilhinha/SC, postergando-se, em caso negativo, para o primeiro dia útil.

3.1. Na hipótese de não aceitação do objeto, o mesmo deverá ser retirado pela CONTRATADA no prazo máximo de 24 (vinte e

3. O CONTRATANTE não efetuará aceite de títulos negociados com terceiros, isentando-se quaisquer consequências surgidas e

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

responsabilizando a CONTRATADA por perdas e danos em decorrência de tais transações. 4. O CONTRATANTE não pagará juros de mora por atraso de pagamento referente a serviços com ausência total ou parcial de documentação hábil ou pendente de cumprimento de quaisquer cláusulas constantes deste contrato. 5. A quantidade dos produtos determinados no cláusula segunda deste contrato, para efeito de pagamento, deverá ser considerada apenas como prevista, não importando em obrigação do Município de Forquilhinha, de autorizar seu fornecimento integral, respeitados os limites de acréscimo e/ou supressão previstos no art. 65, parágrafo 1º, da Lei Nº 8.666, de 21 de Junho de 1993 e alterações subsequentes. Cláusula Sexta – Da Autorização para Aquisição 1. A aquisição do objeto da presente Ata de registro de Preços, será autorizado, em cada caso, pelo Órgão Gerenciador, sendo obrigatório informar ao setor de compras os quantitativos das aquisições. 1.1. A emissão das notas de empenho, sua retificação ou cancelamento, total ou parcial serão, igualmente, autorizados pela mesma autoridade, ou a quem esta delegar a competência para tanto. 1.2. A contratação com os fornecedores registrados, após a indicação pelo órgão gerenciador, do registro de preços, será formalizada por intermédio de emissão de nota de empenho de despesa, autorização de compra ou outro instrumento equivalente, conforme disposto no art. 62 da Lei nº. 8.666/93. Cláusula Sétima – Das Obrigações 1. Do Município: 1.1. Atestar as notas fiscais a efetiva entrega do objeto desta ata; 1.2. Aplicara à DETENTORA DA ATA penalidade, quando for o caso; 1.3. Prestar à DETENTORA DA ATA toda e qualquer informação, por esta solicitada, necessária a perfeita execução do objeto deste instrumento; 1.4. Efetuar o pagamento à detentora da ata no prazo avencado, após a entrega da nota fiscal no setor competente; 1.5. Notificar, por escrito, à detentora da ata da aplicação de qualquer sanção. 2. Da Detentora da Ata: 2.1. Fornecer o objeto de acordo com as especificações contidas nesta ata, bem como no edital e seus anexos; 2.2. Pagar todos os tributos que incidam ou venham a incidir, direta ou indiretamente, sobre os produtos. 2.3. Manter durante a vigência desta ata, as mesmas condições de habilitação exigidas na licitação; 2.4. Fornecer o objeto registrado, no preço, prazo e forma estipulados na proposta, edital e anexos; 2.5. Fornecer os produtos/executar os serviços dentro dos padrões exigidos nesta ata, no edital de licitação e seus anexos. Cláusula Oitava – Das penalidades e Sanções 1. A licitante que deixar de entregar documentação exigida para o certame, apresentar documentação falsa, ensejar o retardamento da execução de seu objeto, não mantiver a proposta, falhar ou fraudar na execução do contrato, comportar-se de modo inidôneo ou cometer fraude fiscal, ficará impedida de licitar e contratar com a Administração Pública, pelo prazo de até cinco anos, enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida a reabilitação perante a própria autoridade que aplicou a penalidade, sem prejuízo das multas previstas neste Edital e no contrato e das demais cominações legais. 2. Em caso de inexecução do contrato, erro de execução, execução imperfeita, mora de execução, inadimplemento contratual ou não veracidade das informações prestadas, a Contratada estará sujeita às seguintes penalidades: ASSINADO DIGITALMENTE

Página 196

I - advertência; II - multas (que poderão ser recolhidas em qualquer agência integrante da Rede Arrecadadora de Receitas Federais, por meio de Documento de Arrecadação de Receitas Federais - DARF, a ser preenchido de acordo com instruções fornecidas pela Contratante): a) de 1% (um por cento) por dia de atraso, calculado sobre o valor global do contrato, limitada a 10% do mesmo valor, entendendo-se como atraso a não entrega equipamento no prazo total compreendido pelo prazo contratual de entrega estabelecido neste instrumento. b) de 5% (cinco por cento) sobre o valor total do contrato, por infração a qualquer cláusula ou condição do contrato, não especificada na alínea “a” deste inciso, aplicada em dobro na reincidência. c) de 5% (cinco por cento) sobre o valor do contrato, pela recusa em corrigir qualquer defeito, caracterizando-se a recusa, caso a correção não se efetivar nos 02 (dois) dias úteis que se seguirem à data da comunicação formal do defeito; d) de 10% (dez por cento) sobre o valor do contrato, no caso de recusa injustificada da licitante adjudicatária em firmar o termo de contrato, no prazo e condições estabelecidas, bem como no caso do produto não serem entregues a partir da data aprazada. 4. No processo de aplicação de penalidades, é assegurado o direito ao contraditório e à ampla defesa, ficando esclarecido que o prazo para apresentação de defesa prévia será de 05 (cinco) dias úteis contados da respectiva intimação. 5. No caso de suspensão do direito de licitar, a licitante deverá ser descredenciada por igual período, sem prejuízo das multas previstas neste Edital e no contrato e das demais cominações legais. 6. O valor das multas aplicadas deverá ser recolhido no prazo de 05 (cinco) dias, a contar da data da notificação. Se o valor da multa não for pago, ou depositado, será automaticamente descontado do pagamento a que a Contratada fizer jus. Em caso de inexistência ou insuficiência de crédito da Contratada, o valor devido será cobrado administrativamente e/ou judicialmente. 7. Da penalidade aplicada caberá recurso por escrito, no prazo de 05 (cinco) dias úteis da notificação, à autoridade superior àquela que aplicou a sanção, ficando sobrestada a mesma até o julgamento do pleito, nos termos do artigo 109, da Lei Nº 8.666/93 e alterações subsequentes. Cláusula Nona – Do Cancelamento da Ata de Registro de Preços 1. A presente Ata de Registro de Preços poderá ser cancelada, de pleno direito pela administração, quando: 1.1. A detentora não cumprir as obrigações constantes desta ata; 1.2. A detentora não retirar qualquer nota de empenho ou instrumento equivalente, no prazo estabelecido pela administração, sem justificativa aceitável; 1.3. A detentora não aceitar reduzir o seu preço registrado, na hipótese de este se tornar superior àqueles praticados no mercado; 1.4. Tiver presentes razões de interesse público devidamente demonstrados e justificados pela administração; 2. O cancelamento do registro, nas hipóteses previstas, assegurado o contraditório e a ampla defesa, será formalizado por despacho da autoridade competente do órgão gerenciador do município. 3. A comunicação do cancelamento do preço registrado será feita por correspondência com aviso de recebimento, juntando-se o comprovante ao processo de administração da presente Ata de registro de Preços. No caso de ser ignorado, incerto ou inacessível o endereço da detentora, a comunicação será feita por publicação em Jornal de Circulação Municipal, considerando-se cancelado o preço registrado a partir da publicação. 4. Pela detentora, quando, mediante solicitação por escrito, www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

comprovar estar impossibilitada de cumprir as exigências desta Ata de Registro de Preços, ou, a juízo da administração, quando comprovada a ocorrência das hipóteses previstas no art. 78, incisos XII a XVI, da Lei Federal 8.666/93 e Alterações. 5. A solicitação da detentora para cancelamento dos preços registrados deverá ser formulada com antecedência de 30 (trinta) dias, facultada à administração a aplicação das penalidades previstas neste instrumento, caso não aceitas as razões do pedido. Cláusula Décima – Da Dotação Orçamentária 1. As despesas decorrentes da presente licitação correrão por conta das dotações orçamentárias dos exercícios correspondentes. Cláusula Décima Primeira – Das Disposições Finais 1. Integra esta Ata de Registro de Preços, o Edital de Pregão Presencial nº. 49/PMF/2017, seus anexos e a proposta da Detentora desta ata. 2. O Sr. Marcio Vieira será o gestor/fiscal desta Ata, sendo dele a competência de fiscalizar os produtos, garantindo a devida execução do objeto. 3. Os casos omissos serão resolvidos de acordo com a Lei Federal 8.666/93, suas alterações, com as disposições da Lei Federal 10.520/2002 e pelo Decreto Municipal nº. 53/2013, no que não colidir as normas aplicáveis. Subsidiariamente, aplicar-se-ão os princípios gerais do direito. Cláusula Décima Segunda Do Foro 1. Elegem as partes contratadas o Foro da Comarca de Forquilhinha, para dirimir todas e quaisquer questões oriundas deste contrato, renunciando expressamente a qualquer outro, por mais privilegiado que seja. 2. E, por assim estarem justas e contratadas, as partes por seus representantes legais assinam o presente feito em 03 (três) vias de igual teor e forma para um só e jurídico efeito, perante as testemunhas abaixo assinadas, a tudo presentes. Forquilhinha/SC, 20 de abril de 2017. MUNICÍPIO DE FORQUILHINHA DIMAS KAMMER Prefeito Municipal JAZIDA DE AREÃO RECCO EIRELI ME Empresa Detentora da Ata Representante Legal: Hélio Recco CPF: 070.820.539-91 Marcio Vieira Administrador da Garagem Municipal Gestor/Fiscal da Ata

AVISO DE LICITAÇÃO: PREGÃO PRESENCIAL Nº. 64/ PMF/2017; AVISO DE LICITAÇÃO REGISTRO DE PREÇO MODALIDADE: Edital Pregão Presencial Nº. 64/PMF/2017;

OBJETIVO: A presente Licitação tem por objetivo REGISTRAR PREÇO para aquisição de utensílios domésticos diversos para uso das diversas secretarias do Município de Forquilhinha/SC, para o período de 12 meses.

Página 197

EDITAL: Completo e demais esclarecimentos poderão ser obtidos de segunda a sexta-feira no Departamento de Compras do Município de Forquilhinha, no Paço Municipal “26 de Abril” Edifício sede da Municipalidade na Avenida 25 de julho, 3400, no horário das 07:00 as 13:00 horas, ou por e-mail: [email protected] br ou http://www.forquilhinha.sc.gov.br/ Forquilhinha, 20 de abril de 2017. ERIKA DE LUCA TISCOSKI BACK Pregoeira

EXTRATO DE CONTRATO FMS 12/2017

EXTRATO DE CONTRATO FMS Nº. 12/2017 CONTRATANTE – MUNICÍPIO DE FORQUILHINHA CONTRADADO – FUFA-SC DIST. HOSP. LTDA OBJETO – contratação de pessoa jurídica especializada para aquisição de Medicamentos, para uso nas unidades da rede municipal de saúde do município de FORQUILHINHA/SC. VALOR – R$ 1.980,00 (hum mil novecentos e oitenta reais). VIGÊNCIA – 31/07/2017 DOTAÇÃO – 1701.2055 – fonte de recurso 3390.68; 1701.2055 – fonte de recurso 3390.696 e 1701.2055 – fonte de recurso 3390.743. FUNDAMENTO LEGAL – Lei Federal 8.666/93 e Pregão Presencial nº. 01/FMS/2017 DATA DA ASSINATURA – 09 de fevereiro de 2017. DIMAS KAMMER Prefeito Municipal

EXTRATO DE CONTRATO FMS 21/2017

EXTRATO DE CONTRATO FMS Nº. 21/2017 CONTRATANTE – MUNICÍPIO DE FORQUILHINHA CONTRADADO – METROMED COM. MAT. MED. HOSP. LTDA OBJETO – aquisição de material médico cirúrgico e material odontológico, para atendimento as unidades da rede municipal de saúde de Forquilhinha/SC. VALOR – R$ 1.607,70 (hum mil seiscentos e sete reais e setenta centavos). VIGÊNCIA – 31/07/2017 DOTAÇÃO – 1701.2050 fonte de recurso 3390.73; 1701.2050 fonte de recurso 3390.696; 1701.2052 fonte de recurso 3390.740; 1701.2057 fonte de recurso 3390.742; 1701.2058 fonte de recurso 3390.740; 1701.2062 fonte de recurso 3390.696; 1701.2062 fonte de recurso 3390.745. FUNDAMENTO LEGAL – Lei Federal 8.666/93 e Pregão Presencial nº. 02/FMS/2017 DATA DA ASSINATURA – 16 de fevereiro de 2017. DIMAS KAMMER Prefeito Municipal

DATA DE ABERTURA: Dia 22 de maio de 2017 às 08:30 horas. ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 198

Fraiburgo Prefeitura AVISO DE FRACASSO DO PREGÃO PRESENCIAL Nº 0007-FMS AVISO DE FRACASSO Pregão Presencial nº 0007/2017 – FMS MUNICÍPIO DE FRAIBURGO – SC

A Secretária Municipal de Saúde de Fraiburgo torna público que a licitação com numeração mencionada acima, cujo objeto é a contratação de empresa do ramo para o fornecimento de materiais e serviços para a instalação de antenas e receptores de sinal digital de TV nas unidades de saúde, CAPS e UPA 24 h do município de Fraiburgo, incluindo manutenções preventivas e corretivas restou FRACASSADA em razão de que o valor proposto pela única proponente interessada não ter alcançado o valor médio da pré-cotação. Fraiburgo (SC), 20 de abril de 2017. Idione Fantinel – Secretária Municipal de Saúde

CONVITE AUDIENCIA PÚBLICA CMDCA - 2017 PREFEITURA MUNICIPAL DE FRAIBURGO Edital de Audiência Pública

A PREFEITA MUNICIPAL DE FRAIBURGO, ESTADO DE SANTA CATARINA, no uso de suas atribuições legais, junto com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Fraiburgo – CMDCA, em atendimento às disposições constatantes nas Resoluções n.º 161 de 2013 e n.º 171 de 2014, do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente – CONANDA, convoca AUDIÊNCIA PÚBLICA para apresentação e apreciação da minuta do PLANO DECENAL DOS DIREITOS HUMANOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE FRAIBURGO PARA O DECÊNIO 2017/2027, elaborada pela Comissão do Plano Decenal dos Direitos Humanos da Criança e do Adolescente do município de Fraiburgo. A Audiência Pública será realizada no dia 27 de abril de 2017, com início às 8h30m e previsão de encerramento 11h, no Auditório da Prefeitura Municipal de Fraiburgo, Avenida Rio das Antas, nº 185 – Centro.

4 – Durante a audiência pública será mantido no recinto, para livre consulta dos presentes, um exemplar do documento base, como o seu teor apresentado ao público; E, para conhecimento público é expedido o presente Edital de Convocação. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. Claudete Ghelher Mathias

DECRETO Nº 111-2017

DECRETO Nº 111, DE 20 DE ABRIL DE 2017. DISPÕE SOBRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, Estado de Santa Catarina no uso de suas atribuições legais; em conformidade com a Lei 2348 de 01 de Dezembro de 2016; DECRETA: Art.1º. Fica aberto no orçamento do Município de Fraiburgo, crédito adicional suplementar para o exercício de 2017, no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), nas seguintes dotações orçamentárias: 02.00 – Gabinete do Prefeito 02.02 – Fundo Municipal dos direitos Difusos – FMDD 04.122.0002.2.003 – Manutenção do Fundo Municipal de Defesa dos Direitos Difusos - FMDD 3.3.90.00.00 – Aplicações Diretas 0.3.0213 (201)

R$ 5.000,00

TOTAL

R$ 5.000,00

Art. 2º. Os recursos necessários para atendimento ao disposto no artigo 1º deste Decreto correrão à conta da anulação das seguintes dotações orçamentárias: 02.00 – Gabinete do Prefeito 02.02 – Fundo Municipal dos direitos Difusos – FMDD

A participação na Audiência Pública obedecerá às seguintes regras:

04.122.0002.2.003 – Manutenção do Fundo Municipal de Defesa dos Direitos Difusos - FMDD

1 – Audiências públicas são eventos públicos que permitem a participação de qualquer pessoa ou entidade interessada no assunto objeto da discussão;

4.4.90.00.00 – Aplicações Diretas 0.3.0213 (203)

R$ 5.000,00

TOTAL

R$ 5.000,00

2 – A minuta sobre a qual se realizará as discussões está dividida em cinco eixos temáticos, nos quais estão relacionadas ações, metas e estratégias, a saber: Eixo Eixo Eixo Eixo Eixo

1 2 3 4 5

– – – – –

Promoção dos Direitos das Crianças e Adolescentes; Proteção e Defesa dos Direitos; Participação de Crianças e Adolescentes; Controle Social da Efetivação dos Direitos; Gestão da Politíca;

3 – Nesta Audiência Pública será facultada aos participantes a realização de sugestões e comentários por escrito. As sugestões e comentários por escrito serão ilimitadas e serão realizadas no local da Audiência Púbilca. A análise das sugestões e comentários por escrito será feita posteriormente pela Comissão instituída pela Resolução n.004/2016. ASSINADO DIGITALMENTE

Art. 3º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. GABINETE DA PREFEITA. FRAIBURGO, 20 DE ABRIL DE 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 199

DECRETO Nº 112-2017

DECRETO Nº 112, DE 20 DE ABRIL DE 2017. DISPÕE SOBRE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR.

domingos e feriados, estando os mesmos cientes que o custeio ficará integralmente por conta dos recursos próprios do Município, não havendo financiamento federal, conforme ATA Nº 005/2017.

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, Estado de Santa Catarina no uso de suas atribuições legais; em conformidade com os artigos 14 e 17 da Lei 2348 de 01 de dezembro de 2016.

Fraiburgo (SC), 19 de abril de 2017. Idione Fantinel Presidente do Conselho Municipal de Saúde

DECRETA: Art.1º. Fica aberto no orçamento do Município de Fraiburgo para o exercício de 2017 crédito adicional suplementar no valor de R$ 125.000,00 (cento e vinte e cinco mil reais), nas seguintes dotações:

EDITAL LOTES VAGOS CEMITÉRIO 2017

08.00 – Secretaria de Saúde 08.01 – Fundo Municipal de Saúde 10.301.0014.1.016 – Aquisição de Veículos para a Secretaria de Saúde 4.4.90.00.00 – Aplicações Diretas 0.3.0400 (123)

R$

125.000,00

Total

R$

125.000,00

Art. 2º. Os recursos necessários para atendimento ao disposto no artigo 1º deste Decreto, correrá à conta do Superávit Financeiro apurado no Balanço Consolidado do Município de Fraiburgo do exercício de 2016, por origem de recurso, em conformidade com o artigo 43, § 1º; inciso I da Lei 4.320/64 e Prejulgado TCE nº. 1794/06. Art. 3º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. GABINETE DA PREFEITA. FRAIBURGO, 20 DE ABRIL DE 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

DELIBERAÇÃO CMS 009 DELIBERAÇÃO 009/CMS/2017

O Conselho Municipal de Saúde de Fraiburgo/SC, no uso de suas atribuições legais, previstas na Lei Municipal Nº 2290 de 29 de abril de 2015, em reunião extraordinária realizada no dia 19 de abril de 2017, no auditório da Unidade de Saúde Vila Salete, APROVOU, por unanimidade, o Plano de Ação da Vigilância Sanitária – 2017/2019, conforme ATA Nº 005/2017. Fraiburgo (SC), 19 de abril de 2017. Idione Fantinel Presidente do Conselho Municipal de Saúde

DELIBERAÇÃO CMS 010

EDITAL Nº 0018/2017

O MUNICÍPIO DE FRAIBURGO, pessoa jurídica de direito público, regularmente inscrita no CNPJ sob nº 82.947.979/0001-74, com sede na Av. Rio das Antas nº 185, bairro Centro, através de sua Prefeita Municipal Sra. CLAUDETE GHELLER MATHIAS, NOTIFICA : Todos os cessionários de lotes insertos no espaço público do Cemitério Municipal, especialmente os abaixo nominados, nos termos do que dispõe o Decreto Municipal nº 110 de 13 de abril de 2017, de que estará disponível, mediante requerimento, os valores relativos aos títulos de perpetuidade, os quais serão devidamente corrigidos e ressarcidos aos respectivos titulares e/ou sucessores. Para efeito de convalidação das disposições do referido Decreto, ficam notificados os cessionários dos seguintes lotes: IDENTIFICAÇÃO DOS CESSIONÁRIOS RESPONSÁVEIS QUALOTE RESPONSÁVEL DRA 01 28 JOSÉ ITACIL KLIN 01 35 LUIZ CARLOS HANKE 02 12 MARTINA GUILHERMINA DOS SANTOS 02 19 CÉLIO PASSINI 02 20 02 33 02 40 02 45 02 48 OLINDA RIBEIRO 03 23 03 35 WILMAR KADES 03 41 JANETE ROSANE DO AMARAL TORRES 04 09 04 15 WANDERLEI FERREIRA MATOS 04 34 04 44 AUGUSTINHO FACCIONE 04 46 EDIRSON LUIZ TROMBETA 05 05 THERESINHA BALESTRIN 05 08 IZABETE LAMP 05 18 IVONIR ANTONIO GRAZZIOTIN 05 31 VILMAR GROSS

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS PREFEITA MUNICIPAL JOÃO CARLOS PADILHA SECRETÁRIO DE FINANÇAS

DELIBERAÇÃO 010/CMS/2017

O Conselho Municipal de Saúde de Fraiburgo/SC, no uso de suas atribuições legais, previstas na Lei Municipal Nº 2290 de 29 de abril de 2015, em reunião extraordinária realizada no dia 19 de abril de 2017, no auditório da Unidade de Saúde Vila Salete, APROVOU, por unanimidade, o horário de funcionamento da UPA de 12 (doze) horas diárias, todos os dias da semana, incluindo sábados,

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 200

PORTARIA Nº 13352017

PORTARIA Nº 13372017

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 187/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 187/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Em conformidade com o Edital nº 0029 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 021/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Em conformidade com o Edital nº 0029 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 019/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Considerando que está por 20 horas semanais em vaga excedente;

Considerando que está por 32 horas semanais em vaga excedente;

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de BIANCA SABRINA PINHEIRO, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 106.392.859-10, contratada em caráter temporário na função de PROFESSOR – ENSINO FUNDAMENTAL – EDUCAÇÃO FÍSICA, com carga horária de 20 horas semanais, no período de 29 de abril de 2017 até 15 de dezembro de 2017.

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de THAIARA RAFAELA JUSTTI DOS SANTOS, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 077.751.96904, contratada em caráter temporário na função de PROFESSOR – ENSINO FUNDAMENTAL - ARTES, com carga horária de 32 horas semanais, no período de 29 de abril de 2017 até 15 de dezembro de 2017.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 1335, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

PORTARIA Nº 13362017

PORTARIA Nº 1336, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 187/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0029 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 020/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que está por 20 horas semanais em vaga excedente;

PORTARIA Nº 1337, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

PORTARIA Nº 13382017

PORTARIA Nº 1338, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 187/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0029 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 018/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que está por 40 horas semanais em vaga excedente;

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de DANIEL PEDROSO GODOY, brasileiro, solteiro, inscrito no CPF sob o n.º 085.690.179-28, contratado em caráter temporário na função de PROFESSOR – EDUCAÇÃO FÍSICA - DANÇA, com carga horária de 20 horas semanais, no período de 06 de maio de 2017 até 15 de dezembro de 2017.

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de GISLEI SAGAIS ZORNITTA, brasileira, casada, inscrita no CPF sob o n.º 052.530.299-90, contratada em caráter temporário na função de PROFESSOR – ENSINO FUNDAMENTAL – EDUCAÇÃO FÍSICA, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 29 de abril de 2017 até 31 de dezembro de 2017.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

PORTARIA Nº 13392017

PORTARIA Nº 1339, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 187/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Página 201

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13412017

PORTARIA Nº 1341, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

Em conformidade com o Edital nº 0029 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 017/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Considerando que está por 40 horas semanais em vaga excedente;

Em conformidade com o Edital nº 0027 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 066/2017, da Secretaria de Administração e Planejamento;

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de DANIEL LIMA DE ALBUQUERQUE, brasileiro, solteiro, inscrito no CPF sob o n.º 096.397.969-80, contratado em caráter temporário na função de PROFESSOR – ENSINO FUNDAMENTAL – EDUCAÇÃO FÍSICA, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 29 de abril de 2017 até 31 de dezembro de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13402017

PORTARIA Nº 1340, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0027 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 066/2017, da Secretaria de Administração e Planejamento; Considerando que estará substituindo por 20 horas semanais, o servidor Ademir Vicente Franco de Souza Junior, que teve seu contrato encerrado; Considerando que estará por 20 horas semanais, em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de ALISON PAULO ZUCCO, brasileiro, solteiro, inscrito no CPF sob o n.º 045.314.019-05, contratado em caráter temporário na função de ENGENHEIRO CIVIL, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ASSINADO DIGITALMENTE

Considerando que estará substituindo por 20 horas semanais, o servidor Jan Marcel Gomes Martins, que teve seu contrato encerrado; Considerando que estará por 20 horas semanais, em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de JOSUÉ FABIANO MELO, brasileiro, solteiro, inscrito no CPF sob o n.º 066.211.759-06, contratado em caráter temporário na função de ENGENHEIRO CIVIL, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13422017

PORTARIA Nº 1342, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0026 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 33/2017, da Fundação Municipal de Esportes e Laser - FME; Considerando que estará por 40 horas semanais, em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de PEDRO JOSÉ FERREIRA, brasileiro, divorciado, inscrito no CPF sob o n.º 461.153.909-15, contratado em caráter temporário na função de MOTORISTA, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13432017

PORTARIA Nº 1343, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 187/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0029 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0958/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 20 horas semanais, em vaga excedente; Considerando que estará substituindo por 20 horas semanais a professora Milene Everling Boeira, a qual assumiu a Coordenação Pedagógica na EBM Santo Antonio; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de MARINÊZ DA ROSA, brasileira, divorciada, inscrita no CPF sob o n.º 034.719.879-16, contratada em caráter temporário na função de PROFESSOR – ENSINO FUNDAMENTAL – ANOS INICIAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 06 de maio de 2017 até 01 de agosto de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13442017

PORTARIA Nº 1344, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 187/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Página 202

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de TERESINHA APARECIDA LEMOS, brasileira, divorciada, inscrita no CPF sob o n.º 751.377.049-20, contratada em caráter temporário na função de PROFESSOR – ENSINO FUNDAMENTAL – ANOS INICIAIS, com carga horária de 20 horas semanais, no período de 04 de maio de 2017 até 01 de agosto de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13452017

PORTARIA Nº 1345, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 187/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0029 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0979/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará substituindo por 40 horas o professor Mauricio Vicente Bartolomeu, que se encontra em Auxilio Doença; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de PATRÍCIA APARECIDA DOMINGUES DOS SANTOS TIBES, brasileira, casada, inscrita no CPF sob o n.º 081.360.009-05, contratada em caráter temporário na função de PROFESSOR – ENSINO FUNDAMENTAL – EDUCAÇÃO FÍSICA, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 22 de abril de 2017 até 11 de maio de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13462017

PORTARIA Nº 1346, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

Em conformidade com o Edital nº 0029 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0959/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Considerando que estará por 20 horas semanais, em vaga excedente;

Em conformidade com o Edital nº 0020 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0999/2017, da Secretaria de Educação, Cultura

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

e Esportes; Considerando que estará por 20 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de SIMONE CONTE, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 009.445.189-31, contratada em caráter temporário na função de PSICÓLOGO, com carga horária de 20 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13472017

PORTARIA Nº 1347, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0020 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 1000/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de ELISANGELA APARECIDA JAEGER, brasileira, convivente em união estável, inscrita no CPF sob o n.º 946.803.969-20, contratada em caráter temporário na função de PSICÓLOGO, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13482017

PORTARIA Nº 1348, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0020 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação ASSINADO DIGITALMENTE

Página 203

interna nº 0953/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de HEIDE APARECIDA DE BARROS, brasileira, divorciada, inscrita no CPF sob o n.º 063.352.009-88, contratada em caráter temporário na função de PSICÓLOGO, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13492017

PORTARIA Nº 1349, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0026 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0996/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de JEAN PAULO DE OLIVEIRA, brasileiro, solteiro, inscrito no CPF sob o n.º 990.604.699-68, contratado em caráter temporário na função de MOTORISTA, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13502017

PORTARIA Nº 1350, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0026 de 08 de novembro de www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0997/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de EVERALDO ALVES FERREIRA, brasileiro, solteiro, inscrito no CPF sob o n.º 000.181.959-38, contratado em caráter temporário na função de MOTORISTA, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13512017

PORTARIA Nº 1351, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0026 de 08 de novembro de 2016 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0998/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de ALOIR RICHTER, brasileiro, casado, inscrito no CPF sob o n.º 022.434.739-09, contratado em caráter temporário na função de MOTORISTA, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

Página 204

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0994/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará substituindo por 40 horas semanais a servidora Solange de Fatima Gomes de Oliveira, que foi transferida para o CEM São Sebastião; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de IOLANDA HELENA MACHADO, brasileira, casada, inscrita no CPF sob o n.º 494.671.409-00, contratada em caráter temporário na função de AUXILIAR DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13532017

PORTARIA Nº 1353, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0988/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de MARIA DE FATIMA MACHADO SALDANHA, brasileira, casada, inscrita no CPF sob o n.º 915.144.53915, contratada em caráter temporário na função de AUXILIAR DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

PORTARIA Nº 13522017

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 1352, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 205

PORTARIA Nº 13542017

PORTARIA Nº 13562017

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0992/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0995/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Considerando que estará substituindo por 40 horas semanais a servidora Heliane Becker, que pediu rescisão contratual;

Considerando que estará substituindo por 40 horas semanais a servidora Marilda Fatima Rosa, que teve rescisão contratual;

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de ELISIANE APARECIDA KELLER VIEIRA, brasileira, casada, inscrita no CPF sob o n.º 028.272.949-66, contratada em caráter temporário na função de AUXILIAR DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017.

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de JUCELENE MENDES DE BORBA RIBEIRO, brasileira, casada, inscrita no CPF sob o n.º 003.377.50955, contratada em caráter temporário na função de AUXILIAR DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 1354, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

PORTARIA Nº 13552017

PORTARIA Nº 1355, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0993/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de ANDREIA CARDOSO, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 049.869.159-40, contratada em caráter temporário na função de AUXILIAR DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA Nº 1356, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

PORTARIA Nº 13572017

PORTARIA Nº 1357, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0956/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará substituindo por 40 horas semanais a servidora Cristiane Zaggo, que se encontra em Auxílio Doença; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de RAIANE RIBEIRO, brasileira, convivente em união estável, inscrita no CPF sob o n.º 085.359.719-71, contratada em caráter temporário na função de AUXILIAR DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 206

PORTARIA Nº 13582017

PORTARIA Nº 13602017

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0957/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0982/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Considerando que estará substituindo por 40 horas semanais a servidora Cristiane Rodrigues de Andrade, que foi cedida para o Batalhão do Bombeiro Militar de Fraiburgo;;

Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente;

PORTARIA Nº 1358, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de CLAUDIA OHANNA ALVES DUARTE, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 093.523.049-18, contratada em caráter temporário na função de AUXILIAR DE ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de maio de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 1360, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de IVONETE TEREZINHA PAGANINI, brasileira, divorciada, inscrita no CPF sob o n.º 693.497.709-20, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13592017

PORTARIA Nº 13612017

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0981/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0983/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente;

Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente;

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de MARIA ELIZETE WALTER, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 020.185.059-12, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017.

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de SABRINA APARECIDA CAMPOS DE LIMA, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 094.901.359-50, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 1359, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA Nº 1361, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 207

PORTARIA Nº 13622017

PORTARIA Nº 13642017

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0984/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0986/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Considerando que estará substituindo por 40 horas semanais a servidora Edna Aparecida de Meira, a qual foi transferida para a EM Carlos Gomes;

Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente;

PORTARIA Nº 1362, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de MIRIAM CRISTINA CORREA DE JESUS, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 049.383.32930, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13632017

PORTARIA Nº 1363, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0985/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de REGIANE MELO, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 036.770.379-30, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA Nº 1364, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de ANDRÉA RIBEIRO DA ROSA, brasileira, convivente em união estável, inscrita no CPF sob o n.º 077.214.729-97, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13652017

PORTARIA Nº 1365, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0987/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de ÈRICA PAULA MENEGAT ZINI, brasileira, casada, inscrita no CPF sob o n.º 107.345.169-08, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 208

PORTARIA Nº 13662017

PORTARIA Nº 13682017

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0989/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0954/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes;

Considerando que estará por substituindo por 40 horas semanais a servidora Francieli Campolim, que foi transferida para o CEI Santo Antonio;

Considerando que estará por substituindo por 40 horas semanais a servidora Roseli Gonçalves Cordeiro, a qual encontra-se em Auxílio Doença;

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de FRANCINALDA RODRIGUES CIRINO, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 033.367.929-67, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017.

RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de DANIELLA CATANEO, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 091.519.449-01, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017.

PORTARIA Nº 1366, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13672017

PORTARIA Nº 1367, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0990/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por substituindo por 40 horas semanais a servidora Ana Catarina de Melo de Oliveira, que foi transferida para o CEM Antonio Porto Burda; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de FRANCIÉLI TAVARES, brasileira, solteira, inscrita no CPF sob o n.º 042.245.479-61, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento ASSINADO DIGITALMENTE

PORTARIA Nº 1368, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento

PORTARIA Nº 13692017

PORTARIA Nº 1369, DE 20 DE ABRIL DE 2017. Dispõe sobre a prorrogação de contrato por prazo determinado. A Prefeita Municipal de Fraiburgo, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Artigo 37 da Constituição Federal; e em conformidade com a Lei Municipal n.º 186/2016 de 03 de novembro de 2016 e alterações posteriores; Em conformidade com o Edital nº 0008 de 14 de fevereiro de 2017 e Contrato Administrativo; e em conformidade com a comunicação interna nº 0955/2017, da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes; Considerando que estará por 40 horas semanais em vaga excedente; RESOLVE: Art. 1º Prorrogar o contrato de ROSELI DE FATIMA BERNARDINO DA SILVA COLDEBELLA, brasileira, casada, inscrita no CPF sob o n.º 690.295.399-68, contratada em caráter temporário na função de AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS, com carga horária de 40 horas semanais, no período de 01 de maio de 2017 até 31 de julho de 2017. Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário. Fraiburgo, 20 de abril de 2017. CLAUDETE GHELLER MATHIAS Prefeita Municipal ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Secretário de Administração e Planejamento www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 209

Frei Rogério Prefeitura DECRETO Nº 874/2017 CANCELA O CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2016 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS DECRETO Nº 874/2017, DE 20 DE ABRIL DE 2017. CANCELA O CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2016 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS

JAIR DA SILVA RIBEIRO, Prefeito do Município de Frei Rogério, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o Art. 87, incisos VI e VII, “a” da Lei Orgânica Municipal, art. 24, “caput” da Lei Complementar 023/2007 e art. 18 da Instrução normativa 14/2012 do TCE. DECRETA: Art. 1º - Fica cancelado em todos os seus efeitos o concurso Público/Edital nº 001/2016, o qual estava sob a realização e execução da empresa Infinity Assessoria Pedagógica Ltda, empresa esta sob investigação por cometer atos que comprometem sua lisura e transparência, requisitos essenciais para a realização dos concursos Públicos do Município (notícia veiculada na portaria 116/2016 neste Município). Art. 2º - Após a devolução dos valores recebidos indevidamente pela empresa já notificada e acima nominada, identifique-se os candidatos que eventualmente pagaram as inscrições e proceda-se imediatamente a devolução dos respectivos valores. , Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogando as disposições em contrário. Frei Rogério, (SC), 20 de abril de 2017. JAIR DA SILVA RIBEIRO Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 210

Galvão Prefeitura PROCESSO DE LICITAÇÃO 027/2017

EXTRATO DE EDITAL O MUNICIPIO DE GALVÃO, Estado de Santa Catarina e o FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL COMUNICA que estará recebendo proposta referente ao Processo Licitatório nº 027/2017, Edital de Pregão Presencial – Sistema de Registro de Preço FMAS 003/2016, tipo menor preço por item até às 09h:00min. do dia 04 de maio de 2017, e fará abertura das mesmas às 09h15min do mesmo dia, sendo que constitui-se o objeto da presente licitação AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS, MATERIAIS DE LIMPEZA O PROJETO CONSTRUINDO O AMANHÃ (PCA) MUNICIPIO DE GALVÃO PARA O ANO DE 2017, conforme descrito no Edital. O fundamento legal é a Lei 10.520/2002 e subsidiariamente a Lei 8.666/93 de 21/06/93, consolidada e legislação aplicável. A integra do Edital e demais documentos poderão ser obtidos junto a sede do município com a Comissão de Licitação do Município, sito á Avenida Sete de Setembro nº 548, na cidade de Galvão – SC, telefone (49) 3342 1111 ou pelo site: www.galvao.sc.gov.br Galvão - SC, 20 de abril de 2017. Admir Edi Dalla Cort Prefeito Municipal

PROCESSO DE LICITAÇÃO 028/2017

MUNICIPIO DE GALVÃO – SC - EXTRATO DE EDITAL O MUNICIPIO DE GALVÃO, Estado de Santa Catarina COMUNICA que estará recebendo proposta referente ao Processo Licitatório nº 028/2017, Edital de Dispensa FMAS 001/2017, até às 09 horas do dia 26 de abril de 2017, e fará abertura das mesmas às 09h15min do mesmo dia, sendo que constitui-se o objeto da presente chamada pública para PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE SONORIZAÇÃO PARA O GRUPO DE IDOSOS DO CENTRO FREI BARNABÉ, conforme especificações constantes no Edital, para o exercício de 2017. Conforme especificações constantes no Edital, para o exercício de 2017. O fundamento legal é a Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 Art. 24 inciso II e suas alterações posteriores, demais legislação vigente e por este Edital. A integra do Edital e demais documentos poderão ser obtidos junto a sede do município com a Comissão de Licitação do Município, sito á Avenida Sete de Setembro n.548, na cidade de Galvão –SC, telefone (49) 3342 1111 ou pelo site: www.galvao.sc.gov.br., telefone (49) 3342 1111 ou pelo site: www.galvao.sc.gov.br. Galvão - SC, 20 de abril de 2017. Admir Edi Dalla Cort Prefeito Municipal

PROCESSO DE LICITAÇÃO 029/2017

MUNICIPIO DE GALVÃO – SC - EXTRATO DE EDITAL O MUNICIPIO DE GALVÃO, Estado de Santa Catarina COMUNICA que estará recebendo proposta referente ao Processo Licitatório nº 029/2017, Edital de Dispensa 005/2017, até às 14:00 horas do dia 27 de abril de 2017, e fará abertura das mesmas às 14h15min do mesmo dia, sendo que constitui-se o objeto da presente chamada pública para PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE FORNECIMENTO DE SERVIÇOS DE IMPRESSÕES , conforme especificações constantes no Edital, para o exercício de 2017. Conforme especificações constantes no Edital, para o exercício de 2017. O fundamento legal é a Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 Art. 24 inciso II e suas alterações posteriores, demais legislação vigente e por este Edital. A integra do Edital e demais documentos poderão ser obtidos junto a sede do município com a Comissão de Licitação do Município, sito á Avenida Sete de Setembro n.548, na cidade de Galvão –SC, telefone (49) 3342 1111 ou pelo site: www. galvao.sc.gov.br. Galvão - SC, 20 de abril de 2017. Admir Edi Dalla Cort Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 211

Garopaba Prefeitura AVISO INEXIGIBILIDADE 009/2017

DE

LICITAÇÃO



AVISO INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO O Município de Garopaba, através da Prefeitura Municipal de Garopaba, com sede à Praça Governador Ivo Silveira, nº. 296, Centro, Garopaba/SC, torna público que, de acordo com o CAPUT, do artigo 25, da Lei nº. 8.666/93, de 21 de junho de 1993 e suas posteriores alterações, contratou por INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO: Processo nº. 040/2017; IL n°. 09/2017; Contratada: Mistério Café Danceteria Ltda; CNPJ: 10.259.995/0001-63; Objeto: Locação de stand da Prefeitura Municipal de Garopaba na 18ª festival Nacional do Camarão que acontecerá nos dias 20 à 23 de Abril de 2017 na cidade de Imbituba - SC; Valor: R$10.000,00 (Dez mil reais) Data da Assinatura: 18/04/2017

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 211/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 211/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: CRISTIANE DOS SANTOS ABREU Objetivo: PROFESSOR COM LICENCIATURA 40 HORAS Valor: R$ 2.384,97 (dois mil trezentos e oitenta e quatro reais com noventa e sete centavos) mensais Vigência: De 27/03/2017 até 27/09/2017, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 212/2017

DECRETO Nº 065, DE 20 DE ABRIL DE 2017

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 212/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: OTAIR SILVEIRA CORREIA Objetivo: MOTORISTA CAMINHÃO/AUTOMÓVEL/ONIBUS Valor: R$ 1.327,02 (um mil trezentos e vinte sete reais com dois centavos) mensais Vigência: De 27/03/2017 até 27/09/2017, prorrogável conforme legislação vigente

PAULO SÉRGIO DE ARAÚJO, Prefeito Municipal de Garopaba, em conjunto com a Presidente do Conselho Municipal de Saúde, no uso de suas atribuições e, considerando a necessidade de avaliar e propor diretrizes para a implementação da Política de Saúde das Mulheres no Município;

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 213/2017

DECRETO N.º 065, DE 20 DE ABRIL DE 2017. ALTERA O DECRETO N.º 054 DE 29 DE MARÇO DE 2017, QUE “DISPÕE SOBRE A CONVOCAÇÃO DA 1ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE DAS MULHERES” E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Considerando a Resolução nº 32, de 19 de abril de 2017 do Conselho Municipal de Saúde;

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 213/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: ANAISA KLAMT Objetivo: PROFESSOR COM HABILITAÇÃO 40 HORAS Valor: R$ 2.293,25 (dois mil duzentos e noventa e tres reais com vinte e cinco centavos) mensais Vigência: De 27/03/2017 até 27/09/2017, prorrogável conforme legislação vigente

DECRETA: Art. 1º. O artigo 1º do Decreto nº 054/2017, passa a vigorar com a seguinte redação:

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 214/2017

Considerando que no presente ano será realizada a 2ª Conferência Nacional de Saúde das Mulheres e para tanto será necessário a realização das etapas municipais e estaduais;

Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 3º - Ficam revogadas as disposições em contrário.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 214/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: JEAN GARCIA DOS SANTOS Objetivo: PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA 40 HORAS Valor: R$ 2.384,97 (dois mil trezentos e oitenta e quatro reais com noventa e sete centavos) mensais Vigência: De 27/03/2017 até 27/09/2017, prorrogável conforme legislação vigente

Garopaba, 20 de abril de 2017. PAULO SÉRGIO DE ARAUJO Prefeito Municipal

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 215/2017

Art. 1º - Fica convocada a 1ª Conferência Municipal de Saúde das Mulheres, a realizar-se em Garopaba, no dia 03 de maio de 2017, com início às 08h30m e término às 18h00minh, no Salão da Igreja Matriz de Garopaba, situado na Rua Lauro Severiano Muller, nº 330 Centro – Garopaba SC.

Publicado o presente Decreto no DOM/SC em 24/04/2017, de acordo com a Lei Municipal nº. 1.326 de 10/08/2009. HONORATO TIMOTEO PACHECO Secretário de Administração

ASSINADO DIGITALMENTE

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 215/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: DEBORA PIRES CUSTODIO Objetivo: PROFESSOR COM HABILITAÇÃO 40 HORAS Valor: R$ 2.293,25 (dois mil duzentos e noventa e tres reais com vinte e cinco centavos) mensais Vigência: De 27/03/2017 até 27/09/2017, prorrogável conforme legislação vigente www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 212

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 216/2017

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 221/2017.

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 217/2017

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 222/2017.

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 218/2017

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 223/2017.

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 219/2017

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 224/2017.

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 220/2017.

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 225/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 216/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: DANIEL MARCELINO RABELLO Objetivo: PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA 40 HORAS Valor: R$ 2.384,97 (dois mil trezentos e oitenta e quatro reais com noventa e sete centavos) mensais Vigência: De 27/03/2017 até 27/09/2017, prorrogável conforme legislação vigente

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 217/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: FABIULA RODRIGUES GARCIA Objetivo: TÉCNICO DE ENFERMAGEM Valor: R$ 1.200,64 (um mil duzentos reais com sessenta e quatro centavos) mensais Vigência: De 01/04/2017 até 01/10/2017, prorrogável conforme legislação vigente

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 218/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: PRISCILA DA COSTA SILVA Objetivo: PROFESSOR COM HABILITAÇÃO 40 HORAS Valor: R$ 2.293,25 (dois mil duzentos e noventa e tres reais com vinte e cinco centavos) mensais Vigência: De 03/04/2017 até 03/10/2017, prorrogável conforme legislação vigente

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 219/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: BRUNO LIMA DE MORAES Objetivo: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE Valor: R$ 1.208,25 (um mil duzentos e oito reais com vinte e cinco centavos) mensais Vigência: De 03/04/2017 até 03/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 220/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: MARCELO DE LIMA SANTOS Objetivo: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE Valor: R$ 1.208,25 (um mil duzentos e oito reais com vinte e cinco centavos) mensais Vigência: De 03/04/2017 até 03/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

ASSINADO DIGITALMENTE

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 221/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: MARINA DE NADAL DOS SANTOS Objetivo: PSICOLOGO - CAPS Valor: R$ 2.131,24 (dois mil cento e trinta e um reais com vinte e quatro centavos) mensais Vigência: De 04/04/2017 até 04/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 222/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: EDUARDO MOIOLI Objetivo: MÉDICO CARDIOLOGISTA Valor: R$ 6.152,99 (seis mil cento e cinquenta e dois reais com noventa e nove centavos) mensais Vigência: De 06/04/2017 até 06/10/2017, prorrogável conforme legislação vigente

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 223/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: JULIA BRAGA MORAIS Objetivo: MÉDICO VETERINÁRIO - NASF Valor: R$ 2.131,24 (dois mil cento e trinta e um reais com vinte e quatro centavos) mensais Vigência: De 10/04/2017 até 10/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 224/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: ELIETE SERAFINI Objetivo: PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA 40 HORAS Valor: R$ 2.384,97 (dois mil trezentos e oitenta e quatro reais com noventa e sete centavos) mensais Vigência: De 07/04/2017 até 07/10/2017, prorrogável conforme legislação vigente

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 225/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: LEIDNA CAUMO GRAPILIA Objetivo: ODONTOLOGO ESF Valor: R$ 4.217,27 (quatro mil duzentos e dezesete reais com vinte e sete centavos) mensais Vigência: De 10/04/2017 até 10/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 226/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 226/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: FABIANA CUSTÓDIO Objetivo: PROFESSOR COM LICENCIATURA 40 HORAS Valor: R$ 2.384,97 (dois mil trezentos e oitenta e quatro reais com noventa e sete centavos) mensais Vigência: De 17/04/2017 até 17/10/2017, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 227/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 227/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: LENI SANTOS DE LIMA Objetivo: AUXILIAR DE SAÚDE BUCAL - ESF Valor: R$ 957,81 (novecentos e cinquenta e sete reais com oitenta e um centavos) mensais Vigência: De 10/04/2017 até 10/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 228/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 228/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: MÉYVONE MARIA CARDOSO Objetivo: SERVENTE Valor: R$ 957,81 (novecentos e cinquenta e sete reais e oitenta e um centavos) mensais Vigência: De 10/04/2017 até 10/10/2017, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 229/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 229/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: LIDIANE SILVEIRA DOMINGOS DA SILVA Objetivo: TÉCNICO DE ENFERMAGEM Valor: R$ 1.200,64 (um mil duzentos reais com sessenta e quatro centavos) mensais Vigência: De 13/04/2017 até 13/10/2017, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 230/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 230/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: ALESSANDRA HOFMANN ALLET Objetivo: TÉCNICO DE ENFERMAGEM Valor: R$ 1.200,64 (um mil duzentos reais com sessenta e quatro centavos) mensais Vigência: De 13/04/2017 até 13/10/2017, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 231/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 231/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: MARCOS PEREIRA RODRIGUES Objetivo: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE Valor: R$ 1.208,25 (um mil duzentos e oito reais com vinte e cinco centavos) mensais

ASSINADO DIGITALMENTE

Página 213

Vigência: De 17/04/2017 até 17/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 232/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 232/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: ARIELLA DE PAULO PATRICIO Objetivo: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE Valor: R$ 1.208,25 (um mil duzentos e oito reais com vinte e cinco centavos) mensais Vigência: De 17/04/2017 até 17/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 233/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 233/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: PAULA ELIAS DE SOUZA Objetivo: ENFERMEIRO ESF Valor: R$ 2.605,84 (dois mil seiscentos e cinco reais com oitenta e quatro centavos) mensais Vigência: De 18/04/2017 até 18/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 234/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 234/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: ANA MARIA VON HOONHOLTZ Objetivo: PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA 30 HORAS Valor: R$ 1.788,72 (um mil setecenteos e oitenta e oito reais com setenta e dois centavos) mensais Vigência: De 19/04/2017 até 19/10/2017, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 235/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 235/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: ROSANA ALVES DOS SANTOS Objetivo: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE Valor: R$ 1.208,25 (um mil duzentos e oito reais com vinte e cinco centavos) mensais Vigência: De 24/04/2017 até 24/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 236/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 236/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: ANDRESSA SOARES SEER DE OLIVEIRA Objetivo: ENFERMEIRO ESF Valor: R$ 2.605,84 (dois mil seiscentos e cinco reais com oitenta e quatro centavos) mensais Vigência: De 24/04/2017 até 24/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 237/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 237/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: SIMONE BACIQUET PISTORELLO Objetivo: ENFERMEIRO ESF Valor: R$ 2.605,84 (dois mil seiscentos e cinco reais com oitenta e quatro centavos) mensais Vigência: De 24/04/2017 até 24/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 238/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 238/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: GABRIELA WALTER DA LUZ Objetivo: ODONTOLOGO ESF Valor: R$ 4.217,27 (quatro mil duzentos e dezesete reais com vinte e sete centavos) mensais Vigência: De 24/04/2017 até 24/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 239/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 239/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: MARIANA DE SOUZA ALVES Objetivo: ODONTOLOGO ESF Valor: R$ 4.217,27 (quatro mil duzentos e dezesete reais com vinte e sete centavos) mensais Vigência: De 24/04/2017 até 24/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

EXTRATO DE CONTRATO DE TRABALHO 240/2017.

Extrato de Contrato de Trabalho por Prazo Determinado nº. 240/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE GAROPABA Contratado: ELIZA SOUZA DA ROSA Objetivo: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE Valor: R$ 1.208,25 (um mil duzentos e oito reais com vinte e cinco centavos) mensais Vigência: De 24/04/2017 até 24/10/2018, prorrogável conforme legislação vigente

Página 214

(Requerida). Relator: JEAN NASCIMENTO PACHECO 1027025612015(6548-2013) – Reexame Necessário – Recorrente: Autoridade Julgador de Primeira Instância. Participantes: ROSA FLAT POUSADA LTDA ME (Requerente); Secretaria Municipal de Fazenda (Requerida). Relator: DANIELA MARIA DOS SANTOS 10270025692015(6696-2013) – Reexame Necessário – Recorrente: Autoridade Julgador de Primeira Instância. Participantes: ANGEL WALTER GADAN (Requerente); Secretaria Municipal de Fazenda (Requerida). Relator: DANIELA MARIA DOS SANTOS 10270021932017(5416-2016) – Reexame Necessário – Recorrente: Autoridade Julgador de Primeira Instância. Participantes: AURINO VENTURA DA ROSA (Requerente); Secretaria Municipal de Fazenda (Requerida). Relator: GRAZIELA SANTOS 10270052172016(7015-2014) – Reexame Necessário – Recorrente: Autoridade Julgador de Primeira Instância. Participantes: IZOLETE DOS SANTOS BARBOSA (Requerente); Secretaria Municipal de Fazenda (Requerida). Relator: GRAZIELA SANTOS Garopaba, 19 de abril de 2017. Emanuele Barcellos Candido Secretária-Geral da JARF

PORTARIA N.º 455/2017

PORTARIA N.º 455, DE 20 DE ABRIL DE 2017. REVOGA A PORTARIA N.º 444/2017, DE 18 DE ABRIL DE 2017, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. PAULO SÉRGIO DE ARAÚJO, Prefeito do Município de Garopaba, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, Estatuto dos Servidores Públicos do Município de Garopaba e demais legislação vigente, RESOLVE, Art. 1º. REVOGAR a Portaria n°. 444, de 18 de abril de 2017, que NOMEIA a Servidora ROSIMERE DA SILVEIRA, CPF nº 069.086.96901, para o cargo comissionado de ASSESSOR ADMINISTRATIVO da Secretaria Municipal de Educação e Cultura. Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data da sua publicação. Art. 3º. Revogam-se as disposições em contrário. Garopaba, 20 de abril de 2017. PAULO SÉRGIO DE ARAÚJO Prefeito Municipal Publicada a presente Portaria no DOM/SC em 24/04/2017, de acordo com a Lei Municipal nº. 1.326 de 10/08/2009.

RESOLUÇÃO Nº 032/2017 CMS PAUTA DE JULGAMENTO Nº 05/2017

JUNTA ADMINISTRATIVA DE RECURSOS FISCAIS PAUTA DE JULGAMENTO Nº 005/2017 De ordem do Ilustríssimo Senhor Bacharel Jean Nascimento Pacheco, Presidente da JUNTA ADMINISTRATIVA DE RECURSOS FISCAIS, sito à Praça Gov. Ivo Silveira, nº 296, bairro Centro, Garopaba/SC, faço saber a quem interessar possa que, no dia 26 do mês de abril de 2017 (26/04/2017), às 9h, em sessão ordinária, serão julgados na Sala de Sessões, os recursos referentes aos seguintes processos: 10270061262016(5779-2015) – Reexame Necessário – Recorrente: Autoridade Julgador de Primeira Instância. Participantes: IVANO DA SILVA LOBO (Requerente); Secretaria Municipal de Fazenda

ASSINADO DIGITALMENTE

CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE GAROPABA LEI MUNICIPAL Nº 1.690 DE 28/12/2012 Resolução nº 32, de 19 de abril de 2017. Dispõe sobre a aprovação “ad referendum” do Conselho Municipal de Saúde de Garopaba, da alteração da data de realização da 1ª Conferência Municipal de Saúde das Mulheres para dia 03 de maio no Salão da Igreja Matriz de Garopaba. A Presidente do Conselho Municipal de Saúde de Garopaba, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o que estabelece o Regimento Interno do Conselho, Resolve aprovar “ad referendum” do Conselho Municipal de Saúde de Garopaba a alteração da data de realização da 1ª Conferência Municipal de Saúde das Mulheres para dia 03 de maio no Salão da Igreja Matriz de Garopaba. A presente resolução entrará em vigor na data de sua publicação. www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 215

Garopaba, 19 de abril de 2017. ELSITA THORSTENBERG ANDRADE Presidente do Conselho Municipal de Saúde

VII - Mobilizar e estabelecer diálogos com a sociedade brasileira acerca do direito das mulheres à saúde e em defesa do SUS, parão enfrentamento da violência institucional;

Publicada a presente Resolução no DOM/SC em 24/04/2017, de acordo com a Lei Municipal nº. 1.326 de 10/08/2009.

VIII - Fortalecer as políticas afirmativas para as mulheres que garantam seus direitos civis, políticos, econômicos e sociais;

REGIMENTO INTERNO 1ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE DAS MULHERES DE GAROPABA SC

IX - Aprofundar o debate sobre as reformas necessárias à democratização do Estado, em especial as que incidem sobre a saúde das mulheres;

1ª CMSMu/Garopaba - SC

X - Fortalecer a participação e o controle social no SUS, com ampla representação da sociedade;

O Plenário do Conselho Municipal de Saúde de Garopaba - SC, em sua Reunião nº 23 realizada no dia 10 de março de 2017, no uso de suas competências regimentais e atribuições conferidas pela Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990, pela Lei nº 8.142, de 28 de dezembro de 1990, e pelo Decreto nº 5.839, de 11 de julho de 2016, e em consonância com a Resolução nº 537, de 19 de setembro de 2016, e com sua Resolução nº 538, de 10 de novembro de 2016, ambas publicadas pelo Conselho Nacional de Saúde com o objetivo de estabelecer as regras para a 2ª Conferência Nacional de Saúde das Mulheres – 2ª CNSMu, resolve: Aprovar o Regimento Interno da 1ª Conferência Municipal de Saúde das Mulheres de Garopaba, e estabelecer as diretrizes para a realização desta etapa preparatória as etapas estadual e nacional. CAPITULO I DA NATUREZA E FINALIDADE Art.1º - Este Regimento define as regras de funcionamento da 1ª CMSMu/Garopaba - SC, convocada pelo Decreto nº 054 de 29 de março de 2017 a ser publicado posterior à aprovação desse Regimento.

XI - Avaliar a situação de saúde, elaborar propostas a partir das necessidades de saúde e participar da construção das diretrizes de forma ascendente nos planos municipais, estaduais e nacional de saúde; XII - Aprofundar o debate sobre as reformas necessárias à democratização do Estado, em especial as que incidem sobre o setor saúde municipais. CAPÍTULO II DO TEMA Art. 3º - Nos termos deste Regimento, a 1ª CMSMu/Garopaba - SC, terá como tema central: “Implementação da Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Mulheres” § 1º - Os eixos temáticos da 1ª. CMSMu/Garopaba - SC serão: I – o papel do Estado no desenvolvimento socioeconômico e ambiental e seus reflexos na vida e na saúde das mulheres;

Parágrafo Único – A 1ª CMSMu/Garopaba - SC corresponde à etapa Municipal da 1ª CESMu/Garopaba - SC.

II – O mundo do trabalho e suas conseqüências na vida e na saúde das mulheres;

CAPÍTULO II DOS OBJETIVOS

III – Vulnerabilidades e equidade na vida e na saúde das mulheres, e

Art. 2º - A 1ª CMSMu/Garopaba - SC, convocada pelo Decreto nº 054 de 29 de março de 2017 do Prefeito Municipal, tem por objetivos:

IV – Políticas públicas para as mulheres e a participação social.

I - Propor diretrizes para a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Mulheres; II - Reafirmar, impulsionar e efetivar os princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde - SUS, para garantir a saúde como direito humano, a sua universalidade, integralidade e equidade do SUS, com base em políticas que reduzam as desigualdades sociais e territoriais, conforme previsto na Constituição Federal de 1988, e nas Leis nº 8.080, de 19 de setembro de 1990, e nº 8.142, de 28 de dezembro de 1990; III - Mobilizar e estabelecer diálogos com a sociedade municipal acerca do direito à saúde e em defesa do SUS; IV - Discutir a responsabilidade dos entes federados sobre o financiamento e a gestão de políticas públicas com impacto na saúde das mulheres; V - Desenvolver estratégias de enfrentamento ao machismo, ao sexismo e à misoginia, por meio de políticas públicas; VI - Aprofundar o debate sobre o impacto na saúde das mulheres da divisão sexual do trabalho, das condições, do salário e da jornada; ASSINADO DIGITALMENTE

§ 2º - O eixo será discutido em painel central e mesa redonda, com coordenação, secretaria e a participação de expositores, indicados pela Comissão Organizadora, assegurando o debate com os delegados e convidados. CAPÍTULO III ETAPAS DA ETAPA MUNICIPAL Art. 4º- A 1ª CMSMu/Garopaba - SC, será realizadas no dia 03 de maio de 2017, em período integral, com início às 08h30min cumprindo a Etapa Municipal da 2ª CNSMu. Art. 5º- A Etapa Municipal da 1ª CMSMu/Garopaba - SC, com base em Documento Orientador e sem prejuízo de outros debates, tem o objetivo de analisar as prioridades locais de saúde, formular propostas para o fortalecimento dos programas e ações de implementação da Política Nacional de Atenção Integral da Saúde das Mulheres no âmbito dos Municípios, dos Estados e da União, e elaborar Relatório Final, nos prazos previstos por este Regimento. § 1º- A divulgação da Etapa Municipal será ampla e a participação aberta a todas e todos, com direito a voz. Terão direito a voto somente os delegados inscritos pelas entidades representativas.

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

§ 2º- As propostas e diretrizes que incidirão sobre as políticas de saúde nas esferas Estadual e Nacional serão destacadas no Relatório Final da Etapa Municipal. § 3º- O Relatório Final da Etapa Municipal, bem como, a lista de delegadas (os) eleitos nesta etapa, serão de responsabilidade da Comissão Organizadora e deverão ser enviados à Comissão Organizadora da Etapa Estadual até o dia 20 de maio de 2017. Art. 6º - Na Conferência Municipal serão eleitas (os) as Delegadas (os) que participarão da Conferência Estadual, de forma paritária, conforme a Resolução do Conselho Nacional nº 453/2012. CAPÍTULO IV DAS INSTÂNCIAS DE DECISÃO Art. 7º - Serão consideradas como instâncias deliberativas da 1ª CMSMu/Garopaba - SC, I - Grupos de Trabalho; II - Plenária Final. § 1º - Os Grupos de Trabalho serão compostos paritariamente, com participação dos convidados, estes proporcionalmente divididos em relação ao seu número total de participantes. § 2º - Os Grupos de Trabalho serão realizados simultaneamente, para discutir, propor e votar os conteúdos que irão compor o Relatório Consolidado. I - O Relatório Consolidado composto por até 10 propostas aglutinadas por similaridade e condensadas por eixo temático será lido e votado por grupos de trabalho; II - Cada grupo de trabalho terá a responsabilidade de ler e votar as propostas iniciado por um eixo temático previamente definido pela Comissão Organizadora; III - As propostas elencadas nas diretrizes que obtiverem 70% (setenta por cento) ou mais dos votos, em cada grupo de trabalho, nos quais foram apreciadas farão parte do Relatório Final da 1ª CMSMu/Garopaba - SC; IV – Para apreciação na Plenária Final, as propostas elencadas nas diretrizes constantes do Relatório Consolidado, destacadas nos grupos de trabalho, deverão ter a aprovação de, no mínimo, 50% + 1 (cinqüenta por cento mais um) para irem à votação da plenária para compor o Relatório Final; V - Os grupos de trabalho terão mesas paritárias, com coordenação indicada pela coordenação geral e secretaria, que será escolhida pelo grupo; § 3º - A Plenária Final tem por objetivo debater, aprovar ou rejeitar propostas provenientes do Relatório Consolidado dos Grupos de Trabalho, bem como as moções. CAPÍTULO V DA ESTRUTURA E COMPOSIÇÃO DA COMISSÃO ORGANIZADORA Art. 8º - A Comissão Organizadora da 1ª CMSMu/Garopaba - SC terá a seguinte estrutura: I - Coordenador (a) Geral; II - Secretário (a) Geral; III - Relator (a) Geral;

ASSINADO DIGITALMENTE

Página 216

IV- Coordenador (a) de Secretaria. § 1º - A Comissão Organizadora poderá indicar pessoas e representantes de entidades com contribuição significativa na área, para integrarem a estrutura de coordenação como apoiadores. Art. 9º - A Comissão Organizadora será designada por meio de portaria específica do Prefeito Municipal. CAPITULO VI DAS ATRIBUIÇÕES Art. 10 - A Comissão Organizadora da 1ª CMSMu/Garopaba - SC tem as seguintes atribuições: I - Encaminhar a realização da 1ª CMSMu/Garopaba - SC, atendendo às deliberações do Conselho Municipal de Saúde e da Secretaria Municipal de Saúde; II - Propor ao Conselho Municipal de Saúde e à Secretaria Municipal de Saúde: - O temário e os eixos temáticos da 1ª CMSMu/Garopaba - SC; - O método de realização da 1ª CMSMu/Garopaba - SC e da consolidação do relatório; - Os nomes dos expositores da mesa redonda e do painel central; - A elaboração do roteiro de orientação para os expositores da mesa redonda. III - Acompanhar a disponibilidade e organização da infraestrutura, inclusive, do orçamento para a etapa municipal; IV- Elaborar o regulamento, e apresentá-lo ao Conselho Municipal de Saúde em reunião ordinária; V - Encaminhar o Relatório Final da 1ª CMSMu/Garopaba - SC ao Conselho Municipal de Saúde; VI - Realizar o julgamento dos recursos relativos aos credenciamentos de delegados; VII - Discutir e deliberar sobre todas as questões julgadas pertinentes acerca da 1ª CMSMu/Garopaba - SC e não previstas nos itens anteriores, submetendo-as ao Conselho Municipal de Saúde. Art. 11 – Ao Coordenador (a) Geral cabe: I - Convocar as reuniões da Comissão Organizadora; II - Coordenar as reuniões e as atividades da Comissão Organizadora; III - Supervisionar todo o processo de organização da 1ª CMSMu/ Garopaba - SC. Art. 12 – Ao Secretário (a) Geral cabe: I - Propor condições de infraestrutura necessárias à realização 1ª CMSMu/Garopaba - SC, referentes ao local, equipamentos e instalações, audiovisuais, reprografia, comunicações, hospedagem,transporte, alimentação e outras; II - Avaliar, juntamente com a Comissão Organizadora, a prestação de contas de todos os recursos destinados à realização da 1ª CMSMu/Garopaba – SC; III - Propor os meios de acessibilidade, com vistas a incluir pessoas com deficiência e outras necessidades especiais, asseguradas condições para sua efetiva participação, nos termos do Manual de Acessibilidade da CISPD/CNS; www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 217

IV - Organizar a pauta das reuniões da Comissão Organizadora;

de saúde;

V - Participar das reuniões do Comitê Executivo;

III - 25% serão representantes de gestores e prestadores de serviços de saúde.

VI - Organizar e manter arquivo dos documentos recebidos e cópias dos documentos encaminhados em função da realização da 1ª CMSMu/Garopaba - SC; VII - Encaminhar os documentos produzidos pela Comissão Organizadora da 1ª CMSMu/Garopaba - SC para providências; VIII - Acompanhar a elaboração do regulamento da 1ª CMSMu/ Garopaba - SC pela Comissão Organizadora.

Art. 16 - Serão delegados para a 1ª CESMu/Garopaba - SC os delegados eleitos na etapa municipal cujo quantitativo tem por base a população estimada em 2014 pelo IBGE, e que corresponde a 4 delegados. I - Das (os) delegadas (os) eleitas (os) nesta etapa, 80% serão mulheres.

Art. 13 - Ao Relator (a) Geral cabe: I - Coordenar a Relatoria da etapa municipal;

Art. 17 - Os Conselheiros titulares e suplentes do Conselho Municipal de Saúde de Garopaba são delegados natos para participarem da etapa da 1ª CMSMu/Garopaba - SC.

II - Acompanhar a elaboração do Regulamento da 1ª. CMSMu/ Garopaba - SC e suas alterações;

Art. 18 - Serão convidados para a 1ª CMSMu/Garopaba - SC: I - Representantes de órgãos, entidades, instituições municipais;

III - Estimular o encaminhamento, em tempo hábil, dos relatórios da Conferência Municipal de Saúde à Comissão Organizadora da 1ª CESMu/Garopaba - SC;

II- Personalidades municipais, com atuação de relevância na área de saúde e setores afins;

IV - Coordenar o processo de trabalho dos relatores; V - Coordenar a elaboração dos consolidados dos grupos de trabalho; VI - Coordenar a elaboração e a organização das moções, aprovadas na Plenária Final, no Relatório Final da 1ª CMSMu/Garopaba - SC;

III- Movimentos Sociais. Art. 19 - Os participantes com deficiências e/ou patologias deverão fazer o registro na ficha de inscrição da 1ª CMSMu/Garopaba - SC, para que sejam providenciadas as condições necessárias à sua participação. CAPÍTULO XIII DOS RECURSOS FINANCEIROS

VII - Coordenar a elaboração do Relatório Final da 1ª CMSMu/Garopaba - SC a ser apresentado ao Conselho Estadual de Saúde e à Secretaria de Estado da Saúde.

Art. 20 - As despesas com a realização da 1ª CMSMu/Garopaba - SC serão custeadas pela Secretaria Municipal de Saúde/Fundo Municipal de Saúde.

Art. 14 – Ao Coordenador (a) de Secretaria cabe:

CAPÍTULO IX DISPOSIÇÕES GERAIS

I - Orientar quanto ao processo de inscrição dos delegados à Etapa Estadual; II - Organizar e manter arquivo dos documentos RECEBIDOS relativos à inscrição de delegados; III - Supervisionar o processo de credenciamento dos inscritos na 1ª CMSMu/Garopaba SC;

Art. 21 - Os casos omissos neste Regimento serão resolvidos pela Comissão Organizadora da 1ª. CMSMu/Garopaba - SC. ELSITA THORSTENBERG DE ANDRADE Presidente do Conselho Municipal de Saúde

IV - Solucionar os problemas que surgirem no ato do credenciamento; V - Distribuir e organizar os Grupos de Trabalho; VI - Emitir certificados aos participantes da 1ª CMSMu/Garopaba - SC. CAPÍTULO VII DOS PARTICIPANTES Art. 15 - A 1ª CMSMu/Garopaba - SC nos termos do § 4°, do art. 1°, da Lei n° 8.142, de 28 de dezembro de 1990, e nos termos da Resolução do Conselho Nacional nº 453/2012, do Conselho Nacional de Saúde - CNS, a representação de delegados dos usuários na 1ª CMSMu/Garopaba - SC será paritária em relação ao conjunto dos representantes do governo, prestadores de serviços e profissionais de saúde, sendo assim configurada a participação: I - 50% dos participantes serão representantes dos usuários; II - 25% dos participantes serão representantes dos profissionais ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 218

Garuva Prefeitura AVISO DE LICITAÇÃO FMS Nº 004/2017

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE GARUVA SETOR DE LICITAÇÕES E COMPRAS AVISO DE LICITAÇÃO Processo Licitatório FMS nº 004/2017 – Licitação FMS 003/2017 Modalidade: Pregão Presencial – Registro de Preços Tipo de julgamento: Menor Preço por item Objeto: Registro de preços para aquisição de medicamentos, com entrega de forma parcelada, para suprir as necessidades das Unidades de Saúde da Família e Unidade de Pronto Atendimento do município. Credenciamento, Entrega e Abertura dos Envelopes: 08/05/2017 as 09:00 horas. A fase de lances verbais ocorrerá logo após. O Edital completo está disponível para consulta e retirada no site www.garuva.sc.gov.br. GARUVA, 18 de abril de 2017. Rodrigo Adriany David Prefeito Municipal

DECRETO 107/2017

DECRETO Nº 107, DE 18 DE ABRIL DE 2017 “DISPÕE SOBRE A NOMEAÇÃO DOS MEMBROS DO CONSELHO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO”. RODRIGO ADRIANY DAVID, Prefeito Municipal de Garuva, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Complementar nº 80 de 05 de dezembro de 2014, DECRETA: Art. 1º - Ficam designados os cidadãos relacionados abaixo, para comporem o Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico, com mandato até abril de 2019: I - Representantes da Administração Municipal: a) Representante da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico: Titular: Clinton Luiz Severiano Suplente: Carla Lizete Ramos b) Representante da Secretaria Municipal de Meio Ambiente: Titular: Márcio Ricardo Herpich Suplente: Thobias Lemke c) Representante da Secretaria Municipal de Estratégias Rurais: Titular: Plotino de Bitencourt Suplente: Adamastor Saad Benedet Junior d) Representante da Secretaria Municipal de Obras: Titular: Iolando de Assis Suplente: Celso Stonoga II - Representantes da comunidade: a) Representante da Associação Comercial, Industrial de Garuva (ACIG): Titular: Marcio Dumke Suplente: Adolar Umlauf b) Representante do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Estado de Santa Catarina (SEBRAE/SC): Titular: Jaime Arcino Dias Junior Suplente: Milena Zimermann de Freitas c) Representante do Conselho Regional de Contabilidade (CRC): Titular: Mayco Ricardo Rohrbacher Suplente: João Roberto Justiniano de Souza d) Representante do Sindicato dos Produtores Rurais de Garuva: Titular: Ronald Roeder Suplente: Roque Link e) Representante da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB: Titular: Álvaro Carlos Meyer Suplente: Éder Junior dos Santos

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 219

Art. 2º - A Comissão será presidida pelo Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, nos termos do art. 5º §1º da Lei Complementar nº 80/2014, na falta deste pelo diretor da pasta. Art. 3º - Este decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário, em especial o Decreto n° 043/2015. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

PORTARIA 057/2017

PORTARIA Nº. 057, de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO HORIZONTAL DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009. RESOLVE: ART. 1O. - Fica aprovada a lista nominal de progressão horizontal por avaliação positiva, anexa a esta portaria. ART. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta competência. ART. 3O. - Esta Portaria entrará em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal ANEXO 1 DA PORTARIA 057/2017 LISTAGEM NOMINAL DE ENQUADRAMENTO CONFORME ANEXOS I, II III E V DA LEI COMPLEMENTAR 045/09 DE 15/10/2009. SERVIDOR

CARREIRA

Classe

AFONSO ALBRECHT

OPERACIONAL I

CASSIA REGIANE DA CRUZ

OPERACIONAL I

CIBELE RODRIGUEZ

Referência Inicial

Final

I

G

H

I

A

B

PROFESSOR

III

A

B

CLAUDETE TEREZINHA V. FELDHAUS

OPERACIONAL I

I

A

B

DILSE GOMES FURTADO

OPERACIONAL I

I

I

J

EDSON JAIR BACK

APOIO

I

G

H

ELISABETE MOTA PEREIRA

OPERACIONAL I

II

M

N

EVANIA PEREIRA

ESPECIALISTA SUPERIOR

PLENO

A

B

EVERLI BORBA AVANZI

OPERACIONAL I

II

G

H

ILDA MARIA DA CONCEIÇÃO

OPERACIONAL I

I

N

O

IRACI MACIEL DE OLIVEIRA

OPERACIONAL

I

F

G

IRACI SCHULTZ NOVAES

OPERACIONAL I

I

D

E

IVANILDA HEIN

OPERACIONAL

I

P

Q

IVONE HATTENHAUER

OPERACIONAL I

I

L

M

IZAQUEU MATOS

OPERACIONAL I

I

G

H

JONATAS LEMOS

ADMINISTRATIVO I

I

M

N

LIDIA SUTIL DE OLIVEIRA

OPERACIONAL I

II

A

B

LUIZ HENRIQUE DA SILVA

PROFESSOR

III

N

O

MARIA BERNADETE DOS SANTOS

OPERACIONAL I

I

M

N

MARIA DE LOURDES PAKUZEWSKI

TÉCNICO

I

H

I

MARIA JOSE LISBOA FARIAS

OPERACIONAL I

II

M

N

MARILZA LEANDRO DE CASTRO

OPERACIONAL I

I

P

Q

MARLENE TEREZINHA AMARAL

PROFESSOR

III

M

N

MARTA RIBEIRO DA LUZ

AUXILIAR

I

C

D

RENATO DISSENHA

ADMINISTRATIVO II

II

M

N

ROSELI DE FATIMA GOMES BARBOSA

OPERACIONAL I

I

O

P

TAIANA ARAUJO FERNANDES

ESPECIALISTA SUPERIOR

PLENO

A

B

THIAGO FRANCISCO BACKES

ESPECIALISTA SUPERIOR

JUNIOR

A

B

VALDIVIA NOECI GARCIA PEREIRA

OPERACIONAL I

I

M

N

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 220

PORTARIA 058/2017

PORTARIA Nº. 058, de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO HORIZONTAL DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009. RESOLVE: ART. 1O. - Fica aprovada a lista nominal de progressão horizontal, por avaliação positiva e por qualificação profissional, anexa a esta portaria. ART. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta competência. ART. 3O. - Esta Portaria entrará em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal ANEXO 1 DA PORTARIA 058/2017 LISTAGEM NOMINAL DE ENQUADRAMENTO CONFORME ANEXOS I, II III E V DA LEI COMPLEMENTAR 045/09 DE 15/10/2009. Referência

SERVIDOR

CARREIRA

Classe

Inicial

Final

ADRIANA SCHMIDT FLOR

PROFESSOR

III

G

I

ADRIANO DIERSCHNABEL

PROFESSOR

III

A

C

ELIANE FIEDLER

PROFESSOR

III

K

M

GRAZIELE VIEIRA MAES

TECNICO

I

F

H

IDELINA PIACESKI

PROFESSOR

III

J

L

JESSICA MARCELLA CORREA

ADMINISTRATIVO II

II

E

G

JONAS MOTA DA SILVA

PROFESSOR

III

A

C

LUCIANY ELIZA MIRANDA PISKE BOEING

PROFESSOR

III

I

K

MARCIA VALERIA PEDROSO

PROFESSOR

III

A

C

MILEIDY SCHEFFEN

PROFESSOR

III

O

Q

ROSE DA SILVA SÁ

PROFESSOR

III

G

I

ROSILDA ELI SAMPAIO

PROFESSOR

III

H

J

SANDRA FOCK

PROFESSOR

III

F

H

SIONETE JEANE KRUTZSCH SALES

EDUCADOR

III

J

L

SOLANGE APARECIDA MOTA

PROFESSOR

III

A

C

VILMA SIMON

EDUCADOR

III

J

L

PORTARIA 059/2017

PORTARIA Nº. 59 de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO VERTICAL DE SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL, POR NÍVEL DE FORMAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” CONSIDERANDO, Processo n.º 1358/2017; O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009 RESOLVE: Art. 1O. - Aprovar a progressão vertical por nível de formação, da servidora SUELEN CARVALHEIRO DOS SANTOS. PARAGRAFO ÚNICO - A servidora fica enquadrada na Carreira Operacional II, Classe II, referência “B”. Art. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta competência. Art. 3O. - Esta Portaria entra em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

PORTARIA 060/2017

PORTARIA Nº. 60 de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO VERTICAL DE SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL, POR NÍVEL DE FORMAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” CONSIDERANDO, Processo n.º 1303/2017; O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009 RESOLVE: Art. 1O. - Aprovar a progressão vertical por nível de formação, do servidor THOBIAS LEMKE. PARAGRAFO ÚNICO - O servidor fica enquadrado na Carreira Especialista Superior, Classe Pleno, referência “A”. Art. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta competência. Art. 3O. - Esta Portaria entra em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

PORTARIA 061/2017

PORTARIA Nº. 61 de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO VERTICAL DE SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL, POR NÍVEL DE FORMAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” CONSIDERANDO, Processo n.º 1284/2017; O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009 RESOLVE: Art. 1O. - Aprovar a progressão vertical por nível de formação, da servidora IRACI MACIEL DE OLIVEIRA. PARAGRAFO ÚNICO - A servidora fica enquadrada na Carreira Operacional I, II, referência “G”. Art. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta competência. Art. 3O. - Esta Portaria entra em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

PORTARIA 062/2017

PORTARIA Nº. 62 de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO VERTICAL DE SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL, POR NÍVEL DE FORMAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” CONSIDERANDO, Processo n.º 1292/2017; O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI

ASSINADO DIGITALMENTE

Página 221

MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009 RESOLVE: Art. 1O. - Aprovar a progressão vertical por nível de formação, da servidora ROSANA SALVADOR. PARAGRAFO ÚNICO - A servidora fica enquadrada na Carreira Operacional I, Classe II, referência “A”. Art. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta competência. Art. 3O. - Esta Portaria entra em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

PORTARIA 063/2017

PORTARIA Nº. 63 de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO VERTICAL DE SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL, POR NÍVEL DE FORMAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” CONSIDERANDO, Processo n.º 1351/2017; O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009 RESOLVE: Art. 1O. - Aprovar a progressão vertical por nível de formação, da servidora IVETE HENS DAMBROS. PARAGRAFO ÚNICO - A servidora fica enquadrada na Carreira Operacional I, Classe II, referência “A”. Art. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta competência. Art. 3O. - Esta Portaria entra em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

PORTARIA 064/2017

PORTARIA Nº. 64 de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO VERTICAL DE SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL, POR NÍVEL DE FORMAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” CONSIDERANDO, Processo n.º 1286/2017; O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009 RESOLVE: Art. 1O. - Aprovar a progressão vertical por nível de formação, da servidora JOSILENE PEREIRA AQUINO DO NASCIMENTO. PARAGRAFO ÚNICO - A servidora fica enquadrada na Carreira Operacional I, Classe II, referência “A”. Art. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 222

PORTARIA 067/2017

competência. Art. 3O. - Esta Portaria entra em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

PORTARIA 065/2017

PORTARIA Nº. 65 de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO VERTICAL DE SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL, POR NÍVEL DE FORMAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” CONSIDERANDO, Processo n.º 1208/2017; O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009 RESOLVE: Art. 1O. - Aprovar a progressão vertical por nível de formação, da servidora SUZANA REGINA TEIXEIRA. PARAGRAFO ÚNICO - A servidora fica enquadrada na Carreira Professor, Classe III, referência “A”. Art. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta competência. Art. 3O. - Esta Portaria entra em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

PORTARIA 066/2017

PORTARIA Nº. 66 de 17 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE PROGRESSÃO VERTICAL DE SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL, POR NÍVEL DE FORMAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.” CONSIDERANDO, Processo n.º 1366/2017; O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E COM BASE NA LEI MUNICIPAL COMPLEMENTAR Nº 045/2009 DE 15 DE OUTUBRO DE 2009 RESOLVE: Art. 1O. - Aprovar a progressão vertical por nível de formação, da servidora ROSIANE DE OLIVEIRA MIRANDA. PARAGRAFO ÚNICO - A servidora fica enquadrada na Carreira Operacional I, Classe II, referência “A”. Art. 2O. - As vantagens financeiras decorrentes do enquadramento mencionado no artigo anterior são devidas a partir desta competência. Art. 3O. - Esta Portaria entra em vigor a contar de 17 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

PORTARIA Nº. 67 de 18 de abril de 2017 “DETERMINA A ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO, DESIGNA COMISSÃO EXAMINADORA, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”. O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, Considerando, o Ofício SMS nº 114/2017 da Secretaria Municipal de Saúde; RESOLVE: Art. 1O. – Determinar a abertura do Processo Seletivo Simplificado para provimento em caráter temporário, relacionados no Edital 004/2017. Art. 2O. – Criar a Comissão para realização do Processo Seletivo Simplificado, a qual ficará responsável por organizar, planejar, coordenar e acompanhar todas as etapas da execução do mencionado processo. Art. 3O. – A comissão será composta pelos servidores públicos municipais: Isabela Aragão Pereira, Renan Marcus de Santana e Adryel Pabst, sendo presidida pelo primeiro. Art. 4O - Competirá a comissão: I – Elaborar os editais; II – Receber e homologar inscrições; III – Classificar os candidatos atribuindo a respectiva pontuação; IV – Homologar a seleção; V – Apreciar e julgar recursos; VI – Decidir com base na Lei Municipal sobre pontos omissos do edital; VII –Elaborar e corrigir as provas; VIII – Avaliar títulos; IX –Exercer demais atos necessários a execução completa do Processo. Parágrafo único – A critério da comissão poderá ser contratado profissional capacitado para proceder a elaboração e correção das provas. Art. 5O. – Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

PORTARIA 068/2017

PORTARIA Nº 68 de 19 de abril de 2017 “DISPÕE SOBRE A CONCESSÃO DE LICENÇA POR MOTIVO DE DOENÇA NA FAMÍLIA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”. CONSIDERANDO, Processo nº 1363/2017, CONSIDERANDO, parecer da Assistente Social, CONSIDERANDO, parecer da Secretaria Municipal de Educação, O PREFEITO MUNICIPAL DE GARUVA, ESTADO DE SANTA CATARINA, USANDO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS, E LEIS MUNICIPAIS COMPLEMENTARES, 01/98 DE 02/03/98, CAPÍTULO IV, SEÇÃO II, E ALTERAÇÕES; RESOLVE: Art. 1o. Conceder licença por motivo de doença na família, pelo período de 02 (dois) meses à servidora pública municipal IRACI SCHULTZ DE NOAVES, ocupante do cargo de Auxiliar de Serviços Gerais. Art. 2o. Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos a partir de 03 de abril de 2017. RODRIGO ADRIANY DAVID Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 223

Gaspar Prefeitura DECRETO Nº 7.436, DE 13 DE ABRIL DE 2017

DECRETO Nº 7.436, DE 13 DE ABRIL DE 2017. NOMEIA SERVIDORES PARA EXERCER CARGOS EM COMISSÃO NO PODER EXECUTIVO DO MUNICÍPIO DE GASPAR.

IV. LUIZ RICARDO SCHMITT, inscrito no CPF sob o nº 089.917.62913, para o exercício do cargo em comissão de Diretor Geral Administrativo da Secretaria Municipal de Saúde, ref. 64.

KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhes são conferidas pelo artigo 72, inciso XXV da Lei Orgânica do Município,

Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos para 12 de abril de 2017.

DECRETA: Art. 1º Ficam nomeados, a partir de 11 de abril de 2017, os servidores abaixo especificados, para o exercício de cargos em comissão no Poder Executivo do Município de Gaspar: I. FERNANDA MATSUKURA LINDEMEYER, inscrita no CPF sob o nº 050.186.839-96, para o exercício do cargo em comissão de Assessora Administrativa do Gabinete do Prefeito, ref. 64; II. RAQUEL MARSHALL GADEA, inscrita no CPF sob o nº 417.280.680-53, para o exercício do cargo em comissão de Assessora Administrativa do Gabinete do Prefeito, ref. 64; III. CARLOS ANTONIO SCHMITZ, inscrito no CPF sob o nº 576.109.329-49, para o exercício do cargo em comissão de Coordenador Geral de Manutenção da Secretaria Municipal de Saúde, ref. 50. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos para 11 de abril de 2017. Gaspar, 13 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-DALL Prefeito Municipal de Gaspar

DECRETO Nº 7.437, DE 13 DE ABRIL DE 2017

DECRETO Nº 7.437, DE 13 DE ABRIL DE 2017. NOMEIA SERVIDORES PARA EXERCER CARGOS EM COMISSÃO NO PODER EXECUTIVO DO MUNICÍPIO DE GASPAR. KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhes são conferidas pelo artigo 72, inciso XXV da Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º Ficam nomeados, a partir de 12 de abril de 2017, os servidores abaixo especificados, para o exercício de cargos em comissão no Poder Executivo do Município de Gaspar: I. WELINTON GRAFFUNDER LINS, inscrito no CPF sob o nº 103.456.579-69, para o exercício do cargo em comissão de Assessor para Assuntos da Juventude da Fundação Municipal de Esportes, Turismo, Cultura e Lazer, ref. 33; II. MARCELO LUIS COLLA, inscrito no CPF sob o nº 939.560.45904, para o exercício do cargo em comissão de Assessor Administrativo da Procuradoria Geral do Município, ref. 64; III. SIMONE JOSIANE PEREIRA ALVES DE ANDRADE, inscrita no CPF sob o nº 798.796.919-20, para o exercício do cargo em comissão de Coordenadora de Serviços da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos, ref. 33; ASSINADO DIGITALMENTE

Gaspar, 13 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-DALL Prefeito Municipal de Gaspar

DECRETO Nº 7.439, DE 17 DE ABRIL DE 2017 DECRETO Nº 7.439, DE 17 DE ABRIL DE 2017. EXONERA A SERVIDORA HELEN GERMANN PATRICIO.

KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições que lhe confere o art. 72 da Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º Fica exonerada, a pedido, a servidora HELEN GERMANN PATRICIO, inscrita no CPF sob o nº 066.582.959-05, do cargo efetivo de Assistente Administrativo, lotada com 40 horas semanais na Secretaria Municipal de Administração e Gestão, ao qual foi nomeada pelo Decreto nº 6.675, de 11 de janeiro de 2016, a partir 07 de abril de 2017. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos para 07 de abril de 2017. Gaspar, 17 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-DALL Prefeito Municipal de Gaspar

DECRETO Nº 7.443, DE 18 DE ABRIL DE 2017

DECRETO Nº 7.443, DE 18 DE ABRIL DE 2017. NOMEIA MEMBROS PARA COMPOR A COMISSÃO ORGANIZADORA DA CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA MULHER. KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais que lhe confere o art. 72 da Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º Fica nomeada, a Comissão Organizadora da 1ª Conferência Municipal de Saúde da Mulher, conforme deliberação do Conselho Municipal de Saúde, composta pelos seguintes membros: NOME REPRESENTAÇÃO Jocenira das Graças Oliveira Representante de Entidade Religiosa: Waltrick Conferência Vicentina Representante de Entidades de portadores Katia Uller de patologias e deficiências: APAE Dalva Terezinha F. da Silva Servidora da Secretaria Municipal de Saúde Ana Cláudia Maba Servidora da Secretaria Municipal de Saúde Profissional de Referência: Franciele Wernke atenção à Saúde da Mulher Jaqueline Nehring Gestão da Secretaria Municipal de Saúde

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Art. 2º A coordenação dos trabalhos desta comissão será exercida por Jaqueline Nehring, de acordo com escolha de seus pares. Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Gaspar, 18 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-dALL Prefeito Municipal de Gaspar

DECRETO Nº 7.444, DE 19 DE ABRIL DE 2017 DECRETO Nº 7.444, DE 19 DE ABRIL DE 2017.

DESIGNA SERVIDORA PARA O EXERCÍCIO DE FUNÇÃO DE CONFIANÇA. KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhes são conferidas pelo artigo 72, inciso IV da Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º Fica designada nos termos do artigo 28 e seguintes da Lei Complementar nº 69, de 22 de dezembro de 2015, a servidora efetiva JUSSARA DA COSTA MIRANDA, inscrita no CPF sob o nº 041.875.669-45, para exercício de função de confiança de Nível II – Encarregada - Geral de Contratos, da Secretaria Municipal de Administração e Gestão. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos para 03 de abril de 2017. Gaspar, 19 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-DALL Prefeito Municipal de Gaspar

DECRETO Nº 7.445, DE 19 DE ABRIL DE 2017

DECRETO Nº 7.445, DE 19 DE ABRIL DE 2017. NOMEIA ANDREA LIDIA SCHRAMM PARA EXERCER CARGO EM COMISSÃO DE COORDENADORA DE SERVIÇOS. KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhes são conferidas pelo artigo 72, inciso XXV da Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º Fica nomeada, a partir de 18 de abril de 2017, a servidora ANDREA LIDIA SCHRAMM, inscrita no CPF sob o nº 629.514.40987, para o exercício de cargo em comissão de Coordenadora de Serviços da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos, ref. 33, com 40 horas semanais, nos termos da Lei Complementar Municipal nº 69, de 22 de dezembro de 2015. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos para 18 de abril de 2017. . Gaspar, 19 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-DALL Prefeito Municipal de Gaspar

DECRETO Nº 7.446, DE 20 DE ABRIL DE 2017

DECRETO Nº 7.446, DE 20 DE ABRIL DE 2017. NOMEIA GUSTAVO LINDNER FOPPA PARA EXERCER CARGO EM COMISSÃO DE DIRETOR DE CADASTRO TÉCNICO.

Página 224

pelo artigo 72, inciso XXV da Lei Orgânica do Município, DECRETA: Art. 1º Fica nomeado, a partir de 17 de abril de 2017, o servidor efetivo GUSTAVO LINDNER FOPPA, inscrito no CPF sob o nº 076.170.149-45, para o exercício de cargo em comissão de Diretor de Cadastro Técnico da Secretaria Municipal de Planejamento, Meio Ambiente e Defesa Civil, ref. 55, com 40 horas semanais, nos termos da Lei Complementar Municipal nº 69, de 22 de dezembro de 2015. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos para 17 de abril de 2017. Gaspar, 20 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-DALL Prefeito Municipal de Gaspar

ERRATA AO DECRETO Nº 7.386, DE 03 DE MARÇO DE 2017 ERRATA AO DECRETO Nº 7.386, DE 03 DE MARÇO DE 2017.

KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso das suas atribuições, RETIFICA a publicação do Decreto nº 7.386, de 03 de março de 2017, veiculado no Diário Oficial dos Municípios – DOM/SC, Edição 2213, de 17 de março de 2017, nos seguintes termos: Onde se lê, nos incisos I e II do artigo 3º: “Lei nº 1.515, de 06 de setembro de 1989” Leia-se: “Lei nº 1.515, de 27 de outubro de 1994” Gaspar, 20 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-DALL Prefeito Municipal de Gaspar

PORTARIA RH 23/2017 MUNICÍPIO DE GASPAR PORTARIA RH 23/2017

KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 112, da Lei 1305/91, de 09 de outubro de 1991, RESOLVE: Art. 1º Conceder Licença Prêmio Integral de 03 (três) meses, o(a) servidor(a ) VALERIA DA ROSA CASTANHO ROHR, ocupante do cargo efetivo de Supervisora Escolar, lotada na Secretaria Municipal de Educação, referente ao período aquisitivo de 01/02/2010 a 09/03/2015, devendo folgar a partir de 02/05/2017 a 30/07/2017. Art. 2º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. Gaspar, 19 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-DALL Prefeito do Município de Gaspar Rua Coronel Aristiliano Ramos, n. 435 Centro, CEP. 89110-000 -Fone/Fax (0**47) 3331-1825-Gaspar /SC CNPJ: 83.102.244/0001-02 www.gaspar.sc.gov.br

KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhes são conferidas

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 225

PORTARIA RH 24/2017 MUNICÍPIO DE GASPAR PORTARIA RH 24/2017 KLEBER EDSON WAN-DALL, Prefeito Municipal de Gaspar, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e de acordo com o artigo 112, da Lei 1305/91, de 09 de outubro de 1991, RESOLVE: Art. 1º Conceder Licença Prêmio Integral de 03 (três) meses, o(a) servidor(a ) JULIANA PITZ ZUCHI, ocupante do cargo efetivo de Professora, lotada na Secretaria Municipal de Educação, referente ao período aquisitivo de 03/02/2008 a 10/03/2013, devendo folgar a partir de 24/04/2017 a 22/07/2017. Art. 2º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. Gaspar, 20 de abril de 2017. KLEBER EDSON WAN-DALL Prefeito do Município de Gaspar Rua Coronel Aristiliano Ramos, n. 435 Centro, CEP. 89110-000 -Fone/Fax (0**47) 3331-1825-Gaspar /SC CNPJ: 83.102.244/0001-02 www.gaspar.sc.gov.br

RESOLUÇÃO CMDCA 008/2017 RESOLUÇÃO CMDCA Nº 008/2017

Determina as Diretrizes do Processo de Apresentação de Propostas de Projetos, termos e critérios de análise e dá outras providências. O CMDCA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, em plenária realizada 24 de março de 2017 e no uso de suas atribuições legais, Considerando os princípios consagrados no artigo 37 da Constituição Federal, em especial, o princípio da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência; Considerando o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei Federal 8.090/90), a Resolução 137/2010 do CONANDA, o Decreto Municipal nº 900/2005, a IN-TC 14/2012 do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina e a Lei Federal 13.019/2014; Considerando a importância da execução de projetos voltados apromoção, proteção, defesa e de atendimento dos direitos das crianças e dos adolescentes na cidade de Gaspar; Considerando o dever de prestar contas, de quem manuseia recursos públicos, expresso no artigo 70 da Constituição Federal; RESOLVE: Art. 1º - A presente Resolução tem por objetivo a regulamentação de inscrição de projetos que visam o fortalecimento comunitário, implantação e implementação de redes locais voltadas para o desenvolvimento de crianças e adolescentes e suas famílias no âmbito dos recursos do FIA – Fundo da Infância e Adolescência de Gaspar. Art. 2º - Os recursos públicos destinados ao desenvolvimento dos projetos voltados à área da infância e adolescência, que trata esta resolução, por intermédio de entidades governamentais e não-governamentais, no âmbito do Município de Gaspar/SC, deverão ser alocados pelo Fundo da Infância e Adolescência de Gaspar - FIA. Art. 3º - É vedada a destinação de recursos do Fundo da Infância e Adolescência - FIA de Gaspar para: I - a transferência sem a deliberação do respectivo Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente; II - pagamento, manutenção e funcionamento do Conselho Tutelar; III - manutenção e funcionamento dos Conselhos dos Direitos da Criança e do Adolescente; IV - o financiamento das políticas públicas sociais básicas, em caráter continuado, e que disponham de fundo específico, nos termos definidos pela legislação pertinente; V - investimentos em aquisição, construção, reforma, manutenção e/ou aluguel de imóveis públicos e/ou privados, ainda que de uso exclusivo da política da infância e da adolescência. VI - Oriundos de emendas parlamentares ou outras fontes, sem observância ao rito legal da presente resolução. VII - despesas que não se identifiquem diretamente com a realização de seus objetivos ou serviços determinados pela lei que o instituiu, exceto em situações emergenciais ou de calamidade pública previstas em lei. Art. 4º - Os projetos deverão contemplar as disposições da presente Resolução, devendo conter as informações e documentos indicados no Anexo I, II e III. Parágrafo Único: O Plano de Trabalho, mencionado no anexo I (item XII), deve conter as informações do Anexo V, e seguir o roteiro do anexo IV. ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 226

Art. 5º - Poderão apresentar projetos as entidades não-governamentais e governamentais que possuam registro/inscrição no CMDCA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Gaspar/SC. Art. 6º – O projeto poderá ser encaminhado pelas entidades não-governamentais e governamentais conforme publicação de Edital de Chamada Pública anual, desde que as ações do projeto sejam relativas a fomentar e efetivar as garantias fundamentais à Criança e Adolescente no Município de Gaspar, através: I) do Direito à Vida e à Saúde; II) do Direito à Liberdade, ao Respeito e à Dignidade; III) do Direito à Convivência Familiar e Comunitária; IV) do Direito à Educação, à Cultura, ao Esporte e ao Lazer; V) do Direito à Profissionalização e à Proteção no Trabalho. Art. 7º–Todos os recursos da parceria deverão ser utilizados para satisfação de seu objeto, sendo admitidas, dentre outras despesas previstas e aprovadas no plano de trabalho (art. 46 da Lei nº 13.019, de 2014): I) remuneração da equipe encarregada da execução do plano de trabalho, inclusive de pessoal próprio da OSC, durante a vigência da parceria, compreendendo as despesas com pagamentos de impostos, contribuições sociais, Fundo de Garantia do Tempo de Serviço - FGTS, férias, décimo terceiro salário, salários proporcionais, verbas rescisórias e demais encargos sociais e trabalhistas; II) diárias referentes a deslocamento, hospedagem e alimentação nos casos em que a execução do objeto da parceria assim o exija; III) custos indiretos necessários à execução do objeto sejam qual for a proporção em relação ao valor total da parceria (aluguel, telefone, assessoria jurídica, contador, água, energia, dentre outros); e IV) aquisição de equipamentos e materiais permanentes essenciais à consecução do objeto e serviços de adequação de espaço físico, desde que necessários à instalação dos referidos equipamentos e materiais. Art. 8º - O projeto deverá ser protocolado na Sala de Assessoria aos Conselhos, junto à Secretaria Municipal de Assistência Social, sito a Avenida das Comunidades, 133, Centro, em Gaspar/SC, de segunda-feira à sexta-feira das 8:00h às 12:00h e das 13:00h às 17:00h, não sendo aceitos documentos enviados por meio de correspondência. Para qualquer esclarecimento, poderá ser realizado contato pelos telefones (47) 3397-0068, 3397-0047 e 3332-1094 ou através do correio eletrônico: [email protected] Art. 9º - Para análise dos projetos, será constituída uma Comissão Especial de Análise de Projetos, composta por um membro do CMDCA e técnicos da área de Contabilidade e Direito, estes nomeados através de Decreto, devendo a Comissão apresentar parecer, sendo este submetido à aprovação em plenária do CMDCA. Art. 10 – Protocolado o projeto, a Comissão Especial de Análise dos Projetos deverá apresentar parecer final, conforme artigo 12 desta Resolução, no prazo estipulado em Edital Público, à plenária do CMDCA para deliberações. Parágrafo Único - Caberá à Comissão Especial solicitar informações ou documentos faltantes às entidades, no prazo estipulado em Edital Público, sob pena de reprovação do projeto em caso de não serem prestadas as informações solicitadas. Art. 11 - A Comissão deverá apreciar as propostas dos projetos das Entidades seguindo os critérios: I) Informações sobre ações a serem executadas, metas a serem atingidas, indicadores que aferirão o cumprimento das metas e prazos para a execução das ações e para o cumprimento das metas; II) Adequação da proposta aos objetivos da política, do plano, do programa ou da ação em que se insere a parceria;

III) Descrição da realidade objeto da parceria e do nexo entre essa realidade e a atividade ou projeto proposto; IV) Capacidade técnico-operacional da instituição proponente, por meio de experiência comprovada no portfólio de realizações na gestão de atividades ou projetos relacionados ao objeto da parceria ou de natureza semelhante. Art. 12 – Após ponderar os critérios do artigo 11 desta Resolução, a Comissão Especial, encaminhará as propostas para deliberação do CMDCA, junto com parecer, que poderá ser fundamentada nos incisos abaixo: I - a conveniência da concessão do recurso, nos termos do art. 16 da Lei Federal nº. 4.320/64; II - a compatibilidade entre os objetivos e/ou finalidades estatutárias da entidade beneficiária com o objeto do repasse; III - viabilidade do projeto, capacidade técnica e operacional do proponente para executar o objeto; IV - cumprimento dos objetivos – adequação ao tema; qualidade técnica do projeto, metodologia aplicada, clareza, pertinência e exequibilidade do projeto, atividades e resultados esperados e quantidade de atendimentos; V - a compatibilidade entre os quantitativos de materiais e serviços a serem adquiridos e o objeto proposto; VI - a compatibilidade entre os valores solicitados, o plano de trabalho e os preços de mercado; VII - sustentabilidade do projeto, ou seja, a continuidade após convênio; VIII - impacto social da iniciativa (benefícios gerados com a implantação do projeto, a contribuição para o fortalecimento da Política Municipal dos Direitos da Criança e do adolescente e benefícios sociais gerados para o público diretamente ou indiretamente envolvido, e a participação da comunidade); IX - mérito do projeto diante da realidade local; X - sua adequação à Resolução 137/2010 do CONANDA e/ou outra que a venha complementar e/ou substituir o interesse público do objeto ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 227

e os benefícios sociais a serem obtidos; Art. 13 - Para cada projeto aprovado, será constituído processo específico de concessão de recursos, ao qual serão apensadas as respectivas prestações de contas. Art. 14 - Os projetos serão deliberados de acordo com os critérios previstos nesta resolução e edital público, financiados até o limite de recursos financeiros disponibilizados no referido edital de chamada pública. Art. 15 – O resultado das deliberações deverá ser publicado em até dois dias úteis no Diário Oficial dos Municípios – DOM/SC em forma de Resolução do CMDCA. Art. 16 – O CMDCA deverá, no prazo de 10 (dez) dias úteis, formalizar o processo firmando o Termo de Ajuste com as entidades cujos projetos forem aprovados. Art. 17 – O CMDCA deverá, após a assinatura e publicação no Diário Oficial dos Municípios – DOM/SC, do Termo de Ajuste, iniciar o cumprimento do cronograma de desembolso. Art. 18 – A prestação de contas será em no máximo 60(sessenta) dias após o recebimento dos valores, ou em prazo inferior, se estipulado no Termo de Ajuste. Art. 19 - A aplicação dos recursos respeitará a Decreto Municipal nº 900/2005, a Instrução Normativa nº 14/2012 do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina e a Lei Federal nº 13.019/2014 . Art. 20 – A não ocorrência de prestação de contas demandará a suspensão ou rescisão do convênio e devolução dos recursos, corrigidos até a efetiva devolução. Art. 21 - Os documentos que devem corroborar a prestação de contas de recursos financeiros de projetos concedidos pelo CMDCA são os mesmos documentos previstos na Instrução Normativa nº 14/2012 TCE-SC (Anexo I). Art. 22 - Os casos omissos serão dirimidos pelo CMDCA de Gaspar/SC, sempre considerando a Lei Federal, Instruções Normativas do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina e as Legislações Municipais. Art. 23- Revoga-se a Resolução nº 03/2014, de 11 de março de 2014, a Resolução nº 05/2014, de 21 de maio de 2014, Resolução nº 18/2015 e as demais disposições em contrário. Art. 24- Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação. Gaspar/SC, 20 de abril de 2017. Gislaine dos Santos Presidente do CMDCA ANEXO I DOCUMENTOS QUE DEVEM INTEGRAR O PROCESSO DE CONCESSÃO I II III

Solicitação de aprovação do Projeto ao Conselho - CMDCA; Comprovante de inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas; Comprovante de endereço da entidade e do seu representante legal;

IV

Cópia autenticada do RG e do CPF do presidente da entidade ou do ocupante de cargo equivalente;

V

Cópia do estatuto social das entidades não-governamentais e de suas alterações, devidamente registrados no cartório competente;

VI

Cópia autenticada da ata da última assembleia que elegeu o corpo dirigente da entidade não-governamental registrada no cartório competente;

VII VIII IX

Cópia do alvará de funcionamento expedido pela Prefeitura Municipal; Cópia do Alvará de Licença para Localização e Permanência, válido, expedido pelo órgão competente; Cópia do Alvará Sanitário, válido, expedido pelo órgão competente;

X

Cópia do Certificado de Registro junto ao CMDCA da entidade não governamental do município a que pertencer a entidade; e ou inscrição de serviço no CMCDA de Gaspar para os governamentais.

XI

Comprovante de abertura de conta corrente vinculada ao projeto;

XII

Plano de trabalho devidamente preenchido e assinado pelo representante legal da entidade interessada, conforme orientações do Anexo III;

XIII

Certificação de entidade beneficente de Assistência Social, emitida por Conselho de Assistência Social, nos termos da legislação, se for o caso;

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 228

XIV

Certidão Negativa de Débitos – CND ou Certidão Positiva com Efeitos de Negativa – CPD-EN emitido pela Previdência Social;

XV

Certificado de Regularidade do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – CRF;

XVI

Certidão Negativa de Débitos Estaduais, obtida no sítio eletrônico http://www.sef.sc.gov.br, quando o concedente for o Estado;

XVII

Certidão Negativa de débitos municipais;

XVIII

Relatório de atividades desenvolvidas nos últimos doze meses;

XV

Prova de inexistência de débitos inadimplidos perante a Justiça do Trabalho, mediante a apresentação de certidão negativa, nos termos do art. 29, inciso V, da Lei 8.666/93, quando envolver o pagamento de pessoal com os recursos pretendidos.

ANEXO II DECLARAÇÃO SOBRE INSTALAÇÕES E CONDIÇÕES MATERIAIS Declaro, em conformidade com o art. 33, caput, inciso V, alínea “c”, da Lei nº 13.019, de 2014, c/c o art. 26, caput, inciso X, do Decreto nº 8.726, de 2016, que a ............................................................................................. [identificação da organização da sociedade civil – OSC]: dispõe de instalações e outras condições materiais para o desenvolvimento das atividades ou projetos previstos na parceria e o cumprimento das metas estabelecidas. Gaspar, __ de __________ de 2017. ........................................................................................... (Nome e Cargo do Representante Legal da OSC) ANEXO III DECLARAÇÃO DO ART. 27 DO DECRETO Nº 8.726, DE 2016, E RELAÇÃO DOS DIRIGENTES DA ENTIDADE Declaro para os devidos fins, em nome da .............................. [identificação da organização da sociedade civil – OSC], nos termos dos arts. 26, caput, inciso VII, e 27 do Decreto nº 8.726, de 2016, que: Não há no quadro de dirigentes abaixo identificados: (a) membro de Poder ou do Ministério Público ou dirigente de órgão ou entidade da administração pública federal; ou (b) cônjuge, companheiro ou parente em linha reta, colateral ou por afinidade, até o segundo grau, das pessoas mencionadas na alínea “a”. Observação: a presente vedação não se aplica às entidades que, pela sua própria natureza, sejam constituídas pelas autoridades ora referidas (o que deverá ser devidamente informado e justificado pela OSC), sendo vedado que a mesma pessoa figure no instrumento de parceria simultaneamente como dirigente e administrador público (art. 39, §5º, da Lei nº 13.019, de 2014); RELAÇÃO NOMINAL ATUALIZADA DOS DIRIGENTES DA ENTIDADE Nome do dirigente e Cargo que ocupa na OSC Carteira de identidade, órgão expedidor e CPF

Endereço residencial, telefone e e-mail

Não contratará com recursos da parceria, para prestação de serviços, servidor ou empregado público, inclusive aquele que exerça cargo em comissão ou função de confiança, de órgão ou entidade da administração pública federal celebrante, ou seu cônjuge, companheiro ou parente em linha reta, colateral ou por afinidade, até o segundo grau, ressalvadas as hipóteses previstas em lei específica e na lei de diretrizes orçamentárias; Não serão remunerados, a qualquer título, com os recursos repassados: (a) membro de Poder ou do Ministério Público ou dirigente de órgão ou entidade da administração pública federal; (b) servidor ou empregado público, inclusive aquele que exerça cargo em comissão ou função de confiança, de órgão ou entidade da administração pública federal celebrante, ou seu cônjuge, companheiro ou parente em linha reta, colateral ou por afinidade, até o segundo grau, ressalvadas as hipóteses previstas em lei específica e na lei de diretrizes orçamentárias; e (c) pessoas naturais condenadas pela prática de crimes contra a administração pública ou contra o patrimônio público, de crimes eleitorais para os quais a lei comine pena privativa de liberdade, e de crimes de lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores. Gaspar, ............ de ..................................... de 2017. ........................................................................................... (Nome e Cargo do Representante Legal da OSC) ANEXO IV DIRETRIZES PARA A ELABORAÇÃO DA PROPOSTA/PLANO DE TRABALHO I - Descrição da realidade objeto de parceria e o nexo com a atividade ou o projeto proposto: Deve explicitar e fundamentar a pertinência e relevância do projeto como resposta a um problema ou necessidade identificada de maneira

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 229

objetiva e que atinge diretamente as crianças e adolescentes. Nessas informações será importante haver ênfase em aspectos qualitativos e quantitativos que justifiquem a execução do projeto, evitando-se dissertações genéricas sobre o tema. Deve demonstrar de forma ampla e geral o que se pretende alcançar com a implementação do projeto, devendo expressar a transformação almejada ao final da execução do projeto. Deve exprimir uma situação positiva a ser alcançada, buscando solucionar ou contribuir para amenizar o problema identificado existindo relação com as estratégias apresentadas e com a solução do problema a ser enfrentado pelo projeto. Deve apresentar a capacidade técnica, administrativa e operacional da instituição para desenvolver o projeto e, principalmente, a experiência que possui para o trabalho a ser desenvolvido com a implementação do mesmo. II - Ações a serem executadas, as metas a serem atingidas e os indicadores que aferirão o cumprimento das metas; Descrever com clareza as etapas necessárias, quais e como serão desenvolvidas as atividades para atingir os objetivos propostos, incluindo a alocação de recursos humanos necessários para a efetivação da proposta, possibilitando o entendimento da execução do projeto. É importante que as considerações contenham dados e indicadores sobre a temática a ser abrangida pelo projeto e, especialmente, informações que permitam a análise da situação em âmbito municipal, conforme a abrangência das ações a serem executadas. Devem ser concretos e viáveis, devidamente relacionados com as atividades que serão desenvolvidas durante o projeto e com os resultados previstos. Eles devem estar ligados a algo concreto e viável que se busca alcançar no âmbito do projeto, devendo também ter conexão com os resultados e as atividades propostas, ou seja, as atividades apresentadas são importantes para o alcance dos objetivos e assim dos resultados propostos. III - Os prazos para execução das ações e para o cumprimento das metas: Apresentar o prazo de como o projeto será desenvolvido em suas ações/atividades, detalhando como as diferentes etapas serão implementadas, alcançando os resultados previstos. Apresentar de maneira clara como será realizado o monitoramento e avaliação do projeto, indicando: etapas, pessoas responsáveis, periodicidade, instrumentos que serão utilizados. IV - O valor global: Deve indicar valor total para a execução do projeto e a forma de desembolso que pretende, apresentando o valor e a data que necessita do repasse financeiro. Apresentar planilha com as necessidades materiais e de recursos humanos, detalhando custos financeiros (valor unitário e total). ANEXO V (Usar papel timbrado da instituição) MODELO DE PROJETO 1. IDENTIFICAÇÃO (máximo 01 folha) Título da Proposta: Instituição Proponente: CNPJ: Endereço: CEP: Telefone: Fax: Responsável pela Instituição Proponente: Nome: CPF: RG: Endereço: CEP: Telefone: Fax: E-mail: Responsável pelo Projeto: Nome: Endereço: CEP: Telefone: Fax: E-mail: 2. DESCRIÇÃO DA REALIDADE OBJETO DE PARCERIA E O NEXO COM A ATIVIDADE/PROJETO PROPOSTO E COM AS METAS A SEREM ATINGIDAS (máximo 03 folhas) • Fundamentar a pertinência e relevância do projeto como resposta a um problema ou necessidade identificada de maneira objetiva. Deve haver ênfase em aspectos qualitativos e quantitativos, evitando-se dissertações genéricas sobre o tema. • Falar dos indicadores do estado/município: número da população, número de crianças e adolescentes e/ou outros números que contribuam para relacionar a realidade com o objeto da parceria proposta. Realizar um diagnóstico com os indicadores sobre a temática a ser abrangida pelo projeto e, especialmente, dados que permitam a análise da situação em âmbito municipal, regional, estadual ou nacional, conforme a abrangência das ações a serem executadas. • Mencionar o histórico da instituição, os dados do atendimento realizado (quantitativo/perfil do público atendido, número de equipamentos etc.), convênios ou parcerias em andamento sobre o tema, histórico de projetos já implementados e seus resultados, equipe disponível para execução da parceria proposta, entre outras informações que julgar relevantes para descrever a realidade e o nexo com o projeto proposto. • Explicitar, de maneira sucinta, a ligação do projeto com os programas e ações governamentais e/ou propostas de ações previstas nos seguintes instrumentos: PPA 2016-2019, Plano Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes, Programa Nacional de Direitos Humanos – PNDH III, ou planos setoriais relevantes. Vincular a proposta ao anexo “Diretrizes para Elaboração da Proposta”. Expor os resultados esperados ao fim do projeto, bem como as metas e explicar como o cumprimento das metas pode transformar a realidade descrita nos parágrafos anteriores. 3. OBJETO DA PROPOSTA (OBJETIVO) (máximo 01 folha) O objetivo deve responder as perguntas: O que fazer? Para quem? Onde? Para que fazer? Exemplo: ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 230

“Promover a qualificação profissional para jovens no município do Rio de Janeiro, contribuindo para a inclusão no mercado de trabalho e a melhoria da renda e emprego.” Segundo o objetivo formulado, foi respondido: O que fazer: promover a qualificação profissional. Para quem: para jovens. Onde: no município do Rio de Janeiro. Para que fazer: contribuir para a inclusão no mercado de trabalho e melhoria da renda e emprego. 4. AÇÕES/METAS/INDICADORES (máximo 01 folha) Indicar e quantificar as ações, metas e indicadores que aferirão o cumprimento das metas. Ações

Metas

Indicadores

Metas: As metas devem dar noção da abrangência da ação a ser realizada. Expressam a medida do alcance do Objetivo, devendo ser de natureza quantitativa e mensurável. Indicadores: Os indicadores são um conjunto de parâmetros que permite acompanhar a evolução do objeto da parceria. Cada indicador permite identificar, mensurar e comunicar, de forma simples, a evolução de determinado aspecto da intervenção proposta. Devem dialogar com as metas, ações e objeto. Deve ser passível de apuração periódica, de tal forma a possibilitar a avaliação da intervenção feita. Deverá ser composto dos seguintes atributos: • Denominação: o nome, forma pela qual o indicador será apresentado; • Unidade de Medida: padrão escolhido para mensuração da relação adotada como indicador (horas de curso, beneficiários atingidos, entre outros); • Data de apuração: período a que se refere à informação; • Índice de Referência (opcional): situação mais recente do Indicador e sua respectiva data de apuração. Consiste na aferição do índice em um dado momento, mensurado com a unidade de medida escolhida; 5. PRAZO DE EXECUÇÃO Detalhar a duração, preferencialmente em unidades como meses, fixando as datas estimadas para o inicio e término das atividades. Indicar cada uma das metas em que se divide uma ação e o prazo previsto para implementação de cada meta, em que se divide uma ação e o prazo previsto para a implementação de cada meta, com suas respectivas datas. Exemplo: Metas Ação 1

Ação 2

Etapas

Período (Mês) 1

2

3

4

5

6

Meta1.1 Meta1.2 Meta1.3 Meta 2.1 Meta 2.2 Meta 2.3

Planejamento

6. VALOR GLOBAL Indica uma estimativa dos recursos disponíveis durante o período do projeto para a consecução do objetivo. ANEXO VI DOCUMENTOS QUE DEVEM ACOMPANHAR A PRESTAÇÃO DE CONTAS DE RECURSOS CONCEDIDOS A PROJETOS

I

Processo de concessão dos recursos;

II

Balancete de prestação de contas, assinado pelo representante legal da entidade beneficiária e pelo tesoureiro;

III IV

V

Parecer do Conselho Fiscal, quanto à correta aplicação dos recursos no objeto e ao atendimento da finalidade pactuada; Borderô discriminando as receitas, no caso de projetos financiados com recursos públicos em que haja cobrança de ingressos, taxa de inscrição ou similar; Originais dos documentos comprobatórios das despesas realizadas (nota fiscal, cupom fiscal, recibo, folhas de pagamento, relatório-resumo de viagem, ordens de tráfego, bilhetes de passagem, guias de recolhimento de encargos sociais e de tributos, faturas, duplicatas, etc.);

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

VI VII VIII IX X

XI

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 231

Extratos bancários da conta corrente vinculada e da aplicação financeira, com a movimentação completa do período; Ordens bancárias e comprovantes de transferência eletrônica de numerário ou cópia dos cheques utilizados para pagamento das despesas; Guia de recolhimento de saldo não aplicado, se for o caso; Declaração do responsável, nos documentos comprobatórios das despesas, certificando que o material foi recebido e/ou o serviço prestado, e que está conforme as especificações neles consignadas; Cópia do certificado de propriedade, no caso de aquisição ou conserto de veículo automotor; Relatório sobre a execução física e o cumprimento do objeto do repasse ou de sua etapa, com descrição detalhada da execução, acompanhado dos contratos de prestação de serviço, folders, cartazes do evento, exemplar de publicação impressa, CD, DVD, registros fotográficos, matérias jornalísticas e todos os demais elementos necessários à perfeita comprovação da execução.1

1 O relatório deve apresentar de forma detalhada as horas técnicas de todos os profissionais envolvidos, discriminando as quantidades e os custos unitário e total dos serviços quando o objeto do repasse envolver a contratação de serviços, em especial os de assessoria, assistência, consultoria e congêneres; produção, promoção de eventos, seminários, capacitação e congêneres, segurança e vigilância, bem como as justificativas da escolha.

TOMADA DE PREÇOS Nº 02/2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE GASPAR/SC Tomada de preços nº 02/2017 OBJETO: contratação de empresa especializada na Assistência Técnica em Gerenciamento de Projetos para dar suporte na gestão governamental do município de Gaspar – SC. ENTREGA DOS ENVELOPES: até às 09 horas do dia 12/05/2017. ABERTURA: dia 12/05/2017 às 09h30min. Íntegra do Edital no Depto. de Compras, R: São Pedro, 128, Centro, Gaspar/SC, ou site www.gaspar.sc.gov.br Gaspar(SC), 19/04/2017. Pedro Inácio Bornhausen – Chefe de Gabinete

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 232

Governador Celso Ramos Câmara Municipal ATA DA ELEIÇÃO DO 2 SECRETÁRIO

ATA DA DÉCIMA OITAVA SESSÃO DO PRIMEIRO PERÍODO LEGISLATIVO DA DÉCIMA TERCEIRA LEGISLATURA DA CÂMARA MUNICIPAL DE GOVERNADOR CELSO RAMOS. Aos dez dias do mês de abril de dois mil e dezessete, às dezenove horas, reuniu-se a Câmara Municipal de Governador Celso Ramos, sob a presidência do vereador Josué Ocker da Silva, para tratar de assuntos diversos de interesse do município, com a presença dos seguintes vereadores: Josué Ocker da Silva, Paulo Roberto dos Santos, Caroline Batistoti, Aldir Dourival Rosa, Marcos Henrique da Silva, Natanael Pedro de Souza, Benoni Grapp Filho, Cesário Rodrigo Pereira e Mario César dos Passos. Havendo número legal, o senhor presidente declara aberta a presente sessão ordinária e convida o vereador Aldir, para que faça a leitura de um trecho da bíblia. Na sequência o presidente pergunta aos vereadores, quem se candidata a vaga de segundo secretario da mesa diretora, pronunciou-se o vereador Aldir. Em seguida deu-se inicio a votação, fazendo a chamada nominal dos vereadores por ordem alfabética, que assim pronunciaram: vereador Adir votou em Aldir, vereador Benoni votou em Aldir, vereadora Caroline votou em Aldir, vereador Cesário votou em Aldir, vereador Josué votou em Aldir, vereador Marcos votou em Aldir, vereador Mario César votou em Aldir, vereador Natanael votou em Aldir e o vereador Paulo Roberto votou em Aldir. Após todos terem votado, o senhor presidente proclamou o resultado, declarando eleito 2° secretário da mesa diretora para biênio 2017/2018 o vereador Aldir Dourival Rosa. Na continuidade dos trabalhos o presidente solicita à primeira secretária Caroline para fazer a leitura dos expedientes recebidos. Lê a ata da decima sétima sessão ordinária do primeiro período legislativo. Lê o projeto de lei do executivo nº 16/2017, que cria cargos efetivos de medicos-esf, ondontólogo-esf, técnico de enfermagem, auxiliar de gabinete dentário e agente comunitário de saúde e dá outras providências. Lê o projeto de lei do legislativo nº 05/2017 que denomina via publica que menciona e dá outras providências. Finalizado a leitura dos expedientes o presidente coloca a ata da decima sétima sessão ordinária do primeiro período legislativo em discussão usou a palavra os vereadores: Caroline Batistoti e Cesario Rodrigo Pereira, solicitando a retificação e o vereador Mario César solicitando a impugnação da ata da décima sétima sessão ordinária devido ao fato das presidências das comissões estão sem presidentes fixos portanto são presidentes interinos, após o presidente coloca a impugnação apresentada pelo vereador Mario César, em votação sendo aprovada pelos vereadores: Benoni Grapp Filho, Marcos Henrique da Silva, Mario César dos Passos, Natanael Pedro de Souza e Cesário Rodrigo Pereira. Na sequencia o presidente passa para os encaminhamentos e encaminha o projeto de lei do executivo nº 016/2017 para a comissão de legislação e justiça. O projeto de lei do legislativo nº 05/2017, o presidente encaminha para a comissão de legislação e justiça. Os projetos de lei do executivo nº 07, 08 e 12/2017, o presidente encaminha para analise na comissão de finanças e orçamentos. Finalizado os encaminhamentos, o presidente passa para o uso da tribuna e convida a vereadora Caroline para o uso da palavra. A vereadora Caroline iniciou falação dando as condolências a família do falecido senhor Ivan morador do bairro do Canto dos Ganchos, comunica que as liminares contra a mesa diretora foram rejeitadas onde a mesma está seguindo o regimento interno e a lei orgânica na integra, questiona o fato da lei da transparência onde teve pedidos de informações negados, também sobre o resultado da liminar onde os vereadores entraram com ação na justiça para anular o eleição das comissões e sobre o ressarcimento do corte salarial do mês de fevereiro que foram rejeitados. ASSINADO DIGITALMENTE

Questiona o projeto de lei n° 15/2017 que o executivo encaminhou para modificar e implantar no município a Lei da Taxa de Preservação Ambiental onde mesmo possui uma ação publica por ter uma propriedade em área de preservação permanente e finaliza sua palavra questionando que o secretário de obras que esta conduzindo uma obra próximo da praia em Ganchos de Fora que esta embargada pela FATMA. Na sequência usa a palavra o vereador Mario César. O vereador iniciou sua explanação agradecendo a ordem de serviço na Rua Colibri no bairro da Fazenda da Armação, logo após referindo-se a vereadora sobre a Taxa Preservação ambiental não ter relação com propriedade do prefeito e afirma que em Bombinhas teve causa ganha à implantação da taxa, comunica que se liminar do corte salarial for aprovada será doada a uma instituição de caridade e finalizou sua palavra afirmando estar presente nas sessões, que e o dever do vereador comparecer e analisar e aprovar os projetos de leis. Na continuidade usa a palavra o vereador Josué. O vereador iniciando sua falação comunicou os processos judiciais negados pela justiça solicitando o bloqueio das comissões impedindo o andamento da casa até o julgamento do mérito. A seguir agradeceu aos membros da comissão de legislação e justiça em dar andamento nas tramitações dos projetos. Logo após, esclarecendo sobre o ofício n° 134 do gabinete do prefeito que solicita aprovação de urgência do projeto n° 11/2017, que está parado e afirma estar parado por causa dos vereadores da base do governo que não quiseram se reunir para comissões. Em seguida comunica que a saída ou evasão de sessão sem autorização da presidência acarretara como falta. Questionou o projeto de lei n° 15/2017 da Taxa de Preservação Ambiente, afirma que para ser implantado da taxa tem que ser consultado munícipe através de audiências públicas para haver nenhum tipo de dúvida. Finalizou a sua palavra esclarecendo o pagamento da gratificação paga aos funcionários da câmara no mês de janeiro. Finalizado uso da tribuna o presidente passa para a ordem do dia e comunica que o projeto de lei do legislativo nº 03/2017 que denomina via publica que menciona e dá outras providencias. Recebeu parecer favorável na comissão de legislação e justiça o presidente coloca o projeto em discussão usou a palavra o vereador Mario César, após o presidente coloca o projeto de lei em primeira votação sendo aprovado por todos os vereadores presentes. Na continuidade o projeto de lei do legislativo nº 04/2017 que denomina via publica que menciona e dá outras providencias. Recebeu parecer favorável na comissão de legislação e justiça o presidente coloca o projeto em discussão usou a palavra o vereador Mario César, após o presidente coloca o projeto de lei em primeira votação sendo aprovado por todos os vereadores presentes. Em ato continuo o projeto de lei do executivo nº 11/2017 que autoriza o desmembramento de área doada à prefeitura municipal para fins de construção de obras de interesse coletivo e dá outras providencias. Recebeu parecer favorável na comissão de legislação e justiça o presidente coloca o projeto em discussão, após coloca o projeto de lei em primeira votação sendo aprovado por todos os vereadores presentes. Na sequencia o presidente pergunta aos presidentes das comissões quais projetos de leis se encontram em suas comissões. Em seguida usa a palavra o vereador Aldir presidente da comissão de legislação e justiça comunicando que se encontram os projetos de lei do executivo nº 05, 09, 10, 13, 14 e 15/2017, os projetos de lei do legislativo nº 01 e 02/2017 e o projeto de resolução nº 01/2017em sua comissão. Em ato continuo usa a palavra o vereador Marcos presidente interino da comissão de finanças e orçamentos dizendo que não se encontram nenhum projeto em sua comissão. Na continuidade usa a palavra o vereador Paulo Roberto presidente interino da comissão geral dizendo que não se encontram nenhum projeto em sua comissão. Em ato www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

continuo o presidente comunica que o projeto de lei do executivo nº 06/2017 fica na mesa para propostas de emenda. Finalizada a ordem do dia e não havendo mais nada a tratar, o presidente deu por encerrada a presente sessão, marcando a próxima sessão ordinária para o dia 17 de abril às 19:00 horas. Sala das Sessões, 10 de abril de 2017. JOSUÉ OCKER DA SILVA CAROLINE BATISTOTI PRESIDENTE 1º SECRETÁRIA

CONTRATOS 01/2017

CÂMARA MUNICIPAL DE GOVERNADOR CELSO RAMOS Extrato do Contrato 1/2017 CONTRATANTE: CÂMARA MUNICIPAL DE GOVERNADOR CELSO RAMOS-SC CONTRATADO: OUTSOURCING CENTER – COM. DE COPIADORAS E IMPRESSORAS LTDA Objeto: O presente Contrato tem por objeto a CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA LOCAÇÃO DE MÁQUINAS MULTIFUNCIONAIS MONOCROMÁTICA, INCLUINDO MATERIAL DE CONSUMO, COM ASSISTÊNCIA TÉCNICA E FORNECIMENTO DE PEÇAS, CONFORME ESPECIFICADO NO TERMO DE REFERÊNCIA DO EDITAL PARA ATENDER A DA CÂMARA DE VEREADORES DE GOVERNADOR CELSO RAMOS/SC. PRAZO: 01/05/2017 à 30/04/2018. VALOR: R$ 12.960,00 (Doze mil, novecentos e sessenta reais) DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: Câmara Municipal: 3.3.90.39.12.00.00.00

Página 233

OBJETO: AQUISIÇÃO DE COMBUSTÍVEL, COM FORNECIMENTO CONTÍNUO E FRACIONADO, CONFORME DEMANDA, POR UM PERÍODO DE 08 (oito) MÊSES, PARA SUPRIR AS NECESSIDADES DA FROTA DE VEÍCULOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE GOVERNADOR CELSO RAMOS, DE ACORDO COM AS CONDIÇÕES E ESPECIFICAÇÕES ESTABELECIDAS NO EDITAL E SEUS ANEXOS. DATA DA ENTREGA DOS ENVELOPES: 08/05/2017 até ás 14h00min. DATA DE ABERTURA DA REUNIÃO PÚBLICA: 08/05/2017 ás 15h00min A Comissão de Licitação na modalidade Pregão Presencial, da entidade CAMARA MUNICIPAL DE GOVERNADOR CELSO RAMOS, no exercício das atribuições que lhe confere o Decreto Legislativo nº 003/2017 de 20/03/2017, torna público, para conhecimento dos interessados, que fará realizar no dia 08/05/2017, as 15:00 horas, no endereço, Avenida Bela Vista nº 956, Calheiros, Governador Celso Ramos – SC, sede da Câmara Municipal a reunião de recebimento e abertura das documentações e propostas, conforme especificado no Edital de Licitação Nº 003/2017-PR na modalidade PREGÃO PRESENCIAL. Informamos que a integra do Edital seja solicitada pelo endereço eletrônico supra citado, [email protected] Governador Celso Ramos, 20 de Abril de 2017.

Governador Celso Ramos, 19 de Abril de 2017 JOSUÉ OCKER DA SILVA Presidente da Camara

CONTRATOS 02/2017

CÂMARA MUNICIPAL DE GOVERNADOR CELSO RAMOS Extrato do Contrato 2/2017 CONTRATANTE: CÂMARA MUNICIPAL DE GOVERNADOR CELSO RAMOS-SC CONTRATADO: A4 DIGITAL PRINT LTDA – EPP Objeto: O presente Contrato tem por objeto a CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA LOCAÇÃO DE MÁQUINAS MULTIFUNCIONAIS COLORIDA, INCLUINDO MATERIAL DE CONSUMO, COM ASSISTÊNCIA TÉCNICA E FORNECIMENTO DE PEÇAS, CONFORME ESPECIFICADO NO TERMO DE REFERÊNCIA DO EDITAL PARA ATENDER A DA CÂMARA DE VEREADORES DE GOVERNADOR CELSO RAMOS/SC. PRAZO: 01/05/2017 à 30/04/2018. VALOR: R$ 7.860,00 (Sete mil, oitocentos e sessenta reais) DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: Câmara Municipal: 3.3.90.39.12.00.00.00 Governador Celso Ramos, 19 de Abril de 2017 JOSUÉ OCKER DA SILVA Presidente da Camara

PREGÃO PRESENCIAL 03/2017 AVISO DE LICITAÇÃO

CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE GOVERNADOR CELSO RAMOS, COMUNICA AOS INTERESSADOS QUE REALIZARÁ A LICITAÇÃO NA FORMA ABAIXO: PREGÃO PRESÊNCIAL 03/2017

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 234

Grão Pará Prefeitura DECRETO Nº 19/2017

DECRETO Nº 19, de 20 de abril de 2017. “DETERMINA O CANCELAMENTO DE ALVARÁ DE LICENÇA E FUNCIONAMENTO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”. MARCIO BORBA BLASIUS, Prefeito do Município de Grão-Pará, no uso de suas atribuições legais e nos termos da Lei Orgânica Municipal; e CONSIDERANDO a concessão de Alvará de Licença para Funcionamento em favor da Ademilton Pereira de Assunção Me, CNPJ nº 24.007.026/0001-20, para realização de Feira do Artesanato, Vestuário e Variedades, no período de 21 a 24 de abril de 2017, no Centro Comunitário Nossa Senhora da Glória, Rio Pequeno, Grão-Pará – SC; CONSIDERANDO que o Alvará de Licença para Funcionamento do Centro Comunitário Nossa Senhora da Glória, CNPJ nº 78.829.074/000122, Rio Pequeno, Grão-Pará, tem como objeto “Festas da Comunidade”, e que o evento acima mencionado trata-se de feira e comércio de artigos em geral; DECRETA: Art. 1º Determino o cancelamento do Alvará de Licença para Funcionamento em favor da Ademilton Pereira de Assunção Me, CNPJ nº 24.007.026/0001-20, para realização de Feira do Artesanato, Vestuário e Variedades, no período de 21 a 24 de abril de 2017, no Centro Comunitário Nossa Senhora da Glória, Rio Pequeno, Grão-Pará – SC. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data da sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Gabinete do Prefeito Municipal de Grão-Pará, 20 de abril de 2017. MARCIO BORBA BLASIUS Prefeito Municipal Registrado e publicado nesta Secretaria em 20 de abril de 2017. DIONE HEINZEN Secretário Municipal da Administração e Fazenda

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 235

Guaraciaba Prefeitura EXTRATO CONTRATOS FMS Nº 23 E 24.2017.DOCX

ESTADO DE SANTA CATARINA FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE GUARACIABA SC EXTRATO CONTRATUAL ----------------------------------------------------------------------------Contrato Nº..: 24/2017 Contratante..: FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE GUARACIABA SC Contratada...: ASSOCIACAO BENEFICIENTE HOSPITAL SAO LUCAS Valor ............ : 220.000,00 (duzentos e vinte mil e reais) Vigência ....... : Início: 20/04/2017 Término: 31/12/2017 Licitação ...... : Inexigibilidade de Licitação Nº.: 10/2016 Recursos ..... : Dotação: Objeto .......... : AQUISIÇÃO DE EXAMES DE DIAGNÓSTICO EM LABORATÓRIO CLINICO - GERAIS E ESPECIALIZADOS DESTINADOS AOS PACIENTES DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE GUARACIABA PARA O ANO DE 2017. OS VALORES DOS EXAMES SERÃO TABELA SUS- ATRAVÉS DE PROCESSO LICITATÓRIO MODALIDADE CREDENCIAMENTO. ----------------------------------------------------------------------------Contrato Nº..: 23/2017 Contratante..: FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE GUARACIABA SC Contratada...: ECOCLINICA DR. ANTONIO PAIM DE OLIVEIRA EIRELI - M Valor ............ : 41.600,00 (quarenta e um mil e seiscentos reais) Vigência ....... : Início: 20/04/2017 Término: 31/12/2017 Licitação ...... : Inexigibilidade de Licitação Nº.: 12/2016 Recursos ..... : Dotação: Objeto .......... : CREDENCIAMENTO PARA REALIZAÇÃO DE EXAMES DE ULTRASSONOGRAFIA DE MAMAS, ULT, OBSTÉTRICA, ULT. DE ABDOMEN TOTAL E ULT. ARTICULAR, DESTINADOS AOS PACIENTES DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SÁUDE DE GUARACIABA, CONFORME PRESCRIÇÃO MÉDICA E AUTORIZAÇÃO EMITIDA PELA SECRETARIA PARA O ANO DE 2017. O VALOR DOS EXAMES DE ULTRASSONOGRAFIA DE MAMAS, OBSTÉTRICO, ABDOMEN TOTAL E DE ARTICULAÇÃO SÃO CONFORME TABELA SUS E ULTRASSONOGRAFIA OBSTÉTRICA MORFOLÓGICA SEGUE CONFORME COTAÇÃO. -----------------------------------------------------------------------------

HOMOLOGAÇÃO PROCESSO SEQUENCIA 3.DOCX

FMS



40.2016

INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO Nº 10/2016 PROCESSO Nº 40/2016 HOMOLOGAÇÃO: 20/04/2017 Sequencia 3 CONTRATANTE: FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE GUARACIABA SC OBJETO: AQUISIÇÃO DE EXAMES DE DIAGNÓSTICO EM LABORATÓRIO CLINICO - GERAIS E ESPECIALIZADOS DESTINADOS AOS PACIENTES DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE GUARACIABA PARA O ANO DE 2017. OS VALORES DOS EXAMES SERÃO TABELA SUS- ATRAVÉS DE PROCESSO LICITATÓRIO MODALIDADE CREDENCIAMENTO. ------------------------CONTRATADO: ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE HOSPITAL SÃO LUCAS VALOR DA DESPESA: VALOR MÁXIMO R$ 220.000,00 (duzentos e vinte mil reais) FUNDAMENTO: Art. 25,CAPUT da Lei de Licitações. ======================================== ================= ASSINADO DIGITALMENTE

HOMOLOGAÇÃO PROCESSO SEQUENCIA 2.DOCX

FMS



43.2016

INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO Nº 12/2016 PROCESSO Nº 43/2016 HOMOLOGAÇÃO: 20/04/2017 Sequencia 2 CONTRATANTE: FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE GUARACIABA SC OBJETO: CREDENCIAMENTO PARA REALIZAÇÃO DE EXAMES DE ULTRASSONOGRAFIA DE MAMAS, ULT. OBSTÉTRICA MORFOLÓGICA, ULT, OBSTÉTRICA, ULT. DE ABDOMEN TOTAL E ULT. ARTICULAR, DESTINADOS AOS PACIENTES DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SÁUDE DE GUARACIABA, CONFORME PRESCRIÇÃO MÉDICA E AUTORIZAÇÃO EMITIDA PELA SECRETARIA PARA O ANO DE 2017. O VALOR DOS EXAMES DE ULTRASSONOGRAFIA DE MAMAS, OBSTÉTRICO, ABDOMEN TOTAL E DE ARTICULAÇÃO SÃO CONFORME TABELA SUS E ULTRASSONOGRAFIA OBSTÉTRICA MORFOLÓGICA SEGUE CONFORME COTAÇÃO. ------------------------CONTRATADO: ECOCLINICA DR. ANTONIO PAIM DE OLIVEIRA EIRELI - M VALOR DA DESPESA: R$ 41.600,00 (quarenta e um mil e sesicentos reais) FUNDAMENTO: Art. 25,CAPUT da Lei de Licitações. ======================================== =================

MINUTA EDITAL DE PREGÃO 12.17 AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS FMAS.DOC

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUARACIABA-SC,/FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº12/2017. O Município de Guaraciaba, através do Fundo Municipal de Assistência Social, usando de suas atribuições legais, em conformidade com a Lei Federal 8.666/93, demais alterações vigentes, e Lei Federal 10.520 de 17/07/02 promove Processo Licitatório nº 15/17, Edital de Pregão Presencial Nº 12/17. Objeto: Aquisição de Geladeira. Projetor e Aparelho de Som para uso do FMAS nos serviços de Gestão do Bolsa Família; recebimento de propostas até às 09:00 horas do dia 05/05/17; a abertura do Edital será às 09:00 horas do dia 05/05/17, no Setor de Compras, Contratos e Licitações da Prefeitura Municipal, sita na Rua Ademar de Barros 85, Guaraciaba – SC, maiores informações, pelo telefone: 0xx49-36452000, no Depto de Compras, das 07:30h às 11:30h e das 13:30h às 17:30 e no site www.guaraciaba.sc.gov.br Guaraciaba em 20 de abril de 2017. IDIONE FABBI KROTH, Ordenador do FMAS

MINUTA EDITAL DE PREGÃO 60.17 GUARDA-CORPO CORRIMÃO.DOC

AQUISIÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUARACIABA-SC, EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº60/2017. O Município de Guaraciaba, usando de suas atribuições legais, em conformidade com a Lei Federal 8.666/93, demais alterações vigentes, e Lei Federal 10.520 de 17/07/02 promove Processo Licitatório nº 74/17, Edital de Pregão Presencial Nº 60/17, Objeto: Aquisição de GUARDA-CORPO (CORRIMÃO) a serem instalados em prédios www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 236

públicos municipais; recebimento de propostas até às 10:00 horas do dia 05/05/17; a abertura do Edital será às 10:00 horas do dia 05/05/17, no Setor de Compras, Contratos e Licitações da Prefeitura Municipal, sita na Rua Ademar de Barros 85, Guaraciaba – SC, maiores informações, pelo telefone: 0xx49-36452000, no Depto de Compras, das 07:30h às 11:30h e das 13:30h às 17:30 e no site www.guaraciaba.sc.gov.br Guaraciaba em 20 de abril de 2017. Roque Luiz Meneghini, Prefeito Municipal

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 237

Guaramirim Prefeitura PORTARIA Nº. 274/2017 PORTARIA N°. 274/2017

Aprova Elton Luis Bergmann no Estágio Probatório. Luís Antônio Chiodini, Prefeito de Guaramirim, no uso de suas atribuições, em conformidade com a Lei Orgânica Municipal; RESOLVE: Art. 1°. Efetivar Elton Luis Bergmann, na função de Advogado, vinculado à Procuradoria-Geral do Município, decorrente de aprovação da avaliação do Estágio Probatório, a partir de 05 de maio de 2017. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Guaramirim/SC, 18 de abril de 2017. Luís Antônio Chiodini Prefeito Jair Tomelin Secretário de Administração e Finanças

PORTARIA Nº. 275/2017 PORTARIA N°. 275/2017

Afastar do exercício do cargo o servidor D. S. de F. Luís Antônio Chiodini, Prefeito de Guaramirim, no uso de suas atribuições, em conformidade com a Lei Orgânica Municipal e com o § 1º do art. 54 da Lei Complementar nº. 007/2001; RESOLVE: Art. 1°. Afastar do exercício do cargo o servidor D. S. de F., matrícula 399043, Farmacêutico/Bioquímico, vinculado á Secretaria de Saúde, por 60 (sessenta) dias, sem prejuízo de sua remuneração. Art. 2°. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Guaramirim/SC, 18 de abril de 2017. Luís Antônio Chiodini Prefeito Jair Tomelin Secretário de Administração e Finanças

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

Página 238

Herval d'Oeste Prefeitura ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 011A/2017

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 011-A/2017 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 022/2017 PREGÃO PRESENCIAL Nº 011/2017 VIGÊNCIA: A presente ATA vigorará até 04 de abril de 2018, podendo ser prorrogada, desde que não exceda ao prazo total de 1 (um) ano, nos termos do art. 15, parágrafo 3º, inciso III da lei 8.666/93. Aos quatro dias do mês de abril de dois mil e dezessete, na Secretaria Municipal de Administração e Finanças do Município de Herval d’Oeste, são registrados os preços para o eventual fornecimento de materiais odontológicos para uso nas Unidades de Saúde do Município de Herval d'Oeste pelo período de 12 meses, conforme descrito no relatório anexo, celebrado entre o Município de Herval d’Oeste, através do FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE HERVAL D’OESTE, inscrito no CNPJ 17.799.033/0001-46 neste ato representada pelo senhor Américo Lorini , Prefeito Municipal CPF nº 162.730.799-00 e a empresa ODONTOMEDI PRODUTOS ODONTOLÓGICOS E HOSPITALARES LTDA - EPP, inscrita no CNPJ nº 06.194.440/0001-03 neste ato representada pela senhora Animari Terezinha Guimarães Sócia Administradora, CPF nº 896.860.049-04, em decorrência do PROCESSO LICITATÓRIO Nº 022/2017 , modalidade PREGÃO PRESENCIAL Nº 011/2017, para Sistema de Registro de Preços. As condições para a entrega do objeto, bem como as demais condições estão expressas no Edital do processo licitatório epigrafado, as quais são integralmente ratificadas e aceitas pelas partes, independentemente de sua transcrição. A Gestão e fiscalização da presente ata de registro de preços ficará à cargo da servidora Eugênio Bucco nomeada para este fim, nos termos da IN CCI Nº 001/2015. Este instrumento não obriga o Município a firmar contratações nas quantidades estimadas, podendo ocorrer licitações específicas para a prestação dos serviços, obedecida a legislação pertinente, sendo assegurada ao detentor do registro a preferência de fornecimento, em igualdade de condições, nos termos do art. 15, parágrafo 4º da lei 8.666/93. Valor total desta ata R$ 21.454,10(Vinte e um mil quatrocentos e cinquenta e quatro reais e dez centavos). Herval d’Oeste, 18 de abril de 2017. AMÉRICO LORINI ANIMARI TEREZINHA GUIMARÃES Prefeito Municipal Sócia Administradora CPF: 162.730.799-00 CPF nº 896.860.049-04 Pelo Município Pela Empresa Testemunhas: Rubens Antonio Correia CPF: 687.857.399-87 2723

Vera Lucia da Silva Bilibio CPF: 600.730.049-87

ODONTOMEDI - PRODUTOS ODONTOLOGICOS E HOSPITALARES

Item

Material

Descrição do Material

Marca do Produto

Unidade Qtde Code Medida tada

Preço Unitário

Preço Total

6

36475

ALMOTOLIAS PLÁSTICAS OPACAS PARA ACONDICIONAMENTO DE SORO E ÁLCOOL - VOLUME:125 ML;

J PROLAB

UNI

50

R$ 2,00

R$ 100,00

7

39035

ALTA ROTAÇÃO COM SISTEMA PRESS BUTTON COM ENCAIXE BORDEN UNIVERSAL, SPRAY TRIPLO, VELOCIDADE MÁXIMA DE 380.000 RPM, AUTOTORQUE, PRESSAO DO AR DE 32 LIBRAS2,2 BAR, RUÍDO DE 64 DCB, TORQUE DE 13 NCM, MATERIAL : LATÃO, ALUMÍNIO E PEÇAS EM AÇO INOX. AUTOCLAVEL ATÉ 135 GRAUS.

KAVO

UNI

10

R$ 478,00

R$ 4.780,00

14

969

ANESTÉSICO TÓPICO COM PRINCÍPIO ATIVO DE BENZOCAÍNA A 20% EM GEL, POTES COM 12GR

DFL

CX

20

R$ 5,05

R$ 101,00

23237

ANTISSÉPTICO BUCAL, CONTEÚDO DE 1500ML. COMPOSIÇÃO: TIMOL 0,064%, EUCALIPTO 0,092%, SALICILATO DE METILA 0,060%, MENTOL 0,042% E EXCIPIENTES, SABOR HORTELÃ, COM UMA BOMBA E 100 COPOS DESCARTÁVEIS.

LISTERINE

UND

10

R$ 36,50

R$ 365,00

15

ASSINADO DIGITALMENTE

www.diariomunicipal.sc.gov.br

24/04/2017 (Segunda-feira)

DOM/SC - Edição N° 2238

BROCA DE AÇO CARBONO NÚMERO 2, PARA BAIXA ROTAÇÃO, SEM SINAIS DE OXIDAÇÃO, SEM REBARBAS, COM TRAVA PARA PERFEITA ADAPTAÇÃO ÀS PEÇAS DE CONTRA-ÂNGULO. ESTERILIZÁVEL ATRAVÉS DE CALOR ÚMIDO, SECO OU POR AGENTES QUÍMICOS, SEM SOFRER OXIDAÇÃO. ACONDICIONADA EM MAILLEFER CAIXAS CONFORME CONSTAR DO REGISTRO DO PRODUTO, TRAZENDO EXTERNAMENTE OS DADOS DE IDENTIFICAÇÃO, PROCEDÊNCIA, NÚMERO DE LOTE E NÚMERO DE REGISTRO NO MINISTÉRIO DA SAÚDE. BROCA DE AÇO CARBONO NÚMERO 6, PARA BAIXA ROTAÇÃO, SEM SINAIS DE OXIDAÇÃO, SEM REBARBAS, COM TRAVA PARA PERFEITA ADAPTAÇÃO ÀS PEÇAS DE CONTRA-ÂNGULO. ESTERILIZÁVEL ATRAVÉS DE CALOR ÚMIDO, SECO OU POR AGENTES QUÍMICOS, SEM SOFRER OXIDAÇÃO. ACONDICIONADA EM MAILLEFER CAIXAS CONFORME CONSTAR DO REGISTRO DO PRODUTO, TRAZENDO EXTERNAMENTE OS DADOS DE IDENTIFICAÇÃO, PROCEDÊNCIA, NÚMERO DE LOTE E NÚMERO DE REGISTRO NO MINISTÉRIO DA SAÚDE. BROCA DE AÇO CARBONO NÚMERO 8, PARA BAIXA ROTAÇÃO, SEM SINAIS DE OXIDAÇÃO, SEM REBARBAS, COM TRAVA PARA PERFEITA ADAPTAÇÃO ÀS PEÇAS DE CONTRA-ÂNGULO. ESTERILIZÁVEL ATRAVÉS DE CALOR ÚMIDO, SECO OU POR AGENTES QUÍMICOS, SEM SOFRER OXIDAÇÃO. ACONDICIONADA EM MAILLEFER CAIXAS CONFORME CONSTAR DO REGISTRO DO PRODUTO, TRAZENDO EXTERNAMENTE OS DADOS DE IDENTIFICAÇÃO, PROCEDÊNCIA, NÚMERO DE LOTE E NÚMERO DE REGISTRO NO MINISTÉRIO DA SAÚDE.

24

36481

26

36484

27

36485

35

1035

BROCA DIAMANTADA DE ALTA ROTAÇÃO 3081

51

38108

55 68

Página 239

UNI

200

R$ 2,75

R$ 550,00

UNI

500

R$ 2,75

R$ 1.375,00

UNI

500

R$ 2,75

R$ 1.375,00

UND

20

R$ 2,99

R$ 59,80

CHAVE DE APERTO (PARA INSERÇÃO E REMOÇÃO DAS PONTAS DE ULTRASSOM), AUTOCLAVAVEL, ORIGINAL, COM TORQUIME- SCHUSTER TRO, PARA USO EM ULTRASSOM SONIC LAXIS BP SCHUSTER

UNI

18

R$ 49,75

R$ 895,50

1036

CREME ODONTOLÓGICO PARA TRATAMENTO DE ALVEOLITE 25GR

BIODINAMICA

UND

10

R$ 19,90

R$ 199,00

938

ESCOVAS ROBSON BRANCA RETA, PARA USO EM BAIXA ROTAÇÃO

PREVEN

UND

700

R$ 1,05

R$ 735,00

82

34502

FIBRINA DO PLASMA DE SANGUE BOVINO REABSORVÍVEL PARA HEMOSTASIA LOCAL. FIBRINA PURÍSSIMA, EM FORMA DE CUBOS DE ESPUMA, MATERIAL IDÊNTICO AO QUE APARECE NA TECHNEW COAGULAÇÃO DO SANGUE. VIDROS COM CUBOS DE 1X1X1CM CADA.

UNI

18

R$ 23,85

R$ 4